SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 99
Baixar para ler offline
CRIATIVIDADE	
  E	
  PROPÓSITO:	
  COMO	
  
ENCONTRAR	
  SUA	
  FONTE	
  DE	
  CRIATIVIDADE	
  
CRIATIVIDADE	
  NÃO	
  É	
  DOM,	
  É	
  TREINO	
  
VERSÃO	
  3.0	
  
Pedro Teixeira
Estamos caminhando
para um mundo sistêmico
e exponencial.
Paradigmas dados como
certos tais como dinheiro,
morte e trabalho irão
mudar.
Nosso modelo de
trabalho (8h trabalho,
dia útil, 1 mês de
férias) foi projetado na
revolução industrial.
Com o avanço de tecnologias e
métodos, os trabalhadores de todas as
indústrias se tornaram capazes de
produzir muito mais valor em menos
tempo. Seria de se imaginar que isso
nos levaria a uma diminuição das horas
trabalhadas. Nosso modelo de trabalho
funciona ainda assim porque nos deixa
mais propensos a comprar (lei de
parkinson)
Fomos conduzidos a uma cultura
projetada para nos deixar cansados,
famintos por indulgência, dispostos a
pagar muito por conveniência e
entretenimento e, mais importante,
vagamente insatisfeitos com as nossas
vidas, a ponto de continuar querendo
coisas que não temos. Nós compramos
tanto porque sempre parece que tem
alguma coisa faltando na nossa vida.
Até 2029 vamos ter 3
revoluções (genética
molecular, nanotecnologia e
robótica/ inteligência artificial) tão
grandes ou maiores que
as 2 primeiras (agrícola e
industrial).
O que sobra do ser
humano nesse novo
contexto?
“A emoção é o lado mais interessante da
existência humana.”
Precisamos cada vez
mais de criatividade
para nos reinventarmos
nessas novas
realidades emergentes.
PROCESSO CRIATIVO PARA
QUÊ?
Criatividade é prática
(LIVRO: PODER DO HÁBITO)
Criatividade é encontrar
os processos nos quais
você se sente mais
confortável em cada
momento
Criatividade nada mais é
que um tipo de raciocínio,
um modo de pensar,
capacidade de se adaptar
Dostoievski, criatividade é a
capacidade de adaptação que
o ser humano tem desde que
virou homo sapiens e ganhou o
neo cortex.
JUST A LITTLE INSPIRATION (5
regras do teatro de improviso)
FACE THE TIGER: o seu instinto como ser humano é fugir do conflito, da
oposição, da historia que você tem para contar. Não tenha medo da historia,
e lembre-se que um vilão pequeno diminui o herói.
Seu parceiro é genial: ou você acha as pessoas que estão com você
geniais ou troque de parceiros. Todo mundo tem algo de genial, use
isso como ouro a seu favor. Se você não confiar nos seus parceiros você
mina sua criatividade, e isso vale para sua vida pessoal também. Junte
romance com criatividade, senão uma coisa atrapalha a outra.
A verdade é engraçada: se inspire na própria realidade , a verdade é muito
mais engraçada e inspiradora que qualquer piada.
Não é só uma piada : não importa o que você faça, essa é a coisa mais
importante do mundo. Resgate a importância do que você faz para o mundo
e não desmereça sua importância.
Predisposição ao desconhecido: seja apaixonado pelo que você ainda não
viu. O desconhecido é apavorante, então é tentador se colocar para baixo
quando você não sabe o que vai ser. Não saber o que vai ser é o lugar
onde tudo pode acontecer.
PASSO 1: PORQUE CRIAR?
Stress é quando seu mundo
interno está desconectado com
seu mundo externo. Todo
mundo tem necessidade de
criar, se seu ambiente ou você
mesmo não te possibilitar isso
você estressa.
Encontre seu
propósito, CRIE
ALGUMA COISA, e não se
estresse!
O QUE TE ATRAVESSA?
O que você quer contar?
O que te dá tesão mental?
Encontre seu
PROPÓSITO
Deixe um pouco de si em tudo
Que fazes
“Crie sobre o que dói, o que te dá nó na garganta, o que te
faz chorar”
“É na transmissão da angústia que ela se esvazia”
MANCHETE PROGRAMADA
CRIE 10 MANCHETES SOBRE VOCÊ MESMO
COMO VOCÊ SE VÊ DAQUI HÁ 10 ANOS?
Se você tivesse apenas 1
ano de vida o que gostaria
de criar nos próximos 12
meses?
(5 MINUTOS )
PASSO 2: CONHEÇA-TE A TI MESMO
Você é do tamanho do que você
lembra das
experiências	
  
que viveu.
nossas experiências moldam quem a gente é.
Quanto mais intensa uma experiência mais ela
molda quem você é.
Quanto mais uma experiência se associa a
outras experiências mais ela molda quem você
é.
Quanto mais importância a gente dá para a
experiência mais ela molda quem a gente é.
EXPERIÊNCIAS CRIAM HÁBITOS
Seu cérebro, sua
caixa
O PODER DO
HÁBITO	
  
40% DAS NOSSAS AÇÕES NÃO SÃO
DECISÕES, MAS SIM HÁBITOS
HÁBITOS SURGEM PORQUE O CÉREBRO
ESTÁ O TEMPO TODO PROCURANDO
MANEIRAS DE POUPAR ESFORÇOS.
QUANDO UM HÁBITO SURGE O CÉREBRO
PARA DE PARTICIPAR DA TOMADA DE
DECISÕES.
NOSSA CABEÇA BUSCA O ÓBVIO, É MUITO
MAIS GOSTOSO FICAR SE
RECONSOLIDANDO QUE SAIR DA ZONA DE
CONFORTO
Seguimos caminhos já pavimentados na nossa
cabeça, ser criativo é fazer novos caminhos.
(heurística do problema, do olhar, do repertório)
A criatividade é uma
Nossa vontade de nãocriar é
maior que nossa vontade de criar. Há
um movimento tsunâmico de
resistência, e ela pode tomar várias
formas: organização, procrastinação,
alcoolismo, “isso é estúpido”, esse
ambiente não está confortável,
necessidade de pesquisar antes de
começar, etc. A resistência é um
monstro de mil formas.
contra si mesmo	
  
guerra	
  
Isso vale para a criatividade e para qualquer coisa!
O QUE PODE TER DADO TÃO ERRADO
ASSIM NA SUA VIDA PARA VOCÊ SE
PREOCUPAR TANTO?
COISA QUE PODE ACONTECER SE VOCÊ
FIZER ALGUMA COISA?
PIOR	
  Qual é a
Para vencer o medo? Faça aquilo que você
tem mais medo!
O PODER DO
HÁBITO	
  
