Faculdade Integrada Brasil Amazônia - FIBRAFaculdade Integrada Brasil Amazônia - FIBRA
LETRAS LICENCIATURALETRAS LICENCIAT...
O Alfabeto BrasileiroO Alfabeto Brasileiro
O conjunto das letras recebe o nome de
alfabeto ou abecedário. O alfabeto da
l...
Observação:Observação:
As letras K, W e Y devem ser apenas
escritas em casos especiais, como:
Na grafia de abreviaturas ...
Dígrafo ou diagramaDígrafo ou diagrama
Dígrafo é o conjunto de duas letras que
representa um único fonema. Há dois em
por...
Nova ortografia oficialNova ortografia oficial
 Dígrafo consonantal: ocorre quando duas letras representam
um fonema cons...
Nova ortografia oficialNova ortografia oficial
Dígrafo vocálico: ocorre quando as letras
m e n aparecem no final da sílab...
Classificação dos FonemasClassificação dos Fonemas
A) VOGAIS: som que resulta da livre
passagem de corrente de ar pela bo...
Exemplos de consonantes:Exemplos de consonantes:
B, c, d, f, g, h, j, k, l, m, n, lh, nh, rr, ss etc.
Ex. dedo, gato, ji...
Nova Ortografia oficialNova Ortografia oficial
C) SEMIVOGAIS: são fonemas cuja
articulação se assemelha à das vogais, mas...
Exemplos de Semivogais.Exemplos de Semivogais.
Ex. lei, cárie, coisa, lousa, mãe, pão,
chão.
Obs.: em lei, mãe, pão e ch...
Conceito de Sílaba.Conceito de Sílaba.
Sílaba é o grupo sonoro formado por um
ou mais fonemas, pronunciado em uma
única e...
Quanto ao número de sílabas:Quanto ao número de sílabas:
As palavras se classificam em:
a) Monossílabas: formadas por uma...
Quanto à posição da sílaba tônica.Quanto à posição da sílaba tônica.
Quanto à posição da sílaba tônica as
palavras classi...
Encontros vocálicos.Encontros vocálicos.
É o agrupamento de vogais e semivogais
em uma mesma sílaba ou em sílabas
separad...
Encontros vocálicos.Encontros vocálicos.
I. Tritongo: encontro, numa mesma sílaba,
de uma semivogal com uma vogal e uma
se...
Exemplos:Exemplos:
Ditongo crescente:
Ex. glória, Lúcia, tênue.
Ditongo decrescente:
Ex. pai, Laura, chapéu.
Tritongo...
Encontros ConsonantaisEncontros Consonantais
É o encontro de consoantes num mesmo
vocábulo.
Ex. prato, trigo, advérbio, ...
Divisão Silábica.Divisão Silábica.
A divisão de sílaba é feita com base na
soletração. Usa-se o hífen para marcar a
separ...
Divisão silábica: regras práticas.Divisão silábica: regras práticas.
1) Não se separam os ditongos e os tritongos:
 au-r...
5) sempre se separam as vogais idênticas e os
dígrafos rr, ss, sc, sç e xc.
 ca-a-tin-ga, Sa-a-ra, car-ro, as-sei-o, as-...
OBRIGADO!!!OBRIGADO!!!
21
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Nova ortografia oficial

5.761 visualizações

Publicada em

tips to how to write well.

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.761
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
152
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Nova ortografia oficial

