O BAG-IN-BOXNA INDÚSTRIADO FOOD SERVICE
O BAG-IN-BOXNA INDÚSTRIA DO FOOD SERVICECaracterísticas e AplicaçõesRenata CanteiroDiretora Técnica e Desenvolvimento
VANTAGENSDO BAG-IN-BOXEXPERIÊNCIASATUAIS DA INDÚSTRIADEFININDO A MELHOROPÇÃO DE EMBALAGEMA EMBALAGEMNA CADEIA DE ALIMENTOS...
AEMBALAGEMNA CADEIADE ALIMENTOS
FUNÇÕES DAEMBALAGEMAPRESENTARINFORMARPROTEGER TRANSPORTARCONSERVAR
VAREJOFOOD SERVICEB2BUSO INTERNOTERCEIRIZAÇÃO(Fracionamento)TIPOS DEEMBALAGEM
SUSTENTABILIDADEEÉTICACONFIABILIDADEEQUALIDADECONVENIÊNCIAEPRATICIDADESAUDABILIDADEEBEMESTARSENSORIALEPRAZERTENDÊNCIASNA A...
EMBALAGENSATIVASFONTE: www.brasilfoodtrends.com.brAtmosfera modificadaAbsorção de O2Absorção do etilenoRedução da umidadeL...
A IMPORTÂNCIA DOFORNECEDORHIGIENE &CONSERVAÇÃODO ALIMENTO
SEGURANÇA,FLEXIBILIDADEE INOVAÇÃO.
A EMBAQUIM1º2007	2008	2009	2010	2011	2012	2013PIONEIRA NA PRODUÇÃODO SISTEMA BAG-IN-BOX
ESTRUTURA4INJETORAS5CORTE&SOLDA3EXTRUSORAS8LINHASDEACABAMENTO2DELASAUTOMÁTICASPARQUE INDUSTRIAL3.700m² área construída
GARANTIA DAQUALIDADE TESTE DE ESTANQUIEDADETESTE DE RESISTÊNCIA AO VAPORTESTE DE SOLDA DO BOCALTESTE DE PRESSÃOTESTE DE PE...
CERTIFICAÇÕESEMPRESA CERTIFICADAISO 9001ATENDE AOS REQUISITOSISO 14.000ATENDE AOS REQUISITOSISO 22.000ATENDE AOS REQUISITO...
PRÊMIOS
NORMASAPLICÁVEISResinas e aditivos100% aprovados peloFDA, Mercosul e Anvisa.Produtos fabricadosde acordo com aResolução 10...
RESOLUÇÃOLista positiva de polímeros eresinas para embalagens eequipamentos plásticos emcontato com alimentosLista positiv...
RESOLUÇÃO 105/99Limites de migração total | ALIMENTOSCLASSIFICAÇÃOTipo I	 alimentos aquosos não ácidos (pH > 5);Tipo II	 a...
RESOLUÇÃO 105/99Limites de migração total | SIMULANTESCLASSIFICAÇÃOSIMULANTE A 	 água destiladaSIMULANTE B 		 solução de á...
RESOLUÇÃO 105/99Limites de migração total | METAIS E OUTROS COMPOSTOSCLASSIFICAÇÃODeterminação da migração específica para...
VANTAGENSDO SISTEMA
O BAG-IN-BOX501960	 1970	 1980	 1990	 2000	 ... 	 2012PELA NECESSIDADE DE UMA NOVAEMBALAGEM PARA ÁGUA DE BATERIASURGIU HÁA...
VANTAGENS30%VOLUME DAEMBALAGEMVAZIAVOLUME DETRANSPORTEVOLUME DERESÍDUOS PÓSDESCARTE- 90%-80%-DESIGNINTELIGENTERECICLÁVEL10...
ESTRUTURAEDCFABLarguraComprimentoAltura
CLASSIFICAÇÃOFILMESE SUAS OPÇÕESTPO(ml/m² / 24h)TPH2O(g/m² / 24h)PEBD – Polietileno de Baixa Densidade		 100		 5PEAD - Pol...
IDENTIFICAÇÃODOPOLÍMEROFILMESE SUAS OPÇÕESRESINA OBS ODOR DENS.PONTO DEFUSÃOTESTE DE CHAMAPEBD			 Chama Azul			 Pinga como...
