SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
Baixar para ler offline
Posicionamento do Paciente na
Mesa Operatória
Prof. Fernando de Oliveira Dutra
Cir. Ap. Digestivo - CBCD
Introdução
Boa exposição do campo
cirúrgico
Fácil acesso ao campo
cirúrgico
Introdução
Quando o posicionamento não é correto
• Dificudade de controle do anestesista
• Repercussões no pós-operatório
• Dor postural
• Lesões nervosas – neuropraxias
• Má ventilação
• Má circulação
• Dificuldade técnica da operação
Posições mais comuns
DORSAL OU SUPINA
Trendelemburg
Trendelemburg reversa (proclive)
Lateral ou SIMS
Fowler modificada (sentada)
Decúbito ventral ou prona
Kraske (depage ou canivete aberto)
Litotomia ou ginecologica
Posições mais comuns
Dorsal ou Supina
•Posição usual, deitado de costas,
•Posição mais anatômica,
•Anestesia geral – cirurgia abdominal,
•Pés não cruzados – pernas
levemente afastadas
Posições mais comuns
Trendelemburg
• Variação do decúbito dorsal
• Cirurgias do abdome inferior
• Cirurgias dos MMII
• Ombreiras e fixação, se ângulo acentuado
• Interferência na respiração
Posições mais comuns
Trendelemburg reverso ou Proclive
• Cirurgias do abdome superior, cirurgias
de cabeça e pescoço
• Hiperextensão do pescoço nas cirurgias
cervicais
• Reduz a pressão sanguínea cerebral
• Apoio para os pés em ângulos acentuados
Posições mais comuns
Posição lateral ou Sims
•Rins, Pulmões, Quadris
•Anestesia na posição supina
•Cuidado com posicionamente correto
•COXINS E FIXAÇÃO ADEQUADAS
(QUADRIS E OMBROS)
SIMS
James Marion Sims (1813-1883), considerado o “Pai da Ginecologia”,
americano, preconizou as suturas metálicas na procidência uterina,
cistocele e na anteflexão do útero. Também de sua autoria, espéculos,
válvulas vaginais, curetas, histerômetros e dilatadores, podemos
apreciar no acervo do Museu de História da Medicina, localizado em
uma sala especial na Sociedade de Medicina de Alagoas.
Estabeleceu a posição lateral para facilitar o exame vaginal, a chamada
Posição de Sims.
Posições mais comuns
Fowler modificada (sentada)
• Neurocirurgias
• Simpatectomias torácicas
• Plásticas mamárias
Dorso elevado
Suporte para pés
Fixação para cabeça
Posições mais comuns
Decúbito Ventral ou prona
•Porção posterior do corpo
•Coluna
•Desvantagem: dificudade de
respiração
Posições mais comuns
Posição de Kraske e Canivete
• Proctologia
• Início: decúbito ventral
• Angulação da mesa – coxim
• Coxins subaxilares
• Esparadrapos nas nádegas para abrir sulco
interglúteo
• Dificuldade respiratória
Posições mais comuns
Posição de Litotomia
•Cirurgias proctológicas e ginecológicas
•Nádegas próximas á dobra inferior da
mesa
•MMII em perneiras – apoio na
panturrilha
Dúvidas
FIM

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Assistencia enfermagem-cirurgica-1
Assistencia enfermagem-cirurgica-1Assistencia enfermagem-cirurgica-1
Assistencia enfermagem-cirurgica-1Heraldo Maia
 
Aula anotação de enfermagem
Aula anotação de enfermagem Aula anotação de enfermagem
Aula anotação de enfermagem Rafaela Amanso
 
Período Pós Operatório AULA 7
Período Pós Operatório AULA 7Período Pós Operatório AULA 7
Período Pós Operatório AULA 7Aline Bandeira
 
Slide Centro Cirúrgico
Slide Centro CirúrgicoSlide Centro Cirúrgico
Slide Centro CirúrgicoLuana Santos
 
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)Will Nunes
 
Protocolo de Cirurgia Segura AULA 2
Protocolo de Cirurgia Segura AULA 2Protocolo de Cirurgia Segura AULA 2
Protocolo de Cirurgia Segura AULA 2Aline Bandeira
 
Cuidados de Enfermagem pre e pos operatorios
Cuidados de Enfermagem pre e pos operatoriosCuidados de Enfermagem pre e pos operatorios
Cuidados de Enfermagem pre e pos operatoriosEduardo Bernardino
 
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005Rodrigo Abreu
 
Anotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagemAnotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagemIvanete Dias
 