  1. 1. Faculdade Integrada Brasil Amazônia - FIBRAFaculdade Integrada Brasil Amazônia - FIBRA LETRAS LICENCIATURALETRAS LICENCIATURA Prof. Ewerton AlvesProf. Ewerton Alves NOVA ORTOGRAFIA OFICIAL 1
  2. 2. O Alfabeto BrasileiroO Alfabeto Brasileiro O conjunto das letras recebe o nome de alfabeto ou abecedário. O alfabeto da língua portuguesa é constituído de 26 letras agora incluindo K,W E Y. MAIÚSCULAS: A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z. Minúsculas: a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z. 2
  3. 3. Observação:Observação: As letras K, W e Y devem ser apenas escritas em casos especiais, como: Na grafia de abreviaturas e símbolos, bem como em palavras estrangeiras de uso internacional: K (potássio), Kg (quilograma), Yakisoba, Watt, e em derivados de nomes próprios estrangeiros: Kantismo, darwinismo, byroniano. 3
  4. 4. Dígrafo ou diagramaDígrafo ou diagrama Dígrafo é o conjunto de duas letras que representa um único fonema. Há dois em português: Dígrafo consonantal Dígrafo vocálico 4
  5. 5. Nova ortografia oficialNova ortografia oficial  Dígrafo consonantal: ocorre quando duas letras representam um fonema consonantal.  Ex. ch: chave, chaminé, china.  lh: malha, milho, colher.  nh: banha, rainha, ganhar.  rr: carro, barro, correio  ss: massa, massagem, assitência  sc: nascer, crescer, descer.  sç: nasça, cresça, desça.  xc: excesso, excelência, exceção.  gu: guerra, sangue, guia.  qu: querer, aqui, quiosque. 5
  6. 6. Nova ortografia oficialNova ortografia oficial Dígrafo vocálico: ocorre quando as letras m e n aparecem no final da sílaba. Nesses casos, elas indicam que a vogal anterior é nasal. Ex. am, an: tampa, bambu, canta, panda.  em, en: sempre, tempo, tenda, lenço.  im, in: limpo, timbre, índia, pintor.  om, on: compre, lombo, onda, bonde.  um, un: cumprir, bumbum, anúncio. 6
  7. 7. Classificação dos FonemasClassificação dos Fonemas A) VOGAIS: som que resulta da livre passagem de corrente de ar pela boca, sem obstrução nenhuma. Na língua portuguesa a vogal é a base da sílaba. Ex. a, e, i, o,u como em cama, Pelé, palito. B) CONSOANTES: fonemas que, em sua articulação, resultam de alguma obstrução encontrada pela corrente de ar. 7
  8. 8. Exemplos de consonantes:Exemplos de consonantes: B, c, d, f, g, h, j, k, l, m, n, lh, nh, rr, ss etc. Ex. dedo, gato, jiló, chapéu, carro, massa. Obs.: os fonemas consonantais só conseguem formar sílabas quando acompanhados de uma vogal. Ex. : pá, Sol, mar, céu, mel, pau, sossego. 8
  9. 9. Nova Ortografia oficialNova Ortografia oficial C) SEMIVOGAIS: são fonemas cuja articulação se assemelha à das vogais, mas não funcionam como base de sílaba, apoiando-se sempre em uma vogal para com esta formar sílaba. São representadas, geralmente, pelas letras i e u, mas em algumas palavras podem ser representadas pelas letras e e o (o a nunca representa semivogal). 9
  10. 10. Exemplos de Semivogais.Exemplos de Semivogais. Ex. lei, cárie, coisa, lousa, mãe, pão, chão. Obs.: em lei, mãe, pão e chão, temos apenas uma sílaba e as vogais são, respectivamente, e, a, a, a e as semivogais são respectivamente, i, e, o e o. 10
  11. 11. Conceito de Sílaba.Conceito de Sílaba. Sílaba é o grupo sonoro formado por um ou mais fonemas, pronunciado em uma única expiração. Lembre-se que toda sílaba tem por base uma vogal; portanto, não há sílaba sem vogal. Ex. Ma / ca / co (três sílabas)  (três expirações) 11
