25 PROFECIAS CUMPRIDAS EM UM DIA!!!
"Tudo isto, porém, aconteceu para que se cumprissem as Escrituras dos profetas".
Mateu...
dispersas; mas volverei a mão para os pequeninos". Zacarias 13.7
Cumprimento: "Então, os discípulos todos, deixando-o, fug...
8. Ferido e pisado
Profecia: "Mas ele foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas
iniqüidades; o casti...
11. Crucificado junto com malfeitores
Profecia: "Por isso, eu lhe darei muitos como a sua parte, e com os poderosos repart...
Cumprimento: "O povo estava ali e a tudo observava. Também as autoridades
zombavam e diziam: Salvou os outros; a si mesmo ...
20.Seus amigos ficaram de longe
Profecia: "Os meus amigos e companheiros afastam-se da minha praga, e os meus
parentes fic...
Profecia: "E sobre a casa de Davi e sobre os habitantes de Jerusalém derramarei o
espírito da graça e de súplicas; olharão...
E se você pensa que a Bíblia é como qualquer outro livro que jamais foi escrito –
continue lendo. Quando terminar este fol...
Eclesiastes 1:7 "Todos os rios vão para o mar, e
contudo o mar não se enche; ao lugar para onde os
rios vão, para ali torn...
É o sangue que dá continuidade a todos os processos da vida, no corpo.
É o sangue que causa o crescimento, constrói novas ...
você já tem a idéia.
Mas aquele Livro maravilhoso não contém nada tão tolo! Apesar do que era
ensinado e crido [pelos cien...
Santa Catarina e Rio Grande do Sul somam 578 mil km2)]. Agora, marque um
desses dólares de prata e misture toda a massa cu...
Profecias do Antigo Testamento Cumpridas
na História
Publicado em setembro 17, 2011 por Abraão Alves
Um dos aspectos único...
explicação Hoehner 69/117ff.) O ponto de partida das 69 semanas é o decreto para
restaurar e reconstruir Jerusalém.
Quanto...
exigências de suas várias teorias têm levado os homens a levar algum outro decreto
para o terminus a quo de seus cálculos,...
O Templo foi destruído em 70 dC por Tito romano. Portanto, de acordo com a profecia
de Daniel, o Messias tinha que vir e s...
Nabucodonosor
Nabucodonosor sitiou Tiro continental três anos após a profecia. A Enciclopédia
Britânica diz: “Depois de um...
Alexandre, o Grande … reduzida [Tiro] em ruínas (332 aC). Ela se recuperou em uma
medida deste golpe, mas nunca recuperou ...
Também está escrito: "Tu serás construída não mais" (XXVI: 14) Outras cidades
destruídas por inimigos havia sido reconstru...
3. A espada será por todos os lados (28:23).
George Davis atinge um bom contraste entre Tiro e Sidon, em seu livro, as pro...
Nenhuma mente humana poderia ter predito 2500 anos atrás, que seria extinto Tiro,
Sidon e continuaria, mas sofrem tribulaç...
Existem duas cidades no Mediterrâneo costa oeste do Mar Morto, Gaza e Ashkelon, que
foram mencionados na profecia.
Amós 1:...
Ashkelon foi destruído exatamente como predito! Os filisteus foram “cortados” da face
da terra até não permanece um filist...
Discutir o cumprimento da predição # 4, Bernard Ramin explica a conquista judaica de
Petra e Edom:
Que os judeus conquista...
árabes, em geral, evite as ruínas das cidades de Edom, por conta dos escorpiões
enormes com as quais eles enxame”. Tão abu...
Previsões indivíduo vai agora ser exposto. O primeiro tem sido tratado de forma muito
eficaz: Edom é claramente um lugar d...
devastadas e os viajantes curiosos nunca deixam de admirar as fortalezas abandonadas
nas montanhas.”
PROBABILIDADE E CONCL...
Deus advertiu-os contra a desobediência e prometeu que usaria outras nações para
removê-los do que a terra se eles eram in...
Como posso ter certeza de que a Bíblia está falando a verdade?
Centenas de livros já foram escritos sobre as evidências da...
literalmente cumpridas. Mais de 300 profecias foram cumpridas pelo próprio
Jesus Cristo durante a sua primeira vinda. Outr...
É significativo também que nenhum erro jamais foi demonstrado na Bíblia,
seja em ciência, história ou qualquer outro assun...
Quem escreveu a Bíblia? – Uma carta de Deus
"Quem escreveu a Bíblia?" é uma pergunta feita, sem dúvida, por muitos que est...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

25 profecias Bíblicas cumpridas em um dia

914 visualizações

Publicada em

Profecias bíblicas que já se cumpriram.

Publicada em: Espiritual
  • Seja o primeiro a comentar

25 profecias Bíblicas cumpridas em um dia

  1. 1. 25 PROFECIAS CUMPRIDAS EM UM DIA!!! "Tudo isto, porém, aconteceu para que se cumprissem as Escrituras dos profetas". Mateus 26.56a As seguintes profecias do Antigo Testamento (Bíblia Sagrada), sobre a traição, o julgamento, a morte e o sepultamento de nosso Senhor Jesus Cristo, foram feitas por diferentes pessoas, em épocas distintas, em um espaço de cinco séculos, de 1000 a 500 a.C..Todas se cumpriram, literalmente. 1. Vendido por trinta moedas de prata Profecia: "Eu lhes disse: se vos parece bem, dai-me o meu salário; e, se não, deixai-o. Pesaram, pois, por meu salário trinta moedas de prata". Zacarias 11.12 Cumprimento: "Então, um dos doze, chamado Judas Iscariotes, indo ter com os principais sacerdotes, propôs: Que me quereis dar, e eu vo-lo entregarei? E pagaram-lhe trinta moedas de prata". Mateus 26.14-15 2. Traído por um amigo Profecia: "...mas és tu, homem meu igual, meu companheiro e meu íntimo amigo. Juntos andávamos, juntos nos entretínhamos e íamos com a multidão à Casa de Deus. A morte os assalte, e vivos desçam à cova! Porque há maldade nas suas moradas e no seu íntimo". Salmos 55.13-15 Cumprimento: "E logo, aproximando-se de Jesus, lhe disse: Salve, Mestre! E o beijou. 50 Jesus, porém, lhe disse: Amigo, para que vieste? Nisto, aproximando-se eles, deitaram as mãos em Jesus e o prenderam". Mateus 26.49-50 3. O Dinheiro foi atirado para o oleiro Profecia: "Então, o SENHOR me disse: Arroja isso ao oleiro, esse magnífico preço em que fui avaliado por eles. Tomei as trinta moedas de prata e as arrojei ao oleiro, na Casa do SENHOR". Zacarias 11.13 Cumprimento: "Então, Judas, o que o traiu, vendo que Jesus fora condenado, tocado de remorso, devolveu as trinta moedas de prata aos principais sacerdotes e aos anciãos, dizendo: Pequei, traindo sangue inocente. Eles, porém, responderam: Que nos importa? Isso é contigo. Então, Judas, atirando para o santuário as moedas de prata, retirou-se e foi enforcar-se. (...) E, tendo deliberado, compraram com elas o campo do oleiro, para cemitério de forasteiros". Mateus 27.3-5,7 4. Os discípulos O abandonaram Profecia: "Desperta, ó espada, contra o meu pastor e contra o homem que é o meu companheiro, diz o SENHOR dos Exércitos; fere o pastor, e as ovelhas ficarão
  2. 2. dispersas; mas volverei a mão para os pequeninos". Zacarias 13.7 Cumprimento: "Então, os discípulos todos, deixando-o, fugiram". Mateus 26.56 "Então, lhes disse Jesus: Todos vós vos escandalizareis, porque está escrito: Ferirei o pastor, e as ovelhas ficarão dispersas". Marcos 14.27 5. Acusado por falsas testemunhas Profecia: "Levantam-se iníquas testemunhas e me argúem de coisas que eu não sei". Salmo 35.11 Cumprimento: "Ora, os principais sacerdotes e todo o Sinédrio procuravam algum testemunho falso contra Jesus, a fim de o condenarem à morte. E não acharam, apesar de se terem apresentado muitas testemunhas falsas. Mas, afinal, compareceram duas, afirmando: Este disse: Posso destruir o santuário de Deus e reedificá-lo em três dias". Mateus 26.59-61 6. Bateu-se e cuspiu-se nEle Profecia: "Ofereci as costas aos que me feriam e as faces, aos que me arrancavam os cabelos; não escondi o rosto aos que me afrontavam e me cuspiam". Isaías 50.6 Cumprimento: "Então, uns cuspiram-lhe no rosto e lhe davam murros, e outros o esbofeteavam, dizendo: Profetiza-nos, ó Cristo, quem é que te bateu!" Mateus 26.67,68 Observem-se os detalhes na concordância da profecia e do cumprimento: Bater-se-á nEle No rosto e em outras partes do corpo Cuspir-se-á nEle Cuspir-se-á no Seu rosto 7. Mudo diante dos Seus acusadores Profecia: "Ele foi oprimido e humilhado, mas não abriu a boca; como cordeiro foi levado ao matadouro; e, como ovelha muda perante os seus tosquiadores, ele não abriu a boca". Isaías 53.7 Cumprimento: "E, sendo acusado pelos principais sacerdotes e pelos anciãos, nada respondeu. Então, lhe perguntou Pilatos: Não ouves quantas acusações te fazem? Jesus não respondeu nem uma palavra, vindo com isto a admirar-se grandemente o governador". Mateus 27.12-14
  3. 3. 8. Ferido e pisado Profecia: "Mas ele foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados". Isaías 53.5 Cumprimento: "Então, Pilatos lhes soltou Barrabás; e, após haver açoitado a Jesus, entregou-o para ser crucificado. Logo a seguir, os soldados do governador, levando Jesus para o pretório, reuniram em torno dele toda a coorte. Despojando-o das vestes, cobriram-no com um manto escarlate; tecendo uma coroa de espinhos, puseram-lha na cabeça e, na mão direita, um caniço; e, ajoelhando-se diante dele, o escarneciam, dizendo: Salve, rei dos judeus!" Mateus 27.26-29 9. Ele sucumbiu sob o peso da cruz Profecia: "De tanto jejuar, os joelhos me vacilam, e de magreza vai mirrando a minha carne". Salmo 109.24 Cumprimento: "Tomaram eles, pois, a Jesus; e ele próprio, carregando a sua cruz, saiu para o lugar chamado Calvário, Gólgota em hebraico". João 19.17 "E, como o conduzissem, constrangendo um cireneu, chamado Simão, que vinha do campo, puseram-lhe a cruz sobre os ombros, para que a levasse após Jesus". Lucas 23.26 O Senhor Jesus Cristo, após ter sofrido muito com os açoites, ficou fraco, Seus joelhos se dobraram sob a pesada cruz. Por isso, foi necessário entregá-la a outro para ser carregada. 10. Mãos e pés traspassados Profecia: "Cães me cercam; uma súcia de malfeitores me rodeia; traspassaram-me as mãos e os pés". Salmo 22.16 Cumprimento: "Quando chegaram ao lugar chamado Calvário, ali o crucificaram, bem como aos malfeitores, um à direita, outro à esquerda". Lucas 23.33 Jesus Cristo, foi crucificado segundo o costume dos romanos: as mãos e os pés eram perfurados por longos cravos, para pregar o corpo na cruz (compare João 20.25-27) "Disseram-lhe, então, os outros discípulos: Vimos o Senhor. Mas ele respondeu: Se eu não vir nas suas mãos o sinal dos cravos, e ali não puser o dedo, e não puser a mão no seu lado, de modo algum acreditarei. Passados oito dias, estavam outra vez ali reunidos os seus discípulos, e Tomé, com eles. Estando as portas trancadas, veio Jesus, pôs-se no meio e disse-lhes: Paz seja convosco! E logo disse a Tomé: Põe aqui o dedo e vê as minhas mãos; chega também a mão e põe-na no meu lado; não sejas incrédulo, mas crente". João 20.25-27