CRIAMOS AMBIENTES, REFERÊNCIAS E
CONVIVEMOS COM PESSOAS QUE
CONFIRMAM O QUE A GENTE SABE
IDENTIFIQUE SEUS HÁBITOS LIMITANTES,
CRIE UM NOVO HÁBITO QUE IRÁ
SUPRIMIR O HÁBITO ANTIGO.
SAIA DA SUA ZONA DE CONFORTO!
(LEMBRANDO QUE CADA UM TEM A SUA. Se VOCÊ pula de para
quedas TODO MÊS, TALVEZ sair da sua zona de conforto SEJA
PASSAR UM DIA INTEIRO EM CASA PORQUE SUA
DIFICULDADE É CONVIVER COM VOCÊ MESMO)
Aprenda algo novo, mude as coisas de lugar,
conviva com pessoas diferentes, leia sobre o
que você não acredita, ouça músicas que você
não gosta.
Brainstorm do hábito – 16min
Forme uma dupla
faça um brainstorm silencioso dos seus hábitos
(4 minutos – dirigir, responder de forma brusca, interromper as pessoas, não
arrumar a cama..
Comece do básico e vá aprofundando)
Escolha um hábito angular
(1 minuto aquele que pode ser disseminador de mudanças em você)
5 porque’s
(3 minutos pergunte 5 x o porque daquele hábito existir e tente chegar na causa)
“sim, e...” pense na solução para suprimir o hábito
(2 minutos – pensem em uma solução em conjunto)
VOCÊ GOSTARIA
DE SER
MAIS SENSÍVEL?
h1ps://www.youtube.com/watch?v=-­‐A_jI7AIUUQ	
  
Clique no link e
assista o vídeo
muitoas pessoas
NÃOGOSTARIAM DE SER
MAIS SENSÍVEIS
CONFUNDIMOS SENSIBILIDADE COM
FRAGILIDADE
Sensibilidade é o que te permite ter empatia,
TER Criatividade, enxergar outras opções, entender o
que as pessoas estão dizendo
VOU TERMINAR PORQUE EU
SENTIQUE DEVIA
“VOU TERMINAR COM ELE
PORQUE ELE FALTA ALTO”
“VOU TERMINAR COM ELE
PORQUE ELE NÃO ME DEU O
PRESENTE QUE EU QUERIA”
“VOU TERMINAR COM ELE
PORQUE ELE MUDA DE
ASSUNTO TODA HORA”
A GENTE PROCURA MOTIVOS
RACIONAIS PARA JUSTIFICAR
NOSSOS SENTIMENTOS.
Quando você expõe o que sente está
exposto a julgamentos e
interpretações, positivos e negativos.
Para sentir é preciso coragem, para
compartilhar o que sentimos é preciso
muita coragem. Mas é sua coragem
que vai te ajudar a mostrar quem você
realmente é, criar conexões QUE TE
PERMITEM conquistar o mundo.
QUAL É O SEU SUPERPODER? E SUA
KRIPTONITA?
PARE,PENSE,ESCREVA
EM UM PAPEL ESCREVA QUAL SENTIMENTO VOCÊ ODEIA SENTIR
EM UM PAPEL ESCREVA QUAL SENTIMENTO TE FAZ MELHOR
LEIA EM VOZ ALTA
(5 MINUTOS )
A gente faz algo grande quando
abandona a ideia de ganha e perda. É
importante ficar parado um pouco,
respirar, fazer o que não vai te dar
Oscar, viver o processo criativo.
Sucesso e fracasso pertencem ao olho
do outro.
o que vai dar?	
  
foda-se.
Quando seu parceiro te
critica
ele pode estar te salvando	
  
(Porta dos fundos: são criados 12 roteiros por semana,
dos 4 roteiristas cada um cria 3. E só ficam 3.)
Ego = inimigo da criatividade
quando o ego de uma pessoa do
grupo entra, todos afloram juntos.
Ego causa 2 pessoas discutindo e
falando a mesma coisa.
Alguém tem que ganhar, e tem que ser
eu!
PASSO 3: repertório
Se cerque das referências
mais diversas “publicitário que
só usa referência em
publicidade não é criativo”
Faça uma lista de indivíduos
que você olha, por trás desses
indivíduos existem éticas que
você pode trabalhar em cima.
Lembre-se: quem só conhece
a, só faz a..
PARE,PENSE,ESCREVA
EM UM PAPEL
ESCREVA uma lista das
suas referências
Consulte suas referências quando for criar.
PASSO 4: material interno
“A maior pesquisa é seu material interno,
sua vida e sua memória” Gregório
duvivier
“Quando você cria algo não é agora, agora
você abre sua gaveta” criolo
Existem detalhes da vida que nos
emocionam, e isso a gente leva para tudo
que fazemos.
O que eu vivi? O que eu vivi hoje que me
fez sentir algo? O que da sua historia te
faz diferente? O que explorar do que você
já viveu?”
“Não assassine o pensar
primitivo, a gente recebe
muita coisa de fora e
desacostuma a voltar
para si mesmo.”
“O que me faz criar não é a paz ou a
meditação, é o tapa na cara. Eu não
sou o lago para dar água ao viajante
no deserto, eu sou um cacto que ele
vai ter que quebrar para achar água.
Apago meus demônios com a arte,
grito para eu mesmo escutar, e quero
fazer as pessoas vomitarem com a
alma” Criolo
“Faço poesia para saciar minha
necessidade de ver o mundo pela 1ª
vez. É como contar a um alienígena
como é minha rua, o que é
pretensiosamente desconhecido”
gregório duvivier
Mundo internoFAÇA UMA REVISÃO DA SUA VIDA. O QUE VOCÊ
VIVEU QUE PODE SER FORTE PARA O QUE VOCÊ
CRIA? QUAIS EXPERIÊNCIAS TE MARCARAM?
QUAIS TEMAS PASSAM PELA SUA VIDA?
O QUE DE MAIS FORTE VOCÊ TEM QUE
PODE ESTAR EM TUDO QUE VOCÊ FAZ?
PASSO 5: definição do problema
É preciso o máximo de informações sobre o problema para identificar como
resolvê-lo
Nossa cultura foca em achar a melhor resposta, e não em fazer a melhor pergunta. Nosso
sistema educacional foca mais em memorização e em respostas do que procurar novas
possibilidades. O que é valorizado é encontrar as respostas certas, líderes são pagos para
corrigir problemas e não para pensarem.
A inabilidade de fazer as perguntas certas está ligada a nossa cultura em buscar soluções
rápidas. Além disso, o ritmo acelerado de nossas vidas e trabalho muitas vezes não nos
oferecem oportunidades de participar de conversas reflexivas em que podemos explorar
questões catalíticos e possibilidades inovadoras antes de chegar a decisões-chave
Ser criativo é parar de pensar na solução e pensar mais no problema.
O que a pessoa fala nem sempre é o que ela faz, e
o que ela pensa nem sempre é o que ela sente. Ao
fazer uma entrevista tente escrever em post it o que
é fala, o que é ação, o que é pensamento e o que é
sentimento.
A técnica dos 5 porquê’s permite aprofundamento. Perguntar
“porque” leva a respostas mais reflexivas e conversas mais
profundas.
À medida que entramos em uma era em que as questões
sistêmicas aparecem constantemente como a raiz de
mudanças profundas, nas quais perspectivas diferentes
são requeridas para soluções sustentáveis, e na qual
relações de causa e efeito não são imediatamente
aparentes, a capacidade de aumentar perguntas profundas
é fundamental
PASSO 6: incubação
Dê um tempo para o seu cérebro
Faça atividades que não tem nada a ver com o problema depois de
estudar o problema para fazer a inconsciência funcionar.
Que tal um cinema após o brainstorm do problema?
O que te faz não pensar? Ter o momento “não pensar” te ajuda a sair
da heurística.
Para mim: banho, seriado, ler, beber.
PASSO 7: ter ideias
Não existe brainstorm sentado. Quando você se mexe todo o seu corpo está
ativo, não existe “storm” sentado, no máximo garoa.
Não existe brainstorm de 2h. Máximo de 20 minutos.
Todo método precisa de limite de tempo.
Nosso pensamento não é linear, então não
use o computador para pensar. Use
cartolina, post it, mapa mental.Seja objetivo e visual nos post its.
Faça brainstorm com no máximo 8 pessoas.
Idea speed dating: Para construir em cima da ideia do outro
mesmo que ela seja rídicula.(escravos de jó da ideia)
Em grupo, cada pessoa do grupo tem um papel. Em 1 minuto
escreve uma ideia para o problema apresentado. O papel passa
para o próximo, que tem 1 minuto para construir em cima da
ideia e passar para o outro.
Brainstorm do “sim, e...”: para não julgar (é importante
fazer poker face durante brainstorm)
A palavra mas é uma barreira que significa “sua ideia é
uma merda”
Lição de casa: faça uma DR fazendo “sim,e...”
Brainstorm da adedanha: Para criar conceitos para um
produto
Personifica funções e cria um caráter
Ex: um carro novo, o mostrador de indicador de gasolina
se fosse um animal, uma cor, um país...
Brainstorm da manchete (release thinking) para
chegar em ideias de alto impacto, é resumido e diz
tudo em um tweet.
Escreva uma manchete que vai sair em um jornal
de grande circulação.
Brainstorm freefall writing: bom para inibir o
consciente e vasculhar o inconsciente, foge de
clichês,
Responda a pergunta sem parar por nenhum
segundo.
Express brainstorm: bom para Produzir grande quantidade de
ideias, tirar as ideias ruins da frente, não dá tempo de julgar.
Sente em roda, uma pessoa é o marcador, cada um tem 5
segundos para ter uma ideia e colocar no post it. Se não tiver
ideia pula a pessoa.
PASSO 8: clusterizar e votar
Tenha 100 ideias e elimine as 95 piores
Vote em silêncio, não argumente na hora de eliminar as piores
Existem pontos de convergência entre as ideias? Aproxime-as
Six thinking hats: agora sim é hora de
julgar.interprete papéis, e se force a trocar
de papéisAo escolher as melhores ideias, faça um
estudo sobre elas e encontre o diferencial,
seu oceano azul.
PASSO 9: simple canvas
PASSO 10: elevator pitch
Resuma sua ideia em 140 caracteres
O objetivo é conseguir atenção
O que eu vou falar em 30 segundos que vai me
fazer ganhar 2 minutos de atenção?
O que eu vou falar em 2 minutos que vai me
fazer ganhar 10 minutos de atenção?
PASSO 11: prototipar
Não espere sentado, o negócio é testar a ideia, e rápido.
Só tem certeza quem faz algo a respeito
Avalie todos os seus testes. o que deu certo? O que deu
errado?
Falhe cedo. Falhe muito. Falhe rápido.
A prototipagem é um modo de vida. Teste o tempo todo
PASSO 12: a folha em branco
Muchas gracias!
PEDRO	
  TEIXEIRA	
  
