SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 27
Cícero Cruz Macêdo
(Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde – FMABC)
 O aleitamento materno tem se constituído
uma das medidas mais importantes e
necessária para um melhor desenvolvimento
infantil nos primeiros meses de vida.
 A literatura tem demonstrado através de
inúmeros estudos que esta prática é capaz
de prevenir distúrbios nutricionais e
metabólicos, inclusive em idades mais
avançadas (DAMIÃO,2008; REA et al.,1997).
01/09/2023 2
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Influências no Processo de Aleitamento
Materno
01/09/2023 3
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
DEZ PASSOS – Iniciativa Hospital
Amigo da Criança
(OMS/UNICEF/MS)
Passo 1: Ter uma norma escrita sobre aleitamento
materno que deve ser rotineiramente transmitida a toda
a equipe de saúde.
Passo 2: Treinar toda a equipe de saúde, capacitando-a
para implementar esta norma.
Passo 3: Orientar todas as gestantes sobre as vantagens
e o manejo do aleitamento materno.
Passo 4: Ajudar as mães a iniciar o aleitamento materno
na primeira meia hora após o nascimento do bebê.
Passo 5: Mostrar às mães como amamentar e
como manter a lactação, mesmo se vierem a
ser separadas de seus filhos.
01/09/2023 4
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
DEZ PASSOS – Iniciativa Hospital
Amigo da Criança
Passo 6: Não dar ao recém-nascido nenhum
outro alimento ou bebida além do leite materno, a não
ser que tal procedimento tenha uma indicação médica.
Passo 7: Praticar o alojamento conjunto – permitir que
mãe e bebê permaneçam juntos – 24 horas por dia.
Passo 8: Encorajar o aleitamento materno sob
livre demanda.
Passo 9: Não dar bicos artificiais ou chupetas as crianças
amamentadas ao seio.
Passo 10: Encaminhar as mães, por ocasião da
alta hospitalar, para grupos de apoio ao aleitamento
materno na comunidade ou em serviços de saúde.
01/09/2023 5
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Ações Importantes para um Aleitamento
Materno Bem Sucedido:
1 – Nos Serviços de Saúde
- Capacitar os profissionais nas
habilidades de aconselhamento;
- Incentivar para que os profissionais se
envolvam nas capacitações;
- Encaminhar as mães para os grupos
de apoio na comunidade.
01/09/2023 6
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
2 – Na Comunidade
- Informar sobre a existência de grupos de apoio às
mães na sua comunidade;
- Visitá-los e ver como funcionam e se apoiam na
amamentação;
- Divulgar os grupos dentro de seu ambiente de
trabalho, nas reuniões com gestores e com outras
organizações que possam ajudar na sua
multiplicação.
Ações Importantes para um Aleitamento
Materno Bem Sucedido:
01/09/2023 7
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
3 – Junto aos Gestores e Financiadores
- Procurar oportunidades para conversar com
gestores e financiadores;
- Atrair os financiadores para que invistam
recursos nas capacitações sobre
aconselhamento para profissionais de saúde;
- Explicar como os programas de incentivo ao
AM podem economizar para o sistema de
saúde e, dinamizar o apoio na comunidade,
diminuindo as taxas de adoecimento infantil.
Ações Importantes para um Aleitamento
Materno Bem Sucedido:
01/09/2023 8
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Aleitamento Materno no Sertão
Pernambucano
01/09/2023 9
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
 Desde maio de 2009, o Hospital Municipal
Marcelino da Silva Mudo (HMMSM), em Ipubí –
PE, passou a oferecer como estratégia de
saúde, um programa de aleitamento materno
exclusivo.
 A proposta constou do acompanhamento de
crianças em aleitamento materno exclusivo até
os seis meses de vida, no HMMSM, através de
orientação e apoio de equipe multidisciplinar,
evitando a prática do aleitamento misto ou
artificial.