  4. 4. 11. Crucificado junto com malfeitores Profecia: "Por isso, eu lhe darei muitos como a sua parte, e com os poderosos repartirá ele o despojo, porquanto derramou a sua alma na morte; foi contado com os transgressores; contudo, levou sobre si o pecado de muitos e pelos transgressores intercedeu". Isaías 53.12 Cumprimento: "Com ele crucificaram dois ladrões, um à sua direita, e outro à sua esquerda. E cumpriu-se a Escritura que diz: Com malfeitores foi contado". Marcos 15.27-28 12. Ele orou pelos Seus inimigos Profecia: "Por isso, eu lhe darei muitos como a sua parte, e com os poderosos repartirá ele o despojo, porquanto derramou a sua alma na morte; foi contado com os transgressores; contudo, levou sobre si o pecado de muitos e pelos transgressores intercedeu". Isaías 53.12 Cumprimento: "Contudo, Jesus dizia: Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem. Então, repartindo as vestes dele, lançaram sortes". Lucas 23.34 13. Eles menearam a cabeça Profecia: "Tornei-me para eles objeto de opróbrio; quando me vêem, meneiam a cabeça". Salmo 109.25 Cumprimento: "Os que iam passando blasfemavam dele, meneando a cabeça e dizendo: Ó tu que destróis o santuário e em três dias o reedificas! Salva-te a ti mesmo, se és Filho de Deus, e desce da cruz!" Mateus 27.39,40 14. As pessoas zombaram de Jesus Profecia: "Todos os que me vêem zombam de mim; afrouxam os lábios e meneiam a cabeça: Confiou no SENHOR! Livre-o ele; salve-o, pois nele tem prazer". Salmo 22.7,8 Cumprimento: "De igual modo, os principais sacerdotes, com os escribas e anciãos, escarnecendo, diziam: Salvou os outros, a si mesmo não pode salvar-se. É rei de Israel! Desça da cruz, e creremos nele. Confiou em Deus; pois venha livrá-lo agora, se, de fato, lhe quer bem; porque disse: Sou Filho de Deus". Mateus 27.41-43 15. Eles O olhavam Profecia: "Posso contar todos os meus ossos; eles me estão olhando e encarando em mim". Salmo 22.17
  5. 5. Cumprimento: "O povo estava ali e a tudo observava. Também as autoridades zombavam e diziam: Salvou os outros; a si mesmo se salve, se é, de fato, o Cristo de Deus, o escolhido". Lucas 23.35 16. Suas vestes foram repartidas e sorteadas Profecia: "Repartem entre si as minhas vestes e sobre a minha túnica deitam sortes". Salmo 22.18 Cumprimento: "Os soldados, pois, quando crucificaram Jesus, tomaram-lhe as vestes e fizeram quatro partes, para cada soldado uma parte; e pegaram também a túnica. A túnica, porém, era sem costura, toda tecida de alto a baixo. Disseram, pois, uns aos outros: Não a rasguemos, mas lancemos sortes sobre ela para ver a quem caberá—para se cumprir a Escritura: Repartiram entre si as minhas vestes e sobre a minha túnica lançaram sortes. Assim, pois, o fizeram os soldados". João 19.23,24 17. Foi abandonado Profecia: "Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? Por que se acham longe de minha salvação as palavras de meu bramido?" Salmo 22.1 Cumprimento: "Por volta da hora nona, clamou Jesus em alta voz, dizendo: Eli, Eli, lamá sabactâni? O que quer dizer: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?" Mateus 27.46 18. Foram-lhe dados vinagre e fel Profecia: "Por alimento me deram fel e na minha sede me deram a beber vinagre". Salmo 69.21 Cumprimento: "Depois, vendo Jesus que tudo já estava consumado, para se cumprir a Escritura, disse: Tenho sede! Estava ali um vaso cheio de vinagre. Embeberam de vinagre uma esponja e, fixando-a num caniço de hissopo, lha chegaram à boca". João 19.28,29 "Deram-lhe a beber vinho com fel; mas ele, provando-o, não o quis beber". Mateus 27.34 19. Ele entregou Seu espírito a Deus Profecia: "Nas tuas mãos, entrego o meu espírito; tu me remiste, SENHOR, Deus da verdade". Salmo 31.5 Cumprimento: "Então, Jesus clamou em alta voz: Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito! E, dito isto, expirou". Lucas 23.46
  6. 6. 20.Seus amigos ficaram de longe Profecia: "Os meus amigos e companheiros afastam-se da minha praga, e os meus parentes ficam de longe". Salmo 38.11 Cumprimento: "Entretanto, todos os conhecidos de Jesus e as mulheres que o tinham seguido desde a Galiléia permaneceram a contemplar de longe estas coisas". Lucas 23.49 21. Seus ossos não foram quebrados Profecia: "Preserva-lhe todos os ossos, nem um deles sequer será quebrado". Salmo 34.20 Cumprimento: "Chegando-se, porém, a Jesus, como vissem que já estava morto, não lhe quebraram as pernas. Mas um dos soldados lhe abriu o lado com uma lança, e logo saiu sangue e água. Aquele que isto viu testificou, sendo verdadeiro o seu testemunho; e ele sabe que diz a verdade, para que também vós creiais. E isto aconteceu para se cumprir a Escritura: Nenhum dos seus ossos será quebrado". João 19.33-36 Compensa analisar ainda duas outras profecias, que se referem aos Seus ossos, que também tiveram cumprimento exato, se bem que nesse caso ele não é mostrado tão claramente na Escritura: "Derramei-me como água, e todos os meus ossos se desconjuntaram ..." Salmo 22.14 Não difícil entender que Jesus, tendo Suas mãos e pés pregados na cruz, teve os ossos desconjuntados, especialmente se lembrarmos que Ele foi pregado na cruz deitada no chão, que foi depois levantada. "Posso contar todos os meus ossos..." Salmo 22.17 Ele foi dependurado nu na cruz (João 19.23), de modo que seus ossos podiam ser vistos. A distensão do Seu corpo e os suplícios terríveis da crucificação levavam os ossos a ficarem ressaltados. 22. Seu coração parou Profecia: "Derramei-me como água, e todos os meus ossos se desconjuntaram; meu coração fez-se como cera, derreteu-se dentro de mim". Salmo 22.14 Cumprimento: "Mas um dos soldados lhe abriu o lado com uma lança, e logo saiu sangue e água". João 19.34 23. Seu lado foi traspassado
  7. 7. Profecia: "E sobre a casa de Davi e sobre os habitantes de Jerusalém derramarei o espírito da graça e de súplicas; olharão para aquele a quem traspassaram; pranteá-lo-ão como quem pranteia por um unigênito e chorarão por ele como se chora amargamente pelo primogênito". Zacarias 12.10 Cumprimento: "Contudo, um dos soldados lhe furou o lado com uma lança, e logo saiu sangue e água". João 19.34 (Edição Revista e Corrigida) 24. Trevas sobre a Terra Profecia: "Sucederá que, naquele dia, diz o SENHOR Deus, farei que o sol se ponha ao meio-dia e entenebrecerei a terra em dia claro". Amós 8.9 Cumprimento: "Desde a hora sexta até à hora nona, houve trevas sobre toda a terra". Mateus 27.45 25. Sepultado no túmulo de um rico Profecia: "Designaram-lhe a sepultura com os perversos, mas com o rico esteve na sua morte, posto que nunca fez injustiça, nem dolo algum se achou em sua boca". Isaías 53.9 Cumprimento: "Caindo a tarde, veio um homem rico de Arimatéia, chamado José, que era também discípulo de Jesus. Este foi ter com Pilatos e lhe pediu o corpo de Jesus. Então, Pilatos mandou que lho fosse entregue. E José, tomando o corpo, envolveu-o num pano limpo de linho e o depositou no seu túmulo novo, que fizera abrir na rocha; e, rolando uma grande pedra para a entrada do sepulcro, se retirou". Mateus 27. 57-60 A Bíblia é real? Aquele Livro Atordoantemente Maravilhoso – A Bíblia [Maravilhosos fatos científicos e profecias na Bíblia] O Presidente Ronald Reagan chamou a atenção para aquele Livro maravilhoso, dizendo: “Na verdade, é um fato indisputável que todas as complexas e horrendas questões que nos confrontam, tanto no nosso lar como ao redor de todo o mundo, têm suas respostas naquele LIVRO SINGULAR”. Napoleão disse a respeito daquele Livro maravilhoso “... ele não é um mero livro, mas é, sim, UMA CRIATURA VIVENTE, que conquista todos que lhe ficam face a face”. A revista Newsweek (27.Dez.1982), na sua capa, escreveu a respeito daquele Livro maravilhoso “Como um livro nos une, nos divide e até MESMO NOS DEFINE!”. AQUELE LIVRO ATORDOANTEMENTE MARAVILHOSO É A BÍBLIA!
  8. 8. E se você pensa que a Bíblia é como qualquer outro livro que jamais foi escrito – continue lendo. Quando terminar este folheto... VOCÊ RECONHECERÁ QUE AQUELE LIVRO É ATORDOANTEMENTE MARAVILHOSO! ”Mas a Bíblia foi escrita milhares de anos atrás. E nós estamos quase entrando no século 21! Temos visto o homem ir à lua. Temos visto a humanidade dar grandes passos na conquista dos mistérios mais escondidos do universo. A Bíblia foi escrita milhares de anos atrás por homens com um conhecimento muito mais limitado que o nosso. Com seus limitados conhecimentos, como poderiam eles ter sabido de certas coisas?” ESTOU ALEGRE QUE VOCÊ PERGUNTOU... Lucas 17:30-34 "Assim será NO DIA em que o Filho do homem se há de manifestar... NAQUELE DIA... vos digo, NAQUELA NOITE..." Ninguém nos dias de Lucas pensou que poderia existir dia e noite ao mesmo tempo! Eles pensavam que a terra era plana! Lucas foi escrito em torno do ano 65 d.C. Como sabia Lucas de algo que os cientistas não souberam até o século 16? Isaías 40:22 "Ele é o que está assentado sobre o CÍRCULO DA TERRA”. Como, no ano 700 a.C., sabia Isaías que a terra era redonda? Os cientistas dos dias de Isaías pensavam que a terra era plana. Não descobriram que a terra era redonda até o princípio dos anos 1500, quando Magalhães navegou ao redor do mundo. Como é que Isaías sabia de algo mais de 2000 anos antes da ciência? Jó 26:7 "... e suspende a terra sobre O NADA”. Durante o tempo de Jó, era crido que um deus chamado Atlas sustentava a terra sobre os seus ombros! Ninguém acreditava que a terra “pairava suspensa sobre o NADA!” Jó é o mais antigo livro na Bíblia! Foi escrito há mais de 3500 anos atrás! Como é que Jó soube de algo que era IMPOSSÍVEL saber durante os seus dias? Gênesis 2:7 "E formou o SENHOR Deus o homem do PÓ DA TERRA, e soprou em suas narinas o fôlego da vida; e o homem foi feito alma vivente”. Seguramente, você não toma Gênesis seriamente. Toma? Em novembro de 1982, Seleções do Reader's Digest incluiu um artigo com o título “Como a Vida na Terra Começou”. Este artigo declarou que, de acordo com cientistas no Centro de Pesquisa da NASA em Ames, os ingredientes necessários para formar um ser humano podem ser encontrados NO BARRO. O artigo disse, ainda, “O cenário descrito pela Bíblia quanto à criação da vida vem a ser NÃO MUITO DISTANTE DO ALVO”. (Seleções do Reader’s Digest, novembro de 1982, p. 116). Não, a Bíblia “não passou não muito distante do alvo” – ela atingiu exatamente o alvo! Os cientistas têm rido da possibilidade de Gênesis ter qualquer credibilidade científica, todavia – quanto mais aprendemos, mais descobrimos que a Bíblia é CIENTIFICAMENTE EXATA! Salmo 8:8 "... tudo o que passa pelas VEREDAS DOS MARES”. Depois de ler Salmo 8:8, Matthew Maury, um oficial da Marinha dos Estados Unidos da América, lançou-se ao empreendimento de localizar estes curiosos “caminhos nos mares”. Descobriu que os oceanos têm caminhos que fluem através deles. Maury se tornou conhecido como o “descobridor das correntes marítimas”. Como é que Davi (o escritor do Salmo 8) soube, há mais de 2000 anos atrás, que havia “caminhos nos mares”? Davi, provavelmente, nunca sequer viu um oceano! COMO É QUE ELE SOUBE?
