Afinal Vale a Pena Andar
                   Mais de Bicicleta?
                     Luís Bettencourt Sardinha
S. Paulo    ...
Ausência de Exercício
Custos Cuidados de Saúde
                               4000                                            4000
Custos Cuidad...
Custos Cuidados de Saúde
  Referência                 País         Custos Directos

Reijnen e col., (1989)      Holanda   ...
Benefícios Financeiros do Ciclismo
                 • O ciclismo beneficia a sociedade em
                 $0,25 por Km pe...
Três Desafios
Meio cultural: Mudar a norma social,
          integrar a actividade física
como algo natural e necessário
M...
Três Desafios
Meio cultural: Mudar a norma social,
          integrar a actividade física
como algo natural e necessário
M...
Três Desafios
Meio cultural: Mudar a norma social,
          integrar a actividade física
como algo natural e necessário
M...
Recomendações UE - Transportes, ambiente, planeamento
                      urbano e segurança pública
Recomendação 25 - A...
Ciclistas Vivem Mais
• 6954 ciclistas regulares
• População do estudo - 30640
• Acompanhados durante uma média de 14,5 ano...
Ciclistas Jovens Têm Mais
      Aptidão Aeróbia
                • 384 crianças
                • 6 anos de intervalo
     ...
Ciclismo e Excesso de Peso em Crianças



                                15%          16%
                  18%
      22%...
Colesterol e Ataques Cardíacos

• Viagens de carro para o local de trabalho substituídas
por viagens de bicicleta
• Aument...
Efeito Relativo da Aptidão
                              Aeróbia
                 4

                                     ...
Cancro
- Sedentarismo explica:
    • ¼ dos cancros do cólon
    • 12% do risco de cancro da mama
       • Jean Dixon and S...
Projecção de Ganhos Futuros

                                  Aumento de viagens 2005 - 2015

                           ...
Projecção de Ganhos Futuros

                            20% aumento no     30% aumento no     50% aumento no
            ...
Benefícios para um Aumento de 10%
             no Ciclismo
                 • Ganhos de $12 milhões no
                 se...
Será Este o Futuro?!!!
I Seminário Internacional Bike Tour - Instituto do Desporto de Portugal
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

I Seminário Internacional Bike Tour - Instituto do Desporto de Portugal

882 visualizações

Publicada em

Apresentação de Luis Bettencourt Sardinha

I Seminário Internacional Bike Tour - Saúde, Esporte e Ação Social

19 e 20 de Janeiro de 2010
Edifício sede da FIESP - São Paulo SP

O evento é uma iniciativa da organização World Bike Tour e dos governos federal, estadual e municipal de São Paulo, é sediado pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), com o apoio do Serviço Social da Indústria (SESI-SP)

A solenidade contou com a presença de Gilberto Kassab, prefeito de São Paulo; Diamantino Nunes, presidente World Bike Tour; Alexandre Nunes, Secretário de Transportes da Prefeitura de São Paulo; Vital Neto, Presidente de honra do Instituto Superar; Sérgio Barbour, Chefe de Relações Institucionais e Governamentais da Fiesp; Antonio P. Souza, Instituto da Droga e da Toxicodependência e Walter Feldman, Secretário Esporte da Prefeitura de São Paulo.

Após a abertura, deu-se início ao círcuito de palestras.

Mais informações acesse o site http://www.fiesp.com.br/agencianoticias/2010/01/19/bike_tour_fiesp_palestras.ntc

www.worldbiketour.net

Siga-nos no Twitter: http://twitter.com/Fiesp

Publicada em: Saúde e medicina, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
882
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