01/09/2023 10
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Ipubi - Pernambuco
 O estudo se desenvolveu em Ipubi, município do
Sertão Pernambucano que faz parte da
Mesorregião do Araripe.
 Uma região que representa 18,8% do território
estadual e abrange ainda, os municípios de
Araripina, Cedro, Bodocó, Exu, Moreilândia,
Granito, Serrita, Santa Filomena, Ouricuri,
Verdejante, Santa Cruz, Trindade e Parnamirim.
01/09/2023 11
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Localização de Ipubi em
Pernambuco
Fonte: IBGE, 2008.
01/09/2023 12
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Pernambuco
Ipubi
Fonte: IBGE, 2008.
01/09/2023 13
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
IPUBI - PE
01/09/2023 14
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
A Estratégia do Programa
 Acompanhamento de crianças em
aleitamento materno exclusivo até os
seis meses de vida.
 Através de orientação e apoio de equipe
multidisciplinar, evitando-se a prática do
aleitamento misto ou artificial.
01/09/2023 15
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Objetivos
Funcionar como iniciativa de saúde destinada
a realizar assistência continuada através de
equipes multiprofissionais;
 Desenvolver ações de promoção, prevenção
e apoio, realizando diagnóstico precoce,
tratamento e reabilitação, características do
nível primário de atenção;
 Trabalhar no seu território de abrangência - a
área que está sob sua responsabilidade.
01/09/2023 16
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Resultados
01/09/2023
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE 17
Gráfico 1– Número de Consultas em crianças
menores de 6 meses de idade, em Ipubi-PE, 2009 a
2013.
01/09/2023 18
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
0
100
200
300
400
500
600
700
800
900
2009. 2010. 2011. 2012. 2013.
Consultas
2009.
2010.
2011.
2012.
2013.
357
709
795
Fonte: HMMSM
783
835
Fonte: SIAB, 2013
De 2009 a 2012,
houve uma
queda de
45,16% nas
hospitalizações
por pneumonia,
em crianças
menores de 4
anos.
Gráfico 2– Número de hospitalização por
Pneumonia em crianças menores de 4 anos de
idade, em Ipubi-PE, 2008 a 2012.
01/09/2023 19
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Gráfico 3– Número de hospitalização por
desnutrição em crianças menores de 4 anos de
idade, em Ipubi-PE, 2008 a 2012.
Fonte: SIAB, 2013
01/09/2023 20
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Gráfico 4 – Taxa de Mortalidade Infantil por diarréia
em crianças menores de 1 ano de idade, em Ipubi-PE,
2008 a 2012.
Fonte: SIAB, 2013
01/09/2023 21
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Gráfico 5 – Aleitamento exclusivo
Fonte: SIAB, 2011
01/09/2023 22
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Conclusões
 A implantação do Programa trouxe benefícios para as crianças,
mães e para o próprio município, que reduziu os internamentos
em crianças menores de 4 anos, conseqüentemente, reduzindo os
custos municipais com a saúde, nesta dimensão.
 Dito isto, este trabalho reafirma que o estímulo ao aleitamento
materno exclusivo é uma fórmula relativamente econômica e
segura de promoção da saúde, devendo ser incentivada como
prioritária, enquanto política pública.
 Nesse contexto, os dados positivos apresentados no estudo
reforçam a importância da manutenção e criação de programas
desta natureza.
01/09/2023 23
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Em Ipubi é assim...
01/09/2023 24
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Cícero Cruz Macêdo
ciceropediatra@cariri.ufc.br
01/09/2023 25
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Referências
 BOCCOLINI CS, CARVALHO ML, OLIVEIRA MIC, LEAL MC, CARVALHO MS. Fatores que
interferem no tempo entre o nascimento e a primeira mamada. Cad Saúde Pública 2008; 24:2681-
94