  9. 9. Eclesiastes 1:7 "Todos os rios vão para o mar, e contudo o mar não se enche; ao lugar para onde os rios vão, para ali tornam eles a correr." Como é que o escritor de Eclesiastes sabia do ciclo de condensação e evaporação da água? O sol evapora a água do oceano, o vapor da água sobe e se transforma em nuvens, a água nas nuvens cai de volta para a terra como chuva, se ajunta formando rios, e estes correm de volta ao oceano. Isto não foi conhecido até ser descoberto por Galileu, em 1630! Como é que o escritor de Eclesiastes soube disto no ano 1000 a.C., 2500 ANOS ANTES QUE A CIÊNCIA?! Levítico 15:13 "Quando, pois, o que tem o fluxo, estiver limpo do seu fluxo, contar-se-ão sete dias para a sua purificação, e lavará as suas roupas, e banhará a sua carne em ÁGUAS CORRENTES; e será limpo”. Deus disse para lavar a carne infectada em ÁGUA CORRENTE. A ciência não descobriu aquilo até surgirem dois homens chamados Pasteur e Koch, nos anos finais dos anos 1800. Todos os médicos de um hospital lavavam suas mãos em uma mesma bacia de água, dia após dia, e disseminavam os germes com a velocidade, facilidade e mortandade com que fogo se espalha num capinzal seco. Não foi até a invenção do microscópio e o surgimento da ciência da bacteriologia que os médicos começaram a lavar as mãos sob ÁGUA CORRENTE. Levítico foi escrito em torno de 1490 a.C. A CIÊNCIA FICOU CERCA DE 3000 ANOS ATRASADA! Não é embaraçoso quanto a ciência sempre se atrasa cerca de 2000 anos atrás daquele Livro tão maravilhoso?! Jó 38:19 "Onde está O CAMINHO onde mora a luz? E, quanto às trevas, onde está o seu lugar”. Como é que Jó não disse onde É O LUGAR aonde a luz mora? Porque a luz está sempre se movendo. Como é que Jó soube de algo no ano 1500 a.C. que a ciência não descobriu até Einstein? Como podem os homens que escreveram aquele Livro maravilhoso, com o limitado conhecimento científico da época deles,... SEREM TÃO À FRENTE DA CIÊNCIA? Eclesiastes 1:6 "O vento vai para o sul, e faz o seu giro para o norte; continuamente vai girando o vento, e volta FAZENDO OS SEUS CIRCUITOS”. Como é que o escritor de Eclesiastes soube que o vento viaja formando circuitos? Como é que o escritor soube de algo que os aerologistas e os meteorologistas descobriram há tão pouco tempo? PENSE A RESPEITO DISSO! Como podem estes homens, com o limitado conhecimento científico da época deles, milhares de anos atrás, estar tão adiantados com relação à ciência? Provérbios 6:6-8 "Vai ter com a formiga... na sega ajunta o seu mantimento..." Life’s Nature Library, em “Os Insetos” (p. 163), comentando sobre Provérbios 6, diz "Um dos enigmas entomológicos do último século diz respeito a esta observação por Salomão. Não havia nenhuma evidência de que formigas, realmente, faziam colheitas de grãos. Em 1871, entretanto, um naturalista britânico mostrou que Salomão, afinal de contas, tinha estado certo..." Como Salomão soube aquilo no ano 1000 a.C.? Como Salomão, claramente, detalhou um FATO científico que era IMPOSSÍVEL que ele o soubesse no ano 1000 a.C.? Provérbios 17:22 "O coração alegre é como o BOM REMÉDIO..." Um artigo no The Birmingham News, intitulado “Rir: Receita para Saúde”, disse que as mais RECENTES evidências médicas revelam que “A algum ponto durante o riso, seu corpo recebe UM MEDICAMENTO PRESCRITO, vindo da farmácia que está no seu cérebro”. Como é que o escritor de Provérbios soube daquilo – 3000 ANOS ANTES DA CIÊNCIA MÉDICA? Levítico 17:11 "Porque a vida da carne está no sangue..." Esta é a mais acurada declaração científica, jamais feita, a respeito do sangue!
  10. 10. É o sangue que dá continuidade a todos os processos da vida, no corpo. É o sangue que causa o crescimento, constrói novas células, faz crescer o osso e a carne, armazena gordura, faz cabelo e unhas. É o sangue que alimenta e sustenta todos os órgãos do corpo. Se o suprimento de sangue for cortado de um braço, este imediatamente começará a morrer e apodrecer. É o sangue que repara o corpo. Que cicatriza as feridas, que faz crescer nova carne, nova pele e mesmo novos nervos. É o sangue que combate às doenças. Quando uma vacina contra uma doença lhe é dada, aplica-se uma injeção na sua corrente sanguínea. Por milhares de anos, os médicos tratavam as pessoas com uma prática chamada de “sangria”. Pensavam que doenças poderiam ser curadas através da extração de sangue. Em 1799, menos de 200 anos atrás, George Washington foi, literalmente, sangrado até à morte. Os médicos sangraram o pobre George quatro vezes, da última vez tiraram mais de um litro de seu sangue! Eles não sabiam, mas estavam, literalmente, retirando a vida de George quando estavam extraindo o seu sangue. Não foi senão no início dos anos 1900 que um homem chamado Dr. Lister descobriu que o sangue provê o sistema imunológico aos corpos – A VIDA DA CARNE ESTÁ NO SANGUE! The Birmingham Post Herald, de 26 de fevereiro de 1988, contou a história de Mike Thomas. Ele estava trabalhando em um canteiro de construção civil, quando caiu de uma altura de 21 m. Enquanto caía, um cabo de aço se enrolou ao redor do seu braço e cortou-lhe fora a mão, poucas polegadas acima do pulso. Um colega de trabalho carregou para o hospital a mão que tinha sido separada do corpo. Por causa dos sérios ferimentos internos de Thomas, os médicos não puderam re-implantar sua mão naquele tempo. Ao invés disso, ligaram sua mão a vasos sanguíneos da parede do seu abdômen, para que pudessem “conservá-la viva”. Dois meses depois, os médicos removeram a mão do abdômen e a recolocaram de volta no braço de Thomas. De acordo com o relatório, UAB foi a primeira entidade médica da nação a realizar tal façanha! Exatamente, o que a Bíblia disse em 1490 a.C.! Continue alimentando aquela mão com sangue e ela continuará viva – A VIDA DA CARNE ESTÁ NO SANGUE! Você não acha isto estranho? Aquilo que Moisés escreveu no ano 1490 a.C., somente agora foi descoberto pelas mais brilhantes mentes que o homem pode produzir! Como pode aquele Livro maravilhoso, escrito milhares de anos atrás e por homens com conhecimento científico muito limitado, estar tão à frente do melhor que a humanidade pode produzir em 6000 anos? Para compreender quão maravilhoso aquele Livro é, compare o que os cientistas ensinavam quando ele foi escrito. Eles criam que os raios fossem projéteis lançados pelos deuses. O Vedas (livro sagrado hindu) ensinava que, para conseguir chuva, bastava se amarrar à uma árvore um sapo de boca aberta e repetir algumas palavras mágicas - e presto - chuva! Os egípcios acreditavam que estrelas eram as almas dos mortos que agora tinham se transformado em deuses. Os gregos acreditavam que um deus chamado Atlas sustentava a terra sobre seus ombros. Alguns ensinavam que a terra repousava sobre as costas de vários elefantes grandes (muito grandes!). E os elefantes estavam apoiados sobre as costas de uma tartaruga grande (muito, muito grande!) E a tartaruga? Estava apoiada sobre uma cobra grande (muito, muito, muito grande!) E a cobra? Bem,
  11. 11. você já tem a idéia. Mas aquele Livro maravilhoso não contém nada tão tolo! Apesar do que era ensinado e crido [pelos cientistas] durante os dias dos escritores! Aquele Livro maravilhoso diz: “E Moisés foi instruído em toda a ciência dos egípcios...” (Ato 7:22), todavia “a mitologia e as superstições” do Egito de modo algum estão em nenhum dos livros escritos por Moisés! De fato, depois de 6000 anos de “descobertas e avanços” – aquele Livro maravilhoso pode se erguer ao lado dos mais avançados livros disponíveis na medicina, na ciência e na história! Um assunto que separa aquele Livro maravilhoso de qualquer outro livro é profecia. Nenhum outro livro prevê o futuro como este faz. Suas profecias são absolutamente precisas. Muitas vezes elas foram dadas centenas e até mesmo milhares de anos antes dos acontecimentos. E, sem exceção,... Elas foram cumpridas – até seus menores detalhes! Uma profecia em Eze 26:1-6 diz "... veio a mim a palavra do SENHOR, dizendo: ... Eis que eu estou contra ti, ó Tiro, e farei subir contra ti muitas nações ... Elas destruirão os muros de Tiro, e derrubarão as suas torres; e eu lhe varrerei o seu pó, e dela farei uma penha descalvada. 5 No meio do mar virá a ser um enxugadouro das redes; porque eu o falei, diz o Senhor DEUS ..." Três anos depois, Nabucodonozor da Babilônia cercou Tiro. Mas, antes que ele chegasse, o povo de Tiro escapou para uma ilha, distante da praia cerca de oitocentos metros. Depois de treze anos de cerco, os babilônios "destruíram os muros de Tiro" e "derrubaram as suas torres", destruindo a cidade que ficava no continente. Por aquele tempo, as pessoas que tinham escapado tinham reconstruído a cidade de Tiro sobre a ilha. E porque Nabucodonozor não tinha marinha, a cidade na ilha permaneceu intocada. Muito embora Nabucodonozor tenha destruído a cidade, ele não cumpriu totalmente a profecia de Ezequiel. Mas, 250 anos depois, os soldados de Alexandre, o Grande, tomaram o monturo (que a destruição por Nabucodonozor tinha deixado), "varreram o seu pó" (a madeira, a rocha e o restolho da antiga cidade de Tiro, destruída), e construíram uma estrada feita de aterro, alta como "o topo de uma rocha". Eles marcharam sobre a estrada de aterro de entulho, para chegar até a ilha, e a destruíram. Hoje, se você viajar até o local da antiga Tiro –verá pescadores "espalhando as suas redes" para secá-las, sobre o local onde a grandiosa Tiro tinha existido! Exatamente, como Ezequiel tinha profetizado em torno do ano 586 a.C.! Mais de 2500 anos antes que acontecesse! Existem mais de 300 profecias cumpridas na pessoa de Jesus Cristo. Aquele Livro maravilhoso tem muitas profecias que foram escritas milhares de anos antes de Jesus ter nascido! Profecias exatas e detalhadas tais como: onde Ele nasceria (Miquéias 5:2), como Ele nasceria (Isaías 7:14), como Ele morreria (Salmos 34:20), etc. E a história tem PROVADO, sem NENHUMA sombra de dúvida, que elas foram cumpridas EXATAMENTE como aquele Livro maravilhoso tinha profetizado, centenas de anos antes! No livro Science Speaks o matemático e cientista Peter Stoner aplica as regras de probabilidade a estas profecias. A probabilidade de somente oito dessas trezentas profecias terem sido cumpridas por acaso é uma em 10 17 – que é 1 em 100.000.000.000.000.000! No livro, o professor Stoner ilustra: Vamos visualizar esta probabilidade... Suponha que nós tomamos 1017 moedas de dólar de prata e as depositamos sobre a superfície do Texas. Elas cobrirão todo o estado com altura de sessenta centímetros [Texas, o maior estado dos Estados Unidos tem 684 mil km2 (maior que o sul do Brasil: os estados de Paraná,
