A Beleza<br />Diferentes perspectivas<br />
A história começa quando Adèle Blanc-Sec, interpretada pela bela Louise Bourgoin, parte rumo ao Egipto em busca da uma cur...
Mulher do Egipto<br />
A Beleza para os gregos antigosA busca do corpo bonito e saudável é muito antiga. Para os gregos, por exemplo, a beleza do...
Mulher da Antiga Grécia<br />
Há um dito antigo segundo o qual "a força da beleza exótica fascina". Beleza exótica significa encanto, embora seja comumm...
Mulher da China Imperial<br />
.A MULHER NA IDADE MÉDIA;<br />A Igreja Católica medieval considerava a mulher como causa e objecto do pecado, pois tinha ...
Mulher da Idade Média<br />
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A beleza 2

1.471 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia, Turismo
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.471
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
532
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A beleza 2

  1. 1. A Beleza<br />Diferentes perspectivas<br />
  2. 2. A história começa quando Adèle Blanc-Sec, interpretada pela bela Louise Bourgoin, parte rumo ao Egipto em busca da uma cura de uma doença que atingiu sua irmã. Quando volta a Paris, ela percebe que a população local está atormentada devido a um ovo de pterodátilo que estranhamente chocou no museu.  A figura pré-histórica começa a ser uma ameaça aos habitantes da cidade e é mais um ingrediente dessa história repleta de aventura e mistério, o que não funciona por representar uma mistura de estilos da França com a forma americanizada de se fazer.<br />A Beleza no Antigo Egipto<br />
  3. 3. Mulher do Egipto<br />
  4. 4. A Beleza para os gregos antigosA busca do corpo bonito e saudável é muito antiga. Para os gregos, por exemplo, a beleza do corpo não era apenas estética, aparente. A beleza expressava um modo de vida do cidadão. O grego belo era aquele que praticava exercícios físicos, aprendia música, discutia política e tinha gosto pelo conhecimento e pela arte.<br />A Beleza na Antiga Grécia<br />
  5. 5. Mulher da Antiga Grécia<br />
  6. 6. Há um dito antigo segundo o qual "a força da beleza exótica fascina". Beleza exótica significa encanto, embora seja comummente mal compreendida como referindo-se apenas a "bom aspecto". Deve-se entender que o bom aspecto nunca nos pode emocionar, a menos que tenha encanto; só então a beleza se torna fascinante e exótica. Os que pensam que todas as beldades podem fascinar as pessoas precisam somente parar para pensar na razão por que todas as bonecas de seda e pinturas de mulheres nunca conseguem emocionar ninguém, . embora provavelmente seus rostos sejam dez vezes mais belos que os das mulheres vivas. <br />A Beleza da mulher na China Imperial<br />
  7. 7. Mulher da China Imperial<br />
  8. 8. .A MULHER NA IDADE MÉDIA;<br />A Igreja Católica medieval considerava a mulher como causa e objecto do pecado, pois tinha como referência a ideia do pecado original, cometido por Eva. assim, sendo, era considerada a porta de entrada para o demónio. Só não eram consideradas assim quando eram virgens, mães, esposas, ou quando viviam no convento.<br />Estes conceitos estão presentes no Cristianismo desde os primórdios. A fraqueza associada à carne estava intrinsecamente ligada a figura feminina. E vários foram os filósofos que assim concordavam. As mulheres eram vistas como criaturas débeis e susceptíveis às tentações do diabo, logo deveriam estar sempre sobre tutela masculina.<br />A Beleza da Mulher na Idade Média<br />
  9. 9. Mulher da Idade Média<br />

×