setembro | 2011   Superávit Comercial com a China mantém tendência de queda. Ainda que                  superavitário, o s...
Evolução da Balança Comercial Brasil-China (US$ bilhões)                                                                  ...
Exportações - Principais Produtos (US$ Milhões)                                                                           ...
Importações - Principais Produtos (US$ Milhões)                                                                           ...
Participação da China nas Importações Brasileiras de Manufaturados                                                        ...
Raio-X das Relações Bilaterais Brasil - China ( Setembro 2011)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Raio-X das Relações Bilaterais Brasil - China ( Setembro 2011)

746 visualizações

Publicada em

Levantamento mensal das trocas comerciais entre Brasil- China.
Estudo realizado pela área de Análise Econômica do Departamento de Relações Internacionais e Comércio Exterior da FIESP.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
746
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
188
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Raio-X das Relações Bilaterais Brasil - China ( Setembro 2011)

  1. 1. setembro | 2011 Superávit Comercial com a China mantém tendência de queda. Ainda que superavitário, o saldo comercial mensal com a China vem perdendo força. O mês de setembro (US$ 1,3 bi) teve queda de 35% em relação à maio (US$ 2,0 bi), o maior saldo de 2011. Entretanto, no acumulado de 2011, o saldo (US$ 9,4 bi) foi 89% maior que no mesmo período de 2010 (US$ 5,0 bi). Reflexo de um crescimento das exportações (+44,8%) superior ao crescimento das importações (+32,5%). Déficit comercial de manufaturas é 30% maior que no ano passado. Enquanto o saldo comercial, puxado por commodities, permanece superávitário, o déficit de manufaturas segue em declínio. No acumulado do ano de 2011, o déficit (US$ 21,9 bi) foi 30% maior que no mesmo período de 2010 (US$16,8 bi) Exportações de petróleo continuam em queda. Um dos principais itens da pauta brasileira de exportação para a China, óleos de petróleo, segue com queda no volume embarcado. No acumulado de 2011, os chineses compraram 21% menos do que no mesmo período do ano passado. O que garantiu o aumento da receita do exportador, foi o aumento de 10% no preço do produto. Brasil mais que duplica a importação de celulares chineses. As importações de manufaturados chineses cresceram 31% em valor e 32% em volume, na comparação do acumulado de 2011 contra 2010. Neste mesmo período, as importações de aparelhos de telefonia celular ganharam destaque frente à outros produtos, com crescimentos de 147% (valor) e 165% (volume). China detém 70% do mercado brasileiro de importação de telefonia celular. Além do aumento do volume das importações brasileiras de celulares chineses, cresceu também a participação da China nestas importações. Em 2010, 55% dos aparelhos celulares comprados pelo Brasil eram de origem chinesa, em 2011, o país já representa 70% da importação do produto.
