DO INDUSTRIAL AO DIGITAL: 
o planejamento estratégico da sua instituição em xeque? 
Luciana Faluba Damázio 
SAÚDE BUSINESS...
•Comoéoprocessodeformulaçãodaestratégiaemnossasinstituições?
Sobreo planejamentoestratégico… 
IdentidadeOrganizacional 
•Missão 
•Visão 
•Valores 
•Negócio 
ImersãoAnalítica 
•Análise...
RESULTADOS 
Maximização 
dos Lucros 
Plural 
PROCESSOS 
Deliberados 
Emergentes 
Processode formulaçãoda Estratégia… 
CLÁS...
O processo de formulação da estratégia em instituições de saúde 
0% 
20% 
40% 
60% 
80% 
100% 
Formal 
Racional 
Intencion...
“todososhomenspodemveras táticaspelasquaiseuconquisto, mas o queninguémconsegueveréa estratégiaa partirda qualgrandesvitór...
But almost all also find it scary, because it forces them to confront a future they can only guess at 
HBR.ORG 
HARVARD BU...
A nova dinâmica do ambiente de negócios 
http://www.youtube.com/watch?v=NZm5gJikhgE 
https://www.youtube.com/watch?v=F12DA...
•Osmodelosdeplanejamentoqueadotamoshojenospermitemoperarplenamenteaestratégiaemummercadoemmovimento?
Mercado emmovimento… 
PoucaMudança 
MudançaCrescente 
EmTransformação 
Descontinuidade 
Surpresa 
Nível1 
Nível2 
Nível3 
...
Operara estratégia… 
PoucaMudança 
MudançaCrescente 
EmTransformação 
Descontinuidade 
Surpresa 
Nível1 
Nível2 
Nível3 
N...
Operara estratégia… 
PoucaMudança 
MudançaCrescente 
EmTransformação 
Descontinuidade 
Surpresa 
Nível1 
Nível2 
Nível3 
N...
Estratégiaemtempo real… 
•Vigilânciacontínuados movimentosdo ambienteexterno. 
IdentidadeOrganizacional 
ImersãoAnalítica ...
InteligênciaCompetitiva 
Necessidadede Informação 
Seleçãodas Fontes 
Coletade 
Dados 
Análisedos Dados 
Validaçãoda Infor...
Plataformasde Engajamento 
Colaboraçãodos Stakeholders
Estratégiaemtempo real… 
IdentidadeOrganizacional 
ImersãoAnalítica 
ModelagemEstratégica 
Compromissode Performance 
Rada...
•Játentamosveranossainstituiçãocomoolhardonossocliente?
Monitoramentoda experiênciado cliente… 
Gestãodo Servuction 
Parte 
Invisível 
Parte 
Visível 
Cliente1 
Cliente3 
Cliente...
Estratégiaemtempo real… 
IdentidadeOrganizacional 
ImersãoAnalítica 
ModelagemEstratégica 
Compromissode Performance 
Rada...
Material de responsabilidade do professor 
OBRIGADA! 
luciana.faluba@fdc.org.br 
… planning and the other activities will ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Do industrial ao digital: O planejamento estratégico da sua instituição em xeque?

1.797 visualizações

Publicada em

Confira a apresentação da professora da FDC, Luciana Faluba, com a proposta de reformulação na ativação do planejamento estratégico dentro das instituições:

Publicada em: Negócios
2 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.797
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
2
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Do industrial ao digital: O planejamento estratégico da sua instituição em xeque?

