SlideShare uma empresa Scribd logo

RECICLANDO IDEIAS - A RECICLAGEM DO PAPEL NO CONTEXTO ESCOLAR RELATO DE EXPERIÊNCIA

O crescimento populacional acarreta na expansão dos meios de produção para atender a um mercado consumidor cada vez mais alto que gera uma quantidade maior de resíduos prejudiciais ao meio ambiente. Roraima é um dos estados brasileiros com os maiores índices de crescimento populacional e dessa forma, com um mercado em plena expansão. O relato apresenta a experiência de uma escola da periferia da de Boa Vista, e o trabalho com a reciclagem do papel, que é um material bastante presente no ambiente escolar. Em contrapartida com o que foi estudado em 2011, a presente pesquisa busca apresentar termos relativos a educação para um desenvolvimento sustentável, que é uma corrente educacional nova que em contrapartida com a educação ambiental, acredita que para que o progresso aconteça é necessário que haja desenvolvimento o que não é possível caso busque-se que o meio permaneça em status quo.

1 de 10
Baixar para ler offline
1
“RECICLANDO IDEIAS: A RECICLAGEM DO PAPEL NO CONTEXTO
ESCOLAR”: RELATO DE EXPERIÊNCIA
Uninter
Ezequias GUIMARÃES
UNINTER
Resumo
O crescimento populacional acarreta na expansão dos meios de produção para
atender a um mercado consumidor cada vez mais alto que gera uma
quantidade maior de resíduos prejudiciais ao meio ambiente. Roraima é um
dos estados brasileiros com os maiores índices de crescimento populacional e
dessa forma, com um mercado em plena expansão. O relato apresenta a
experiência de uma escola da periferia da de Boa Vista, e o trabalho com a
reciclagem do papel, que é um material bastante presente no ambiente escolar.
Em contrapartida com o que foi estudado em 2011, a presente pesquisa busca
apresentar termos relativos a educação para um desenvolvimento sustentável,
que é uma corrente educacional nova que em contrapartida com a educação
ambiental, acredita que para que o progresso aconteça é necessário que haja
desenvolvimento o que não é possível caso busque-se que o meio permaneça
em status quo.
Palavras-chave: Desenvolvimento Sustentável, Meio Ambiente, Roraima.
Desenvolvimento Sustentável
A natureza é um bem inestimável para a sobrevivência do ser humano,
seja no presente ou no futuro. Todos os biomas são essenciais para a vida. A
harmonia entre as esferas foi o fator crucial para a geração de condições
favoráveis para o surgimento e evolução da vida na Terra.
Nada na Terra é perene, e com todo esse desgaste causado pelas
ações humanas, este equilíbrio pode estar por um fio. Apesar de termos ciência
deste fato, o que vemos todos os dias diante de nossos olhos é um triste
retrato da realidade.
2
É comum ainda hoje em pleno século XXI, vermos pessoas ainda tão
desinformadas a respeito do que é sustentabilidade. Muitas nem sequer
ouviram falar nessa palavra. Isso parte de um pressuposto de que essas
pessoas não tiveram uma base educacional consistente a ponto de educa-las a
respeito de como devemos nos relacionar com o meio ambiente.
Grosso modo, sustentabilidade é o ser humano do presente utilizar os
recursos do meio ambiente de forma que os próximos seres humanos, os seres
humanos do futuro também venham a usar. Se este conceito já estivesse em
prática em todos os lugares, não precisaríamos mais ver tanta destruição
ambiental, algo injusto e desumano.
Entretanto é impossível barrar o desenvolvimento, que inegavelmente
gerará a destruição de algo durante os processos de fabricação de qualquer
coisa. Dessa forma deve-se buscar o desenvolvimento sustentável. Os
conceitos de desenvolvimento sustentável estão estreitamente vinculados a
diferentes modelos de desenvolvimento sociais e econômicos.
Desenvolvimento sustentável não busca preservar o status quo, ao contrário,
busca conhecer as tendências e as implicações da mudança (UNESCO, 2005).
Desenvolvimento sustentável trata essencialmente das relações entre
pessoas e entre pessoas e seu meio ambiente. Em outras palavras, é uma
preocupação sociocultural e econômica (UNESCO, 2005). Sustentabilidade
não se trata apenas da relação do homem com o meio ambiente.
Meio Ambiente e Destruição
A destruição do meio ambiente pelo homem é tão antiga quanto o
surgimento das primeiras indústrias. Mas foi só a partir de 1980 que o homem
começou a pensar a respeito da melhor forma de administrar os recursos tão
fartos que o meio ambiente lhe oferece.
Foi o momento em que o homem começou a enxergar com outros
olhares o ambiente que o cercava, e viu que cegamente estava caminhando
para a ruína, como aconteceu com os Maias que não souberam respeitar o
meio ambiente em que viviam. Ao ver que isso também podia acontecer a nível
global, principalmente se tratando das fontes de energia não renováveis e tão
vitais para as atividades humanas.
3
E o que será das futuras gerações? “O pintor austríaco Oskar
Kokoschka, (1886-1980) nos adverte com a famosa máxima: “A sociedade
moderna esquece que o mundo não é propriedade de uma única geração”. Por
causa deste esquecimento o ser humano está sendo vítima do seu próprio
veneno.
Não o bastante apenas o meio ambiente sofrer com tudo isso, esses
ataques acarreta para a população uma defasagem na qualidade de vida, com
sérios problemas à sobrevivência humana na Terra. O significativo aumento da
população em regiões especifica do mapa, principalmente regiões costeiras e
com escassez de água potável e alimento, constitui um dos maiores problemas
ambientais e econômicos do século.
Outro fator é causado pelos locais de ocupação, que são
majoritariamente locais de risco. Principalmente devido ao fato de que a maior
parte da população que ocupa essas regiões vive na pobreza ou na miséria
total, sem nenhuma perspectiva de vida. Tais aspectos testificam a justiça
social e a luta contra a pobreza como princípios primordiais do