Aula Central de material Esterilizado
Aula Central de material EsterilizadoAula Central de material Esterilizado
Aula Central de material EsterilizadoConceição Quirino
 
Sistematização da assistência de enfermagem
Sistematização da assistência de enfermagemSistematização da assistência de enfermagem
Sistematização da assistência de enfermagemDanilo Nunes Anunciação
 
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdfAula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdfThiagoCunha93
 
Tipos de anestesia
Tipos de anestesiaTipos de anestesia
Tipos de anestesiaGarrote Leal
 

Mais procurados (20)

Terminologia cirúrgica
Terminologia cirúrgicaTerminologia cirúrgica
Terminologia cirúrgica
 
Assistencia enfermagem-cirurgica-1
Assistencia enfermagem-cirurgica-1Assistencia enfermagem-cirurgica-1
Assistencia enfermagem-cirurgica-1
 
Transporte de pacientes
Transporte de pacientesTransporte de pacientes
Transporte de pacientes
 
Aula anotação de enfermagem
Aula anotação de enfermagem Aula anotação de enfermagem
Aula anotação de enfermagem
 
Período Pós Operatório AULA 7
Período Pós Operatório AULA 7Período Pós Operatório AULA 7
Período Pós Operatório AULA 7
 
Aula tempos cirurgicos
Aula tempos cirurgicosAula tempos cirurgicos
Aula tempos cirurgicos
 
Slide Centro Cirúrgico
Slide Centro CirúrgicoSlide Centro Cirúrgico
Slide Centro Cirúrgico
 
Centro cirurgico
Centro cirurgico Centro cirurgico
Centro cirurgico
 
Mesa e Material Cirurgico
Mesa e Material CirurgicoMesa e Material Cirurgico
Mesa e Material Cirurgico
 
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
 
Protocolo de Cirurgia Segura AULA 2
Protocolo de Cirurgia Segura AULA 2Protocolo de Cirurgia Segura AULA 2
Protocolo de Cirurgia Segura AULA 2
 
Aula sinais vitais
Aula sinais vitaisAula sinais vitais
Aula sinais vitais
 
Cuidados de Enfermagem pre e pos operatorios
Cuidados de Enfermagem pre e pos operatoriosCuidados de Enfermagem pre e pos operatorios
Cuidados de Enfermagem pre e pos operatorios
 
Uti
UtiUti
Uti
 
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005Manual de anotação de enfermagem   hospital samaritano - 2005
Manual de anotação de enfermagem hospital samaritano - 2005
 
Anotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagemAnotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagem
 
Aula Central de material Esterilizado
Aula Central de material EsterilizadoAula Central de material Esterilizado
Aula Central de material Esterilizado
 
Sistematização da assistência de enfermagem
Sistematização da assistência de enfermagemSistematização da assistência de enfermagem
Sistematização da assistência de enfermagem
 
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdfAula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
Aula 1- Assistência ao Paciente Grave.pdf
 
Tipos de anestesia
Tipos de anestesiaTipos de anestesia
Tipos de anestesia
 

Semelhante a Posicionamento Paciente Mesa

posicionamentopaciente no centro cirurgico
posicionamentopaciente no centro cirurgicoposicionamentopaciente no centro cirurgico
posicionamentopaciente no centro cirurgicoWilliamdaCostaMoreir
 
Posicionamento do paciente em mesa cirúrgica
Posicionamento do paciente em mesa cirúrgicaPosicionamento do paciente em mesa cirúrgica
Posicionamento do paciente em mesa cirúrgicaDeborahFarah2
 
AULA PRONTA POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
AULA PRONTA  POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptxAULA PRONTA  POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
AULA PRONTA POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptxMarcioCruz62
 
AULA COMPLETA 2 POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
AULA COMPLETA 2 POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptxAULA COMPLETA 2 POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
AULA COMPLETA 2 POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptxMarcioCruz62
 
Aula posicionamento completa
Aula posicionamento  completaAula posicionamento  completa
Aula posicionamento completaGleyce Brasileiro
 
POSIÇÕES PARA EXAMES.pdf
POSIÇÕES PARA EXAMES.pdfPOSIÇÕES PARA EXAMES.pdf
POSIÇÕES PARA EXAMES.pdfCASA
 
aula coluna lombar e cervical 2015 (1).pptx
aula coluna lombar e cervical 2015 (1).pptxaula coluna lombar e cervical 2015 (1).pptx
aula coluna lombar e cervical 2015 (1).pptxMiltonRicardodeMedei
 
