SlideShare uma empresa Scribd logo

Modelo para elaboração de memorial descritivo

Elicio  Lima
Elicio  Lima
Elicio LimaProfessor em Secretaria Educação de Estado São Paulo

Modelo para elaboração de memorial descritivo

1 de 3
Baixar para ler offline
MODELO PARA ELABORAÇÃO DE MEMORIAL DESCRITIVO
                MODEL FOR THE PREPARATION OF MEMORIAL DESCRIPTION
       MODELO PARA LA ELABORACIÓN DE DESCRIPCIÓN DE MEMORIA




1. INTRODUÇÃO:


O MEMORIAL DESCRITIVO é um documento autobiográfico que descreve, analisa,
quantifica e qualifica os acontecimentos sobre a trajetória no processo acadêmico, profissional e
intelectual de um candidato a um cargo público ou mesmo a um cargo em instituição de caráter
privado e ainda a um processo de seleção de Mestrado e de Doutorado. Deve incluir as fases de
formação do candidato, ser destacadas as experiências no âmbito da atividade profissional,
avaliando-se sua repercussão na vida pessoal. Deve ser destacado as suas intenções em participar
e obter o certificado de nível superior no curso sequencial de formação específica, e/ou pós-
graduação. Destacamos neste site um modelo que pode se utilizado como base e referencial para
a elaboração do seu memorial descritivo. Portanto, faça a adequação de acordo com seus dados.
Veja o nosso memorial no site: http://pt.scribd.com/doc/95375134/Memorial-Descritivo


                                                                             *Elicio Gomes Lima

INTRODUCTION: THE MEMORIAL DESCRIPTION is an autobiographical document that
describes, analyzes, quantifies and qualifies the events on the trajectory in their academic,
professional and intellectual of a candidate for public office or even a job in private-sector body.
Must include the applicant's training phases, be highlighted within the experiences of
professional activity, assessing its impact on personal life. It should be noted their intentions to
participate and obtain the certificate-level course in sequence specific training and / or graduate
school. We highlight this site a model that can be used as a basis and reference for the
elaboration of his descriptive history. Therefore, make the adjustment according to your data.
See our memorial on the site: http://pt.scribd.com/doc/95375134/Memorial-Descritivo


INTRODUCCIÓN: LA DESCRIPCIÓN DEL MEMORIAL es un documento autobiográfico que
describe, analiza, cuantifica y califica los hechos en la trayectoria de su desarrollo académico,
profesional e intelectual de un candidato para un cargo público o incluso un trabajo en el sector
privado cuerpo. Debe incluir las fases de la demandante de capacitación, se destacó dentro de las
experiencias de la actividad profesional, la evaluación de su impacto en la vida personal. Debe
tenerse en cuenta sus intenciones de participar y obtener el certificado del curso de nivel en la
formación de secuencia específica y / o estudios de posgrado. Destacamos este sitio un modelo
que puede ser utilizado como base y referencia para la elaboración de su historia descriptiva. Por
lo tanto, realizar el ajuste de acuerdo a sus datos. Vea nuestro monumento en el sitio:
http://pt.scribd.com/doc/95375134/Memorial-Descritivo
2. COMO ESTRUTURAR O MEMORIAL DESCRITIVO:

a). Elaboração da Capa - A capa do Memorial descritivo deve conter os seguintes elementos
de identificação do candidato:


a) Nome Completo do candidato;
b) Título do Memorial;
c) Local; e,
d) Data.

b). SUMÁRIO DO MEMORIAL DESCRITIVO:

Apresentar a relação das seções do Memorial, na ordem em que aparecem no documento.
O sumário deve figurar em folha distinta, logo após da Capa, contendo os seguintes dados:

a) O indicativo da numeração da seção;
b) Título da seção;
c) O número da página da seção.

c). CORPO DO MEMORIAL DESCRITIVO:

Um cabeçalho, contendo o título e a data, e os dados subdivididos em seções compõem o corpo
do Memorial. O corpo do Memorial é apresentado na forma narrativa na primeira pessoa do
singular, com a idéia de transformar a trajetória acadêmico-profissional do candidato num relato
em que possibilitará a observação dos fatos marcantes e méritos, resgatando as ações exercidas e
as finalidades e motivos pelos quais foram desenvolvidas.
As seguintes descrições podem fazer parte do corpo do Memorial:

a) Formação, aperfeiçoamento e atualização;

b) Atividades técnico-científicas, artístico-culturais e de prestação de serviços especializados à
sociedade;

c) Atividades docentes;

d) Atividades de administração;

e) Títulos, homenagens e aprovação em concursos;

f) Produção científica, literária e artística.
E ao finalizar o memorial descritivo, o elaborador deve especificar quais os motivos, as razões e
as perspectivas em candidatar-se a uma vaga em um curso sequencial de formação específica
e/ou pós-graduação, ou processo de seleção.
3. APRESENTAÇÃO GRÁFICA


Formato:

1. Papel branco A4 (210 x 297 mm).
2. Margens externas.
3. Superior: 3 cm;
4. Inferior: 3 cm;
5. Esquerda: 3 cm;
6. Direita: 2 cm.

Entrelinhamento no texto:

1. Espaçamento 1,5 entre linhas.
2. Fonte e tamanho da letra
2. Preferencialmente Times New Roman 12 ou Arial 11.




* Mestre em Educação pela UNICAMP – Universidade Estadual de Campinas/SP. Professor convidado
do UNASP-EC – Centro Universitário Adventista de São Paulo e docente efetivo da rede pública
Estadual e Municipal de São Paulo. Contato: elicio.lima@bol.com.br.

Recomendados

Memorial acadêmico
Memorial acadêmicoMemorial acadêmico
Memorial acadêmicoCNSR
 
Modelo de memorial pps
Modelo de memorial ppsModelo de memorial pps
Modelo de memorial ppsikebana
 
Plano de trabalho para Gestão Escolar
Plano de trabalho para Gestão EscolarPlano de trabalho para Gestão Escolar
Plano de trabalho para Gestão EscolarBelister Paulino
 
Discurso de Formatura
Discurso de FormaturaDiscurso de Formatura
Discurso de FormaturaJuliana Gulka
 
Educação formal e não formal
Educação formal e não formalEducação formal e não formal
Educação formal e não formalAna Vilalva
 
Aula 9. modelo de plano de aula
Aula 9. modelo de plano de aulaAula 9. modelo de plano de aula
Aula 9. modelo de plano de aulaKarlla Costa
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Relato memorial sobre a minha educação
Relato memorial sobre a minha educaçãoRelato memorial sobre a minha educação
Relato memorial sobre a minha educaçãoCélia Tavares
 
Projeto de pesquisa exemplo
Projeto de pesquisa   exemploProjeto de pesquisa   exemplo
Projeto de pesquisa exemploFelipe Pereira
 
96546552 atividade-07-memorial-descritivo
96546552 atividade-07-memorial-descritivo96546552 atividade-07-memorial-descritivo
96546552 atividade-07-memorial-descritivoSheilaalves2014
 
Jogos e Dinâmicas de Grupo - Pessoa com Deficiência
Jogos e Dinâmicas de Grupo - Pessoa com DeficiênciaJogos e Dinâmicas de Grupo - Pessoa com Deficiência
Jogos e Dinâmicas de Grupo - Pessoa com DeficiênciaRosane Domingues
 
Relatorio de estágio do ensino médio
Relatorio de estágio do ensino médio Relatorio de estágio do ensino médio
Relatorio de estágio do ensino médio Giselle Coutinho
 
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacionalSequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacionalAdriana Melo
 
DISCURSO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO - Prof. Noe Assunção
DISCURSO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO - Prof. Noe AssunçãoDISCURSO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO - Prof. Noe Assunção
DISCURSO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO - Prof. Noe AssunçãoProf. Noe Assunção
 
Sequência didática na educação infantil
Sequência didática na educação infantil Sequência didática na educação infantil
Sequência didática na educação infantil Luiza Carvalho
 
Ficha de avaliação
Ficha de avaliaçãoFicha de avaliação
Ficha de avaliaçãoIsa ...
 