desenvolvimento que deveria resultar em sustentável.
O estado de Roraima por localizar-se completamente dentro da
chamada Amazônia Legal, enfrenta problemas semelhantes a esse devido às
áreas de ocupações das cidades. A maior parte das cidades do estado está em
contato direto com a floresta e com muitos rios e igarapés.
Desenvolvimento Sustentável
Ao longo da história, a evolução humana trouxe consigo a exploração
irracional em larga escala dos recursos naturais. Após esse período de
exploração, o homem despertou a atenção para problemas que atingem toda
aldeia global indistintamente, como por exemplo, a destruição da camada de
ozônio, percebendo que havia a necessidade de preservação do meio
ambiente não só para garantir recursos futuros, mas também para assegurar a
vida mais saudável no Planeta (UNESCO, 2005).
Desde a Conferência de Estocolmo em 1972, os países pobres
defendiam suas necessidades de desenvolvimento e de superação da crise
4
social como uma demanda mais relevante que a preservação ambiental,
enquanto os países ricos priorizavam a manutenção de seus níveis de
crescimento econômico e padrões de consumo. É fácil para um pais que já
alcançou seu apogeu de desenvolvimento industrial, como a Inglaterra que
desde o século XVI polui, pedir para um pais que começou o processo
industrial recentemente, como a China, reduzir.
Grosso modo, os países pobres responsabilizavam os países ricos pela
maior parte da degradação global, promovida por um modelo predatório de
crescimento, e transferia para eles as iniciativas e os investimentos
necessários à sustentabilidade. Os países ricos, por sua vez, viam o
crescimento populacional e a poluição gerada pela pobreza como os motivos
principais do problema e resistiam a todas as sugestões que pudessem
representar limites à sua expansão.
Com isso, é que surge a função primordial dos diversos setores sociais:
Estado, universidades, institutos, iniciativa privada e organizações não
governamentais. Contudo, muito pouco adianta qualquer tipo de ação, seja na
elaboração de leis, fiscalização efetiva ou financiamento de obras em prol do
meio ambiente se não houver investimentos pesados em educação, com
intuito de conscientizar os cidadãos da importância e necessidade vital da
preservação/conservação do meio ambiente.
A educação ambiental deve ser vista como um processo de
permanente aprendizagem que valoriza as diversas formas de conhecimento e
forma cidadãos com consciência local e planetária, orientando indivíduo e
coletividade a conservar o meio ambiente e alcançar a sustentabilidade.
No entanto há atualmente uma tendência a substituir a concepção de
educação ambiental, até então dominante, por uma nova proposta de
“educação para a sustentabilidade” ou “para um futuro sustentável”.
Oficina de Reciclagem
No ano de 2011, quando eu estava na 8ª série na Escola Estadual
Senador Hélio da Costa Campos, nossa turma desenvolveu um projeto para a
feira de ciências da escola, o projeto trabalhava a reciclagem do papel no
ambiente escolar, e se intitulava “Reciclando Ideias: a reciclagem do papel no
5
Contexto escolar”. O projeto foi desenvolvido pelos alunos da turma 84,
acompanhado dos professores de Química, Artes e História (imagem 1).
Imagem 1: Alunos em oficina de reciclagem.
Fonte: Arquivo Pessoal.
Depois de apresentado na feira de ciências da escola, o projeto foi
selecionado para participar da XIX Feira Estadual de Ciências De Roraima (XIX
FECIRR) e I Mostra Cientifica de Química da Amazônia Setentrional que
aconteceu entre os 18 e 20 de outubro de 2011, organizado pela Universidade
Federal de Roraima, e que contou com a participação de alunos do ensino
Fundamental, Médio e Técnico.
A experiência foi um ponto de partida para muitas outras atividades
desenvolvidas no âmbito escolar durante a minha vida acadêmica, entretanto,
antes de desenvolver o projeto “Reciclando Ideias: a reciclagem do papel no
Contexto escolar”, eu já havia participado de outros projetos sobre a reciclagem
de garrafas PET’s (imagem 2) também na escola, nos anos de 2007 e 2010, na
4ª e 7ª série, respectivamente.
Imagem 2: Alunos da 4ª série da Escola Municipal Professora Amazonas de Oliveira
Monteiro, durante oficina de reciclagem de garrafas PET''s (2007).
6
Fonte: Arquivo Pessoal.
O grande diferencial do projeto “Reciclando Ideias: a reciclagem do
papel no Contexto escolar” foi a possibilidade de ter um maior contato com a
pesquisa acadêmica de fato. Além disso, a importância de trabalhar como
projetos com essa temática, se encontra intrinsecamente ligada ao fato de ser
brasileiro. Ser brasileiro é ser proprietário de uma grande responsabilidade:
Preservar a Floresta Amazônica. A floresta mais rica em diversidade de flora e
fauna do mundo. Acima de tudo isso, a missão de preservar tornar-se o
compromisso da juventude, que carregam em suas mãos o poder de mudar o
futuro.
Sempre gostei de trabalhar com assuntos que envolvam o meio
ambiente. Como já havia trabalhado anteriormente com a reciclagem de
garrafas PET’s, o papel pareceu algo mais desafiador. A reciclagem do papel é
um procedimento que permite recuperar as fibras celulósicas de um papel
velho e incorporá-lo na fabricação de um novo. Apesar de não ser um processo
isento de resíduos, minimiza impactos ambientais resultantes da fabricação o
papel industrial, reduzindo, assim, o consumo de matéria prima e energia.
Considerando que as instituições escolares utilizam e descartam todos
os dias uma grande quantidade de papel, que provém principalmente do uso
inadequado do caderno, devido aos alunos não associarem diretamente o
desperdício do papel com o desmatamento, a iniciativa também foi importante
para despertar um maior interesse sobre o tema “reciclagem”, pois aliava a
teoria e o discurso à prática.
O projeto foi desenvolvido por meio de oficinas, onde os alunos
Anúncio

