SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 21
Baixar para ler offline
Emanoele Freitas
www.euemeuautista.blogspot.com
Tel: (21) 7832-9381 id: 933*26574
TGD – TRANSTORNO GLOBAL DO
DESENVOLVIMENTO.
O que é TGD
• Os transtornos Globais do
desenvolvimento são
considerados modernamente
como um conjunto
heterogêneo de síndromes
clínicas,tendo em comum a
tríade de comprometimentos
da interação social
recíproca, comunicação
verbal e não verbal e
comportamentos repetitivos
e estereotipados,variando
num continium, desde as
formas mais graves até as
mais leves.
Tríade de Lorna Wing
• As pessoas com TGD’s têm
três grandes grupos de
perturbações. Segundo Lorna
Wing (Wing & Gould,1979), a
tríade de perturbações
manifesta-se em três
domínios: social, linguagem
e comunicação,
pensamento e
comportamento
Desvios na interação social
– Indiferença, isolamento --> muitas vezes parecem
muito afetuosos (aproximam-se das pessoas,
abraçam-nas, etc.) mas na realidade adoptam
estes comportamentos independentemente da
pessoa, lugar ou situação…
– Incapacidade de estabelecer e/ou manter o
contato olho a olho --> induz ao relacionamento
deficiente com o outro, o que implica uma
diminuição da capacidade de imitação, crucial
para a aprendizagem.
Desvios na comunicação
– Alterações na compreensão e utilização da
comunicação não verbal (expressão facial,
entoação, mímica, etc.);
– Discurso repetitivo, muitas vezes não
comunicativo;
– Repetição automática das palavras e frases do
interlocutor (ecolalia), muitas vezes fora de
contexto, inviabilizando a comunicação.
Desvios no uso da imaginação
– Grande redução da capacidade imaginativa:
• Atividades estereotipadas e repetitivas que os impedem de
interagir adequadamente.
• Podem constituir aspectos perturbadores para estes indivíduos
as mudanças de rotina como a mudança de casa, da disposição
dos móveis ou até mesmo do percurso.
• Não brincam criativamente, chegando a passar horas
explorando um objeto específico. Crianças com inteligência
mais desenvolvida podem fixar-se por determinados assuntos
incomuns na sua faixa etária como calendários, cálculo de
datas, animais pré-históricos…
CLASSIFICAÇÕES DO TGD
DSM – DIAGNOSTIC AND STATISTICAL MANUAL OF MENTAL DISORDER
CID – CLASSIFICAÇÃO ESTATISTICA INTERNACIONAL DE DOENÇAS E
PROBLEMAS RELACIONADOS A SAÚDE.
TID – TRANSTORNO INVASIVO DO DESENVOLVIMENTO
TEA - TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTICO
CARACTERÍSTICAS DO TGD
PODEM apresentar os seguintes SINTOMAS COMPORTAMENTAIS
Hiperatividade,
Desatenção,
Impulsividade,
Agressividade,
Comportamentos auto-agressivos e
Acessos de raiva. (particularmente em crianças mais jovens)
 Distorções/alterações perceptivas
 Hiper ou hiposensibilidade
 Problemas de sono
 Distúrbios alimentares
SINAIS DE ALERTA PARA O ESPECTRO AUTISTA
COMUNICAÇÃO
• Não responde ao próprio nome.
• Não consegue dizer o que quer.
• Atraso na linguagem.
• Não atende ordens.
• Aparenta ser surdo algumas vezes.
• Não aponta, nem acena tchau.
• Falava poucas palavras e agora não fala mais
SOCIALIZAÇÃO
• Não sorri socialmente.
• Prefere brincar sozinho.
• Ele mesmo pega o que deseja.
• É muito independente.
• Faz determinadas coisas precocemente.
• Faz pouco contato com o olhar.
• ignorar as pessoas ao redor.
• Não tem interesse em brincar com as outras crianças.
COMPORTAMENTO
• Crises de raiva.
• Hiperativo, opositivo e não coopera.
• Não sabe como brincar com brinquedos.
• Pode Andar na ponta dos pés.
• Tem o hábito de se interessar demasiadamente por
determinados objetos.
• Gosta de enfileirar objetos.
• É muito sensível a determinadas texturas ou sons.
• Faz movimentos estranhos e repetitivos.
PRINCIPAIS PROBLEMAS RELACIONADOS A
APRENDIZAGEM NO TGD:
COMO FACILITAR A APRENDIZAGEM
cont
PRINCIPAIS PROBLEMAS RELACIONADOS
COM A INCLUSÃO
Comportamentos inadaptados advindos da agitação podem
prejudicar o desempenho da criança e interferir na classe. A
criança pode ter dificuldade para se manter sentada, pode fugir da
sala, ficar andando de lá pra cá, correr, entrar em estereotipias,
agredir, auto-agredir, gritar, chorar, etc.
Tais comportamentos estão relacionados com:
•Incapacidade de usar recursos comunicativos apropriadamente,
• Dificuldades para compreender o ambiente,
•baixa tolerância ás frustrações,
•desordem sensorial,
•E pode representar também a necessidade de intervenção
médica.
COMO PODEMOS AJUDAR A DIMINUIR
ESSES COMPORTAMENTOS
Horário flexível
ajuda na
adaptação em
sala.
Trabalhar em
pequenos
grupos
Posicionar o
aluno o mais
próximo
possível do
professor;
dar a ele a
oportunidade
de ser ajudante
do professor;
Elogiá-lo
sempre
Estimulá-lo a
trabalhar em
grupo,
Aprendendo a
esperar sua
vez;
Fornecer ajuda ao
aluno para que
possa trabalhar e
concentrar-se por
períodos cada vez
mais longos;
PROCURE AJUDA O DIAGNÓSTICO
PRECOCE DIMINUI
SIGNIFICATIVAMENTE OS SINTOMAS
AAPA – ASSOCIAÇÃO DE
APOI A PESSOA AUTISTA
FUNDADA EM 2011 E INICIADO
SEUS ATENDIMENTOS
TERAPEUTICOS EM 2013, A AAPA
CONTA HOJE COM UMA EQUIPE
TRANSDISCIPLINAR COMPOSTA
DE:
•PSICOPEDAGOGA
•PSICOLOGA
•FISIOTERAPEUTA
•PSICOMOTRICISTA
•TERAPEUTA COGNITIVO
COMPORTAMENTAL
•FONOAUDIOLOGA
•ARTE TERAPEUTA
•MEDIADORES
•CONTATOS: EMANOELE FREITAS
•emanoele@aapa-autismo.org..br
•TEL: (21) 2661-2050
•www.aapa-autismo.org.br
EMANOELE FREITAS
PRESIDENTE E SOCIA FUNDADORA DA
AAPA – ASSOCIAÇAO DE APOIO A
PESSOA AUTISTA
•MEDIADORA E ORIENTADORA
FAMILIAR E ESCOLAR
•ESCRITORA E PALESTRANTE DOS
ASSUNTOS RELACIONADOS A
AUTISMO, APRENDIZAGEM, FAMILIA
E SOCIEDADE.
•MAE DE OHANNA KALI DE 12 ANOS ,
NEUROTIPICA E EROS MICAEL, 10
ANOS AUTISTA LEVE ECOLALICO.
•EDUCANDA EM PEDAGOGIA.
•emanoele@aapa-autismo.org.br
•www.euemeuautista.blogspot.com
•Tel: (21) 7832-9381
• (21) 96966-7156