pedro@troposlab.com	
  

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A Entrevista
A EntrevistaA Entrevista
A Entrevistaguest9dbf
 
MeetUp MDP - Apresentação Luísa
MeetUp MDP - Apresentação Luísa MeetUp MDP - Apresentação Luísa
MeetUp MDP - Apresentação Luísa Cassiane Vilvert
 
AGRISSÊNIOR NOTÍCIAS 524 an 19 maio_2015.ok
AGRISSÊNIOR NOTÍCIAS 524 an 19 maio_2015.okAGRISSÊNIOR NOTÍCIAS 524 an 19 maio_2015.ok
AGRISSÊNIOR NOTÍCIAS 524 an 19 maio_2015.okRoberto Rabat Chame
 
INFLUÊNCIA PESSOAL - DALE CARNEGIE
INFLUÊNCIA PESSOAL - DALE CARNEGIEINFLUÊNCIA PESSOAL - DALE CARNEGIE
INFLUÊNCIA PESSOAL - DALE CARNEGIERodrigo Miranda
 
Criação em Publicidade
Criação em PublicidadeCriação em Publicidade
Criação em PublicidadeRodrigo Jorge
 
Curso de Oratória-SENAC
Curso de Oratória-SENACCurso de Oratória-SENAC
Curso de Oratória-SENACJoao Balbi
 
A jornada-interna-henrique-lira
A jornada-interna-henrique-liraA jornada-interna-henrique-lira
A jornada-interna-henrique-liraValber Teixeira
 
Treinamento Etiqueta na Empresa
Treinamento Etiqueta na EmpresaTreinamento Etiqueta na Empresa
Treinamento Etiqueta na EmpresaGrupo Krypton
 
Dez mandamentos de um bom profissional
Dez mandamentos de um bom profissionalDez mandamentos de um bom profissional
Dez mandamentos de um bom profissionalEdmilton Luz
 
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentido
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentidoCaminhos do flow: o flow e a busca por sentido
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentidoPaula Azevedo Macedo
 
Persuasão e influência
Persuasão e influência Persuasão e influência
Persuasão e influência INSTITUTO MVC
 
Aula 6 Você fazendo a diferença
Aula 6 Você fazendo a diferençaAula 6 Você fazendo a diferença
Aula 6 Você fazendo a diferençaRASC EAD
 

Mais procurados (18)

A Entrevista
A EntrevistaA Entrevista
A Entrevista
 
MeetUp MDP - Apresentação Luísa
MeetUp MDP - Apresentação Luísa MeetUp MDP - Apresentação Luísa
MeetUp MDP - Apresentação Luísa
 
Comunicação estratégica na política
Comunicação estratégica na políticaComunicação estratégica na política
Comunicação estratégica na política
 
AGRISSÊNIOR NOTÍCIAS 524 an 19 maio_2015.ok
AGRISSÊNIOR NOTÍCIAS 524 an 19 maio_2015.okAGRISSÊNIOR NOTÍCIAS 524 an 19 maio_2015.ok
AGRISSÊNIOR NOTÍCIAS 524 an 19 maio_2015.ok
 
INFLUÊNCIA PESSOAL - DALE CARNEGIE
INFLUÊNCIA PESSOAL - DALE CARNEGIEINFLUÊNCIA PESSOAL - DALE CARNEGIE
INFLUÊNCIA PESSOAL - DALE CARNEGIE
 
Apresentação da Criação
Apresentação da CriaçãoApresentação da Criação
Apresentação da Criação
 
Workshop para liderança criado em 2006
Workshop para liderança criado em 2006Workshop para liderança criado em 2006
Workshop para liderança criado em 2006
 
Aula 1 - Atualidades 2018
Aula 1 - Atualidades 2018Aula 1 - Atualidades 2018
Aula 1 - Atualidades 2018
 
Criação em Publicidade
Criação em PublicidadeCriação em Publicidade
Criação em Publicidade
 
Curso de Oratória-SENAC
Curso de Oratória-SENACCurso de Oratória-SENAC
Curso de Oratória-SENAC
 
A jornada-interna-henrique-lira
A jornada-interna-henrique-liraA jornada-interna-henrique-lira
A jornada-interna-henrique-lira
 
Referências
ReferênciasReferências
Referências
 
Treinamento Etiqueta na Empresa
Treinamento Etiqueta na EmpresaTreinamento Etiqueta na Empresa
Treinamento Etiqueta na Empresa
 
