6º Fórum Universitário Pearson - RJ
     O Ensino Superior na Prática


                  Mesa da SBGC:
 Questões Comporta...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ



• Por que a Gestão do Conhecimento
  Organizacional – KM?
• A Evolução da KM;
• O i...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
     Sociedade do Conhecimento

  Desde os anos 80                    atenção aos inta...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
     Transferência do Conhecimento

                 Externalizar

                   ...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
    Reflexões as organizações atuais :




   O problema é falta ou excesso de informa...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
    Reflexões as organizações atuais :




   Estão, em sua maioria, estruturadas para...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
    Reflexões as organizações atuais :


 Ainda supõem que o conhecimento deve residir...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
    Reflexões as organizações atuais :




  São alicerçadas nos mecanismos de comando...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
    Reflexões as organizações atuais :




 Isso funciona quando o conhecimento é a fo...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
    Reflexões as organizações atuais :



  A universidade é uma organização ?

  A un...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
    Uma breve história da KM

                 Três Gerações de KM
   Antes de Centrad...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
     Snowden define três heurísticas:


  “O Conhecimento é sempre apenas voluntário, ...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
      Uma descontinuidade em KM?

    • Ferramentas Sociais
    • Há agora um novo con...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
     Ferramentas sociais?

    • O que são?
        – São TIC que encontram e conectam...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
        Exemplos:

    •   Weblogs
                                        •Blogger
  ...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ


    • Não se entende Ferramentas Sociais lendo
      sobre elas ou por análise intel...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
      Por que Web 2.0 é dita social?

    • Participativa;
    • Construída em torno d...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
     Exemplos:



 Construir
   conteúdos
   coletivamente:
 http://docs.goo
   gle.co...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
     Exemplos:



 Compartilhar
 slides:
 http://www.slid
   eshare.net/




Pólo-RJ d...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
     Exemplos:



 Criar Blogs:
 http://www.blo
   gger.com/




Pólo-RJ da SBGC      ...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
      E a Enterprise 2.0?
• Leva a Web 2.0 para a
  organização;
• Weblogs e Wikis cor...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
      KM 2.0 ?
• KM já não é vista como uma função
  central das organizações. É agora...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
     KM 2.0 ?
 • As informações críticas para gerar
   conhecimento já não são
   cont...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
   Próxima reunião mensal do Pólo-RJ
   Debate :
   O papel dos contadores de história...
6º Fórum Universitário Pearson - RJ
      Dúvidas ?


    www.kmgoldman.blogspot.com
                                     ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fup 2008 Km Social

1.103 visualizações

Publicada em

Apresentação no VI Fórum Universitário Pearson

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.103
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fup 2008 Km Social