Relatório de observação
Relatório de observaçãoRelatório de observação
Relatório de observaçãoArte Tecnologia
 

Mais procurados (20)

Aulas de protagonismo juvenil ef
Aulas de protagonismo juvenil efAulas de protagonismo juvenil ef
Aulas de protagonismo juvenil ef
 
Relato memorial sobre a minha educação
Relato memorial sobre a minha educaçãoRelato memorial sobre a minha educação
Relato memorial sobre a minha educação
 
Projeto de pesquisa exemplo
Projeto de pesquisa   exemploProjeto de pesquisa   exemplo
Projeto de pesquisa exemplo
 
96546552 atividade-07-memorial-descritivo
96546552 atividade-07-memorial-descritivo96546552 atividade-07-memorial-descritivo
96546552 atividade-07-memorial-descritivo
 
Relatorio final pronto!
Relatorio final pronto!Relatorio final pronto!
Relatorio final pronto!
 
Metodologias ativas
Metodologias ativas Metodologias ativas
Metodologias ativas
 
Jogos e Dinâmicas de Grupo - Pessoa com Deficiência
Jogos e Dinâmicas de Grupo - Pessoa com DeficiênciaJogos e Dinâmicas de Grupo - Pessoa com Deficiência
Jogos e Dinâmicas de Grupo - Pessoa com Deficiência
 
Relatorio de estágio do ensino médio
Relatorio de estágio do ensino médio Relatorio de estágio do ensino médio
Relatorio de estágio do ensino médio
 
Texto cerimonia formatura 2016
Texto cerimonia formatura 2016Texto cerimonia formatura 2016
Texto cerimonia formatura 2016
 
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacionalSequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
 
BNCC na prática
BNCC na práticaBNCC na prática
BNCC na prática
 
Educação inclusiva
Educação inclusivaEducação inclusiva
Educação inclusiva
 
Projeto familia na escola
Projeto familia na escolaProjeto familia na escola
Projeto familia na escola
 
Projeto de vida
Projeto de vidaProjeto de vida
Projeto de vida
 
DISCURSO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO - Prof. Noe Assunção
DISCURSO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO - Prof. Noe AssunçãoDISCURSO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO - Prof. Noe Assunção
DISCURSO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO - Prof. Noe Assunção
 
Plano de ação 2011
Plano de ação 2011Plano de ação 2011
Plano de ação 2011
 
Projeto de vida
Projeto de vidaProjeto de vida
Projeto de vida
 
Sequência didática na educação infantil
Sequência didática na educação infantil Sequência didática na educação infantil
Sequência didática na educação infantil
 
Ficha de avaliação
Ficha de avaliaçãoFicha de avaliação
Ficha de avaliação
 
Relatório de observação
Relatório de observaçãoRelatório de observação
Relatório de observação
 

Destaque

Memorial Descritivo Residencial - Projeto II
Memorial Descritivo Residencial -  Projeto IIMemorial Descritivo Residencial -  Projeto II
Memorial Descritivo Residencial - Projeto IIMoema L. B. Afonso
 
Memorial descritivo perim 20102013(2b) (1)
Memorial descritivo perim 20102013(2b) (1)Memorial descritivo perim 20102013(2b) (1)
Memorial descritivo perim 20102013(2b) (1)Cida Perim
 
Memorial profissional do josé antonio
Memorial profissional do josé antonioMemorial profissional do josé antonio
Memorial profissional do josé antoniojapquimica
 
Relatório 1º Sem2
Relatório 1º Sem2Relatório 1º Sem2
Relatório 1º Sem2Amaloan
 
Memorial - Flávia
Memorial - FláviaMemorial - Flávia
Memorial - FláviaFelipe Rosa
 
Memorial descritivo Corpo de Bombeiros
Memorial descritivo Corpo de BombeirosMemorial descritivo Corpo de Bombeiros
Memorial descritivo Corpo de BombeirosPaulo H Bueno
 
Relatório de qualificação uma análise discursiva de não tenho culpa que a vid...
Relatório de qualificação uma análise discursiva de não tenho culpa que a vid...Relatório de qualificação uma análise discursiva de não tenho culpa que a vid...
Relatório de qualificação uma análise discursiva de não tenho culpa que a vid...Elza Carolina Beckman Pieper
 
Memorial descritivo residencial
Memorial descritivo residencialMemorial descritivo residencial
Memorial descritivo residencialMarlon Lopes
 

Destaque (9)

