TRINDADE/2010
Barbosa, Marilda Claudina. Propriedades Terapêuticas daMorinda Citrifolia (Noni). Trindade, 02 dezembro 2010. 15slides. Ap...
Propriedades Terapêuticas da Morinda Citrifolia                         (Noni)Pré projeto elaborado pela acadêmica Marilda...
OrigemCaracterísticasUsoPropriedades terapêuticasToxicidadeNo BrasilPropostaHipótesesJustificativaCronogramaAgr...
Origem            Morinda citrifolia também conhecida como(Noni), na língua havaiana, Taiti aal na língua hindi.          ...
Características• Diversidade de solos• De média estatura (09 metros)• Folhas largas e simples (verdes escuras)• Frutas com...
Uso:           Na Ásia os aborígenes da Austrália o ingeremcrua com sal ou cozido com especiarias³. NasAméricas com sucos ...
Propriedades Terapêuticas:                       Atribui-se ao suco de Noni propriedades para a promoção        da saúde, ...
Toxicidade:         Ocorreram na Europa alguns casos de hepatoxicidade ,colocando em dúvida a segurança de seu uso, citare...
No Brasil, a ANVISA tenta justificar sua proibição:                A ANVISA proibiu a comercialização do fruto como       ...
Proposta de investigação:Objetivos:Verificar o grau de toxicidade em MC extraindo o seu principio ativo.Investigar se há...
Hipóteses:Isolando o principio ativo tornaria esse medicamento mais eficaz ?Em alguns países da Ásia o fruto é consumido...
Justificativa:        Por serem insuficientes os dados científicos em portadoresde diabetes, seria de grande utilidade a c...
Cronograma:     MÊS/ETAPAS         2010/2º   2011/1º   2011/2º   2012/1º   2012/2º   2013/1º   2013/2º  Escolha do tema   ...
Agradecimentos:      Ao mestre e doutor Wilson Alves Paiva pelamotivação e seriedade com que trata esse trabalho, dandoval...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação morinda

668 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Apresentação morinda

  1. 1. TRINDADE/2010
  2. 2. Barbosa, Marilda Claudina. Propriedades Terapêuticas daMorinda Citrifolia (Noni). Trindade, 02 dezembro 2010. 15slides. Apresentação em PowerPoint.
  3. 3. Propriedades Terapêuticas da Morinda Citrifolia (Noni)Pré projeto elaborado pela acadêmica Marilda Claudina deOliveira Barbosa como requisito parcial da disciplina demetodologia cientifica ministrado pelo Ms. Dr. Wilson Alvesde Paiva
  4. 4. OrigemCaracterísticasUsoPropriedades terapêuticasToxicidadeNo BrasilPropostaHipótesesJustificativaCronogramaAgradecimentos
  5. 5. Origem Morinda citrifolia também conhecida como(Noni), na língua havaiana, Taiti aal na língua hindi. Origem no sudeste asiático, difundida através daÁsia meridional, Oceania, Polinésia Francesa e PortoRico¹. 1 - Disponível em http://pt.wikipedia.org/wiki/Noni acessado em 07/12/2010
  6. 6. Características• Diversidade de solos• De média estatura (09 metros)• Folhas largas e simples (verdes escuras)• Frutas com muitas sementes, com odor forte, oval, atinge de 04 a 07 cm, cor verde mudando para amarela e finalmente quase branca². 2- Disponível em http://pt.wikipedia.org/wiki/Noni acessado em 07/12/2010
  7. 7. Uso: Na Ásia os aborígenes da Austrália o ingeremcrua com sal ou cozido com especiarias³. NasAméricas com sucos de groselha e/ou uva. 3- Idem
  8. 8. Propriedades Terapêuticas: Atribui-se ao suco de Noni propriedades para a promoção da saúde, sendo este fonte rica de carboidratos, vitaminas e minerais. Além disso, o suco de Noni teria propriedade antioxidante, a qual combate os radicais livres causadores de danos às células do corpo. Estudos realizados indicam a relação hipoglicêmica acelerando a cicatrização em ratos diabéticos.4- Fonte: Departamento de Ciências da Pré-clinica Universidade das Índias Ocidentais, Trinidad Tobago, 28/04/2007, disponível emwww.labome.org/expert/the/nayak/shivananda-b-nayak-910830.html acessado em 01/11/2010
  9. 9. Toxicidade: Ocorreram na Europa alguns casos de hepatoxicidade ,colocando em dúvida a segurança de seu uso, citaremos apenas doisdeles:Caso 01; homem de 29 anos com insuficiência hepática apósconsumo de 1,5 l do suco de Noni associado a paracetamol.Caso 02; mulher de 62 anos quadro de hepatite aguda após oconsumo de 2 l de suco de Noni de abril a junho de 2003.
  10. 10. No Brasil, a ANVISA tenta justificar sua proibição: A ANVISA proibiu a comercialização do fruto como alimento e remédio pela insuficiência de pesquisas e dados técnicos insatisfatórios. As pesquisas até então desenvolvidas foram feitas somente em ratos o que prevêem a toxicidade de 43%; 63% em não roedores o que torna insuficientes a sua liberação. Não houveram pesquisas satisfatórias com humanos .5- Fonte: Informe Técnico ANVISA nº. 25, de 29 de maio de 2007 disponível em http://www.anvisa.gov.br/alimentos/informes/25_290507.htmacessado em 06/12/2010
  11. 11. Proposta de investigação:Objetivos:Verificar o grau de toxicidade em MC extraindo o seu principio ativo.Investigar se há redução no percentual de açúcar com o uso da MCem animais.
  12. 12. Hipóteses:Isolando o principio ativo tornaria esse medicamento mais eficaz ?Em alguns países da Ásia o fruto é consumido cozido ou cru comsal, sem nenhuma intoxicação, poderia a temperatura ou o cloreto desódio (sal) anular a toxicidade do fruto ?Pode de fato o MC baixar o nível de diabetes em humanos?
  13. 13. Justificativa: Por serem insuficientes os dados científicos em portadoresde diabetes, seria de grande utilidade a confirmação de seusefeitos fitoterápicos. As pesquisas que foram realizadas em algunspaíses foram feitas com o suco diluído e industrializado, sabe-seque essas porções contém pequenas quantidades de MC. Nãoexiste um padrão especifico em sua dosagem por via oral.
  14. 14. Cronograma: MÊS/ETAPAS 2010/2º 2011/1º 2011/2º 2012/1º 2012/2º 2013/1º 2013/2º Escolha do tema Ago Levantamento bibliográfico Ago/Set Elaboração do anteprojeto Ago/Nov Apresentação do projeto Dez Coleta de dados Jan/Jun Analise dos dados Ago/Dez Organização do Jan/mar roteiro/partes Redação do trabalho Abr/Set Revisão e redação final Out/Dez Jan/out Entrega da monografia Nov Defesa da monografia Dez
  15. 15. Agradecimentos: Ao mestre e doutor Wilson Alves Paiva pelamotivação e seriedade com que trata esse trabalho, dandovalor às pesquisas por nós realizados e incentivando-nos aassumir uma postura de verdadeiros empreendedores destaforma nos direcionando para um futuro brilhante ondeseguiremos na expectativa de alcançarmos alvos maiores.

×