SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 44
Patrocínio:
Apoio:
Promoção:
Instrutor: Fernando Santesso
MARKETING &
ADMINISTRAÇÃO
Módulo 3
Resumo dos módulos (1) e (2)
- EMPREENDEDORISMO
- VISÕES DE NEGÓCIO
- OPORTUNIDADES
- TIPOS DE CONSUMIDORES
- PRODUTOS E SERVIÇOS INOVADORES
Resumo dos módulos (1) e (2)
- CARACTERÍSTICAS DO MERCADO
- ESTRATÉGIAS DE MARKETING
- TÉCNICAS DE VENDAS
- TENDÊNCIAS DA DISTRIBUIÇÃO E DO VAREJO
Questões dos módulos 1 e 2
- Depois de analisar as características atuais do
mercado onde você atua (ou pretende atuar), quais
fatores positivos e negativos destacaria sobre as
tendências de negócio para os próximos anos ?
(procure listar ao menos 3 fatores positivos e 3 negativos)
Questões dos módulos 1 e 2
- Como pretende aproveitar as oportunidades
geradas pelos fatores positivos acima listados ?
E como vai evitar ser surpreendido pelos fatores
negativos ?
(listar ações concretas)
Questões dos módulos 1 e 2
- Qual será a ênfase comercial da sua empresa?
Venda de produto ou serviço ? Se ambos, qual a
proporção da receita estimada em cada um deles?
Por quê?
(nesta questão seja coerente com as ações listadas
na pergunta 2)
Questões dos módulos 1 e 2
- Pensou em como seria a sua proposta padrão a
ser apresentada aos clientes? Seria diferente das
atuais ? Em que sentido ? Já se sente seguro para
formatar um modelo de proposta vencedora ?
Gestão de projetos
O que é um projeto?
Um Projeto é um empreendimento que se
caracteriza por ser evento temporário e ter um
objetivo único e bem definido.
O Projeto não se confunde com tarefas
rotineiras de operação normal da empresa.
Gestão de projetos
O que é um projeto?
Por que projetos falham?
Causa 1. Expectativas irrealistas.
Se é verdade que o segredo da felicidade é a administração das
expectativas, se você não administrar as suas (e as do cliente), você
pode acabar se decepcionando com resultados que, sob uma outra
ótica, seriam considerados bons.
Seja por uma falha de compreensão do escopo ou por um
cronograma muito apertado, os projetos que não têm sólidas bases
realistas tendem a falhar mais do que os projetos que levam em conta
a cultura da empresa e as restrições impostas naquele momento.
Por que projetos falham?
Causa 2. Planejamento deficiente.
Planejamento é muito mais arte do que ciência.
Você pode aprender os mais sofisticados métodos de previsão,
saber calcular o desvio-padrão de uma estimativa e usar as
ferramentas mais sofisticadas e mesmo assim errar. Porquê?
Em geral por que partiu de premissas erradas.
Por exemplo: você espera que determinado fornecedor entregue uma
tarefa com uma eficiência de 95% e ele falha em 30% das vezes. Sua
margem de manobra que era de 5% estourou e você deve
acomodar os 25% que aconteceram de forma imprevisível.
Por que projetos falham?
Causa 3. Falha no controle de desempenho.
Não há nenhuma desculpa aceitável para se perder o
controle sobre o desempenho da equipe de projeto e
de outros interessados que afetam diretamente os
resultados. Alguns gestores preferem relatórios, outros
vão para o contato cara-a-cara. Não importa como,
mas é vital que este processo de
acompanhamento seja permanente e regular. Se a
tarefa parece cansativa, automatize-a mas faça.
Por que projetos falham?
Causa 4. Falta de liderança efetiva.
As pessoas usualmente apostam que muitos ruídos se
dissipam "sozinhos", o que obviamente não acontece.
O ruído, isto é, um pequeno problema dentro da
equipe, pode ser mais do que isso. Pode ser que não
seja tão pequeno mas que assim pareça por uma falha
de percepção do gestor. Quanto maior o projeto, maior
a inércia (leia-se, resistência a mudanças) e maiores as
chances de ruídos.
Por que projetos falham?
Causa 5. Falta de skills dos membros do time de
projeto.
Quando contratou um profissional, o gestor pode ter sido enganado pensando
que o candidato sabia fazer uma coisa que na verdade não sabe, mas isso é
difícil de ocorrer se você tomar as devidas precauções como estabelecer uma
descrição funcional bem detalhada e que especifique uma série de
habilidades que possam ser verificadas.
Se acontecerem desvios, o que fazer? Trocar ou retreinar?
Depende dos recursos de tempo e verba disponíveis mas via de regra
prepare-se para mudar boa parte da equipe.
Por que projetos falham?
Estatísticas na área de TI indicam:
•31% de todos os projetos são cancelados antes de seu término.
•88% dos projetos ultrapassam seu prazo, orçamento ou ambos.
•Os projetos ultrapassam, em média, 189% dos custos
originalmente estimados.
•Os projetos ultrapassam, em média 222% do prazo
originalmente estimado.
Gerenciar, administrar, coordenar ou gerir um projeto é
a aplicação de técnicas, conhecimento e habilidades
para garantir que um projeto tenha sucesso.
E gerenciar um projeto envolve desde iniciá-lo até
finalizá-lo, passando pelas etapas de planejamento,
execução e atividades de controle.
O que é Gerenciar um
Projeto?
Fases de um projeto.
Iniciação
Planejamento Execução
Controle
Finalização
Fases de um projeto.
Tempo
RecursosAlocados