Etiqueta profissional
Etiqueta profissionalEtiqueta profissional
Etiqueta profissional
 
Dez mandamentos de um bom profissional
Dez mandamentos de um bom profissionalDez mandamentos de um bom profissional
Dez mandamentos de um bom profissional
 
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentido
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentidoCaminhos do flow: o flow e a busca por sentido
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentido
 
Persuasão e influência
Persuasão e influência Persuasão e influência
Persuasão e influência
 
Aula 6 Você fazendo a diferença
Aula 6 Você fazendo a diferençaAula 6 Você fazendo a diferença
Aula 6 Você fazendo a diferença
 

Destaque

Contributos da Geografia para um Futuro Desejado
Contributos da Geografia para um Futuro DesejadoContributos da Geografia para um Futuro Desejado
Contributos da Geografia para um Futuro DesejadoUniversidade do Porto
 
A importância da propriedade intelectual para as startups
A importância da propriedade intelectual para as startupsA importância da propriedade intelectual para as startups
A importância da propriedade intelectual para as startupsEmilia Malgueiro Campos
 
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósitoLaboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósitoJuliana Feitosa Andrade
 
Transformando Criatividade em Inovação
Transformando Criatividade em InovaçãoTransformando Criatividade em Inovação
Transformando Criatividade em InovaçãoJosé Bringel Filho
 
Manual de Instalación - Arch linux
Manual de Instalación - Arch linuxManual de Instalación - Arch linux
Manual de Instalación - Arch linuxChecha Macario Ixcot
 
Libro de gestión Francisco Perez
Libro de gestión Francisco PerezLibro de gestión Francisco Perez
Libro de gestión Francisco PerezFrancisco Pérez
 
La Grange Agriculture and Water Opportunities Newsletter number 4, October 2013
La Grange Agriculture and Water Opportunities Newsletter number 4, October 2013La Grange Agriculture and Water Opportunities Newsletter number 4, October 2013
La Grange Agriculture and Water Opportunities Newsletter number 4, October 2013Bruce Gorring
 
Le Mag Valeur et Capital Juin 2016
Le Mag Valeur et Capital Juin 2016Le Mag Valeur et Capital Juin 2016
Le Mag Valeur et Capital Juin 2016Valeur et Capital
 
Instalación de windows 8 paso a paso
Instalación de windows 8 paso a pasoInstalación de windows 8 paso a paso
Instalación de windows 8 paso a pasoDarwinrey86
 
An c xml_punchout_implementation
An c xml_punchout_implementationAn c xml_punchout_implementation
An c xml_punchout_implementationNand Singh
 
Online psy 266 ch. 1 presentation
Online psy 266 ch. 1 presentationOnline psy 266 ch. 1 presentation
Online psy 266 ch. 1 presentationajl98
 
annex- women, water, sanitation and human settlements(2004)
annex- women, water, sanitation and human settlements(2004)annex- women, water, sanitation and human settlements(2004)
annex- women, water, sanitation and human settlements(2004)여성환경연대
 
Virtual reality barcelona
Virtual reality barcelonaVirtual reality barcelona
Virtual reality barcelonaIvan del Muro
 

Destaque (19)

Contributos da Geografia para um Futuro Desejado
Contributos da Geografia para um Futuro DesejadoContributos da Geografia para um Futuro Desejado
Contributos da Geografia para um Futuro Desejado
 
A importância da propriedade intelectual para as startups
A importância da propriedade intelectual para as startupsA importância da propriedade intelectual para as startups
A importância da propriedade intelectual para as startups
 
Apresentação RHJunior CRA-SP
Apresentação RHJunior CRA-SPApresentação RHJunior CRA-SP
Apresentação RHJunior CRA-SP
 
Palestra Propriedade Intelectual Internacional
Palestra Propriedade Intelectual InternacionalPalestra Propriedade Intelectual Internacional
Palestra Propriedade Intelectual Internacional
 
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósitoLaboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
Laboratório Criatividade - Inovação e Marketing com propósito
 
Transformando Criatividade em Inovação
Transformando Criatividade em InovaçãoTransformando Criatividade em Inovação
Transformando Criatividade em Inovação
 
Aula gestão da inovação
Aula gestão da inovaçãoAula gestão da inovação
Aula gestão da inovação
 
Manual de Instalación - Arch linux
Manual de Instalación - Arch linuxManual de Instalación - Arch linux
Manual de Instalación - Arch linux
 
Web 2.0 at CCLC
Web 2.0 at CCLCWeb 2.0 at CCLC
Web 2.0 at CCLC
 
Libro de gestión Francisco Perez
Libro de gestión Francisco PerezLibro de gestión Francisco Perez
Libro de gestión Francisco Perez
 
4.5.3 investigacion de accdentes f
4.5.3 investigacion de accdentes f4.5.3 investigacion de accdentes f
4.5.3 investigacion de accdentes f
 
La Grange Agriculture and Water Opportunities Newsletter number 4, October 2013
La Grange Agriculture and Water Opportunities Newsletter number 4, October 2013La Grange Agriculture and Water Opportunities Newsletter number 4, October 2013
La Grange Agriculture and Water Opportunities Newsletter number 4, October 2013
 
HOW THE SUNGOD REACHED AMERICA, c.2500 BC
HOW THE SUNGOD REACHED AMERICA, c.2500 BCHOW THE SUNGOD REACHED AMERICA, c.2500 BC
HOW THE SUNGOD REACHED AMERICA, c.2500 BC
 
Le Mag Valeur et Capital Juin 2016
Le Mag Valeur et Capital Juin 2016Le Mag Valeur et Capital Juin 2016
Le Mag Valeur et Capital Juin 2016
 
Instalación de windows 8 paso a paso
Instalación de windows 8 paso a pasoInstalación de windows 8 paso a paso
Instalación de windows 8 paso a paso
 
An c xml_punchout_implementation
An c xml_punchout_implementationAn c xml_punchout_implementation
An c xml_punchout_implementation
 
Online psy 266 ch. 1 presentation
Online psy 266 ch. 1 presentationOnline psy 266 ch. 1 presentation
Online psy 266 ch. 1 presentation
 
annex- women, water, sanitation and human settlements(2004)
annex- women, water, sanitation and human settlements(2004)annex- women, water, sanitation and human settlements(2004)
annex- women, water, sanitation and human settlements(2004)
 
Virtual reality barcelona
Virtual reality barcelonaVirtual reality barcelona
Virtual reality barcelona
 

Semelhante a BIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADE

Semelhante a BIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADE (20)

Viver Bem
Viver BemViver Bem
Viver Bem
 
O sentido da vida
 O sentido da vida O sentido da vida
O sentido da vida
 
A arte-de-se-auto-conhecer
A arte-de-se-auto-conhecerA arte-de-se-auto-conhecer
A arte-de-se-auto-conhecer
 
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
 
Quem você pensa que é?
Quem você pensa que é?Quem você pensa que é?
Quem você pensa que é?
 