  2. 2. Evolução da Balança Comercial Brasil-China (US$ bilhões) 4,7 4,4 4,6 4,5 4,3 3,9 3,3 3,2 3,3 3,2 2,9 2,7 2,72,6 2,32,6 2,6 2,5 2,7 2,6 2,2 2,3 2,22,4 2,2 1,8 1,7 2,0 1,7 1,4 1,3 1,4 0,5 0,5 0,7 0,1 -0,2 -0,4 -0,6 set out nov dez/10 jan fev mar abr mai jun jul ago set Exportação Importação Saldo Evolução da Balança Comercial de Manufaturados Brasil-China (US$ bilhões) 2,8 3,2 3,1 2,7 2,5 2,6 2,3 2,3 2,4 2,5 2,6 2,1 2,1 0,1 0,1 0,1 0,2 0,1 0,1 0,1 0,1 0,1 0,2 0,2 0,3 0,3 -1,9 -2,1 -2,2 -2,3 -2,0 -2,4 -2,6 -2,4 -2,5 -2,5 -2,7 -2,9 -2,8 set out nov dez/10 jan fev mar abr mai jun jul ago set Exportação Importação Saldo Composição da Pauta (Janeiro a Setembro de 2011) Exportações Importações US$ 28,9 bi US$ 0,7 bi 96,7% US$ 0,1 bi US$ 3,2 bi 9,7% 86,1% 3,0% 4,2% US$ 1,4 bi 0,3% US$ 23,3 bi Básicos Semimanufaturados ManufaturadosFonte: AliceWeb/MDIC 01
  3. 3. Exportações - Principais Produtos (US$ Milhões) Jan a Jan a Variação Part.* set/11 set/10 Valor PesoTotal 100% 33.551 23.184 45% 8% Básicos 86,1% 28.890 19.403 49% 8% Minérios de ferro e seus concentrados 43,2% 14.478 8.459 71% 10% Soja, mesmo triturada 28,8% 9.667 7.037 37% 4% Óleos brutos de petróleo 10,5% 3.512 3.180 10% -21% Minérios de manganês 0,3% 107 173 -38% -26% Carne de frango 0,9% 301 142 111% 68% Outros 2,5% 825 412 100% 26% Semimanufaturados 9,7% 3.239 2.816 15% 5% Celulose 2,7% 901 857 5% 0% Óleo de soja bruto 1,6% 534 671 -20% -45% Açúcar, em bruto 2,3% 764 429 78% 26% Couros e peles depilados 0,9% 291 277 5% 8% Ferro-ligas 0,9% 288 248 16% 12% Outros 1,4% 461 334 38% 79% Manufaturados 4,2% 1.423 964 48% 84% Aviões 1,2% 389 242 61% 48% Polímeros plásticos 0,7% 232 88 164% 114% Demais produtos Manufaturados 0,3% 101 70 44% 19% Papel e cartão para impressão 0,2% 69 65 6% 4% Suco de laranja congelado 0,2% 79 46 74% 6% Bombas e compressores 0,1% 34 42 -19% -32% Alcoois acíclicos e derivados 0,0% 7 34 -79% -80% Partes de motores para automóveis 0,1% 34 33 3% 63% Rolamentos e engrenagens 0,1% 31 31 -1% -16% Medicamentos para medicina humana 0,1% 23 17 36% 64% Compostos de funções nitrogenadas 0,0% 11 17 -37% -48% Partes e peças para veículos 0,1% 20 15 30% 36% Hidrocarbonetos e seus derivados 0,0% 17 15 9% 70% Pedras preciosas 0,1% 20 11 73% 73% Circuitos integrados 0,0% 12 11 8% -13% Outros 1,0% 345 227 52% 316%*Participação sobre o total exportado no periodo de Janeiro a SetembroFonte: AliceWeb/MDIC 02
  4. 4. Importações - Principais Produtos (US$ Milhões) Jan a Jan a Variação Part.* set/11 set/10 Valor PesoTotal 100% 24.065 18.197 32% 35% Básicos 3,0% 734 379 94% 69% Coques e semicoques de hulha 1,4% 332 125 167% 183% Filés de peixes congelados, exceto de merluza 0,5% 112 33 238% 217% Alhos comuns frescos ou refrigerados 0,3% 79 105 -25% -16% Feijão preto em grãos 0,1% 36 7 387% 378% Produtos hortícolas secos 0,1% 29 20 48% -7% Outros 0,6% 146 89 64% -49% Semimanufaturados 0,3% 70 82 -15% -23% Ferro-ligas 0,1% 16 33 -52% -62% Manganes bruto 0,1% 13 18 -30% -44% Borracha sintética e borracha artificial 0,0% 7 4 70% 23% Prod. semimanuf. de ferro e aço 0,0% 5 1 271% 385% Sucos e extratos vegetais 0,0% 4 3,4 14% -32% Outros 0,1% 26 23 13% 12% Manufaturados 96,7% 23.262 17.736 31% 32% Partes de aparelhos transmissores ou receptores 5,1% 1.237 1.078 15% 20% Máquinas automáticas