Proposta emi

1.012 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.012
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
37
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Proposta emi

  1. 1. Proposta Pedagógica Currículo - Ensino Médio Inovador Modos Contemporâneos de Viver: Ciência, Trabalho, Cultura e Tecnologia<br />Escola Estadual Tristão de Barros<br />e-mail: escolatristaodebarros@yahoo.com.br<br />Maio de 2011<br />
  2. 2. Justificativa<br /><ul><li>Traz uma reflexão sobre a prática de atividades atrativas, onde o professor ensina menos e o aluno aprende mais;
  3. 3. A proposta está para uma experiência de três anos, e em cada série/ano escolar, em suas disciplinas curriculares semestrais serão desenvolvidos projetos em cada duas unidades. Nas disciplinas bimestrais, Matemática e Língua Portuguesa, para cada bimestre também será desenvolvido um projeto.</li></ul>Missão<br /><ul><li>Oferecer ensino de qualidade que garanta o desenvolvimento humanístico do educando, sua formação ética, autonomia intelectual e pensamento crítico, preparando-o para o mundo do trabalho e capacitando-o para gerenciar seu processo de aprendizado.</li></li></ul><li> Fundamentação Teórica<br /> ...deve aprender a se relacionar com o conhecimento de forma ativa, construtiva e criadora. Para isso, o currículo ancora-se nos seguintes princípios pedagógicos: identidade, diversidade, autonomia, interdisciplinaridade e contextualização.<br />[...]A escola criativa indica que a aprendizagem ocorre sobretudo graças a um esforço espontâneo e autônomo do discente, em que o professor exerce apenas uma função de guia amigável, como ocorre na escola ou deveria ocorrer na universidade. Descobrir por si mesmo uma verdade, sem sugestões e ajudas exteriores, é criação, mesmo que a verdade seja velha, e demonstra a posse do método.” (Gramsci, 1975, p. 1536).<br />
  4. 4. Ementário das Disciplinas <br />
  5. 5. Não se implanta, de fora para dentro, uma proposta pedagógica, pois ela é sempre construída, e por isso acredito que, no caminhar de uma proposta, ou seja, no seu longo e lento processo de construção, não há um simples ponto de chegada, mas, sim, um constante chegar ao conhecimento, ao saber. <br />E esse conhecimento – nosso, dos educandos, dos profissionais que com elas trabalham – pode e precisa ser lapidado com paixão, com afeto, com beleza, pois é dele que fazemos o suave instrumento de nossa luta a cada dia. <br />
  6. 6. Metodologia <br />Faz necessário que aulas tenham uma sequência didática, partindo de níveis de conhecimento que os alunos já dominam para chegar aos níveis que eles precisam dominar; <br />É necessário o uso de laboratório, projeto de leitura, pesquisa, experimentos, atividades na biblioteca, práticas sociais, simulados, panfletagem, elaboração de jornal, exposições, viagens de estudo etc;<br />Bimestralmente a escola através de um planejamento articulado com todas as disciplinas para socialização dos trabalhos dos alunos, onde será montada uma agenda de atividades (práticas sociais, momentos culturais, panfletagem, palestras e etc.) que envolva a comunidade escolar e local;<br />Será organizado ao final do ano letivo uma Mostra Cultural para socialização desses trabalhos para a comunidade local. <br />
  7. 7. Avaliação <br />Nessa perspectiva, avaliar não é comparar pessoas. O desafio colocado por essa forma de olhar o aluno é extremamente diferenciado: requer percebê-lo em suas dimensões cognitiva, afetiva e cultural, de forma a melhor compreendê-lo em suas diferenças, em suas crenças, em sua forma de aprender. Esse olhar precisa possibilitar a autonomia do aluno para deliberar e realizar ações, responsabilizando-se por essas mesmas ações e por sua aprendizagem.<br />
  8. 8. Intrumentos de Avaliação<br />Análise de produções / registros dos alunos – diagnosticar e intervir <br />Provas: elas não são as vilãs da história<br />Avaliação qualitativa<br />Análise de erros<br />5. Simulado<br />
  9. 9. Atividades Optativas<br />PROJETO INTERDISCIPLINAR<br />DIFERENTES LINGUAGENS: CULTURAIS E TECNOLÓGICAS<br /> O Projeto tem o objetivo de fomentar a leitura, escrita e argumentação nas diversas práticas culturais e tecnológicas, por meio da pesquisa, da análise de imagens, teatro, informática, cálculo, filme, comunicação e informações.<br />
  10. 10. Atividades Optativas<br /><ul><li>Práticas letradas de ensino na escola;
  11. 11. Iniciação científica;
  12. 12. Mídia e tecnologia no cotidiano escolar;
  13. 13. Matemática e tecnologia;
  14. 14. Teatro;
  15. 15. Imagens e História;
  16. 16. Condicionamento físico e desportivo;
  17. 17. Rádio Escolar;
  18. 18. Cordel encantado;
  19. 19. Opinar, persuadir, convencer: A argumentação na produção de textos orais e escritos.</li></li></ul><li>Cronograma de Formação Continuada<br />
  20. 20. Apresentação de uma proposta curricular inovadora no/ Ensino Médio Inovador<br />Antônio Marcos Toledo Xavier (Diretor)<br />Francinete Medeiros de Lima (Supervisora)<br />Ivanês Oliveira Alexandrino (Professor de Física)<br />Maria do Socorro de Araújo Lopes (Professora de Sociologia)<br />Maria Sueli Fernandes ( 9ª DIRED)<br />Maria Selia Barros Medeiros ( 9ª DIRED)<br />

×