Memorial Descritivo Residencial - Projeto II
Memorial Descritivo Residencial -  Projeto IIMemorial Descritivo Residencial -  Projeto II
Memorial Descritivo Residencial - Projeto II
 
Memorial descritivo perim 20102013(2b) (1)
Memorial descritivo perim 20102013(2b) (1)Memorial descritivo perim 20102013(2b) (1)
Memorial descritivo perim 20102013(2b) (1)
 
Memorial profissional do josé antonio
Memorial profissional do josé antonioMemorial profissional do josé antonio
Memorial profissional do josé antonio
 
Relatório 1º Sem2
Relatório 1º Sem2Relatório 1º Sem2
Relatório 1º Sem2
 
Memorial - Flávia
Memorial - FláviaMemorial - Flávia
Memorial - Flávia
 
Memorial descritivo Corpo de Bombeiros
Memorial descritivo Corpo de BombeirosMemorial descritivo Corpo de Bombeiros
Memorial descritivo Corpo de Bombeiros
 
Memorial descritivo
Memorial descritivoMemorial descritivo
Memorial descritivo
 
Relatório de qualificação uma análise discursiva de não tenho culpa que a vid...
Relatório de qualificação uma análise discursiva de não tenho culpa que a vid...Relatório de qualificação uma análise discursiva de não tenho culpa que a vid...
Relatório de qualificação uma análise discursiva de não tenho culpa que a vid...
 
Memorial descritivo residencial
Memorial descritivo residencialMemorial descritivo residencial
Memorial descritivo residencial
 

Semelhante a Modelo para elaboração de memorial descritivo

3C - Curriculum Vitae, Carta de Apresentação, Cartão de Visita
3C - Curriculum Vitae, Carta de Apresentação, Cartão de Visita3C - Curriculum Vitae, Carta de Apresentação, Cartão de Visita
3C - Curriculum Vitae, Carta de Apresentação, Cartão de VisitaNuno Laginhas
 
Construir um pra
Construir um praConstruir um pra
Construir um praLara2008
 
Curriculum Vitae, Sónia Nogueira (CLC)
Curriculum Vitae, Sónia Nogueira (CLC)Curriculum Vitae, Sónia Nogueira (CLC)
Curriculum Vitae, Sónia Nogueira (CLC)efaesan
 
Relatório de estágio supervisionado técnico em administração 2011
Relatório de estágio supervisionado técnico em administração 2011Relatório de estágio supervisionado técnico em administração 2011
Relatório de estágio supervisionado técnico em administração 2011Gabriela Rocha
 
Modelo de memorial descritivo23
Modelo de memorial descritivo23Modelo de memorial descritivo23
Modelo de memorial descritivo23Suellen Ferreira
 
Projeto portfólio 5 semestre dolly
Projeto portfólio 5 semestre dollyProjeto portfólio 5 semestre dolly
Projeto portfólio 5 semestre dollypablonaba
 
Guia do Projeto Discente 5 semestre 2015 01
Guia do Projeto Discente 5 semestre 2015 01Guia do Projeto Discente 5 semestre 2015 01
Guia do Projeto Discente 5 semestre 2015 01pablonaba
 
Plano ensino versao_aluno
Plano ensino versao_alunoPlano ensino versao_aluno
Plano ensino versao_alunoAulas Abel
 
Como elaborar relatorio_de_estagio_engenharias_2021_v3
Como elaborar relatorio_de_estagio_engenharias_2021_v3Como elaborar relatorio_de_estagio_engenharias_2021_v3
Como elaborar relatorio_de_estagio_engenharias_2021_v3DatabookGaleao
 

Semelhante a Modelo para elaboração de memorial descritivo (15)

3C - Curriculum Vitae, Carta de Apresentação, Cartão de Visita
3C - Curriculum Vitae, Carta de Apresentação, Cartão de Visita3C - Curriculum Vitae, Carta de Apresentação, Cartão de Visita
3C - Curriculum Vitae, Carta de Apresentação, Cartão de Visita
 
Construir um pra
Construir um praConstruir um pra
Construir um pra
 
Curriculum Vitae, Sónia Nogueira (CLC)
Curriculum Vitae, Sónia Nogueira (CLC)Curriculum Vitae, Sónia Nogueira (CLC)
Curriculum Vitae, Sónia Nogueira (CLC)
 