PEBDADESIVOADESIVOPET METALIZADOPEBDPEBDPAADESIVOADESIVOEVOHPAPEBDFILMESE SUAS OPÇÕESPET METALIZADOALTA BARREIRAPEBD
TAMPASE SUAS OPÇÕESASSÉPTICASBocal32mmPlanaBocal32mmElphoBocal55mmElpho
TAMPASE SUAS OPÇÕESINDUSTRIAISBocal55mmAlça(LacreExterno)Bocal55mRoscaBocal55mmBorboleta
TAMPASE SUAS OPÇÕESDOSADORASBocal32mmLacre(Amarela)Bocal28mmVitopBocal32mmBica
TAMPASE SUAS OPÇÕESLACRESBocal32mPressãoBocal32mmLacre(Interno)
TAMPASE SUAS OPÇÕESTUBO DOSADORBocal30mmTuboDosadorBocal10mmTuboDosador
SISTEMABAG-IN-BOXPASSO-A-PASSO
ACESSÓRIOS ENVASESUPORTEENVASEMANUAL(Vertical eHorizontal)SUPORTEENVASE(Chaminé e 2”)
ACESSÓRIOS DESENVASEVÁLVULADESENVASE(2”, Inox eMetálica)ENROLADORMETÁLICOENGATERÁPIDOCONECTOR32mmINDICADORDE NÍVEL
EXPERIÊNCIASATUAISDA INDÚSTRIA
APLICAÇÕESPOLPASSucos, Atomatados,Polpas e Concentrados	de frutas de alta e baixa acidez.
APLICAÇÕESLÁCTEOSIogurte, Creme de leite, Leite condensado,Misturas para milk shake, Sundae (sorvete),Coalhada, Leite e De...
APLICAÇÕESBEBIDASChás, Xaropes e Extrato de Café
APLICAÇÕESÓLEOSLecitina de soja, Óleo de soja,Amendoim, Prímula, Canola, Milho
APLICAÇÕESOVO LÍQUIDOOvo integral, Gema e Clara
APLICAÇÕESÁGUA DE COCOCoco-Verde
APLICAÇÕESVINHOSTinto, Branco e Suco de Uva
DEFININDOA MELHOROPÇÃO DEEMBALAGEM?
APLICAÇÃOPRODUTOPROCESSOESCOLHADA EMBALAGEM
PRODUTOTEOR DE POLPA(PARTÍCULAS) VISCOSIDADESENSIBILIDADEAO O2TEMPERATURADE ENVASEPhO2O2O2O2O2O2O2
APLICAÇÃOTEMPODE PRATELEIRASISTEMADE DISPENSAMENTOCONSUMOVOLUME
PROCESSOARMAZENAMENTOAMBIENTEDE ENVASEPRODUTIVIDADEFORMA ESPUMATRANSPORTEENVASADORACONSERVANTESNaCl
EMBALAGEMSUSTENTÁVEL
EMBALAGEMSUSTENTÁVELRECICLARREUTILIZARRECUSARREDUZIRREFLETIR5RsFONTE: ISC
EMBALAGEMSUSTENTÁVELREFLETIRREFLETIRAntes de comprar ou pedir alguma coisa,deveríamos refletir se realmente precisamos del...
EMBALAGEMSUSTENTÁVELRECUSARRECUSARRecusar materiais desnecessários que não sejambiodegradáveis, como sacolas e copos desca...
EMBALAGEMSUSTENTÁVEL REUTILIZARREUTILIZARPensar sobre as coisas que você pode reutilizar:envelopes velhos, jornais, sacola...
EMBALAGEMSUSTENTÁVELREDUZIRREDUZIRReduzir o lixo e o consumo de energia.FONTE: ISC
EMBALAGEMSUSTENTÁVEL RECICLARRECICLARReciclagem envolve a transformação de mateiaisusados, indesejados em novos produtos p...
CASEDE SUCESSO
Se a caixa é octogonal,porquê o bag também não é?CASEDE SUCESSO
Bag Ocotogonal 1000LCASEDE SUCESSO
EMBALAGEMSUSTENTÁVELAté 100L a mais na caixaRedução do manuseiodurante envaseRedução do oxigêniodentro da embalagemRedução...
