HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. All rights reserved
www.huawei.com
Internal
OWA200004
WCDMA Gerenciamento
dos recursos de rá...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 2All rights reserved
CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM
CapCapíít...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 3All rights reserved
Introdução ao RRM
l RRM: Radio Resource Management
l RRM é respons...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 4All rights reserved
Algoritmo RRM no fluxo de chamadas (1)
CNCN
RNCRNC
Iu
RAB ASSIGNME...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 5All rights reserved
Algoritmo RRM no fluxo de chamadas (2)
Channel setup and
call init...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 6All rights reserved
Classificação do RRM
l Baseado em diferentes objetivos, RRM é clas...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 7All rights reserved
Procedimento RRM
l Procedimento fundamental do gerenciamento dos
r...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 8All rights reserved
CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM
CapCapíít...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 9All rights reserved
CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção dos canaisão dos cana...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 10All rights reserved
Configuração fundamental de canalConfiguração fundamental de cana...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 11All rights reserved
Mapeamento de QoSMapeamento de QoS
DPDCH DPCCH
RAB
RB RB
DTCH DTC...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 12All rights reserved
Configuração de Parâmetros de RB e RLC
l Parâmetros RB
[Número RB...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 13All rights reserved
Configuração dos parâmetros MAC
l Parâmetros MAC
l A relação de m...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 14All rights reserved
Configuração de parâmetros PHY
l Parâmetros PHY
[Relação de mapea...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 15All rights reserved
CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção dos canaisão dos can...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 16All rights reserved
Serviços BE (Best Effort)Serviços BE (Best Effort)
l DCCC: Dynami...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 17All rights reserved
Configuração dinâmica de canaisConfiguração dinâmica de canais
MA...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 18All rights reserved
Decisão do DCCC
l Decisão do DCCC
[Reporte de medidas do volume d...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 19All rights reserved
Implementação do DCCC
l Implementação do DCCC
[Reconfiguração dos...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 20All rights reserved
Efeito do DCCC
l Alocação de Bandwidth sob demanda
Capacidade do ...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 21All rights reserved
CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM
CapCapíí...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 22All rights reserved
Efeito perto-longe (near-far) no CDMAEfeito perto-longe (near-far...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 23All rights reserved
Classificação do controle de potência
l Controle de potência
[Con...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 24All rights reserved
Controle de potência de Loop aberto para DPCH
l Precisamente calc...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 25All rights reserved
NodeB UE
RACH
BCH: potência do canal CPICH
nível de interferência...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 26All rights reserved
Controle de potência de loop aberto de UplinkControle de potência...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 27All rights reserved
BLER--SIR
l O objetivo do algoritmo de PC de loop aberto é manter...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 28All rights reserved
Controle de potência de downlink
NodeB
Set SIRtar
Transmit TPC
Me...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 29All rights reserved
CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM
CapCapíí...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 30All rights reserved
Modos e estados de operação do UE
l O UE não tem relação com o UT...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 31All rights reserved
l Modo ativo (active state)
l Comunicação através de canais dedic...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 32All rights reserved
Modos e estados de operação do UE
l Nenhum dado a ser transmitido...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 33All rights reserved
Modos e estados de operação do UE
l Nenhum dado a ser transmitido...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 34All rights reserved
Classificação do Handover
Hard handover
Soft handover
•Intra-freq...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 35All rights reserved
UE move-se
BS alvoBS servidora
tempo
Dados
recebidos/env
iados do...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 36All rights reserved
UE move-se
BS alvoBS servidora
tempo
Dados
recebidos/env
iados do...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 37All rights reserved
UE move-se
BS alvoBS servidora