Relatório de estágio supervisionado técnico em administração 2011
Relatório de estágio supervisionado técnico em administração 2011Relatório de estágio supervisionado técnico em administração 2011
Relatório de estágio supervisionado técnico em administração 2011
 
Como fazer um Curriculum vitae
Como fazer um Curriculum vitaeComo fazer um Curriculum vitae
Como fazer um Curriculum vitae
 
Modelo de memorial descritivo23
Modelo de memorial descritivo23Modelo de memorial descritivo23
Modelo de memorial descritivo23
 
Projeto portfólio 5 semestre dolly
Projeto portfólio 5 semestre dollyProjeto portfólio 5 semestre dolly
Projeto portfólio 5 semestre dolly
 
Gill memorial
Gill memorialGill memorial
Gill memorial
 
Manual pim iii
Manual pim iiiManual pim iii
Manual pim iii
 
Produção
ProduçãoProdução
Produção
 
Modelo memorial declaracao
Modelo memorial declaracaoModelo memorial declaracao
Modelo memorial declaracao
 
Guia do Projeto Discente 5 semestre 2015 01
Guia do Projeto Discente 5 semestre 2015 01Guia do Projeto Discente 5 semestre 2015 01
Guia do Projeto Discente 5 semestre 2015 01
 
Apresentação final 2016.2.ppt [modo de compatibilidade]
Apresentação final 2016.2.ppt [modo de compatibilidade]Apresentação final 2016.2.ppt [modo de compatibilidade]
Apresentação final 2016.2.ppt [modo de compatibilidade]
 
Plano ensino versao_aluno
Plano ensino versao_alunoPlano ensino versao_aluno
Plano ensino versao_aluno
 
Como elaborar relatorio_de_estagio_engenharias_2021_v3
Como elaborar relatorio_de_estagio_engenharias_2021_v3Como elaborar relatorio_de_estagio_engenharias_2021_v3
Como elaborar relatorio_de_estagio_engenharias_2021_v3
 

Mais de Elicio Lima

Conceito de poder e autoridade
Conceito de poder e autoridadeConceito de poder e autoridade
Conceito de poder e autoridadeElicio Lima
 
ABORDAGENS TEÓRICAS E METODOLÓGICAS: Tendencias educacionais
 ABORDAGENS  TEÓRICAS E METODOLÓGICAS: Tendencias educacionais ABORDAGENS  TEÓRICAS E METODOLÓGICAS: Tendencias educacionais
ABORDAGENS TEÓRICAS E METODOLÓGICAS: Tendencias educacionaisElicio Lima
 
TENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS: Conceitos e Terminologias
TENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS: Conceitos e TerminologiasTENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS: Conceitos e Terminologias
TENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS: Conceitos e TerminologiasElicio Lima
 
Abordagens pedagógicas
Abordagens pedagógicasAbordagens pedagógicas
Abordagens pedagógicasElicio Lima
 
O que é conhecimento?
O que é conhecimento?O que é conhecimento?
O que é conhecimento?Elicio Lima
 
Geografia regional
Geografia regional Geografia regional
Geografia regional Elicio Lima
 
Conceito de projetos
Conceito de projetosConceito de projetos
Conceito de projetosElicio Lima
 
Avaliação ensino médio. professor elicio
Avaliação ensino médio. professor elicioAvaliação ensino médio. professor elicio
Avaliação ensino médio. professor elicioElicio Lima
 
Formação de professores:O que é formação?
Formação de professores:O que é formação?Formação de professores:O que é formação?
Formação de professores:O que é formação?Elicio Lima
 
Formação docente e os valores de sustentação
Formação docente e os valores de sustentaçãoFormação docente e os valores de sustentação
Formação docente e os valores de sustentaçãoElicio Lima
 
Educação: tecnologia da informação e da comunicação na realidade brasileira
Educação: tecnologia da informação e da comunicação na realidade brasileiraEducação: tecnologia da informação e da comunicação na realidade brasileira
Educação: tecnologia da informação e da comunicação na realidade brasileiraElicio Lima
 
Revolta estrutural
Revolta estruturalRevolta estrutural
Revolta estruturalElicio Lima
 
Mobilização social 2013
Mobilização social 2013Mobilização social 2013
Mobilização social 2013Elicio Lima
 
