SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
MAPA - SISTEMAS HIDRÁULICOS E PNEUMÁTICOS - 54/2023
A influência da pneumática na vida moderna
A utilização da pneumática, a tecnologia que lida com o uso do ar comprimido para realizar
trabalho mecânico, tem uma história fascinante que remonta a milênios. A relação entre o homem
e a pneumática começou de forma modesta, mas com o tempo essa tecnologia se tornou um pilar
essencial da vida moderna, desempenhando um papel crucial em inúmeras indústrias e sistemas
automatizados.
A história da pneumática remonta à Grécia Antiga, quando o filósofo grego Ctesíbio de Alexandria
inventou a primeira bomba de ar, conhecida como "clepsidra", por volta do século III a.C. Essa
invenção foi inicialmente usada para medir o tempo com precisão, mas logo se tornou uma
ferramenta versátil para uma variedade de aplicações, incluindo o acionamento de órgãos
mecânicos em teatros e templos.
No entanto, a verdadeira revolução pneumática ocorreu durante a Revolução Industrial, no século
XVIII. O advento de máquinas a vapor e motores a vapor trouxe consigo a necessidade de
controlar o fluxo de ar e vapor, levando ao desenvolvimento de válvulas e atuadores pneumáticos.
A pneumática se espalhou rapidamente para fábricas, minas e sistemas de transporte,
melhorando significativamente a eficiência e a produtividade.
Hoje, a pneumática desempenha um papel vital em diversas indústrias, incluindo manufatura,
automobilística, aeroespacial e muitas outras. Ela é responsável por alimentar robôs industriais,
máquinas de produção, ferramentas pneumáticas e sistemas de controle automatizados em toda
a linha de produção. A pneumática também é amplamente utilizada em sistemas de transporte,
como trens e ônibus, para controlar freios e suspensões.
Além disso, a pneumática é uma parte essencial da automação industrial, onde sistemas
complexos são controlados por válvulas pneumáticas, cilindros e lógica pneumática. A
confiabilidade, precisão e facilidade de controle da pneumática a tornam uma escolha popular
para aplicações que exigem movimento controlado, como robótica e automação de processos.
ETAPA 1: compreendendo o funcionamento dos compressores
Os compressores de ar, em sua essência, são máquinas fascinantes que desempenham um
papel crucial em várias aplicações industriais e cotidianas. Eles têm a capacidade notável de
transformar o ar ambiente, que nos rodeia em nossa atmosfera, em uma poderosa fonte de
energia. Isso é possível através de um processo engenhoso que envolve a compressão do ar,
tornando-o útil para uma ampla gama de tarefas e operações.
Em seu funcionamento básico, os compressores de ar aspiram o ar circundante e o comprimem
em um espaço confinado. Esse processo aumenta a pressão do ar, reduzindo seu volume e,
assim, aumentando sua densidade. Como resultado, o ar se torna uma fonte rica de energia,
capaz de executar uma variedade de tarefas, desde inflar pneus até alimentar sistemas industriais
complexos.
O ar comprimido resultante pode ser armazenado em tanques ou diretamente fornecido às
aplicações que o requerem. Ele é usado em uma variedade de setores, incluindo automobilismo,
construção, indústria alimentícia, química e muito mais. Além disso, os compressores de ar
desempenham um papel fundamental na automação industrial, alimentando máquinas e sistemas
pneumáticos que controlam processos complexos.
Atividade da ETAPA 1: transformando ar em energia
Nesta etapa da nossa jornada na pneumática, você terá a oportunidade de escolher um dos tipos
de compressores de ar listados a seguir, de acordo com o quinto dígito do seu número de registro
acadêmico (RA). Cada tipo de compressor possui um funcionamento distinto e é amplamente
utilizado em diversas aplicações. Após selecionar seu compressor, sua tarefa é explicar
detalhadamente como ele opera e suas principais características.
Aqui estão as opções disponíveis, correspondentes ao quinto dígito do seu RA:
5º dígito do R.A.Compressor a ser escolhido
0 Compressor de Pistão
1 Compressor de Parafuso
2 Compressor Centrífugo
3 Compressor de Lóbulos
4 Compressor de Palhetas
5 Compressor Scroll
6 Compressor Axial
