Interpretação Bíblica da Históri - Cap 5 Daniel 7

3.160 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.160
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
116
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Interpretação Bíblica da Históri - Cap 5 Daniel 7

  1. 1. LOGO A Profecia de Daniel 7 Prof. Elvis Magno da Silva Capítulo 5
  2. 2. A Profecia de Daniel 7  Daniel 7:1-8
  3. 3. A Profecia de Daniel 7  Daniel 7:4  “O primeiro parecia um leão, e tinha as asas de águia. Eu o observei até que as suas asas foram arrancadas, e ele foi erguido do chão de modo que levantou-se sobre dois pés como um homem, e recebeu coração de homem”.
  4. 4. A Profecia de Daniel 7  Daniel 7:5  “A seguir vi um segundo animal, que tinha a aparência de um urso. Ele foi erguido por um dos seus lados, e na boca, entre os dentes, tinha três costelas. E lhe foi dito: „Levante-se e coma quanta carne puder!”.
  5. 5. A Profecia de Daniel 7  Daniel 7:6  “Depois disso, vi um outro animal, que se parecia com um leopardo. E nas costas tinha quatro asas, como asas de uma ave. Esse animal tinha quatro cabeças, e recebeu autoridade para governar”.
  6. 6. A Profecia de Daniel 7  Daniel 7:7  “Na minha visão à noite, vi ainda um quarto animal, aterrorizante, assustador e muito poderoso. Tinha grandes dentes de ferro, com as quais despedaçava e devorava suas vítimas, e pisoteava tudo o que sobrava. Era diferente de todos os animais anteriores, e tinha dez chifres”.
  7. 7. A Profecia de Daniel 7  Daniel 7:8  “Enquanto eu estava refletindo nos chifres, vi um outro chifre, pequeno, que surgiu entre eles; e três dos primeiros chifres foram arrancados para dar lugar a ele”.
  8. 8. A Profecia de Daniel 7 Símbolos Proféticos:
  9. 9. A Profecia de Daniel 7  Revendo Daniel 7:2-3.  “Daniel disse: Na minha visão à noite, eu vi os quatro ventos do céu agitando o grande mar. Quatro grandes animais, cada um diferente dos outros, subiram do mar”. Utilizando a simbologia profética:
  10. 10. A Profecia de Daniel 7  Revendo Daniel 7:2-3.  “Daniel disse: Na minha visão à noite, eu vi os quatro ventos do céu agitando o grande mar. Quatro grandes animais, cada um diferente dos outros, subiram do mar”. Utilizando a simbologia profética:  Daniel viu quatro conflitos que agitaram os povos da Terra. Quatro grandes reinos, cada um diferente dos outros, todos vindos das nações da Terra.
  11. 11. A Profecia de Daniel 7  Comparando os 4 animais com a estátua de Daniel 2: Babilônia Médo-Pércia Grécia Roma Europa
  12. 12. A Profecia de Daniel 7  O leão: Babilônia (605 – 539 a.C.).  Leão com asas é um dos símbolos mais comuns usados nos antigos monumentos de Babilônia.  Leão era considerado o rei dos animais, Babilônia foi representada pela cabeça de outro da imagem, era o primeiro e o mais nobre de todos os reinos dominantes.
  13. 13. A Profecia de Daniel 7  O urso: Medo-Persia (539 - 331 a.C.).  Depois do leão, o urso era o animal selvagem mais temido no antigo Oriente, devido sua raiva e crueldade contra os inimigos.  Tinha três costelas na boca, dando a impressão de que o urso havia acabado de atacar outro animal. As costela podem simbolizar as três maiores nações que caíram frente ao seu ataque: Babilônia, Lídia (Macedônia) e Egito.