Fase
Inicial
Fase
Final
Fases Intermediárias
(uma ou mais)
Gestão do ESCOPO
Gestão dos RISCOS
Gestão dos CUSTOS
Gestão do CRONOGRAMA
Gestão da QUALIDADE
Gestão da COMUNICAÇÃO
Gestão dos RECURSOS HUMANOS
Gestão de AQUISIÇÕES
Gestão Integrada.
Gestão Integrada.
Gestão Integrada.
Definição de Risco.
Evento ou condição incerta que se ocorrer terá efeitos
positivos ou negativos nos objetivos do projeto.
Positivo = oportunidade
Negativo = ameaça
Gestão dos Riscos.
Gestão dos Riscos.
IdentificaçãoIdentificação
do Riscodo Risco
QuantificaçãoQuantificação
do Riscodo Risco
DesenvolvimentoDesenvolvimento
da Respostada Resposta
ControleControle
das Respostasdas Respostas
Gerenciamento do RiscoGerenciamento do Risco
em Projetosem Projetos
Modelo do PMI para Gerenciamento de Risco
DICA!
Criar sistema de alertas.
Documentar ocorrências.
Fornecer feedback para novos projetos.
Gestão dos Riscos.
Garantir que o projeto seja executado
dentro do orçamento aprovado
porque
Todo projeto é executado sob um
orçamento aprovado e limitado.
Gestão de Custos.
• O foco principal é no custo dos
recursos necessários para finalizar as
atividades do projeto.
• A estimativa deve ser realizada por
quem irá realizar o trabalho.
• Informações históricas são
extremamente importantes.
Gestão de Custos.
• Um custo base deve ser estimado e
aprovado, só podendo sofrer
alterações sob autorização.
• Ações corretivas devem ser
tomadas para garantir que o custo
fique enquadrado durante toda a
execução do projeto.
Gestão de Custos.
Considerar a possibilidade de
precisar de:
• Consultoria (novos processos,
acompanhamento).
•Treinamento.
• Tempo das pessoas.
•Certificações.
Gestão de Custos.
Gestão do Cronograma.
DICA!
Ao executar tarefas usando a
gerência de projeto, é importante
dividir o trabalho em diversas partes
menores, de modo que seja fácil a
definição das condições de criticidade
e de folgas.
Gestão do Cronograma.
• Definição da atividade.
• Sequenciamento de atividades.
• Estimativa de recursos da atividade.
• Estimativa de duração da atividade.
• Desenvolvimento do cronograma.
• Controle do cronograma.
Gestão da Qualidade.
O objetivo mais importante dessa
área é garantir que o projeto será
concluído dentro da qualidade
desejada, garantindo a satisfação
das necessidades de todos os
envolvidos.
Gestão da Qualidade.
LEMBRETE!
A qualidade tem custo, mas a
ausência da qualidade tem custo
maior.
Gestão da Qualidade.
•Medições de controle da qualidade.
•Reparo de defeito (após reinspeção).
•Ações corretivas recomendadas.
•Ações preventivas recomendadas.
•Mudanças solicitadas.
Gestão da Comunicação.
• Um efetivo processo de comunicação é necessário para
garantir que todas as informações desejadas cheguem às
pessoas corretas no tempo certo e de uma maneira
economicamente viável.
• Comunicação possui uma importância especial no
gerenciamento de projetos. A maioria dos problemas em
um ambiente projetizado pode ser caracterizado como
algum tipo de problema de comunicação.
Gestão da Comunicação.
No plano da comunicação deve existir um roteiro de como
as informações serão distribuídas ao longo do projeto:
- O Que
- Por que
- Quando
- Onde
- Quem
- Como
- Quanto Custa
Gestão de Recursos Humanos.
• Organizar e gerenciar a equipe de
projeto.
• Especificar as necessidades de
pessoal e habilidades necessárias.
• Definir papéis e responsabilidades.
• Gerenciar e organizar a execução
do trabalho da equipe.
Gestão de Aquisições.
(terceiros)
• Processo necessário para adquirir produtos,
serviços ou resultados externos à equipe.
• Abrange gerenciamento de contratos e
controle de mudanças.
Gestão de Aquisições.
(terceiros)
- A dependência de terceiros oferece risco
ao projeto, e por isso, deve ser bem
gerenciada para garantir que os
produtos e serviços requisitados
atendam as necessidades do projeto.
IMPORTANTE:
Cuidado deve ser tomado para não aproveitar a
facilidade com que são gerados os primeiros
resultados em determinados softwares, e
considerar o simples uso do software como sendo
uma prática completa de gerenciamento do projeto.
Softwares de apoio.
Softwares de apoio
IMPORTANTE
Lembremos sempre que o gerenciamento de
projetos envolve lidar com pessoas a todo momento
– a equipe do projeto, o cliente, quem financia o
projeto,outras áreas envolvidas, fornecedores, entre
outros, e isto requer habilidades que vão além do
simples uso de softwares.
Softwares de apoio.
- Algumas das técnicas modernas de gestão de
projetos nem requerem o uso de ferramentas
sofisticadas, por exemplo, na da fase de
planejamento é mais apropriado utilizar folhas de
flip chart e adesivos (como post-its), do que
ferramentas computacionais.
Até o módulo 4 !
Dúvidas ?
Patrocínio:
Apoio:
Promoção:
Instrutor: Fernando Santesso
OBRIGADO!
marketing@homexpert.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Escopo custo e tempo gerando a qualidade do projeto
Escopo custo e tempo gerando a qualidade do projetoEscopo custo e tempo gerando a qualidade do projeto
Escopo custo e tempo gerando a qualidade do projetoSilas Serpa
 
Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1Adson Cunha, MSc, PMP®
 
Palestra "21 erros clássicos da gestão de projetos"
Palestra "21 erros clássicos da gestão de projetos"Palestra "21 erros clássicos da gestão de projetos"
Palestra "21 erros clássicos da gestão de projetos"Eli Rodrigues
 
Recuperação de projetos em crise
Recuperação de projetos em criseRecuperação de projetos em crise
Recuperação de projetos em criseSilas Serpa
 
Seminario Riscos 2006 - Vladimir
Seminario Riscos 2006 - VladimirSeminario Riscos 2006 - Vladimir
Seminario Riscos 2006 - VladimirPeter Mello
 
Gestão de Projetos de A a Z
Gestão de Projetos de A a ZGestão de Projetos de A a Z
Gestão de Projetos de A a ZFabiano Morais
 
Workshop Gestão de projetos: Da teoria à pratica
Workshop Gestão de projetos: Da teoria à praticaWorkshop Gestão de projetos: Da teoria à pratica
Workshop Gestão de projetos: Da teoria à praticaEli Rodrigues
 
Gestao de projetos_modulo_1
Gestao de projetos_modulo_1Gestao de projetos_modulo_1
Gestao de projetos_modulo_1Target Trust
 
DMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - Lean
DMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - LeanDMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - Lean
DMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - LeanAragon Vieira
 
Gerência de projetos de software
Gerência de projetos de softwareGerência de projetos de software
Gerência de projetos de softwareNiva Silva
 
Conceitos e Evolução da Administração de Projetos
Conceitos e Evolução da Administração de ProjetosConceitos e Evolução da Administração de Projetos
Conceitos e Evolução da Administração de ProjetosAntonio Marcos Montai Messias
 
Fundamentos de Planejamento e Gestão de Projetos
Fundamentos de Planejamento e Gestão de ProjetosFundamentos de Planejamento e Gestão de Projetos
Fundamentos de Planejamento e Gestão de ProjetosLucas Faria
 
A Profissão De Gerente De Projetos E A Sua Importância Na Estratégia Das Orga...
A Profissão De Gerente De Projetos E A Sua Importância Na Estratégia Das Orga...A Profissão De Gerente De Projetos E A Sua Importância Na Estratégia Das Orga...
A Profissão De Gerente De Projetos E A Sua Importância Na Estratégia Das Orga...Júnior Rodrigues
 
Aula 3 - Gestão de Projetos
Aula 3 - Gestão de ProjetosAula 3 - Gestão de Projetos
Aula 3 - Gestão de ProjetosFernando Dantas
 

Mais procurados (20)

Escopo custo e tempo gerando a qualidade do projeto
Escopo custo e tempo gerando a qualidade do projetoEscopo custo e tempo gerando a qualidade do projeto
Escopo custo e tempo gerando a qualidade do projeto
 
Técnica de Planejamento
Técnica de PlanejamentoTécnica de Planejamento
Técnica de Planejamento
 
Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1
 
Palestra "21 erros clássicos da gestão de projetos"
Palestra "21 erros clássicos da gestão de projetos"Palestra "21 erros clássicos da gestão de projetos"
Palestra "21 erros clássicos da gestão de projetos"
 
Recuperação de projetos em crise
Recuperação de projetos em criseRecuperação de projetos em crise
Recuperação de projetos em crise
 
Seminario Riscos 2006 - Vladimir
Seminario Riscos 2006 - VladimirSeminario Riscos 2006 - Vladimir
Seminario Riscos 2006 - Vladimir
 
Gestão de Projetos de A a Z
Gestão de Projetos de A a ZGestão de Projetos de A a Z
Gestão de Projetos de A a Z
 
Gerenciamento De Projetos Final2
Gerenciamento De Projetos Final2Gerenciamento De Projetos Final2
Gerenciamento De Projetos Final2
 
Workshop Gestão de projetos: Da teoria à pratica
Workshop Gestão de projetos: Da teoria à praticaWorkshop Gestão de projetos: Da teoria à pratica
Workshop Gestão de projetos: Da teoria à pratica
 
Gestao de projetos_modulo_1
Gestao de projetos_modulo_1Gestao de projetos_modulo_1
Gestao de projetos_modulo_1
 
DMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - Lean
DMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - LeanDMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - Lean
DMAIC - Ferramentas para projetos Six Sigma - Lean
 
Gerência de projetos de software
Gerência de projetos de softwareGerência de projetos de software
Gerência de projetos de software
 
Conceitos e Evolução da Administração de Projetos
Conceitos e Evolução da Administração de ProjetosConceitos e Evolução da Administração de Projetos
Conceitos e Evolução da Administração de Projetos
 
Fundamentos de Planejamento e Gestão de Projetos
Fundamentos de Planejamento e Gestão de ProjetosFundamentos de Planejamento e Gestão de Projetos
Fundamentos de Planejamento e Gestão de Projetos
 
Treinamento em gestão de projetos
Treinamento em gestão de projetosTreinamento em gestão de projetos
Treinamento em gestão de projetos
 
A Profissão De Gerente De Projetos E A Sua Importância Na Estratégia Das Orga...
A Profissão De Gerente De Projetos E A Sua Importância Na Estratégia Das Orga...A Profissão De Gerente De Projetos E A Sua Importância Na Estratégia Das Orga...
A Profissão De Gerente De Projetos E A Sua Importância Na Estratégia Das Orga...
 
Six Sigma Metodologia DMAIC
Six Sigma Metodologia DMAICSix Sigma Metodologia DMAIC
Six Sigma Metodologia DMAIC
 
Trabalho de conclusão de curso 2013
Trabalho de conclusão de curso 2013Trabalho de conclusão de curso 2013
Trabalho de conclusão de curso 2013
 
Gerente de Projetos - Dando os primeiros passos
Gerente de Projetos - Dando os primeiros passosGerente de Projetos - Dando os primeiros passos
Gerente de Projetos - Dando os primeiros passos
 
Aula 3 - Gestão de Projetos
Aula 3 - Gestão de ProjetosAula 3 - Gestão de Projetos
Aula 3 - Gestão de Projetos
 

Destaque (20)

He 2015-04 - vídeo
He 2015-04 - vídeoHe 2015-04 - vídeo
He 2015-04 - vídeo
 
He 2015-03 - vídeo
He 2015-03 - vídeoHe 2015-03 - vídeo
He 2015-03 - vídeo
 
He 2015-04-mkt adm
He 2015-04-mkt admHe 2015-04-mkt adm
He 2015-04-mkt adm
 
He 2015-04-automação
He 2015-04-automaçãoHe 2015-04-automação
He 2015-04-automação
 
He 2015-áudio-03
He 2015-áudio-03He 2015-áudio-03
He 2015-áudio-03
 
He marketing
He marketingHe marketing
He marketing
 
He 2015-04 l - elétrica
He 2015-04 l - elétricaHe 2015-04 l - elétrica
He 2015-04 l - elétrica
 
He 2015-04-áudio
He 2015-04-áudioHe 2015-04-áudio
He 2015-04-áudio
 
He 2015-03 - acústica
He 2015-03 - acústicaHe 2015-03 - acústica
He 2015-03 - acústica
 
He 2015-automação-03
He 2015-automação-03He 2015-automação-03
He 2015-automação-03
 
He 2015-04 - acústica
He 2015-04 - acústicaHe 2015-04 - acústica
He 2015-04 - acústica
 
He 2015-02 -elétrica1
He 2015-02 -elétrica1He 2015-02 -elétrica1
He 2015-02 -elétrica1
 