  12. 12. Quanto ao número de sílabas:Quanto ao número de sílabas: As palavras se classificam em: a) Monossílabas: formadas por uma única sílaba. b) Dissílabas: formadas por duas sílabas. c) Trissílabas: formadas por três sílabas. d) Polissílabas: formadas por mais de 3 sílabas. Monossílabos podem ser: Átonas: pouca intensidade; o, lhe, me, a, se, te. Tônicos: forte intensidade, tem acentuação própria; lá, pá,pé, má, pôs, tu, mim. 12
  13. 13. Quanto à posição da sílaba tônica.Quanto à posição da sílaba tônica. Quanto à posição da sílaba tônica as palavras classificam-se em: a) Oxítonas: quando a sílaba tônica é a última da palavra; ma-ra-cu-já, va-ta-pá, mu-ru-ci. b)Paroxítonas: quando a sílaba tônica é a penúltima sílaba da palavra; já-ne-la, his-tó- ria, po-lí-cia, ca-ne-ta. c) Proparoxítonas: quando a sílaba tônica é a antepenúltima sílaba da palavra; sí-la-ba, tô- ni-ca, gra-má-ti-ca, ma-te-má-ti-ca. 13
  14. 14. Encontros vocálicos.Encontros vocálicos. É o agrupamento de vogais e semivogais em uma mesma sílaba ou em sílabas separadas. Há três tipos: I. Ditongo: encontro, numa mesma sílaba, de uma vogal e uma semivogal, ou vice- versa. II.Ditongo crescente: quando a semivogal vem antes da vogal. III.Ditongo decrescente: quando a vogal vem antes da semivogal. 14
  15. 15. Encontros vocálicos.Encontros vocálicos. I. Tritongo: encontro, numa mesma sílaba, de uma semivogal com uma vogal e uma semivogal, nessa ordem. II. Hiato: encontro imediato de duas vogais, cada uma delas, evidentemente, numa sílaba diferente. 15
  16. 16. Exemplos:Exemplos: Ditongo crescente: Ex. glória, Lúcia, tênue. Ditongo decrescente: Ex. pai, Laura, chapéu. Tritongo: ex. Uruguai, enxaguou, averiguei. Hiato: Ex. ra-iz, sa-ú-de, Lu-a-na. 16
  17. 17. Encontros ConsonantaisEncontros Consonantais É o encontro de consoantes num mesmo vocábulo. Ex. prato, trigo, advérbio, corte, psique. Pra-to, tri-go, ad-vér-bio, cor-te, psi-que. Encontro consonantal perfeito> pra-to, tri-go, psí-que. Encontro consonantal imperfeito> ad-vér-bio, cor-te. 17
  18. 18. Divisão Silábica.Divisão Silábica. A divisão de sílaba é feita com base na soletração. Usa-se o hífen para marcar a separação silábica, mas preste muito atenção ao translineamento das palavras ao escrevê-las no final da margem. Convém, no entanto, observar as seguintes regras para uma correta separação de sílabas. 18
  19. 19. Divisão silábica: regras práticas.Divisão silábica: regras práticas. 1) Não se separam os ditongos e os tritongos:  au-ro-ra, Pa-ra-guai, ou-ro, de-lí-cia. 2) Não se separam os dígrafos ch, lh, nh, gu, qu:  a-che-gar, fi-lho, ga-li-nha, fo-gue-te, e-qui-va-ler. 3) Separam-se as vogais que formam Hiato:  sa-í-da, ra-i-nha, sa-ú-de, mo-i-nho, ba-ú. 4) Se um vocábulo coincidir sua terminação com o hífen, deve-se repetir este na translineação da linha seguinte.  ... Ao finalizar a massa da Lasanha, desligue micro- -ondas por uns 15 minutos antes de servir... 19
  20. 20. 5) sempre se separam as vogais idênticas e os dígrafos rr, ss, sc, sç e xc.  ca-a-tin-ga, Sa-a-ra, car-ro, as-sei-o, as-cen-ção, ex-ce-ção, des-ça. 6) Não se separam os encontros consonantais perfeitos (consoante + L ou consoante +R).  a-bra-sar, li-vrei-ro, a-plau-so, a-bla-ção. 7) os demais encontros consonantais devem ser separados.  in-dig-no, af-ta, op-ção, rit-mo, in-te-lec-ção. 20
  21. 21. OBRIGADO!!!OBRIGADO!!! 21

×