Dilatacao térmica volumetrica

126 visualizações

Publicada em

Apresentação de dilatação térmica volumétrica. vídeos em https://www.youtube.com/user/eloirdecarli ou todo material em http://lief.if.ufrgs.br/pub/cref/n31_DeCarli/

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
126
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Dilatacao térmica volumetrica

  1. 1. Termologia  Termometria  Dilatação térmica  Calorimetria  Mudança de estado  Transmissão de calor  Termodinâmica
  2. 2. Dilatação Térmica  Linear;  Superficial;  Volumétrica;  Líquidos;  Gases.
  3. 3. Dilatação Térmica  Linear;  Superficial;  Volumétrica;  Líquidos;  Gases.
  4. 4. Dilatação Volumétrica • Considera-se três dimensões do sólido
  5. 5. Dilatação volumétrica A dilatação volumétrica depende de três fatores:  Composição (tipo de material);  Variação de temperatura;  Volume inicial.
  6. 6. EQUAÇÃO DA DILATAÇÃO VOLUMÉTRICA
  7. 7. Onde: ΔV = variação do volume; ΔT = variação da temperatura; γ é o coeficiente de dilatação volumétrico. EQUAÇÃO DA DILATAÇÃO VOLUMÉTRICA
  8. 8. Os líquidos sofrem dilatações. Uma vez que não têm forma própria adquirem a forma do recipiente. Dilatação dos Líquidos
  9. 9. O conjunto (recipiente + líquido) ao ter sua temperatura aumentada, tem-se a sensação de que apenas o líquido teve seu volume aumentado. Mas, na verdade, ambos os corpos, em diferentes estados físicos, sofrem dilatação. Como o líquido sofre uma maior variação de volume o que se observa é a dilatação aparente (ΔVaparente) do líquido.
  10. 10. Para calcular a dilatação real (ΔVlíquido), precisa-se considerar a dilatação do recipiente (ΔVrecipiente). A dilatação real do líquido é a dilatação aparente, somada à dilatação do recipiente. ΔVlíquido = ΔVaparente + ΔVrecipiente
  11. 11. Para que os balões possam levantar voo o gás que preenche o seu conteúdo deve ser aquecido. A expansão volumétrica é tão intensa, que a densidade do gás dentro do balão torna-se menor que a densidade do ar da atmosfera, fazendo com que o balão comece a flutuar. Dilatação dos Gases
  12. 12. Dilatação anômala da água • A água não se comporta termicamente como a maioria dos líquidos
  13. 13. Dilatação anômala da água • A água apresenta um comportamento excepcional , contraindo-se quando aquecida de 0 °C a 4 °C .
  14. 14. Consequências • Superfícies de lagos congelados
  15. 15. • Garrafa cheia de refrigerante quebrada após ter sido congelada, pois o gelo ocupa um volume maior que a água
  16. 16. Explicação • A elevação da temperatura da água provoca um aumento na agitação molecular que tende a romper as pontes de hidrogênio , aproximando as moléculas .
  17. 17. Outras substâncias que apresentam comportamento semelhante • Experimentos para Te, Ga, Bi, S e Ge15 Te85 , e simulações para a sílica, silício e BeF2 mostram que eles apresentam anomalias como a água.
  18. 18. Outras propriedades anômalas da água • Embora corriqueira a água não é um líquido comum, apresentando 69 comportamentos anômalos, não presentes em outros líquidos. Como por ex: calor específico, compressibilidade, difusão, etc. http://www1.lsbu.ac.uk/water/water_structure_science.htmlFonte:

×