  12. 12. Santa Catarina e Rio Grande do Sul somam 578 mil km2)]. Agora, marque um desses dólares de prata e misture toda a massa cuidadosamente... Vende os olhos de um homem e diga a ele… que tem que apanhar um dólar de prata... Que probabilidade ele teria de obter o dólar marcado? A mesma probabilidade que os profetas teriam tido de escrever estas oito profecias e tê-las todas elas cumpridas por acaso, sobre um qualquer homem. (Science Speaks, pp. 106-107) A seguir, Professor Stoner tomou 48 destas mais de 300 profecias cumpridas. A probabilidade de estas 48 profecias se cumprirem por acaso é de 1 em 10 157– isto é, 1 em 10 seguido de 157 zeros! Aqui está como ele ilustra: Vamos tentar visualizar isto… O elétron é, praticamente, o menor de todos os objetos que conhecemos. É tão pequeno que seriam necessários 2,5x10 15 deles, enfileirados lado a lado, para formar uma fila com uma polegada (2,5 centímetros) de comprimento. Se nós fôssemos contar os elétrons dessa fila que tem uma polegada de comprimento, e se contássemos à razão de 250 elétrons cada minuto, e se contássemos dia e noite sem parar, precisaríamos de 9.000.000 anos para contar somente aquele uma polegada de elétrons... Com esta introdução, vamos voltar à nossa probabilidade de 1 em 10 157... Vamos fazer uma bola sólida de elétrons, se estendendo em todas as direções a partir da terra até uma distância de seis bilhões de anos luz (a distância que esta luz viaja, à velocidade de 300.000 Km por segundo, em 6.000.000.000 de anos). Temos nós consumido todos os nossos 10 157 elétrons? Não, nós temos feito um buraquinho tão pequeno na massa que não podemos vê-lo. Agora, um desses elétrons foi marcado e cuidadosamente misturado dentro de toda a massa; vende os olhos do homem e peça-lhe para encontrar o elétron marcado. (O elétron, na verdade, é tão pequeno que ele não pode ser visto mesmo com o mais poderoso microscópio). Então, na mesma extensão em que sabemos que este homem de olhos vendados não pode encontrar e apanhar o elétron marcado, nós sabemos que a Bíblia é inspirada. (Science Speaks, pp. 109-111) Em caso de você pensar que as estatísticas do Professor Stoner são exageradas ou sem substância científica, o “Prefácio” do livro Science Speaks inclui um reconhecimento pela prestigiosa American Scientific Affiliation, declarando: "A análise matemática incluída está baseada sobre princípios de probabilidade que são completamente sãos, e Professor Stoner tem aplicado estes princípios de maneira apropriada e convincente.” Professor Stoner conclui: "Isto não é MERAMENTE EVIDÊNCIA. É PROVA da inspiração da Bíblia por Deus – PROVA TÃO DEFINITIVA que o universo não é bastante grande para esconder sua evidência. Estes são uns poucos entre milhares de exemplos possíveis para provar, além de qualquer sombra de dúvida, que uma mão sobrenatural, muitíssimo maior do que você e eu podemos imaginar, estava guiando os homens que escreveram aquele livro tão atordoantemente maravilhoso. Amigo, se as coisas físicas que nós podemos examinar são provadas ser verdadeiras – que tal as coisas espirituais que nós não podemos ainda examinar?
  13. 13. Profecias do Antigo Testamento Cumpridas na História Publicado em setembro 17, 2011 por Abraão Alves Um dos aspectos únicos e fascinantes da Bíblia é que em nenhuma outra literatura religiosa encontramos a exatidão da profecia cumprida. Predições bíblicas gravadas por vezes centenas de anos antes de sua ocorrência são cumpridas nos mínimos detalhes. Seguem-se algumas dessas previsões e realizações. Cyrus O profeta Isaías, escrito cerca de 700 aC, Ciro, nomes como o rei que dirão a Jerusalém que será construído e que a fundação do Templo serão definidas (Isaías 44:28; 54:1). No momento da escrita de Isaías, a cidade de Jerusalém foi totalmente construído e todo o templo estava em pé. Não até mais de 100 anos depois, em 586 aC, seria a cidade eo Templo ser destruído pelo rei Nabucodonosor. Depois Jerusalém foi tomada pelos babilônios, que foi conquistada pelos persas em cerca de 539 aC Pouco depois, um rei persa chamado Ciro deu o decreto para reconstruir o Templo em Jerusalém. Isto foi cerca de 160 anos após a profecia de Isaías! Assim, Isaías previu que um homem chamado Ciro, que não teria nascido cerca de cem anos, daria o comando para reconstruir o templo, que ainda estava de pé nos dias de Isaías e não ser destruído por mais de uma centena de anos. Esta profecia é verdadeiramente surpreendente, mas não é isolado.Há, de fato, centenas de profecias que prever eventos futuros. Setenta Semanas de Daniel Em Daniel 9:24-27, uma profecia sobre o Messias é dada em três partes específicas. Os estados primeira parte que, ao final de 69 semanas, o Messias virá a Jerusalém. (Na verdade, a 7 e 62 semanas são entendidas como 69 sete anos-períodos. Para ver a
  14. 14. explicação Hoehner 69/117ff.) O ponto de partida das 69 semanas é o decreto para restaurar e reconstruir Jerusalém. Quanto à primeira parte da profecia (a vinda do Messias), Wilson explica: Incluídos na profecia das setenta semanas é a previsão específica que desde a saída de uma ordem para restaurar e edificar Jerusalém até Messias, o Príncipe, haveria 69 semanas. As semanas são semanas de anos. Depois de 483 anos Messias havia de vir. 133/139 Daniel 9:24-27: Setenta semanas foram decretadas sobre o teu povo e tua santa cidade, para cessar a transgressão, para dar fim aos pecados, para expiar a iniqüidade, para trazer a justiça eterna, para selar a visão ea profecia, e para ungir o santíssimo lugar. Então você está a conhecer e discernir que a partir da emissão de um decreto para restaurar e reconstruir Jerusalém até que o Messias, o Príncipe, haverá sete semanas e 62 semanas, que irá ser construído de novo, com praça pública e fosso, mesmo em tempos de aflição. Em seguida, após a semana 62, o Messias será cortado e não têm nada, eo povo do príncipe que há de vir destruirá a cidade eo santuário. E seu fim virá com uma inundação; até o fim haverá guerra; desolações são determinadas. E ele fará um pacto firme com muitos por uma semana, mas no meio da semana ele vai acabar com o sacrifício ea oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador, até que uma destruição completa , que está determinada, se derrame sobre o que faz desolado. Início das setenta semanas Vários mandamentos, ou decretos, na história de Israel têm sido sugeridos como o tenninus a quo dos 483 anos. Estes são: 1. O decreto de Ciro, 539 aC (Esdras 1:1-4) 2. O decreto de Dario, 519-518 aC (Esdras 5:3-7) 3. O decreto de Artaxerxes para Esdras, 457 aC (Esdras 7:11-16) 4. O decreto de Artaxerxes para Neemias, 444 aC (Neemias 2:1-8) 68/121ff. JD Wilson comentários sobre o ponto de partida desta profecia: O decreto seguinte é referido em Neemias 2. Foi no vigésimo ano de Artaxerxes. As palavras do decreto não são dadas, mas o seu assunto pode ser facilmente determinada. Neemias ouve da condição desolada de Jerusalém. Ele está profundamente entristecido. O Rei pede a razão. Respostas Neemias, “A cidade, o lugar dos sepulcros de meus pais, para se deitar no lixo e as suas portas consumidas pelo fogo.” As propostas rei lhe fazer o pedido. Ele faz tão prontamente, pedindo uma ordem do rei que “eu ser enviados para a cidade que eu possa construí-lo.” E como lemos, ele foi enviado, e ele reconstruiu Jerusalém. Este decreto, em seguida, é a “ordem para restaurar e reconstruir Jerusalém”. Não há outro decreto que autoriza a restauração da cidade. Este decreto autoriza a restauração eo livro de Neemias conta como o trabalho foi realizado por diante. As
  15. 15. exigências de suas várias teorias têm levado os homens a levar algum outro decreto para o terminus a quo de seus cálculos, mas não é evidente como qualquer poderia ter feito isso sem receios. Este decreto de Neemias 2 é da ordem para restaurar e reconstruir Jerusalém, nenhum outro decreto dá nenhuma permissão para restaurar a cidade. Todos os demais decretos referem-se à construção do Templo e do Templo só. 133/141-42 Wilson, então dá o comprimento do ano utilizados no cálculo dos 483 anos: Os únicos anos, cujo comprimento é dada na Bíblia são de 360 dias 12 meses de 30 dias cada. Vii Gen. 11, vii 3-4; Rev. xi, 2-3, xii, 6, xiii, 5. Não parece razoável tomar o período projetado como 360 dias. Nesse caso, o ano 483 de 444 aC é 33 dC, a data da crucificação. 133/143 Nota Se Daniel está correta, o tempo a partir do decreto para restaurar e reconstruir Jerusalém (Nisan 1, 444 aC) para a vinda do Messias a Jerusalém é 483 anos, a cada ano igualando o ano de 360 dias (173.880 dias). Será que esses cálculos jogo com história e do tempo? Dia da Crucificação de Cristo Hoehner demonstra que o único dia em lógica para a crucificação de Cristo é Nisan 14, AD 33, ou de acordo com nosso calendário, 03 de abril, AD 33. Veja os capítulos IV e V do cronológica Hoehner Aspectos da Vida de Cristo. Cálculo de 69 Semanas Usando o ano de 360 dias, calcula o dia Hoehner terminal das 69 semanas da profecia de Daniel como se segue: Multiplicando as semanas 69 por sete anos para cada semana por 360 dias dá um total de 173.880 dias. A diferença entre 444 aC e 33 dC, então, é 476 anos solares. Multiplicando por 476 365,24219879, ou por 365 dias, 5 horas, 48 minutos, 45,975 segundo, chega-se 173.855 dias. Isso deixa apenas 25 dias para ser contabilizado entre 444 aC e 33 dC. Ao adicionar a 25 dias para 05 de março (de 444 aC), chega-se a 30 de março (de 33 dC), que foi Nisan 10 em 33 dC. Esta é a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém. 69/138 O evento terminal das 69 semanas é a apresentação do próprio Cristo para Israel como o Messias, como previsto em Zacarias 9:9. Este materializado na segunda-feira, 10 Nisan (30 de março), AD 33.Na sexta-feira seguinte, 3 de abril de 33 dC, Cristo foi crucificado ou “cut off ‘(Daniel 9:26). Após o término das 69 semanas e antes do início da 70 ª semana, dois eventos tiveram que ocorrer: 1. O “corte” do Messias. 2. A destruição da cidade e do Templo.
