Justificação pela fé
 A doutrina da Justificação pela fé em Cristo é o tema
central da carta aos Romanos e da carta aos Gálatas.
 Esta doutri...
 Martinho Lutero sofria
imensamente para tentar
salvar a sua alma, cumprindo
as normas rígidas da Igreja.
Ele buscava ain...
A UNIVERSALIDADE DO
PECADO (ROMANOS 1:18 -3:20)
Os gentios e os judeus
igualmente culpados
Todos os homens na
condição de ...
 O pecado é terrível e devastador para o homem!
 Uma dívida que não pode ser paga pelo homem, mas
somente por Cristo!
Romanos 3:21-31
ROMANOS 3:21-31
 21 - Mas agora, sem lei, se manifestou a justiça de Deus
testemunhada pela lei e pelos profetas;
 22 - ...
ROMANOS 3:21-31
 26 - tendo em vista a manifestação da sua justiça no tempo
presente, para ele mesmo ser justo e o justif...
A JUSTIFICAÇÃO PELA FÉ EM JESUS
CRISTO
 A justificação não ocorre pelas obras da Lei, mas
mediante a fé em Jesus Cristo (...
“... sendo justificados
gratuitamente, por
sua graça, mediante a
redenção que há em
Cristo Jesus,...” (v.24)
 “A justificação é a resposta de Deus à mais importante
de todas as questões humanas: Como uma pessoa pode
se tornar acei...
GÁLATAS 2:16; 3:23-29
GÁLATAS 2:16
“...sabendo, contudo, que o homem
não é justificado por obras da lei, e
sim mediante a fé em Cristo Jesus,
ta...
 Gálatas 2:16 é o tema da carta aos Gálatas e também da
carta aos Romanos.
 Obras da Lei: circuncisão; dieta religiosa e...
 Salvação é pela fé em Jesus e não pela guarda das obras
da Lei.
 Cristo me dá forças para fazer aquilo que Ele pede; a
...
 Na ressurreição de Cristo eu ressuscito unido a Ele,
vivo por um novo princípio, não pela obediência à Lei,
porque eu es...
 Cristo morreu para me livrar da culpa dos pecados e da
Lei, para que eu possa servir a DEUS pelo poder do
Cristo vivo em...
GÁLATAS 3:23-29
 23 - Mas, antes que viesse a fé, estávamos sob a tutela da lei e nela
encerrados, para essa fé que, de f...
 Aio (v. 24) = do gr. pedagogo. Era um escravo culto,
contratado pelas famílias ricas, para educar as
crianças; professor...
 Como a Lei nos leva a Cristo? A Lei nos leva a Cristo
demonstrando que estamos condenados :
 olhamos para a mulher/home...
 O mundo de Paulo era dividido (v.28):
 Judeu/Grego
 Escravo/Liberto
 Homem/Mulher
 Os filhos/descendentes de Abraão ...
CATÓLICOS X PROTESTANTES
GRAÇA, FÉ E COOPERAÇÃO?
A justificação pela fé anunciada no Velho Testamento
ROMANOS 4:1-3
 1 - Que, pois, diremos ter alcançado Abraão, nosso pai
segundo a carne?
 2 - Porque, se Abraão foi justif...
 IMPUTADO PARA JUSTIÇA= Abraão foi salvo da
mesma forma que nós: ele creu no Messias que viria e
nós cremos no Messias qu...
ROMANOS 4:3
 DEUS faz uma transferência, ou seja, a culpa do
pecador é transferida para Cristo e a justiça de Cristo é
tr...
 “No período do Antigo Testamento, os crentes olhavam
com fé para o futuro, para a promessa da vinda do
Messias. Do perío...
Gênesis 15:6
Salmos 32:1-2
Isaías 53:4-6
 “Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé,
independentemente das obras da lei.” (Rm 3:28)
 Portanto, sejamos...
PRODUZIDO POR:
 Zilrene Alcantara Miguel, com base na Revista
“Evangelho e poder – A carta aos Romanos e a
soberania de D...
BIBLIOGRAFIA
 Hendriksen, Willian. Comentário do Novo
Testamento – Romanos; tradução de Valter Graciano
Martins; Cultura ...
LINKS
 http://monergismo.net.br/
 https://www.youtube.com/watch?v=S5wY0r5yv8w
 https://www.youtube.com/watch?v=_OY7SKZR...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O AMOR DE CRISTO POR SEU POVO

231 visualizações

Publicada em

Aula ministrada aos jovens da UMP da IPB em C.A.E. Carvalho.