Tese De Guerdjef
Tese De GuerdjefTese De Guerdjef
Tese De Guerdjef
 
O cerebro com foco e disciplina renato alves
O cerebro com foco e disciplina   renato alvesO cerebro com foco e disciplina   renato alves
O cerebro com foco e disciplina renato alves
 
Tesede guerdjef
Tesede guerdjefTesede guerdjef
Tesede guerdjef
 
Tese De Jerdjef
Tese De JerdjefTese De Jerdjef
Tese De Jerdjef
 
Tesede Guerdjef
Tesede GuerdjefTesede Guerdjef
Tesede Guerdjef
 
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
 
Tesede Guerdjef
Tesede GuerdjefTesede Guerdjef
Tesede Guerdjef
 
Tesede guerdjef
Tesede guerdjefTesede guerdjef
Tesede guerdjef
 
Tesede Guerdjef
Tesede GuerdjefTesede Guerdjef
Tesede Guerdjef
 
A tese de_guerdjef
A tese de_guerdjefA tese de_guerdjef
A tese de_guerdjef
 
Tesedeguerdjef
TesedeguerdjefTesedeguerdjef
Tesedeguerdjef
 
Tese de guerdjef!!!!
Tese de guerdjef!!!!Tese de guerdjef!!!!
Tese de guerdjef!!!!
 
Tese de Guerdjef
Tese de GuerdjefTese de Guerdjef
Tese de Guerdjef
 
Tese de guerdjef
Tese de guerdjefTese de guerdjef
Tese de guerdjef
 
Tesede guerdjef 1
Tesede guerdjef 1Tesede guerdjef 1
Tesede guerdjef 1
 

Mais de Bizcool | Escola Aceleradora

Bizcool - Mapa de responsabilidade de canais de venda e distribuição
Bizcool - Mapa de responsabilidade de canais de venda e distribuiçãoBizcool - Mapa de responsabilidade de canais de venda e distribuição
Bizcool - Mapa de responsabilidade de canais de venda e distribuiçãoBizcool | Escola Aceleradora
 
Bizcool - Como construir carreiras para resolver problemas que ainda não exi...
Bizcool - Como construir carreiras para resolver problemas que ainda não exi...Bizcool - Como construir carreiras para resolver problemas que ainda não exi...
Bizcool - Como construir carreiras para resolver problemas que ainda não exi...Bizcool | Escola Aceleradora
 
Bizcool - Desenvolvimento do posicionamento do produto e da empresa
Bizcool - Desenvolvimento do posicionamento do produto e da empresa Bizcool - Desenvolvimento do posicionamento do produto e da empresa
Bizcool - Desenvolvimento do posicionamento do produto e da empresa Bizcool | Escola Aceleradora
 
Bizcool - Tipos de estratégia - como planejar o meu negócio ou produto
Bizcool - Tipos de estratégia - como planejar o meu negócio ou produtoBizcool - Tipos de estratégia - como planejar o meu negócio ou produto
Bizcool - Tipos de estratégia - como planejar o meu negócio ou produtoBizcool | Escola Aceleradora
 
Bizcool - Oceano azul - crie diferenciais para o seu projeto de forma sistema...
Bizcool - Oceano azul - crie diferenciais para o seu projeto de forma sistema...Bizcool - Oceano azul - crie diferenciais para o seu projeto de forma sistema...
Bizcool - Oceano azul - crie diferenciais para o seu projeto de forma sistema...Bizcool | Escola Aceleradora
 
Bizcool - Público alvo - aprenda a descobrir quem quer comprar os seus produtos
Bizcool - Público alvo - aprenda a descobrir quem quer comprar os seus produtosBizcool - Público alvo - aprenda a descobrir quem quer comprar os seus produtos
Bizcool - Público alvo - aprenda a descobrir quem quer comprar os seus produtosBizcool | Escola Aceleradora
 
Bizcool Scrum- gestão ágil adaptada ao seu contexto
Bizcool   Scrum- gestão ágil adaptada ao seu contextoBizcool   Scrum- gestão ágil adaptada ao seu contexto
Bizcool Scrum- gestão ágil adaptada ao seu contextoBizcool | Escola Aceleradora
 
GINGA 3.0 - DÚVIDAS JURÍDICAS DE EMPRESAS NASCENTES
GINGA 3.0 - DÚVIDAS JURÍDICAS DE EMPRESAS NASCENTESGINGA 3.0 - DÚVIDAS JURÍDICAS DE EMPRESAS NASCENTES
GINGA 3.0 - DÚVIDAS JURÍDICAS DE EMPRESAS NASCENTESBizcool | Escola Aceleradora
 

Mais de Bizcool | Escola Aceleradora (20)

Bizcool - Mapa de responsabilidade de canais de venda e distribuição
Bizcool - Mapa de responsabilidade de canais de venda e distribuiçãoBizcool - Mapa de responsabilidade de canais de venda e distribuição
Bizcool - Mapa de responsabilidade de canais de venda e distribuição
 
Bizcool - Como construir carreiras para resolver problemas que ainda não exi...
Bizcool - Como construir carreiras para resolver problemas que ainda não exi...Bizcool - Como construir carreiras para resolver problemas que ainda não exi...
Bizcool - Como construir carreiras para resolver problemas que ainda não exi...
 
Bizcool - Desenvolvimento do posicionamento do produto e da empresa
Bizcool - Desenvolvimento do posicionamento do produto e da empresa Bizcool - Desenvolvimento do posicionamento do produto e da empresa
Bizcool - Desenvolvimento do posicionamento do produto e da empresa
 
Bizcool - Funil de vendas
Bizcool - Funil de vendasBizcool - Funil de vendas
Bizcool - Funil de vendas
 
Bizcool - Tipos de estratégia - como planejar o meu negócio ou produto
Bizcool - Tipos de estratégia - como planejar o meu negócio ou produtoBizcool - Tipos de estratégia - como planejar o meu negócio ou produto
Bizcool - Tipos de estratégia - como planejar o meu negócio ou produto
 
Bizcool - Oceano azul - crie diferenciais para o seu projeto de forma sistema...
Bizcool - Oceano azul - crie diferenciais para o seu projeto de forma sistema...Bizcool - Oceano azul - crie diferenciais para o seu projeto de forma sistema...
Bizcool - Oceano azul - crie diferenciais para o seu projeto de forma sistema...
 
Bizcool - Público alvo - aprenda a descobrir quem quer comprar os seus produtos
Bizcool - Público alvo - aprenda a descobrir quem quer comprar os seus produtosBizcool - Público alvo - aprenda a descobrir quem quer comprar os seus produtos
Bizcool - Público alvo - aprenda a descobrir quem quer comprar os seus produtos
 
Bizcool- Modelos de receita
Bizcool- Modelos de receitaBizcool- Modelos de receita
Bizcool- Modelos de receita
 
Bizcool Economia colaborativa
Bizcool   Economia colaborativaBizcool   Economia colaborativa
Bizcool Economia colaborativa
 
Bizcool O novo marketing
Bizcool   O novo marketingBizcool   O novo marketing
Bizcool O novo marketing
 
Bizcool Facebook ads
Bizcool   Facebook adsBizcool   Facebook ads
Bizcool Facebook ads
 
Bizcool Design do seu time de vendas
Bizcool   Design do seu time de vendasBizcool   Design do seu time de vendas
Bizcool Design do seu time de vendas
 
Bizcool Viabilidade financeira de projetos
Bizcool   Viabilidade financeira de projetosBizcool   Viabilidade financeira de projetos
Bizcool Viabilidade financeira de projetos
 