Heelet
HeeletHeelet
Heelet
 
02-automa
02-automa02-automa
02-automa
 
he15mk01
he15mk01he15mk01
he15mk01
 
cabea
cabeacabea
cabea
 
acust-02
acust-02acust-02
acust-02
 
He cabeamento
He cabeamentoHe cabeamento
He cabeamento
 
h
hh
h
 
redes-2
redes-2redes-2
redes-2
 

Semelhante a He 2015-03 - mkt adm

Gestão de Projetos e Empreendedorismo: TAD-NC4 (09/09/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: TAD-NC4 (09/09/2013)Gestão de Projetos e Empreendedorismo: TAD-NC4 (09/09/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: TAD-NC4 (09/09/2013)Alessandro Almeida
 
A Gerencia Intuitiva
A Gerencia IntuitivaA Gerencia Intuitiva
A Gerencia IntuitivaAbraao Dahis
 
A Gerencia Intuitiva
A Gerencia IntuitivaA Gerencia Intuitiva
A Gerencia Intuitivaguest576a1e
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (11/09/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (11/09/2013) Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (11/09/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (11/09/2013) Alessandro Almeida
 
[slides] Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)[slides] Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)Alessandro Almeida
 
Palestra sobre comunicação interna e externa inmeta
Palestra sobre comunicação interna e externa inmetaPalestra sobre comunicação interna e externa inmeta
Palestra sobre comunicação interna e externa inmetaguestc72311
 
Artigo 3 projetos não são concluídos
Artigo 3 projetos não são concluídosArtigo 3 projetos não são concluídos
Artigo 3 projetos não são concluídosLuis Menezes
 
Gestão de Projetos (10/09/2014)
Gestão de Projetos (10/09/2014)Gestão de Projetos (10/09/2014)
Gestão de Projetos (10/09/2014)Alessandro Almeida
 
Gestão do Conhecimento aplicada à Gestão de Projetos
Gestão do Conhecimento aplicada à Gestão de ProjetosGestão do Conhecimento aplicada à Gestão de Projetos
Gestão do Conhecimento aplicada à Gestão de ProjetosBeatriz Benezra Dehtear, MBA
 
Tes ii aula 1 - unis
Tes ii   aula 1 - unisTes ii   aula 1 - unis
Tes ii aula 1 - unisAndrea Alves
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)Alessandro Almeida
 
Palestra ERP MBA Unisinos v1.0
Palestra ERP MBA Unisinos v1.0Palestra ERP MBA Unisinos v1.0
Palestra ERP MBA Unisinos v1.0GrupoMENTHOR
 
PMO - Escritório de Projetos | Workshop
PMO - Escritório de Projetos | WorkshopPMO - Escritório de Projetos | Workshop
PMO - Escritório de Projetos | WorkshopCompanyWeb
 

Semelhante a He 2015-03 - mkt adm (20)

Gestão de Projetos e Empreendedorismo: TAD-NC4 (09/09/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: TAD-NC4 (09/09/2013)Gestão de Projetos e Empreendedorismo: TAD-NC4 (09/09/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: TAD-NC4 (09/09/2013)
 
Implantação de um PMO modelo Canvas
Implantação de um PMO modelo CanvasImplantação de um PMO modelo Canvas
Implantação de um PMO modelo Canvas
 
A Gerencia Intuitiva
A Gerencia IntuitivaA Gerencia Intuitiva
A Gerencia Intuitiva
 
A Gerencia Intuitiva
A Gerencia IntuitivaA Gerencia Intuitiva
A Gerencia Intuitiva
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (11/09/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (11/09/2013) Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (11/09/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo: SIN-NA7 (11/09/2013)
 
[slides] Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)[slides] Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Gestão de Projetos (2015: 2º semestre)
 
Project Methodologies and Best Practices
Project Methodologies and Best PracticesProject Methodologies and Best Practices
Project Methodologies and Best Practices
 
Palestra sobre comunicação interna e externa inmeta
Palestra sobre comunicação interna e externa inmetaPalestra sobre comunicação interna e externa inmeta
Palestra sobre comunicação interna e externa inmeta
 
Palestra sobre comunicação interna e externa InMeta
Palestra sobre comunicação interna e externa InMetaPalestra sobre comunicação interna e externa InMeta
Palestra sobre comunicação interna e externa InMeta
 
Palestra sobre comunicação interna e externa InMeta
Palestra sobre comunicação interna e externa InMetaPalestra sobre comunicação interna e externa InMeta
Palestra sobre comunicação interna e externa InMeta
 
Artigo 3 projetos não são concluídos
Artigo 3 projetos não são concluídosArtigo 3 projetos não são concluídos
Artigo 3 projetos não são concluídos
 
Gestão de Projetos (10/09/2014)
Gestão de Projetos (10/09/2014)Gestão de Projetos (10/09/2014)
Gestão de Projetos (10/09/2014)
 