Monitoria esqueleto axial pdf
Monitoria    esqueleto axial pdfMonitoria    esqueleto axial pdf
Monitoria esqueleto axial pdfisadoracordenonsi
 
Apresentação congresso app 2009 sobre calcaneo stop
Apresentação congresso app 2009 sobre calcaneo stopApresentação congresso app 2009 sobre calcaneo stop
Apresentação congresso app 2009 sobre calcaneo stopAntonioRamos74
 
Anatomia radiológica da coluna vertebral
Anatomia radiológica da coluna vertebral Anatomia radiológica da coluna vertebral
Anatomia radiológica da coluna vertebral Tony Parente
 
aula posies cirrgicas.pptx
aula posies cirrgicas.pptxaula posies cirrgicas.pptx
aula posies cirrgicas.pptxvaniceandrade1
 

Semelhante a Posicionamento Paciente Mesa (20)

posicionamentopaciente no centro cirurgico
posicionamentopaciente no centro cirurgicoposicionamentopaciente no centro cirurgico
posicionamentopaciente no centro cirurgico
 
Posicionamento do paciente em mesa cirúrgica
Posicionamento do paciente em mesa cirúrgicaPosicionamento do paciente em mesa cirúrgica
Posicionamento do paciente em mesa cirúrgica
 
AULA PRONTA POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
AULA PRONTA  POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptxAULA PRONTA  POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
AULA PRONTA POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
 
AULA COMPLETA 2 POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
AULA COMPLETA 2 POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptxAULA COMPLETA 2 POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
AULA COMPLETA 2 POSICIONAMENTO CIRURGICO.pptx
 
Aula posicionamento completa
Aula posicionamento  completaAula posicionamento  completa
Aula posicionamento completa
 
RM COLUNA VERTEBRAL
RM COLUNA VERTEBRALRM COLUNA VERTEBRAL
RM COLUNA VERTEBRAL
 
POSIÇÕES PARA EXAMES.pdf
POSIÇÕES PARA EXAMES.pdfPOSIÇÕES PARA EXAMES.pdf
POSIÇÕES PARA EXAMES.pdf
 
EXAMES DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICA
EXAMES DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICAEXAMES DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICA
EXAMES DE RESSONÂNCIA MAGNÉTICA
 
aula coluna lombar e cervical 2015 (1).pptx
aula coluna lombar e cervical 2015 (1).pptxaula coluna lombar e cervical 2015 (1).pptx
aula coluna lombar e cervical 2015 (1).pptx
 
Complexo articular do quadril
Complexo articular do quadrilComplexo articular do quadril
Complexo articular do quadril
 
Monitoria esqueleto axial
Monitoria    esqueleto axialMonitoria    esqueleto axial
Monitoria esqueleto axial
 
Dort
DortDort
Dort
 
Monitoria esqueleto axial pdf
Monitoria    esqueleto axial pdfMonitoria    esqueleto axial pdf
Monitoria esqueleto axial pdf
 
Slides Curso Quadril.pptx
Slides Curso Quadril.pptxSlides Curso Quadril.pptx
Slides Curso Quadril.pptx
 
Apresentação congresso app 2009 sobre calcaneo stop
Apresentação congresso app 2009 sobre calcaneo stopApresentação congresso app 2009 sobre calcaneo stop
Apresentação congresso app 2009 sobre calcaneo stop
 
Patologias da Coluna Vertebral
Patologias da Coluna VertebralPatologias da Coluna Vertebral
Patologias da Coluna Vertebral
 
Anatomia radiológica da coluna vertebral
Anatomia radiológica da coluna vertebral Anatomia radiológica da coluna vertebral
Anatomia radiológica da coluna vertebral
 
aula posies cirrgicas.pptx
aula posies cirrgicas.pptxaula posies cirrgicas.pptx
aula posies cirrgicas.pptx
 
Modulo 12
Modulo 12Modulo 12
Modulo 12
 
Sistema cardiovascular 2
Sistema cardiovascular 2Sistema cardiovascular 2
Sistema cardiovascular 2
 

Mais de Fernando de Oliveira Dutra (14)

REMIT
REMITREMIT
REMIT
 
Avaliação pré operatória
Avaliação pré operatóriaAvaliação pré operatória
Avaliação pré operatória
 
Laparotomia e fechamento
Laparotomia e fechamentoLaparotomia e fechamento
Laparotomia e fechamento
 