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Slide Autismo
Slide   AutismoSlide   Autismo
Slide AutismoUNIME
 
Pedagogia - Autismo
Pedagogia - AutismoPedagogia - Autismo
Pedagogia - AutismoAurivan
 
Diferencças entre dificuldades, transtornos e deficies de aprendizagem
Diferencças entre dificuldades, transtornos e deficies de aprendizagemDiferencças entre dificuldades, transtornos e deficies de aprendizagem
Diferencças entre dificuldades, transtornos e deficies de aprendizagemClaudinéia da Silva de Oliveira
 
Tdah slide
Tdah   slideTdah   slide
Tdah slideUNIME
 
Transtornos do neurodesenvolvimento
Transtornos do neurodesenvolvimentoTranstornos do neurodesenvolvimento
Transtornos do neurodesenvolvimentoCaio Maximino
 
Transtorno opositor desafiante
Transtorno opositor desafianteTranstorno opositor desafiante
Transtorno opositor desafianteisismaat
 
Tdah - Transtorno de Déficit de atenção e Hiperatividade - Prof. Esp. Viníciu...
Tdah - Transtorno de Déficit de atenção e Hiperatividade - Prof. Esp. Viníciu...Tdah - Transtorno de Déficit de atenção e Hiperatividade - Prof. Esp. Viníciu...
Tdah - Transtorno de Déficit de atenção e Hiperatividade - Prof. Esp. Viníciu...Vinícius Fagundes Dos Santos
 