 BORGES AL, PHILIPPI ST. Opinião de mulheres de uma unidade de saúde da família sobre a
quantidade de leite materno produzido. Rev Latinoam Enferm 2003; 11:287-92.

 DAMIÃO JJ. Influência da escolaridade e do trabalho maternos no aleitamento materno exclusivo.
Rev Bras Epidemiol 2008; 11:442-52.

 INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA – IBGE. Divisão Territorial do Brasil e
Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE: São Paulo, 2008.

 KUMMER SC, GIUGLIANE ERJ, SUSIN LO, FOLLETTO JL, LERMEN NR, WU VYJ, et al. Evolução
do padrão de aleitamento materno. Rev Saúde Pública 2000; 34:143-8.

 REA MF, VENÂNCIO SI, BATISTA LE, SANTOS RG, GREINER T. Possibilidades e limitações da
amamentação entre mulheres trabalhadoras formais. Rev Saúde Pública 1997; 31:149-56.

 SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE, MINISTÉRIO DA SAÚDE. II Pesquisa de prevalência de
aleitamento materno nas capitais brasileiras e Distrito Federal. Brasília: Ministério da Saúde;
2009.

 VIANNA RPT, REA MF, VENÂNCIO SI, ESCUDER MM. A prática de amamentar entre mulheres que
exercem trabalho remunerado na Paraíba, Brasil: um estudo transversal. Cad Saúde Pública 2007;
23:2403-9.
01/09/2023 26
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
Obrigado!
01/09/2023 27
V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE
DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a CICERO ALEITAMENTO MATERNO NO SERTÃO PERNAMBUCANO CONGRESSO INTERNACIONAO 2013- SUPER ATUAL-corrigido 23 10 2013.ppt

Smam 2014 0PS/OMS: AMAMENTAÇÃO em um mundo globalizado
Smam 2014 0PS/OMS: AMAMENTAÇÃO em um mundo globalizadoSmam 2014 0PS/OMS: AMAMENTAÇÃO em um mundo globalizado
Smam 2014 0PS/OMS: AMAMENTAÇÃO em um mundo globalizadoProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Pesquisa: Fórmulas infantis e chupetas na maternidade - impacto na Amamentaçã...
Pesquisa: Fórmulas infantis e chupetas na maternidade - impacto na Amamentaçã...Pesquisa: Fórmulas infantis e chupetas na maternidade - impacto na Amamentaçã...
Pesquisa: Fórmulas infantis e chupetas na maternidade - impacto na Amamentaçã...Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
2267-L - Aleitamento materno, distribuição de leites e fórmulas infantis em e...
2267-L - Aleitamento materno, distribuição de leites e fórmulas infantis em e...2267-L - Aleitamento materno, distribuição de leites e fórmulas infantis em e...
2267-L - Aleitamento materno, distribuição de leites e fórmulas infantis em e...bibliotecasaude
 
Dificuldades Para O Estabelecimento Da AmamentaçãO O Papel Das PráTicas Assis...
Dificuldades Para O Estabelecimento Da AmamentaçãO O Papel Das PráTicas Assis...Dificuldades Para O Estabelecimento Da AmamentaçãO O Papel Das PráTicas Assis...
Dificuldades Para O Estabelecimento Da AmamentaçãO O Papel Das PráTicas Assis...Biblioteca Virtual
 
APICE On - Aprimoramento e Inovação no Cuidado/Ensino em Obstetrícia e Neonat...
APICE On - Aprimoramento e Inovação no Cuidado/Ensino em Obstetrícia e Neonat...APICE On - Aprimoramento e Inovação no Cuidado/Ensino em Obstetrícia e Neonat...
APICE On - Aprimoramento e Inovação no Cuidado/Ensino em Obstetrícia e Neonat...Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
ProteçãO, PromoçãO E Apoio Ao Aleitamento Materno Em Um Hospital UniversitáRio
ProteçãO, PromoçãO E Apoio Ao Aleitamento Materno Em Um Hospital UniversitáRioProteçãO, PromoçãO E Apoio Ao Aleitamento Materno Em Um Hospital UniversitáRio
ProteçãO, PromoçãO E Apoio Ao Aleitamento Materno Em Um Hospital UniversitáRioBiblioteca Virtual
 
Trab final de aleitamento [salvo automaticamente]
Trab final de aleitamento [salvo automaticamente]Trab final de aleitamento [salvo automaticamente]
Trab final de aleitamento [salvo automaticamente]Waded Schabib Hany
 
