1º aula metrologia

3.626 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.626
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
969
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
364
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1º aula metrologia

  1. 1. HISTÓRICO E IMPORTÂNCIA Prof. Elton Ricardo dos Santos
  2. 2. Histórico das Medidas Baseava-se em partes do corpo humano. Como fazia o homem, cerca de 4.000 anos atrás, para medir comprimentos?
  3. 3. Histórico das Medidas
  4. 4. Histórico das Medidas
  5. 5. Histórico das Medidas
  6. 6. Histórico das Medidas
  7. 7. Histórico das Medidas
  8. 8. História do metro 1º definição: origem (1793) O metro é baseado nas medidas obtidas pelos astrônomos franceses Delambre e Machain, que utilizaram a Toesa como unidade, mediram a distância entre Dunkerque (França) e Montjuich (Espanha) e materializaram o metro-padrão em uma barra de platina seção retangular de 4,05 x 25 mm como a décima milionésima parte de um quarto do meridiano terrestre.
  9. 9. História do metro 2º definição: metro internacional (1889) Naquela época, o metro foi definido como a distância entre os dois extremos de uma barra de platina depositada nos arquivos da França e apoiada nos pontos de mínima flexão na temperatura de zero grau Celsius. Com o avanço da ciência, o padrão foi aperfeiçoado e o metro foi construído em seção transversal em X, a fim de apresentar maior estabilidade. Foram adicionados 10% de irídio, para tornar o material mais durável, e foram definidos dois traços em seu plano neutro, de maneira que a medida fosse mais perfeita.
  10. 10. História do metro 3º definição: vinculação à velocidade da luz (1983) Esta definição é recomendada pelo INMETRO no Brasil, segundo a 17 a Conferência Geral dos Pesos e Medidas de 1983. Logo, o metro é o comprimento do trajeto percorrido pela luz no vácuo durante um intervalo de tempo de 1 divido por 299.792.458 de segundo.
  11. 11. Sistema métrico decimal
  12. 12. Medir
  13. 13. Importância de medir "O conhecimento amplo e satisfatório sobre um processo ou fenômeno somente existirá quando for possível medi-lo e expressá-lo através de números". Lord Kelvin, 1883Lord Kelvin, 1883
  14. 14. Medições no dia-a-diaMedições no dia-a-dia Potência da lâmpada Temperatura da geladeira Volume de leite Tempo de cozimento Velocidade do automóvel Pressão dos pneus Volume de combustível Quantidade de arroz Consumo de energia Tamanho do peixe Dimensões das peças Rotação do motor Horário do despertador Comprimento da calça
  15. 15. Exemplo de medição 1 00 11 22 33 44 2,4 unidades mensurando instrumento de medição unidade
  16. 16. Exemplo de medição 2 tensão do gerador: 5,305 V constante do sistema de medição: 15,080 (km/h)/V velocidade: 5,305 V . 15,080 (km/h)/V = 80,0 km/h
  17. 17. O que é medir?
  18. 18. O que é medir? Medir é o procedimento experimental através do qual o valor momentâneo de uma grandeza física (mensurando) é determinado como um múltiplo e, ou uma fração de uma unidade, estabelecida por um padrão, e reconhecida internacionalmente.
  19. 19. Algumas definições • Mensurando é o objeto da medição. É a grandeza específica submetida a medição. • Indicação é o valor de uma grandeza fornecido por um sistema de medição. • Indicação direta é o número mostrado pelo sistema de medição. A indicação direta pode ou não ser apresentada na unidade do mensurando.
  20. 20. Medir para que?
  21. 21. Medir para que? • Monitorar – Observar passivamente grandezas. • Controlar – Observar, comparar e agir para manter dentro das especificações. • Investigar – Descobrir o novo, explicar, formular.
  22. 22. Medir para monitorar... • Compra e venda de produtos e serviços: – consumo de água, energia elétrica, taxímetro, combustíveis, etc. • Sinais vitais: – pressão arterial, temperatura, nível de colesterol • Atividades desportivas: – desempenho, recordes
  23. 23. Medir para monitorar...
  24. 24. Medir para controlar...
  25. 25. pressão temperatura velocidade altitude rota Medir para controlar...Medir para controlar...
  26. 26. Medir para investigar... Pequenas diferenças nas medidas, podem levar a conclusões completamente diferentes.
  27. 27. Medir para investigar... • Compreender – Descobertas científicas, estudar fenômenos; • Evoluir – Melhorar continuamente, expandir limites;
  28. 28. O processo de medição resultado da medição definição do mensurando procedimento de medição sistema de medição operadorcondições ambientais

×