FIESP – 12° Encontro Internacional de EnergiaMercado Livre de Energia Elétrica: uma visão de futuro                       ...
Panorama do Mercado de EnergiaPanorama do Ambiente de Comercialização LivreAprimoramentos para o Mercado Livre            ...
Agentes na CCEE – Junho de 2011              1500              1350              1200              1050               900 ...
set       nov2000       jan       mar       mai         jul2001        set       nov       jan       mar       mai        ...
Evolução do Mercado de Curto Prazo x PLD                           Volume do Mercado de Curto Prazo (R$ milhões) x PLD (R$...
Carga do ACR e ACL no SIN – Junho 2011              Carga Total SIN: 55.058 MW médio                                      ...
Panorama do Mercado de EnergiaPanorama do Ambiente de Comercialização LivreAprimoramentos para o Mercado Livre            ...
Evolução do Carga do SIN                    Consumidor Livre   Consumidor Especial       APE, Eletrointensivo, Exp/Imp    ...
Participação do ACL na Carga Total do SIN                                                    % Consumidor Livre   % Consum...
Consumo Livre e Especial por Submercado/Estado                                 Consumo      Consumo      Consumo   Consumo...
Consumo Livre e EspecialRamo de Atividade – Junho 2011                                VEÍCULOS E                          ...
Evolução do Consumo Livre e EspecialRamo de Atividade 4.100 MWmed 3.900 3.700                                             ...
Contratos Registrados dos Consumidores Livres e EspeciaisJunho 2011             Contratos Registrados (em Volume) - Junho ...
Consumo da COPEL e Consumidores Livres/EspeciaisEstado de São Paulo     Carga Distribuidoras SP + CL/CE: 15.323 MW médio (...
Consumidores Livres e Especiais no Estado de São PauloRamo de Atividade        347 Consumidores Livres:                   ...
Consumidores Livres e Especiais no Estado de São Paulo           Maiores Cargas de Consumidores Livres e Especiais        ...
Panorama do Mercado de EnergiaPanorama do Ambiente de Comercialização LivreAprimoramentos para o Mercado Livre            ...
Aprimoramentos para o Mercado Livre 1) Ampliação do Mercado 2) Comercializador Varejista 3) Comercialização de Excedentes ...
Ampliação do Mercado          19
Potencial ACL – Regulamentação Atual                                                                                   Dem...
Aprimoramento – Ampliação do Mercado A abertura dos mercados de energia elétrica, de forma abrangente a todos  os consumi...
Aprimoramento – Ampliação do MercadoPLS 402/2009 Iniciativa:  Abertura do mercado – Projeto de Lei PLS 402/2009 com a amp...
Comercializador Varejista            23
Aprimoramento - Comercializador Varejista Proposta de simplificação da operação na CCEE dos consumidores especiais       ...
Aprimoramento - Comercializador Varejista Principais dificuldades de pequenos agentes para migração ao ACL:   1. Processo...
Aprimoramento - Comercializador Varejista  Com a implementação do comercializador varejista, os consumidores   especiais ...
Comercialização de Excedentes              27
Aprimoramento - Comercialização de ExcedentesDuas alternativas em discussão:  Projeto de Lei do Senado n° 402/ 2009  Por...
Aprimoramento - Comercialização de ExcedentesAspectos Gerais Atualmente, as eventuais sobras contratuais de consumidores ...
Sobras [MW médio]               100               150               200               250               300               ...
