G E R A D O R A D E E N E R G I A
Criada em 2002, a Bioenergy foi uma das empresas pioneiras no desenvolvimento de projetosde energia renovável no Brasil. A...
2003Desenvolvimento•	de 400 MW emenergia eólicaem parceiria coma ABB no RioGrande do Norte2004Contratação de 11•	empreendi...
Áreas de NegócioGeração de Energia Eólica Geração de Energia Fotovoltáica
Estados de Atuação4 estadosbrasileiros contamatualmente comprojetos e investimentosde geração de energiada Bioenergy, tant...
Divisões de NegóciosIdentificação de Clientes Potenciais•	Oferta de Energia em ACL e ACR•	Estratégias de Negociação•	Contr...
Vantagens CompetitivasMAIOR RENTABILIDADEModelo de negócios integrado•	Ciclo operacional mais curto•	Grande experiência no...
Cronograma de Desenvolvimentopara Energia EólicaEm OperaçãoMicrositing22633,6 MWSitesPotência13374,4 MW6259,2 MW13374,4 MW...
Board de AdministraçãoPresidenteSérgio MarquesAdvogado pós-graduado em direito ambiental•	Mais de 12 anos de conhecimento ...
Novos Ventospara o BrasilParque Aratuá 1
Potencial Eólico Brasileiro3,54,04,55,05,56,06,57,07,58,08,59,0Fonte: Atlas do Potencial Eólico Brasileiro (2001)VELOCIDAD...
Potencial Solar Brasileiro3,153,503,854,204,554,905,255,605,956,306,65Source: Atlas Brasileiro de Energia Solar (2001)RADI...
Mercados de AtuaçãoMercado LivreLeilões de Energia NovaClientes Convencionais 3.000 KVaLeilões de ReservaClientes Incentiv...
Vantagens do Investimentoem Energias RenováveisAs características específicas do mercado de renováveis brasileiro atenuam ...
Nossos ProjetosParque Miassaba 2
25 3.50007.000050TorresInstaladasÁreadeCobertura(km2)2007 20112008 20122009 2010 2013(e) 2015(e)2014(e)193237351714763,438...
TecnologiaMenores turbulências e rajadas:rotores maiores e maior fator de capacidadeParâmetros básicos para as classes WTG...
Portfólio Geral BioenergyENERGIA EÓLICA85,9 %1.555,2 MWENERGIA SOLAR FV14,1%255 MWSTATUS PROJETOS MWEM OPERAÇÃO (EÓLICA) 2...
Projetos EólicosMaranhãoSituação Capacidade Instalada ParquesEm Implantação 259,2 MW 9Com Licença Ambiental eOutorga na AN...
Projetos EólicosRio Grande do NorteParquesCapacidadeInstaladaLeilãoEntrada emOperaçãoAratuá 1 14,4 MW LER09 jan/12Aratuá 3...
Projetos Solares FotovoltaicosBahiaUsinasCapacidadeInstaladaLocalTerra do Sol I a VI 84 MW Bom Jesus da LapaTerra do Sol V...
Parque Eólico Aratuá IGuamaré | RN50.177 MWhproduzidos desdeFevereiro de 201299,5%disponibilidade emDezembro de 2012Fontes...
Parque Eólico Miassaba IIGuamaré | RNFontes: 1.Geração:SINERCONSCDE;GarantiaFísica:portarianº1,de20dejaneirode2012emitidap...
Resultados de Participaçãoem Leilões9004500EnergiaComercializada(MW)CAGR+34,67%em Operação28.8 MW3,6%em Implantação374,4 M...
Resultados de Participaçãoda eólica em Leilões3ª posiçãomaior vendedorade energia eólicano BrasilRanking da Capacidade Ins...
Comparativo entre Tarifas e Fatorde Capacidade das eólicas06030FatordeCapacidade(%)45.43LER200944.0044.50FA201042.8356.60A...
Milhões de Reais*ANO 5€/CER 10€/CER 15€/CER MtCO2e2013 0.18 0.55 0.93 0.032014 2.16 6.15 10.16 0.342015 8.40 21.52 34.69 1...