Hérnias abdominais
Hérnias abdominaisHérnias abdominais
Hérnias abdominais
 
Assepsia e antissepsia
Assepsia e antissepsiaAssepsia e antissepsia
Assepsia e antissepsia
 
TÉCNICA OPERATÓRIA
TÉCNICA OPERATÓRIATÉCNICA OPERATÓRIA
TÉCNICA OPERATÓRIA
 
Constipação intestinal
Constipação intestinalConstipação intestinal
Constipação intestinal
 
Abdome agudo
Abdome agudoAbdome agudo
Abdome agudo
 
Nauseas e vomitos
Nauseas e vomitosNauseas e vomitos
Nauseas e vomitos
 
Derivações intestinais sem video
Derivações intestinais sem videoDerivações intestinais sem video
Derivações intestinais sem video
 
Apendicite aguda
Apendicite agudaApendicite aguda
Apendicite aguda
 
Ostomias
OstomiasOstomias
Ostomias
 
Nós e Suturas
Nós e SuturasNós e Suturas
Nós e Suturas
 
SÍNTESE E FIOS DE SUTURA
SÍNTESE E FIOS DE SUTURASÍNTESE E FIOS DE SUTURA
SÍNTESE E FIOS DE SUTURA
 

Posicionamento Paciente Mesa

  • 1. Posicionamento do Paciente na Mesa Operatória Prof. Fernando de Oliveira Dutra Cir. Ap. Digestivo - CBCD
  • 2. Introdução Boa exposição do campo cirúrgico Fácil acesso ao campo cirúrgico
  • 3. Introdução Quando o posicionamento não é correto • Dificudade de controle do anestesista • Repercussões no pós-operatório • Dor postural • Lesões nervosas – neuropraxias • Má ventilação • Má circulação • Dificuldade técnica da operação
  • 4. Posições mais comuns DORSAL OU SUPINA Trendelemburg Trendelemburg reversa (proclive) Lateral ou SIMS Fowler modificada (sentada) Decúbito ventral ou prona Kraske (depage ou canivete aberto) Litotomia ou ginecologica
  • 5. Posições mais comuns Dorsal ou Supina •Posição usual, deitado de costas, •Posição mais anatômica, •Anestesia geral – cirurgia abdominal, •Pés não cruzados – pernas levemente afastadas
  • 6.
  • 7. Posições mais comuns Trendelemburg • Variação do decúbito dorsal • Cirurgias do abdome inferior • Cirurgias dos MMII • Ombreiras e fixação, se ângulo acentuado • Interferência na respiração
  • 8.
  • 9. Posições mais comuns Trendelemburg reverso ou Proclive • Cirurgias do abdome superior, cirurgias de cabeça e pescoço • Hiperextensão do pescoço nas cirurgias cervicais • Reduz a pressão sanguínea cerebral • Apoio para os pés em ângulos acentuados
  • 10.
  • 11. Posições mais comuns Posição lateral ou Sims •Rins, Pulmões, Quadris •Anestesia na posição supina •Cuidado com posicionamente correto •COXINS E FIXAÇÃO ADEQUADAS (QUADRIS E OMBROS)
  • 12. SIMS James Marion Sims (1813-1883), considerado o “Pai da Ginecologia”, americano, preconizou as suturas metálicas na procidência uterina, cistocele e na anteflexão do útero. Também de sua autoria, espéculos, válvulas vaginais, curetas, histerômetros e dilatadores, podemos apreciar no acervo do Museu de História da Medicina, localizado em uma sala especial na Sociedade de Medicina de Alagoas. Estabeleceu a posição lateral para facilitar o exame vaginal, a chamada Posição de Sims.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18. Posições mais comuns Fowler modificada (sentada) • Neurocirurgias • Simpatectomias torácicas • Plásticas mamárias Dorso elevado Suporte para pés Fixação para cabeça
  • 19.
  • 20. Posições mais comuns Decúbito Ventral ou prona •Porção posterior do corpo •Coluna •Desvantagem: dificudade de respiração
  • 21.
  • 22. Posições mais comuns Posição de Kraske e Canivete • Proctologia • Início: decúbito ventral • Angulação da mesa – coxim • Coxins subaxilares • Esparadrapos nas nádegas para abrir sulco interglúteo • Dificuldade respiratória
  • 23.
  • 24. Posições mais comuns Posição de Litotomia •Cirurgias proctológicas e ginecológicas •Nádegas próximas á dobra inferior da mesa •MMII em perneiras – apoio na panturrilha
  • 25.
  • 26.
  • 28. FIM

Notas do Editor

  1. experimentais sem anestesia nas mulheres afro-americanos escravizados