7 Compressor de Diafragma
8 Compressor Centrífugo de Alta Velocidade
9 Compressor de Alternância
Cada um desses compressores possui características únicas e é adequado para diferentes
aplicações. Portanto, utilize fontes de pesquisa confiáveis na hora de escrever suas explicações e
não esqueça de citá-las de acordo com as normas técnicas. Forneça uma explicação abrangente
sobre como o compressor selecionado funciona, destacando seu princípio de operação,
componentes-chave e aplicações comuns. Esta etapa o levará a uma compreensão mais
profunda da pneumática e de seu impacto nas indústrias modernas.
ETAPA 2: Controlando o fluxo de ar com precisão
Na jornada pela compreensão dos sistemas pneumáticos, chegamos a um componente crucial: as
válvulas pneumáticas. Esses dispositivos desempenham um papel essencial na regulação e no
controle do fluxo de ar comprimido, permitindo que máquinas e sistemas realizem uma variedade
de tarefas com precisão e eficiência.
As válvulas pneumáticas são projetadas para direcionar o fluxo de ar de acordo com comandos
específicos. Elas operam em princípios simples, mas sua importância é inestimável na automação
industrial e em várias outras aplicações. Vejamos algumas das características e aplicações das
válvulas pneumáticas:
Vias e Posições: as válvulas pneumáticas podem ter várias vias (caminhos para o fluxo de ar) e
posições (estados em que a válvula pode estar). As vias determinam quantas direções o ar pode
seguir, enquanto as posições definem os estados da válvula, como aberto, fechado ou
parcialmente aberto.
Válvulas Lógicas: além das válvulas tradicionais, existem as chamadas válvulas lógicas, que
funcionam com base em comandos lógicos pneumáticos. Isso permite a criação de sequências
complexas de operações controladas por sistemas de automação.
Aplicações Diversas: as válvulas pneumáticas são usadas em uma ampla gama de aplicações,
desde operações de linha de montagem em fábricas até sistemas de controle de tráfego em
cidades. Elas estão presentes em máquinas industriais, sistemas de transporte pneumático,
sistemas de embalagem, sistemas de freio pneumático em veículos pesados e muito mais.
Precisão e Rapidez: uma das principais vantagens das válvulas pneumáticas é sua capacidade
de oferecer controle preciso e resposta rápida. Isso as torna ideais para aplicações que exigem
movimentos precisos e repetitivos.
Confiabilidade e Durabilidade: as válvulas pneumáticas são conhecidas por sua confiabilidade e
durabilidade. Elas são capazes de operar em ambientes adversos e sob condições severas,
tornando-as uma escolha sólida para ambientes industriais.
Integração com Automação: as válvulas são frequentemente integradas a sistemas de
automação industrial, permitindo o controle preciso e a monitorização em tempo real de
processos complexos.
Atividade da ETAPA 2: identificação e caracterização das componentes pneumáticos
Nesta etapa do nosso aprendizado sobre sistemas pneumáticos, vamos mergulhar em um
diagrama pneumático que representa um circuito pneumático real. Seu desafio é identificar cada
uma das válvulas pneumáticas presentes no diagrama e descrever suas características e
funcionalidades, seguindo o exemplo fornecido.
Aqui está o diagrama pneumático para sua análise:
Para realizar essa tarefa, preencha a tabela a seguir:
ComponenteDescrição
01 Válvula 3/2 vias com acionamento por rolete fixo e retorno por mola.
02
03
04
05
06
07
08
09
10
11
12
13
14
15
16
17
18
Lembre-se de aplicar o mesmo método de caracterização para cada válvula que você identificar
no diagrama pneumático. Este exercício o ajudará a compreender as diferentes funções das
válvulas pneumáticas em um contexto real de automação industrial e sistemas pneumáticos. Boa
exploração!
ETAPA 3: automação industrial com sistemas pneumáticos e eletropneumáticos
A automação industrial é uma revolução silenciosa que está moldando o mundo da manufatura e
da produção. Em seu núcleo, a automação visa melhorar a eficiência, a precisão e a
confiabilidade dos processos industriais por meio da substituição de tarefas manuais por sistemas
controlados por máquinas. Nesse cenário, os sistemas pneumáticos e eletropneumáticos