  16. 16. O Templo foi destruído em 70 dC por Tito romano. Portanto, de acordo com a profecia de Daniel, o Messias tinha que vir e ser crucificado entre 30 de março de 33 dC e 70 dC. Cristo foi crucificado 3 de abril de 33 dC. Verificação dos cálculos proféticos usando o nosso calendário (Julian): 444 aC a 33 dC é 476 anos. (444 mais 33 é 477, mas 1 aC até 1 dC não é um ano dois. Um deve subtrair um ano de 477.) 476 anos x 365,24219879 dias resulta em: 173.855 dias Março 5 – março 30 resultados em: 25 dias Totais de dias são: 173.880 dias Cidades Históricas 1. Tiro (E/274-80) Ezequiel 26 (592-570 aC) Portanto, assim diz o Senhor Deus: “Eis que eu sou contra ti, ó Tiro, e vou trazer muitas nações contra ti, como o mar traz à tona suas ondas.” E eles vão destruir os muros de Tiro e derrubarão as suas torres, e eu vou raspar sua restos dela e fazer dela uma rocha nua “(versos 3,4). Porque assim diz o Senhor Deus: “Eis que eu trarei sobre Tiro do norte Nabucodonosor, rei de Babilônia, rei dos reis, com cavalos, carruagens, cavalaria e um grande exército. Ele vai matar suas filhas no continente com a espada , e ele fará paredes cerco contra vós, levantai uma tranqueira contra ti, e levantar um grande escudo contra você (versículos 7,8). “Também farão um despojo de suas riquezas e uma presa de sua mercadoria, quebrar suas paredes e destruir suas casas agradável, e jogue suas pedras e suas madeiras e seus detritos na água (versículo 12). “E eu vou fazer de você uma rocha nua;. Você será um lugar para a difusão de redes de Você será construído não mais, porque eu, o Senhor, o disse”, declara o Senhor Deus (versículo 14). “Eu porão terrores em você, e você não será mais, embora você será procurado, você nunca vai ser encontrado novamente”, diz o Senhor Deus (versículo 21). Previsões 1. Nabucodonosor destruirá a cidade continental de Tiro (26:8). 2. Muitas nações virão contra Tiro (26:3). 3. Ela será feita uma rocha nua; plana como o topo de uma rocha (26:4). 4. Pescadores vai se espalhar redes sobre o site (26:5). 5. Os detritos serão lançados na água (26:12). 6. Ela nunca será reconstruída (26:14). 7. Ela nunca vai ser encontrado novamente (26:21).
  17. 17. Nabucodonosor Nabucodonosor sitiou Tiro continental três anos após a profecia. A Enciclopédia Britânica diz: “Depois de um cerco de 13 anos (585 aC 573) por Nabucodonosor II, Tiro feitos termos e reconheceu a suserania da Babilônia.” 43/xxii 452 Quando Nabucodonosor quebrou as portas para baixo, ele encontrou a cidade quase vazia. A maioria das pessoas se terem deslocado de navio para uma ilha sobre uma meia milha da costa e da cidade fortificada uma lá. A cidade continental foi destruída em 573 (previsão # 1), mas a cidade de Tiro sobre a ilha permaneceu uma cidade poderosa para várias centenas de anos. ALEXANDRE, O GRANDE O próximo incidente foi com Alexandre, o Grande. “Em sua guerra contra os persas”, escreve a Enciclopédia Britânica, “Alexander 111, após derrotar Dario III na Batalha de Issus (333), marchou em direção ao sul do Egito, convidando as cidades fenícias a abrir as suas portas, já que fazia parte de seu plano geral para negar sua utilização para a frota persa. Os cidadãos de Tiro se recusou a fazê- lo, e Alexander cerco à cidade. Possuindo nenhuma frota, ele demoliu Tiro de idade, no continente, e com os restos construída uma toupeira 200 pés (60m.) de largura em todo o estreito que separa as cidades antigas e novas, torres de montagem e motores de guerra na extremidade oposta. 43/mdi 452 (Prediction # 5.) Os tírios combatida aqui com um ataque em larga escala em toda a operação, que foi muito bem sucedida, eles fizeram uso de brulotes para iniciar a queima de torres e, em seguida, voaram sobre a toupeira depois que os gregos foram derrotados. Destruição geral da toupeira foi feito para tão grande extensão como o grupo de ataque era capaz. Arriano progrediu para a luta do mar. Alexander percebeu que precisava de navios. Ele começou a pressionar e reunindo sujeitos conquistados, para fazerem navios disponíveis para esta operação. Marinha Alexander cresceu de cidades e áreas da seguinte forma: Sidon, Aradus, Biblos (essas contribuíram com cerca de 80 velas), 10 de Rodes, 3 de Soli e Mallos, 10 de Lycia, um grande da Macedônia, e 120 de Chipre. (Prediction # 2.) Com esta força naval agora superiores à disposição de Alexandre, a conquista de Tiro até a conclusão da ponte de terra foi simplesmente uma questão de tempo. Quanto tempo demora? Darius 111, inimigo persa de Alexandre, não estava ocioso neste momento, mas finalmente foi concluída a calçada, as paredes foram derrubadas, e mop- up operações começaram. “A calçada ainda permanece”, escreve Philip Myers, “unindo a pedra com o continente. Quando, finalmente, a cidade foi tomada depois de um cerco de sete meses, oito mil dos seus habitantes foram mortos e 30 mil vendidos como escravos.” 99/153 Philip Myers fez uma observação interessante aqui, ele é um historiador secular (não um teólogo), e este é encontrado em um livro de história:
  18. 18. Alexandre, o Grande … reduzida [Tiro] em ruínas (332 aC). Ela se recuperou em uma medida deste golpe, mas nunca recuperou o lugar que tinha ocupado anteriormente no mundo. A maior parte do site da cidade outrora grande agora está nua como o topo de uma rocha [previsão # 31-um lugar onde os pescadores que ainda freqüentam o local espalham suas redes para secar. 99/55 (Prediction # 4.) John C. Beck continua a história da cidade-ilha de Tiro, na perspectiva correta: A história de Tiro não pára após a conquista de Alexandre. Os homens continuam a reconstruir sua e exércitos continuam a cercar seus muros, até que finalmente, depois de 1.600 anos, ela nunca cai para ser reconstruído novamente. 21/41 Fulfillment específicas 1. Nabucodonosor destruiu a cidade (continente) de idade de Tiro. 2. Muitas nações foram contra Tiro. Este fato pode ser visto, mesmo nesta breve história por Beck: Porque uma característica das ondas é que eles vêm em sucessão com sua força destrutiva, devido à sua repetição contínua e batendo, este autor entende Ezequiel estar se referindo a uma sucessão de invasores que se estende por um período prolongado de tempo. Com esse entendimento, este resumo de Ezequiel (versos 3-6) se desenrola. Primeiro, "Eles destruirão os muros de Tiro e derrubarão as suas torres" (cerco de Nabucodonosor). Em seguida, "Eu também vai raspar seu pó dela e fazer dela uma rocha nua" (cerco de Alexandre). E, finalmente, "Ela servirá de despojo para as nações" (história na sequência do cerco de Alexandre). 21/11-12 3. Alexander raspou o site antigo de Tiro limpa quando ele fez a ponte até a ilha e deixou uma "rocha nua." 4. Numerosas referências foram feitas anteriormente (alguns observadores seculares) para a difusão de redes. Nina observa Nelson durante uma visita: "Pale redes de pesca turquesa estavam secando na praia." 100/220 Hans-Wolf Rackl descrevendo a situação atual do site da cidade de Tiro, escreve: "Hoje, dificilmente uma única pedra da antiga Tiro permanece intacta .... Tiro tornou-se um lugar" para secar as redes de peixe ", como previu o profeta." 105/179 5. Alexander jogou os restos na água, a fim de fazer a calçada. "Profecia de Ezequiel", escreve Joseph Livre ", sobre a colocação das pedras, a madeira, eo pó em 'no meio da água" (Ez 26:12 b) foi especificamente cumprida quando os engenheiros Alexandre construiu a toupeira, e usado os restos da cidade antiga terra de Tiro, colocando-as no meio da água. " 51/263-64 6. A cidade nunca foi de ser reconstruído. Floyd Hamilton na base da fé cristã afirma:
  19. 19. Também está escrito: "Tu serás construída não mais" (XXVI: 14) Outras cidades destruídas por inimigos havia sido reconstruída, Jerusalém foi destruída várias vezes, mas sempre voltou a aumentar a partir das ruínas; que razão estava ali para dizer que Old Tiro não pode ser reconstruído? Mas 25 séculos atrás, um judeu exilado na Babilônia mais olhou para o futuro sob o comando de Deus e escreveu as palavras: "Tu serás construída não mais!" A voz de Deus falou e hoje se destaca como Tiro Velha que tem para 25 séculos, uma rocha nua, desabitadas pelo homem! Hoje qualquer pessoa que queira ver o site da cidade antiga pode tê-lo apontado para ele ao longo da costa, mas não é uma ruína para marcar o local. Tem sido raspados e nunca foi reconstruída. As nascentes de água doce grande Reselain estão no site da cidade continental de Tiro, e sem dúvida abasteciam a cidade com uma abundância de água doce. Estas molas ainda estão lá e ainda o fluxo, mas a água corre para o mar. O fluxo dessas molas foi medido por um engenheiro, e encontrou em cerca de 10 milhões de litros diariamente. Ainda é um local excelente para uma cidade e teria água livre o suficiente para uma grande cidade moderna, no entanto, nunca foi reconstruída. 7. A cidade nunca foi de ser encontrado novamente. A maioria dos comentaristas dizem que o site real da antiga cidade seriam esquecidas ou perdidas por causa da destruição. A melhor interpretação deste versículo é que a busca por homens seria com a finalidade de elevar Tiro para sua posição anterior de riqueza e esplendor. É difícil acreditar que a localização real da cidade podem ser perdidos quando anteriormente ocupado completamente a ilha com muros construídos para a beira da água. CONCLUSÃO Sete Peter Stoner previsões em relação a este milagre eram como os aqui, exceto para o meu passado, que ele não usou, e um dos seus que é omitido. Stoner avaliado o milagre da seguinte maneira: Se Ezequiel tinha olhado para Tiro, no seu dia e tinha feito essas sete predições em sabedoria humana, essas estimativas significa que não teria sido apenas uma chance em 75 milhões de suas verdadeiras todos os vindouros. Todos eles se tornaram realidade nos mínimos detalhes. 2. Sidon Ezequiel 28:22,23 (592-570 aC) . E dizer: "Assim diz o Senhor DEUS: Eis que eu sou contra ti, ó Sidom, e serei glorificado no meio de ti e saberão que eu sou o Senhor, quando eu executar juízos em seu E eu vou manifestar minha santidade em seu "Para eu enviar a peste a ela e de sangue para suas ruas, e os feridos cairão no meio dela com a espada contra ela por todos os lados;.. Em seguida, eles saberão que Eu sou o SENHOR. " Previsões 1. Não há menção de sua destruição. 2. Sangue será nas ruas (28:23).