Informações sobre Autismo
Informações sobre AutismoInformações sobre Autismo
Informações sobre AutismoTathiane Cuesta
 
Tea intervenção em contextos educativos
Tea intervenção em contextos educativosTea intervenção em contextos educativos
Tea intervenção em contextos educativoscraeditgd
 
Lidando com o autismo em sala de aula sem video
Lidando com o autismo em sala de aula sem videoLidando com o autismo em sala de aula sem video
Lidando com o autismo em sala de aula sem videocraeditgd
 
Distúrbios de aprendizagem na escola
Distúrbios de aprendizagem na escolaDistúrbios de aprendizagem na escola
Distúrbios de aprendizagem na escolamarleneevang
 

Mais procurados (20)

Slide Autismo
Slide   AutismoSlide   Autismo
Slide Autismo
 
Pedagogia - Autismo
Pedagogia - AutismoPedagogia - Autismo
Pedagogia - Autismo
 
TEA
TEATEA
TEA
 
Diferencças entre dificuldades, transtornos e deficies de aprendizagem
Diferencças entre dificuldades, transtornos e deficies de aprendizagemDiferencças entre dificuldades, transtornos e deficies de aprendizagem
Diferencças entre dificuldades, transtornos e deficies de aprendizagem
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Tdah slide
Tdah   slideTdah   slide
Tdah slide
 
Autismo: o que os profissionais precisam saber?
Autismo: o que os profissionais precisam saber?Autismo: o que os profissionais precisam saber?
Autismo: o que os profissionais precisam saber?
 
Transtornos do neurodesenvolvimento
Transtornos do neurodesenvolvimentoTranstornos do neurodesenvolvimento
Transtornos do neurodesenvolvimento
 
Autismo aula power point
Autismo aula power pointAutismo aula power point
Autismo aula power point
 
Transtorno opositor desafiante
Transtorno opositor desafianteTranstorno opositor desafiante
Transtorno opositor desafiante
 
Tdah - Transtorno de Déficit de atenção e Hiperatividade - Prof. Esp. Viníciu...
Tdah - Transtorno de Déficit de atenção e Hiperatividade - Prof. Esp. Viníciu...Tdah - Transtorno de Déficit de atenção e Hiperatividade - Prof. Esp. Viníciu...
Tdah - Transtorno de Déficit de atenção e Hiperatividade - Prof. Esp. Viníciu...
 
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação InclusivaCapacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
Capacitação de educadores e cuidadores Educação Inclusiva
 
Informações sobre Autismo
Informações sobre AutismoInformações sobre Autismo
Informações sobre Autismo
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Tea intervenção em contextos educativos
Tea intervenção em contextos educativosTea intervenção em contextos educativos
Tea intervenção em contextos educativos
 
Lidando com o autismo em sala de aula sem video
Lidando com o autismo em sala de aula sem videoLidando com o autismo em sala de aula sem video
Lidando com o autismo em sala de aula sem video
 
Transtornos da aprendizagem ufop
Transtornos da aprendizagem   ufopTranstornos da aprendizagem   ufop
Transtornos da aprendizagem ufop
 
Distúrbios de aprendizagem na escola
Distúrbios de aprendizagem na escolaDistúrbios de aprendizagem na escola
Distúrbios de aprendizagem na escola
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 

Destaque (7)

Transtornos globais do desenvolvimento
Transtornos globais do desenvolvimentoTranstornos globais do desenvolvimento
Transtornos globais do desenvolvimento
 
Transtorno global de desenvolvimento - Capacitação 2011
Transtorno global de desenvolvimento - Capacitação 2011Transtorno global de desenvolvimento - Capacitação 2011
Transtorno global de desenvolvimento - Capacitação 2011
 
Educação Inclusiva: Desafios e Possibilidades do Alunado com TGD / TEA
Educação Inclusiva: Desafios e Possibilidades do Alunado com TGD / TEAEducação Inclusiva: Desafios e Possibilidades do Alunado com TGD / TEA
Educação Inclusiva: Desafios e Possibilidades do Alunado com TGD / TEA
 
Alunos com TGD e a escola - Lugar de aprender
Alunos com TGD e a escola - Lugar de aprenderAlunos com TGD e a escola - Lugar de aprender
Alunos com TGD e a escola - Lugar de aprender
 
Transtornos Globais do Desenvolvimento
Transtornos Globais do DesenvolvimentoTranstornos Globais do Desenvolvimento
Transtornos Globais do Desenvolvimento
 