TendêNcia Secular Do Aleitamento Materno Em Uma Unidade De AtençãO PrimáRia à...
TendêNcia Secular Do Aleitamento Materno Em Uma Unidade De AtençãO PrimáRia à...TendêNcia Secular Do Aleitamento Materno Em Uma Unidade De AtençãO PrimáRia à...
TendêNcia Secular Do Aleitamento Materno Em Uma Unidade De AtençãO PrimáRia à...Biblioteca Virtual
 
Leite humano: doação salva vidas e tem dia internacional de celebração
Leite humano: doação salva vidas e tem dia internacional de celebraçãoLeite humano: doação salva vidas e tem dia internacional de celebração
Leite humano: doação salva vidas e tem dia internacional de celebraçãoProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Iniciativa hospital amigo da criança
Iniciativa hospital amigo da criançaIniciativa hospital amigo da criança
Iniciativa hospital amigo da criançaCamila Ferreira
 
Aleitamento Materno Exclusivo Em Lactentes Atendidos Na Rede PúBlica Do Munic...
Aleitamento Materno Exclusivo Em Lactentes Atendidos Na Rede PúBlica Do Munic...Aleitamento Materno Exclusivo Em Lactentes Atendidos Na Rede PúBlica Do Munic...
Aleitamento Materno Exclusivo Em Lactentes Atendidos Na Rede PúBlica Do Munic...Biblioteca Virtual
 
pnaiscgeral-190714221230 (2) (1).pptx
pnaiscgeral-190714221230 (2) (1).pptxpnaiscgeral-190714221230 (2) (1).pptx
pnaiscgeral-190714221230 (2) (1).pptxTaisdeJesusSantos
 

Semelhante a CICERO ALEITAMENTO MATERNO NO SERTÃO PERNAMBUCANO CONGRESSO INTERNACIONAO 2013- SUPER ATUAL-corrigido 23 10 2013.ppt (20)

Smam 2014 0PS/OMS: AMAMENTAÇÃO em um mundo globalizado
Smam 2014 0PS/OMS: AMAMENTAÇÃO em um mundo globalizadoSmam 2014 0PS/OMS: AMAMENTAÇÃO em um mundo globalizado
Smam 2014 0PS/OMS: AMAMENTAÇÃO em um mundo globalizado
 
Uma Epidemia de cesáreas na América do Sul
Uma Epidemia de cesáreas na América do Sul Uma Epidemia de cesáreas na América do Sul
Uma Epidemia de cesáreas na América do Sul
 
Pesquisa: Fórmulas infantis e chupetas na maternidade - impacto na Amamentaçã...
Pesquisa: Fórmulas infantis e chupetas na maternidade - impacto na Amamentaçã...Pesquisa: Fórmulas infantis e chupetas na maternidade - impacto na Amamentaçã...
Pesquisa: Fórmulas infantis e chupetas na maternidade - impacto na Amamentaçã...
 
2267-L - Aleitamento materno, distribuição de leites e fórmulas infantis em e...
2267-L - Aleitamento materno, distribuição de leites e fórmulas infantis em e...2267-L - Aleitamento materno, distribuição de leites e fórmulas infantis em e...
2267-L - Aleitamento materno, distribuição de leites e fórmulas infantis em e...
 
Dificuldades Para O Estabelecimento Da AmamentaçãO O Papel Das PráTicas Assis...
Dificuldades Para O Estabelecimento Da AmamentaçãO O Papel Das PráTicas Assis...Dificuldades Para O Estabelecimento Da AmamentaçãO O Papel Das PráTicas Assis...
Dificuldades Para O Estabelecimento Da AmamentaçãO O Papel Das PráTicas Assis...
 
ENAM / ENACS online 2021 - anais
ENAM / ENACS online 2021 - anais ENAM / ENACS online 2021 - anais
ENAM / ENACS online 2021 - anais
 
APICE On - Aprimoramento e Inovação no Cuidado/Ensino em Obstetrícia e Neonat...
APICE On - Aprimoramento e Inovação no Cuidado/Ensino em Obstetrícia e Neonat...APICE On - Aprimoramento e Inovação no Cuidado/Ensino em Obstetrícia e Neonat...
APICE On - Aprimoramento e Inovação no Cuidado/Ensino em Obstetrícia e Neonat...
 