SUCESSOCASEBag Döhler
OBRIGADA!RENATA CANTEIRODiretora Técnica e Desenvolvimentorenata.canteiro@embaquim.com.brTel.: + 55 11 2066 - 2333www.emba...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Bag-in-Box na Indústria do Food Service

431 visualizações

Publicada em

A indústria do Food Service tem necessidades e características muito específicas, nesse ponto o bag-in-box é um grande aliado, face as suas características técnicas e possibilidades de aplicação. Conheça um pouco mais sobre esse conceito de embalagem aplicado à cadeia de alimentos e suas vantagens técnicas e ambientais.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
431
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
17
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Bag-in-Box na Indústria do Food Service

  1. 1. O BAG-IN-BOXNA INDÚSTRIADO FOOD SERVICE
  2. 2. O BAG-IN-BOXNA INDÚSTRIA DO FOOD SERVICECaracterísticas e AplicaçõesRenata CanteiroDiretora Técnica e Desenvolvimento
  3. 3. VANTAGENSDO BAG-IN-BOXEXPERIÊNCIASATUAIS DA INDÚSTRIADEFININDO A MELHOROPÇÃO DE EMBALAGEMA EMBALAGEMNA CADEIA DE ALIMENTOSAGENDA 11/OutTipos de Filmes, Barreirase opções de TampasFunções da EmbalagemTipos de embalagensTendências da AlimentaçãoEmbalagens AtivasImportância do fornecedor A Embaquim Normas Aplicáveis
  4. 4. AEMBALAGEMNA CADEIADE ALIMENTOS
  5. 5. FUNÇÕES DAEMBALAGEMAPRESENTARINFORMARPROTEGER TRANSPORTARCONSERVAR
  6. 6. VAREJOFOOD SERVICEB2BUSO INTERNOTERCEIRIZAÇÃO(Fracionamento)TIPOS DEEMBALAGEM
  7. 7. SUSTENTABILIDADEEÉTICACONFIABILIDADEEQUALIDADECONVENIÊNCIAEPRATICIDADESAUDABILIDADEEBEMESTARSENSORIALEPRAZERTENDÊNCIASNA ALIMENTAÇÃOFONTE: www.brasilfoodtrends.com.br
  8. 8. EMBALAGENSATIVASFONTE: www.brasilfoodtrends.com.brAtmosfera modificadaAbsorção de O2Absorção do etilenoRedução da umidadeLiberação de aditivosNanotecnologiaFlavorizantesSistemas monitoradores detemperatura e crescimento microbiano
  9. 9. A IMPORTÂNCIA DOFORNECEDORHIGIENE &CONSERVAÇÃODO ALIMENTO
  10. 10. SEGURANÇA,FLEXIBILIDADEE INOVAÇÃO.
  11. 11. A EMBAQUIM1º2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013PIONEIRA NA PRODUÇÃODO SISTEMA BAG-IN-BOX
  12. 12. ESTRUTURA4INJETORAS5CORTE&SOLDA3EXTRUSORAS8LINHASDEACABAMENTO2DELASAUTOMÁTICASPARQUE INDUSTRIAL3.700m² área construída
  13. 13. GARANTIA DAQUALIDADE TESTE DE ESTANQUIEDADETESTE DE RESISTÊNCIA AO VAPORTESTE DE SOLDA DO BOCALTESTE DE PRESSÃOTESTE DE PERFURAÇÃO“DROP TEST”
  14. 14. CERTIFICAÇÕESEMPRESA CERTIFICADAISO 9001ATENDE AOS REQUISITOSISO 14.000ATENDE AOS REQUISITOSISO 22.000ATENDE AOS REQUISITOSISO 26.000RECICLAGEM DE APARASPAPEL // PLÁSTICOBUREAUVERITASEDUCAÇÃO DOSCOLABORADORESBOAS PRÁTICASDE FABRICAÇÃO
  15. 15. PRÊMIOS
  16. 16. NORMASAPLICÁVEISResinas e aditivos100% aprovados peloFDA, Mercosul e Anvisa.Produtos fabricadosde acordo com aResolução 105/99,aprovados pela TecparRESOLUÇÃORegulamento técnicodisposições gerais paraembalagens eequipamentos plásticos emcontato com alimentos105/99
  17. 17. RESOLUÇÃOLista positiva de polímeros eresinas para embalagens eequipamentos plásticos emcontato com alimentosLista positiva de aditivos paramateriais plásticos destinadosa elaboração de embalagense equipamentos em contatocom alimentosMaterial reciclado105/99
  18. 18. RESOLUÇÃO 105/99Limites de migração total | ALIMENTOSCLASSIFICAÇÃOTipo I alimentos aquosos não ácidos (pH > 5);Tipo II alimentos aquosos ácidos (pH < 5);Tipo III a. alimentos aquosos não ácidos contendo óleo ou gordura; b. alimentos aquosos ácidos contendo óleo ou gordura;Tipo IV alimentos oleosos ou gordurosos;Tipo V alimentos alcoólicos (conteúdo em álcool superior a 5% (v/v);Tipo VI alimentos sólidos secos ou de ação extrativa pouco significativa.