desempenham papéis vitais.
Sistemas Pneumáticos na Automação Industrial
Os sistemas pneumáticos utilizam ar comprimido como meio de energia para realizar trabalho.
Eles são amplamente empregados na automação industrial devido a várias vantagens:
- Eficiência Energética: os sistemas pneumáticos são conhecidos por sua eficiência energética.
Eles podem ser ligados e desligados rapidamente, permitindo ciclos de trabalho precisos e
rápidos.
- Flexibilidade: os componentes pneumáticos são modulares e podem ser facilmente adaptados
para diferentes aplicações. Isso torna os sistemas pneumáticos versáteis e econômicos.
- Ambiente Amigável: o ar comprimido é um recurso limpo e seguro, o que o torna adequado
para ambientes industriais variados.
- Custos Iniciais Baixos: comparados a sistemas hidráulicos ou elétricos, os sistemas
pneumáticos frequentemente têm custos iniciais mais baixos.
Exemplos de aplicações pneumáticas na automação industrial incluem máquinas de embalagem,
robótica, máquinas-ferramenta e sistemas de transporte.
Sistemas Eletropneumáticos na Automação Industrial
Os sistemas eletropneumáticos combinam elementos pneumáticos com eletrônicos para controle
preciso. Aqui estão algumas características-chave:
- Controle Preciso: a combinação de eletrônica permite um controle altamente preciso sobre as
ações pneumáticas. Isso é essencial em aplicações que exigem movimentos exatos.
- Programação Flexível: os sistemas eletropneumáticos podem ser programados para executar
sequências complexas de operações, tornando-os ideais para automação avançada.
- Integração com Eletrônica: eles podem se integrar facilmente a sistemas de controle de
automação maiores, permitindo a coordenação com outros componentes elétricos e eletrônicos.
Exemplos de aplicações eletropneumáticas incluem sistemas de posicionamento de peças em
linhas de montagem, sistemas de embalagem e máquinas de usinagem de alta precisão.
Atividade da ETAPA 3: projetando um diagrama pneumático
Neste cenário, vamos explorar um processo industrial de corte utilizando uma guilhotina
controlada por um sistema pneumático com acionamento bimanual. Esse processo é comum em
indústrias que precisam cortar materiais diversos, como papel, metal, plástico, entre outros.
Descrição do Processo:
Posicionamento Inicial: o operador inicia o processo com as mãos nos botões de acionamento
bimanual, que estão localizados em ambos os lados da guilhotina. A peça a ser cortada é
posicionada sob a lâmina da guilhotina.
Acionamento Bimanual: o operador pressiona simultaneamente os botões de acionamento
bimanual, um com cada mão. Esse acionamento bimanual é uma medida de segurança
importante, pois garante que o operador tenha controle total sobre o início do ciclo de corte e
evita acidentes.
Atuador A - Fixação da Peça: quando os botões de acionamento bimanual são pressionados, o
atuador pneumático A é ativado. O atuador A exerce pressão para baixo, fixando firmemente a
peça a ser cortada, impedindo que ela se mova durante o processo de corte.
Atuador B - Descida da Faca de Corte: Com a peça devidamente fixada, o atuador pneumático
B é acionado. O atuador B controla a descida da lâmina da guilhotina de forma controlada e
precisa. A lâmina corta o material conforme desce.
Retorno e Liberação: após a lâmina da guilhotina atingir o final do corte, o atuador B retorna à
sua posição inicial. Em seguida, o atuador A é desativado, liberando a peça cortada.
Retorno à Posição Inicial: a guilhotina retorna a sua posição inicial, pronta para o próximo ciclo
de corte. O operador pode então remover a peça cortada e repetir o processo conforme
necessário.
Agora que você compreende o processo industrial de corte com guilhotina controlada por um
sistema pneumático com acionamento bimanual, é hora de assumir o desafio de projetar o
diagrama pneumático que tornará esse sistema funcional. Seu diagrama pneumático deve
representar claramente como os componentes pneumáticos estão interconectados e como eles
realizam as ações descritas no processo.
Obs.: diagrama pneumático deve ser realizado no FluidSim. Para a entrega da atividade,
colocar a imagem no documento da resposta.