para proc. de dados 4,1% 980 732 34% 10% Partes de máquinas para processamento de dados 3,5% 835 797 5% 3% Circuitos impressos para aparelhos de telefonia 3,4% 816 539 51% 33% Circuitos integrados e microconjuntos eletrônicos 2,6% 624 664 -6% -16% Motores, geradores e transformadores elétricos 2,4% 585 513 14% 1% Laminados planos de ferro ou aços 2,3% 565 702 -19% -32% Aparelhose de telefonia celular 2,3% 564 228 147% 165% Aparelhos transmissores ou receptores 1,8% 431 361 19% -41% Compostos heterocíclicos, seus sais e sulfonamidas 1,8% 428 381 12% 8% Brinquedos, jogos e artigos para diversão 1,8% 422 305 38% 23% Apar. eletromecânicos ou térmicos, uso doméstico 1,5% 358 265 35% 20% Tecidos de fibras têxteis, sintéticas ou artificiais 1,5% 355 266 34% 20% Aparelhos de ar condicionado 1,5% 353 291 21% 10% Bombas e compressores 1,3% 311 226 37% 29% Outros 59,8% 14.399 10.387 39% 53%*Participação sobre o total exportado no periodo de Janeiro a SetembroFonte: AliceWeb/MDIC 03
  5. 5. Participação da China nas Importações Brasileiras de Manufaturados US$ milhões Participação Principais Produtos Manufaturados jan-Set jan-Set jan-Set jan-Set 2011 2010 2011 2010 Partes de aparelhos transmissores ou receptores 1.237 1.078 45% 45% ▲ Máquinas automáticas para proc. de dados 980 732 53% 47% ▲ Partes de máquinas para processamento de dados 835 797 55% 55% ▲ Circuitos impressos para aparelhos de telefonia 816 539 51% 49% ▲ Circuitos integrados e microconjuntos eletrônicos 624 664 18% 22% ▼ Motores, geradores e transformadores elétricos 585 513 25% 25% ▲ Laminados planos de ferro ou aços 565 702 31% 29% ▲ Aparelhose de telefonia celular 564 228 70% 55% ▲ Aparelhos transmissores ou receptores 431 361 48% 48% ▲ Compostos heterocíclicos, seus sais e sulfonamidas 428 381 20% 20% ▼ Brinquedos, jogos e artigos para diversão 422 305 81% 79% ▲ Apar. eletromecânicos ou térmicos, uso doméstico 358 265 84% 83% ▲ Tecidos de fibras têxteis, sintéticas ou artificiais 355 266 72% 68% ▲ Aparelhos de ar condicionado 353 291 67% 69% ▼ Bombas e compressores 311 226 18% 13% ▲ Preço Médio das Importações Brasileiras de Manufaturados (Janeiro a Setembro de 2011) Principais Produtos Manufaturados US$/Kg Diferença (China-Mundo) Mundo China US$/Kg % Partes de aparelhos transmissores ou receptores 17,7 15,1 -2,6 -15% Máquinas automáticas para proc. de dados 62,8 46,1 -16,7 -27% Partes de máquinas para processamento de dados 40,8 29,4 -11,4 -28% Circuitos impressos para aparelhos de telefonia 153 127,8 -25,6 -17% Circuitos integrados e microconjuntos eletrônicos 1.061,5 890,2 -171,4 -16% Motores, geradores e transformadores elétricos 13,0 8,2 -4,8 -37% Laminados planos de ferro ou aços 1,0 0,9 -0,2 -17% Aparelhose de telefonia celular 158,3 144,0 -14,3 -9% Aparelhos transmissores ou receptores 46,7 27,0 -19,8 -42% Compostos heterocíclicos, seus sais e sulfonamidas 15,8 8,0 -7,8 -49% Brinquedos, jogos e artigos para diversão 6,3 6,0 -0,3 -5% Apar. eletromecânicos ou térmicos, uso doméstico 5,1 4,6 -0,5 -10% Tecidos de fibras têxteis, sintéticas ou artificiais 4,4 4,4 0,0 0% Aparelhos de ar condicionado 6,6 5,0 -1,6 -25% Bombas e compressores 14,1 5,2 -9,0 -64%Fonte: AliceWeb/MDIC 04

×