  20. 20. 3. A espada será por todos os lados (28:23). George Davis atinge um bom contraste entre Tiro e Sidon, em seu livro, as profecias que comprovem a Bíblia. Ele diz: A profecia contra Sidon é muito diferente do que Tiro preocupante. Foi predito que Tiro seria destruída, desnudou como uma rocha, e construiu mais nada. A previsão é que contra Sidon sangue estará em suas ruas, seus traspassados cairão no meio dela, ea espada é estar ao seu lado todos os dias. Mas não há nenhuma condenação de extinção pronunciada contra ela como foi o caso de Tiro. Cumprimento Floyd Hamilton explica o que aconteceu no século IV aC: Em 351 aC os sidônios, que tinha sido vassalos do rei persa, rebelou-se e defendeu com sucesso sua cidade contra seus ataques. Finalmente seu próprio rei, a fim de salvar sua própria vida, traiu a cidade ao inimigo.Bem sabendo que a vingança do rei persa seria, 40.000 dos cidadãos se trancam em suas casas, atearam fogo em suas próprias casas e pereceram nas chamas em vez de submeter-se a tortura de seus inimigos!Sangue na verdade foi enviado para as ruas. (Prediction # 2.) Mr. Davis explica que "não uma, mas muitas vezes de sangue tem sido nas ruas [Sidon], ela feridos caíram no meio dela ea espada foi” por todos os lados. “ ”(As previsões # 2 e 3.) Na base da fé cristã, Floyd Hamilton cita outro Sidon tempo foi destruído, por escrito, que logo foi reconstruída Sidon, no entanto, e apesar de ter sido capturado e outra vez, seus cidadãos assassinados e casas arrasadas vez após vez, a cidade tem sempre foi reconstruída, uma George Davis registra: “Nos dias das Cruzadas (Sidon) foi tomada e retomada, uma e outra vez, por forças opostas Três vezes ele foi capturado pelos cruzados, e três vezes ele caiu diante dos exércitos muçulmanos..” E ele observa ainda que mesmo nos tempos modernos tribulação continuou a ser dispensado para a cidade. Tem sido palco de conflitos entre os drusos e os turcos, e entre os turcos e os franceses. Em 1840 Sidon “foi bombardeado pelas frotas combinadas da Inglaterra, França e Turquia.” Morris explica: “Nenhum destino de extinção foi anunciada para Sidon e até hoje é uma cidade de cerca de 20.000 [1956] No entanto, ele teve uma das mais sangrentas histórias toda a cidade já teve.”. 97/113 (Predictions # 1 e 2.) CONCLUSÃO George Davis conclui com uma afirmação arrepiante:
  21. 21. Nenhuma mente humana poderia ter predito 2500 anos atrás, que seria extinto Tiro, Sidon e continuaria, mas sofrem tribulação durante os séculos seguintes, em vez de dores Tiro duradoura, e Sidon, desolada e abandonada durante o longo período. 3. Samaria Oséias 13:16: Samaria vai ser culpado, pois ela se rebelou contra o seu Deus. Cairão à espada, os seus pequeninos serão despedaçados, e suas mulheres grávidas serão rasgados. Miquéias 1:6: Porque eu fazer um montão de ruínas Samaria em campo aberto, a plantação de uma vinha lugares.Eu derramarei suas pedras para o vale, e vai pôr a nu os seus fundamentos. Previsões 1. A cidade vai cair violentamente (Oséias). 2. Vai tornar-se “como um monte no campo” (Micah). 3. Vinhas serão plantadas lá (Micah). 4. Pedras Samaria será derramado para o vale (Micah). 5. As bases devem ser “descoberto” (Micah). Cumprimento Segundo o International Encyclopedia Bíblia Standard, Sargão levou Samaria em 722 aC Não só caem pela espada Samaria em 722, mas também em 331 aC por Alexandre, e uma terceira vez em 120 aC por John Hyreanus, todos os conquistadores causando grandes danos e morte para os cidadãos de Samaria. Mesmo o cético, que afirmaria que a destruição de Samaria veio após o evento não será capaz de discordar sobre o resto das ramificações. Reação John Urquhart registros Henry Maundrell em 1697 ao que ele presenciou: Sabaste é a antiga Samaria, a cidade imperial das dez tribos após a sua revolta contra a casa de Davi ….Esta grande cidade agora é totalmente convertido em jardins, e todos os símbolos que continuam a testemunhar que jamais houve tal lugar, só estão no lado norte, uma praça grande praça cercada de colunas, e no leste alguns pobres restos de uma grande igreja. (Predictions # 2 e 3.) Previsões # 4 e # 5 encontrar satisfação através de Van de Velde, que chama Samaria uma aldeia miserável, composta por algumas casas miseráveis, habitada por um bando de saqueadores …. Os eixos de pilares alguns só se mantêm de pé para indicar os locais das colunatas …. Samaria, uma pilha enorme de pedras! Seus fundamentos descobertos, suas ruas arado, e coberto com campos de milho e olivais …. Samaria foi destruída, mas seu lixo foi atirado para dentro do vale; pedras sua fundação, as pedras antigas quadrangular do tempo de Onri e Acabe, são descobertos, e se deitar espalhadas na encosta da colina. 128/128 (Predictions # 4 e 5.) 4. Gaza-Ashkelon
  22. 22. Existem duas cidades no Mediterrâneo costa oeste do Mar Morto, Gaza e Ashkelon, que foram mencionados na profecia. Amós 1:8 (775-750 aC) “Eu também exterminarei o morador de Asdode, eo que tem o cetro, a partir de Ashkelon, vou mesmo desencadear Meu poder sobre Ecrom, E o resto dos filisteus perecerá”, diz o Senhor DEUS. Jeremias 47:5 (626-586 aC) A calvície veio sobre Gaza; Ashkelon foi arruinada. 0 resto do seu vale, Quanto tempo você vai gash si mesmo? Sofonias 2:4,6 (640-621 aC) Pois Gaza será abandonada, e Asquelom assolada; Ashdod será expulso ao meio-dia, e Ecrom será desenraizada … Assim, o litoral será de pastagens, com cavernas para pastores e currais para os rebanhos …. E a costa será para o restante da casa de Judá, Eles vão pastagens sobre ele. Nas casas de Ashkelon eles vão deitar à noite, porque o Senhor seu Deus vai cuidar de themAnd restaurar sua fortuna. Previsões 1. Os filisteus não continuará (Amós 1:8) 2. A calvície é vinda sobre Gaza (Jeremias 47:5). 3. Desolação virá em Ashkelon (Sofonias 2:4). 4. Pastores e ovelhas vai morar na área em torno de Ashkelon (Sofonias 2:6). 5. Restante da casa de Judá irá reinstalar em Ashkelon (Sofonias 2:7). Cumprimento George Davis comentários: E não só foi Ashkelon destruído, mas toda a nação dos filisteus foi “cortado” exatamente como previsto pelo profeta Ezequiel 2.500 anos atrás. Os filisteus foram destruídas tão completamente que não há uma única vida filisteu em qualquer lugar do mundo de hoje. 37/46 (Prediction # 1). Davis dá uma boa imagem da atual Ashkelon: Após o estabelecimento do Estado de Israel os judeus reconheceram a localização esplêndida da cidade velha de Ashkelon na costa de seu país. Eles decidiram torná-la uma cidade bonita de novo Estado de Israel. O Jerusalem Post diz que a nova cidade de Ashkelon foi “projetada sobre as linhas de uma Cidade Jardim”. Davis acrescenta que hoje, “depois de longos séculos de Ashkelon poderosos deitados em desolação, e, agora está sendo transformada em uma cidade jardim. A costa do Mediterrâneo é de fato para ‘a casa de Judá”, e “na casa de Asquelom deitar à noite. ‘ ”(Prediction # 5.) Davis apresenta uma boa conclusão:
  23. 23. Ashkelon foi destruído exatamente como predito! Os filisteus foram “cortados” da face da terra até não permanece um filisteu em todo o mundo! [Previsão # 1.) E, finalmente, Ashkelon desolada longo (previsão # 31 foi reavivada a partir de suas ruínas dos séculos, e está se tornando uma Cidade Jardim. De Gaza, Peter Stoner escreveu: A cidade de Gaza ainda existe, por isso há muito tempo, a profecia que diz respeito a Gaza foi pensado para estar em erro. Finalmente, um estudo cuidadoso foi feita a localização da Faixa de Gaza, como descrito na Bíblia, e verificou-se que a nova cidade de Gaza estava no local errado. A pesquisa foi feita para a cidade antiga e foi encontrado enterrado sob as dunas de areia. Ele tinha de fato se tornar calvo. Que melhor descrição poderia dar de uma cidade enterrada sob as dunas de areia do que dizer que se tornou careca?(Prediction # 2.) John Urquhart expande desaparecimento total da Faixa de Gaza: "É tão abandonado que não há uma cabana simples descansando em seu site É tão careca que nem a coluna nem pedra de pé marca o lugar onde a cidade estava, nem há uma única lâmina de. grama em que o olho cansado pode descansar. " 5. Petra e Edom (E/287-93) "Ao todo, seis condenação heap profetas sobre esta nação Edom:. Isaías, Jeremias, Ezequiel, Joel, Amos, Obadias" "Suas profecias sobre Edom", escreve George Smith, "número tão grande, eles são tão exuberante na linguagem, tão diversas, grande, e os minutos, que muitas páginas pode ser preenchido em recitá-los, e muitos mais empregados em mostrar seus exatos e cumprimento integral. " Previsões 1. Edom se tornará uma desolação (Isaías 34:13). 2. Isso nunca vai ser preenchido novamente (Jeremias 49:18). 3. Ele vai ser conquistado por nações (Ezequiel 25:14). 4. Será conquistada por Israel (Ezequiel 25:14). 5. Deve ter uma história sangrenta (Ezequiel 35:5,6, Isaías 34:6,7). 6. Edom será assolada, tanto quanto a cidade de Temã (Ezequiel 25:13). 7. Animais selvagens vão habitam a área (Isaías 34:13-15). 8. Comércio deixará (Isaías 34:10, Ezequiel 35:7). 9. Espectadores ficará surpreso (Jeremias 49:17). HISTÓRIA DE EDOM APÓS PROFECIAS A queda da Assíria marcou o período aproximado de conclusão das profecias contra Edom. O que se segue é a história depois de as profecias foram concluídas. "O Nabeans são provavelmente" os filhos do oriente 'mencionados em Ezequiel 25:4. Algum tempo durante o sexto século aC [eles] conseguiu expulsar Edom de suas fortalezas rock e tomar a cidade de Petra. “ (Prediction # 3.)
