Oficina grupo dos icones 15 set

85 visualizações

Publicada em

Foram realizadas uma sessão de oficinas de Turismo Criativo para Brasília, que faz parte do processo de elaboração do Plano de Turismo Criativo de Brasília. O objetivo é que haja uma participação mais efetiva dos profissionais de turismo neste processo, e que se desenvolva e aconteça de maneira colaborativa envolvendo o trade turístico local. Entre os dias 14 e 18 de setembro, no Planetário de Brasília, com apoio do Sebrae-DF e Setur, foram realizadas cinco oficinas específicas para geração de ideias com diversos setores e empreendedores locais do turismo. Trazer o novo, envolver o trade em uma nova dinâmica de mercado, onde pensaremos novos produtos e novas formas de gerar negócios em torno dos segmentos turísticos participantes, serão os objetivos desses encontros que serão altamente práticos em torno de ideias e soluções.
Na data de 15 de Setembro de 2015, as oficinas foram realizadas com um grupo de gestores de atrativos, produção associada, feira de antiguidades, feiras populares, galerias de arte, economia criativa, startups e a temática do dia foram ícones e símbolos.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
85
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Oficina grupo dos icones 15 set

  1. 1. DIA DE HOJE 14h 14h15 14h25 14h40 15h10 15h30 16h00 17h00 17h20 17h50 18h00 Início dos trabalhos com Sebrae e Setur DF O que Queremos Apresentação Hábitos Criativos Pensar Criativo no Turismo Aquecimento Geração de Ideias Pensar fazendo e seleção Apresentações Considerações finais Lição de Casa
  2. 2. QUEM É QUEM
  3. 3. Dar continuidade ao processo do pensar criativo para Brasília. Primeiro passo foi dado com o 1º Encontro de Turismo Criativo de Brasília. O QUE QUEREMOS Agora daremos mais um passo na construção de um documento orientador, o Plano de Turismo Criativo de Brasília.
  4. 4. Tudo o que for criado durante a oficina, subsidiará a Escola de Criatividade na elaboração do Plano, sem o compromisso de inserir todas as ideias. O QUE QUEREMOS
  5. 5. Eventos + produtores culturais + coletivos Gastronomia + souvenir + produtos agroindustriais Receptivo + guias de turismo + turismo no meio rural Meios de hospedagem + grupo acadêmico Gestores de atrativos + produção associada + feiras de antiguidades + feiras populares + galerias de arte + economia criativa + startups QUEM FAZ PARTE
  6. 6. OBSERVE Adapte-se e tire proveito das circunstâncias
  7. 7. INTUIÇÃO Ouvir e se tornar o outro Somá-las e estabelecer empatia
  8. 8. CONEXÃO DE IDEIAS Desconstrua Comunique Polinize
  9. 9. FAÇA PERGUNTAS idiotas, simples e impertinentes
  10. 10. motivação, engajamento e propósito CRIE SENSO DE PERTENCIMENTO
  11. 11. REALIZE pequenas vitórias, pequenos sucessos para gerar confiança
  12. 12. Turismo Criativo nada mais é do que pensar o setor de forma inovadora, fora dos padrões convencionais e dos velhos conceitos.   PENSAR CRIATIVO EM TURISMO
  13. 13. É preciso ter ideias e coragem para inovar a partir de três passos: Encantamento Pertencimento Histórias
  14. 14. Passo a passo de como trabalhamos os destinos e cidades com o olhar criativo
  15. 15. PENSAR CRIATIVO EM TURISMO Reconhecimento do problema e espaço com olhar imparcial.
  16. 16. CASA DAS SETE QUEDAS Histórias e silêncio
  17. 17. SALA DO SILÊNCIO Todos sabíamos que o dia do fim das Sete Quedas iria chegar. Só me dei conta quando de repente fez-se um silêncio ensurdecedor. Ana Menel
  18. 18. MORRO DOS SETE PECADOS Como enxergar o Lago de Itaipu
  19. 19. PENSAR CRIATIVO EM TURISMO Empatia – escutar e ouvir as histórias e os diversos pontos de vista sobre o problema.
  20. 20. HISTÓRIAS Todos os lados da história
  21. 21. PENSAR CRIATIVO EM TURISMO Reconhecimento dos diversos talentos existentes e as potencialidades naturais.
  22. 22. VOCAÇÕES DOS DESTINOS
  23. 23. ITAIPU Lendas, histórias, palavras e iconografia guarani
  24. 24. PENSAR CRIATIVO EM TURISMO Pesquisa, pesquisa e mais pesquisa sobre o problema.
  25. 25. PARAGUAI Viagem pelo país em busca de histórias
  26. 26. PENSAR CRIATIVO EM TURISMO Estudos sobre o conceito
  27. 27. ITAIPU Vitrine do Paraguai
  28. 28. ESTANDE DO PARANÁ
  29. 29. ESTANDE DO PARANÁ Paraná, você ainda não viu tudo
  30. 30. PENSAR CRIATIVO EM TURISMO Ideação – brainstorm para geração de diferentes ideias, filtro e seleção
  31. 31. GERAÇÃO DE IDEIAS Muitas ideias geradas
  32. 32. AQUECIMENTO
  33. 33. VAMOS FORMAR FILA Em ordem cronológica conforme o aniversário de vocês de 1 de Janeiro a 31 de Dezembro
  34. 34. SEM FALAR
  35. 35. Poderiam escrever Mostrar identidade Uma pessoa assumir o papel de diretor Criar uma linha do tempo no chão Cantar Opções
  36. 36. NOVOS USOS PARA UMA CHAVE
  37. 37. Agora, com a mesma chave, como usá-la em diferentes desenhos?
  38. 38. COMUNICAR A ESSÊNCIA E se tivéssemos a chance de apresentar Brasília em apenas 15 segundos?
  39. 39. ÍCONES E SÍMBOLISMOS Histórias Personalidades Arquitetura e Urbanismo Produção Cultural Cenários e Paisagens
  40. 40. (20’)   RAIO X DOS ÍCONES Quais são os ícones e símbolos de Brasília? Quais os seus significados para a cidade? Como são trabalhados hoje? Qual o aproveitamento de cada ícone para o turismo da cidade?
  41. 41. (25’)   NOVO OLHAR SOBRE OS ÍCONES Como podemos melhorar o aproveitamento destes ícones para o turismo em Brasília? Quais os ícones que se conectam? Quais outros aproveitamentos podemos dar a estes ícones? Imaginem novas intervenções, produtos, serviços, negócios que podemos desenvolver com estes ícones.
  42. 42. O QUE FICA E O QUE SAI Classificação das ideias em: 1 - intervenções mais básicas 2 - intervenções inovadoras 3 - intervenções visionárias Seleção de 3 ou 6 ideias principais (25’)  
  43. 43. LIÇÃO DE CASA Aplicar a metodologia em seu negócio, o que de novo e diferente pode ser feito em seu empreendimento Avaliação, geração de ideia, pensar fazendo, trabalho em grupo e apresentação Compartilhar a experiência com o grupo
  44. 44. WORKSHOP DE APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS Apresentação dos resultados e desafios Apresentação da metodologia e objetivos – esclarecer que não temos o compromisso de incluir todas as ideias geradas no Plano de Turismo Criativo, mas faremos uma análise e seleção Principais ideias geradas – mapa construído Avaliação geral

×