I Seminário Internacional Bike Tour - Instituto do Desporto de Portugal

  1. 1. Afinal Vale a Pena Andar Mais de Bicicleta? Luís Bettencourt Sardinha S. Paulo Laboratório de Exercício e Saúde Faculdade de Motricidade Humana 19 de Janeiro Universidade Técnica de Lisboa Instituto do Desporto de Portugal 2010 Laboratório de Exercício e Saúde
  2. 2. Ausência de Exercício
  3. 3. Custos Cuidados de Saúde 4000 4000 Custos Cuidados de Saúde (€) Homens Mulheres 3500 3500 3000 Activos 3000 Sedentários 2500 2500 2000 2000 1500 1500 1000 1000 500 500 0 0 15-24 25-34 35-44 45-54 55-64 65-74 75+ 15-24 25-34 35-44 45-54 55-64 65-74 75+ Grupos Etários Grupos Etários Pratt e col., Physician Sportsm, 28, 125-136, 2000 Sportsm, 28, 125-
  4. 4. Custos Cuidados de Saúde Referência País Custos Directos Reijnen e col., (1989) Holanda €71.24 milhões/ano Pratt e col., (2000) EUA €62.8 biliões/ano €923 pessoa/ano Nichols e col., (1994) Reino Unido €43.5 pessoa/ano Stephenson e col., (2000) Austrália €228.7 milhões/ano Katzmarzyk e col., (2000) Canadá €1.3 biliões/ano Martin e col., (2001) Suiça €1.03 biliões/ano
  5. 5. Benefícios Financeiros do Ciclismo • O ciclismo beneficia a sociedade em $0,25 por Km percorrido • O uso do carro prejudica a sociedade em $0,14/Km • O ciclismo beneficia a saúde e a esperança de vida em 7 vezes mais do que os custos em acidentes • O ciclismo custa $0,07 /Km ao praticante (preço de aquisição e manutenção) • Conduzir um carro custa $0,44/Km ao proprietário
  6. 6. Três Desafios Meio cultural: Mudar a norma social, integrar a actividade física como algo natural e necessário Meio ambiente: Mais acessos, mais disponibilidade para a acção No aconselhamento: Individualizar as intervenções (somos todos diferentes!)
  7. 7. Três Desafios Meio cultural: Mudar a norma social, integrar a actividade física como algo natural e necessário Meio ambiente: Mais acessos, mais disponibilidade para a acção No aconselhamento: Individualizar as intervenções (somos todos diferentes!)
  8. 8. Três Desafios Meio cultural: Mudar a norma social, integrar a actividade física como algo natural e necessário Meio ambiente: Mais acessos, mais disponibilidade para a acção No aconselhamento: Individualizar as intervenções (somos todos diferentes!)
  9. 9. Recomendações UE - Transportes, ambiente, planeamento urbano e segurança pública Recomendação 25 - As autoridades dos Estados-membros, nos níveis nacional, regional ou local, devem planear e criar infra- estruturas adequadas à utilização da bicicleta como meio de transporte para a escola e para o trabalho. Recomendação 26 - Outros tipos de locomoção activa devem ser sistematicamente considerados no planeamento territorial, tanto no nível nacional como no regional e no local, com o objectivo de garantir condições de segurança, conforto e viabilidade. Recomendação 27 - Os investimentos em infra-estruturas para andar de bicicleta ou caminhar devem ser acompanhados por campanhas de informação explicando os benefícios para a saúde dos meios de locomoção activa.
  10. 10. Ciclistas Vivem Mais • 6954 ciclistas regulares • População do estudo - 30640 • Acompanhados durante uma média de 14,5 anos • Tempo médio de percurso de 3 horas/semana • Risco relativo de morte de 0,72 (95% IC 0,57-0,91) • População mais velha tem mais benefícios • Ajustado para idade, sexo, nível educacional, tempo de actividade física de lazer, índice de massa corporal, níveis de lípidos no sangue, tabaco, pressão arterial Andersen et al. Arch Intern Med. 2000 ; 160: 1621-1628
  11. 11. Ciclistas Jovens Têm Mais Aptidão Aeróbia • 384 crianças • 6 anos de intervalo • Nos dois momentos o uso da bicicleta estava associado com a ApA • Quem passou a utilizar a bicicleta aumentou a ApA em 9% Cooper et al. Prev Med. 2008 ;47: 324-328
  12. 12. Ciclismo e Excesso de Peso em Crianças 15% 16% 18% 22% Prevalência de Excesso de Peso 15% 11% 10% 2% Prevalência de Ciclismo
  13. 13. Colesterol e Ataques Cardíacos • Viagens de carro para o local de trabalho substituídas por viagens de bicicleta • Aumento da capacidade física, aptidão aeróbia, colesterol das HDL • Diminuição do colesterol das LDL, risco de acidentes cardiovasculares • Department of Environmental Protection: www.environ.wa.gov.au; Bike West: www.transport.wa.gov.au/metro/bikewest
  14. 14. Efeito Relativo da Aptidão Aeróbia 4 Sem Doença Cardiovascular Doença Cardiovascular Risco Relativo 3 2 6.0 - 7.9 METs 5.0 - 6.4 METs 1.0 - 5.9 METs 1.0 - 4.9 METs 8.0 - 9.9 METs 6.5 - 8.2 METs 8.3 - 10.6 METs 1 11 - 12.9 METs > 10.6 METs > 13.0 METs 0 1 2 3 4 5 Quintis de acordo com o consumo de oxigénio Myers e col., N Engl J Med, 346, 793-801, 2002
  15. 15. Cancro - Sedentarismo explica: • ¼ dos cancros do cólon • 12% do risco de cancro da mama • Jean Dixon and Sarah Hinde, Nacional Centre of Epidemiology and Population Health - 30 minutos de bicicleta por dia aumenta a sobrevivência dos homens em 33% • British Journal of Cancer, 28 May 2008, from Kinect Australia Active Media Bulletin July 2008: http://www.medicalnewstoday.com/articles/108930.php
  16. 16. Projecção de Ganhos Futuros Aumento de viagens 2005 - 2015 20% 30% 50% Redução de CO2 (toneladas 000s) 300 450 740 Redução de Carbono (toneladas 80 120 200 000s) Vidas salvas como resultado da 140 210 350 Actividade Física
  17. 17. Projecção de Ganhos Futuros 20% aumento no 30% aumento no 50% aumento no ciclismo ciclismo ciclismo (milhões de £) (milhões de £) (milhões de £) Morte prematura (adultos) 107 160 267 52 77 129 Custos no Serviço Nacional de Saúde (adultos) Ausência no emprego 87 130 217 (adultos) Poluição 71 107 178 Congestionamento 207 310 517 Total 523 785 1308
  18. 18. Benefícios para um Aumento de 10% no Ciclismo • Ganhos de $12 milhões no serviço de saúde • Redução de perdas de produção de $31 milhões • 3,3% de redução no absentismo • 61000 anos extra de vida • Menos 46000 anos de doenças graves • Menos 25 reformas antecipadas
  19. 19. Será Este o Futuro?!!!

×