Inclusão escolar mediada: desafios e possibilidades do aluno TGD
Inclusão escolar mediada: desafios e possibilidades do aluno TGDInclusão escolar mediada: desafios e possibilidades do aluno TGD
Inclusão escolar mediada: desafios e possibilidades do aluno TGD
 
Apresentação vi congresso brasileiro de educação multidisciplinar 2011
Apresentação vi congresso brasileiro de educação multidisciplinar 2011Apresentação vi congresso brasileiro de educação multidisciplinar 2011
Apresentação vi congresso brasileiro de educação multidisciplinar 2011
 

Semelhante a TGD Sinais

Apresentaotid 110723100150-phpapp02
Apresentaotid 110723100150-phpapp02Apresentaotid 110723100150-phpapp02
Apresentaotid 110723100150-phpapp02juditezeb
 
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...Anaí Peña
 
Perturbações do espectro do autismo
Perturbações do espectro do autismoPerturbações do espectro do autismo
Perturbações do espectro do autismoamorimjuvenal
 
diferentes_deficiencias_e_seus_conceitos (1).pdf
diferentes_deficiencias_e_seus_conceitos (1).pdfdiferentes_deficiencias_e_seus_conceitos (1).pdf
diferentes_deficiencias_e_seus_conceitos (1).pdfMaykonJulio1
 
Transtornos da criança e do adolescente 3
Transtornos da criança e do adolescente 3Transtornos da criança e do adolescente 3
Transtornos da criança e do adolescente 3Inaiara Bragante
 
Apresentação tid
Apresentação tidApresentação tid
Apresentação tidgfolive
 
Avaliação Neuropsicológica Em Transtorno Global Do Desenvolvimento.pdf
Avaliação Neuropsicológica Em Transtorno Global Do Desenvolvimento.pdfAvaliação Neuropsicológica Em Transtorno Global Do Desenvolvimento.pdf
Avaliação Neuropsicológica Em Transtorno Global Do Desenvolvimento.pdfssuser07c142
 
Palestra Hélida Reis - Dia Mundial da Conscientização do Autismo/ Autismo: De...
Palestra Hélida Reis - Dia Mundial da Conscientização do Autismo/ Autismo: De...Palestra Hélida Reis - Dia Mundial da Conscientização do Autismo/ Autismo: De...
Palestra Hélida Reis - Dia Mundial da Conscientização do Autismo/ Autismo: De...Esequias Caetano
 
AUTISMO E TERAPIAS COGNITIVO- MOTORA
AUTISMO E TERAPIAS COGNITIVO- MOTORAAUTISMO E TERAPIAS COGNITIVO- MOTORA
AUTISMO E TERAPIAS COGNITIVO- MOTORAKátia Rumbelsperger
 

Semelhante a TGD Sinais (20)

Caracterização dos TGD's
Caracterização dos TGD'sCaracterização dos TGD's
Caracterização dos TGD's
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Apresentaotid 110723100150-phpapp02
Apresentaotid 110723100150-phpapp02Apresentaotid 110723100150-phpapp02
Apresentaotid 110723100150-phpapp02
 
Neuropedagogia
NeuropedagogiaNeuropedagogia
Neuropedagogia
 
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
Estudo Coletivo sobre Transtornos do Espectro Autista - Abordagem Pedagógica ...
 
Perturbações do espectro do autismo
Perturbações do espectro do autismoPerturbações do espectro do autismo
Perturbações do espectro do autismo
 
diferentes_deficiencias_e_seus_conceitos (1).pdf
diferentes_deficiencias_e_seus_conceitos (1).pdfdiferentes_deficiencias_e_seus_conceitos (1).pdf
diferentes_deficiencias_e_seus_conceitos (1).pdf
 
Transtornos da criança e do adolescente 3
Transtornos da criança e do adolescente 3Transtornos da criança e do adolescente 3
Transtornos da criança e do adolescente 3
 
Apresentação tid
Apresentação tidApresentação tid
Apresentação tid
 
ApresentaçãO Autismo
ApresentaçãO AutismoApresentaçãO Autismo
ApresentaçãO Autismo
 
Avaliação Neuropsicológica Em Transtorno Global Do Desenvolvimento.pdf
Avaliação Neuropsicológica Em Transtorno Global Do Desenvolvimento.pdfAvaliação Neuropsicológica Em Transtorno Global Do Desenvolvimento.pdf
Avaliação Neuropsicológica Em Transtorno Global Do Desenvolvimento.pdf
 