Obrigado!Av. Magalhães de Castro, 4.800 | Cidade Jardim Corporate Center Torre 01 | Ed. Capital Building | 23º andar | São...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação Institucional Bioenergy

1.014 visualizações

Publicada em

Apresentação Institucional da Bioenergy - Janeiro 2013.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.014
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Institucional Bioenergy

  1. 1. G E R A D O R A D E E N E R G I A
  2. 2. Criada em 2002, a Bioenergy foi uma das empresas pioneiras no desenvolvimento de projetosde energia renovável no Brasil. Ao longo desses anos, já estruturou diversos projetos eólicos naregião Nordeste, contratados dentro das diretrizes do Programa de Incentivo às Fontes Alternativas(Proinfa), nos leilões do mercado regulado (ACR) realizados pela ANEEL e ainda, negociados nomercado livre (ACL).Dominando o ciclo de produção de energia, a empresa realiza um amplo trabalho de prospecçãoe identificação de áreas apropriadas para implantar seus projetos de geração de energia. A seguir,promove estudos, elabora projetos e cuida do licenciamento junto aos órgãos competentes, daípartindo para a implantação e o start-up. Cada fase do processo é tratada com empenho e eficiênciapara garantir o sucesso das operações.Sempre em dia com os avanços da área energética, a Bioenergy responde aos desafios dasustentabilidade, segundo o conceito de que desenvolvimento e respeito pelo ecossistema devemcaminhar lado a lado.
  3. 3. 2003Desenvolvimento• de 400 MW emenergia eólicaem parceiria coma ABB no RioGrande do Norte2004Contratação de 11• empreendimentoseólicos soba esfera doPROINFA e daELETROBRÁS2005Venda parcial do• Projeto Milleniumpara a RenergysContratação de• financiamentojunto ao Banco doNordeste para oParque Millenium2006Venda do Parque• Millenium para aPacific HydroVenda do Parque• Vale dos Ventospara a PacificHydro2007Início de• operações daCGE Millenium,com geração de10,2 MW,operadaatualmente pelaPacific Hydro2008Início de operação• da CGE Vale dosVentos, comgeração de45 MWQualificação para• os leilões A-3 eA-5 de 510 MW2009Contratação de• 162 MW noLER 2009Primeiro contrato• de fornecimentode energiaeólica no ACL(mercados livres)com a CEMIG2010Venda de• 176,4MW emprojetos parao consórcioBrasventosde Furnas,Eletronorte eJ. MalucelliVenda de 256 MW• em projetos paraServengContratação de• 28,8 MW no LFAem 20102012A Bioenergy• completa 10 anosEntrada em• operaçãocomercialde Aratuá 1Publicação do• Atlas Eólico eSolar do Estadode São PauloContratação• de 201,6 MWno A-5 2012Obtenção da• licença préviada linha detransmissão noMA - 239 Km.Aprovação do• projeto de MDLde Aratuá I,Miassaba II e doPoA Eólico peloMCTI.2011Contratados• 86,4MW noLER 2011Contratados• 57,6 MW noA-5 2011Entrada em• operaçãocomercial deMiassaba 2Outorga de• 17 projetosContratação de• financiamentopelo BNDESpara Miassaba 2e Aratuá 1Emissão de• debêntures parao DARBYCompra de• 18 aerogeradorescom a GE2002Fundada em• 22 de NovembroNossa História
  4. 4. Áreas de NegócioGeração de Energia Eólica Geração de Energia Fotovoltáica
  5. 5. Estados de Atuação4 estadosbrasileiros contamatualmente comprojetos e investimentosde geração de energiada Bioenergy, tantoeólicos quanto solaresMaranhãoRio Grande do NorteGeração de Energia SolarGeração de Energia EólicaBahiaMinas Gerais