Muito Obrigado         Luiz Eduardo Barata FerreiraPresidente do Conselho de Administração
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação Luiz Eduardo Barata – Pres do Conselho de Administração da CCEE

744 visualizações

Publicada em

12º Encontro Internacional de Energia -
Painel 1 - Mercado Livre de Energia Elétrica: uma visão do futuro

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
744
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Luiz Eduardo Barata – Pres do Conselho de Administração da CCEE

  1. 1. FIESP – 12° Encontro Internacional de EnergiaMercado Livre de Energia Elétrica: uma visão de futuro Luiz Eduardo Barata Ferreira Presidente do Conselho de Administração 15 de agosto de 2011
  2. 2. Panorama do Mercado de EnergiaPanorama do Ambiente de Comercialização LivreAprimoramentos para o Mercado Livre 2
  3. 3. Agentes na CCEE – Junho de 2011 1500 1350 1200 1050 900 750 600 450 300 150 0 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 jun/11 Importador 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Autoprodutor 0 3 8 11 11 14 15 21 24 28 34 35 Gerador 15 19 19 20 20 22 27 30 29 28 28 28 Distribuidor 35 39 41 42 42 43 43 43 43 45 45 45 Comercilizador 5 18 31 35 41 47 44 48 55 70 93 103 Produtor Independente 2 15 26 37 45 65 83 88 130 169 262 285 Consumidor Especial 0 0 0 0 0 0 0 0 194 221 455 495 Consumidor Livre 0 0 0 0 34 470 613 684 459 445 485 493 Total Agentes 58 95 126 146 194 662 826 915 935 1.007 1.403 1.485
  4. 4. set nov2000 jan mar mai jul2001 set nov jan mar mai jul2002 set nov jan mar mai jul2003 set nov jan mar mai jul2004 set nov jan mar mai jul2005 SE / CO set Evolução do PLD [R$/MWh] nov jan mar mai jul S2006 set nov jan mar mai jul2007 NE set nov jan mar mai jul2008 N set nov jan mar mai jul2009 set nov jan mar mai jul2010 set nov jan mar mai2011 jul 0,0 50,0 100,0 150,0 200,0 250,0 300,0 350,0 400,0 450,0 500,0 550,0 600,0 650,0 700,0 PLD [R$/MWh]
  5. 5. Evolução do Mercado de Curto Prazo x PLD Volume do Mercado de Curto Prazo (R$ milhões) x PLD (R$/MWh) 1.200 600 1.100 MCP [R$ Milhões] 550 1.000 500 PLD [R$/MWh] 900 450 800 400MCP [R$ Milhões] 700 350 PLD [R$/MWh] 600 300 500 250 400 200 300 150 200 100 100 50 0 0 ago nov ago nov ago nov ago nov ago nov jan dez jan jan jan jan jan jun fev abr jun jul out fev abr jun jul out dez fev abr jun jul out dez fev jul out abr jun dez fev abr jun jul out dez fev abr mar set mar set mar mai set mar set mar set mar mai mai mai mai mai 2006 2007 2008 2009 2010 2011 5
  6. 6. Carga do ACR e ACL no SIN – Junho 2011 Carga Total SIN: 55.058 MW médio Consumidor Livre 9.094 MWm - 16,5% ACR ACL 39.743 MWm 15.315 MWm 72,2% 27,8% Consumidor Especial 1.023 MWm - 1,9% APE 3.336 MWm - 6,1% Eletrointensivo 957 MWm - 1,7% Importação/Exportação 906 MWm - 1,6% 6
  7. 7. Panorama do Mercado de EnergiaPanorama do Ambiente de Comercialização LivreAprimoramentos para o Mercado Livre 7