tempo
Dados
recebidos/env
iados do...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 38All rights reserved
Soft Handover
l Características do soft handover
[ Seamless hando...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 39All rights reserved
Softer Handover
l Para o soft handover, a combinação de múltiplos...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 40All rights reserved
Soft Handover
l Active set
[Inclui todas as células participantes...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 41All rights reserved
Soft Handover
PDF created with pdfFactory Pro trial version www.p...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 42All rights reserved
Aplicações de Hard Handover no 3G
l Intra-frequency hard handover...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 43All rights reserved
Introdução ao modo comprimido
(Compressed Mode)
l Compressed Mode...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 44All rights reserved
Compressed Mode
Objetivo do modo comprimido: UE realiza medidas e...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 45All rights reserved
Classificação do modo Comprimido
l Downlink compressed mode
[Para...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 46All rights reserved
Características do modo comprimido
(Compressed Mode)
[Todos os pa...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 47All rights reserved
Realocação SRNS(C)
l Vantagens
[Reduz fluxo de dados na interface...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 48All rights reserved
CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM
CapCapíí...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 49All rights reserved
Classificação do controle de carga
l Classificação técnica:
[Cont...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 50All rights reserved
Admission Control (AC)
l AC é utilizado na decisão se um novo RAB...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 51All rights reserved
Load Balance
l Load balance entre células
[Load balance entre int...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 52All rights reserved
Cell Breathing
CRNC
O objetivo é o
compartilhamento de
carga de c...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 53All rights reserved
Potential User Control
l Potential user control
[Evita o desbalan...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 54All rights reserved
Congestion Control
l As medidas que permitem o uso completo da ca...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 55All rights reserved
CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM
CapCapíí...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 56All rights reserved
Codificação AMRCodificação AMR
l O sistema WCDMA utiliza codifica...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 57All rights reserved
MOS e CIR
PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffa...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 58All rights reserved
AMR Speech
l Características do AMR speech:
[Em certos níveis de ...
HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 59All rights reserved
Controle do modo AMR
(AMR Mode Control)
l AMR mode control deve b...
www.huawei.com
Obrigado
PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

03 wcdma gerenciamento dos recursos de rádio

200 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
200
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

03 wcdma gerenciamento dos recursos de rádio

  1. 1. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. All rights reserved www.huawei.com Internal OWA200004 WCDMA Gerenciamento dos recursos de rádio (RRM) ISSUE 1.0 PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  2. 2. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 2All rights reserved CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção de canaisão de canais CapCapíítulo 3 controle de potênciatulo 3 controle de potência CapCapíítulo 4 Gerenciamento de Mobilidadetulo 4 Gerenciamento de Mobilidade CapCapíítulo 5 Controle de Cargatulo 5 Controle de Carga CapCapíítulo 6 Controle do modo AMRtulo 6 Controle do modo AMR PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  3. 3. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 3All rights reserved Introdução ao RRM l RRM: Radio Resource Management l RRM é responsável pelo suprimento de cobertura ótima, oferecendo a máxima capacidade planejada, garantindo a qualidade de serviço (QoS) necessária e assegurando eficiente uso dos recursos de físicos e de transporte. l Potência é o recurso de rádio mais importante. A melhor forma de se utilizar este recurso é o controle de potência de consumo estrito. [Aumentar a potência de transmissão para melhorar a QoS de um certo usuário. [Entretanto, devido a auto-interferência, este aumento deve resultar em maior interferência em outros usuários e conseqüentemente reduzir a QoS. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  4. 4. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 4All rights reserved Algoritmo RRM no fluxo de chamadas (1) CNCN RNCRNC Iu RAB ASSIGNMENT (QoS) RAB ASSIGNMENT (QoS) QoS mappingQoS mapping Admission controlAdmission control Request of code resource Request of code resource Configuration of access layer Configuration of access layer Configuração dos canais -- configuração Dos canais fundamentais Controle de carga --access control Configuração dos canais -- Gerenciamento dos recursos de códigos Controle de carga --balanceamento de carga PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  5. 5. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 5All rights reserved Algoritmo RRM no fluxo de chamadas (2) Channel setup and call initiated Channel setup and call initiated Power controlPower control Change of service rate Change of service rate HandoverHandover Call endCall end Resource releaseResource release End Controle de potência Loop fechado Controle de potência Loop aberto Configuração de canais --DCCC AMRC Configuração de canais Gerenciamento de recursos de códigos Controle de carga --balanceamento de carga Gerenciamento de mobilidade PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  6. 6. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 6All rights reserved Classificação do RRM l Baseado em diferentes objetivos, RRM é classificado como: l Orientado à conexão RRM, que garante QoS da conexão e minimiza os recursos de rádio alocados a uma conexão. [Configuração dos canais, controle de potência, handover [Uma entidade dedicada é criada para gerenciar a configuração dos recursos de cada conexão. l Orientada a célula RRM, o qual maximiza os usuários em uma célula e assim aumenta a capacidade garantindo a estabilidade da célula. [Gerenciamento dos recursos de códigos, controle de carga [Uma entidade dedicada é criada para cada célula para o gerenciamento de seus recursos. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  7. 7. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 7All rights reserved Procedimento RRM l Procedimento fundamental do gerenciamento dos recursos de radio l Controle de medidas l medidas [UE, NodeB, RNC l Relatório de medidas l Decisões l A implementação do controle de recursos PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  8. 8. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 8All rights reserved CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção de canaisão de canais CapCapíítulo 3 controle de potênciatulo 3 controle de potência CapCapíítulo 4 Gerenciamento de Mobilidadetulo 4 Gerenciamento de Mobilidade CapCapíítulo 5 Controle de Cargatulo 5 Controle de Carga CapCapíítulo 6 Controle do modo AMRtulo 6 Controle do modo AMR PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  9. 9. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 9All rights reserved CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção dos canaisão dos canais 2.1 Configura2.1 Configuraçção fundamental de canalão fundamental de canal 2.2 Configura2.2 Configuraçção dinâmica de canalão dinâmica de canal PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  10. 10. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 10All rights reserved Configuração fundamental de canalConfiguração fundamental de canal l A configuração fundamental de canal mapeia as facilidades de QoS RAB requisitadas pelo CN nos parâmetros correspondentes e modo de configuração em cada camada AS l QoS requisitada pelo CN [Classes de tráfego − Conversação − Streaming − Interativo − Background [Demanda de taxa [Demanda de Qualidade(BLER) [Atraso (time delay) PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  11. 11. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 11All rights reserved Mapeamento de QoSMapeamento de QoS DPDCH DPCCH RAB RB RB DTCH DTCH DCCH TrCHTrCH TrCH CCTrCH RLC entity Mac-d Mac-c Coding& RM&Mux Radio Bearers RLC Sublayer Logical Channels MAC Sublayer Chansport Channels Physical Layer DTCH RB¡£¡£¡£ Coding& RM&Mux TrCH Transport channels PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  12. 12. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 12All rights reserved Configuração de Parâmetros de RB e RLC l Parâmetros RB [Número RB l Parâmetros RLC [Diferentes modos de transferência RLC − Modo transparente(TM - Transparente mode ) − Modo sem reconhecimento (UM - Unacknowledged mode ) − Modo com reconhecimento (AM - Acknowledged mode ) [Diferentes parâmetros de canais lógicos PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  13. 13. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 13All rights reserved Configuração dos parâmetros MAC l Parâmetros MAC l A relação de mapeamento/multiplexagem entre canais lógicos e de transporte [Diferentes tipos e parâmetros dos canais de transporte − Canais dedicados (dedicated channel) − Canais comuns (common channel) [Diferentes configurações da entidade MAC − MAC-d/MAC-c [Configuração de prioridades da sub-camada MAC [Configuração TFCS PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  14. 14. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 14All rights reserved Configuração de parâmetros PHY l Parâmetros PHY [Relação de mapeamento dos canais de transporte para os canais físicos [Esquema de codificação − Código convolucional − Código Turbo − Sem codificação [Comprimento do interleaving [Atributos de adequação de taxas [Fator de espalhamento (SF - Spreading factor) [Offset de potência [Outros parâmetros de camada física, tais como modo de diversidade. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  15. 15. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 15All rights reserved CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção dos canaisão dos canais 2.1 Configura2.1 Configuraçção fundamental de canalão fundamental de canal 2.2 Configura2.2 Configuraçção dinâmica de canalão dinâmica de canal PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  16. 16. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 16All rights reserved Serviços BE (Best Effort)Serviços BE (Best Effort) l DCCC: Dynamic Channel Configuration Control l Objeto do DCCC: serviço melhor esforço (BE) l Facilidades dos serviços BE [A taxa dos recursos do serviço varia grandemente [Menor demanda quanto a atrasos [Maior demanda na taxa de erros de bits [RLC utiliza modo com reconhecimento (AM), assim todos os dados devem ser armazenados na memória RLC. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  17. 17. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 17All rights reserved Configuração dinâmica de canaisConfiguração dinâmica de canais MAC-d DL Transport Channel Traffic Volume Threshold Configuration in L2 RLC Signaling bearer DCH1 RLC TFC Select DCH2 Channel Switching DCCH DTCH l Objetivo do DCCC [Atender as necessidades de bandwidth dos usuários com o maior grau possível [Otimizar o uso dos recursos da interface aérea [Atender às flutuações necessárias para taxa de dados [Salvar a codificação dos recursos de canais de downlink (código OVSF) Alcançar “bandwidth on demand” PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  18. 18. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 18All rights reserved Decisão do DCCC l Decisão do DCCC [Reporte de medidas do volume de tráfego na memória RLC [Decidir se deve alterar a bandwidth usada por um UE dinamicamente em função dos resultados de medições. [Considerar se existe limitações na interface ar durante a decisão de reconfiguração. Isto é executado medindo-se a potência de transmissão do UE tanto no downlink quanto uplink. As decisões de uplink & downlink DCCC são as mesmas, mas executadas respectivamente. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  19. 19. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 19All rights reserved Implementação do DCCC l Implementação do DCCC [Reconfiguração dos canais de transporte RB − Cell-FACH-->Cell-DCH − Cell-DCH-->Cell-DCH, incluindo redução/incremento de bandwidth − Cell-DCH-->Cell-FACH l DCCC também restringe a seleção do TF na camada MAC baseado na requisição de controle de congestionamento PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  20. 20. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 20All rights reserved Efeito do DCCC l Alocação de Bandwidth sob demanda Capacidade do sistema Configuração tradicional de canais Taxa da fonte de serviço DCCC PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  21. 21. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 21All rights reserved CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção de canaisão de canais CapCapíítulo 3 Controle de potênciatulo 3 Controle de potência CapCapíítulo 4 Gerenciamento de Mobilidadetulo 4 Gerenciamento de Mobilidade CapCapíítulo 5 Controle de Cargatulo 5 Controle de Carga CapCapíítulo 6 Controle do modo AMRtulo 6 Controle do modo AMR PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  22. 22. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 22All rights reserved Efeito perto-longe (near-far) no CDMAEfeito perto-longe (near-far) no CDMA A B ω P(ω) ω P(ω) ω P(ω) ω P(ω) Prx de um usuário A ω P(ω) De-espalhamento Ptx do usuário A Potência recebida pelo NodeB O usuário comunica com sucesso O usuário B é submergido devido à forte interferência do usuário A Prx de um usuário B Ptx do usuário B PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  23. 23. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 23All rights reserved Classificação do controle de potência l Controle de potência [Controle de potência de uplink − Controle de potência de loop aberto − Controle de potência de loop fechado ▪ Inner loop power control ▪ Outer loop power control [Controle de potência de downlink − Controle de potência de loop aberto − Controle de potência de loop fechado ▪ Inner loop power control ▪ Outer loop power control PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  24. 24. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 24All rights reserved Controle de potência de Loop aberto para DPCH l Precisamente calcula a potência de transmissão inicial do inner loop necessário para diminuir o tempo de convergência l Reduz o impacto na carga do sistema Convergência inner loop power control tempo Potência tempo Potência PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  25. 25. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 25All rights reserved NodeB UE RACH BCH: potência do canal CPICH nível de interferência de UL Controle de potência de loop aberto é utilizado para decidir a potência inicial do preâmbulo PRACH de acordo com a perda na propagação. A perda no percurso é definida de acordo com a potência de transmissão do CPICH e potência recebida. Controle de potência de Loop aberto para PRACH PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  26. 26. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 26All rights reserved Controle de potência de loop aberto de UplinkControle de potência de loop aberto de Uplink NodeB UE Transmit TPC meidr&comparar SIR do sinal recebido Inner loop Set SIRtar Dados de tráfego com BLER estável pode ser conseguido Medir a BLER do canal de transporte Outer loop RNC Medir&comparar a BLER dos dados recebidos Set BLERtar 10-100Hz PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  27. 27. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 27All rights reserved BLER--SIR l O objetivo do algoritmo de PC de loop aberto é manter a qualidade da conexão a níveis definidos pela qualidade necessária ao serviço bearer (QOS). l De acordo com princípios de comunicações wireless, BLER pode ser alterada com o ambiente wireless com SIR fixo. SIR BLER Curvas diferentes correspondentes com diferentes ambientes múltiplos percursos. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  28. 28. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 28All rights reserved Controle de potência de downlink NodeB Set SIRtar Transmit TPC Medir e comparar a BLER Outer loop Inner loop UE physical layer UE Layer 3 Controle de potência de loop aberto e fechado de downlink 10-100Hz1500Hz Medir e comparar a SIR PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  29. 29. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 29All rights reserved CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção de canaisão de canais CapCapíítulo 3 Controle de potênciatulo 3 Controle de potência CapCapíítulo 4 Gerenciamento de Mobilidadetulo 4 Gerenciamento de Mobilidade CapCapíítulo 5 Controle de Cargatulo 5 Controle de Carga CapCapíítulo 6 Controle do modo AMRtulo 6 Controle do modo AMR PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  30. 30. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 30All rights reserved Modos e estados de operação do UE l O UE não tem relação com o UTRAN, e somente com o CN. Para a transferência de dados, uma conexão de sinalização deve ser estabelecida l UE fica acampado em uma dada célula [O UE fica recebendo informações do sistema da PLMN [UE pode receber mensagens de "paging" dos canais de controle da célula. [Possibilita que o UE receba serviços de broadcasting na célula. Idle Mode PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  31. 31. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 31All rights reserved l Modo ativo (active state) l Comunicação através de canais dedicados l UTRAN sabe em qual célula o UE está. Cell-DCH Cell-FACH l Modo ativo (active state) l Pequeno volume de dados a serem transferidos no uplink e no downlink. Não há a necessidade de alocação de canais de dados dedicados para esta comunicação. l O downlink utiliza FACH e o uplink utiliza RACH. l UE necessita monitorar o FACH para informações relacionadas a este. l UTRAN sabe em qual célula o UE se encontra. Modos e estados de operação do UE PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  32. 32. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 32All rights reserved Modos e estados de operação do UE l Nenhum dado a ser transmitido ou recebido. (conexão RRC existente) l Monitora PICH, para recepção de “paging” (DRX). l Diminui o consumo de potência do UE. l UTRAN sabe em qual célula o UE se encontra. l UTRAN deve atualizar as informações de célula do UE quando este se desloca para outra célula Cell-PCH PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  33. 33. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 33All rights reserved Modos e estados de operação do UE l Nenhum dado a ser transmitido ou recebido. l Monitora PICH (DRX). l UTRAN somente sabe em qual URA (UTRAN Registration Area) que o UE está. l UTRAN atualiza as informações do UE somente após o UE ter deslocado para outra URA. l Esta é uma forma de diminuir a ocupação dos recursos e transmissão de sinalização URA-PCH PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  34. 34. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 34All rights reserved Classificação do Handover Hard handover Soft handover •Intra-frequency hard handover •Inter-frequency hard handover •Inter-system handover Softer handover PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  35. 35. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 35All rights reserved UE move-se BS alvoBS servidora tempo Dados recebidos/env iados do/pelo UE Hard handoverHard handover PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  36. 36. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 36All rights reserved UE move-se BS alvoBS servidora tempo Dados recebidos/env iados do/pelo UE “GAP” de comunicação Hard handoverHard handover l Características do hard handover: [HHO causa uma desconexão temporária em serviços de tempo real (RT) e não provoca perdas em serviços que não são de tempo real. [O UE deve ser equipado com dois receptores ou suportar modo comprimido (compressed mode) para efetuar medidas entre sistemas. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  37. 37. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 37All rights reserved UE move-se BS alvoBS servidora tempo Dados recebidos/env iados do/pelo UE Soft handoverSoft handover PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  38. 38. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 38All rights reserved Soft Handover l Características do soft handover [ Seamless handover: não há desconexão do radio access bearer. [ Para permitir um nível de recepção suficiente para manter a comunicação, os sinais recebidos de múltiplas células devem ser combinados a nível de símbolo quando o UE mover-se em áreas de bordas entre células. [ O ganho de macro diversidade alcançado pela combinação de sinais recebidos no NodeB (softer handover) ou no RNC (soft handover) melhora a qualidade de sinal de uplink , diminuindo a potência de transmissão do UE. UE move-se BS alvoBS servidora tempo Dados recebidos/env iados do/pelo UE Nenhum “GAP” de comunicação PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  39. 39. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 39All rights reserved Softer Handover l Para o soft handover, a combinação de múltiplos RL utiliza maximum ratio combination (RAKE combination) no downlink e selection combination no uplink. l Quando duas células envolvidas no soft handover pertencentes a um mesmo NodeB, maximum ratio combination pode ser utilizado no uplink. Neste caso o handover é softer handover. l Softer handover possui alta prioridade nos esquemas de handover pois maximum ratio combination possui um maior ganho em relação selection combination. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  40. 40. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 40All rights reserved Soft Handover l Active set [Inclui todas as células participantes em uma conexão SHO de um terminal. l Monitored Set [Este conjunto inclui todas as células que são continuamente monitoradas/medidas pelo UE e que não estejam incluídas no active set. l Detected Set PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  41. 41. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 41All rights reserved Soft Handover PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  42. 42. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 42All rights reserved Aplicações de Hard Handover no 3G l Intra-frequency hard handover [Quando inter-RNC SHO não pode ser executado ou não é permitido. l Inter-frequency hard handover [Necessário em certas células devido ao planejamento de rede [Balanceamento de carga entre portadoras l Inter-system handover [Evolução gradativa 2G-3G [Área de cobertura finita na fase inicial do 3G PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  43. 43. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 43All rights reserved Introdução ao modo comprimido (Compressed Mode) l Compressed Mode [Células vizinhas intra-frequency podem ser medidas simultaneamente com a transmissão normal do UE utilizando receptor RAKE. [Medidas de vizinhas Inter-frequency ou inter-system necessita que o UE execute medidas em diferentes portadoras, o que pode ser feito por múltiplos receptores ou no modo comprimido. [No CM, a transmissão e a recepção normal são interrompidas por um certo período de tempo, permitindo que o UE meça outras portadoras. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  44. 44. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 44All rights reserved Compressed Mode Objetivo do modo comprimido: UE realiza medidas e sincronização com uma célula alvo quando handover inter-frequency e inter-system é necessário. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  45. 45. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 45All rights reserved Classificação do modo Comprimido l Downlink compressed mode [Para derivar intervalos para que o UE’s meça e sincronize com outras células, existem três esquemas opcionais: − SF/2 − rate matching/puncturing − higher layer scheduling l Uplink compressed mode [Para evitar interferência nas medidas e sincronismo de downlink quando o UE estiver medindo uma determinada célula. [As capacidades do UE são quem decidem se o modo comprimido é necessário, Apresenta 2 esquemas opcionais − SF/2 − higher layer scheduling. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  46. 46. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 46All rights reserved Características do modo comprimido (Compressed Mode) [Todos os parâmetros do modo comprimido são determinados pelo UTRAN. [A sua utilização deve reduzir a performance do sistema. Algoritmos complexos são necessários para decisão de quando entrar e quais parâmetros são necessários no modo comprimido. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  47. 47. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 47All rights reserved Realocação SRNS(C) l Vantagens [Reduz fluxo de dados na interface Iur [Melhora a adaptabilidade do sistema. [Reduz atrasos l Problemas [Grande volume de sinalização é necessário para a iteração CN SRNS DRNS CN RNS SRNS PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  48. 48. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 48All rights reserved CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção de canaisão de canais CapCapíítulo 3 Controle de potênciatulo 3 Controle de potência CapCapíítulo 4 Gerenciamento de Mobilidadetulo 4 Gerenciamento de Mobilidade CapCapíítulo 5 Controle de Cargatulo 5 Controle de Carga CapCapíítulo 6 Controle do modo AMRtulo 6 Controle do modo AMR PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  49. 49. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 49All rights reserved Classificação do controle de carga l Classificação técnica: [Controle de admissão de chamadas (Call Admission Control) [Balanceamento de carga entre células (Load balance) [Controle de congestionamento (Congestion control) PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  50. 50. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 50All rights reserved Admission Control (AC) l AC é utilizado na decisão se um novo RAB é admitido ou um RAB atual pode ser modificado. l Admission control (AC) é executado no uplink e downlink separadamente. l A estratégia é tal que um novo bearer é admitido somente se a carga total após a admissão permaneça abaixo de um limiar estabelecido pelo RNP. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  51. 51. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 51All rights reserved Load Balance l Load balance entre células [Load balance entre intra-frequency cells − Cell breathing [Load balance entre inter-frequency cells − Inter-frequency load balance [Controle de usuários potenciais PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  52. 52. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 52All rights reserved Cell Breathing CRNC O objetivo é o compartilhamento de carga de certas células “hot” com células limítrofes, aumentando assim o uso da capacidade do sistema cell breathing PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  53. 53. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 53All rights reserved Potential User Control l Potential user control [Evita o desbalanceamento de carga quando UEs entram no estado de dados (DCH state). Faz com que UEs no idle mode ou non-DCH connected mode acamparem células com baixa carga a priori. [Para alcançar este objetivo, a mudança dos parâmetros de seleção e re-seleção de célula dinâmicos. [Potential user control é executado pelo uso de mensagens do sistema. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  54. 54. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 54All rights reserved Congestion Control l As medidas que permitem o uso completo da capacidade do controle de admissão dos recursos do sistema, load balance entre células, packet scheduling não são suficientes para garantir estabilidade absoluta, e conseqüentemente tecnologias de controle de congestionamento devem ser introduzidas. l Objetivo [Assegurar que a carga do sistema esteja abaixo de um limiar estável absoluto. l Métodos de controle de congestionamento [Reduz temporariamente a QoS dos tráficos com baixa prioridade [Reduz temporariamente a QoS do tráfego CS em condições extremas PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  55. 55. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 55All rights reserved CapCapíítulo 1 Introdutulo 1 Introduçção ao RRMão ao RRM CapCapíítulo 2 Configuratulo 2 Configuraçção de canaisão de canais CapCapíítulo 3 Controle de potênciatulo 3 Controle de potência CapCapíítulo 4 Gerenciamento de Mobilidadetulo 4 Gerenciamento de Mobilidade CapCapíítulo 5 Controle de Cargatulo 5 Controle de Carga CapCapíítulo 6 Controle do modo AMRtulo 6 Controle do modo AMR PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  56. 56. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 56All rights reserved Codificação AMRCodificação AMR l O sistema WCDMA utiliza codificador de voz Adaptive Multi- Rate (AMR), que é uma linear prediction coding. Rate no. Sub-flow 1 block size (bit) Sub-flow 2 block size (bit) Sub-flow 3 block size (bit) Combination block size (bit) rate (kbps) 0 0 0 0 0 No data 1 39 0 0 39 SID 2 42 53 0 95 4.75 3 49 54 0 103 5.15 4 55 63 0 118 5.9 5 58 76 0 134 6.7 6 61 87 0 148 7.4 7 75 84 0 159 7.95 8 65 99 40 204 10.2 9 81 103 60 244 12.2 PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  57. 57. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 57All rights reserved MOS e CIR PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  58. 58. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 58All rights reserved AMR Speech l Características do AMR speech: [Em certos níveis de carga (que correspondem com o CIR do UE), o Mean Opinion Score (MOS) experimentados pelos usuários não aumenta linearmente com a taxa de voz que o UE utiliza. Ou seja, em certos níveis de carga, a mais apropriada taxa AMR de voz é utilizada para se conseguir o mais alto MOS. Isto não se refere à taxa mais alta, mas sim uma taxa intermediária apropriada. [Limitações da potência máxima de transmissão do UE’s restringe a cobertura de uplink AMR speech. Para aumentar esta cobertura de uplink do AMR, a taxa de uplink deve ser reduzida sem degradar a qualidade de voz do UE’s. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  59. 59. HUAWEI TECHNOLOGIES CO., LTD. Page 59All rights reserved Controle do modo AMR (AMR Mode Control) l AMR mode control deve balancear o nível de carga, e: [Reduzir a taxa AMR em condições de alto tráfego, e assim reduzir a carga do sistema e melhorar a qualidade de conversação relativa. [Aumentar a taxa AMR em condições de carga leve, aumentando-se a QoS. l O controle do modo AMR pode ser executado a cada 20ms! l Reduzir a taxa do AMR com efetivamente aumentar a cobertura de uplink. PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com
  60. 60. www.huawei.com Obrigado PDF created with pdfFactory Pro trial version www.pdffactory.com

×