  24. 24. Discutir o cumprimento da predição # 4, Bernard Ramin explica a conquista judaica de Petra e Edom: Que os judeus conquistaram eles (edomitas) é provado por referência a I Macabeus 5:03 e Antiguidades de Josefo (XII, 18, 1). Eles foram atacados sucessivamente por João Hircano e Simão de Gerasa. Portanto, a previsão de que os judeus também iria conquistá-los foi cumprida. Em torno da época do nascimento de Cristo, Petra era próspero. Citando Estrabão, que viveu naquela época, George Davis explica, “Petra também foi uma cidade de grande prosperidade. Estrabão diz que foi o término de uma das rotas comerciais grandes da Ásia. Era o mercado dos árabes por sua spice e incenso. “ Dicionário da Bíblia Unger , a respeito de Edom durante a época romana, os registros: Os edomitas estavam agora incorporadas com a nação judaica, e toda a província era freqüentemente denominado por gregos e romanos Idumaea escritores. Imediatamente antes do cerco de Jerusalém por Tito, 20.000 Idumaeans foram admitidos para a Cidade Santa, que se encheram de roubo e derramamento de sangue. A partir deste momento, os edomitas, como um povo separado, desaparecem das páginas da história. Quando os judeus precisavam de ajuda a mais, durante o cerco romano (70 dC), foi quando os edomitas machucar o pior. ”Após o massacre dos judeus”, escreve David Higgins, “os idumeus voltou para casa. Mas, com a queda de Jerusalém em 70 dC os filhos de Esaú desaparecer como um povo separado do palco da história registrada.” (Prediction # 5.) Ao acima, Davis acrescenta: Petra, capital da terra de Edom, foi uma das maravilhas do mundo antigo. Foi construído a partir de uma montanha de rocha. Muitos de seus edifícios foram escavadas na rocha sólida. Petra apresenta uma vista estupenda com o seu rock-hewn edifícios, esculpida na montanha muito próprio, de pedra-de-rosa vermelha bonita. Era praticamente inexpugnável do ataque de inimigos. Havia apenas um longo e estreito canyon-como entrada, onde uma pequena força de soldados poderia proteger a cidade de ser tomada por um grande exército. Mas o que Petra parece hoje? A descrição é como algo de assustador histórias Edgar Allen Poe, mas é totalmente verdade. George Smith descreve vividamente Edom referindo-se a vários autores: O cumprimento destas profecias é igualmente completa, e tão minuciosamente exata como a anterior.Mangles capitão, que visitou estas ruínas, diz que ao examinar o cenário de Petra, “os gritos das águias, gaviões e corujas, que estavam sobrevoando nossas cabeças em número considerável, aparentemente irritado com alguém se aproximando de sua habitação solitária, acrescentou muito para a singularidade da cena. “ Foi também declarou: “Deve ser uma habitação de chacais (ou serpentes). Coloquei seus resíduos herança aos chacais do deserto.” Dr. Shaw representou a terra de Edom, eo deserto do qual agora faz parte “, como abundante com uma variedade de lagartos e cobras, que são muito numerosos e problemático.”Volney e relata que “os
  25. 25. árabes, em geral, evite as ruínas das cidades de Edom, por conta dos escorpiões enormes com as quais eles enxame”. Tão abundantes, como observado por Mr. Cory “, são os escorpiões, em Petra, que, apesar de ter sido frio e neve, que os encontrou sob as pedras, às vezes dois sob uma pedra!” O sheik, e seu irmão, que acompanhou o Sr. Cory, assegurou-lhe que “ambos os leões e leopardos são freqüentemente vistas em Petra, e sobre as colinas imediatamente para além dela, mas que nunca descem para a planície abaixo.” Como o termo “sátiro” é conhecido por ser geralmente aplicado a um animal fabuloso, o uso do nome nas Escrituras tem ocasionado alguma surpresa e indagação. A palavra significa “uma áspera peludo”, e pode muito bem ter sido usado para designar a cabra selvagem, grandes manadas de que são encontrados nestas montanhas. (Predictions # 1, # 2, # 7 e # 9). Higgins amarra a profecia com as realizações: Uma e outra vez desolação de Edoin é anunciada. No tempo dos profetas tal previsão parecia mais improvável de realização. Mesmo após os edomitas tinham sido empurrados para fora, o [Nabeans] desenvolveram uma civilização próspera, que durou séculos. Mas Deus tinha dito: “porei as tuas resíduos cidades.” Hoje a terra está deserta, um testemunho mudo da Palavra certeza do Senhor. Petra é um exemplo notável do cumprimento literal da profecia. Este grande capital antiga com os seus bancos de teatro 4000, seus templos, seus altares e os seus monumentos, está agora em silêncio e sozinho, deteriorando com o passar do tempo. (Predictions # 1, # 2 e # 8.) Herbert Stewart dá uma descrição mais detalhada: O chão é coberto com pilares quebrados e calçadas, montes de pedras lavradas, e muitas outras ruínas.Scorpions e corujas abundam entre suas ruínas. Burchardt, uma das mais ousadas e mais ousado dos viajantes, diz que ele nunca soube o que era medo, até que chegou perto de Petra. Ao cair da noite o uivo do chacal é ouvida do alto das rochas, respondeu por um outro muito a Wadi. A pedra em que o viajante pode sentar- se está cercado por urtigas e cardos no que havia sido nos recintos dos templos ou palácios nobres de beleza, e tudo mencionado nas passagens citadas [Isaías 34:10-14; Jeremias 49:161 durante o séculos passados ter encontrado lugares de descanso dentro da cidade deserta. (Predictions # 1, # 7 e # 8.) George L. Robinson elucida os sentimentos de pé em Petra hoje: Petra é um lugar que surpreende e confunde, mas acima de tudo, fascina. A sua primeira visita é um acontecimento em sua vida. Sentimentos Elemental agitar, novamente você sabe o que é temor e humildade. Você tem um sentido da obra de Deus através do homem e sem homem. Se você nunca experimentou a sensação de antes, aqui na última vez que você vir sob o encanto do mistério. O lugar parece tão remoto assim sem relação com seu entorno … tão desconhecido e tão desconhecidas. Que outra cidade foi perdido por mil anos e no passado, quando tropeçou por acidente, teve ainda tanto a sua glória com a qual deixou de surpreender o viajante espantado? (Prediction # 9.) Cumprimentos específicos
  26. 26. Previsões indivíduo vai agora ser exposto. O primeiro tem sido tratado de forma muito eficaz: Edom é claramente um lugar desolado. O segundo foi estabelecido de forma igual. A aquisição muçulmano de Edom, no século VI dC, certamente pode qualificar como “pagãos” conquista da previsão terceiros. A previsão quarto, conquistada por Israel: , Foi predito em Ezequiel 25:14 que Israel seria usado por Deus para se vingar de Edom. Considerando o fato de que Israel estava em cativeiro na Babilônia, como uma profecia provavelmente parecia ridícula. No entanto, cerca de quatro séculos mais tarde, a previsão encontra o seu cumprimento em Judas Macabeu e Hircano John. Milhares de edomitas foram mortos ea nação foi forçado a se submeter à circuncisão judaica, e para todos os efeitos práticos se tornaram judeus. A previsão quinta, a de uma história sangrenta, segue: Um estudo da história Edom, já deu isso. Assíria invadiu a terra e reduzir à servidão Edom. A vinda de Nabucodonosor, teve seu preço. A migração dos nabateus reduziram seus números. Quarenta mil edomitas morreu na mão de Judas Macabeu. O cumprimento da previsão de sexta, sobre Temã, ou Maan, é descrito por Floyd Hamilton: E por mais estranho que possa parecer, Temã, ou Maan, como é chamado hoje, ainda é uma cidade próspera, na fronteira oriental da terra de Edom, ea única cidade em toda a terra que não é deserta! Poderia qualquer realização mais maravilhosa da profecia ser encontrada do que isso? Acho que o que há pequena chance seria de um mero homem escolhendo apenas uma cidade em toda a terra como a cidade que deve viver ao longo dos séculos, enquanto todas as outras cidades compartilhado em geral o destino de destruição e desolação! Só Deus poderia prever tal resultado, eo livro que contém tais profecias devem ser Seu Livro! A previsão sétimo, sobre os animais selvagens, tem sido confirmada anteriormente. Da previsão oitavo, a cessação do comércio, D. Higgins diz, Isaías disse que “ninguém deve passar por ele para todo o sempre” (34:10), para que Ezequiel acrescenta: “Eu vou cortar dela ele que passa pelas” (35:7). Que o comércio de Edom deve cessar era impensável, porque a terra era a encruzilhada das rotas comerciais. Mas a profecia foi literalmente cumprida. De William G. Blaikie ‘s manual de História A Bíblia , sobre a profecia de que “ninguém passará por ela”, vemos a objeção de que a profecia … não foi literalmente cumprida, na medida em que os viajantes passaram por Edom, é evidentemente frívolos. Quando os fluxos de tráfego vasta que costumava passar por Edom foram tão retirada que não é um único caravana já vi na rota, a profecia tem certamente sido abundantemente verificado. A previsão nono, o do espanto dos espectadores, também foi totalmente explorado. Higgins faz um bom resumo: “Jeremias, indicou que aqueles que passaram por Edom seria espantado com sua desolação …. O magníficas cidades de Edom foram
  27. 27. devastadas e os viajantes curiosos nunca deixam de admirar as fortalezas abandonadas nas montanhas.” PROBABILIDADE E CONCLUSÃO Muitas pessoas provavelmente perceber que esta estimativa de profecia é difícil de entender, o melhor curso de ação é para trazê-la perto de casa. Edom foi cerca de 60 quilômetros de largura e 110 quilômetros de extensão; este reino retangular foi de aproximadamente 6.600 milhas quadradas. O “reino” de New Jersey é cerca de 7.500 quilômetros quadrados. Considere uma previsão hipotética: (1) New Jersey se tornará desolada. (2) Nunca será reinhabited depois que ele é conquistado. (3) Ele vai ser invadida por homens do Oriente, do outro lado do mar. (4) Também será conquistado pelos homens do Norte. (5) Vai ter um futuro mais sangrenta e corrupta do que qualquer outra nação no Reino Unido da América. (6) Será totalmente destruído até Filadélfia. (7) O local do antigo reino será infestada de animais selvagens e animais. Se fosse para prever isto hoje a sério, ele seria ou ridicularizados, ignorados ou trancados. Parece ridículo. Três 100000000-1 probabilidades seria conservadora, mas que é mais ou menos o que aconteceu na vida real para Edom. Edom foi populoso e poderoso; Israel foi quebrado e cativo na Babilônia, e foi Ezequiel, que fez profecias fantásticas demais para ser verdade, mas eles se tornaram realidade. A dura realidade é a fitar-nos na cara. A profecia foi real. Ira de Deus é real. Ezequiel foi real. As ruínas de Petra são muito reais. O Povo Judeu Se alguém deseja saber se ou não o Deus da Bíblia existe, uma das mais fortes razões pelas quais ele pode examinar é o povo judeu. Uma pesquisa honesta sobre esta questão irá fornecer mais de uma resposta adequada à veracidade da fé cristã. Cerca de 4.000 anos atrás, Deus chamou um homem chamado Abrão para fora do país onde vivia e deu-lhe estas promessas: Eu vos farei uma grande nação, e te abençoarei e engrandecerei o teu nome, assim você será uma bênção: E Abençoarei os que te abençoe e aquele que amaldiçoa os que o amaldiçoarem; e em todas as famílias da terra serão abençoadas (Gênesis 12:2,3). E o Senhor disse a Abrão … Agora levante os olhos e olha desde o lugar onde você está, para o norte e sul e leste e oeste, por toda a terra que você vê, eu darei a você e à sua descendência para sempre (Gênesis 13:14,15) . Em outras palavras, Deus prometeu a Abrão (1) uma grande nação; (2) um grande nome, (3) sendo uma bênção para todas as nações, e (4) uma terra que será para sempre pertencem a seus descendentes. Várias centenas de anos depois que Deus fez essas promessas a Abrão, a grande nação tinha de fato apareceu, com milhões de adeptos. Eles estavam prestes a entrar na terra da promessa, quando Deus, através de seu líder, Moisés, deu-lhes alguns avisos como registrado em Deuteronômio capítulos 28-33.
  28. 28. Deus advertiu-os contra a desobediência e prometeu que usaria outras nações para removê-los do que a terra se eles eram infiéis a ele. Ele previu que viria a ser espalhadas por toda a terra como estranhos em terras desconhecidas e que eles iriam encontrar nenhum resto de suas andanças. No entanto, Deus em Sua fidelidade fez promessa de trazê-los de volta à sua terra. Qual tem sido o veredicto da história? Os filhos de Israel, embora eles foram avisados, caiu em idolatria e foram retirados de sua terra natal. Em 606 aC o rei Nabucodonosor levou o povo cativo para a Babilônia e retornou em 588-586 aC, altura em que, após um longo cerco, ele queimou a cidade eo Templo. No entanto, como Deus prometeu, Ele permitiu que aqueles que desejavam retornar à terra em 537-536 aC, ou depois de 70 anos (Esdras, capítulo 1). A remoção de sua terra natal ocorreu uma segunda vez no ano 70 dC quando Tito destruiu o romano da cidade de Jerusalém e dispersou o povo. Por quase 1.900 anos, os judeus vagaram sobre a terra como estranhos que foram perseguidos por todos os lados. Isso culminou com o holocausto da Segunda Guerra Mundial, quando seis milhões de judeus foram mortos nos campos de concentração. No entanto, contra todas as probabilidades, o estado de Israel renasceu em 14 de maio de 1948, e os judeus começaram a retornar à sua pátria de todos os pontos da bússola. Esta foi a segunda vez em sua história desde que se tornou uma nação que eles têm de voltar à sua terra. Desde 1948 eles sobreviveram alguns conflitos terríveis, inclusive a 1967 Guerra dos Seis Dias de 1973 e Guerra Dia Santo. Por tudo isso, a nação não pereceu, nem perdeu a sua identidade nacional. A história tem demonstrado que qualquer pessoas que deixam sua terra natal vontade, após cerca de cinco gerações, perdem a sua identidade nacional por ser absorvido pela nova cultura, mas os judeus permaneceu uma entidade distinta. Não só eles têm sobrevivido, mas também as nações que perseguiram-Moabe, Amom, Edom, Filístia e muitos outros, quer tenham sido destruídos ou perderam completamente a sua identidade individual. Alguma vez você já barba de um moabita sueco? A filisteu russo? A edomita alemão? Um amonita americano? Não! Essas pessoas foram totalmente absorvidos outras culturas e raças. No entanto, você já ouviu falar de um judeu sueco? Um judeu russo? Um judeu alemão? Um judeu americano? Sim! Como profetizado, eles não perderam a sua identidade.