  6. 6. Divisões de NegóciosIdentificação de Clientes Potenciais• Oferta de Energia em ACL e ACR• Estratégias de Negociação• Contratos e Modelagem de Carga• Definição de Preço Futuro• PPA• Representação junto a CCEE• Gerenciamento da Instalação• Projetos Básicos• Projetos Executivos• Gestão Operacional• Minimização dos Impactos• AmbientaisGerenciamento da Manutenção• dos AerogeradoresGerenciamento da Manutenção• da Subestação e Linha deTransmissãoControle de Disponibilidade e• Rendimento dos EquipamentosControle e Registro da Produção• Comercialização Implantação Operação e ManutençãoIdentificação de locais• Licenciamento Ambiental• Campanhas de Medição• Aprovação e Autorizações Legais• Análise de Viabilidade Técnica• e FinanceiraModelagem de Produção• Desenvolvimento
  7. 7. Vantagens CompetitivasMAIOR RENTABILIDADEModelo de negócios integrado• Ciclo operacional mais curto• Grande experiência no setor de• energia eólicaAlta capacidade na geração de projetos• Diversificação geográfica• Equipe altamente qualificada e cultura• de partnershipImplantaçãoOperaçãoDesenvolvimentoComercialização
  8. 8. Cronograma de Desenvolvimentopara Energia EólicaEm OperaçãoMicrositing22633,6 MWSitesPotência13374,4 MW6259,2 MW13374,4 MW228,8 MW24 mesesProjetos(Registro ANEEL)3 mesesOutorga ANEELLicença Ambiental6 mesesComercializaçãoe Implantação18 meses 20 anosTotal do Portfólio em Eólica1.584 MW
  9. 9. Board de AdministraçãoPresidenteSérgio MarquesAdvogado pós-graduado em direito ambiental• Mais de 12 anos de conhecimento do setor eólico no Brasil• 10 anos empreendendo no setor de energias renováveis no Brasil• ConselheiroAdhemar KajitaEngenheiro Aeronáutico formado pelo ITA• MBA pela Universidade de Chicago• Grande experiência em Project Finance• FinanceiroJúlio AndradeEngenheiro mecânico e contador pós-graduado em gestão• 10 anos de experiência em planejamento financeiro e gestão• administrativaImplantaçãoJoseh AldrinVasta experiência, com mais de 10 anos atuando na gestão de• implantação de parques eólicos no BrasilImplantaçãoDaniel NascimentoEngenheiro eletricista com mais de 3 anos de experiência na• implantação de parques eólicosNovos Projetos e Relações InstitucionaisOscar Gundes10 anos de experiência na prospecção de novos negócios no setor• de energias renováveisAmbientalRoselice MedeirosMestre em tecnologia ambiental focada em eólica• 30 anos de experiência no setor ambiental• ComercializaçãoTatiane Nakamura5 anos de experiência em gestão de projetos na Bioenergy• Especialista em gestão de projetos• A Bioenergy conta também com uma equipe técnica altamente qualificada
  10. 10. Novos Ventospara o BrasilParque Aratuá 1
  11. 11. Potencial Eólico Brasileiro3,54,04,55,05,56,06,57,07,58,08,59,0Fonte: Atlas do Potencial Eólico Brasileiro (2001)VELOCIDADE MÉDIAANUAL DO VENTOa 50m de altura(m/s)Região Norte12.8 GWRegião Nordeste75.0 GWRegião Centro-Oeste3.1 GWRegião Sudeste29.7 GWRegião Sul22.8 GW142.5 GWé o potencial eólicobrasileiro. Esse valoré comparável aopotencial hidrelétricoremanescente nopaís, de 182 GW
  12. 12. Potencial Solar Brasileiro3,153,503,854,204,554,905,255,605,956,306,65Source: Atlas Brasileiro de Energia Solar (2001)RADIAÇÃO SOLARGLOBAL HORIZONTALMÉDIA ANUAL (kWh/m2)Região Norte5,5 kWh/m2Radiação Global MédiaRegião Nordeste5,9 kWh/m2Região Centro-Oeste5,7 kWh/m2Região Sudeste5,6 kWh/m2Região Sul5,2 kWh/m2
