ROLAMENTOS 
Prof. Elton Ricardo
Rolamento 
Quando necessitar de mancal com 
maior velocidade e menos atrito, o mancal 
de rolamento é o mais adequado. 
Os...
Rolamento 
Os rolamentos limitam, ao máximo, as 
perdas de energia em consequência do 
atrito. 
São geralmente constituído...
Aplicações 
Apresentam uma infinidade de tipos 
para aplicação específica como: máquinas 
agrícolas, motores elétricos, má...
Aplicações 
Este elemento apresenta uma grande 
variedade de tamanhos, consequentemente 
pode ser utilizados em diversos c...
Elementos Rolantes 
Os elementos rolantes podem apresentar 4 formas: 
•Rolos Cilíndricos; 
•Rolos tipo Agulhas: As agulhas...
Elementos Rolantes
Elementos Rolantes 
De esferas - Os corpos rolantes são esferas. 
Apropriados para rotações mais elevadas.
Elementos Rolantes 
De rolos - Os corpos rolantes são formados de 
cilindros, rolos cônicos ou barriletes. Esses 
rolament...
Elementos Rolantes 
De agulhas - Os corpos rolantes são de 
pequeno diâmetro e grande comprimento. 
São recomendados para ...
Vantagens: 
• menor atrito e aquecimento; 
• baixa exigência de lubrificação; 
• intercambialidade internacional; 
• não h...
Desvantagens: 
• m aior sensibilidade aos choques; 
• maiores custo de fabricação; 
• tolerância pequena para a carcaça e ...
Seleção 
• as medidas do eixo; 
• o diâmetro interno (d); 
• o diâmetro externo (D); 
• a largura (L); 
• o tipo de solici...
Rolamento rígido de uma 
carreira de esferas 
É o mais comum dos rolamentos. Suporta 
cargas radiais e pequenas cargas axi...
Rolamento rígido de uma 
carreira de esferas
Rolamento de contato angular de 
uma carreira de esferas 
Admite cargas axiais somente em um 
sentido e deve sempre ser mo...
Rolamento de contato angular de 
uma carreira de esferas
Rolamento auto compensador de 
duas carreiras de rolos 
É um rolamento adequado aos mais 
pesados serviços. Os rolos são d...
Rolamento auto compensador de 
duas carreiras de rolos
Situações usuais
Rolamento de rolo cilíndrico 
É apropriado para cargas radiais 
elevadas. Seus componentes são 
separáveis, o que facilita...
Rolamento de rolo cilíndrico
Rolamento de rolos cônicos 
Além de cargas radiais, os rolamentos 
de rolos cônicos também suportam cargas 
axiais em um s...
Rolamento de rolos cônicos
Rolamento axial de esfera 
Ambos os tipos de rolamento axial de 
esfera (escora simples e escora dupla) 
admitem elevadas ...
Rolamento axial de esfera
Rolamento de agulha 
Possui uma seção transversal muito 
fina em comparação com os rolamentos de 
rolos comuns. Compriment...
Rolamento de agulha
Vedação 
Quanto à Vedação: 
Abertos, Selados (em um ou ambos os lados) 
e Blindados.
Rolamentos com proteção
Bucha de Fixação 
Usada para fixar rolamento de furo cônico 
em eixo cilíndrico. 
É composta por 3 partes: a bucha, uma 
p...
Bucha de Fixação
Bucha de Desmontagem 
Usada para fixar rolamento cônico em 
eixos com encosto (apoio), sendo que o 
eixo deve ter rosca, a...
Bucha de Desmontagem
CUIDADOS COM OS ROLAMENTOS 
• verificar se as dimensões do eixo e cubo 
estão corretas; 
• usar o lubrificante recomendado...
Defeitos comuns 
• desgaste; 
• fadiga; 
• falhas mecânicas
Desgaste 
• deficiência de lubrificação; 
• presença de partículas abrasivas; 
• oxidação (ferrugem); 
• desgaste por pati...
Fadiga 
A origem da fadiga está no 
deslocamento da peça, ao girar em falso. A 
peça se descasca, principalmente nos 
caso...
Falhas mecânicas 
O brinelamento é caracterizado por 
depressões correspondentes aos roletes ou 
esferas nas pistas do rol...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Rolamentos

5.647 visualizações

Publicada em

Elementos de Apoio

Publicada em: Educação
0 comentários
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.647
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
272
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
611
Comentários
0
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Rolamentos