Recomendados

CADERNO DO PROFESSOR - COLETÂNEA ENEM (1).pdf
CADERNO DO PROFESSOR - COLETÂNEA ENEM (1).pdfCADERNO DO PROFESSOR - COLETÂNEA ENEM (1).pdf
CADERNO DO PROFESSOR - COLETÂNEA ENEM (1).pdfOSIELDEOLIVEIRAANDRA
 
A evolução da tecnologia
A evolução da tecnologiaA evolução da tecnologia
A evolução da tecnologiaMaria Freitas
 
Poluição Atmosférica
Poluição AtmosféricaPoluição Atmosférica
Poluição Atmosféricamarco :)
 
Turismo de base comunitária, mtur.
Turismo de base comunitária, mtur.Turismo de base comunitária, mtur.
Turismo de base comunitária, mtur.EcoHospedagem
 
ATIVIDADE DE PROJETO DE VIDA 1 ANO ENSINO MEDIO 1º bimestre 2023.pdf
ATIVIDADE DE PROJETO DE VIDA 1 ANO ENSINO MEDIO 1º bimestre 2023.pdfATIVIDADE DE PROJETO DE VIDA 1 ANO ENSINO MEDIO 1º bimestre 2023.pdf
ATIVIDADE DE PROJETO DE VIDA 1 ANO ENSINO MEDIO 1º bimestre 2023.pdfOtaviojuniorLaranjei
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O PRECONCEITO LINGUÍSTICO NO AMBIENTE ESCOLAR: COMO PREVENIR?
O PRECONCEITO LINGUÍSTICO NO AMBIENTE ESCOLAR: COMO PREVENIR?O PRECONCEITO LINGUÍSTICO NO AMBIENTE ESCOLAR: COMO PREVENIR?
O PRECONCEITO LINGUÍSTICO NO AMBIENTE ESCOLAR: COMO PREVENIR?Jididias Rodrigues da Silva
 
Ecossistemas e globalização
Ecossistemas e globalizaçãoEcossistemas e globalização
Ecossistemas e globalizaçãoDeaaSouza
 
Inovação e empreendedorismo na gestão governamental
Inovação e empreendedorismo  na gestão governamentalInovação e empreendedorismo  na gestão governamental
Inovação e empreendedorismo na gestão governamentalFernando Alcoforado
 
A utilização da tecnologia no nosso cotidiano
A utilização da tecnologia no nosso cotidianoA utilização da tecnologia no nosso cotidiano
A utilização da tecnologia no nosso cotidianoFrancielle Leite
 
Projeto profissões pia
Projeto profissões piaProjeto profissões pia
Projeto profissões piaClarice Lehnen
 
Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosféricaHelena Marques
 
A inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço ruralA inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço ruralIdalina Leite
 
AVALIAÇÃO DIAGNOSTICA HISTORIA
AVALIAÇÃO DIAGNOSTICA HISTORIAAVALIAÇÃO DIAGNOSTICA HISTORIA
AVALIAÇÃO DIAGNOSTICA HISTORIAjose marcelo silva
 
GÊNERO TEXTUAL: TIRINHAS
GÊNERO TEXTUAL: TIRINHASGÊNERO TEXTUAL: TIRINHAS
GÊNERO TEXTUAL: TIRINHASAna Lucia
 
Apostila de educação ambiental
Apostila  de  educação ambiental Apostila  de  educação ambiental
Apostila de educação ambiental danieladod
 
Desperdícios alimentares
Desperdícios alimentaresDesperdícios alimentares
Desperdícios alimentaresMayjö .
 
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdf
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdfTecnologia digital e tecnologia não digital pdf
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdfMari Carvalho
 
Trabalho de geografia tema sustentabilidade
Trabalho de geografia tema sustentabilidadeTrabalho de geografia tema sustentabilidade
Trabalho de geografia tema sustentabilidadenorivalfp
 
Consumo e estilos de vida - comportamento do consumidor
Consumo e estilos de vida - comportamento do consumidorConsumo e estilos de vida - comportamento do consumidor
Consumo e estilos de vida - comportamento do consumidorMariana Bileu
 
Conteúdo 9º ano A - A Física no Cotidiano - Roteiro[1]
Conteúdo 9º ano A - A Física no Cotidiano - Roteiro[1]Conteúdo 9º ano A - A Física no Cotidiano - Roteiro[1]
Conteúdo 9º ano A - A Física no Cotidiano - Roteiro[1]Cleiton10
 
Fatores que influenciam a Saúde individual e comunitária
Fatores que influenciam a Saúde individual e comunitáriaFatores que influenciam a Saúde individual e comunitária
Fatores que influenciam a Saúde individual e comunitáriaCristina Couto Varela
 

Mais procurados (20)

O PRECONCEITO LINGUÍSTICO NO AMBIENTE ESCOLAR: COMO PREVENIR?
O PRECONCEITO LINGUÍSTICO NO AMBIENTE ESCOLAR: COMO PREVENIR?O PRECONCEITO LINGUÍSTICO NO AMBIENTE ESCOLAR: COMO PREVENIR?
O PRECONCEITO LINGUÍSTICO NO AMBIENTE ESCOLAR: COMO PREVENIR?
 
