10/6/2015 10:59:00 PM
FURB – Fundação Universidade Regional de Blumenau
Redação III – Multimídia
Professor Moisés Cardoso
...
empresas que são abertas no Brasil fecham em menos de dois anos. Também fala das
dificuldades do mercado de trabalho, conc...
Hoje em dia investir em merchandising é uma importante alternativa aos tradicionais
comerciais da televisão, na maior part...
Ano 3 - Job! nº 6 – Junho de 2005
Impressão: Impressora Mayer Ltda
Páginas: 22
Coordenador: Hans Peder Behling
Tiragem: 2....
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Revista Job! nº 6 – Junho de 2005 - Ficha Técnica

148 visualizações

Publicada em

Por: Beatriz Campos, Guilherme Sá e Martin Hartmann

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
148
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Revista Job! nº 6 – Junho de 2005 - Ficha Técnica

  1. 1. 10/6/2015 10:59:00 PM FURB – Fundação Universidade Regional de Blumenau Redação III – Multimídia Professor Moisés Cardoso Acadêmicos: Beatriz Campos, Guilherme Sá e Martin Hartmann REVISTA JOB! Nº 6 O Debut da Comunicação Autores: Lídia E. Falchetti, Ludmila R. Kander e William F. Rodrigues A Furb estava a procura de um curso de comunicação, o Jornalismo era a primeira opção mas foi descartado pois já estava sendo implantado em Itajaí, então a Publicidade e Propaganda foi escolhida. As dificuldades foram enormes, não só por ser o primeiro curso do estado mas também pela falta de profissionais qualificados para ministrar os cursos. Mas graças a ousadia de alguns professores o curso foi bem sucedido com sua primeira turma e conseguiu ao final do semestre o reconhecimento do MEC. Subliminar mas nem tanto Autor: Tereza Raquel H. de Moura Ao falarmos dobre mensagem subliminar, não há quem não se lembre do experimento da Coca Cola no qual James Vicary teria inserido durante a projeção de um filme as frases, ‘’Drink Coke’’ e ‘’Eat Popcorn’’, assim aumentando as venda de ambas na saída do cinema. As mensagens subliminares em comerciais ou em filmes não precisam ser mesmo subliminares, um cheiro, uma cor ou um som são suficiente para manipular algumas pessoas e fazer com comprem ou que pelo menos tenham vontade de fazer alguma coisa. Mas o escritor Maicon Tenfen afirma que só isso não é o suficiente para fazer com que uma pessoa compre um produto. Max Gehringer Autores: Célio Martins Júnior Max Gehringer é considerado um dos maiores conferencistas da atualidade e atuou como executivoem grandes empresas, como, Pepsi, Elma Chips, Pullman, entre outras. Durante sua visita a Blumenau, a revista Job! teve a oportunidade de bater um papo descontraído sobre empreendedorismo em que Gehringer aponta os motivos pelos quais grande parte das
  2. 2. empresas que são abertas no Brasil fecham em menos de dois anos. Também fala das dificuldades do mercado de trabalho, concorrência empresarial e incentiva os jovens a empreender, dando também algumas dicas para empreender. Pipocando na sua tela Autor: Tharcyla M. Garcia Sabe quando você está navegando na internet e de repente salta uma janela na sua tela com alguma propaganda ? São os famoso pop-ups, janelinhas que podem ser muito interessantes, principalmente para os anunciantes. Basta o consumidor acessar uma página inicial e pronto, lá está. Mas existem alguns cuidados que devem ser tomados ao usar esse tipo de publicidade para a navegação na internet não se tornar desgastante, conforme diz a entidade responsável pela publicidade online, a Internet Advertising Bureau (IAB). Amyr Klink: Movido a Desafios Autores: Alexandre Amorim, André Gonçales No ultimo dia 7 de abril, esteve em Blumenau o navegador Amyr Klink. Ele ministrou uma palestra no teatro Carlos Gomes e a revista Job! aproveitou sua passagem por aqui e fez uma entrevista. As perguntas foram relacionadas a criatividade, parcerias, oportunidades, estratégias