21 luminotecnica -1_2015-07-14_14_50_26

293 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
293
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

21 luminotecnica -1_2015-07-14_14_50_26

  1. 1. 1 M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br TEATRO DE ÓPERA CAMPINAS (Rod. Heitor Penteado – Parque Ecológico Monsenhor Emílo José Salim – Campinas / SP) CADERNO TÉCNICO PROJETO BÁSICO DE LUMINOTÉCNICA R e v . 0 3 2 2 / 0 4 / 1 5
  2. 2. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 2 S U M Á R I O I - INTRODUÇÃO.................................................................................................................................................... 3 II - REVISÃO........................................................................................................................................................... 7 III - RELAÇÃO DE DESENHOS ............................................................................................................................... 8 IV - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS / QUANTITATIVOS............................................................................................... 9
  3. 3. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 3 I - INTRODUÇÃO O presente documento técnico refere-se ao Projeto Básico de Luminotécnica desenvolvido por esta Consultoria, e estabelece os requisitos e as características técnicas mínimas exigíveis para o fornecimento das luminárias, respectivas lâmpadas e equipamentos de controle, a serem utilizados nos sistemas de iluminação projetados para os ambientes integrantes do Teatro de Ópera de Campinas, localizado na Rod. Heitor Penteado – Parque Ecológico Monsenhor Emílo José Salim – Campinas / SP. Além das Especificações Técnicas detalhadas e do Memorial Quantitativo geral, integram este Caderno Técnico a Peça Gráfica correspondente a este Projeto Básico, indicada na Relação de Desenhos, a seguir apresentada. O Teatro de Ópera de Campinas teve seu respectivo Projeto de Arquitetura elaborado pelo Carlos Bratke Arquiteto. Para o desenvolvimento e a elaboração do presente Projeto Básico de Luminotécnica, foi tomado como base de referência o respectivo Projeto de Arquitetura, acima referenciado. Para a realização deste trabalho foram adotadas como referência as normas da ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas, além de similares estrangeiras, aplicáveis ao assunto, bem como constituíram-se em referência bibliográfica básica, especialmente pelo elevado valor do conteúdo científico que encerram, todas as publicações já editadas pela CIE - Commission Internationale de L’ Éclairage e pela IES - Illuminating Engineering Society of North América.
  4. 4. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 4 OBSERVAÇÕES IMPORTANTES: 1) Esta Consultoria não se responsabiliza pelos efeitos de iluminação resultantes de luminárias, lâmpadas e equipamentos de controle que poderão vir a ser adotados sob a forma de produtos equivalentes aos especificados originalmente, a não ser que os mesmos sejam previamente submetidos à aprovação do Autor deste Projeto. 2) Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral” 3) Todas as luminárias deverão ser fornecidas, por parte dos correspondentes Fabricantes, sob forma completa, ou seja com os respectivos equipamentos de controle e lâmpadas. 4) O Fabricante / Fornecedor das luminárias é o único responsável pelos desempenhos mecânico, elétrico, óptico e estético, resultantes dos produtos fornecidos, bem como responsável pela fidedignidade de todos os dados fotométricos relativos às mesmas. 5) Todos os Fabricantes/ Fornecedores deverão comparecer ao local da obra para averiguar as condições físicas para a instalação e fixação de suas luminárias, quando tratarem-se de condições especiais ou não habituais, devidamente indicadas em Projeto. 6) Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação;  curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. 7) Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível:  nome e/ou logomarca do Fabricante/Fornecedor;  e identificação da luminária segundo sua referência dada em projeto (ex.: L-1). 8) NORMAS APLICÁVEIS ÀS LUMINÁRIAS Na fabricação, fornecimento e ensaio, as luminárias especificadas deverão atender na íntegra às prescrições dadas pelas normas abaixo, prevalecendo aquelas de maior exigência.  Requisitos Gerais e Ensaios: NBR IEC 60598-1, NBR 13299, NBR 9329 – MB 2428.  Requisitos Particulares: NBR 60598-2-1.  Luminária para Lâmpada Tubular Fluorescente: NBR 13298.  Bases e Receptáculos de Lâmpadas: NBR 8346.  Receptáculos para Lâmpadas Fluorescentes e Starters: NBR 9312 – EB 1163.
  5. 5. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 5  Terminologia de Iluminação: NBR 5461 – TB 23. 9) NORMAS APLICÁVEIS ÀS LÂMPADAS Na fabricação, fornecimento e ensaio, as lâmpadas para as luminárias deverão atender na íntegra às prescrições dadas pelas normas abaixo, prevalecendo aquelas de maior exigência.  Especificações de Segurança: NBR IEC 61195.  Método padrão para determinação da elevação da temperatura da base da lâmpada: NBR IEC 60360.  Bases e receptáculos de lâmpadas: NBR 8346 – CB 85.  Lâmpadas fluorescentes tubulares para iluminação geral: NBR IEC 60081.  Bases de lâmpadas, porta-lâmpadas, bem como gabaritos para o controle de intercambialidade e segurança: NBR IEC 60061 – 1.  Especificações de Segurança para Lâmpadas Incandescentes: NBR IEC 60432-1 e NBR IEC 60432-2.  Ensaios: NBR 5387 – MB 370.  Porta-lâmpadas NBR IEC 60238  Bases de lâmpadas, porta-lâmpadas, bem como gabaritos para o controle de intercambialidade e segurança: NBR IEC 60061 – 1.  Desempenho: IEC 60064.  Temperatura máxima da base: IEC 60360. 10) NORMAS APLICÁVEIS AOS LEDs  Módulos de LEDs: IEC 62031.  Especificações de Segurança: IEC 62560.  LampLEDs: NBR IEC 62612. 11) NORMAS APLICÁVEIS AOS EQUIPAMENTOS DE CONTROLE Na fabricação, fornecimento e ensaio, os reatores eletrônicos e eletromagnéticos para as luminárias deverão seguir na íntegra as prescrições dadas pelas normas abaixo, prevalecendo aquelas de maior exigência.  Especificação: NBR 5114-EB 187.  Ensaios: NBR 5172 – MB 1105, NBR 7277 – MB 1631, IEC 61347-1, IEC 61347-2-8.  Supressão de Radiointerferência: CISPR 15, EN 55015.  Harmônicas: IEC 61000-3-2.  Segurança: EN 60928, IEC 61347-2-3, NBR 14417.  Desempenho: EN 60921, IEC 60921, IEC 60929, NBR 14418.  Imunidade: IEC 61547.  Teste de Impactos e Vibrações: IEC 60068-2-6 FC, IEC 60068-2-29 Eb.  Aprovações: ENEC 10, EMC, VDE e INMETRO/UC.  Requisitos e Ensaio: NBR 14305, IEC 61347-2-9.  Desempenho: IEC 60923.  Segurança: IEC 61347-1, EN 60922.  Supressão de Radiointerferência: CISPR 15, EN 55015.  Harmônicas: IEC 61000-3-2.  Segurança: IEC 61347-1, IEC 61347-2-3.  Imunidade: IEC 61547.
  6. 6. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 6  Ensaio Nível Ruído: NBR 7277 – MB 1631 12) NORMAS APLICÁVEIS AOS POSTES Na fabricação, fornecimento e ensaio os postes deverão atender na íntegra às prescrições dadas pelas normas abaixo, prevalecendo aquelas de maior exigência.  Poste de Aço para Iluminação: NBR 14744.  Forças devidas ao vento em edificações: NBR 6123  Galvanização à fogo: NBR 6323
  7. 7. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 7 II - REVISÃO Rev. Descrição Responsável R00 Inicial Aline / Henrique R01 Revisão Geral Mayara R02 Revisão Geral Mayara R03 Revisão Geral Henrique
  8. 8. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 8 III - RELAÇÃO DE DESENHOS . Desenho Folha N  LU-001 PLANTA PAVIMENTO INFERIOR Rev. 01 (Out/2014) . Desenho Folha N  LU-002 PLANTA PAVIMENTO TÉRREO Rev. 00 (Out/2014) . Desenho Folha N  LU-003 PLANTA 1º PAVIMENTO Rev. 00 (Out/2014) . Desenho Folha N  LU-004 PLANTA 2º PAVIMENTO Rev. 00 (Out/2014) . Desenho Folha N  LU-005 PLANTA 3º PAVIMENTO Rev. 00 (Out/2014) . Desenho Folha N  LU-006 PLANTA PAVIMENTO TÉCNICO 1 Rev. 00 (Out/2014) . Desenho Folha N  LU-007 PLANTA PAVIMENTO TÉCNICO 2 Rev. 00 (Out/2014) . Desenho Folha N  LU-008 IMPLANTAÇÃO Rev. 00 (Out/2014)
  9. 9. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 9 IV - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS / QUANTITATIVOS As Especificações Técnicas, a seguir apresentadas, referem-se às luminárias, lâmpadas e equipamentos de controle a serem utilizados para a realização dos novos sistemas de iluminação artificial interior do Teatro de Ópera de Campinas, conforme detalhado, sob forma completa, nos Desenhos Folhas Nº LU- 001 a LU-008, os quais fazem parte integrante do presente Projeto Básico de Luminotécnica. Os sistemas de iluminação artificial propostos para as diferentes áreas interiores em questão são do tipo geral ou localizado, definidos em função da conformação e das características próprias de cada recinto, considerando-se as correspondentes tarefas visuais a serem realizadas nesses ambientes. Foram adotadas predominantemente luminárias de fluxo indireto, caracterizadas e especificadas em projeto. Os diferentes tipos de luminárias escolhidas, suas alturas de montagem, e distribuição das mesmas, se deram de modo a obter-se uma iluminação de caráter uniforme, localizado ou direcional para as diferentes áreas a iluminar. Os sistemas de iluminação geral foram definidos de modo a propiciar as melhores condições de visibilidade e de conforto visual, alcançando os objetivos de proporcionar as iluminâncias mínimas requeridas, de forma a mais econômica possível, a partir da adoção de fontes artificiais de luz compatíveis em termos de exigências de reprodução de cor e de melhor rendimento luminoso possível. As luminárias escolhidas, conforme indicado e especificado em Projeto, em função da procedência dos fabricantes sugeridos, e em atendimento às respectivas normas técnicas aplicáveis, apresentam construção mecânica resistente para suportar o uso e manuseio previstos, segundo as condições ambientais a que estarão sujeitas, bem como possuem características físico-construtivas adequadas para dar abrigo às lâmpadas e acessórios pertinentes, possibilitando também a troca fácil dessas fontes de luz e de qualquer dos respectivos equipamentos de controle. Permitem, também, o devido e cômodo acesso aos seus respectivos interiores, de modo a facilitar as correspondentes operações de limpeza. Com base no fluxo luminoso total necessário e no nível de iluminância requerido pelos diferentes espaços e áreas a iluminar, e em dados e informações dos correspondentes fabricantes, foram escolhidas, conforme indicado em Projeto, as lâmpadas mais adequadas ao atendimento das exigências impostas pelos diferentes locais, e respectivas atividades, determinadas pelo atendimento ao programa de necessidades luminotécnico estabelecido para os recintos em questão.
  10. 10. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 10 Considerada a tensão normal de trabalho, adotada para o funcionamento das instalações elétricas do Teatro de Ópera de Campinas, ou seja, 220 V/60Hz de tensão de rede, foram, sempre que possível, selecionadas as fontes de luz de maior rendimento luminoso, respeitadas as potências elétricas necessárias, bem como as necessidades exigidas de reprodução de cor e de aparência de cor das mesmas, requeridas em cada situação, em função das correspondentes tarefas visuais a realizar, e dos níveis de iluminação (iluminâncias) fixados para fins das respectivas atividades previstas, de acordo com o prescrito pela norma técnica da ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas, NBR ISO/CIE 8995- 1:2013. As lâmpadas propostas, portanto, deverão atender integralmente às especificações técnicas preconizadas pelas normas afins da ABNT, aplicáveis ao assunto, que fixam os requisitos técnicos exigíveis para o recebimento e aceitação dessas fontes de luz. Na ausência de norma brasileira de referência, deverão ser observadas as similares estrangeiras, no que couber, aplicáveis a esses produtos. Todos os equipamentos de controle, especificados e indicados em projeto para as lâmpadas incandescentes, fluorescentes tubulares, fluorescentes compactas e led deverão atender a todas as prescrições estabelecidas pelas normas afins da ABNT, ou similares estrangeiras, na eventual inexistência das primeiras. A seguir, apresentam-se as Especificações Técnicas relativas às luminárias, lâmpadas e equipamentos de controle adotados neste Projeto, bem como as Quantidades de todas as luminárias, lâmpadas e demais equipamentos de controle e acessórios a serem instalados, necessários à adequada iluminação ambiental interior, visando a consecução das obras do Teatro de Ópera de Campinas, de acordo com o especificado por este Projeto. São elas:
  11. 11. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 11 LUMINÁRIA L-1 Tipo: plafonier de sobrepor hermético. Operação: para uma lâmpada de 28W de potência, fluorescente tubular T5. Luminária: com corpo injetado em policarbonato injetado na cor cinza e difusor em policarbonato incolor prismático, de elevada resistência à impactos e irradiação UV. Com fechos inoxidáveis e vedação com guarnição em poliuretano expandido, que garantem o índice de proteção IP-66. Saída de fiação através de prensa-cabo em nylon. Refletor: fabricado em chapa de aço de espessura 0.45mm, com tratamento de superfície (desengaxe e fosfatização) com acabamento em pintura eletrostática em pó epóxi-poliester na cor branco Ral-9003, espessura de camada mínima de 50 microns. Soquetes: em policarbonato com contatos em bronze fosforoso, fixação do soquete e da fiação por encaixe rápido, com rotor de segurança e trava de giro à 90° evitando queda acidental das lâmpadas. Reatores: alojados no interior da luminária, fixos sobre o refletor por parafusos zincados e com aterramento através da própria fixação. Sistema de manutenção: de todo o sistema elétrico pelo interior da luminária, sendo possível acesso as lâmpadas, reatores e conexões sem uso de ferramentas. Conexão do cabo de alimentação (rabicho) por borneira tipo phoenix com teclas para desconexão do rabicho e sistema de lingueta metálica que assegura o aterramento do conjunto. QUANTIDADE: 6 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral” Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do
  12. 12. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 12 Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação;  curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico simples (1x14/21/28/35W) para lâmpadas fluorescentes tubulares T5 Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações:
  13. 13. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 13 Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 6 un. Lâmpada: fluorescente tubular T5 Potência: 28W Base: G5 Dimensões: comprimento 1149 mm e diâmetro 16 mm. Vida nominal: 19.000 horas. Fluxo luminoso: 2.600lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 6 un. APLICAÇÃO: Circulação.
  14. 14. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 14 LUMINÁRIA L-2 Tipo: plafonier de sobrepor hermético. Operação: para duas lâmpadas de 28W de potência cada, fluorescentes tubulares T5. Luminária: com corpo injetado em policarbonato injetado na cor cinza e difusor em policarbonato incolor prismático, de elevada resistência à impactos e irradiação UV. Com fechos inoxidáveis e vedação com guarnição em poliuretano expandido, que garantem o índice de proteção IP-66. Saída de fiação através de prensa-cabo em nylon. Refletor: fabricado em chapa de aço de espessura 0.45mm, com tratamento de superfície (desengaxe e fosfatização) com acabamento em pintura eletrostática em pó epóxi-poliester na cor branco Ral-9003, espessura de camada mínima de 50 microns. Soquetes: em policarbonato com contatos em bronze fosforoso, fixação do soquete e da fiação por encaixe rápido, com rotor de segurança e trava de giro à 90° evitando queda acidental das lâmpada. Reatores: alojados no interior da luminária, fixos sobre o refletor por parafusos zincados e com aterramento através da própria fixação. Sistema de manutenção: de todo o sistema elétrico pelo interior da luminária, sendo possível acesso as lâmpadas, reatores e conexões sem uso de ferramentas. Conexão do cabo de alimentação (rabicho) por borneira tipo phoenix com teclas para desconexão do rabicho e sistema de lingueta metálica que assegura o aterramento do conjunto. QUANTIDADE: 288 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral” Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do
  15. 15. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 15 Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico duplo (2x14/21/28/35W) para lâmpadas fluorescentes tubulares T5 Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações:
  16. 16. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 16 Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 288 un. Lâmpada: fluorescente tubular T5 Potência: 28W Base: G5 Dimensões: comprimento 1149 mm e diâmetro 16 mm. Vida nominal: 19.000 horas. Fluxo luminoso: 2.600lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 576 un. APLICAÇÃO: Depósito.
  17. 17. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 17 LUMINÁRIA L-3 Tipo: arandela de sobrepor. Instalação: diretamente na parede. Operação: duas lâmpadas de 23W de potência cada, fluorescentes compactas Corpo: injetado em termoplástico de engenharia Refletor: leitoso injetado em termoplástico de engenharia Difusor: - Acabamento: na cor branca QUANTIDADE: 10 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral” Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto.
  18. 18. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 18 Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Lâmpada: fluorescente compacta integrada bulbo espira Potência: 23W Base: E27 Dimensões: comprimento 104 mm e diâmetro 59 mm. Vida nominal: 8.000 horas Fluxo luminoso: 1.380lm Temperatura de cor (Tc): 2.700K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 20 un. APLICAÇÃO: Escadas.
  19. 19. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 19 LUMINÁRIA L-4 Tipo: plafonier de embutir Instalação: em forro Operação: consumo de 8W de potência, LED incorporado à luminária Temperatura de cor (Tc): 3.000K Ângulo de abertura: 100° Fluxo luminoso: 520lm Tensão: 100-240V Acabamento: na cor branca Vida útil: 50.000h Equipamento de Controle: driver incorporado QUANTIDADE: 243 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral” Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta
  20. 20. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 20 especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). APLICAÇÃO: Circulação / Sanitários.
  21. 21. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 21 LUMINÁRIA L-5 Tipo: plafonier de embutir em linha contínua Instalação: em gesso acartonado Operação: para 3 lâmpadas de 28W de potência e 1 lâmpada de 14W de potência cada, fluorescentes tubulares T5 Comprimento: 3,76m Corpo: perfil em alumínio Refletor: - Difusor: em polímero translúcido Acabamento: na cor branca QUANTIDADE: 9 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral” Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre
  22. 22. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 22 todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico simples (1x14/21/28/35W) para lâmpadas fluorescentes tubulares T5 Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 36 un.
  23. 23. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 23 Lâmpada: fluorescente tubular T5 Potência: 28W Base: G5 Dimensões: comprimento 1149 mm e diâmetro 16 mm. Vida nominal: 19.000 horas. Fluxo luminoso: 2.600lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 27 un. Lâmpada: fluorescente tubular T5 Potência: 14W Base: G5 Dimensões: comprimento 549 mm e diâmetro 16 mm. Vida nominal: 19.000 horas. Fluxo luminoso: 1.350lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 9 un. APLICAÇÃO: Camarins.
  24. 24. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 24
  25. 25. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 25 LUMINÁRIA L-6 Tipo: plafonier de embutir em linha contínua Instalação: em gesso acartonado Operação: para 5 lâmpadas de 28W de potência cada, fluorescentes tubulares T5 Comprimento: 5,36m Corpo: perfil em alumínio Refletor: - Difusor: em polímero translúcido Acabamento: na cor branca QUANTIDADE: 42 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral” Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais,
  26. 26. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 26 materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico simples (1x14/21/28/35W) para lâmpadas fluorescentes tubulares T5 Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 210 un.
  27. 27. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 27 Lâmpada: fluorescente tubular T5 Potência: 28W Base: G5 Dimensões: comprimento 1149 mm e diâmetro 16 mm. Vida nominal: 19.000 horas. Fluxo luminoso: 2.600lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 210 un. APLICAÇÃO: Circulação Coletivos.
  28. 28. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 28 LUMINÁRIA L-7 Tipo: plafonier de embutir Instalação: em gesso acartonado Operação: para três lâmpadas de 26W de potência cada, fluorescentes compactas Corpo: em aço tratado Refletor: - Difusor: em acrílico translúcido Acabamento: pintura por processo eletrostático na cor branca QUANTIDADE: 7 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral” Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto.
  29. 29. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 29 Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico duplo (2x26/32/36/42W) para lâmpadas fluorescentes compactas. Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 7 un.
  30. 30. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 30 Reator: eletrônico simples (1x26/32/36/40/42W) para lâmpadas fluorescentes compactas. Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 7 un. Lâmpada: fluorescente compacta não-integrada dupla (4pinos) Potência: 26W Base: G24q-3 Dimensões: comprimento 165 mm e diâmetro 34mm. Vida nominal: 20.000 horas. Fluxo luminoso: 1.800lm Temperatura de cor (Tc): 2.700K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 21 un. APLICAÇÃO: Estar.
  31. 31. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 31
  32. 32. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 32 LUMINÁRIA L-8 Tipo: plafonier de embutir Instalação: em gesso acartonado Operação: para duas lâmpadas de 26W de potência cada, fluorescentes compactas Corpo: em aço tratado Refletor: - Difusor: em acrílico translúcido Acabamento: pintura por processo eletrostático na cor branca QUANTIDADE: 6 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral” Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a
  33. 33. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 33 correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico duplo (2x26/32/36/42W) para lâmpadas fluorescentes compactas. Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 6 un.
  34. 34. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 34 Lâmpada: fluorescente compacta não-integrada dupla (4pinos) Potência: 26W Base: G24q-3 Dimensões: comprimento 165 mm e diâmetro 34mm. Vida nominal: 20.000 horas. Fluxo luminoso: 1.800lm Temperatura de cor (Tc): 2.700K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 12 un. APLICAÇÃO: Estar.
  35. 35. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 35
  36. 36. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 36 LUMINÁRIA L-9 Tipo: plafonier de embutir em linha contínua Instalação: em gesso acartonado Operação: para 6 lâmpadas de 28W de potência cada, fluorescentes tubulares T5 Comprimento: 6,36m Corpo: perfil em alumínio Refletor: - Difusor: em polímero translúcido Acabamento: na cor branca QUANTIDADE: 7 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral”  Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais,
  37. 37. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 37 materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico simples (1x14/21/28/35W) para lâmpadas fluorescentes tubulares T5 Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 42 un.
  38. 38. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 38 Lâmpada: fluorescente tubular T5 Potência: 28W Base: G5 Dimensões: comprimento 1149 mm e diâmetro 16 mm. Vida nominal: 19.000 horas. Fluxo luminoso: 2.600lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 42 un. APLICAÇÃO: Camarim Crianças.
  39. 39. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 39 LUMINÁRIA L-10 Tipo: plafonier de embutir em linha contínua Instalação: em gesso acartonado Operação: para 7 lâmpadas de 28W de potência cada, fluorescentes tubulares T5 Comprimento: 7,36m Corpo: perfil em alumínio Refletor: - Difusor: em polímero translúcido Acabamento: na cor branca QUANTIDADE: 7 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral”  Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais,
  40. 40. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 40 materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico simples (1x14/21/28/35W) para lâmpadas fluorescentes tubulares T5 Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 49 un.
  41. 41. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 41 Lâmpada: fluorescente tubular T5 Potência: 28W Base: G5 Dimensões: comprimento 1149 mm e diâmetro 16 mm. Vida nominal: 19.000 horas. Fluxo luminoso: 2.600lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 49 un. APLICAÇÃO: Camarim Crianças.
  42. 42. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 42 LUMINÁRIA L-11 Tipo: plafonier de embutir em linha contínua Instalação: em gesso acartonado Operação: para 7 lâmpadas de 28W de potência e 1 lâmpada de 14W de potência cada, fluorescentes tubulares T5 Comprimento: 7,76m Corpo: perfil em alumínio Refletor: - Difusor: em polímero translúcido Acabamento: na cor branca QUANTIDADE: 27 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral”  Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre
  43. 43. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 43 todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico simples (1x14/21/28/35W) para lâmpadas fluorescentes tubulares T5 Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 216 un.
  44. 44. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 44 Lâmpada: fluorescente tubular T5 Potência: 28W Base: G5 Dimensões: comprimento 1149 mm e diâmetro 16 mm. Vida nominal: 19.000 horas. Fluxo luminoso: 2.600lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 189 un. Lâmpada: fluorescente tubular T5 Potência: 14W Base: G5 Dimensões: comprimento 549 mm e diâmetro 16 mm. Vida nominal: 19.000 horas. Fluxo luminoso: 1.350lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80-89 QUANTIDADE: 27 un. APLICAÇÃO: Camarim Crianças.
  45. 45. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 45
  46. 46. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 46 LUMINÁRIA L-12 Tipo: arandela de embutir Instalação: em forro Operação: consumo de 1W de potência, LED incorporado Corpo: em alumínio Refletor: em alumínio frizado e anodizado Difusor: em vidro temperado translúcido Acabamento: tratado e pintado por processo eletrostático na cor branca Temperatura de cor (Tc): 3.000K Ângulo de abertura: 100° Fluxo luminoso: 520lm Tensão: 100-240V Vida útil: 50.000h Equipamento de Controle: driver incorporado QUANTIDADE: 18 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral”  Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação;
  47. 47. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 47 curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). APLICAÇÃO: Acesso Platéia.
  48. 48. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 48
  49. 49. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 49 LUMINÁRIA L-13 Tipo: projetor de embutir Instalação: no solo Operação: uma lâmpada de 70W de potência, multivapores metálicos Corpo: em alumínio fundido, com alta resistência à oxidação Refletor: Difusor: em vidro cristal lapidado temperado transparente Acabamento: em pintura eletrostática poliéster microtexturizado na cor marrom Acessórios: parafusos em aço inoxidável do tipo A4 (antivandalismo) Caixa acessória blindada: box para alojamento dos equipamentos de controle Grau de Proteção IP67 QUANTIDADE: 18 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral”  Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta
  50. 50. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 50 especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletromagnético simples (1x70W) para lâmpadas descarga multivapores metálicos (uso interno). Capacitor: 10µF (incorporado internamente ao reator) Ignitor: IGN40-P (incorporado internamente ao reator) Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547
  51. 51. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 51 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 18 un. Lâmpada: descarga multivapores metálicos refletora Potência: 70W Base: GX8.5 Dimensões: comprimento 95mm e diâmetro 111 mm. Vida nominal: 12.000 horas. Intensidade luminosa: 18.000cd Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 91 Ângulo de abertura de facho: 24º QUANTIDADE: 18 un. APLICAÇÃO: Parede Entrada Principal.
  52. 52. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 52 LUMINÁRIA L-14 Tipo: projetor de embutir Instalação: no solo Operação: uma lâmpada de 70W de potência, multivapores metálicos Corpo: em alumínio fundido, com alta resistência à oxidação Refletor: Difusor: em vidro cristal lapidado temperado transparente Acabamento: em pintura eletrostática poliéster microtexturizado na cor marrom Acessórios: parafusos em aço inoxidável do tipo A4 (antivandalismo) Caixa acessória blindada: box para alojamento dos equipamentos de controle Grau de Proteção IP67 QUANTIDADE: 18 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral”  Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta
  53. 53. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 53 especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletromagnético simples (1x70W) para lâmpadas descarga multivapores metálicos (uso interno). Capacitor: 10µF (incorporado internamente ao reator) Ignitor: IGN40-P (incorporado internamente ao reator) Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547
  54. 54. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 54 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 18 un. Lâmpada: descarga multivapores metálicos refletora Potência: 70W Base: GX8.5 Dimensões: comprimento 95mm e diâmetro 111 mm. Vida nominal: 12.000 horas. Intensidade luminosa: 8.500cd Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 91 Ângulo de abertura de facho: 40º QUANTIDADE: 18 un. APLICAÇÃO: Parede Entrada Principal.
  55. 55. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 55 LUMINÁRIA L-15 Tipo: projetor de sobrepor (fluxo assimétrico) Operação: para uma lâmpada de 150W de potência, multivapores metálicos Corpo: em alumínio injetado sob pressão Refletor: em alumínio de elevada pureza, polido e anodizado Difusor: vidro plano temperado transparente Acabamento: através de pintura eletrostática na cor preta Acessórios: suporte de fixação em aço galvanizado a fogo, pintado eletrostaticamente e dotado de indicador graduado para orientação vertical. Vedações em borracha de silicone, resistente a intempéries e oscilações de temperatura. Tampa do compartimento dos equipamentos auxiliares em polipropileno reforçado. Parafusos externos em aço inoxidável e internos em aço bicromatizado Chassi porta-equipamento em chapa de aço galvanizado QUANTIDADE: 3 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral”  Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido
  56. 56. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 56 tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto. Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletrônico simples (1x150W) para lâmpadas multivapores metálicos. Tensão: 220-240V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547
  57. 57. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 57 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 3 un. Lâmpada: descarga multivapores metálicos duplo contato Potência: 150W Base: RX7s-24 Dimensões: comprimento 135mm e diâmetro 27 mm. Vida nominal: 15.000 horas. Fluxo luminoso: 14.500lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80 QUANTIDADE: 3 un. APLICAÇÃO: Doca.
  58. 58. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 58 LUMINÁRIA L-16 Tipo: projetor de sobrepor Instalação: através de gancho de suspensão Operação: para uma lâmpada de 150W de potência, multivapores metálicos Corpo: em alumínio injetado Refletor: estampada em alumínio de elevada pureza, polido e anodizado Difusor: vidro plano temperado transparente Acabamento: pintura por processo eletrostático na cor cinza QUANTIDADE: 6 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral”  Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre todas as características técnicas do produto, a saber: físico-dimensionais, materiais, mecânicas e elétricas, além de assegurada visualmente a correspondência estética do produto.
  59. 59. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 59 Todas as memórias de cálculo luminotécnico realizadas para as áreas onde serão aplicadas a luminária em questão, bem como os respectivos resultados obtidos, foram obtidos a partir da fotometria fornecida pelo respectivo fabricante / fornecedor, referida à alternativa de modelo indicada nesta especificação de materiais. No caso de produtos Equivalentes ao originariamente especificado, o Fabricante / Fornecedor proponente deverá reapresentar os respectivos cálculos luminotécnicos aplicados às mesmas áreas de intervenção, e demonstrar os valores de iluminância assim obtidos nos diferentes planos de trabalho pertinentes, visando validar a alternativa proposta, sob o ponto de vista tão somente de dimensionamento luminotécnico, devendo inclusive a fotometria completa do produto Equivalente, ser obtida em laboratório acreditado pelo INMETRO, ou por organismos internacionais, e fornecida para análise e aprovação em formato eletrônico IES. Cada embalagem de luminária deverá conter em local visível o nome ou a logomarca do fabricante / fornecedor, bem como identificação da luminária, segundo sua referência dada em projeto (ex: L-56). Reator: eletromagnético simples (1x150W) para lâmpadas descarga multivapores metálicos (uso interno). Capacitor: 10µF (incorporado internamente ao reator) Ignitor: IGN40-P (incorporado internamente ao reator) Tensão: 220-240 V Frequência: 50/60 Hz Partida: rápida com preaquecimento de até 1,0 – 2,0 segundos Fator de potência: alto, mínimo0, 98 Tensão de alimentação: 198-264 Vac Temperatura de operação: -20ºC a 50ºC. Distorção harmônica: máxima 10%. Vida útil: 50.000 horas Certificações e aprovações: Aprovação nacional: INMETRO Atender às seguintes normas internacionais: − Segurança: IEC/EN 61347-2-3. − Operação da lâmpada: IEC/EN 60929. − Supressão de rádio interferência: IEC/EN 55015 (A1:2007)/CISPR 15, IEC/EN 55022 − Distorção harmônica: IEC/EN 61000-3-2 − Imunidade: IEC/EN 61547 Atender às seguintes normas nacionais: − NBR 14417 (Segurança) − NBR 14418 (Desempenho) QUANTIDADE: 6 un.
  60. 60. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 60 Lâmpada: descarga multivapores metálicos bipino Potência: 150W Base: G12 Dimensões: comprimento 100mm e diâmetro 19 mm. Vida nominal: 12.000 horas. Fluxo luminoso: 14.000lm Temperatura de cor (Tc): 3.000K Índice de reprodução de cores (Ra): 80 QUANTIDADE: 6 un. APLICAÇÃO: Palco.
  61. 61. M I N G R O N E I L U M I N A Ç Ã O Consultoria e Projetos de Luminotécnica Av. Jamaris, 441 | 10º and. cj. 102 | CEP 04078-001 São Paulo / SP | F/Fax 55 11 5053-7171 www.mingroneiluminacao.com.br | e-mail: projeto@mingroneiluminacao.com.br 61 LUMINÁRIA L-17 Tipo: plafonier de embutir em linha contínua Instalação: em gesso acartonado Operação: para 3 lâmpadas de 28W de potência e 1 lâmpada de 14W de potência cada, fluorescentes tubulares T5 Comprimento: 3,76m Corpo: perfil em alumínio Refletor: - Difusor: em polímero translúcido Acabamento: na cor branca QUANTIDADE: 15 un. OBSERVAÇÕES: Todas as Luminárias, cujas especificações constam deste Caderno Técnico, deverão observar na íntegra todas as prescrições dadas pelas normas:  NBR IEC 60598-1 (Julho 1999) “Luminárias – Parte 1: Requisitos gerais e ensaios”  NBR IEC 60598-2-1 (Dezembro 1999) “Luminárias – Parte 2: Requisitos Particulares / Capítulo 1: Luminárias fixas para uso em iluminação geral”  Antes da confirmação de fornecimento das luminárias, deverá ser imprescindivelmente apresentado para fins de aprovação, por parte do Fabricante/Fornecedor, amostra e/ou protótipo da luminária em questão, além dos documentos técnicos a seguir discriminados:  descritivo contendo todas as características técnicas físico-materiais e construtivas;  instruções de montagem e fixação; curva de distribuição fotométrica e rendimento luminoso, além de fotometria completa em versão eletrônica no padrão IES. O Fabricante / Fornecedor deverá fornecer um protótipo ou amostra da luminária especificada, composta por todas as suas partes integrantes e com o devido tratamento das suas superfícies / acabamento, conforme descrito nesta especificação. Assim, para qualquer outro produto que venha a ser indicado como Equivalente, some-se a isso a necessidade de apresentação na íntegra da respectiva Ficha Técnica do Produto (‘‘Datasheet’’), contendo informações sobre

×