Ecossistemas e globalização
Ecossistemas e globalizaçãoEcossistemas e globalização
Ecossistemas e globalização
 
Inovação e empreendedorismo na gestão governamental
Inovação e empreendedorismo  na gestão governamentalInovação e empreendedorismo  na gestão governamental
Inovação e empreendedorismo na gestão governamental
 
A utilização da tecnologia no nosso cotidiano
A utilização da tecnologia no nosso cotidianoA utilização da tecnologia no nosso cotidiano
A utilização da tecnologia no nosso cotidiano
 
Plano de aula ed. física
Plano de aula ed. físicaPlano de aula ed. física
Plano de aula ed. física
 
Projeto profissões pia
Projeto profissões piaProjeto profissões pia
Projeto profissões pia
 
Relatório Aula Inaugural-Posse
Relatório Aula Inaugural-PosseRelatório Aula Inaugural-Posse
Relatório Aula Inaugural-Posse
 
Projeto 5 rs 2018
Projeto 5 rs 2018Projeto 5 rs 2018
Projeto 5 rs 2018
 
Poluição atmosférica
Poluição atmosféricaPoluição atmosférica
Poluição atmosférica
 
A inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço ruralA inter relação entre espaço urbano e espaço rural
A inter relação entre espaço urbano e espaço rural
 
AVALIAÇÃO DIAGNOSTICA HISTORIA
AVALIAÇÃO DIAGNOSTICA HISTORIAAVALIAÇÃO DIAGNOSTICA HISTORIA
AVALIAÇÃO DIAGNOSTICA HISTORIA
 
GÊNERO TEXTUAL: TIRINHAS
GÊNERO TEXTUAL: TIRINHASGÊNERO TEXTUAL: TIRINHAS
GÊNERO TEXTUAL: TIRINHAS
 
Apostila de educação ambiental
Apostila  de  educação ambiental Apostila  de  educação ambiental
Apostila de educação ambiental
 
Desperdícios alimentares
Desperdícios alimentaresDesperdícios alimentares
Desperdícios alimentares
 
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdf
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdfTecnologia digital e tecnologia não digital pdf
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdf
 
Trabalho de geografia tema sustentabilidade
Trabalho de geografia tema sustentabilidadeTrabalho de geografia tema sustentabilidade
Trabalho de geografia tema sustentabilidade
 
Consumo e estilos de vida - comportamento do consumidor
Consumo e estilos de vida - comportamento do consumidorConsumo e estilos de vida - comportamento do consumidor
Consumo e estilos de vida - comportamento do consumidor
 
Plano de ação 6º ano ferraz
Plano de ação 6º ano ferrazPlano de ação 6º ano ferraz
Plano de ação 6º ano ferraz
 
Conteúdo 9º ano A - A Física no Cotidiano - Roteiro[1]
Conteúdo 9º ano A - A Física no Cotidiano - Roteiro[1]Conteúdo 9º ano A - A Física no Cotidiano - Roteiro[1]
Conteúdo 9º ano A - A Física no Cotidiano - Roteiro[1]
 
Fatores que influenciam a Saúde individual e comunitária
Fatores que influenciam a Saúde individual e comunitáriaFatores que influenciam a Saúde individual e comunitária
Fatores que influenciam a Saúde individual e comunitária
 

Semelhante a RECICLANDO IDEIAS - A RECICLAGEM DO PAPEL NO CONTEXTO ESCOLAR RELATO DE EXPERIÊNCIA

CONCIENTIZAÇÃO SOBRE A GERAÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E ORGÂNICOS NO MEIO AMBIEN...
CONCIENTIZAÇÃO SOBRE A GERAÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E ORGÂNICOS NO MEIO AMBIEN...CONCIENTIZAÇÃO SOBRE A GERAÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E ORGÂNICOS NO MEIO AMBIEN...
CONCIENTIZAÇÃO SOBRE A GERAÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E ORGÂNICOS NO MEIO AMBIEN...cefaprodematupa
 
(Apo) de portugues
(Apo) de portugues(Apo) de portugues
(Apo) de portuguespsi-fca
 
Meioambiente
MeioambienteMeioambiente
Meioambienteisabela30
 
PCN meio ambiente
PCN meio ambientePCN meio ambiente
PCN meio ambienteklimata
 
Ativi 3.1 correto
Ativi 3.1 corretoAtivi 3.1 correto
Ativi 3.1 corretoescola
 
Ativi 3.1 correto
Ativi 3.1 corretoAtivi 3.1 correto
Ativi 3.1 corretoescola
 
Ativi 3.1 correto
Ativi 3.1 corretoAtivi 3.1 correto
Ativi 3.1 corretoescola
 
EDUCAÇÃO AMBIENTAL: INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO DE CIDADÃO CONSCIENTE ÉTICO NAS R...
EDUCAÇÃO AMBIENTAL: INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO DE CIDADÃO CONSCIENTE ÉTICO NAS R...EDUCAÇÃO AMBIENTAL: INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO DE CIDADÃO CONSCIENTE ÉTICO NAS R...
EDUCAÇÃO AMBIENTAL: INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO DE CIDADÃO CONSCIENTE ÉTICO NAS R...christianceapcursos
 