  29. 29. Como posso ter certeza de que a Bíblia está falando a verdade? Centenas de livros já foram escritos sobre as evidências da inspiração divina da Bíblia. Estas evidências são muitas e variadas. Infelizmente, esses livros não são tão lidos atualmente o quanto seria desejável. Na verdade, a maioria das pessoas que questionam a veracidade da Bíblia nunca a leram! Estas pessoas tendem a aceitar a crença popular de que a Bíblia está cheia de erros e que não é mais importante em nosso mundo moderno. Entretanto, os escritores da Bíblia afirmam repetidas vezes que eles estavam transmitindo a própria Palavra de Deus: infalível e tendo autoridade em si própria no mais alto grau possível. Este é uma afirmação muito forte para um escritor e se os cerca de quarenta homens que escreveram as Escrituras estavam errados em fazê-la, então eles estavam ou mentindo, ou eram loucos, ou as duas coisas. Mas, por outro lado, se o maior e mais influente livro de todas as épocas - um livro que contém a mais bela literatura e o mais perfeito código moral já imaginado - foi escrito por um bando de fanáticos, então há alguma esperança de encontrar sentido e próposito neste mundo? Se alguém investigar seriamente as evidências bíblicas, esta pessoa irá descobrir que a afirmação de ser divinamente inspirada (declarada cerca de 3000 vezes na Bíblia de diversas formas) é amplamente justificada. Profecias cumpridas Uma das mais incríveis evidências para a inspiração divina da Bíblia são as profecias que se cumpriram. Centenas de profecias feitas na Bíblia vieram a se cumprir até o último detalhe. E a maioria delas foi cumprida quando o seu escritor já havia morrido. Por exemplo: Em cerca de 538 AC (Daniel 9:24-27), Daniel, o profeta, predisse que Jesus viria como o Salvador e Príncipe prometido para Israel exatamente 483 anos depois que o imperador persa desse aos judeus permissão para reconstruir a cidade de Jerusalém que estava em ruínas nesta época. Essa profecia foi clara e definitivamente cumprida no tempo exato. A Bíblia também contém uma grande quantidade de profecias tratanto de nações e cidades específicas ao longo da história, todas as quais foram
  30. 30. literalmente cumpridas. Mais de 300 profecias foram cumpridas pelo próprio Jesus Cristo durante a sua primeira vinda. Outras profecias lidam a difusão do Cristianismo pelo mundo, falsas religiões e muitos outros assuntos. Não há outro livro, antigo ou moderno, como a Bíblia. As profecias vagas e geralmente errôneas, feitas por pessoas como Jeanne Dixon, Nostradamus, Edgar Cayce e outros como eles, não podem, nem de longe, serem colocadas na mesma categoria das profecias bíblicas. Nem outros livros religiosos como o Alcorão, os escritos de Confúcio e literatura religiosa similar. Somente a Bíblia manifesta esta evidência profética e ela a faz em uma escala tão gigantesca que torna absurda qualquer outra explicação que não a sua inspiração divina. Uma acurácia histórica única A acurácia histórica das Escrituras é também uma classe de evidências por si só, infinitamente superior aos registros escritos deixados pelo Egisto, Assíria e outras nações antigas. As confirmações arqueológicas do registro bíblico são quase inumeráveis. O Dr. Nelson Glueck, a maior autoridade em arqueologia israelita, disse: “Nenhuma descoberta arqueológica jamais contradisse qualquer referência bíblica. Dezenas de achados arqueológicos foram feitos que confirmam em exato detalhe as declarações históricas feitas pela Bíblia. E, da mesma maneira, uma avaliação própria de descrições bíblicas tem geralmente levado a fascinantes descobertas no campo da arqueologia moderna.” Acurácia científica Uma outra espantosa evidência da inspiração divina da Bíblia é o fato de que muitos princípios da ciência moderna foram registrados como fatos da natureza na Bíblia muito antes que qualquer cientista os confirmasse experimentalmente. Uma amostra destes fatos inclui:  A redondeza da terra(Isaías 40:22)  A quase infinita extensão do universo (Isaías 55:9)  A lei da conservação de massa e energia (II Pedro 3:7)  O cíclo hidrológico (Eclesiastes 1:7)  O vasto número de estrelas (Jeremias 33:22)  A lei do aumento da entropia (Salmo 102:25-27)  A suma importância do sangue para a vida (Levítico 17:11)  A circulação atmosférica (Eclesiastes 1:6)  A campo gravitacional (Jó 26:7)  e muitos outros Estes fatos obviamente não são declarados no jargão da ciência moderna, mas em termos da experiência básica no homem no dia-a-dia. Ainda assim, eles estão completamente de acordo com o fatos modernos da ciência.
  31. 31. É significativo também que nenhum erro jamais foi demonstrado na Bíblia, seja em ciência, história ou qualquer outro assunto. Muitos erros foram de fato declarados, mas eruditos bíblicos conservadores sempre foram capazes de encontrar soluções para esses problemas. Estrutura única A incrível estrutura da Bíblia deve ser colocada em perspectiva também. Embora ela seja uma coleção de 66 livros, escritos por cerca de quarenta homens ao longo de um período de cerca de 2000 anos, a Bíblia ainda assim é um só Livro, em perfeita unidade e consistência. Os escritores individuais, na época em que escreviam, não tinha idéia de que, eventualmente, seus escritos seria incorporados em um só livro. Entretanto, cada um desses escritos individuais preenche perfeitamente o seu lugar e serve a um único propósito. Qualquer pessoa que estude diligentemente a Bíblia irá encontrar padrões estruturais e matemáticos cuidadosamente bordados em seu tecido com uma intrincácia e simetria que não são passíveis de explicação através do acaso ou coincidência. E o tema que a Bíblia desenvolve consistente e grandiosamente de Genêsis ao Apocalipse é o majestoso trabalho de Deus na criação do universo e a redenção de todas as coisas através de seu único filho, o Senhor Jesus Cristo. O efeito único da Bíblia A Bíblia tanbém é única em seu efeito sobre homens em individual e sobre a história das nações. Ela é o livro mais vendido de todas as épocas, tocando corações e mentes, amada por pelo menos uma pessoa em qualquer raça, nação ou tribo para a qual foi levada. Ricos ou pobres, educados ou simples, reis ou plebeus, homens de qualquer origem ou modo de vida já forma atingidos por esse livro. Nenhum outro livro jamais teve tal apelo universal ou produziu efeitos tão duradouros. Uma evidência final de que a Bíblia é verdadeira é o testemunho dos que acreditaram nela. Multidões de pessoas, no passado e no presente, descobriram por experiência própria que suas promessas são verdadeiras, seu conselho é confiável, seus comandos e restrições são sábios e que sua maravilhosa mensagem de salvação vai ao encontro de qualquer necessidade para todo o tempo e eternidade. Descobrindo a Bíblia Extremamente recomendado!
  32. 32. Quem escreveu a Bíblia? – Uma carta de Deus "Quem escreveu a Bíblia?" é uma pergunta feita, sem dúvida, por muitos que estão cientes do impacto que este livro tem feito em pessoas ao redor do mundo. A Bíblia dá orientação à nossa jornada da vida até à eternidade, assim como nos leva a um relacionamento com o Deus do universo. Ela é um livro histórico apoiado pela arqueologia, e um livro profético que tem se mostrado verídico em todas as suas afirmações até agora. Diante de todos esses fatos, querer saber quem escreveu a Bíblia é uma questão vital que merece investigação séria e uma resposta séria. A Bíblia é a carta de Deus para a humanidade. Ela é dividida em 66 livros escritos por 40 escritores divinamente inspirados. Estes escritores vêm de todas as esferas da vida (ou seja, de reis a pescadores) ao longo de um período de 1.500 anos ou mais. Estas afirmações podem parecer dramáticas (ou irreais para alguns), mas um estudo cuidadoso e honesto das Escrituras provará que são verdadeiras. Quem escreveu a Bíblia? – Evidência de Inspiração Divina “Quem escreveu a Bíblia?” é uma questão que pode ser respondida ao examinar os textos bíblicos à luz das evidências externas que sustentam suas afirmações. 2 Timóteo 3:16 diz: “Toda a Escritura é inspirada por Deus…” Em 2 Pedro 1:20-21, Pedro relembra o leitor: “sabendo, primeiramente, isto: que nenhuma profecia da Escritura provém de particular elucidação; porque nunca jamais qualquer profecia foi dada por vontade humana; entretanto, homens {santos} falaram da parte de Deus, movidos pelo Espírito Santo.” A Bíblia mesmo nos diz que Deus é o autor do Seu livro. Deus não nos deixa reivindicações de Sua obra divina apenas na Bíblia, mas também em provas irrefutáveis. O design da Bíblia em si é um milagre. Ela foi escrita ao longo de mais de 1.500 anos por escritores muito diferentes, mas cada livro da Bíblia é coerente em sua mensagem. Estes 66 livros falam sobre a história, profecia, poesia e teologia. Apesar da sua complexidade, das diferenças nos estilos de escrita e dos longos períodos de tempo, os livros da Bíblia concordam milagrosamente em seu tema, nos fatos e em como as referências concordam umas com as outras. Nenhum ser humano poderia ter planejado uma combinação tão complexa de livros ao longo de um período de 1.500 anos. Os manuscritos da Bíblia (lembre-se que não houve máquinas de impressão até 1455) têm sobrevivido apesar de condições meteorológicas ruins, de perseguição e do passar do tempo. A maioria dos textos antigos escritos em materiais fracos como o papiro tem desaparecido por completo. No entanto, muitas cópias das escrituras do Antigo Testamento sobreviveram. Por exemplo, os Manuscritos do Mar Morto contêm todos os livros do Antigo Testamento, exceto Ester, e foram datados de antes da época de Cristo. Considere a obra de Júlio César “As Guerras Gálicas”. Apenas dez cópias escritas cerca de 1.000 anos após o evento estão em existência. Em comparação, existem mais de 24.000 manuscritos do Novo Testamento, com os primeiros sendo de cerca de 24 anos depois de Cristo. A Bíblia também valida sua autoria divina através de profecias cumpridas. Surpreendentemente, cerca de 668 profecias têm sido cumpridas e nenhuma tem sido provada como sendo falsa (três ainda não foram confirmadas). Um estudo honesto da profecia bíblica mostrará de maneira convincente a autoria sobrenatural da Bíblia. Além disso, a arqueologia confirma (ou em alguns casos dá suporte) as narrativas do registro bíblico. Nenhum outro livro sagrado se aproxima da Bíblia na quantidade de evidência que sustenta a sua autoria divina. Quem escreveu a Bíblia? – Uma pergunta de significado eterno "Quem escreveu a Bíblia?" é de fato uma pergunta que todos devem fazer. Se de fato ela é a Palavra do Deus vivo, então nenhum outro livro nos dá melhor discernimento sobre as nossas vidas, mais esperança para o nosso futuro e um verdadeiro caminho para um relacionamento com Deus. Pesquise a Bíblia com franqueza e honestidade e veja por si mesmo o que o Criador do universo quer lhe dizer! - See more at: http://www.allabouttruth.org/portuguese/quem-escreveu-a- biblia.htm#sthash.4tF3qyDS.dpuf

×