  19. 19. RESOLUÇÃO 105/99Limites de migração total | SIMULANTESCLASSIFICAÇÃOSIMULANTE A água destiladaSIMULANTE B solução de ácido acético em água destilada a %(m/v)SIMULANTE C solução de etanol em água destilada a 15% ou na concentração mais próxima da real de usoSIMULANTE D azeite de oliva refinado; n-heptano (1)
  20. 20. RESOLUÇÃO 105/99Limites de migração total | METAIS E OUTROS COMPOSTOSCLASSIFICAÇÃODeterminação da migração específica para metais e outros compostos(acetato de vinila, aminas aromáticas, tetrafluoretileno, bisfenol A etc.).
  21. 21. VANTAGENSDO SISTEMA
  22. 22. O BAG-IN-BOX501960 1970 1980 1990 2000 ... 2012PELA NECESSIDADE DE UMA NOVAEMBALAGEM PARA ÁGUA DE BATERIASURGIU HÁANOSATRÁS
  23. 23. VANTAGENS30%VOLUME DAEMBALAGEMVAZIAVOLUME DETRANSPORTEVOLUME DERESÍDUOS PÓSDESCARTE- 90%-80%-DESIGNINTELIGENTERECICLÁVEL100%CAPACIDADE1L1MilLITROSATÉ& FÁCILMANUSEIO
  24. 24. ESTRUTURAEDCFABLarguraComprimentoAltura
  25. 25. CLASSIFICAÇÃOFILMESE SUAS OPÇÕESTPO(ml/m² / 24h)TPH2O(g/m² / 24h)PEBD – Polietileno de Baixa Densidade 100 5PEAD - Polietileno de Alta Densidade 100 2Alta barreira– EVOH Coextrusado <3 <5PET metalizado – Dupla Laminação com PE <1,0 <1,0² ²
  26. 26. IDENTIFICAÇÃODOPOLÍMEROFILMESE SUAS OPÇÕESRESINA OBS ODOR DENS.PONTO DEFUSÃOTESTE DE CHAMAPEBD Chama Azul Pinga como vela Cheiro de vela 105 0,89 / 0,93PEAD Chama Azul Pinga como vela Cheiro de vela 130 0,94 / 0,98Polipropileno Chama amarela, Pinga como vela Cheiro Agressivo 165 0,85 / 0,92PET Chama amarela, - Manteiga rançosa 180 1,15 / 1,25Acetato de vinila Chama amarela esverdeada - - 70 / 110 0,92 / 0,95PVC flexível Chama amarela, Chama auto extinguível Cheiro de cloro 150 1,19 / 1,35Poliuretanos Bastante fumaça - Acre 230 1,2 / 1,22Nylon-6 Chama azul, Formam bolas na ponta - 215 1,12 / 1,16Nylon-66 Chama azul, Formam bolas na ponta Pena e 260 1,12 / 1,16crepita ao queimar,fumaça fuliginosafumaça mas centelhavértice verdevértice amarelo,centelhas, difíceis dequeimarvértice amarelo, centelhas,difíceis de queimarcabelo queimado
  27. 27. PEBDADESIVOADESIVOPET METALIZADOPEBDPEBDPAADESIVOADESIVOEVOHPAPEBDFILMESE SUAS OPÇÕESPET METALIZADOALTA BARREIRAPEBD
  28. 28. TAMPASE SUAS OPÇÕESASSÉPTICASBocal32mmPlanaBocal32mmElphoBocal55mmElpho
  29. 29. TAMPASE SUAS OPÇÕESINDUSTRIAISBocal55mmAlça(LacreExterno)Bocal55mRoscaBocal55mmBorboleta
  30. 30. TAMPASE SUAS OPÇÕESDOSADORASBocal32mmLacre(Amarela)Bocal28mmVitopBocal32mmBica
  31. 31. TAMPASE SUAS OPÇÕESLACRESBocal32mPressãoBocal32mmLacre(Interno)
  32. 32. TAMPASE SUAS OPÇÕESTUBO DOSADORBocal30mmTuboDosadorBocal10mmTuboDosador
  33. 33. SISTEMABAG-IN-BOXPASSO-A-PASSO
  34. 34. ACESSÓRIOS ENVASESUPORTEENVASEMANUAL(Vertical eHorizontal)SUPORTEENVASE(Chaminé e 2”)
  35. 35. ACESSÓRIOS DESENVASEVÁLVULADESENVASE(2”, Inox eMetálica)ENROLADORMETÁLICOENGATERÁPIDOCONECTOR32mmINDICADORDE NÍVEL
  36. 36. EXPERIÊNCIASATUAISDA INDÚSTRIA
  37. 37. APLICAÇÕESPOLPASSucos, Atomatados,Polpas e Concentrados de frutas de alta e baixa acidez.
