Estatística Aplicada a 
Administração 
ADMINISTRAÇÃO – EAADM 
PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI 
2º SEMESTRE / 2014 
AULA 10 – COE...
Coeficientes de Variabilidade 
Coeficiente de Variação de Pearson – CVP 
É A RAZÃO ENTRE O DESVIO PADRÃO E A MÉDIA REFEREN...
Coeficientes de Variabilidade 
Exemplo 1: 
Tomemos os resultados das estaturas e dos pesos de um mesmo grupo de 
indivíduo...
Coeficientes de Variabilidade 
As estaturas apresentam menor grau de dispersão que os pesos. 
PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI 
C...
Coeficientes de Variabilidade 
Coeficiente de Variação de Thorndike – CVT: É igual ao quociente 
entre o desvio padrão e a...
Medidas de Assimetria 
Introdução: 
 Uma distribuição com classes é simétrica quando : 
Média = Mediana = Moda 
 Uma dis...
Medidas de Assimetria 
PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI 
CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 7
Medidas de Assimetria 
Coeficiente de assimetria: A medida anterior, por ser absoluta, apresenta a mesma 
deficiência do d...
Medidas de Assimetria 
PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI 
CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 9
Medidas de Assimetria 
2. Um grupo de cem estudantes tem uma estatura média de 163,8, com um 
coeficiente de variação de 3...
Referências Bibliográficas 
BÁSICA: 
CRESPO, A. A. Estatística fácil. São Paulo: Saraiva, 19--, 20--. 
SILVA, E. M. et al....
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aula 10 coeficientes de variabilidade e assimetria

714 visualizações

Publicada em

Material público destinado a estudantes e pesquisadores.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
714
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 10 coeficientes de variabilidade e assimetria

  1. 1. Estatística Aplicada a Administração ADMINISTRAÇÃO – EAADM PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI 2º SEMESTRE / 2014 AULA 10 – COEFICIENTES DE VARIABI LIDADE E ASSIMETRIA
  2. 2. Coeficientes de Variabilidade Coeficiente de Variação de Pearson – CVP É A RAZÃO ENTRE O DESVIO PADRÃO E A MÉDIA REFERENTES A DADOS DE UMA MESMA SÉRIE O resultado neste caso é expresso em percentual, entretanto pode ser expresso também através de um fator decimal, desprezando assim o valor 100 da fórmula. PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 2
  3. 3. Coeficientes de Variabilidade Exemplo 1: Tomemos os resultados das estaturas e dos pesos de um mesmo grupo de indivíduos: Qual das medidas (Estatura ou Peso) possui maior homogeneidade ? Teremos que calcular o CVP da Estatura e o CVP do Peso. O resultado menor será o de maior homogeneidade ( menor dispersão ou variabilidade). PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 3
  4. 4. Coeficientes de Variabilidade As estaturas apresentam menor grau de dispersão que os pesos. PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 4
  5. 5. Coeficientes de Variabilidade Coeficiente de Variação de Thorndike – CVT: É igual ao quociente entre o desvio padrão e a mediana. Coeficiente Quartílico de Variação – CVQ: esse coeficiente é definido pela seguinte expressão, Desvio quartil Reduzido – Dqr 퐷푞푟 = 푄3 − 푄1 2 ∗ 푀푑 ∗ 100% PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 5
  6. 6. Medidas de Assimetria Introdução:  Uma distribuição com classes é simétrica quando : Média = Mediana = Moda  Uma distribuição com classes é “Assimétrica à esquerda ou negativa” quando : Média < Mediana < Moda “Assimétrica à direita ou positiva” quando : Média > Mediana > Moda PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 6
  7. 7. Medidas de Assimetria PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 7
  8. 8. Medidas de Assimetria Coeficiente de assimetria: A medida anterior, por ser absoluta, apresenta a mesma deficiência do desvio padrão, isto é, não permite a possibilidade de comparação entre as medidas de duas distribuições. Por esse motivo, daremos preferência ao coeficiente de assimetria de Person: Escalas de assimetria: | AS | < 0,15 => assimetria pequena 0,15 < | AS | < 1 => assimetria moderada | AS | > 1 => assimetria elevada Obs: Suponhamos AS = - 0,49 => a assimetria é considerada moderada e negativa; Suponhamos AS = 0,75 => a assimetria é considerada moderada e positiva. PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 8
  9. 9. Medidas de Assimetria PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 9
  10. 10. Medidas de Assimetria 2. Um grupo de cem estudantes tem uma estatura média de 163,8, com um coeficiente de variação de 3,3%. Qual o desvio padrão desse grupo? Considere os seguintes resultados relativos a três distribuições de frequência: DISTRIBUIÇÕES 푿 Mo A 52 52 B 45 50 C 48 46 Determine o tipo de assimetria de cada uma delas PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 10
  11. 11. Referências Bibliográficas BÁSICA: CRESPO, A. A. Estatística fácil. São Paulo: Saraiva, 19--, 20--. SILVA, E. M. et al. Estatística: para os cursos de economia, administração e ciências contábeis. São Paulo: Atlas, 19--. TIBONI, C. G. R. Estatística Básica: para os cursos de administração, ciências contábeis, tecnológicos e de gestão. São Paulo: Atlas, 20--. COMPLEMENTAR: HOFFMANN, R. Estatística para economistas. São Paulo: Pioneira, 19--. MARTINS, G. A; DONAIRE, D. Princípios de estatística. São Paulo: Atlas, 19--. MORETTIN, P. A; BUSSAB, W. O. Estatística básica. São Paulo: Saraiva, 19--, 20--. FONSECA, J. S; MARTINS, G. A. Curso de estatística. São Paulo: Atlas, 19--. SPIEGEL, M. R. Estatística. São Paulo: Makron Books do Brasil, 19--. PROF. ENIO JOSÉ BOLOGNINI CENTRO UNIV. NORTE PAULISTA - UNORP 11

×