ProteçãO, PromoçãO E Apoio Ao Aleitamento Materno Em Um Hospital UniversitáRio
ProteçãO, PromoçãO E Apoio Ao Aleitamento Materno Em Um Hospital UniversitáRioProteçãO, PromoçãO E Apoio Ao Aleitamento Materno Em Um Hospital UniversitáRio
ProteçãO, PromoçãO E Apoio Ao Aleitamento Materno Em Um Hospital UniversitáRio
 
Boletim 05 agosto (2)
Boletim 05   agosto (2)Boletim 05   agosto (2)
Boletim 05 agosto (2)
 
Amamentação e sustentabilidade
Amamentação e sustentabilidadeAmamentação e sustentabilidade
Amamentação e sustentabilidade
 
Sbp AmamentaçãO Nº9
Sbp AmamentaçãO Nº9Sbp AmamentaçãO Nº9
Sbp AmamentaçãO Nº9
 
Trab final de aleitamento [salvo automaticamente]
Trab final de aleitamento [salvo automaticamente]Trab final de aleitamento [salvo automaticamente]
Trab final de aleitamento [salvo automaticamente]
 
Gravidez parto e nascimento
Gravidez parto e nascimentoGravidez parto e nascimento
Gravidez parto e nascimento
 
PNAISC.pdf
PNAISC.pdfPNAISC.pdf
PNAISC.pdf
 
TendêNcia Secular Do Aleitamento Materno Em Uma Unidade De AtençãO PrimáRia à...
TendêNcia Secular Do Aleitamento Materno Em Uma Unidade De AtençãO PrimáRia à...TendêNcia Secular Do Aleitamento Materno Em Uma Unidade De AtençãO PrimáRia à...
TendêNcia Secular Do Aleitamento Materno Em Uma Unidade De AtençãO PrimáRia à...
 
Agosto Dourado 2021: Proteger a Amamentação
Agosto Dourado 2021: Proteger a AmamentaçãoAgosto Dourado 2021: Proteger a Amamentação
Agosto Dourado 2021: Proteger a Amamentação
 
Leite humano: doação salva vidas e tem dia internacional de celebração
Leite humano: doação salva vidas e tem dia internacional de celebraçãoLeite humano: doação salva vidas e tem dia internacional de celebração
Leite humano: doação salva vidas e tem dia internacional de celebração
 
Iniciativa hospital amigo da criança
Iniciativa hospital amigo da criançaIniciativa hospital amigo da criança
Iniciativa hospital amigo da criança
 
Aleitamento Materno Exclusivo Em Lactentes Atendidos Na Rede PúBlica Do Munic...
Aleitamento Materno Exclusivo Em Lactentes Atendidos Na Rede PúBlica Do Munic...Aleitamento Materno Exclusivo Em Lactentes Atendidos Na Rede PúBlica Do Munic...
Aleitamento Materno Exclusivo Em Lactentes Atendidos Na Rede PúBlica Do Munic...
 
pnaiscgeral-190714221230 (2) (1).pptx
pnaiscgeral-190714221230 (2) (1).pptxpnaiscgeral-190714221230 (2) (1).pptx
pnaiscgeral-190714221230 (2) (1).pptx
 