Aula 5 semana
Aula 5 semanaAula 5 semana
Aula 5 semana
 
Gestão do Conhecimento aplicada à Gestão de Projetos
Gestão do Conhecimento aplicada à Gestão de ProjetosGestão do Conhecimento aplicada à Gestão de Projetos
Gestão do Conhecimento aplicada à Gestão de Projetos
 
Tes ii aula 1 - unis
Tes ii   aula 1 - unisTes ii   aula 1 - unis
Tes ii aula 1 - unis
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
 
Artigo oquegp
Artigo oquegpArtigo oquegp
Artigo oquegp
 
Palestra ERP MBA Unisinos v1.0
Palestra ERP MBA Unisinos v1.0Palestra ERP MBA Unisinos v1.0
Palestra ERP MBA Unisinos v1.0
 
Gerencia de projetos_Mod1
Gerencia de projetos_Mod1Gerencia de projetos_Mod1
Gerencia de projetos_Mod1
 
PMO - Escritório de Projetos | Workshop
PMO - Escritório de Projetos | WorkshopPMO - Escritório de Projetos | Workshop
PMO - Escritório de Projetos | Workshop
 

Mais de FlavioCLima

He 2015-04-redes
He 2015-04-redesHe 2015-04-redes
He 2015-04-redesFlavioCLima
 
He 2015-04-cabeamento
He 2015-04-cabeamentoHe 2015-04-cabeamento
He 2015-04-cabeamentoFlavioCLima
 
Redes modulo 3 - 2015
Redes   modulo 3 - 2015Redes   modulo 3 - 2015
Redes modulo 3 - 2015FlavioCLima
 
He 2015-03 - elétrica
He 2015-03 - elétricaHe 2015-03 - elétrica
He 2015-03 - elétricaFlavioCLima
 
He 2015-cabeamento-03
He 2015-cabeamento-03He 2015-cabeamento-03
He 2015-cabeamento-03FlavioCLima
 
Noções básicas de endereçamento de redes tcp ip
Noções básicas de endereçamento de redes tcp ipNoções básicas de endereçamento de redes tcp ip
Noções básicas de endereçamento de redes tcp ipFlavioCLima
 
He 2015-áudio-02
He 2015-áudio-02He 2015-áudio-02
He 2015-áudio-02FlavioCLima
 
He 2015-01-automação
He 2015-01-automaçãoHe 2015-01-automação
He 2015-01-automaçãoFlavioCLima
 

Mais de FlavioCLima (12)

cabeamento4
cabeamento4cabeamento4
cabeamento4
 
cabeamento3
cabeamento3cabeamento3
cabeamento3
 
He 2015-04-redes
He 2015-04-redesHe 2015-04-redes
He 2015-04-redes
 
He 2015-04-cabeamento
He 2015-04-cabeamentoHe 2015-04-cabeamento
He 2015-04-cabeamento
 
Redes modulo 3 - 2015
Redes   modulo 3 - 2015Redes   modulo 3 - 2015
Redes modulo 3 - 2015
 
He 2015-03 - elétrica
He 2015-03 - elétricaHe 2015-03 - elétrica
He 2015-03 - elétrica
 
He 2015-cabeamento-03
He 2015-cabeamento-03He 2015-cabeamento-03
He 2015-cabeamento-03
 
Noções básicas de endereçamento de redes tcp ip
Noções básicas de endereçamento de redes tcp ipNoções básicas de endereçamento de redes tcp ip
Noções básicas de endereçamento de redes tcp ip
 
He video
He videoHe video
He video
 
He 2015-áudio-02
He 2015-áudio-02He 2015-áudio-02
He 2015-áudio-02
 
he15re01
he15re01he15re01
he15re01
 
He 2015-01-automação
He 2015-01-automaçãoHe 2015-01-automação
He 2015-01-automação
 