  13. 13. Mercados de AtuaçãoMercado LivreLeilões de Energia NovaClientes Convencionais 3.000 KVaLeilões de ReservaClientes Incentivados500 KVa a 3.000 KVaComercializadorasMercado Regulado
  14. 14. Vantagens do Investimentoem Energias RenováveisAs características específicas do mercado de renováveis brasileiro atenuam a maioria das preocupações dos investidores,balizados pelas experiências anteriores no mercado internacional de renováveis.Ambiente Risco Renováveis no BrasilSubsídio do Governo Redução das iniciativas governamentais para geração de energia renovável• Não há subsídio direto do governo para energia renovável• Riscos deFinanciamentoA disponibilidade de fundos para novos projetos com custos atrativos (BNDES) é limitada e pode• apresentar restrições futuras devido à grande quantidade de projetos em desenvolvimentoO BNDES é sólido e com alta liquidez. O total de empréstimos ultrapassou a marca de R$ 120 bi• em 2012, e não há indícios de cortes para financiamentos.Histórico dos projetos desenvolvidos com alta TIR (taxa interna de retorno)• Macroeconomia Apreensividade quanto ao prolongamento da recessão global e no Brasil• O Brasil está resistente com a crise atual• O custo de mercado das turbinas vem diminuindo por conta da recessão internacional• Os fluxos de caixa são ajustados para a inflação• Fator de capacidadee Mix de tecnologiaFatores de capacidade atual em energia eólica prejudicam o retorno financeiro• Grande dependência de uma única tecnologia• O pais tem o fator de capacidade eólico acima da média (50%)• Mix balanceado em geração de energia eólica, PCH e biomassa• Suprimento deTurbinasA alta atividade do setor pode limitar a disponibilidade de equipamentos para novos projetos e/• ou inflacionar os custos de implantaçãoDependência de um único fornecedor• O cenário internacional vem aumentando a oferta de equipamentos para o mercado brasileiro,• levando à diminuição do investimento em bens de capitalRiscos de execuçãoPPARisco de execução de projetos em desenvolvimento e operacionais• PPAs com a rede necessitam ser entregues mesmo se a geração não estiver implantada• PPAs não confiáveis são raras no pais• Nenhum projeto é desenvolvido sem um PPA de longo prazo• Precificação decommoditiesExperiências negativas com energias renováveis em outros países, onde as recentes baixas nos• preços de commodities (como o gás natural) derrubou o valor da energia produzidaO preço da energia no Brasil é direcionado por outros fatores alem da volatilidade do preço das• commodities (ex. Hidrologia)Fonte: Deutsche Bank - Frost and Sullivan, BMI, Governo do Brasil, BMU e GWEC
  15. 15. Nossos ProjetosParque Miassaba 2
  16. 16. 25 3.50007.000050TorresInstaladasÁreadeCobertura(km2)2007 20112008 20122009 2010 2013(e) 2015(e)2014(e)193237351714763,438.295,199.295,790.806,695.626,333.703,145.862,818.821,381.511,102.74Cobertura Total dosProjetos da BioenergyprojeçãoTorresÁrea de Cobertura (km2)18
  17. 17. TecnologiaMenores turbulências e rajadas:rotores maiores e maior fator de capacidadeParâmetros básicos para as classes WTGSde acordo com IEC 61400-1 (2005)Parâmetros de Velocidade do VentoMedições dos Projetos da BioenergyParâmetros de TurbulênciaMaiores turbulências e rajadas deventos podem causar problemasestruturais e resultam na necessidadede rotores menores, com menor fatorde capacidadeMenores turbulências e rajadas deventos permitem o uso de rotoresmaiores, amplificando a área dealcance e produzindo maiores fatoresde capacidadeExemploVel(méd m/s)Vel(ref) I(ref) Weibull(k) Weibull(c) Diâmetro FC(%)1 8,21 22,80 6,50% 3,20 9,20 100 63,00%2 7,10 22,80 11,30% 3,20 7,90 100 49,20%3 8,30 24,40 8,00% 3,10 9,20 100 64,20%Classe Vel (méd m/s) Vel(ref)I 10 50II 8,5 42,5III 7,5 37,5Classe I(ref)A 18%B 14%C 12%