Mais conteúdo relacionado

Último

LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurançaLEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurançaGuilhermeLucio9
 
Eletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante TamandaréEletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante TamandaréGuilhermeLucio9
 
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção IndividualTreinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individualpablocastilho3
 
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.pptA EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.pptssuserb964fe
 
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdfLivro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdfSamuel Ramos
 
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade AnhangueraTecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade AnhangueraGuilhermeLucio9
 
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboralA Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboralFranciscaArrudadaSil
 

Último (7)

LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurançaLEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
LEAN SIX SIGMA - Garantia da qualidade e segurança
 
Eletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante TamandaréEletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
Eletricista instalador - Senai Almirante Tamandaré
 
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção IndividualTreinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
Treinamento de NR06 Equipamento de Proteção Individual
 
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.pptA EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
A EXTENSÃO RURAL NO BRASIL Sociologia e Extensão 1 2014.ppt
 
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdfLivro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
Livro Vibrações Mecânicas - Rao Singiresu - 4ª Ed.pdf
 
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade AnhangueraTecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
Tecnólogo em Mecatrônica - Universidade Anhanguera
 
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboralA Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
A Importância dos EPI's no trabalho e no dia a dia laboral
 

Destaque

Product Design Trends in 2024 | Teenage Engineerings
Product Design Trends in 2024 | Teenage EngineeringsProduct Design Trends in 2024 | Teenage Engineerings
Product Design Trends in 2024 | Teenage EngineeringsPixeldarts
 
How Race, Age and Gender Shape Attitudes Towards Mental Health
How Race, Age and Gender Shape Attitudes Towards Mental HealthHow Race, Age and Gender Shape Attitudes Towards Mental Health
How Race, Age and Gender Shape Attitudes Towards Mental HealthThinkNow
 
AI Trends in Creative Operations 2024 by Artwork Flow.pdf
AI Trends in Creative Operations 2024 by Artwork Flow.pdfAI Trends in Creative Operations 2024 by Artwork Flow.pdf
AI Trends in Creative Operations 2024 by Artwork Flow.pdfmarketingartwork
 
PEPSICO Presentation to CAGNY Conference Feb 2024
PEPSICO Presentation to CAGNY Conference Feb 2024PEPSICO Presentation to CAGNY Conference Feb 2024
PEPSICO Presentation to CAGNY Conference Feb 2024Neil Kimberley
 
Content Methodology: A Best Practices Report (Webinar)
Content Methodology: A Best Practices Report (Webinar)Content Methodology: A Best Practices Report (Webinar)
Content Methodology: A Best Practices Report (Webinar)contently
 
How to Prepare For a Successful Job Search for 2024
How to Prepare For a Successful Job Search for 2024How to Prepare For a Successful Job Search for 2024
How to Prepare For a Successful Job Search for 2024Albert Qian
 
Social Media Marketing Trends 2024 // The Global Indie Insights
Social Media Marketing Trends 2024 // The Global Indie InsightsSocial Media Marketing Trends 2024 // The Global Indie Insights
Social Media Marketing Trends 2024 // The Global Indie InsightsKurio // The Social Media Age(ncy)
 
Trends In Paid Search: Navigating The Digital Landscape In 2024
Trends In Paid Search: Navigating The Digital Landscape In 2024Trends In Paid Search: Navigating The Digital Landscape In 2024
Trends In Paid Search: Navigating The Digital Landscape In 2024Search Engine Journal
 
5 Public speaking tips from TED - Visualized summary
5 Public speaking tips from TED - Visualized summary5 Public speaking tips from TED - Visualized summary
5 Public speaking tips from TED - Visualized summarySpeakerHub
 
ChatGPT and the Future of Work - Clark Boyd
ChatGPT and the Future of Work - Clark Boyd ChatGPT and the Future of Work - Clark Boyd
ChatGPT and the Future of Work - Clark Boyd Clark Boyd
 
Getting into the tech field. what next
Getting into the tech field. what next Getting into the tech field. what next
Getting into the tech field. what next Tessa Mero
 
Google's Just Not That Into You: Understanding Core Updates & Search Intent
Google's Just Not That Into You: Understanding Core Updates & Search IntentGoogle's Just Not That Into You: Understanding Core Updates & Search Intent
Google's Just Not That Into You: Understanding Core Updates & Search IntentLily Ray
 
Time Management & Productivity - Best Practices
Time Management & Productivity -  Best PracticesTime Management & Productivity -  Best Practices
Time Management & Productivity - Best PracticesVit Horky
 
The six step guide to practical project management
The six step guide to practical project managementThe six step guide to practical project management
The six step guide to practical project managementMindGenius
 
Beginners Guide to TikTok for Search - Rachel Pearson - We are Tilt __ Bright...
Beginners Guide to TikTok for Search - Rachel Pearson - We are Tilt __ Bright...Beginners Guide to TikTok for Search - Rachel Pearson - We are Tilt __ Bright...
Beginners Guide to TikTok for Search - Rachel Pearson - We are Tilt __ Bright...RachelPearson36
 