CICERO ALEITAMENTO MATERNO NO SERTÃO PERNAMBUCANO CONGRESSO INTERNACIONAO 2013- SUPER ATUAL-corrigido 23 10 2013.ppt

  • 1. Cícero Cruz Macêdo (Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde – FMABC)
  • 2.  O aleitamento materno tem se constituído uma das medidas mais importantes e necessária para um melhor desenvolvimento infantil nos primeiros meses de vida.  A literatura tem demonstrado através de inúmeros estudos que esta prática é capaz de prevenir distúrbios nutricionais e metabólicos, inclusive em idades mais avançadas (DAMIÃO,2008; REA et al.,1997). 01/09/2023 2 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 3. Influências no Processo de Aleitamento Materno 01/09/2023 3 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 4. DEZ PASSOS – Iniciativa Hospital Amigo da Criança (OMS/UNICEF/MS) Passo 1: Ter uma norma escrita sobre aleitamento materno que deve ser rotineiramente transmitida a toda a equipe de saúde. Passo 2: Treinar toda a equipe de saúde, capacitando-a para implementar esta norma. Passo 3: Orientar todas as gestantes sobre as vantagens e o manejo do aleitamento materno. Passo 4: Ajudar as mães a iniciar o aleitamento materno na primeira meia hora após o nascimento do bebê. Passo 5: Mostrar às mães como amamentar e como manter a lactação, mesmo se vierem a ser separadas de seus filhos. 01/09/2023 4 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 5. DEZ PASSOS – Iniciativa Hospital Amigo da Criança Passo 6: Não dar ao recém-nascido nenhum outro alimento ou bebida além do leite materno, a não ser que tal procedimento tenha uma indicação médica. Passo 7: Praticar o alojamento conjunto – permitir que mãe e bebê permaneçam juntos – 24 horas por dia. Passo 8: Encorajar o aleitamento materno sob livre demanda. Passo 9: Não dar bicos artificiais ou chupetas as crianças amamentadas ao seio. Passo 10: Encaminhar as mães, por ocasião da alta hospitalar, para grupos de apoio ao aleitamento materno na comunidade ou em serviços de saúde. 01/09/2023 5 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 6. Ações Importantes para um Aleitamento Materno Bem Sucedido: 1 – Nos Serviços de Saúde - Capacitar os profissionais nas habilidades de aconselhamento; - Incentivar para que os profissionais se envolvam nas capacitações; - Encaminhar as mães para os grupos de apoio na comunidade. 01/09/2023 6 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 7. 2 – Na Comunidade - Informar sobre a existência de grupos de apoio às mães na sua comunidade; - Visitá-los e ver como funcionam e se apoiam na amamentação; - Divulgar os grupos dentro de seu ambiente de trabalho, nas reuniões com gestores e com outras organizações que possam ajudar na sua multiplicação. Ações Importantes para um Aleitamento Materno Bem Sucedido: 01/09/2023 7 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 8. 3 – Junto aos Gestores e Financiadores - Procurar oportunidades para conversar com gestores e financiadores; - Atrair os financiadores para que invistam recursos nas capacitações sobre aconselhamento para profissionais de saúde; - Explicar como os programas de incentivo ao AM podem economizar para o sistema de saúde e, dinamizar o apoio na comunidade, diminuindo as taxas de adoecimento infantil. Ações Importantes para um Aleitamento Materno Bem Sucedido: 01/09/2023 8 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 9. Aleitamento Materno no Sertão Pernambucano 01/09/2023 9 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 10.  Desde maio de 2009, o Hospital Municipal Marcelino da Silva Mudo (HMMSM), em Ipubí – PE, passou a oferecer como estratégia de saúde, um programa de aleitamento materno exclusivo.  A proposta constou do acompanhamento de crianças em aleitamento materno exclusivo até os seis meses de vida, no HMMSM, através de orientação e apoio de equipe multidisciplinar, evitando a prática do aleitamento misto ou artificial. 01/09/2023 10 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 11. Ipubi - Pernambuco  O estudo se desenvolveu em Ipubi, município do Sertão Pernambucano que faz parte da Mesorregião do Araripe.  Uma região que representa 18,8% do território estadual e abrange ainda, os municípios de Araripina, Cedro, Bodocó, Exu, Moreilândia, Granito, Serrita, Santa Filomena, Ouricuri, Verdejante, Santa Cruz, Trindade e Parnamirim. 01/09/2023 11 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 12. Localização de Ipubi em Pernambuco Fonte: IBGE, 2008. 01/09/2023 12 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 13. Pernambuco Ipubi Fonte: IBGE, 2008. 