Bizcool Scrum- gestão ágil adaptada ao seu contexto
Bizcool   Scrum- gestão ágil adaptada ao seu contextoBizcool   Scrum- gestão ágil adaptada ao seu contexto
Bizcool Scrum- gestão ágil adaptada ao seu contexto
 
Bizcool seo search engine optimization
Bizcool   seo search engine optimizationBizcool   seo search engine optimization
Bizcool seo search engine optimization
 
Bizcool matemática financeira
Bizcool   matemática financeiraBizcool   matemática financeira
Bizcool matemática financeira
 
BIZCOOL - Bussiness design blueprint
BIZCOOL - Bussiness design blueprintBIZCOOL - Bussiness design blueprint
BIZCOOL - Bussiness design blueprint
 
BIZCOOL - Canvas da proposta de valor
BIZCOOL - Canvas da proposta de valorBIZCOOL - Canvas da proposta de valor
BIZCOOL - Canvas da proposta de valor
 
BIZCOOL - VALUATION - QUANTO VALE A SUA EMPRESA
BIZCOOL - VALUATION - QUANTO VALE A SUA EMPRESABIZCOOL - VALUATION - QUANTO VALE A SUA EMPRESA
BIZCOOL - VALUATION - QUANTO VALE A SUA EMPRESA
 
GINGA 3.0 - DÚVIDAS JURÍDICAS DE EMPRESAS NASCENTES
GINGA 3.0 - DÚVIDAS JURÍDICAS DE EMPRESAS NASCENTESGINGA 3.0 - DÚVIDAS JURÍDICAS DE EMPRESAS NASCENTES
GINGA 3.0 - DÚVIDAS JURÍDICAS DE EMPRESAS NASCENTES
 

BIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADE

  • 1. CRIATIVIDADE  E  PROPÓSITO:  COMO   ENCONTRAR  SUA  FONTE  DE  CRIATIVIDADE   CRIATIVIDADE  NÃO  É  DOM,  É  TREINO   VERSÃO  3.0  
  • 3. Estamos caminhando para um mundo sistêmico e exponencial. Paradigmas dados como certos tais como dinheiro, morte e trabalho irão mudar.
  • 4. Nosso modelo de trabalho (8h trabalho, dia útil, 1 mês de férias) foi projetado na revolução industrial.
  • 5. Com o avanço de tecnologias e métodos, os trabalhadores de todas as indústrias se tornaram capazes de produzir muito mais valor em menos tempo. Seria de se imaginar que isso nos levaria a uma diminuição das horas trabalhadas. Nosso modelo de trabalho funciona ainda assim porque nos deixa mais propensos a comprar (lei de parkinson)
  • 6. Fomos conduzidos a uma cultura projetada para nos deixar cansados, famintos por indulgência, dispostos a pagar muito por conveniência e entretenimento e, mais importante, vagamente insatisfeitos com as nossas vidas, a ponto de continuar querendo coisas que não temos. Nós compramos tanto porque sempre parece que tem alguma coisa faltando na nossa vida.
  • 7. Até 2029 vamos ter 3 revoluções (genética molecular, nanotecnologia e robótica/ inteligência artificial) tão grandes ou maiores que as 2 primeiras (agrícola e industrial).
  • 8. O que sobra do ser humano nesse novo contexto?
  • 9. “A emoção é o lado mais interessante da existência humana.”
  • 10. Precisamos cada vez mais de criatividade para nos reinventarmos nessas novas realidades emergentes.
  • 12.
  • 13. Criatividade é prática (LIVRO: PODER DO HÁBITO)
  • 14. Criatividade é encontrar os processos nos quais você se sente mais confortável em cada momento
  • 15. Criatividade nada mais é que um tipo de raciocínio, um modo de pensar, capacidade de se adaptar
  • 16. Dostoievski, criatividade é a capacidade de adaptação que o ser humano tem desde que virou homo sapiens e ganhou o neo cortex.
  • 17. JUST A LITTLE INSPIRATION (5 regras do teatro de improviso) FACE THE TIGER: o seu instinto como ser humano é fugir do conflito, da oposição, da historia que você tem para contar. Não tenha medo da historia, e lembre-se que um vilão pequeno diminui o herói. Seu parceiro é genial: ou você acha as pessoas que estão com você geniais ou troque de parceiros. Todo mundo tem algo de genial, use isso como ouro a seu favor. Se você não confiar nos seus parceiros você mina sua criatividade, e isso vale para sua vida pessoal também. Junte romance com criatividade, senão uma coisa atrapalha a outra.
  • 18. A verdade é engraçada: se inspire na própria realidade , a verdade é muito mais engraçada e inspiradora que qualquer piada. Não é só uma piada : não importa o que você faça, essa é a coisa mais importante do mundo. Resgate a importância do que você faz para o mundo e não desmereça sua importância. Predisposição ao desconhecido: seja apaixonado pelo que você ainda não viu. O desconhecido é apavorante, então é tentador se colocar para baixo quando você não sabe o que vai ser. Não saber o que vai ser é o lugar onde tudo pode acontecer.
  • 19. PASSO 1: PORQUE CRIAR?
  • 20. Stress é quando seu mundo interno está desconectado com seu mundo externo. Todo mundo tem necessidade de criar, se seu ambiente ou você mesmo não te possibilitar isso você estressa.
  • 21. Encontre seu propósito, CRIE ALGUMA COISA, e não se estresse!
  • 22. O QUE TE ATRAVESSA? O que você quer contar? O que te dá tesão mental? Encontre seu PROPÓSITO
  • 23. Deixe um pouco de si em tudo Que fazes
  • 24. “Crie sobre o que dói, o que te dá nó na garganta, o que te faz chorar” “É na transmissão da angústia que ela se esvazia”
  • 25. MANCHETE PROGRAMADA CRIE 10 MANCHETES SOBRE VOCÊ MESMO COMO VOCÊ SE VÊ DAQUI HÁ 10 ANOS? Se você tivesse apenas 1 ano de vida o que gostaria de criar nos próximos 12 meses? (5 MINUTOS )
  • 26. PASSO 2: CONHEÇA-TE A TI MESMO
  • 27. Você é do tamanho do que você lembra das experiências   que viveu. nossas experiências moldam quem a gente é. Quanto mais intensa uma experiência mais ela molda quem você é. Quanto mais uma experiência se associa a outras experiências mais ela molda quem você é. Quanto mais importância a gente dá para a experiência mais ela molda quem a gente é. EXPERIÊNCIAS CRIAM HÁBITOS
  • 28.
  • 29.
  • 30.
  • 32. O PODER DO HÁBITO   40% DAS NOSSAS AÇÕES NÃO SÃO DECISÕES, MAS SIM HÁBITOS HÁBITOS SURGEM PORQUE O CÉREBRO ESTÁ O TEMPO TODO PROCURANDO MANEIRAS DE POUPAR ESFORÇOS. QUANDO UM HÁBITO SURGE O CÉREBRO PARA DE PARTICIPAR DA TOMADA DE DECISÕES. NOSSA CABEÇA BUSCA O ÓBVIO, É MUITO MAIS GOSTOSO FICAR SE RECONSOLIDANDO QUE SAIR DA ZONA DE CONFORTO Seguimos caminhos já pavimentados na nossa cabeça, ser criativo é fazer novos caminhos. (heurística do problema, do olhar, do repertório)
  • 33.
  • 34.
  • 35. A criatividade é uma Nossa vontade de nãocriar é maior que nossa vontade de criar. Há um movimento tsunâmico de resistência, e ela pode tomar várias formas: organização, procrastinação, alcoolismo, “isso é estúpido”, esse ambiente não está confortável, necessidade de pesquisar antes de começar, etc. A resistência é um monstro de mil formas. contra si mesmo   guerra   Isso vale para a criatividade e para qualquer coisa!
  • 36. O QUE PODE TER DADO TÃO ERRADO ASSIM NA SUA VIDA PARA VOCÊ SE PREOCUPAR TANTO?
  • 37. COISA QUE PODE ACONTECER SE VOCÊ FIZER ALGUMA COISA? PIOR  Qual é a
  • 38. Para vencer o medo? Faça aquilo que você tem mais medo!
  • 39. O PODER DO HÁBITO   CRIAMOS AMBIENTES, REFERÊNCIAS E CONVIVEMOS COM PESSOAS QUE CONFIRMAM O QUE A GENTE SABE IDENTIFIQUE SEUS HÁBITOS LIMITANTES, CRIE UM NOVO HÁBITO QUE IRÁ SUPRIMIR O HÁBITO ANTIGO. SAIA DA SUA ZONA DE CONFORTO! (LEMBRANDO QUE CADA UM TEM A SUA. Se VOCÊ pula de para quedas TODO MÊS, TALVEZ sair da sua zona de conforto SEJA PASSAR UM DIA INTEIRO EM CASA PORQUE SUA DIFICULDADE É CONVIVER COM VOCÊ MESMO) Aprenda algo novo, mude as coisas de lugar, conviva com pessoas diferentes, leia sobre o que você não acredita, ouça músicas que você não gosta.
  • 40. Brainstorm do hábito – 16min Forme uma dupla faça um brainstorm silencioso dos seus hábitos (4 minutos – dirigir, responder de forma brusca, interromper as pessoas, não arrumar a cama.. Comece do básico e vá aprofundando) Escolha um hábito angular (1 minuto aquele que pode ser disseminador de mudanças em você) 5 porque’s (3 minutos pergunte 5 x o porque daquele hábito existir e tente chegar na causa) “sim, e...” pense na solução para suprimir o hábito (2 minutos – pensem em uma solução em conjunto)
  • 43. muitoas pessoas NÃOGOSTARIAM DE SER MAIS SENSÍVEIS CONFUNDIMOS SENSIBILIDADE COM FRAGILIDADE Sensibilidade é o que te permite ter empatia, TER Criatividade, enxergar outras opções, entender o que as pessoas estão dizendo
  • 44. VOU TERMINAR PORQUE EU SENTIQUE DEVIA “VOU TERMINAR COM ELE PORQUE ELE FALTA ALTO” “VOU TERMINAR COM ELE PORQUE ELE NÃO ME DEU O PRESENTE QUE EU QUERIA” “VOU TERMINAR COM ELE PORQUE ELE MUDA DE ASSUNTO TODA HORA” A GENTE PROCURA MOTIVOS RACIONAIS PARA JUSTIFICAR NOSSOS SENTIMENTOS.
  • 45. Quando você expõe o que sente está exposto a julgamentos e interpretações, positivos e negativos. Para sentir é preciso coragem, para compartilhar o que sentimos é preciso muita coragem. Mas é sua coragem que vai te ajudar a mostrar quem você realmente é, criar conexões QUE TE PERMITEM conquistar o mundo.
  • 46. QUAL É O SEU SUPERPODER? E SUA KRIPTONITA?
  • 47.
  • 48. PARE,PENSE,ESCREVA EM UM PAPEL ESCREVA QUAL SENTIMENTO VOCÊ ODEIA SENTIR EM UM PAPEL ESCREVA QUAL SENTIMENTO TE FAZ MELHOR LEIA EM VOZ ALTA (5 MINUTOS )
  • 49.
  • 50. A gente faz algo grande quando abandona a ideia de ganha e perda. É importante ficar parado um pouco, respirar, fazer o que não vai te dar Oscar, viver o processo criativo. Sucesso e fracasso pertencem ao olho do outro. o que vai dar?   foda-se.
  • 51. Quando seu parceiro te critica ele pode estar te salvando   (Porta dos fundos: são criados 12 roteiros por semana, dos 4 roteiristas cada um cria 3. E só ficam 3.) Ego = inimigo da criatividade quando o ego de uma pessoa do grupo entra, todos afloram juntos. Ego causa 2 pessoas discutindo e falando a mesma coisa. Alguém tem que ganhar, e tem que ser eu!
  • 53. Se cerque das referências mais diversas “publicitário que só usa referência em publicidade não é criativo” Faça uma lista de indivíduos que você olha, por trás desses indivíduos existem éticas que você pode trabalhar em cima. Lembre-se: quem só conhece a, só faz a..
  • 54. PARE,PENSE,ESCREVA EM UM PAPEL ESCREVA uma lista das suas referências Consulte suas referências quando for criar.
  • 55. PASSO 4: material interno
  • 56. “A maior pesquisa é seu material interno, sua vida e sua memória” Gregório duvivier “Quando você cria algo não é agora, agora você abre sua gaveta” criolo Existem detalhes da vida que nos emocionam, e isso a gente leva para tudo que fazemos. O que eu vivi? O que eu vivi hoje que me fez sentir algo? O que da sua historia te faz diferente? O que explorar do que você já viveu?”
  • 57. “Não assassine o pensar primitivo, a gente recebe muita coisa de fora e desacostuma a voltar para si mesmo.”
  • 58. “O que me faz criar não é a paz ou a meditação, é o tapa na cara. Eu não sou o lago para dar água ao viajante no deserto, eu sou um cacto que ele vai ter que quebrar para achar água. Apago meus demônios com a arte, grito para eu mesmo escutar, e quero fazer as pessoas vomitarem com a alma” Criolo “Faço poesia para saciar minha necessidade de ver o mundo pela 1ª vez. É como contar a um alienígena como é minha rua, o que é pretensiosamente desconhecido” gregório duvivier
  • 59. Mundo internoFAÇA UMA REVISÃO DA SUA VIDA. O QUE VOCÊ VIVEU QUE PODE SER FORTE PARA O QUE VOCÊ CRIA? QUAIS EXPERIÊNCIAS TE MARCARAM? QUAIS TEMAS PASSAM PELA SUA VIDA? O QUE DE MAIS FORTE VOCÊ TEM QUE PODE ESTAR EM TUDO QUE VOCÊ FAZ?
  • 60. PASSO 5: definição do problema
  • 61. É preciso o máximo de informações sobre o problema para identificar como resolvê-lo Nossa cultura foca em achar a melhor resposta, e não em fazer a melhor pergunta. Nosso sistema educacional foca mais em memorização e em respostas do que procurar novas possibilidades. O que é valorizado é encontrar as respostas certas, líderes são pagos para corrigir problemas e não para pensarem. A inabilidade de fazer as perguntas certas está ligada a nossa cultura em buscar soluções rápidas. Além disso, o ritmo acelerado de nossas vidas e trabalho muitas vezes não nos oferecem oportunidades de participar de conversas reflexivas em que podemos explorar questões catalíticos e possibilidades inovadoras antes de chegar a decisões-chave Ser criativo é parar de pensar na solução e pensar mais no problema.
  • 62.
  • 63.
  • 64.
  • 65. O que a pessoa fala nem sempre é o que ela faz, e o que ela pensa nem sempre é o que ela sente. Ao fazer uma entrevista tente escrever em post it o que é fala, o que é ação, o que é pensamento e o que é sentimento.
  • 66.
  • 67. A técnica dos 5 porquê’s permite aprofundamento. Perguntar “porque” leva a respostas mais reflexivas e conversas mais profundas. À medida que entramos em uma era em que as questões sistêmicas aparecem constantemente como a raiz de mudanças profundas, nas quais perspectivas diferentes são requeridas para soluções sustentáveis, e na qual relações de causa e efeito não são imediatamente aparentes, a capacidade de aumentar perguntas profundas é fundamental
  • 68.
  • 69.
  • 70.
  • 72. Dê um tempo para o seu cérebro Faça atividades que não tem nada a ver com o problema depois de estudar o problema para fazer a inconsciência funcionar. Que tal um cinema após o brainstorm do problema? O que te faz não pensar? Ter o momento “não pensar” te ajuda a sair da heurística. Para mim: banho, seriado, ler, beber.
  • 73. PASSO 7: ter ideias
  • 74.
  • 75.
  • 76.
  • 77. Não existe brainstorm sentado. Quando você se mexe todo o seu corpo está ativo, não existe “storm” sentado, no máximo garoa. Não existe brainstorm de 2h. Máximo de 20 minutos. Todo método precisa de limite de tempo. Nosso pensamento não é linear, então não use o computador para pensar. Use cartolina, post it, mapa mental.Seja objetivo e visual nos post its. Faça brainstorm com no máximo 8 pessoas.
  • 78.
  • 79.
  • 80.
  • 81.
  • 82.
  • 83. Idea speed dating: Para construir em cima da ideia do outro mesmo que ela seja rídicula.(escravos de jó da ideia) Em grupo, cada pessoa do grupo tem um papel. Em 1 minuto escreve uma ideia para o problema apresentado. O papel passa para o próximo, que tem 1 minuto para construir em cima da ideia e passar para o outro. Brainstorm do “sim, e...”: para não julgar (é importante fazer poker face durante brainstorm) A palavra mas é uma barreira que significa “sua ideia é uma merda” Lição de casa: faça uma DR fazendo “sim,e...”
  • 84. Brainstorm da adedanha: Para criar conceitos para um produto Personifica funções e cria um caráter Ex: um carro novo, o mostrador de indicador de gasolina se fosse um animal, uma cor, um país... Brainstorm da manchete (release thinking) para chegar em ideias de alto impacto, é resumido e diz tudo em um tweet. Escreva uma manchete que vai sair em um jornal de grande circulação.
  • 85. Brainstorm freefall writing: bom para inibir o consciente e vasculhar o inconsciente, foge de clichês, Responda a pergunta sem parar por nenhum segundo. Express brainstorm: bom para Produzir grande quantidade de ideias, tirar as ideias ruins da frente, não dá tempo de julgar. Sente em roda, uma pessoa é o marcador, cada um tem 5 segundos para ter uma ideia e colocar no post it. Se não tiver ideia pula a pessoa.
  • 87.
  • 88. Tenha 100 ideias e elimine as 95 piores Vote em silêncio, não argumente na hora de eliminar as piores Existem pontos de convergência entre as ideias? Aproxime-as Six thinking hats: agora sim é hora de julgar.interprete papéis, e se force a trocar de papéisAo escolher as melhores ideias, faça um estudo sobre elas e encontre o diferencial, seu oceano azul.
  • 89.
  • 90. PASSO 9: simple canvas
  • 92. Resuma sua ideia em 140 caracteres O objetivo é conseguir atenção O que eu vou falar em 30 segundos que vai me fazer ganhar 2 minutos de atenção? O que eu vou falar em 2 minutos que vai me fazer ganhar 10 minutos de atenção?
  • 94.
  • 95. Não espere sentado, o negócio é testar a ideia, e rápido. Só tem certeza quem faz algo a respeito Avalie todos os seus testes. o que deu certo? O que deu errado? Falhe cedo. Falhe muito. Falhe rápido. A prototipagem é um modo de vida. Teste o tempo todo
  • 96.
  • 97. PASSO 12: a folha em branco