Texto de opinião
Texto de opiniãoTexto de opinião
Texto de opiniãoElicio Lima
 
Alfabetização tecnologica
Alfabetização tecnologicaAlfabetização tecnologica
Alfabetização tecnologicaElicio Lima
 
Para que avaliação da aprendizagem disciplinar ou transformar
Para que avaliação da aprendizagem disciplinar ou transformarPara que avaliação da aprendizagem disciplinar ou transformar
Para que avaliação da aprendizagem disciplinar ou transformarElicio Lima
 
Entre a doutrina e o slogan
Entre a doutrina e o sloganEntre a doutrina e o slogan
Entre a doutrina e o sloganElicio Lima
 
Modelo de proposta para trabalho pedagógico
Modelo de proposta para trabalho pedagógicoModelo de proposta para trabalho pedagógico
Modelo de proposta para trabalho pedagógicoElicio Lima
 
Diretrizes curriculares nacionais para a educação
Diretrizes curriculares nacionais para a educaçãoDiretrizes curriculares nacionais para a educação
Diretrizes curriculares nacionais para a educaçãoElicio Lima
 

Mais de Elicio Lima (20)

Conceito de poder e autoridade
Conceito de poder e autoridadeConceito de poder e autoridade
Conceito de poder e autoridade
 
ABORDAGENS TEÓRICAS E METODOLÓGICAS: Tendencias educacionais
 ABORDAGENS  TEÓRICAS E METODOLÓGICAS: Tendencias educacionais ABORDAGENS  TEÓRICAS E METODOLÓGICAS: Tendencias educacionais
ABORDAGENS TEÓRICAS E METODOLÓGICAS: Tendencias educacionais
 
TENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS: Conceitos e Terminologias
TENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS: Conceitos e TerminologiasTENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS: Conceitos e Terminologias
TENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS: Conceitos e Terminologias
 
Abordagens pedagógicas
Abordagens pedagógicasAbordagens pedagógicas
Abordagens pedagógicas
 
O que é conhecimento?
O que é conhecimento?O que é conhecimento?
O que é conhecimento?
 
Geografia regional
Geografia regional Geografia regional
Geografia regional
 
Conceito de projetos
Conceito de projetosConceito de projetos
Conceito de projetos
 
Avaliação ensino médio. professor elicio
Avaliação ensino médio. professor elicioAvaliação ensino médio. professor elicio
Avaliação ensino médio. professor elicio
 
Formação de professores:O que é formação?
Formação de professores:O que é formação?Formação de professores:O que é formação?
Formação de professores:O que é formação?
 
Formação docente e os valores de sustentação
Formação docente e os valores de sustentaçãoFormação docente e os valores de sustentação
Formação docente e os valores de sustentação
 
Educação: tecnologia da informação e da comunicação na realidade brasileira
Educação: tecnologia da informação e da comunicação na realidade brasileiraEducação: tecnologia da informação e da comunicação na realidade brasileira
Educação: tecnologia da informação e da comunicação na realidade brasileira
 
Revolta estrutural
Revolta estruturalRevolta estrutural
Revolta estrutural
 
Mobilização social 2013
Mobilização social 2013Mobilização social 2013
Mobilização social 2013
 
Palco da vida
Palco da vidaPalco da vida
Palco da vida
 
Texto de opinião
Texto de opiniãoTexto de opinião
Texto de opinião
 
Alfabetização tecnologica
Alfabetização tecnologicaAlfabetização tecnologica
Alfabetização tecnologica
 
Para que avaliação da aprendizagem disciplinar ou transformar
Para que avaliação da aprendizagem disciplinar ou transformarPara que avaliação da aprendizagem disciplinar ou transformar
Para que avaliação da aprendizagem disciplinar ou transformar
 
Entre a doutrina e o slogan
Entre a doutrina e o sloganEntre a doutrina e o slogan
Entre a doutrina e o slogan
 
Modelo de proposta para trabalho pedagógico
Modelo de proposta para trabalho pedagógicoModelo de proposta para trabalho pedagógico
Modelo de proposta para trabalho pedagógico
 
Diretrizes curriculares nacionais para a educação
Diretrizes curriculares nacionais para a educaçãoDiretrizes curriculares nacionais para a educação
Diretrizes curriculares nacionais para a educação
 