  8. 8. Evolução do Carga do SIN Consumidor Livre Consumidor Especial APE, Eletrointensivo, Exp/Imp Carga SIN 60.000 55.058 55.000 50.000 45.000 40.000 35.000Mw médio 30.000 25.000 ACL (junho 2011): 20.000 15.315 MWm 27,8% 15.000 10.000 5.000 - ago ago ago mai mai jan out nov mai out nov mai mar jun out nov jul jan mar set jun jul jan mar set jun jul jan mar set jun fev fev fev fev dez dez dez abr abr abr abr 2008 2009 2010 2011 8
  9. 9. Participação do ACL na Carga Total do SIN % Consumidor Livre % Consumidor Especial % ACL no SIN 32,0% 30,0% 27,8% 28,0% 26,0%Participação % na Carga Total do SIN 24,0% 22,0% 20,0% 18,0% 1,9% 16,0% 14,0% 12,0% 10,0% 8,0% 16,5% 6,0% 4,0% 2,0% 0,0% mai mai mai mai mar mar mar mar ago ago ago jan jan jan jan set set fev abr dez fev abr dez fev abr dez fev jul set jul jul abr jun jun jun jun out out out nov nov nov 2008 2009 2010 2011 9
  10. 10. Consumo Livre e Especial por Submercado/Estado Consumo Consumo Consumo Consumo por Submercado Estado C. Livre C.Especial Total submercado Participação (MWmed) (MWmed) (MWmed) (MWmed) AL 0 1 1 BA 117 5 122 CE 104 11 115 NORDESTE PB 37 1 39 457 5% PE 87 18 104 RN 12 4 16 SE 60 0 61 MA 35 0 35 NORTE PA 975 0 975 1.014 10% TO 1 3 4 DF 56 0 56 ES 250 11 261 GO 240 2 242 MG 2.342 171 2.513 SUDESTE MS 35 3 38 7.309 72% MT 94 25 119 RJ 487 71 558 RO 14 0 14 SP 3.019 489 3.508 PR 348 12 361 SUL RS 415 91 507 1.337 13% SC 365 104 469 Total geral 9.094 1.023 10.117 10.117 100% 10
  11. 11. Consumo Livre e EspecialRamo de Atividade – Junho 2011 VEÍCULOS E TRANSPORTE BEBIDAS E 763 MWm 8% ALIMENTOS 657 MWm 6% CELULOSE 653 MWm MINERAIS 6% METÁLICOS E NÃO OUTROS METÁLICOS 596 MWm 1.388 MWm 6% 14% MADEIRA, BORRACHA E DEMAIS PLÁSTICO QUÍMICOS 1.701 MWm 1.532 MWm 490 MWm 17% 15% 5% TÊXTEIS 365 MWm 4% METALURGIA e PRODUTOS DE METAL SERVIÇOS 3.422 MWm 249 MWM 2% 34% 11
  12. 12. Evolução do Consumo Livre e EspecialRamo de Atividade 4.100 MWmed 3.900 3.700 METALURGIA e 3.500 PRODUTOS DE METAL 3.422 3.300 3.100 • • • • 1.600 1.532 QUÍMICOS 1.400 1.388 MINERAIS METÁLICOS E NÃO METÁLICOS 1.200 VEÍCULOS E TRANSPORTE 1.000 CELULOSE 800 763 BEBIDAS E ALIMENTOS 657 600 490 MADEIRA, BORRACHA 400 365 E PLÁSTICO 249 TÊXTEIS 200 SERVIÇOS - jun/10 jul/10 ago/10 set/10 out/10 nov/10 dez/10 jan/11 fev/11 mar/11 abr/11 mai/11 jun/11 12
  13. 13. Contratos Registrados dos Consumidores Livres e EspeciaisJunho 2011 Contratos Registrados (em Volume) - Junho 2011 Consumidores Livres e Especiais 2 a 4 meses 1% 1 mês 11% 5 a 12 meses acima 4 anos 18% 38% 1 a 2 anos 15% 2 a 4 anos 17%
  14. 14. Consumo da COPEL e Consumidores Livres/EspeciaisEstado de São Paulo Carga Distribuidoras SP + CL/CE: 15.323 MW médio (27,8% SIN) Consumidores Especiais 489 MWm 3% Distribuidoras Consumidores Consumidores São Paulo Livres e Especiais Livres 11.815 MWm 3.508 MWm 3.019 MWm 77% 23% 20% 14