Unlocking the Power of ChatGPT and AI in Testing - A Real-World Look, present...
Unlocking the Power of ChatGPT and AI in Testing - A Real-World Look, present...Unlocking the Power of ChatGPT and AI in Testing - A Real-World Look, present...
Unlocking the Power of ChatGPT and AI in Testing - A Real-World Look, present...Applitools
 
12 Ways to Increase Your Influence at Work
12 Ways to Increase Your Influence at Work12 Ways to Increase Your Influence at Work
12 Ways to Increase Your Influence at WorkGetSmarter
 

Destaque (20)

Product Design Trends in 2024 | Teenage Engineerings
Product Design Trends in 2024 | Teenage EngineeringsProduct Design Trends in 2024 | Teenage Engineerings
Product Design Trends in 2024 | Teenage Engineerings
 
How Race, Age and Gender Shape Attitudes Towards Mental Health
How Race, Age and Gender Shape Attitudes Towards Mental HealthHow Race, Age and Gender Shape Attitudes Towards Mental Health
How Race, Age and Gender Shape Attitudes Towards Mental Health
 
AI Trends in Creative Operations 2024 by Artwork Flow.pdf
AI Trends in Creative Operations 2024 by Artwork Flow.pdfAI Trends in Creative Operations 2024 by Artwork Flow.pdf
AI Trends in Creative Operations 2024 by Artwork Flow.pdf
 
Skeleton Culture Code
Skeleton Culture CodeSkeleton Culture Code
Skeleton Culture Code
 
PEPSICO Presentation to CAGNY Conference Feb 2024
PEPSICO Presentation to CAGNY Conference Feb 2024PEPSICO Presentation to CAGNY Conference Feb 2024
PEPSICO Presentation to CAGNY Conference Feb 2024
 
Content Methodology: A Best Practices Report (Webinar)
Content Methodology: A Best Practices Report (Webinar)Content Methodology: A Best Practices Report (Webinar)
Content Methodology: A Best Practices Report (Webinar)
 
How to Prepare For a Successful Job Search for 2024
How to Prepare For a Successful Job Search for 2024How to Prepare For a Successful Job Search for 2024
How to Prepare For a Successful Job Search for 2024
 
Social Media Marketing Trends 2024 // The Global Indie Insights
Social Media Marketing Trends 2024 // The Global Indie InsightsSocial Media Marketing Trends 2024 // The Global Indie Insights
Social Media Marketing Trends 2024 // The Global Indie Insights
 
Trends In Paid Search: Navigating The Digital Landscape In 2024
Trends In Paid Search: Navigating The Digital Landscape In 2024Trends In Paid Search: Navigating The Digital Landscape In 2024
Trends In Paid Search: Navigating The Digital Landscape In 2024
 
5 Public speaking tips from TED - Visualized summary
5 Public speaking tips from TED - Visualized summary5 Public speaking tips from TED - Visualized summary
5 Public speaking tips from TED - Visualized summary
 
ChatGPT and the Future of Work - Clark Boyd
ChatGPT and the Future of Work - Clark Boyd ChatGPT and the Future of Work - Clark Boyd
ChatGPT and the Future of Work - Clark Boyd
 
Getting into the tech field. what next
Getting into the tech field. what next Getting into the tech field. what next
Getting into the tech field. what next
 
Google's Just Not That Into You: Understanding Core Updates & Search Intent
Google's Just Not That Into You: Understanding Core Updates & Search IntentGoogle's Just Not That Into You: Understanding Core Updates & Search Intent
Google's Just Not That Into You: Understanding Core Updates & Search Intent
 
How to have difficult conversations
How to have difficult conversations How to have difficult conversations
How to have difficult conversations
 
Introduction to Data Science
Introduction to Data ScienceIntroduction to Data Science
Introduction to Data Science
 
Time Management & Productivity - Best Practices
Time Management & Productivity -  Best PracticesTime Management & Productivity -  Best Practices
Time Management & Productivity - Best Practices
 
The six step guide to practical project management
The six step guide to practical project managementThe six step guide to practical project management
The six step guide to practical project management
 
Beginners Guide to TikTok for Search - Rachel Pearson - We are Tilt __ Bright...
Beginners Guide to TikTok for Search - Rachel Pearson - We are Tilt __ Bright...Beginners Guide to TikTok for Search - Rachel Pearson - We are Tilt __ Bright...
Beginners Guide to TikTok for Search - Rachel Pearson - We are Tilt __ Bright...
 