Último

O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!Psyc company
 
RUGAS: MARCAS DE EXPRESSÃO DA VIDA (UM ULTIMATO SOBRE O TEMPO!)
RUGAS: MARCAS DE EXPRESSÃO DA VIDA (UM ULTIMATO SOBRE O TEMPO!)RUGAS: MARCAS DE EXPRESSÃO DA VIDA (UM ULTIMATO SOBRE O TEMPO!)
RUGAS: MARCAS DE EXPRESSÃO DA VIDA (UM ULTIMATO SOBRE O TEMPO!)Adriano De Souza Sobrenome
 
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptxTEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptxAssisTeixeira2
 
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEISCIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEISColaborar Educacional
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoTrovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoPaula Meyer Piagentini
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfalexandrerodriguespk
 
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...pj989014
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdfLINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdfAnaRitaFreitas7
 
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...AaAssessoriadll
 
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIACOMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIAHisrelBlog
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...manoelaarmani
 
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docxPLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docxfran50171
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba InicialTeresaCosta92
 
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfApresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfAndreiaSilva852193
 
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfQ20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfPedroGual4
 
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docxPROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docxssuser86fd77
 

Último (20)

O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
O Guia Definitivo para Investir em Bitcoin: Domine o Mercado Hoje!
 
RUGAS: MARCAS DE EXPRESSÃO DA VIDA (UM ULTIMATO SOBRE O TEMPO!)
RUGAS: MARCAS DE EXPRESSÃO DA VIDA (UM ULTIMATO SOBRE O TEMPO!)RUGAS: MARCAS DE EXPRESSÃO DA VIDA (UM ULTIMATO SOBRE O TEMPO!)
RUGAS: MARCAS DE EXPRESSÃO DA VIDA (UM ULTIMATO SOBRE O TEMPO!)
 
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptxTEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
TEMPLATE relatório de praticas por aluno.pptx
 
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEISCIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CIÊNCIAS CONTÁBEIS - BACHARELADO/PROJETO DE EXTENSÃO I - CIÊNCIAS CONTÁBEIS
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoTrovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
 
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdfCosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
Cosmologia Modelo Matemático do Universo 5.pdf
 
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
2024 Tec Subsequente em Adm Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnolog...
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdfLINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
LINKS 25 DE ABRIL TRABALHO DAC HISTORIA.pdf
 
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
Quando iniciamos os estudos sobre a história da Educação de Jovens e Adultos,...
 
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIACOMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
COMTE, O POSITIVISMO E AS ORIGENS DA SOCIOLOGIA
 
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaQuiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Quiz | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
Emagreça em Casa, Treinos Simples e Eficazes Mesmo Não Tendo Equipamentos. Cu...
 
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docxPLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
PLANEJAMENTO ANUAL LINGUA ESPANHOLA 2024 3 ANOS PRONTO.docx
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
 
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdfApresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
Apresentacao_Geral_Plataformas_200604.pdf
 
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdfQ20 - Reações fotoquímicas.pdf
Q20 - Reações fotoquímicas.pdf
 
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docxPROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
PROJETO INTERDISCIPLINAR 6º AO 9º ANOS - 2.docx
 