Plano de aula
Plano de aulaPlano de aula
Plano de aulaTais29
 
EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE 2022.pdf
EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE 2022.pdfEDUCAÇÃO AMBIENTAL E A CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE 2022.pdf
EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE 2022.pdfJeanRocha30
 
Paper meio ambiente
Paper meio ambientePaper meio ambiente
Paper meio ambienteCaroll Lima
 
Relatório parcial da prática de estágio iii
Relatório parcial da prática de estágio iiiRelatório parcial da prática de estágio iii
Relatório parcial da prática de estágio iiiValdecir Silva
 
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02Jose Aldo Ramires
 
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02Jose Aldo Ramires
 
Educação ambiental no ambito escolar oficina de reciclagem de papel como ativ...
Educação ambiental no ambito escolar oficina de reciclagem de papel como ativ...Educação ambiental no ambito escolar oficina de reciclagem de papel como ativ...
Educação ambiental no ambito escolar oficina de reciclagem de papel como ativ...bio_fecli
 
Vamos cuidar do brasil conceito e práticas em educação ambiental na escola mec
Vamos cuidar do brasil  conceito e práticas em educação ambiental na escola mecVamos cuidar do brasil  conceito e práticas em educação ambiental na escola mec
Vamos cuidar do brasil conceito e práticas em educação ambiental na escola mecTiago ForDão
 

Semelhante a RECICLANDO IDEIAS - A RECICLAGEM DO PAPEL NO CONTEXTO ESCOLAR RELATO DE EXPERIÊNCIA (20)

CONCIENTIZAÇÃO SOBRE A GERAÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E ORGÂNICOS NO MEIO AMBIEN...
CONCIENTIZAÇÃO SOBRE A GERAÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E ORGÂNICOS NO MEIO AMBIEN...CONCIENTIZAÇÃO SOBRE A GERAÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E ORGÂNICOS NO MEIO AMBIEN...
CONCIENTIZAÇÃO SOBRE A GERAÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS E ORGÂNICOS NO MEIO AMBIEN...
 
(Apo) de portugues
(Apo) de portugues(Apo) de portugues
(Apo) de portugues
 
Pcn 10.3 Tt Meio Ambiente
Pcn   10.3   Tt Meio AmbientePcn   10.3   Tt Meio Ambiente
Pcn 10.3 Tt Meio Ambiente
 
Meioambiente
MeioambienteMeioambiente
Meioambiente
 
PCN meio ambiente
PCN meio ambientePCN meio ambiente
PCN meio ambiente
 
Meioambiente
MeioambienteMeioambiente
Meioambiente
 
Meioambiente
MeioambienteMeioambiente
Meioambiente
 
Meioambiente
MeioambienteMeioambiente
Meioambiente
 
Ativi 3.1 correto
Ativi 3.1 corretoAtivi 3.1 correto
Ativi 3.1 correto
 
Ativi 3.1 correto
Ativi 3.1 corretoAtivi 3.1 correto
Ativi 3.1 correto
 
Ativi 3.1 correto
Ativi 3.1 corretoAtivi 3.1 correto
Ativi 3.1 correto
 
EDUCAÇÃO AMBIENTAL: INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO DE CIDADÃO CONSCIENTE ÉTICO NAS R...
EDUCAÇÃO AMBIENTAL: INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO DE CIDADÃO CONSCIENTE ÉTICO NAS R...EDUCAÇÃO AMBIENTAL: INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO DE CIDADÃO CONSCIENTE ÉTICO NAS R...
EDUCAÇÃO AMBIENTAL: INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO DE CIDADÃO CONSCIENTE ÉTICO NAS R...
 
Plano de aula
Plano de aulaPlano de aula
Plano de aula
 
EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE 2022.pdf
EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE 2022.pdfEDUCAÇÃO AMBIENTAL E A CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE 2022.pdf
EDUCAÇÃO AMBIENTAL E A CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE 2022.pdf
 
Paper meio ambiente
Paper meio ambientePaper meio ambiente
Paper meio ambiente
 
Relatório parcial da prática de estágio iii
Relatório parcial da prática de estágio iiiRelatório parcial da prática de estágio iii
Relatório parcial da prática de estágio iii
 
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
 
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
Educaoambiental meioambiente-090401122701-phpapp02
 
Educação ambiental no ambito escolar oficina de reciclagem de papel como ativ...
Educação ambiental no ambito escolar oficina de reciclagem de papel como ativ...Educação ambiental no ambito escolar oficina de reciclagem de papel como ativ...
Educação ambiental no ambito escolar oficina de reciclagem de papel como ativ...
 
Vamos cuidar do brasil conceito e práticas em educação ambiental na escola mec
Vamos cuidar do brasil  conceito e práticas em educação ambiental na escola mecVamos cuidar do brasil  conceito e práticas em educação ambiental na escola mec
Vamos cuidar do brasil conceito e práticas em educação ambiental na escola mec
 

Mais de Ezequias Guimaraes

VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...Ezequias Guimaraes
 
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUSMAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUSEzequias Guimaraes
 
Geologia de Roraima - Bacia do Tacutu
Geologia de Roraima - Bacia do TacutuGeologia de Roraima - Bacia do Tacutu
Geologia de Roraima - Bacia do TacutuEzequias Guimaraes
 
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - TermoelétricasA Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - TermoelétricasEzequias Guimaraes
 
TV Series to improve your English
TV Series to improve your EnglishTV Series to improve your English
TV Series to improve your EnglishEzequias Guimaraes
 