Unlocking the Power of ChatGPT and AI in Testing - A Real-World Look, present...
Unlocking the Power of ChatGPT and AI in Testing - A Real-World Look, present...Unlocking the Power of ChatGPT and AI in Testing - A Real-World Look, present...
Unlocking the Power of ChatGPT and AI in Testing - A Real-World Look, present...
 
12 Ways to Increase Your Influence at Work
12 Ways to Increase Your Influence at Work12 Ways to Increase Your Influence at Work
12 Ways to Increase Your Influence at Work
 

A influência da pneumática na vida moderna

  • 1. MAPA - SISTEMAS HIDRÁULICOS E PNEUMÁTICOS - 54/2023 A influência da pneumática na vida moderna A utilização da pneumática, a tecnologia que lida com o uso do ar comprimido para realizar trabalho mecânico, tem uma história fascinante que remonta a milênios. A relação entre o homem e a pneumática começou de forma modesta, mas com o tempo essa tecnologia se tornou um pilar essencial da vida moderna, desempenhando um papel crucial em inúmeras indústrias e sistemas automatizados. A história da pneumática remonta à Grécia Antiga, quando o filósofo grego Ctesíbio de Alexandria inventou a primeira bomba de ar, conhecida como "clepsidra", por volta do século III a.C. Essa invenção foi inicialmente usada para medir o tempo com precisão, mas logo se tornou uma ferramenta versátil para uma variedade de aplicações, incluindo o acionamento de órgãos mecânicos em teatros e templos. No entanto, a verdadeira revolução pneumática ocorreu durante a Revolução Industrial, no século XVIII. O advento de máquinas a vapor e motores a vapor trouxe consigo a necessidade de
  • 2. controlar o fluxo de ar e vapor, levando ao desenvolvimento de válvulas e atuadores pneumáticos. A pneumática se espalhou rapidamente para fábricas, minas e sistemas de transporte, melhorando significativamente a eficiência e a produtividade. Hoje, a pneumática desempenha um papel vital em diversas indústrias, incluindo manufatura, automobilística, aeroespacial e muitas outras. Ela é responsável por alimentar robôs industriais, máquinas de produção, ferramentas pneumáticas e sistemas de controle automatizados em toda a linha de produção. A pneumática também é amplamente utilizada em sistemas de transporte, como trens e ônibus, para controlar freios e suspensões. Além disso, a pneumática é uma parte essencial da automação industrial, onde sistemas complexos são controlados por válvulas pneumáticas, cilindros e lógica pneumática. A confiabilidade, precisão e facilidade de controle da pneumática a tornam uma escolha popular para aplicações que exigem movimento controlado, como robótica e automação de processos. ETAPA 1: compreendendo o funcionamento dos compressores Os compressores de ar, em sua essência, são máquinas fascinantes que desempenham um papel crucial em várias aplicações industriais e cotidianas. Eles têm a capacidade notável de transformar o ar ambiente, que nos rodeia em nossa atmosfera, em uma poderosa fonte de energia. Isso é possível através de um processo engenhoso que envolve a compressão do ar, tornando-o útil para uma ampla gama de tarefas e operações. Em seu funcionamento básico, os compressores de ar aspiram o ar circundante e o comprimem em um espaço confinado. Esse processo aumenta a pressão do ar, reduzindo seu volume e, assim, aumentando sua densidade. Como resultado, o ar se torna uma fonte rica de energia, capaz de executar uma variedade de tarefas, desde inflar pneus até alimentar sistemas industriais complexos. O ar comprimido resultante pode ser armazenado em tanques ou diretamente fornecido às aplicações que o requerem. Ele é usado em uma variedade de setores, incluindo automobilismo,
  • 3. construção, indústria alimentícia, química e muito mais. Além disso, os compressores de ar desempenham um papel fundamental na automação industrial, alimentando máquinas e sistemas pneumáticos que controlam processos complexos. Atividade da ETAPA 1: transformando ar em energia Nesta etapa da nossa jornada na pneumática, você terá a oportunidade de escolher um dos tipos de compressores de ar listados a seguir, de acordo com o quinto dígito do seu número de registro acadêmico (RA). Cada tipo de compressor possui um funcionamento distinto e é amplamente utilizado em diversas aplicações. Após selecionar seu compressor, sua tarefa é explicar detalhadamente como ele opera e suas principais características. Aqui estão as opções disponíveis, correspondentes ao quinto dígito do seu RA: 5º dígito do R.A.Compressor a ser escolhido 0 Compressor de Pistão 1 Compressor de Parafuso 2 Compressor Centrífugo 3 Compressor de Lóbulos 4 Compressor de Palhetas 5 Compressor Scroll 6 Compressor Axial 7 Compressor de Diafragma 8 Compressor Centrífugo de Alta Velocidade 9 Compressor de Alternância