He 2015-03 - mkt adm

  • 1.
  • 3. Resumo dos módulos (1) e (2) - EMPREENDEDORISMO - VISÕES DE NEGÓCIO - OPORTUNIDADES - TIPOS DE CONSUMIDORES - PRODUTOS E SERVIÇOS INOVADORES
  • 4. Resumo dos módulos (1) e (2) - CARACTERÍSTICAS DO MERCADO - ESTRATÉGIAS DE MARKETING - TÉCNICAS DE VENDAS - TENDÊNCIAS DA DISTRIBUIÇÃO E DO VAREJO
  • 5. Questões dos módulos 1 e 2 - Depois de analisar as características atuais do mercado onde você atua (ou pretende atuar), quais fatores positivos e negativos destacaria sobre as tendências de negócio para os próximos anos ? (procure listar ao menos 3 fatores positivos e 3 negativos)
  • 6. Questões dos módulos 1 e 2 - Como pretende aproveitar as oportunidades geradas pelos fatores positivos acima listados ? E como vai evitar ser surpreendido pelos fatores negativos ? (listar ações concretas)
  • 7. Questões dos módulos 1 e 2 - Qual será a ênfase comercial da sua empresa? Venda de produto ou serviço ? Se ambos, qual a proporção da receita estimada em cada um deles? Por quê? (nesta questão seja coerente com as ações listadas na pergunta 2)
  • 8. Questões dos módulos 1 e 2 - Pensou em como seria a sua proposta padrão a ser apresentada aos clientes? Seria diferente das atuais ? Em que sentido ? Já se sente seguro para formatar um modelo de proposta vencedora ?
  • 9. Gestão de projetos O que é um projeto? Um Projeto é um empreendimento que se caracteriza por ser evento temporário e ter um objetivo único e bem definido. O Projeto não se confunde com tarefas rotineiras de operação normal da empresa.
  • 10. Gestão de projetos O que é um projeto?
  • 11. Por que projetos falham? Causa 1. Expectativas irrealistas. Se é verdade que o segredo da felicidade é a administração das expectativas, se você não administrar as suas (e as do cliente), você pode acabar se decepcionando com resultados que, sob uma outra ótica, seriam considerados bons. Seja por uma falha de compreensão do escopo ou por um cronograma muito apertado, os projetos que não têm sólidas bases realistas tendem a falhar mais do que os projetos que levam em conta a cultura da empresa e as restrições impostas naquele momento.
  • 12. Por que projetos falham? Causa 2. Planejamento deficiente. Planejamento é muito mais arte do que ciência. Você pode aprender os mais sofisticados métodos de previsão, saber calcular o desvio-padrão de uma estimativa e usar as ferramentas mais sofisticadas e mesmo assim errar. Porquê? Em geral por que partiu de premissas erradas. Por exemplo: você espera que determinado fornecedor entregue uma tarefa com uma eficiência de 95% e ele falha em 30% das vezes. Sua margem de manobra que era de 5% estourou e você deve acomodar os 25% que aconteceram de forma imprevisível.
  • 13. Por que projetos falham? Causa 3. Falha no controle de desempenho. Não há nenhuma desculpa aceitável para se perder o controle sobre o desempenho da equipe de projeto e de outros interessados que afetam diretamente os resultados. Alguns gestores preferem relatórios, outros vão para o contato cara-a-cara. Não importa como, mas é vital que este processo de acompanhamento seja permanente e regular. Se a tarefa parece cansativa, automatize-a mas faça.
  • 14. Por que projetos falham? Causa 4. Falta de liderança efetiva. As pessoas usualmente apostam que muitos ruídos se dissipam "sozinhos", o que obviamente não acontece. O ruído, isto é, um pequeno problema dentro da equipe, pode ser mais do que isso. Pode ser que não seja tão pequeno mas que assim pareça por uma falha de percepção do gestor. Quanto maior o projeto, maior a inércia (leia-se, resistência a mudanças) e maiores as chances de ruídos.
  • 15. Por que projetos falham? Causa 5. Falta de skills dos membros do time de projeto. Quando contratou um profissional, o gestor pode ter sido enganado pensando que o candidato sabia fazer uma coisa que na verdade não sabe, mas isso é difícil de ocorrer se você tomar as devidas precauções como estabelecer uma descrição funcional bem detalhada e que especifique uma série de habilidades que possam ser verificadas. Se acontecerem desvios, o que fazer? Trocar ou retreinar? Depende dos recursos de tempo e verba disponíveis mas via de regra prepare-se para mudar boa parte da equipe.
  • 16. Por que projetos falham? Estatísticas na área de TI indicam: •31% de todos os projetos são cancelados antes de seu término. •88% dos projetos ultrapassam seu prazo, orçamento ou ambos. •Os projetos ultrapassam, em média, 189% dos custos originalmente estimados. •Os projetos ultrapassam, em média 222% do prazo originalmente estimado.
  • 17. Gerenciar, administrar, coordenar ou gerir um projeto é a aplicação de técnicas, conhecimento e habilidades para garantir que um projeto tenha sucesso. E gerenciar um projeto envolve desde iniciá-lo até finalizá-lo, passando pelas etapas de planejamento, execução e atividades de controle. O que é Gerenciar um Projeto?
