O físico prodigioso

3.460 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação

O físico prodigioso

  1. 1. O Físico Prodigioso Jorge de Sena
  2. 2. Jorge de Sena Jorge Cândido de Sena nasceu em Lisboa a 2 de novembro de 1919 e faleceu em Santa Barbara, Califórnia a 4 de junho de 1978. Foi poeta, crítico, ensaísta, ficcionista, dramaturgo, tradutor e professor universitário. Filho único de Augusto Raposo de Sena, natural de Ponta Delgada e comandante da marinha mercante, e de Maria da Luz Teles Grilo de Sena, natural da Covilhã e dona-de-casa. Fez a instrução primária e os primeiros anos do liceu no Colégio Vasco da Gama. Concluiu os estudos secundários no Liceu Camões, onde foi aluno de Rómulo de Carvalho. Era um jovem que lia avidamente, tocava piano e escrevia poemas. Na Faculdade de Ciências de Lisboa, fez os exames preparatórios com as notas mais elevadas.
  3. 3. Jorge de Sena Sena nutria a ideia algo romântica de se tornar oficial da marinha, seguindo as pisadas do pai e entrou com 17 anos para a escola naval. Em 1940, no Porto, Jorge de Sena conhece e torna-se amigo de Maria Mécia de Freitas Lopes (irmã do crítico e historiador literário Óscar Lopes), começando a namorar em 1944 e casando-se em 1949. Mécia de Sena foi a mãe dos seus nove filhos e a sua incansável companheira e enérgica colaboradora, apoiando o escritor nas inúmeras crises que lhe surgiram ao longo de uma vida por vezes atribulada. Publicou O Dogma da Trindade Poética – Rimbaud (1942), Coroa da Terra, poesia (1946), Páginas de Doutrina Estética de Fernando Pessoa (organização), 1946, Florbela Espanca ou a Expressão do Feminino na Poesia Portuguesa (1947), Pedra Filosofal poesia (1950), A Poesia de Camões (1951). Em 1977 recebeu o Prémio Internacional de Poesia Etna- Taormina.
  4. 4. Personagens principais • O físico; • Dona Urra; • O Diabo.
  5. 5. O Físico ProdigiosoO Físico Prodigioso foi escrito na Califórnia e relata ahistória de um jovem que terá feito um pacto com odiabo, vendendo o seu corpo em troca de vários poderesque, com estes, viaja de castelo em castelo, ajudandodamas doentes. Um dia, desce uma colina e, depois de sebanhar no rio, estende-se nas ervas para dormir umpouco. Durante o seu sono, três mulheres descobrem-noe aproximam-se dele, que após acordar, contam-lhe aexistência de uma rainha enferma, que definha(enfraquece gradualmente) numa cama.
  6. 6. O Físico ProdigiosoAs três mulheres levam-no então ao castelo e ojovem prepara um banho com o seu própriosangue, onde a rainha se deverá banhar, para terrordos físicos e do capelão. Estes, após o restauro dabeleza e da saúde da rainha, são apanhados namesma banheira, esperando o mesmo resultadoe, depois de os expulsar, o jovem destrói o líquido.Quando resolve confirmar o resultado dotratamento, envolve-se com a rainha.
  7. 7. O Físico Prodigioso - curiosidadeJorge de Sena pretende principalmente aplacar o seufascínio por duas lendas medievais que só têm emcomum o facto de ambas terem feito parte da compilaçãodo Orto do Esposo, datada da primeira metade do séculoXV: a lenda do homem cujo sangue tinha poderesmágicos de cura e de ressurreição dos mortos, e umaoutra lenda de um homem que não pôde ser enforcadoporque o Diabo o protegia levantando-o no ar. Paraisso, o autor juntou as duas lendas numa única história, eelaborou sobre elas.
  8. 8. Citação• “No grande salão vazio, onde ecoavam apenas os murmúrios que da câmara vinham, ele encostou-se a uma fresta, olhando a noite escura. Tinham-se esquecido dele.”

×