tomadas por empresas em relação a publicidade em épocas de crise, construção de idéias, e uma dica as pessoas que desejam desenvolver a comunicação. Outdoors Debochados: Vista o seu Autor: Lídia Falchetti A marca de roupas Cavalera tem sido ousada ao transformar suas camisetas em outdoors, usando imagens referenciais como fotos de personalidades ou embalagens de produtos. Os jovens, publico alvo da Cavalera se identificaram com a brincadeira que confronta o lado conservador de outras empresas, através de sátiras muito bem vindas. A marca também lida com processos judiciais constantes, pois usam outras marcas e nomes a seu favor, mas claro, a favor da arte. Merchandising televisivo nos Estados Unidos Autor: Paulo Ilha
  3. 3. Hoje em dia investir em merchandising é uma importante alternativa aos tradicionais comerciais da televisão, na maior parte porque a eficácia desse tipo de propaganda cada vez mais é questionada, já que é muito fácil evitar os tradicionais comerciais. Estima-se que nos Estados Unidos foram investidos aproximadamente 300 milhões de dólares nas principais redes de televisão do país. O preço vária de acordo com o nível de integração da marca ao programa. A Coca-Cola por exemplo gasta de 20 a 30 milhões de dólares por uma temporada inteira do American Idol. O processo de avaliação do plano de comunicação integrada de marketing Autor: Paulo Ilha. No marketing, assim como conhecer o consumidor, seus desejos e necessidades, é importante também medir ou avaliar o processo do Plano de Comunicação Integrada de Marketing (CIM). Caso não exista na empresa tempo ou habilidade suficiente para um plano de avaliação, existem institutos como a Nielsen Media Research e o Ibope Monitor que podem ajudar, além de agencias de publicidade que possuam “know how’’. Não avaliar o Plano Integrado de Comunicação e Marketing é como navegar sem saber para onde se está indo ou o que se está fazendo. Para se avaliar o impacto da comunicação, geralmente se avaliam as vendas e os pedidos do produto. Já para avaliar os efeitos das mudanças nas áreas cognitivas e de lembrança, são estudados o conhecimento e as atitudes. Eu, testemunha Autor: Eloy Simões Final da década de sessenta. A gente tinha criado recentemente o Prêmio Colunistas e ele já era um grande sucesso. Desde então acompanho de perto, por prazer e dever de ofício, a publicidade feita em Santa Catarina. Encontrei, também, donos de agências dispostos a investir. Não era fácil, porque havia carência de bons profissionais formados aqui no estado. Tinha, por outro lado poucos anunciantes dispostos a investir em comunicação de Marketing. Mas os empresários não se intimidaram, traziam gente de outros estados. Hoje, quinze anos depois da minha chegada por aí, vejo a comunicação de marketing de Santa Catarina quase no nível das melhores do país. Informações Técnicas:
  4. 4. Ano 3 - Job! nº 6 – Junho de 2005 Impressão: Impressora Mayer Ltda Páginas: 22 Coordenador: Hans Peder Behling Tiragem: 2.000 exemplares Nome dos alunos envolvidos: COMERCIAL: Ana Luiza Amorim, Andresa Leal, Célio Martins Jr., Denner Garcia, Gracila Lopes, Juliana Bortolotti, Michaela Brandt, Regina Vargas, Soiane Rodrigues CRIAÇÃO: Alex Dolzan, André Golçalves, Daniel Romão, Emanuele Regalin, Fernanda Engel, Flávia Vanelli, Gabrielle Marchetti, Joyce Affmann, Lígia Rodrigues, Marlon Tomio FOTOGRAFIA: Jonatas de Faveri PLANEJAMENTO: Alexandre Amorim, Denner Garcia, Gracila Lopes, Michaela Brandt, Naiane de Marchi, Paola de Borba, Paula Godoy, Regina Vargas REDAÇÃO: Alexandre Amorim, Célio Martins Jr., Lídia Falchetti, Paulo Ilha, Tereza de Moura, Tharcyla Garcia, Willian Rodrigues DIAGRAMAÇÃO: Fernanda Engel Patrocinadores: Belli Studio Free Multiagência Noir Studio Vê Mais Mídia Externa Artesigns Comunicação Visual Impressora Mayer

×