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
231
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
52
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O AMOR DE CRISTO POR SEU POVO

  1. 1. Justificação pela fé
  2. 2.  A doutrina da Justificação pela fé em Cristo é o tema central da carta aos Romanos e da carta aos Gálatas.  Esta doutrina foi extremamente importante para a Reforma Protestante, pois corrigia o ensino católico sobre a “cooperação humana” no processo de salvação. (Rm 1:16-17)
  3. 3.  Martinho Lutero sofria imensamente para tentar salvar a sua alma, cumprindo as normas rígidas da Igreja. Ele buscava ainda entender os ensinamentos do Apóstolo Paulo, principalmente “a justiça de Deus”. Após longos estudos da Palavra ele encontra em Habacuque 2:4 “mas o justo viverá pela sua fé”. A partir deste momento a História da sua vida, da Igreja e o do mundo ocidental mudaram profundamente. Imagem: www.google.com.br/imagens
  4. 4. A UNIVERSALIDADE DO PECADO (ROMANOS 1:18 -3:20) Os gentios e os judeus igualmente culpados Todos os homens na condição de pecadores
  5. 5.  O pecado é terrível e devastador para o homem!  Uma dívida que não pode ser paga pelo homem, mas somente por Cristo!
  6. 6. Romanos 3:21-31
  7. 7. ROMANOS 3:21-31  21 - Mas agora, sem lei, se manifestou a justiça de Deus testemunhada pela lei e pelos profetas;  22 - justiça de Deus mediante a fé em Jesus Cristo, para todos [e sobre todos] os que creem; porque não há distinção,  23 - pois todos pecaram e carecem da glória de Deus,  24 - sendo justificados gratuitamente, por sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus,  25 - a quem Deus propôs, no seu sangue, como propiciação*, mediante a fé, para manifestar a sua justiça, por ter Deus, na sua tolerância, deixado impunes os pecados anteriormente cometidos; * conciliação ou satisfação; a morte de Cristo satisfez a santidade ofendida de DEUS.
  8. 8. ROMANOS 3:21-31  26 - tendo em vista a manifestação da sua justiça no tempo presente, para ele mesmo ser justo e o justificador daquele que tem fé em Jesus.  27 - Onde, pois, a jactância? Foi de todo excluída. Por que lei? Das obras? Não; pelo contrário, pela lei da fé.  28 - Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé, independentemente das obras da lei.  29 - É, porventura, Deus somente dos judeus? Não o é também dos gentios? Sim, também dos gentios,  30 - visto que Deus é um só, o qual justificará, por fé, o circunciso e, mediante a fé, o incircunciso.  31 - Anulamos, pois, a lei pela fé? Não, de maneira nenhuma! Antes, confirmamos a lei.
  9. 9. A JUSTIFICAÇÃO PELA FÉ EM JESUS CRISTO  A justificação não ocorre pelas obras da Lei, mas mediante a fé em Jesus Cristo (v.22)  Não há distinção, todos pecaram (v.22-23)  Declarados justos, sem nenhum custo para o justificado (v.24)  Um sacrifício que remove a ira (v.25)  Não há motivo para o crente se orgulhar da própria salvação (v.27)  O homem é justificado pela fé, independente da obras da Lei (v.28)
  10. 10. “... sendo justificados gratuitamente, por sua graça, mediante a redenção que há em Cristo Jesus,...” (v.24)
  11. 11.  “A justificação é a resposta de Deus à mais importante de todas as questões humanas: Como uma pessoa pode se tornar aceitável diante de Deus? A resposta está clara no Novo Testamento, especialmente nos escritos de Paulo, como a passagem clássica de Romanos 3.21- 25. Biblicamente, a justificação é um conceito jurídico ou forense, e tem o significado de “declarar justo”. É o ato de Deus mediante o qual ele, em sua graça, declara justo o pecador, isentando-o de qualquer condenação.” (Alderi Souza Matos)
  12. 12. GÁLATAS 2:16; 3:23-29
  13. 13. GÁLATAS 2:16 “...sabendo, contudo, que o homem não é justificado por obras da lei, e sim mediante a fé em Cristo Jesus, também temos crido em Cristo Jesus, para que fôssemos justificados pela fé em Cristo e não por obras da lei, pois, por obras da lei, ninguém será justificado.”
  14. 14.  Gálatas 2:16 é o tema da carta aos Gálatas e também da carta aos Romanos.  Obras da Lei: circuncisão; dieta religiosa e calendário religioso.  Aqueles que se converteram no dia de Pentecostes, creram que Jesus é o Messias, mas continuaram guardando a Lei de Moisés.
  15. 15.  Salvação é pela fé em Jesus e não pela guarda das obras da Lei.  Cristo me dá forças para fazer aquilo que Ele pede; a Lei não. A Lei só exige, só mata.
  16. 16.  Na ressurreição de Cristo eu ressuscito unido a Ele, vivo por um novo princípio, não pela obediência à Lei, porque eu estou morto para ela, mas eu vivo em união com Jesus.  Não pelo meu esforço tentando guardar a Lei, mas pela união com Cristo vivo, ressurreto, que habita em mim (Gl 2:19).