  • 4. Cada um desses compressores possui características únicas e é adequado para diferentes aplicações. Portanto, utilize fontes de pesquisa confiáveis na hora de escrever suas explicações e não esqueça de citá-las de acordo com as normas técnicas. Forneça uma explicação abrangente sobre como o compressor selecionado funciona, destacando seu princípio de operação, componentes-chave e aplicações comuns. Esta etapa o levará a uma compreensão mais profunda da pneumática e de seu impacto nas indústrias modernas. ETAPA 2: Controlando o fluxo de ar com precisão Na jornada pela compreensão dos sistemas pneumáticos, chegamos a um componente crucial: as válvulas pneumáticas. Esses dispositivos desempenham um papel essencial na regulação e no controle do fluxo de ar comprimido, permitindo que máquinas e sistemas realizem uma variedade de tarefas com precisão e eficiência. As válvulas pneumáticas são projetadas para direcionar o fluxo de ar de acordo com comandos específicos. Elas operam em princípios simples, mas sua importância é inestimável na automação industrial e em várias outras aplicações. Vejamos algumas das características e aplicações das válvulas pneumáticas: Vias e Posições: as válvulas pneumáticas podem ter várias vias (caminhos para o fluxo de ar) e posições (estados em que a válvula pode estar). As vias determinam quantas direções o ar pode seguir, enquanto as posições definem os estados da válvula, como aberto, fechado ou parcialmente aberto. Válvulas Lógicas: além das válvulas tradicionais, existem as chamadas válvulas lógicas, que funcionam com base em comandos lógicos pneumáticos. Isso permite a criação de sequências complexas de operações controladas por sistemas de automação. Aplicações Diversas: as válvulas pneumáticas são usadas em uma ampla gama de aplicações, desde operações de linha de montagem em fábricas até sistemas de controle de tráfego em
  • 5. cidades. Elas estão presentes em máquinas industriais, sistemas de transporte pneumático, sistemas de embalagem, sistemas de freio pneumático em veículos pesados e muito mais. Precisão e Rapidez: uma das principais vantagens das válvulas pneumáticas é sua capacidade de oferecer controle preciso e resposta rápida. Isso as torna ideais para aplicações que exigem movimentos precisos e repetitivos. Confiabilidade e Durabilidade: as válvulas pneumáticas são conhecidas por sua confiabilidade e durabilidade. Elas são capazes de operar em ambientes adversos e sob condições severas, tornando-as uma escolha sólida para ambientes industriais. Integração com Automação: as válvulas são frequentemente integradas a sistemas de automação industrial, permitindo o controle preciso e a monitorização em tempo real de processos complexos. Atividade da ETAPA 2: identificação e caracterização das componentes pneumáticos Nesta etapa do nosso aprendizado sobre sistemas pneumáticos, vamos mergulhar em um diagrama pneumático que representa um circuito pneumático real. Seu desafio é identificar cada uma das válvulas pneumáticas presentes no diagrama e descrever suas características e funcionalidades, seguindo o exemplo fornecido. Aqui está o diagrama pneumático para sua análise:
  • 6. Para realizar essa tarefa, preencha a tabela a seguir: ComponenteDescrição 01 Válvula 3/2 vias com acionamento por rolete fixo e retorno por mola. 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13