  18. 18. Portfólio Geral BioenergyENERGIA EÓLICA85,9 %1.555,2 MWENERGIA SOLAR FV14,1%255 MWSTATUS PROJETOS MWEM OPERAÇÃO (EÓLICA) 2 28,8CONTRATADOS (EÓLICA) 13 374,4OUTORGADOS SEM CONTRATO (EÓLICA) 6 259,2REGISTRADOS NA ANEEL (EÓLICA E SOLAR) 46 1.147,8Total 67 1.810,2
  19. 19. Projetos EólicosMaranhãoSituação Capacidade Instalada ParquesEm Implantação 259,2 MW 9Com Licença Ambiental eOutorga na ANEEL172,8 MW 6Em Projeto 1.008 MW 35ParquesCapacidadeInstaladaLeilãoEntrada emOperaçãoBoa Vista 1 a 11 316,8 MW –Marco dos Ventos 1 e 2 57,6 MW A-5 2011 jan/16Marco dos Ventos 3 a 12 288 MW –Ventos da Taboa 1 a 11 316,8 MW –Ventos do Norte 1 a 7 201,6 MW A-5 2012 jan/17Ventos do Norte 8 a 10 86,4 MW –Ventos Maranhenses 1 a 6 172,8 MW –Total 1.440 MW
  20. 20. Projetos EólicosRio Grande do NorteParquesCapacidadeInstaladaLeilãoEntrada emOperaçãoAratuá 1 14,4 MW LER09 jan/12Aratuá 3 28,8 MW LFA10 mar/14Caiçara do Norte 1 28,8 MW LER11 jul/14Caiçara do Norte 2 28,8 MW LER11 jul/14Miassaba 2 14,4 MW ACL09 dez/11Miassaba 4 28,8 MW LER11 jul/14Total 144,0 MWSituação Capacidade Instalada ParquesEm Operação 28,8 MW 2Em Implantação 115,2 MW 4
  21. 21. Projetos Solares FotovoltaicosBahiaUsinasCapacidadeInstaladaLocalTerra do Sol I a VI 84 MW Bom Jesus da LapaTerra do Sol VII a XV 171 MW Oliveira dos BrejinhosTotal 255 MW 9,08,5 - 9,08,0 - 8,57,5 - 8,07,0 - 7,56,5 - 7,06,0 - 6,55,5 - 6,05,0 - 5,54,5 - 5,04,0 - 4,53,5 - 4,03,0 - 3,52,5 - 3,02,0 - 2,5 2,0kWh/m2/diaBom Jesus da LapaOliveira dos BrejinhosComplexo Fotovoltaico de Bom Jesus da LapaComplexo Fotovoltaico de Oliveira dos BrejinhosTDSXIIITDSXVTDS XIVTDS XIITDS XITDS XTDS VITDSIXTDS VIIITDS ITDS II TDS IIITDS IV TDS V TDS VIBom Jesus da LapaOliveira dos BrejinhosBA-156
  22. 22. Parque Eólico Aratuá IGuamaré | RN50.177 MWhproduzidos desdeFevereiro de 201299,5%disponibilidade emDezembro de 2012Fontes: 1. Geração: SINERCON SCDE; Garantia Física: portaria nº 1, de 20 de janeiro de 2012 emitida pela Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Energético (DOU)2. SINERCON SCDE; Perda de produção calculada por aproximação em média de produção por hora.3. Geração:SINERCONSCDE;GarantiaFísica:portarianº1,de20dejaneirode2012emitidapelaSecretariadePlanejamentoeDesenvolvimentoEnergético(DOU);CertificaçãoInova:DocumentoRT-002/MGE; Certificação DNV: Report nº EARP0161. Obs.: Sazonalizada pela certificação da Inova.1. Curva apurada de Geração X Certificações e Garantia Física 3. Geração Apurada X DisponibilidadeProdução EfetivaPerda de ProduçãoDisp. Aratuá IDisp. ContratadaEnergia(MWh)Disponibilidade(%)Energia(MWh)2. Geração Apurada X Lotes Comercializados (contrato CCEE)08.0004.000Energia(MWh)Geração Garantia Física Contrato CCEEJan Fev DezSetJulJunMar MaiAbr NovOutAgo050.00025.000501007595,0%90,2%84%92,7%98,3% 97,8%99,9%97,9%99,6% 99,5%98%89,5%91Fev1.697434Mar3.327Total50.177893Jun4.17298Abr3.902270Mai4.406Jul5.044Ago6.446Set5.769Out6.088Nov5.480Dez5.543SetAgo Out Nov DezMar Abr Mai Jun Jul08.0004.000Jan FevGeraçãoGarantia FísicaInova - P50Inova - P90DNV - P50DNV - P95