  1. 1. ROLAMENTOS Prof. Elton Ricardo
  2. 2. Rolamento Quando necessitar de mancal com maior velocidade e menos atrito, o mancal de rolamento é o mais adequado. Os rolamentos são classificados em função dos seus elementos rolantes.
  3. 3. Rolamento Os rolamentos limitam, ao máximo, as perdas de energia em consequência do atrito. São geralmente constituídos de dois anéis concêntricos, entre os quais são colocados elementos rolantes como esferas, roletes e agulhas. .
  4. 4. Aplicações Apresentam uma infinidade de tipos para aplicação específica como: máquinas agrícolas, motores elétricos, máquinas ferramenta, compressores, construção naval, aeronáutica, etc.
  5. 5. Aplicações Este elemento apresenta uma grande variedade de tamanhos, consequentemente pode ser utilizados em diversos campos de aplicação na área industrial.
  6. 6. Elementos Rolantes Os elementos rolantes podem apresentar 4 formas: •Rolos Cilíndricos; •Rolos tipo Agulhas: As agulhas têm no máximo 5mm de diâmetro e seu comprimento é de 3 a 10 vezes maior que seu diâmetro; •Rolos Cônicos; •Esféricos.
  7. 7. Elementos Rolantes
  8. 8. Elementos Rolantes De esferas - Os corpos rolantes são esferas. Apropriados para rotações mais elevadas.
  9. 9. Elementos Rolantes De rolos - Os corpos rolantes são formados de cilindros, rolos cônicos ou barriletes. Esses rolamentos suportam cargas maiores e devem ser usados em velocidades menores.
  10. 10. Elementos Rolantes De agulhas - Os corpos rolantes são de pequeno diâmetro e grande comprimento. São recomendados para mecanismos oscilantes, onde a carga não é constante e o espaço radial é limitado.
  11. 11. Vantagens: • menor atrito e aquecimento; • baixa exigência de lubrificação; • intercambialidade internacional; • não há desgaste do eixo; • pequeno aumento da folga durante a vida útil.
  12. 12. Desvantagens: • m aior sensibilidade aos choques; • maiores custo de fabricação; • tolerância pequena para a carcaça e alojamento do eixo; • não suporta cargas tão elevadas como os mancais de deslizamento;
  13. 13. Seleção • as medidas do eixo; • o diâmetro interno (d); • o diâmetro externo (D); • a largura (L); • o tipo de solicitação; • o tipo de carga; • o número de rotação.
  14. 14. Rolamento rígido de uma carreira de esferas É o mais comum dos rolamentos. Suporta cargas radiais e pequenas cargas axiais e é apropriado para rotações mais elevadas. Sua capacidade de ajustagem angular é limitada. É necessário um perfeito alinhamento entre o eixo e os furos da caixa.
  15. 15. Rolamento rígido de uma carreira de esferas
  16. 16. Rolamento de contato angular de uma carreira de esferas Admite cargas axiais somente em um sentido e deve sempre ser montado contra outro rolamento que possa receber a carga axial no sentido contrário.
  17. 17. Rolamento de contato angular de uma carreira de esferas
  18. 18. Rolamento auto compensador de duas carreiras de rolos É um rolamento adequado aos mais pesados serviços. Os rolos são de grande diâmetro e comprimento. Devido ao alto grau de oscilação entre rolos e pistas, existe uma distribuição uniforme da carga.
  19. 19. Rolamento auto compensador de duas carreiras de rolos
  20. 20. Situações usuais
  21. 21. Rolamento de rolo cilíndrico É apropriado para cargas radiais elevadas. Seus componentes são separáveis, o que facilita a montagem e desmontagem.
  22. 22. Rolamento de rolo cilíndrico
  23. 23. Rolamento de rolos cônicos Além de cargas radiais, os rolamentos de rolos cônicos também suportam cargas axiais em um sentido. Os anéis são separáveis. O anel interno e o externo podem ser montados separadamente. Como só admitem cargas axiais em um sentido, torna-se necessário montar os anéis aos pares, um contra o outro.
  24. 24. Rolamento de rolos cônicos
  25. 25. Rolamento axial de esfera Ambos os tipos de rolamento axial de esfera (escora simples e escora dupla) admitem elevadas cargas axiais, porém, não podem ser submetidos a cargas radiais. Para que as esferas sejam guiadas firmemente em suas pistas, é necessária a atuação permanente de uma carga axial mínima.
  26. 26. Rolamento axial de esfera
  27. 27. Rolamento de agulha Possui uma seção transversal muito fina em comparação com os rolamentos de rolos comuns. Comprimento de 3 a 10 vezes o diâmetro. É utilizado especialmente quando o espaço radial é limitado.
  28. 28. Rolamento de agulha
  29. 29. Vedação Quanto à Vedação: Abertos, Selados (em um ou ambos os lados) e Blindados.
  30. 30. Rolamentos com proteção
  31. 31. Bucha de Fixação Usada para fixar rolamento de furo cônico em eixo cilíndrico. É composta por 3 partes: a bucha, uma porca e uma arruela de trava ou grampo.
  32. 32. Bucha de Fixação
  33. 33. Bucha de Desmontagem Usada para fixar rolamento cônico em eixos com encosto (apoio), sendo que o eixo deve ter rosca, assim a porca pode empurrar a bucha contra o rolamento.
  34. 34. Bucha de Desmontagem
  35. 35. CUIDADOS COM OS ROLAMENTOS • verificar se as dimensões do eixo e cubo estão corretas; • usar o lubrificante recomendado pelo fabricante; • remover rebarbas; • no caso de reaproveitamento do rolamento, deve-se lava-lo e lubrifica-lo imediatamente para evitar oxidação; • não usar estopa nas operações de limpeza;
  36. 36. Defeitos comuns • desgaste; • fadiga; • falhas mecânicas
  37. 37. Desgaste • deficiência de lubrificação; • presença de partículas abrasivas; • oxidação (ferrugem); • desgaste por patinação (girar em falso);
  38. 38. Fadiga A origem da fadiga está no deslocamento da peça, ao girar em falso. A peça se descasca, principalmente nos casos de carga excessiva.
  39. 39. Falhas mecânicas O brinelamento é caracterizado por depressões correspondentes aos roletes ou esferas nas pistas do rolamento. Resulta de aplicação da pré-carga, sem girar o rolamento, ou da prensagem do rolamento com excesso de interferência.

×