  1. 1. DO INDUSTRIAL AO DIGITAL: o planejamento estratégico da sua instituição em xeque? Luciana Faluba Damázio SAÚDE BUSINESS FÓRUM 2014
  2. 2. •Comoéoprocessodeformulaçãodaestratégiaemnossasinstituições?
  3. 3. Sobreo planejamentoestratégico… IdentidadeOrganizacional •Missão •Visão •Valores •Negócio ImersãoAnalítica •Análisedo ambienteexterno •Análisedo ambienteinterno Modelagemestratégica •Objetivos •Plano de ação Controleda Performance •Definiçãode métricasBSCLike
  4. 4. RESULTADOS Maximização dos Lucros Plural PROCESSOS Deliberados Emergentes Processode formulaçãoda Estratégia… CLÁSSICA Processoracionalde cálculose análisesdeliberadas EVOLUCIONISTA Mercado comoforçaprincipal – sobrevivênciados maisaptos SISTÊMICA Fins e meiosda estratégialigadosàculturae aosistemasocial PROCESSUAL Processopragmáticode aprendizadoe crescimento
  5. 5. O processo de formulação da estratégia em instituições de saúde 0% 20% 40% 60% 80% 100% Formal Racional Intencional Coletivo PE das instituiçõestendema sersimilares; PE correo riscode se tornarmeradescriçãoorçamentária; PE tipicamentenãoéexplícitosobreo quea instituiçãoescolhenãofazere porquê; O esforçodo planejamentopodeserumadistraçãoparao trabalhodo estrategista.
  6. 6. “todososhomenspodemveras táticaspelasquaiseuconquisto, mas o queninguémconsegueveréa estratégiaa partirda qualgrandesvitóriassãoobtidas”. (SUN TZU) Planejamentoéo atode elaborarum roteirode um empreendimento. Éo processode estabelecer, com antecedência, as ações, osrecursos, osmétodose osmeiosnecessáriosparaa execuçãode um projeto.
  7. 7. But almost all also find it scary, because it forces them to confront a future they can only guess at HBR.ORG HARVARD BUSINESS REVIEW JANUARY–FEBRUARY 2014 The Big Lie of Strategic Planning A detailed plan may be comforting, but it’s not a strategy. by Roger L. Martin All executives know that strategy is important. The natural reaction is to make the challenge less daunting by turning it into a problem that can be solved with tried and tested tools. That nearly always means spending weeks or even months preparing a comprehensive plan for how the company will invest in existing and new assets and capabilities in order to achieve a target. In fact, if youare entirely confortable with your strategy, there’s a strong chance it isn’t very good.
  8. 8. A nova dinâmica do ambiente de negócios http://www.youtube.com/watch?v=NZm5gJikhgE https://www.youtube.com/watch?v=F12DAS-ZNDY
  9. 9. •Osmodelosdeplanejamentoqueadotamoshojenospermitemoperarplenamenteaestratégiaemummercadoemmovimento?
  10. 10. Mercado emmovimento… PoucaMudança MudançaCrescente EmTransformação Descontinuidade Surpresa Nível1 Nível2 Nível3 Nível4 Nível5 Nívelde turbulênciaambiental Umapesquisaglobalmostrouquedoisterçosdos140estrategistascorporativospesquisadosadmitiramquesuasempresasforamsurpreendidaspor,pelomenos,3eventosdealtoimpactonoseunegócio,nosúltimos5anos.(FULD,2003)
  11. 11. Operara estratégia… PoucaMudança MudançaCrescente EmTransformação Descontinuidade Surpresa Nível1 Nível2 Nível3 Nível4 Nível5 Nívelde turbulênciaambiental Controleda Performance AncoradanaExperiência Antecipaçãode Sinais Flexibilidade Criatividade
  12. 12. Operara estratégia… PoucaMudança MudançaCrescente EmTransformação Descontinuidade Surpresa Nível1 Nível2 Nível3 Nível4 Nível5 Nívelde turbulênciaambiental Controleda Performance AncoradanaExperiência Antecipaçãode Sinais Flexibilidade Criatividade InteligênciaCompetitiva
  13. 13. Estratégiaemtempo real… •Vigilânciacontínuados movimentosdo ambienteexterno. IdentidadeOrganizacional ImersãoAnalítica ModelagemEstratégica Compromissode Performance Radar da Estratégia
  14. 14. InteligênciaCompetitiva Necessidadede Informação Seleçãodas Fontes Coletade Dados Análisedos Dados Validaçãoda Informação Tratamentoda Informação Relatóriode Inteligência Disseminação
  15. 15. Plataformasde Engajamento Colaboraçãodos Stakeholders
  16. 16. Estratégiaemtempo real… IdentidadeOrganizacional ImersãoAnalítica ModelagemEstratégica Compromissode Performance Radar da Estratégia Plataformasde Engajamento Pactuaçãode metas quantitativase qualitativas. Sistemade remuneração variável
  17. 17. •Játentamosveranossainstituiçãocomoolhardonossocliente?
  18. 18. Monitoramentoda experiênciado cliente… Gestãodo Servuction Parte Invisível Parte Visível Cliente1 Cliente3 Cliente2 Cliente4 Pesquisasde Satisfação
  19. 19. Estratégiaemtempo real… IdentidadeOrganizacional ImersãoAnalítica ModelagemEstratégica Compromissode Performance Radar da Estratégia Plataformasde Engajamento Percepção do Cliente Pactuaçãode metas quantitativase qualitativas. Sistemade remuneração variável
  20. 20. Material de responsabilidade do professor OBRIGADA! luciana.faluba@fdc.org.br … planning and the other activities will always dominate strategy rather than serve it –unless a conscious effort is made to prevent that. Martin, 2014

×