  14. 14. A Profecia de Daniel 7  O leopardo: Grécia (331 – 168 a.C.).  Por que a Grécia foi comparada a um leopardo? 1. Rapidez e agilidade; 2. Coberto de manchas; 3. Embora menor, não tem medo de atacar um leão ou urso.  Alexandre foi conquistava com tanta velocidade seus adversários, que o leopardo precisou ser representado com asas, para simbolizar a rapidez e agilidade.  4 cabeças: a Grécia foi dividida em quatro reinos após a morte de Alexandre. Seus comandantes foram: Cassandro, Ptolomeu, Lisímaco e Selêuco.
  15. 15. A Profecia de Daniel 7  O quarto animal: Império Romano (168 – 476 d.C.).  Seu poder era tão terrível que nenhum animal podia representá-lo.  Os dentes de ferro fazem lembrar as pernas de ferro de Daniel 2.  Sua descrição – terrível, espantoso, muito forte e que fazia em pedaços outras nações, pisando-as aos pés, é uma descrição realista do Império Romano.  Assim como em Daniel 2, Daniel 7 apresenta que esse reino foi dividido em 10 partes (10 chifres): Germanos, Ostrogodos, Visigodos, Francos, Vândalos, Suevos, Burgúndios, Hérulos, Anglo-saxões e Lombardos.
  16. 16. A Profecia de Daniel 7
  17. 17. A Profecia de Daniel 7  Daniel 7:8 - “Enquanto eu estava refletindo nos chifres, vi um outro chifre, pequeno, que surgiu entre eles; e três dos primeiros chifres foram arrancados para dar lugar a ele”.  Daniel 7:23-24 –
  18. 18. A Profecia de Daniel 7  Daniel 7:8 - “Enquanto eu estava refletindo nos chifres, vi um outro chifre, pequeno, que surgiu entre eles; e três dos primeiros chifres foram arrancados para dar lugar a ele”.  Daniel 7:23-24 – “Ele me deu a seguinte explicação: „O quarto animal é um quarto reino que aparecerá na terra. Será diferente de todos os outros reinos e devorará a terra inteira, despedaçando-a e pisoteando-a. Os dez chifres são dez reis que sairão desse reino. Depois deles um outro rei se levantará, e será diferente dos primeiros reis”.
  19. 19. A Profecia de Daniel 7  Poder “diferente” que surgiria na Europa após a formação dos 10 primeiros reinos.  Obs, todos os 10 reinos eram poderes políticos.  Único poder não político que surgiu no meio da Europa foi a Igreja Romana (Cidade do Vaticano).
  20. 20. A Profecia de Daniel 7  Mais características:  O 11º chifre derruba três dos outros: Ário, um sacerdote de Alexandria, começou a ensinar que Cristo foi o primeiro ser criado e que, portanto era inferior ao Pai.  O concilio de Nicéia, conclamado por Constantino em 325d.C., condenou Ário como herege e considerou seus ensinamentos heresia. O arianismo, entretanto, continuou a crescer até que quatro dos dez reinos tornaram-se arianos em sua crença.  A Igreja Romana que adotou o Credo Niceno, empenhou-se em destruir essas nações hereges. Três delas foram exterminadas: Hérulos, Vândalos e os Ostrogodos.
  21. 21. A Profecia de Daniel 7  Mais a visão de Daniel não termina aí, Daniel 7:13-14:
  22. 22. A Profecia de Daniel 7  Mais a visão de Daniel não termina aí Daniel 7:13-14:  “Na minha visão à noite, vi alguém semelhante a um filho de um homem, vindo com as nuvens dos céus. Ele se aproximou do ancião e foi conduzido à sua presença. A ele foram dados autoridade, glória e reino; todos os povos, nações e homens de todas as línguas o adoraram. Seu domínio é um domínio eterno que não acabará, e seu reino jamais será destruído”.
  23. 23. A Profecia de Daniel 7  Assim como a Pedra em Daniel 2, aqui em Daniel 7, a visão é mais clara, Daniel vê a Jesus, vindo nas nuvens do céu, com resplendor e glória.  Se tudo aconteceu como Deus revelou a Daniel, por que o último reino não seria verdade? Preparemo-nos para este grande dia!

×