  23. 23. Parque Eólico Miassaba IIGuamaré | RNFontes: 1.Geração:SINERCONSCDE;GarantiaFísica:portarianº1,de20dejaneirode2012emitidapelaSecretariadePlanejamentoeDesenvolvimentoEnergético(DOU)2. SINERCON SCDE; Perda de produção calculada por aproximação em média de produção por hora.3. Geração:SINERCONSCDE;GarantiaFísica:portarianº1,de20dejaneirode2012emitidapelaSecretariadePlanejamentoeDesenvolvimentoEnergético(DOU);Certificação Inova: Documento RT-002/MGE; Certificação DNV: Report nº EARP0161. Obs.: Sazonalizada pela certificação da Inova.63.721 MWhproduzidos desdeJaneiro de 201299,0%disponibilidade emDezembro de 20123. Geração Apurada X Disponibilidade2. Geração Apurada X contrato da CEMIGProdução EfetivaPerda de ProduçãoDisp. Miassaba IIDisp. ContratadaEnergia(MWh)Disponibilidade(%)1. Curva apurada de Geração X Certificações e Garantia Física08.0004.000Energia(MWh)GeraçãoGarantia FísicaInova - P50Inova - P90DNV - P50DNV - P95Mar Abr Mai Jun Jul SetAgo Out Nov DezJan Fev070.00035.000501007598,8% 97,4% 98,2%99,1%99,0%95,4%98,1%95,0%96%85,4%90,2% 89,6%87,5%Jun4.610Ago6.382Out6.523Nov5.935Dez6.015Set6.003Jul5.739Jan5.412452Fev4.017Mai4.8662931.31763.721Total215Mar4.072357Abr4.14708.0004.000Energia(MWh)Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul SetAgo Out Nov DezGeração Garantia Física Contrato CEMIG
  24. 24. Resultados de Participaçãoem Leilões9004500EnergiaComercializada(MW)CAGR+34,67%em Operação28.8 MW3,6%em Implantação374,4 MW46,5%ProjetosComercializadospara terceiros401.2 MW49,9%Projetos emCarteira403,2 MW50,1%55.2PROINFA2004268.0212.8ACL2009430.0162LER2009458.828.8LFA+LER2010602.8144LER+A-52011804,4201,6A-52012
  25. 25. Resultados de Participaçãoda eólica em Leilões3ª posiçãomaior vendedorade energia eólicano BrasilRanking da Capacidade Instalada Negociada em Leilões de Energia no Brasil (em MW)RENOVACPFLIMPSAELETROSULEnerfinIBERDROLA / NEOEnelGESTAMPVoltalia289,1 / 170334 / 158301,6 / 92332,4 / 13311,6 / 0541 / 41676,8 / 144362,1 / 6521016,2 / 42Capacidade Instalada Negociada (MW)804,4 / 28,8 MW1.2001.000800600400200Em ImplantaçãoEm Operação
  26. 26. Comparativo entre Tarifas e Fatorde Capacidade das eólicas06030FatordeCapacidade(%)45.43LER200944.0044.50FA201042.8356.60A-5201149.0057.64A-5201253.8448.26LER201149.90016080ValordoMegaWatt-hora(R$)152.42LER2009148.33137.77FA2010134.46100.07LER201199.57107.07A-52011105.5389.65A-5201289.86
  27. 27. Milhões de Reais*ANO 5€/CER 10€/CER 15€/CER MtCO2e2013 0.18 0.55 0.93 0.032014 2.16 6.15 10.16 0.342015 8.40 21.52 34.69 1.122016 17.43 41.79 66.14 2.062017 27.01 62.55 98.09 3.012018 36.59 83.31 130.04 3.962019 46.16 104.08 161.99 4.91* Cotação: Reais/Euro 2.4096; Reais/Dólar 1.8162Geração de Créditosde Carbono (até 2019)1809002013 2014 2017 2018 20192016201505€/CER10€/CER15€/CERMtCO2e630Reais(milhões)tCO2e(milhões)
  28. 28. Obrigado!Av. Magalhães de Castro, 4.800 | Cidade Jardim Corporate Center Torre 01 | Ed. Capital Building | 23º andar | São Paulo | SP | +55 11 3094.0950Av. Coronel Colares Moreira, 7 | Sala 1102-C | Centro Empresarial Vinicius de Morais | Calhau | São Luís | MA | CEP 67075-440Av. Rio Novo, 47 | Centro | Paulino Neves | MA | CEP 65585-000 | +55 98 3487.1310Rua Trairi, 722 | Edifício Trairi | Sala 1 | Bairro Petrópolis | Natal | RN | CEP 59020-150 | +55 84 3201.3773www.bioenergy.com.br

×