  1. 1. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ O Ensino Superior na Prática Mesa da SBGC: Questões Comportamentais Relacionadas ao Uso das TIC - Recursos tecnológicos que apóiam a aprendizagem KM é Social? Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  2. 2. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ • Por que a Gestão do Conhecimento Organizacional – KM? • A Evolução da KM; • O impacto das ferramentas sociais e da Web 2.0 na KM; Fonte:David Gurteen • Como KM se tornou Social? • O que seria KM 2.0? Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  3. 3. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Sociedade do Conhecimento Desde os anos 80 atenção aos intangíveis O conhecimento passa a ser visto como um novo fator de produção Tem características muito especiais, que lhe possibilitam excelente criação de valor Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  4. 4. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Transferência do Conhecimento Externalizar Conhecimento Informação Conhecimento Internalizar Fonte: Adaptado de TIWANA (2000, p.279) Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  5. 5. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Reflexões as organizações atuais : O problema é falta ou excesso de informação? Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  6. 6. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Reflexões as organizações atuais : Estão, em sua maioria, estruturadas para lidar com o conhecimento como um fator econômico de produção? Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  7. 7. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Reflexões as organizações atuais : Ainda supõem que o conhecimento deve residir somente nas cabeças dos proprietários e de seus gerentes? Gerentes ou líderes do conhecimento? Os empregados já podem levar o cérebro para o trabalho ? Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  8. 8. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Reflexões as organizações atuais : São alicerçadas nos mecanismos de comando e de controle, funcionando como burocracias hierárquicas? Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  9. 9. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Reflexões as organizações atuais : Isso funciona quando o conhecimento é a fonte principal ou um importante ativo na criação de valor ? Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  10. 10. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Reflexões as organizações atuais : A universidade é uma organização ? A universidade ensina a trabalhar em uma organização ? Qual ? A que existe ou na que deveria existir? Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  11. 11. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Uma breve história da KM Três Gerações de KM Antes de Centrado em Tecnomíope 1995 Tecnologia A partir Centrado em Valoriza em excesso de 1995 Pessoas o conteúdo A partir Combina Equilibra de 2002 ênfase em conteúdo/contexto/narra pessoas e tivas tecnologia Gestão=Foco(nesse caso) Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  12. 12. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Snowden define três heurísticas: “O Conhecimento é sempre apenas voluntário, nunca forçado”. “Nós só sabemos o que sabemos, quando precisamos de sabê-lo”. “Nós sempre sabemos mais do que podemos dizer, e sempre dizemos mais do que podemos escrever”. Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  13. 13. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Uma descontinuidade em KM? • Ferramentas Sociais • Há agora um novo contexto comum : Web 2.0, cuja origem não vem da KM Fonte:David Gurteen Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  14. 14. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Ferramentas sociais? • O que são? – São TIC que encontram e conectam pessoas; – Controem comunidades; – Compartilham informações que podem levar ao Conhecimento – Por si só, não criam diferenciação competitiva. • Elas são de fato ferramentas pessoais /sociais de KM! Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  15. 15. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Exemplos: • Weblogs •Blogger • Wikis •Technorati •MediaWiki • Social book marking & tagging •LinkedIn, Facebook • Social Networking Communities •Delicious •Google Reader, Bloglines • Instant Messaging/Presence •Skype •Flickr • RSS Feed Readers •YouTube, Google Video •Twitter • Micro-blogging •Odeo • Podcasts, videocasts •Slideshare •iPod • Mashups •Creative Commons Fonte:David Gurteen Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  16. 16. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ • Não se entende Ferramentas Sociais lendo sobre elas ou por análise intelectual; • Não existe nada que substitua o uso e experimentação delas; • Elas têm propriedades emergentes que não são imediatamente visíveis Fonte:David Gurteen Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  17. 17. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Por que Web 2.0 é dita social? • Participativa; • Construída em torno de ferramentas sociais; • Possibilita a autoria • Evolutiva, emergente; • Não totalmente planejada; • Protocolos abertos; • Baixo custo, acessível Fonte:David Gurteen Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  18. 18. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Exemplos: Construir conteúdos coletivamente: http://docs.goo gle.com/ Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  19. 19. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Exemplos: Compartilhar slides: http://www.slid eshare.net/ Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  20. 20. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Exemplos: Criar Blogs: http://www.blo gger.com/ Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  21. 21. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ E a Enterprise 2.0? • Leva a Web 2.0 para a organização; • Weblogs e Wikis corporativos; • IBM e Microsoft agora no jogo; • E mais… • Negócios 2.0, Gestão 2.0, Liderança 2.0, Educação 2.0 e por que não … Fonte:David Gurteen Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  22. 22. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ KM 2.0 ? • KM já não é vista como uma função central das organizações. É agora parte integrante do trabalho quotidiano de todo mundo. Obs. : KM 2.0 não é um termo ainda consagrado, nem se sabe se vai pegar. Vem sendo usado por Gurteen, mas não há consenso sobre seu uso. Importante é entender o que significa. Fonte:David Gurteen Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  23. 23. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ KM 2.0 ? • As informações críticas para gerar conhecimento já não são controladas centralmente, sua propriedade e controle são distribuídos em rede por toda a organização: contexto+conteúdo+narrativas Fonte:David Gurteen Sem uma efetiva Gestão do Conhecimento da organização a Enterprise 2.0, simplesmente não funcionará. Ver artigo em : http://kmgoldman.blogspot.com/2008/03/enterprise-20-substitui-gesto-do.html Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  24. 24. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Próxima reunião mensal do Pólo-RJ Debate : O papel dos contadores de história na sociedade e sua correspondência com o ambiente organizacional Data : 10/06/2008 Horário: 18:30h Moderador /Motivador: Francisco Gregório Filho Referência : Contador de histórias, Professor do Paço Imperial, ex-Secretário de Cultura do Acre Local: Valer – Departamento de Educação Vale (Avenida Presidente Wilson, 231 / 7º andar – Centro/RJ). Os interessados, solicitamos a gentileza de confirmar a participação através de e-mail( fernandogoldman@yahoo.com.br). Vagas limitadas Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade
  25. 25. 6º Fórum Universitário Pearson - RJ Dúvidas ? www.kmgoldman.blogspot.com http://www.slideshare.net/goldman ? Engº Fernando Goldman Email: fernandogoldman@yahoo.com.br Pólo-RJ da SBGC Centro Empresarial Mourisco Divisão de Apoio e Apresentação de Fernando L. Goldman em 05/06/2008 Controle de Qualidade

×