  • 18. Fases de um projeto. Iniciação Planejamento Execução Controle Finalização
  • 19. Fases de um projeto. Tempo RecursosAlocados Fase Inicial Fase Final Fases Intermediárias (uma ou mais)
  • 20. Gestão do ESCOPO Gestão dos RISCOS Gestão dos CUSTOS Gestão do CRONOGRAMA Gestão da QUALIDADE Gestão da COMUNICAÇÃO Gestão dos RECURSOS HUMANOS Gestão de AQUISIÇÕES Gestão Integrada.
  • 23. Definição de Risco. Evento ou condição incerta que se ocorrer terá efeitos positivos ou negativos nos objetivos do projeto. Positivo = oportunidade Negativo = ameaça Gestão dos Riscos.
  • 24. Gestão dos Riscos. IdentificaçãoIdentificação do Riscodo Risco QuantificaçãoQuantificação do Riscodo Risco DesenvolvimentoDesenvolvimento da Respostada Resposta ControleControle das Respostasdas Respostas Gerenciamento do RiscoGerenciamento do Risco em Projetosem Projetos Modelo do PMI para Gerenciamento de Risco
  • 25. DICA! Criar sistema de alertas. Documentar ocorrências. Fornecer feedback para novos projetos. Gestão dos Riscos.
  • 26. Garantir que o projeto seja executado dentro do orçamento aprovado porque Todo projeto é executado sob um orçamento aprovado e limitado. Gestão de Custos.
  • 27. • O foco principal é no custo dos recursos necessários para finalizar as atividades do projeto. • A estimativa deve ser realizada por quem irá realizar o trabalho. • Informações históricas são extremamente importantes. Gestão de Custos.
  • 28. • Um custo base deve ser estimado e aprovado, só podendo sofrer alterações sob autorização. • Ações corretivas devem ser tomadas para garantir que o custo fique enquadrado durante toda a execução do projeto. Gestão de Custos.
  • 29. Considerar a possibilidade de precisar de: • Consultoria (novos processos, acompanhamento). •Treinamento. • Tempo das pessoas. •Certificações. Gestão de Custos.
  • 30. Gestão do Cronograma. DICA! Ao executar tarefas usando a gerência de projeto, é importante dividir o trabalho em diversas partes menores, de modo que seja fácil a definição das condições de criticidade e de folgas.
  • 31. Gestão do Cronograma. • Definição da atividade. • Sequenciamento de atividades. • Estimativa de recursos da atividade. • Estimativa de duração da atividade. • Desenvolvimento do cronograma. • Controle do cronograma.
  • 32. Gestão da Qualidade. O objetivo mais importante dessa área é garantir que o projeto será concluído dentro da qualidade desejada, garantindo a satisfação das necessidades de todos os envolvidos.
  • 33. Gestão da Qualidade. LEMBRETE! A qualidade tem custo, mas a ausência da qualidade tem custo maior.
  • 34. Gestão da Qualidade. •Medições de controle da qualidade. •Reparo de defeito (após reinspeção). •Ações corretivas recomendadas. •Ações preventivas recomendadas. •Mudanças solicitadas.
  • 35. Gestão da Comunicação. • Um efetivo processo de comunicação é necessário para garantir que todas as informações desejadas cheguem às pessoas corretas no tempo certo e de uma maneira economicamente viável. • Comunicação possui uma importância especial no gerenciamento de projetos. A maioria dos problemas em um ambiente projetizado pode ser caracterizado como algum tipo de problema de comunicação.
  • 36. Gestão da Comunicação. No plano da comunicação deve existir um roteiro de como as informações serão distribuídas ao longo do projeto: - O Que - Por que - Quando - Onde - Quem - Como - Quanto Custa
  • 37. Gestão de Recursos Humanos. • Organizar e gerenciar a equipe de projeto. • Especificar as necessidades de pessoal e habilidades necessárias. • Definir papéis e responsabilidades. • Gerenciar e organizar a execução do trabalho da equipe.
  • 38. Gestão de Aquisições. (terceiros) • Processo necessário para adquirir produtos, serviços ou resultados externos à equipe. • Abrange gerenciamento de contratos e controle de mudanças.
  • 39. Gestão de Aquisições. (terceiros) - A dependência de terceiros oferece risco ao projeto, e por isso, deve ser bem gerenciada para garantir que os produtos e serviços requisitados atendam as necessidades do projeto.
  • 40. IMPORTANTE: Cuidado deve ser tomado para não aproveitar a facilidade com que são gerados os primeiros resultados em determinados softwares, e considerar o simples uso do software como sendo uma prática completa de gerenciamento do projeto. Softwares de apoio.
  • 41. Softwares de apoio IMPORTANTE Lembremos sempre que o gerenciamento de projetos envolve lidar com pessoas a todo momento – a equipe do projeto, o cliente, quem financia o projeto,outras áreas envolvidas, fornecedores, entre outros, e isto requer habilidades que vão além do simples uso de softwares.
  • 42. Softwares de apoio. - Algumas das técnicas modernas de gestão de projetos nem requerem o uso de ferramentas sofisticadas, por exemplo, na da fase de planejamento é mais apropriado utilizar folhas de flip chart e adesivos (como post-its), do que ferramentas computacionais.
  • 43. Até o módulo 4 ! Dúvidas ?