  15. 15. Consumidores Livres e Especiais no Estado de São PauloRamo de Atividade 347 Consumidores Livres: 3.018,5 MW médios 422 Consumidores Especiais: 489,5 MW médios 769 Consumidores Livre e Especiais : 3.508,0 MW médios MINERAIS BORRACHA NÃO 201,9 MWm METÁLICOS 6% 249,3 MWm 7% CELULOSE 357,2 MWm OUTROS 10% 285,9 MWm 8% VEÍCULOS ALIMENTÍCIOS 394,7 MWm 158,9 MWm5% 11% DEMAIS TÊXTEIS 1.104,8 MWm 157,0 MWm 4% 31% TRANSPORTE 141,0 MWm 4% METALURGIA SANEAMENTO 587,1 MWm 115,5 MWm 3% 17% QUÍMICOS MADEIRA 89,7 MWm 3% 613,1 MWm SERVIÇOS 74,9 MWm 2% 17% PRODUTO METAL 54,5 MWm 2% BEBIDAS 27,3 MWm 1% 15
  16. 16. Consumidores Livres e Especiais no Estado de São Paulo Maiores Cargas de Consumidores Livres e Especiais Consumidores Livres Consumidores Especiais USIMINAS SP MERCEDES SBC TELEFONICA DECA MSI CARBOCLORO VILLARES SUMAR CBD VCSA SABESP TKMCL J SERRANO MABE GSA GOODYEAR NESTLE AMPARO MATR ARCELOR JF FORD 3M JBS FRIBOI METRO SP LINDE GASES RIGESA ELUXCTBA SOLVAY ULTRAFERTIL ZARAPLAST SKF VCSA TUPY SA SE AMBEV MD LIMEIRA DURATEX BRIDGESTONE CARREFOUR MALIBER WHITE MARTINS SANTHER MATRIZ KIMB CLARK RHODIA JACAREI POLIETILENOS ELFUSA MINERVA BARRET SHOP LESTE GALB FIBRIA JACAREI TEXTIL ITATIBA MABE ITU GM SCS AMSTED MATRIZ TETRA PAK GRUPO SEB SUZANO CEL SE OI-SA HOGANAS AJAX AJINOMOTO MAHLE MET MANIKRAFT VALEO ILUMINA EKA CHEMICALS TAVEX MTZ BIGNARDI LOUIS DREYF CPTM TREIBACHER SEARA SANTANDER CONPACEL FOSFERTIL SC ELDORADO MAGAL TRANSPETRO NESTLE MABELLA MOSAIC CUBATAO VOLKSWAGEN CL2 CCB ALPINA ARCOR R.PEDRAS NOVELIS MELHORAMENTOS LANFREDI ROUSSELOT IPAPER VOLKSWAGEN SAOCARLOSSA PROL EDITORA EUCATEX MATRIZ TEXTILCANATIBA PFSA NSK IP LUIZANTONIO TECUMSEH VIGOR MANN HUMMEL PIRELLI MATRIZ EATON EMS DAIRY 16
  17. 17. Panorama do Mercado de EnergiaPanorama do Ambiente de Comercialização LivreAprimoramentos para o Mercado Livre 17
  18. 18. Aprimoramentos para o Mercado Livre 1) Ampliação do Mercado 2) Comercializador Varejista 3) Comercialização de Excedentes 18
  19. 19. Ampliação do Mercado 19
  20. 20. Potencial ACL – Regulamentação Atual Demanda Mínima Consumidor Fonte Tensão Mínima Contratada • Convencional e 69 kV Antes (08/1995) Livre • Alternativa (Desconto TUSD/TUST) 3 MW Nenhuma após (08/1995) • Convencional (30 a 50 MW) e Especial • Alternativa (Desconto TUSD/TUST) 500 kW - 3 MW 2,3 kV ACR 73% Situação Atual POTENCIAL ESPECIAIS 14% POTENCIAL LIVRES - 5% Potencial Atual C. ESPECIAIS 2% Máximo ACL (46%) C. LIVRES ACL APE Eletrointensivo 27% Exp/Imp 25% Adaptação CCEE – Estudo Andrade & Canellas 20 Dados maio 2011
  21. 21. Aprimoramento – Ampliação do Mercado A abertura dos mercados de energia elétrica, de forma abrangente a todos os consumidores, já é uma realidade em vários países. Por outro lado, no contexto brasileiro, para viabilizar a ampliação do mercado e dar os primeiros passos para uma abertura do mercado, há ainda diversos aspectos que necessitam de aprimoramento. Até no conjunto de países da América Latina, o Brasil é um dos países que possui maior exigência na condição de elegibilidade do consumidor para o mercado livre. 21