Modelo para elaboração de memorial descritivo

  • 1. MODELO PARA ELABORAÇÃO DE MEMORIAL DESCRITIVO MODEL FOR THE PREPARATION OF MEMORIAL DESCRIPTION MODELO PARA LA ELABORACIÓN DE DESCRIPCIÓN DE MEMORIA 1. INTRODUÇÃO: O MEMORIAL DESCRITIVO é um documento autobiográfico que descreve, analisa, quantifica e qualifica os acontecimentos sobre a trajetória no processo acadêmico, profissional e intelectual de um candidato a um cargo público ou mesmo a um cargo em instituição de caráter privado e ainda a um processo de seleção de Mestrado e de Doutorado. Deve incluir as fases de formação do candidato, ser destacadas as experiências no âmbito da atividade profissional, avaliando-se sua repercussão na vida pessoal. Deve ser destacado as suas intenções em participar e obter o certificado de nível superior no curso sequencial de formação específica, e/ou pós- graduação. Destacamos neste site um modelo que pode se utilizado como base e referencial para a elaboração do seu memorial descritivo. Portanto, faça a adequação de acordo com seus dados. Veja o nosso memorial no site: http://pt.scribd.com/doc/95375134/Memorial-Descritivo *Elicio Gomes Lima INTRODUCTION: THE MEMORIAL DESCRIPTION is an autobiographical document that describes, analyzes, quantifies and qualifies the events on the trajectory in their academic, professional and intellectual of a candidate for public office or even a job in private-sector body. Must include the applicant's training phases, be highlighted within the experiences of professional activity, assessing its impact on personal life. It should be noted their intentions to participate and obtain the certificate-level course in sequence specific training and / or graduate school. We highlight this site a model that can be used as a basis and reference for the elaboration of his descriptive history. Therefore, make the adjustment according to your data. See our memorial on the site: http://pt.scribd.com/doc/95375134/Memorial-Descritivo INTRODUCCIÓN: LA DESCRIPCIÓN DEL MEMORIAL es un documento autobiográfico que describe, analiza, cuantifica y califica los hechos en la trayectoria de su desarrollo académico, profesional e intelectual de un candidato para un cargo público o incluso un trabajo en el sector privado cuerpo. Debe incluir las fases de la demandante de capacitación, se destacó dentro de las experiencias de la actividad profesional, la evaluación de su impacto en la vida personal. Debe tenerse en cuenta sus intenciones de participar y obtener el certificado del curso de nivel en la formación de secuencia específica y / o estudios de posgrado. Destacamos este sitio un modelo que puede ser utilizado como base y referencia para la elaboración de su historia descriptiva. Por lo tanto, realizar el ajuste de acuerdo a sus datos. Vea nuestro monumento en el sitio: http://pt.scribd.com/doc/95375134/Memorial-Descritivo
  • 2. 2. COMO ESTRUTURAR O MEMORIAL DESCRITIVO: a). Elaboração da Capa - A capa do Memorial descritivo deve conter os seguintes elementos de identificação do candidato: a) Nome Completo do candidato; b) Título do Memorial; c) Local; e, d) Data. b). SUMÁRIO DO MEMORIAL DESCRITIVO: Apresentar a relação das seções do Memorial, na ordem em que aparecem no documento. O sumário deve figurar em folha distinta, logo após da Capa, contendo os seguintes dados: a) O indicativo da numeração da seção; b) Título da seção; c) O número da página da seção. c). CORPO DO MEMORIAL DESCRITIVO: Um cabeçalho, contendo o título e a data, e os dados subdivididos em seções compõem o corpo do Memorial. O corpo do Memorial é apresentado na forma narrativa na primeira pessoa do singular, com a idéia de transformar a trajetória acadêmico-profissional do candidato num relato em que possibilitará a observação dos fatos marcantes e méritos, resgatando as ações exercidas e as finalidades e motivos pelos quais foram desenvolvidas. As seguintes descrições podem fazer parte do corpo do Memorial: a) Formação, aperfeiçoamento e atualização; b) Atividades técnico-científicas, artístico-culturais e de prestação de serviços especializados à sociedade; c) Atividades docentes; d) Atividades de administração; e) Títulos, homenagens e aprovação em concursos; f) Produção científica, literária e artística. E ao finalizar o memorial descritivo, o elaborador deve especificar quais os motivos, as razões e as perspectivas em candidatar-se a uma vaga em um curso sequencial de formação específica e/ou pós-graduação, ou processo de seleção.
  • 3. 3. APRESENTAÇÃO GRÁFICA Formato: 1. Papel branco A4 (210 x 297 mm). 2. Margens externas. 3. Superior: 3 cm; 4. Inferior: 3 cm; 5. Esquerda: 3 cm; 6. Direita: 2 cm. Entrelinhamento no texto: 1. Espaçamento 1,5 entre linhas. 2. Fonte e tamanho da letra 2. Preferencialmente Times New Roman 12 ou Arial 11. * Mestre em Educação pela UNICAMP – Universidade Estadual de Campinas/SP. Professor convidado do UNASP-EC – Centro Universitário Adventista de São Paulo e docente efetivo da rede pública Estadual e Municipal de São Paulo. Contato: elicio.lima@bol.com.br.