Panfletoautismo
PanfletoautismoPanfletoautismo
Panfletoautismo
 
TEA
TEA TEA
TEA
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Transtorno do Espectro Austista
Transtorno do Espectro AustistaTranstorno do Espectro Austista
Transtorno do Espectro Austista
 
Transtorno do Espectro Austista
Transtorno do Espectro AustistaTranstorno do Espectro Austista
Transtorno do Espectro Austista
 
Palestra Hélida Reis - Dia Mundial da Conscientização do Autismo/ Autismo: De...
Palestra Hélida Reis - Dia Mundial da Conscientização do Autismo/ Autismo: De...Palestra Hélida Reis - Dia Mundial da Conscientização do Autismo/ Autismo: De...
Palestra Hélida Reis - Dia Mundial da Conscientização do Autismo/ Autismo: De...
 
AUTISMO E TERAPIAS COGNITIVO- MOTORA
AUTISMO E TERAPIAS COGNITIVO- MOTORAAUTISMO E TERAPIAS COGNITIVO- MOTORA
AUTISMO E TERAPIAS COGNITIVO- MOTORA
 
Condutas
CondutasCondutas
Condutas
 

Último

música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfWALDIRENEPINTODEMACE
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMHenrique Pontes
 
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonAlgumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonRosiniaGonalves
 
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxRomero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxLuisCarlosAlves10
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturaPizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturagomescostamma
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfSandra Pratas
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 

Último (20)

música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
 
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonAlgumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
 
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptxRomero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
Romero Britto - biografia 6º ano (1).pptx
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturaPizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 

TGD Sinais

  • 1. Emanoele Freitas www.euemeuautista.blogspot.com Tel: (21) 7832-9381 id: 933*26574 TGD – TRANSTORNO GLOBAL DO DESENVOLVIMENTO.
  • 2. O que é TGD • Os transtornos Globais do desenvolvimento são considerados modernamente como um conjunto heterogêneo de síndromes clínicas,tendo em comum a tríade de comprometimentos da interação social recíproca, comunicação verbal e não verbal e comportamentos repetitivos e estereotipados,variando num continium, desde as formas mais graves até as mais leves.
  • 3. Tríade de Lorna Wing • As pessoas com TGD’s têm três grandes grupos de perturbações. Segundo Lorna Wing (Wing & Gould,1979), a tríade de perturbações manifesta-se em três domínios: social, linguagem e comunicação, pensamento e comportamento
  • 4. Desvios na interação social – Indiferença, isolamento --> muitas vezes parecem muito afetuosos (aproximam-se das pessoas, abraçam-nas, etc.) mas na realidade adoptam estes comportamentos independentemente da pessoa, lugar ou situação… – Incapacidade de estabelecer e/ou manter o contato olho a olho --> induz ao relacionamento deficiente com o outro, o que implica uma diminuição da capacidade de imitação, crucial para a aprendizagem.
  • 5. Desvios na comunicação – Alterações na compreensão e utilização da comunicação não verbal (expressão facial, entoação, mímica, etc.); – Discurso repetitivo, muitas vezes não comunicativo; – Repetição automática das palavras e frases do interlocutor (ecolalia), muitas vezes fora de contexto, inviabilizando a comunicação.
  • 6. Desvios no uso da imaginação – Grande redução da capacidade imaginativa: • Atividades estereotipadas e repetitivas que os impedem de interagir adequadamente. • Podem constituir aspectos perturbadores para estes indivíduos as mudanças de rotina como a mudança de casa, da disposição dos móveis ou até mesmo do percurso. • Não brincam criativamente, chegando a passar horas explorando um objeto específico. Crianças com inteligência mais desenvolvida podem fixar-se por determinados assuntos incomuns na sua faixa etária como calendários, cálculo de datas, animais pré-históricos…
  • 7. CLASSIFICAÇÕES DO TGD DSM – DIAGNOSTIC AND STATISTICAL MANUAL OF MENTAL DISORDER CID – CLASSIFICAÇÃO ESTATISTICA INTERNACIONAL DE DOENÇAS E PROBLEMAS RELACIONADOS A SAÚDE. TID – TRANSTORNO INVASIVO DO DESENVOLVIMENTO TEA - TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTICO
  • 8. CARACTERÍSTICAS DO TGD PODEM apresentar os seguintes SINTOMAS COMPORTAMENTAIS Hiperatividade, Desatenção, Impulsividade, Agressividade, Comportamentos auto-agressivos e Acessos de raiva. (particularmente em crianças mais jovens)  Distorções/alterações perceptivas  Hiper ou hiposensibilidade  Problemas de sono  Distúrbios alimentares
  • 9. SINAIS DE ALERTA PARA O ESPECTRO AUTISTA COMUNICAÇÃO • Não responde ao próprio nome. • Não consegue dizer o que quer. • Atraso na linguagem. • Não atende ordens. • Aparenta ser surdo algumas vezes. • Não aponta, nem acena tchau. • Falava poucas palavras e agora não fala mais
  • 10. SOCIALIZAÇÃO • Não sorri socialmente. • Prefere brincar sozinho. • Ele mesmo pega o que deseja. • É muito independente. • Faz determinadas coisas precocemente. • Faz pouco contato com o olhar. • ignorar as pessoas ao redor. • Não tem interesse em brincar com as outras crianças.
  • 11. COMPORTAMENTO • Crises de raiva. • Hiperativo, opositivo e não coopera. • Não sabe como brincar com brinquedos. • Pode Andar na ponta dos pés. • Tem o hábito de se interessar demasiadamente por determinados objetos. • Gosta de enfileirar objetos. • É muito sensível a determinadas texturas ou sons. • Faz movimentos estranhos e repetitivos.
  • 12. PRINCIPAIS PROBLEMAS RELACIONADOS A APRENDIZAGEM NO TGD:
  • 13. COMO FACILITAR A APRENDIZAGEM
  • 14. cont
  • 16. Comportamentos inadaptados advindos da agitação podem prejudicar o desempenho da criança e interferir na classe. A criança pode ter dificuldade para se manter sentada, pode fugir da sala, ficar andando de lá pra cá, correr, entrar em estereotipias, agredir, auto-agredir, gritar, chorar, etc. Tais comportamentos estão relacionados com: •Incapacidade de usar recursos comunicativos apropriadamente, • Dificuldades para compreender o ambiente, •baixa tolerância ás frustrações, •desordem sensorial, •E pode representar também a necessidade de intervenção médica.
  • 17. COMO PODEMOS AJUDAR A DIMINUIR ESSES COMPORTAMENTOS Horário flexível ajuda na adaptação em sala. Trabalhar em pequenos grupos Posicionar o aluno o mais próximo possível do professor; dar a ele a oportunidade de ser ajudante do professor; Elogiá-lo sempre Estimulá-lo a trabalhar em grupo, Aprendendo a esperar sua vez; Fornecer ajuda ao aluno para que possa trabalhar e concentrar-se por períodos cada vez mais longos;
  • 18.
  • 19. PROCURE AJUDA O DIAGNÓSTICO PRECOCE DIMINUI SIGNIFICATIVAMENTE OS SINTOMAS
  • 20. AAPA – ASSOCIAÇÃO DE APOI A PESSOA AUTISTA FUNDADA EM 2011 E INICIADO SEUS ATENDIMENTOS TERAPEUTICOS EM 2013, A AAPA CONTA HOJE COM UMA EQUIPE TRANSDISCIPLINAR COMPOSTA DE: •PSICOPEDAGOGA •PSICOLOGA •FISIOTERAPEUTA •PSICOMOTRICISTA •TERAPEUTA COGNITIVO COMPORTAMENTAL •FONOAUDIOLOGA •ARTE TERAPEUTA •MEDIADORES •CONTATOS: EMANOELE FREITAS •emanoele@aapa-autismo.org..br •TEL: (21) 2661-2050 •www.aapa-autismo.org.br
  • 21. EMANOELE FREITAS PRESIDENTE E SOCIA FUNDADORA DA AAPA – ASSOCIAÇAO DE APOIO A PESSOA AUTISTA •MEDIADORA E ORIENTADORA FAMILIAR E ESCOLAR •ESCRITORA E PALESTRANTE DOS ASSUNTOS RELACIONADOS A AUTISMO, APRENDIZAGEM, FAMILIA E SOCIEDADE. •MAE DE OHANNA KALI DE 12 ANOS , NEUROTIPICA E EROS MICAEL, 10 ANOS AUTISTA LEVE ECOLALICO. •EDUCANDA EM PEDAGOGIA. •emanoele@aapa-autismo.org.br •www.euemeuautista.blogspot.com •Tel: (21) 7832-9381 • (21) 96966-7156

Notas do Editor

  1. 12
  2. 13
  3. 14
  4. 15
  5. 16