  38. 38. APLICAÇÕESLÁCTEOSIogurte, Creme de leite, Leite condensado,Misturas para milk shake, Sundae (sorvete),Coalhada, Leite e Derivados
  39. 39. APLICAÇÕESBEBIDASChás, Xaropes e Extrato de Café
  40. 40. APLICAÇÕESÓLEOSLecitina de soja, Óleo de soja,Amendoim, Prímula, Canola, Milho
  41. 41. APLICAÇÕESOVO LÍQUIDOOvo integral, Gema e Clara
  42. 42. APLICAÇÕESÁGUA DE COCOCoco-Verde
  43. 43. APLICAÇÕESVINHOSTinto, Branco e Suco de Uva
  44. 44. DEFININDOA MELHOROPÇÃO DEEMBALAGEM?
  45. 45. APLICAÇÃOPRODUTOPROCESSOESCOLHADA EMBALAGEM
  46. 46. PRODUTOTEOR DE POLPA(PARTÍCULAS) VISCOSIDADESENSIBILIDADEAO O2TEMPERATURADE ENVASEPhO2O2O2O2O2O2O2
  47. 47. APLICAÇÃOTEMPODE PRATELEIRASISTEMADE DISPENSAMENTOCONSUMOVOLUME
  48. 48. PROCESSOARMAZENAMENTOAMBIENTEDE ENVASEPRODUTIVIDADEFORMA ESPUMATRANSPORTEENVASADORACONSERVANTESNaCl
  49. 49. EMBALAGEMSUSTENTÁVEL
  50. 50. EMBALAGEMSUSTENTÁVELRECICLARREUTILIZARRECUSARREDUZIRREFLETIR5RsFONTE: ISC
  51. 51. EMBALAGEMSUSTENTÁVELREFLETIRREFLETIRAntes de comprar ou pedir alguma coisa,deveríamos refletir se realmente precisamos dele.O consumo excessivo e o consumismo lideram ascausas da degradação ambiental e social.FONTE: ISC
  52. 52. EMBALAGEMSUSTENTÁVELRECUSARRECUSARRecusar materiais desnecessários que não sejambiodegradáveis, como sacolas e copos descartáveis.FONTE: ISC
  53. 53. EMBALAGEMSUSTENTÁVEL REUTILIZARREUTILIZARPensar sobre as coisas que você pode reutilizar:envelopes velhos, jornais, sacolas plásticas, etc.Doar ou vender objetos pessoais como vestuário,móveis e brinquedos. A reutilização de itensreduz o número de coisas novas que você precisacomprar e, portanto, reduz a quantidade deresíduos que se produz.FONTE: ISC
  54. 54. EMBALAGEMSUSTENTÁVELREDUZIRREDUZIRReduzir o lixo e o consumo de energia.FONTE: ISC
  55. 55. EMBALAGEMSUSTENTÁVEL RECICLARRECICLARReciclagem envolve a transformação de mateiaisusados, indesejados em novos produtos para evitaro desperdício de materiais potencialmente úteis.Apesar das estratégias utilizadas para reciclagemnão serem o caminho ideal para a sustentabilidadee a redução das emissões de CO2, elas fazemsentido no que diz respeito à conservação dosrecursos naturais escassos.FONTE: ISC
  56. 56. CASEDE SUCESSO
  57. 57. Se a caixa é octogonal,porquê o bag também não é?CASEDE SUCESSO
  58. 58. Bag Ocotogonal 1000LCASEDE SUCESSO
  59. 59. EMBALAGEMSUSTENTÁVELAté 100L a mais na caixaRedução do manuseiodurante envaseRedução do oxigêniodentro da embalagemRedução de 20% nageração de resíduo plástico+100L
  60. 60. SUCESSOCASEBag Döhler
  61. 61. OBRIGADA!RENATA CANTEIRODiretora Técnica e Desenvolvimentorenata.canteiro@embaquim.com.brTel.: + 55 11 2066 - 2333www.embaquim.com.br

×