Movie and Book - The Color Purple
Movie and Book - The Color PurpleMovie and Book - The Color Purple
Movie and Book - The Color PurpleEzequias Guimaraes
 
Proyecto para extracción de crudo
Proyecto para extracción de crudoProyecto para extracción de crudo
Proyecto para extracción de crudoEzequias Guimaraes
 
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERAPLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERAEzequias Guimaraes
 
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA Ezequias Guimaraes
 
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037Ezequias Guimaraes
 
METODO DE REDES - IMPACTO FINAL
METODO DE REDES - IMPACTO FINALMETODO DE REDES - IMPACTO FINAL
METODO DE REDES - IMPACTO FINALEzequias Guimaraes
 
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOSCONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOSEzequias Guimaraes
 
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓNFundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓNEzequias Guimaraes
 
Fundamentos de aguas residuales - FILTRACIÓN
Fundamentos de aguas residuales - FILTRACIÓNFundamentos de aguas residuales - FILTRACIÓN
Fundamentos de aguas residuales - FILTRACIÓNEzequias Guimaraes
 

Mais de Ezequias Guimaraes (20)

VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
VULNERABILIDADE NATURAL À CONTAMINAÇÃO DOS AQUÍFEROS DA SUB-BACIA DO RIO SIRI...
 
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUSMAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
MAPEAMENTO DE AQUÍFEROS NA CIDADE DE MANAUS
 
Geologia de Roraima
Geologia de RoraimaGeologia de Roraima
Geologia de Roraima
 
Geologia de Roraima - Bacia do Tacutu
Geologia de Roraima - Bacia do TacutuGeologia de Roraima - Bacia do Tacutu
Geologia de Roraima - Bacia do Tacutu
 
Interface homem-maquina
Interface  homem-maquinaInterface  homem-maquina
Interface homem-maquina
 
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - TermoelétricasA Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
 
TV Series to improve your English
TV Series to improve your EnglishTV Series to improve your English
TV Series to improve your English
 
Movie and Book - The Color Purple
Movie and Book - The Color PurpleMovie and Book - The Color Purple
Movie and Book - The Color Purple
 
TV Series Outlander
TV Series OutlanderTV Series Outlander
TV Series Outlander
 
Proyecto para extracción de crudo
Proyecto para extracción de crudoProyecto para extracción de crudo
Proyecto para extracción de crudo
 
BOOK - THE FOUR AGREEMENTS
BOOK - THE FOUR AGREEMENTS BOOK - THE FOUR AGREEMENTS
BOOK - THE FOUR AGREEMENTS
 
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERAPLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
PLAN DE NEGOCIO - PLATAFORMA PETROLERA
 
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
PROYECTO DE UNA PLATAFORMA PETROLERA
 
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
PLAN MUNICIPAL DE DESARROLLO CELAYA 2012-2037
 
METODO DE REDES - IMPACTO FINAL
METODO DE REDES - IMPACTO FINALMETODO DE REDES - IMPACTO FINAL
METODO DE REDES - IMPACTO FINAL
 
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOSCONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
CONTAMINANTES DEL SUELO - METALES PESADOS
 
LICENCIA DE FUNCIONAMIENTO
LICENCIA DE FUNCIONAMIENTOLICENCIA DE FUNCIONAMIENTO
LICENCIA DE FUNCIONAMIENTO
 
Vertederos Trapezoidales
Vertederos TrapezoidalesVertederos Trapezoidales
Vertederos Trapezoidales
 
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓNFundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
Fundamentos de aguas residuales - ABSORCIÓN
 
Fundamentos de aguas residuales - FILTRACIÓN
Fundamentos de aguas residuales - FILTRACIÓNFundamentos de aguas residuales - FILTRACIÓN
Fundamentos de aguas residuales - FILTRACIÓN
 

Último

5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...azulassessoriaacadem3
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...excellenceeducaciona
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.azulassessoriaacadem3
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...apoioacademicoead
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...excellenceeducaciona
 
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...azulassessoriaacadem3
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...excellenceeducaciona
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Jean Carlos Nunes Paixão
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfalexandrerodriguespk
 
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfAtividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfRuannSolza
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
A hermenêutica jurídica envolve diversos métodos e técnicas interpretativas, ...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
1) Cite os componentes que devem fazer parte de uma sessão de treinamento.
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
 
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
1) Cálculo completo e o resultado da densidade corporal da Carolina. Utilize ...
 
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
a. Cite e explique os três princípios básicos da progressão do treinamento de...
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docxGABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
 
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdfCOSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
COSMOLOGIA DA ENERGIA ESTRELAS - VOLUME 6. EDIÇÃO 2^^.pdf
 
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdfAtividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
Atividade O homem mais rico da Babilônia.pdf
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
 