  17. 17.  Cristo morreu para me livrar da culpa dos pecados e da Lei, para que eu possa servir a DEUS pelo poder do Cristo vivo em mim e não pela força da carne.  Não por obras, mas pela graça de DEUS.  Recebemos e andamos pela Graça.  A união com Cristo tem o poder imenso de nos fazer viver para DEUS.
  18. 18. GÁLATAS 3:23-29  23 - Mas, antes que viesse a fé, estávamos sob a tutela da lei e nela encerrados, para essa fé que, de futuro, haveria de revelar-se.  24 - De maneira que a lei nos serviu de aio para nos conduzir a Cristo, a fim de que fôssemos justificados por fé.  25 - Mas, tendo vindo a fé, já não permanecemos subordinados ao aio.  26 - Pois todos vós sois filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus;  27 - porque todos quantos fostes batizados em Cristo de Cristo vos revestistes.  28 - Dessarte, não pode haver judeu nem grego; nem escravo nem liberto; nem homem nem mulher; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.  29 - E, se sois de Cristo, também sois descendentes de Abraão e herdeiros segundo a promessa.
  19. 19.  Aio (v. 24) = do gr. pedagogo. Era um escravo culto, contratado pelas famílias ricas, para educar as crianças; professor particular. Morava na casa e treinava as crianças do seu patrão.  A Lei funciona como um pedagogo para nos levar a Cristo.
  20. 20.  Como a Lei nos leva a Cristo? A Lei nos leva a Cristo demonstrando que estamos condenados :  olhamos para a mulher/homem do/a próximo/próxima;  mentimos;  cobiçamos as coisas dos outros;  sentimos raiva e ressentimentos;  somos bisbilhoteiros, pretensiosos, arrogantes.  Estamos condenados; precisamos de um Salvador.  A Lei funciona como um aio, um pedagogo, um professor para nos levar a Cristo.
  21. 21.  O mundo de Paulo era dividido (v.28):  Judeu/Grego  Escravo/Liberto  Homem/Mulher  Os filhos/descendentes de Abraão são aqueles que creem em Jesus (judeus e gentios). (v.29)  O Evangelho trouxe a unidade. Em Cristo somos um.
  22. 22. CATÓLICOS X PROTESTANTES
  23. 23. GRAÇA, FÉ E COOPERAÇÃO?
  24. 24. A justificação pela fé anunciada no Velho Testamento
  25. 25. ROMANOS 4:1-3  1 - Que, pois, diremos ter alcançado Abraão, nosso pai segundo a carne?  2 - Porque, se Abraão foi justificado por obras, tem de que se gloriar, porém não diante de Deus.  3 - Pois que diz a Escritura? Abraão creu em Deus, e isso lhe foi imputado para justiça.
  26. 26.  IMPUTADO PARA JUSTIÇA= Abraão foi salvo da mesma forma que nós: ele creu no Messias que viria e nós cremos no Messias que veio.  Quem é o povo de DEUS? Quem teve fé, no Antigo Testamento e hoje, os da fé é que são os verdadeiros filhos de Abraão.
  27. 27. ROMANOS 4:3  DEUS faz uma transferência, ou seja, a culpa do pecador é transferida para Cristo e a justiça de Cristo é transferida ao pecador (justiça creditada).
  28. 28.  “No período do Antigo Testamento, os crentes olhavam com fé para o futuro, para a promessa da vinda do Messias. Do período do Novo Testamento para cá, o crente olha para o passado, para a morte e ressurreição de Cristo. Em ambos os casos, a fé é uma exigência divina.” (Revista do Aluno, p.17)
  29. 29. Gênesis 15:6 Salmos 32:1-2 Isaías 53:4-6
  30. 30.  “Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé, independentemente das obras da lei.” (Rm 3:28)  Portanto, sejamos gratos pelo perdão gracioso recebido em Cristo e por sermos declarados justos pela transferência (imputação) da justiça de Cristo em nosso favor.
  31. 31. PRODUZIDO POR:  Zilrene Alcantara Miguel, com base na Revista “Evangelho e poder – A carta aos Romanos e a soberania de Deus na salvação”, lição 4 – Amor declarado e manifestado - da editora Cultura Cristã.  Igreja Presbiteriana em Cidade A.E. Carvalho, São Paulo, SP, Brasil.  Classe da UMP  Setembro/2016  zilrene.ump@gmail.com
  32. 32. BIBLIOGRAFIA  Hendriksen, Willian. Comentário do Novo Testamento – Romanos; tradução de Valter Graciano Martins; Cultura Cristã, São Paulo, 2011.  Murray, John. Romanos (traduzido do original em inglês: The Epistle to the Romans), Fiel, São José dos Campos, 2003.  Bíblia de Estudo de Genebra. Cultura Cristã e Sociedade Bíblica do Brasil, São Paulo e Barueri, 1999.
  33. 33. LINKS  http://monergismo.net.br/  https://www.youtube.com/watch?v=S5wY0r5yv8w  https://www.youtube.com/watch?v=_OY7SKZRFfQ  https://www.youtube.com/watch?v=nRZVcPFnvJE  http://www.mackenzie.br/7136.html  Acessados em Setembro/2016

×