Redutor parafuso sem fim

1.018 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.018
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
681
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Redutor parafuso sem fim

  1. 1. São Paulo 2012 ETEC Martin Luther King Mecatrônica Redutor Parafuso Sem Fim Técnica responsável Fatima Cristiane de Souza CREA 60013
  2. 2. Sumário 1. Principais Esforços Mecânicos: ............................................................................. 3 1.1. Alojamento dos Rolamentos:.............................................................................. 3 1.2. Eixos: ................................................................................................................. 3 1.3. Cubo da Coroa: .................................................................................................. 3 1.4. Dentes da Coroa: ............................................................................................... 3 1.5. Parafuso:............................................................................................................ 3 2. Forças Atuantes em um Parafuso Sem Fim:.......................................................... 4 3. Rolamentos Utilizados: .......................................................................................... 5 3.1. Eixo da coroa: .................................................................................................... 5 3.2. Eixo do parafuso sem fim: .................................................................................. 5 3.3. Observação: ....................................................................................................... 5 4. Principais Materiais Utilizados: .............................................................................. 6 4.1. Eixo da Coroa e Eixo do Parafuso Sem Fim: ..................................................... 6 4.2. Coroa Dentada: .................................................................................................. 6 4.3. Cubo: ................................................................................................................. 6 4.4. Caixa: ................................................................................................................. 6 4.5. Parafuso sem fim: .............................................................................................. 7 4.6. Retentor: ............................................................................................................ 7 4.7. Rolamentos: ....................................................................................................... 7 2
  3. 3. 1. Principais Esforços Mecânicos: 1.1. Alojamento dos Rolamentos: Compressão É gerada pela ação da força radial resultante presente nos rolamentos. 1.2. Eixos: Flexotorção (Flexão e Torção) Flexão: devido à força radial resultante da coroa sobre o parafuso e viceversa. Torção: Devido ao movimento de giro. 1.3. Cubo da Coroa: Torção Devido à rotação exercida pela coroa. 1.4. Dentes da Coroa: Flexão e compressão A flexão e a compressão são geradas pelo contínuo contato dos dentes da coroa com o parafuso. 1.5. Parafuso: Torção Devido ao movimento de rotação durante o aperto do parafuso. 3
  4. 4. 2. Forças Atuantes em um Parafuso Sem Fim: Ftc: força tangencial na coroa e força axial no parafuso. Ftp: força tangencial no parafuso e força axial na coroa. Fr: força radial. 4
  5. 5. 3. Rolamentos Utilizados: 3.1. Eixo da coroa: Rolamento de rolos cônicos. 3.2. Eixo do parafuso sem fim: Rolamento de uma carreira de esferas de contato angular. 3.3. Observação: Os rolamentos citados acima são indicados, pois suportam cargas axiais e radiais, mantendo assim um apoio fixo, visto que não há interesse para o projeto que haja deslocamento na direção horizontal e na vertical. 5
  6. 6. 4. Principais Materiais Utilizados: 4.1. Eixo da Coroa e Eixo do Parafuso Sem Fim: ABNT 4140 Esse material foi escolhido devido às propriedades favoráveis que ele apresenta tais como: Alta resistência ao desgaste; Média temperabilidade; Elevada dureza; Elevada resistência a esforços mecânicos em grandes secções; 4.2. Coroa Dentada: ABNT C90700 Boa dureza; Boa resistência ao desgaste; Boa resistência à fadiga superficial. 4.3. Cubo: ABNT 1045 Boa dureza; Fácil usinagem; Boa resistência a esforços mecânicos; 4.4. Caixa: FC200 A escolha do ferro fundido cinzento foi devido à facilidade de usinagem, a sua capacidade em amortecer vibrações provocadas pelas peças móveis e por apresentar boa resistência à compressão. 6
  7. 7. 4.5. Parafuso sem fim: ABNT 4140 Esse material foi escolhido devido às propriedades favoráveis que ele apresenta tais como: Alta resistência ao desgaste; Média temperabilidade; Elevada dureza; Elevada resistência a esforços mecânicos em grandes secções; 4.6. Retentor: ABNT 1020 + Borracha Nitrílica A escolha desse aço é devido a sua facilidade de conformação mecânica; Já o revestimento da estrutura interna em aço será com a borracha nitrílica devido a: Resistência à deformação por compressão; Elasticidade; Dureza; Resistência ao óleo. 4.7. Rolamentos: ABNT 52100 É um aço que possui grande dureza, logo elevada resistência ao desgaste. 7

×