  22. 22. Aprimoramento – Ampliação do MercadoPLS 402/2009 Iniciativa:  Abertura do mercado – Projeto de Lei PLS 402/2009 com a ampliação do número de consumidores livres - Redução progressiva de elegibilidade de 3MW para 2MW e depois para 1 MW 22
  23. 23. Comercializador Varejista 23
  24. 24. Aprimoramento - Comercializador Varejista Proposta de simplificação da operação na CCEE dos consumidores especiais ACL Comercializador Varejista MC1 MC2 MC3 MC4 ...... MCn MG1 MG2 ...... MGn ~ ~ ~ C1 C2 C3 C4 Cn G1 G2 Gn Geradores de Pequeno Porte Consumidores Especiais (Adesão Simplificada) (Adesão Simplificada)  O Comercializador Varejista será responsável pela representação dos pequenos agentes, gestão contratual e das operações na CCEE  Consolidação da Contabilização e Liquidação no Comercializador Varejista 24
  25. 25. Aprimoramento - Comercializador Varejista Principais dificuldades de pequenos agentes para migração ao ACL: 1. Processos de Adesão 2. Processos de Modelagem 3. Complexidade das Regras e Procedimentos de Comercialização 4. Pequeno agente tendo que atender as mesmas regras de um grande consumidor 5. Infraestrutura insuficiente para gestão dos contratos e operacionalizações junto à CCEE 25
  26. 26. Aprimoramento - Comercializador Varejista  Com a implementação do comercializador varejista, os consumidores especiais representados não terão acesso às operações realizadas na CCEE  Número de consumidores especiais representados pode apresentar grande crescimento  É importante estabelecer meios de minimizar os riscos de inadimplência e desligamento dos comercializadores varejistas  Relatório Técnico foi encaminhado pela CCEE à ANEEL em 05/08/11
  27. 27. Comercialização de Excedentes 27
  28. 28. Aprimoramento - Comercialização de ExcedentesDuas alternativas em discussão: Projeto de Lei do Senado n° 402/ 2009 Portaria MME n° 73/2010 28
  29. 29. Aprimoramento - Comercialização de ExcedentesAspectos Gerais Atualmente, as eventuais sobras contratuais de consumidores livres são liquidadas mensalmente no mercado de curto prazo, sendo valoradas ao PLD A proposta de comercialização de excedentes permitirá, obedecidas certas condições, que essa sobras sejam objeto de cessão  Aumento da liquidez do mercado  Consumidor passa a ser um Agente “ativo” no processo de comercialização de energia  Possibilidade do ACL contribuir mais vigorosamente para a expansão do sistema de geração 29
  30. 30. Sobras [MW médio] 100 150 200 250 300 350 400 450 500 550 600 650 700 750 800 0 50 jan fev mar abr mai jun2006 jul ago set out nov dez jan fev mar abr mai jun2007 jul ago set out nov dez jan fev mar Sobras dos Consumidores Livres abr mai jun2008 jul ago set out nov dez jan fev mar abr mai jun2009 jul ago set out nov dez jan Mercado de Curto Prazo ao PLD [MW médios] Sobras dos Consumidores Livres Liquidados no fev mar abr mai jun2010 jul ago set out nov dez jan fev2011 mar abr
  31. 31. Muito Obrigado Luiz Eduardo Barata FerreiraPresidente do Conselho de Administração

×