Notas do Editor

  1. "O trabalho expande-se de modo há preencher o tempo disponível para sua realização." C. N. Parkinson, Se você tiver uma tarefa que demoraria 30 minutos para fazer, mas o seu prazo é de um dia, você provavelmente terminará ela em um dia. Se tiver uma reunião, que poderia ser feita em 10 minutos e você aloca 1 hora para ela, 1 hora será gasta. Essa é a essência da "Lei de Parkinson", revelada pela primeira vez em 1955, pelo historiador Cyril Northcote Parkinson, no The Economist. Parkinson disse: "O homem mais ocupado é o que tem mais tempo livre". Ou seja, as pessoas procuram trabalho para si mesmas; o que varia não é o tempo livre, mas a eficácia durante o tempo de execução.
  2. Talento é algo que você faz com facilidade, sem pensar muito. Tem talento que nasce com você e tem talento que você constrói, o talento também pode ser adquirido. Criatividade é um tipo de raciocinio, um modo de pensar.
  3. Deixe um pouco
  4. É importante encontrar seu propósito, para que independente de você ter um projeto próprio, uma startup, um projeto artístico ou trabalhar em uma multinacional, você deve deixar um pouco de você ali, é ser inteiro onde quer que você esteja.
  5. Inventamos o tempo todo. E acredtiamos mais na última historia que contamos do que no fato realmente vivido.
  6. De problema: como repensar esse problema? De repertório: se eu conheço A só faço A De olhar: como ver o problema que estou vivendo com outro olhar. Se você muda a posição consegue enxergar de outra forma.
  7. Exemplo criolo: escuto de tudo porqye todo mundo te ensina alguma coisa. O Rei da Cacimbinha que fazia funk ostentação com samba e falava da sua realidade.
  8. Identifique onde mora sua resistência de criar. (pesquisa e organização meu caso)
  9. A racionalização do sentimento muitas vezes é o que nos impede de agir e de criar.
  10. Em Baghdad estavam acontecendo manifestações violentas. Eles conseguiram averiguar o problema e identificar que como amontoavam pessoas, vendiam kebab e aumentavam mais pessoas ainda. As pessoas que ficavam lá bebendo e comendo kebab começavam a incentivar as briguinhas. Ao tirar os vendedores de kebab as manifestações voltaram a ser pacíficas, porque como não tinha comida só ficava lá quem realmente tinha propósito.
  11. Forma de redefinição do problema.
  12. Insight é o entendimento repentino do problema ou de como resolver o problema. É aquilo que é óbvio, mas estava escondidinho.
  13. Fluxo é quando a gente perde a noção do tempo de tão imerso que está em uma atividade. Para entrar no estado de flow é necessário encontrar um equilíbrio entre suas habilidades e o quanto aquilo te desafia. Se for muito fácil não entra, se suas habilidades forem insuficientes não entra. Toda vez que algo ou alguém te interrompe você sai desse estado e demora para entrar de novo. Por isso a importância de separar hora para email, whatsapp e facebook.
  14. Como criar em um mercado saturado
  15. Brainstorm do super herói com foco em ter uma ideia a cada 10 segundos por 5 minutos.
  16. 4 minutos escrevendo sozinho ideias em post its sobre um problema específico.