  • 7. 14 15 16 17 18 Lembre-se de aplicar o mesmo método de caracterização para cada válvula que você identificar no diagrama pneumático. Este exercício o ajudará a compreender as diferentes funções das válvulas pneumáticas em um contexto real de automação industrial e sistemas pneumáticos. Boa exploração! ETAPA 3: automação industrial com sistemas pneumáticos e eletropneumáticos A automação industrial é uma revolução silenciosa que está moldando o mundo da manufatura e da produção. Em seu núcleo, a automação visa melhorar a eficiência, a precisão e a confiabilidade dos processos industriais por meio da substituição de tarefas manuais por sistemas controlados por máquinas. Nesse cenário, os sistemas pneumáticos e eletropneumáticos desempenham papéis vitais. Sistemas Pneumáticos na Automação Industrial Os sistemas pneumáticos utilizam ar comprimido como meio de energia para realizar trabalho. Eles são amplamente empregados na automação industrial devido a várias vantagens: - Eficiência Energética: os sistemas pneumáticos são conhecidos por sua eficiência energética. Eles podem ser ligados e desligados rapidamente, permitindo ciclos de trabalho precisos e rápidos. - Flexibilidade: os componentes pneumáticos são modulares e podem ser facilmente adaptados para diferentes aplicações. Isso torna os sistemas pneumáticos versáteis e econômicos. - Ambiente Amigável: o ar comprimido é um recurso limpo e seguro, o que o torna adequado para ambientes industriais variados. - Custos Iniciais Baixos: comparados a sistemas hidráulicos ou elétricos, os sistemas
  • 8. pneumáticos frequentemente têm custos iniciais mais baixos. Exemplos de aplicações pneumáticas na automação industrial incluem máquinas de embalagem, robótica, máquinas-ferramenta e sistemas de transporte. Sistemas Eletropneumáticos na Automação Industrial Os sistemas eletropneumáticos combinam elementos pneumáticos com eletrônicos para controle preciso. Aqui estão algumas características-chave: - Controle Preciso: a combinação de eletrônica permite um controle altamente preciso sobre as ações pneumáticas. Isso é essencial em aplicações que exigem movimentos exatos. - Programação Flexível: os sistemas eletropneumáticos podem ser programados para executar sequências complexas de operações, tornando-os ideais para automação avançada. - Integração com Eletrônica: eles podem se integrar facilmente a sistemas de controle de automação maiores, permitindo a coordenação com outros componentes elétricos e eletrônicos. Exemplos de aplicações eletropneumáticas incluem sistemas de posicionamento de peças em linhas de montagem, sistemas de embalagem e máquinas de usinagem de alta precisão. Atividade da ETAPA 3: projetando um diagrama pneumático Neste cenário, vamos explorar um processo industrial de corte utilizando uma guilhotina controlada por um sistema pneumático com acionamento bimanual. Esse processo é comum em indústrias que precisam cortar materiais diversos, como papel, metal, plástico, entre outros. Descrição do Processo: Posicionamento Inicial: o operador inicia o processo com as mãos nos botões de acionamento bimanual, que estão localizados em ambos os lados da guilhotina. A peça a ser cortada é posicionada sob a lâmina da guilhotina. Acionamento Bimanual: o operador pressiona simultaneamente os botões de acionamento bimanual, um com cada mão. Esse acionamento bimanual é uma medida de segurança
  • 9. importante, pois garante que o operador tenha controle total sobre o início do ciclo de corte e evita acidentes. Atuador A - Fixação da Peça: quando os botões de acionamento bimanual são pressionados, o atuador pneumático A é ativado. O atuador A exerce pressão para baixo, fixando firmemente a peça a ser cortada, impedindo que ela se mova durante o processo de corte. Atuador B - Descida da Faca de Corte: Com a peça devidamente fixada, o atuador pneumático B é acionado. O atuador B controla a descida da lâmina da guilhotina de forma controlada e precisa. A lâmina corta o material conforme desce. Retorno e Liberação: após a lâmina da guilhotina atingir o final do corte, o atuador B retorna à sua posição inicial. Em seguida, o atuador A é desativado, liberando a peça cortada. Retorno à Posição Inicial: a guilhotina retorna a sua posição inicial, pronta para o próximo ciclo de corte. O operador pode então remover a peça cortada e repetir o processo conforme necessário. Agora que você compreende o processo industrial de corte com guilhotina controlada por um sistema pneumático com acionamento bimanual, é hora de assumir o desafio de projetar o diagrama pneumático que tornará esse sistema funcional. Seu diagrama pneumático deve representar claramente como os componentes pneumáticos estão interconectados e como eles realizam as ações descritas no processo. Obs.: diagrama pneumático deve ser realizado no FluidSim. Para a entrega da atividade, colocar a imagem no documento da resposta.