RECICLANDO IDEIAS - A RECICLAGEM DO PAPEL NO CONTEXTO ESCOLAR RELATO DE EXPERIÊNCIA

  • 1. 1 “RECICLANDO IDEIAS: A RECICLAGEM DO PAPEL NO CONTEXTO ESCOLAR”: RELATO DE EXPERIÊNCIA Uninter Ezequias GUIMARÃES UNINTER Resumo O crescimento populacional acarreta na expansão dos meios de produção para atender a um mercado consumidor cada vez mais alto que gera uma quantidade maior de resíduos prejudiciais ao meio ambiente. Roraima é um dos estados brasileiros com os maiores índices de crescimento populacional e dessa forma, com um mercado em plena expansão. O relato apresenta a experiência de uma escola da periferia da de Boa Vista, e o trabalho com a reciclagem do papel, que é um material bastante presente no ambiente escolar. Em contrapartida com o que foi estudado em 2011, a presente pesquisa busca apresentar termos relativos a educação para um desenvolvimento sustentável, que é uma corrente educacional nova que em contrapartida com a educação ambiental, acredita que para que o progresso aconteça é necessário que haja desenvolvimento o que não é possível caso busque-se que o meio permaneça em status quo. Palavras-chave: Desenvolvimento Sustentável, Meio Ambiente, Roraima. Desenvolvimento Sustentável A natureza é um bem inestimável para a sobrevivência do ser humano, seja no presente ou no futuro. Todos os biomas são essenciais para a vida. A harmonia entre as esferas foi o fator crucial para a geração de condições favoráveis para o surgimento e evolução da vida na Terra. Nada na Terra é perene, e com todo esse desgaste causado pelas ações humanas, este equilíbrio pode estar por um fio. Apesar de termos ciência deste fato, o que vemos todos os dias diante de nossos olhos é um triste retrato da realidade.
  • 2. 2 É comum ainda hoje em pleno século XXI, vermos pessoas ainda tão desinformadas a respeito do que é sustentabilidade. Muitas nem sequer ouviram falar nessa palavra. Isso parte de um pressuposto de que essas pessoas não tiveram uma base educacional consistente a ponto de educa-las a respeito de como devemos nos relacionar com o meio ambiente. Grosso modo, sustentabilidade é o ser humano do presente utilizar os recursos do meio ambiente de forma que os próximos seres humanos, os seres humanos do futuro também venham a usar. Se este conceito já estivesse em prática em todos os lugares, não precisaríamos mais ver tanta destruição ambiental, algo injusto e desumano. Entretanto é impossível barrar o desenvolvimento, que inegavelmente gerará a destruição de algo durante os processos de fabricação de qualquer coisa. Dessa forma deve-se buscar o desenvolvimento sustentável. Os conceitos de desenvolvimento sustentável estão estreitamente vinculados a diferentes modelos de desenvolvimento sociais e econômicos. Desenvolvimento sustentável não busca preservar o status quo, ao contrário, busca conhecer as tendências e as implicações da mudança (UNESCO, 2005). Desenvolvimento sustentável trata essencialmente das relações entre pessoas e entre pessoas e seu meio ambiente. Em outras palavras, é uma preocupação sociocultural e econômica (UNESCO, 2005). Sustentabilidade não se trata apenas da relação do homem com o meio ambiente. Meio Ambiente e Destruição A destruição do meio ambiente pelo homem é tão antiga quanto o surgimento das primeiras indústrias. Mas foi só a partir de 1980 que o homem começou a pensar a respeito da melhor forma de administrar os recursos tão fartos que o meio ambiente lhe oferece. Foi o momento em que o homem começou a enxergar com outros olhares o ambiente que o cercava, e viu que cegamente estava caminhando para a ruína, como aconteceu com os Maias que não souberam respeitar o meio ambiente em que viviam. Ao ver que isso também podia acontecer a nível global, principalmente se tratando das fontes de energia não renováveis e tão vitais para as atividades humanas.
  • 3. 3 E o que será das futuras gerações? “O pintor austríaco Oskar Kokoschka, (1886-1980) nos adverte com a famosa máxima: “A sociedade moderna esquece que o mundo não é propriedade de uma única geração”. Por causa deste esquecimento o ser humano está sendo vítima do seu próprio veneno. Não o bastante apenas o meio ambiente sofrer com tudo isso, esses ataques acarreta para a população uma defasagem na qualidade de vida, com sérios problemas à sobrevivência humana na Terra. O significativo aumento da população em regiões especifica do mapa, principalmente regiões costeiras e com escassez de água potável e alimento, constitui um dos maiores problemas ambientais e econômicos do século. Outro fator é causado pelos locais de ocupação, que são majoritariamente locais de risco. Principalmente devido ao fato de que a maior parte da população que ocupa essas regiões vive na pobreza ou na miséria total, sem nenhuma perspectiva de vida. Tais aspectos testificam a justiça social e a luta contra a pobreza como princípios primordiais do desenvolvimento que deveria resultar em sustentável. O estado de Roraima por localizar-se completamente dentro da chamada Amazônia Legal, enfrenta problemas semelhantes a esse devido às áreas de ocupações das cidades. A maior parte das cidades do estado está em contato direto com a floresta e com muitos rios e igarapés. Desenvolvimento Sustentável Ao longo da história, a evolução humana trouxe consigo a exploração irracional em larga escala dos recursos naturais. Após esse período de exploração, o homem despertou a atenção para problemas que atingem toda aldeia global indistintamente, como por exemplo, a destruição da camada de ozônio, percebendo que havia a necessidade de preservação do meio ambiente não só para garantir recursos futuros, mas também para assegurar a vida mais saudável no Planeta (UNESCO, 2005). Desde a Conferência de Estocolmo em 1972, os países pobres defendiam suas necessidades de desenvolvimento e de superação da crise