01/09/2023 13 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 14. IPUBI - PE 01/09/2023 14 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 15. A Estratégia do Programa  Acompanhamento de crianças em aleitamento materno exclusivo até os seis meses de vida.  Através de orientação e apoio de equipe multidisciplinar, evitando-se a prática do aleitamento misto ou artificial. 01/09/2023 15 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 16. Objetivos Funcionar como iniciativa de saúde destinada a realizar assistência continuada através de equipes multiprofissionais;  Desenvolver ações de promoção, prevenção e apoio, realizando diagnóstico precoce, tratamento e reabilitação, características do nível primário de atenção;  Trabalhar no seu território de abrangência - a área que está sob sua responsabilidade. 01/09/2023 16 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 17. Resultados 01/09/2023 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE 17
  • 18. Gráfico 1– Número de Consultas em crianças menores de 6 meses de idade, em Ipubi-PE, 2009 a 2013. 01/09/2023 18 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE 0 100 200 300 400 500 600 700 800 900 2009. 2010. 2011. 2012. 2013. Consultas 2009. 2010. 2011. 2012. 2013. 357 709 795 Fonte: HMMSM 783 835
  • 19. Fonte: SIAB, 2013 De 2009 a 2012, houve uma queda de 45,16% nas hospitalizações por pneumonia, em crianças menores de 4 anos. Gráfico 2– Número de hospitalização por Pneumonia em crianças menores de 4 anos de idade, em Ipubi-PE, 2008 a 2012. 01/09/2023 19 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 20. Gráfico 3– Número de hospitalização por desnutrição em crianças menores de 4 anos de idade, em Ipubi-PE, 2008 a 2012. Fonte: SIAB, 2013 01/09/2023 20 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 21. Gráfico 4 – Taxa de Mortalidade Infantil por diarréia em crianças menores de 1 ano de idade, em Ipubi-PE, 2008 a 2012. Fonte: SIAB, 2013 01/09/2023 21 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 22. Gráfico 5 – Aleitamento exclusivo Fonte: SIAB, 2011 01/09/2023 22 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 23. Conclusões  A implantação do Programa trouxe benefícios para as crianças, mães e para o próprio município, que reduziu os internamentos em crianças menores de 4 anos, conseqüentemente, reduzindo os custos municipais com a saúde, nesta dimensão.  Dito isto, este trabalho reafirma que o estímulo ao aleitamento materno exclusivo é uma fórmula relativamente econômica e segura de promoção da saúde, devendo ser incentivada como prioritária, enquanto política pública.  Nesse contexto, os dados positivos apresentados no estudo reforçam a importância da manutenção e criação de programas desta natureza. 01/09/2023 23 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 24. Em Ipubi é assim... 01/09/2023 24 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 25. Cícero Cruz Macêdo ciceropediatra@cariri.ufc.br 01/09/2023 25 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 26. Referências  BOCCOLINI CS, CARVALHO ML, OLIVEIRA MIC, LEAL MC, CARVALHO MS. Fatores que interferem no tempo entre o nascimento e a primeira mamada. Cad Saúde Pública 2008; 24:2681- 94   BORGES AL, PHILIPPI ST. Opinião de mulheres de uma unidade de saúde da família sobre a quantidade de leite materno produzido. Rev Latinoam Enferm 2003; 11:287-92.   DAMIÃO JJ. Influência da escolaridade e do trabalho maternos no aleitamento materno exclusivo. Rev Bras Epidemiol 2008; 11:442-52.   INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA – IBGE. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE: São Paulo, 2008.   KUMMER SC, GIUGLIANE ERJ, SUSIN LO, FOLLETTO JL, LERMEN NR, WU VYJ, et al. Evolução do padrão de aleitamento materno. Rev Saúde Pública 2000; 34:143-8.   REA MF, VENÂNCIO SI, BATISTA LE, SANTOS RG, GREINER T. Possibilidades e limitações da amamentação entre mulheres trabalhadoras formais. Rev Saúde Pública 1997; 31:149-56.   SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE, MINISTÉRIO DA SAÚDE. II Pesquisa de prevalência de aleitamento materno nas capitais brasileiras e Distrito Federal. Brasília: Ministério da Saúde; 2009.   VIANNA RPT, REA MF, VENÂNCIO SI, ESCUDER MM. A prática de amamentar entre mulheres que exercem trabalho remunerado na Paraíba, Brasil: um estudo transversal. Cad Saúde Pública 2007; 23:2403-9. 01/09/2023 26 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • 27. Obrigado! 01/09/2023 27 V CONGRESSO INTERNACIONAL DE SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE