Manuel pedreiro t1 1100761

153 visualizações

Publicada em

NOVOS DESAFIOS
SER PROFESSOR NO ENSINO À DISTÂNCIA

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
153
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Manuel pedreiro t1 1100761

  1. 1. NOVOS DESAFIOS SER PROFESSOR NO ENSINO À DISTÂNCIA Educação Aberta e à Distância Manuel Pedreiro T1 1100761
  2. 2. EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA O QUE É O QUE MUDA (comparativamente ao contexto de ensino tradicional) Forma de ensino que possibilita que o aluno e o professor estejam em ambientes físicos distintos. • A sala de aula dá lugar a todo o espaço que o aluno considere adequado para aceder ao curso. • A comunicação presencial dá lugar à comunicação à distância, síncrona ou assíncrona. • As tecnologias da informação e comunicação medeiam a comunicação entre os intervenientes: o aluno está frente-a-frente com os materiais disponibilizados pelo professor e não com o professor.
  3. 3. O ALUNO EaD É IDEAL PARA QUEM TEM • Pouco tempo disponível; • Possibilidade de gerir o seu tempo livre. EaD EXIGE • Autonomia na forma de se organizar e estudar; • Motivação intrínseca; • Não necessitar do encorajamento constante e presencial de um professor; • Conhecer e utilizar as tecnologias de informação e comunicação.
  4. 4. O PROFESSOR E-MODERADOR TELE-PROFESSOR TELE-TUTOR FACILITADOR FORMADOR PESSOAL
  5. 5. PAPEL DO PROFESSOR • ATRAVESSA VÁRIAS ÁREAS DE INTERVENÇÃO: • Aspetos pedagógicos • Aspetos de gestão • Aspetos sociais • Aspetos técnicos • PODE UNIR VÁRIOS MODELOS PEDAGÓGICOS: • INSTRUCIONISMO estruturação e escolha rigorosa dos materiais, bem como da sequência da sua apresentação • CONSTRUTIVISMO facilitador da aprendizagem, escolhendo os problemas que estimulem a exploração e co-construção do conhecimento • Centrados no CONHECIMENTO • no APRENDENTE • na COMUNIDADE NO CONTEXTO ONLINE Quanto às Abordagens Instrucionais Quanto aos Ambientes Pedagógicos
  6. 6. O VERDADEIRO DESAFIO VENCER A DISTÂNCIA FÍSICA TEMPORAL MOTIVACIONAL EVITAR A DESISTÊNCIA
  7. 7. VENCER ADISTÂNCIA • PROMOVER O DIÁLOGO • … através das instruções que o professor dá aos alunos, ou através da exploração que o aluno faz dos materiais (vídeos, livros, etc.); • … através das plataformas de comunicação, úteis para esclarecimento de dúvidas ou para feedback sobre a avaliação dos trabalhos realizados pelos alunos; • … de maneira semelhante entre os alunos nos fóruns que existem para esse efeito. GARANTIR A VISIBILIDADE DO PROFESSOR POR PARTE DOS ALUNOS
  8. 8. VENCER ADISTÂNCIA • PROMOVER O DIÁLOGO AO LONGO DO CURSO • 1. Acesso e Motivação: Nesta fase, cabe ao professor rececionar o novo aluno, oferecer o seu apoio e motivá-lo à participação regular. Deverá, para tal, ajudar o aluno na utilização do sistema em si. A primeira participação online do aluno conclui esta fase. • 2. Socialização: Consiste no desenvolvimento do grupo, sentimento de pertença, coesão e cultura. Pretende-se que de forma sistemática os alunos participem, partilhando aspetos de si próprios. Ao professor caberá um papel de facilitador da socialização. • 3. Partilha de Informação: Nesta fase, os alunos são confrontados com as tarefas, informação, materiais do curso. Ao professor caberá um papel mais ativo no sentido do apoio efetivo aos alunos, quer instrumental quer motivacional. Coincide com um maior número de pedidos de ajuda destes ao professor. • 4. Construção do conhecimento: Aqui cabe ao professor promover as interações entre os alunos, de forma a que estes possam co-construir o conhecimento. • 5. Desenvolvimento: É uma fase de maior autonomia dos alunos e de menor intervenção por parte do professor que deverão ser capazes de se responsabilizar pelas suas aprendizagens.
  9. 9. ENSINO ONLINE NOVOS PAPÉIS NOVOS DESAFIOS ALUNO/ APRENDENTE PROFESSOR/ FACILITADOR
  10. 10. BIBLIOGRAFIA • DePryck, K. (2006). Ensino à Distância: o quê, porquê e para quem? In J. Vermeersch, Iniciação ao Ensino à Distância (pp.9-16). Brussel: HetGemeensschasonderwijs. [e-book] • Morgado, L. (2001). O papel do professor em contextos de ensino online. Problemas e virtualidades. Discursos, III Série, nº especial, 125-138. • Pereira, A. (2006). Aspectos Pedagógicos do Ensino à Distância. In J. Vermeersch, Iniciação ao Ensino à Distância (pp.41-54). Brussel: HetGemeensschasonderwijs. [e-book] • Petersen, P. M. (2006). Aprendizagem no Ensino à Distância. In J. Vermeersch, Iniciação ao Ensino à Distância (pp.67-80). Brussel: HetGemeensschasonderwijs. [e-book]

×