  • 4. 4 social como uma demanda mais relevante que a preservação ambiental, enquanto os países ricos priorizavam a manutenção de seus níveis de crescimento econômico e padrões de consumo. É fácil para um pais que já alcançou seu apogeu de desenvolvimento industrial, como a Inglaterra que desde o século XVI polui, pedir para um pais que começou o processo industrial recentemente, como a China, reduzir. Grosso modo, os países pobres responsabilizavam os países ricos pela maior parte da degradação global, promovida por um modelo predatório de crescimento, e transferia para eles as iniciativas e os investimentos necessários à sustentabilidade. Os países ricos, por sua vez, viam o crescimento populacional e a poluição gerada pela pobreza como os motivos principais do problema e resistiam a todas as sugestões que pudessem representar limites à sua expansão. Com isso, é que surge a função primordial dos diversos setores sociais: Estado, universidades, institutos, iniciativa privada e organizações não governamentais. Contudo, muito pouco adianta qualquer tipo de ação, seja na elaboração de leis, fiscalização efetiva ou financiamento de obras em prol do meio ambiente se não houver investimentos pesados em educação, com intuito de conscientizar os cidadãos da importância e necessidade vital da preservação/conservação do meio ambiente. A educação ambiental deve ser vista como um processo de permanente aprendizagem que valoriza as diversas formas de conhecimento e forma cidadãos com consciência local e planetária, orientando indivíduo e coletividade a conservar o meio ambiente e alcançar a sustentabilidade. No entanto há atualmente uma tendência a substituir a concepção de educação ambiental, até então dominante, por uma nova proposta de “educação para a sustentabilidade” ou “para um futuro sustentável”. Oficina de Reciclagem No ano de 2011, quando eu estava na 8ª série na Escola Estadual Senador Hélio da Costa Campos, nossa turma desenvolveu um projeto para a feira de ciências da escola, o projeto trabalhava a reciclagem do papel no ambiente escolar, e se intitulava “Reciclando Ideias: a reciclagem do papel no
  • 5. 5 Contexto escolar”. O projeto foi desenvolvido pelos alunos da turma 84, acompanhado dos professores de Química, Artes e História (imagem 1). Imagem 1: Alunos em oficina de reciclagem. Fonte: Arquivo Pessoal. Depois de apresentado na feira de ciências da escola, o projeto foi selecionado para participar da XIX Feira Estadual de Ciências De Roraima (XIX FECIRR) e I Mostra Cientifica de Química da Amazônia Setentrional que aconteceu entre os 18 e 20 de outubro de 2011, organizado pela Universidade Federal de Roraima, e que contou com a participação de alunos do ensino Fundamental, Médio e Técnico. A experiência foi um ponto de partida para muitas outras atividades desenvolvidas no âmbito escolar durante a minha vida acadêmica, entretanto, antes de desenvolver o projeto “Reciclando Ideias: a reciclagem do papel no Contexto escolar”, eu já havia participado de outros projetos sobre a reciclagem de garrafas PET’s (imagem 2) também na escola, nos anos de 2007 e 2010, na 4ª e 7ª série, respectivamente. Imagem 2: Alunos da 4ª série da Escola Municipal Professora Amazonas de Oliveira Monteiro, durante oficina de reciclagem de garrafas PET''s (2007).
  • 6. 6 Fonte: Arquivo Pessoal. O grande diferencial do projeto “Reciclando Ideias: a reciclagem do papel no Contexto escolar” foi a possibilidade de ter um maior contato com a pesquisa acadêmica de fato. Além disso, a importância de trabalhar como projetos com essa temática, se encontra intrinsecamente ligada ao fato de ser brasileiro. Ser brasileiro é ser proprietário de uma grande responsabilidade: Preservar a Floresta Amazônica. A floresta mais rica em diversidade de flora e fauna do mundo. Acima de tudo isso, a missão de preservar tornar-se o compromisso da juventude, que carregam em suas mãos o poder de mudar o futuro. Sempre gostei de trabalhar com assuntos que envolvam o meio ambiente. Como já havia trabalhado anteriormente com a reciclagem de garrafas PET’s, o papel pareceu algo mais desafiador. A reciclagem do papel é um procedimento que permite recuperar as fibras celulósicas de um papel velho e incorporá-lo na fabricação de um novo. Apesar de não ser um processo isento de resíduos, minimiza impactos ambientais resultantes da fabricação o papel industrial, reduzindo, assim, o consumo de matéria prima e energia. Considerando que as instituições escolares utilizam e descartam todos os dias uma grande quantidade de papel, que provém principalmente do uso inadequado do caderno, devido aos alunos não associarem diretamente o desperdício do papel com o desmatamento, a iniciativa também foi importante para despertar um maior interesse sobre o tema “reciclagem”, pois aliava a teoria e o discurso à prática. O projeto foi desenvolvido por meio de oficinas, onde os alunos
  • 7. 7 produziam o papel reciclado a partir de material recolhido nas salas de aula. Depois de produzido esse papel era destinado a utilização nas aulas de arte (imagem 3). Imagem 3: Alunos durante ofina de reciclagem de papel (2011). Fonte: Arquivo Pessoal.
  • 8. 8 Referências CASCINO, F.; Educação Ambiental, princípios, história, formação de professores; 4ª edição, Senac, 2007. COSTA, G. L; O discurso da sustentabilidade e suas implicações para a educação Ambiente & Sociedade. Disponível em: <http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=31760207>. Década da Educação das Nações Unidas para um Desenvolvimento Sustentável, 2005-2014: documento final do esquema internacional de implementação. – Brasília : UNESCO, 2005. 120p. HOLANDA, E. C.; BESERRA NETA, L. C.; Geociências na Pan-Amazônia; Coleção Geociências, Volume 1, 276 p. UFRR, Boa Vista, 2016. OLIVEIRA, L.B et. al.; Sustentabilidade: da evolução dos conceitos à implementação como estratégia nas organizações; Universidade Federal Fluminense, Brasil.
  • 10. 10