Existem vários tipos de estudo, e muitas maneiras de classificar um estudo
(Fig 1). Mas podemos dividi-los em 4 grandes gr...
Figura 2
• Questionário sócio demográfico: são perguntas
gerais sobre você, sobre seu emprego, sua
escolaridade entre outr...
Slide 3
A laranja é grande? É pequena? Se você nunca tivesse visto uma
laranja, ou seja, se não tivesse Valores de Referên...
Slide 4 Dobras Cutâneas
TricipitalSubescapular Biciptal
Axilar Média Suprailíaca Coxa
Coxa Panturrilha
Slide 5: Perímetros
Braço Relaxado Braço Contraído
Um dos pontos da
medida da cintura
Quadril
Coxa medial Panturrilha
Slide 6: Diâmetros
Diâmetro do Círculo
Diâmetro Biepicondilar do úmero
Biepicondilar do fêmurBiestilóide
Observação: as me...
Slide 7: Bioimpedância
Posicionamento dos eletrodos para o exame.
Além de quanta gordura o exame de bioimpedância fornece ...
Slide 8: Espessura de tecido
adiposo subcutâneo
Slide 9: Dinamometria
Você vai apertar com o máximo de força possível o equipamento.
Slide 10: Ética
Comitê de Ética em pesquisa: é formado por várias pessoas de
todas as áreas. Eles devem ver se a pesquisa ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Entendendo a pesquisa

373 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
373
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Entendendo a pesquisa

  1. 1. Existem vários tipos de estudo, e muitas maneiras de classificar um estudo (Fig 1). Mas podemos dividi-los em 4 grandes grupos: 1 – estudos em modelo experimental: células, animais, etc. Geralmente são os primeiros estudos feitos para descobrir se um remédio funciona ou se alguma coisa tem efeito em uma doença. 2 – estudos observacionais: o pesquisador só observa, e mede algo, mas não testa nenhum tipo de maneira de mudar aquilo, ou seja não há intervenção. 3- estudos experimentais: são estudos em que o pesquisador tenta ver se alguma coisa funciona para mudar outra ou o que é melhor para fazer a mudança (por exemplo testar 2 remédios para ver qual diminui mais a febre de um bebe). 4 – revisões da literatura: é quando o pesquisador vai ver o que os outros pesquisadores já falaram sobre aquele assunto. Então ele tem que ver se falta descobrir algo, se tem pontos que podem ser melhorados na metodologia que foi usada. Observação: metodologia é o jeito que a pesquisa foi feita, como as coisas foram medidas. Slide 1
  2. 2. Figura 2 • Questionário sócio demográfico: são perguntas gerais sobre você, sobre seu emprego, sua escolaridade entre outras coisas. • Questionário de nutrição: você vai responder 2 tipos de questionário sobre o que você come. Um é o recordatório de 24 horas, ele quer sabar o que você comeu no último dia. O outro questionário é de frequência alimentar, ele quer saber o que você come no dia-dia. • Questionário de Atividade Física: é um questionário que quer saber o quanto você se mexe para brincar, para praticar esportes, para trabalhar, para ir de um lugar para o outro etc. • Figuras para auto avaliação do estágio maturacional (crianças e adolescentes): é para ver em que fase do desenvolvimento a criança/adolescente está (pré-púbere, púbere, pós- púbere). É importante porque em cada fase o valor de referência deve ser um pouco diferente (como uma laranja bem verde, quase madura e uma madura). • Silhuetas para auto imagem corporal: nesse caso se quer saber como você se vê (gordo? Magro? Médio?) Slide 2
  3. 3. Slide 3 A laranja é grande? É pequena? Se você nunca tivesse visto uma laranja, ou seja, se não tivesse Valores de Referência, não teria como responder. Se pegássemos muitas laranjas de medíssemos todas elas. Saberíamos qual o tamanho médio e poderíamos saber se essa laranja está na média, abaixo ou acima e quanto está abaixo ou acima da média. A pesquisa que você vai participar quer saber qual é o valor médio da composição corporal (veja a figura X) na população brasileira. Mas porque pesquisar a população brasileira? Não tem valor de referência de outros lugares? Sim, em outros países já pesquisaram valores de referência. Mas em cada lugar as pessoas têm características diferentes, então os valores de referência podem mudar. Voltado ao exemplo da laranja. Provavelmente o “valor de referência” de uma laranja de “umbigo” é maior que de uma laranja “do céu”, então não dá para comparar uma com a outra. Se nós usarmos valores de referência de outro país, podemos dizer que alguém que está com o peso ideal, está muito pesado, ou muito leve.
  4. 4. Slide 4 Dobras Cutâneas TricipitalSubescapular Biciptal Axilar Média Suprailíaca Coxa Coxa Panturrilha
  5. 5. Slide 5: Perímetros Braço Relaxado Braço Contraído Um dos pontos da medida da cintura Quadril Coxa medial Panturrilha
  6. 6. Slide 6: Diâmetros Diâmetro do Círculo Diâmetro Biepicondilar do úmero Biepicondilar do fêmurBiestilóide Observação: as medidas serão realizadas nos pontos anatômicos mostrados acima, porém algumas delas serão verificadas de maneira um pouco diferente, de acordo com normas aceitas em todo o mundo e divulgadas pela da ISAK – International Society for the Advancement of Kinanthropometry Abdominal sagital
  7. 7. Slide 7: Bioimpedância Posicionamento dos eletrodos para o exame. Além de quanta gordura o exame de bioimpedância fornece vários dados: - Impedância: é quanto da corrente elétrica não passa. - Reatância: é um “atraso” na passagem da corrente. Quanto maior a reactância maior a integridade celular, ou seja, significa que as células do corpo estão inteirinhas, com a parede celular inteira. - Ângulo de fase: é um cálculo que se faz com a impedância e a reatância. - Água intracelular e água extracelular: quanto mais água intracelular, mais saudável a pessoa. - O percentual de gordura, de massa magra, o nível de proteína e conteúdo mineral ósseo (densidade óssea) são obtidos através de alguns cálculos.
  8. 8. Slide 8: Espessura de tecido adiposo subcutâneo
  9. 9. Slide 9: Dinamometria Você vai apertar com o máximo de força possível o equipamento.
  10. 10. Slide 10: Ética Comitê de Ética em pesquisa: é formado por várias pessoas de todas as áreas. Eles devem ver se a pesquisa proposta está de acordo com as regras de ética. Termo de Consentimento Livre e esclarecido: é um documento que deve ser feito em duas vias (uma fica com a pessoa que vai participar e a outra com o pesquisador). Nele devem constar todos os exames que serão feitos, se tem risco de desconforto, quais benefícios da pesquisa, a garantia de que o nome das pessoas não vai aparecer em lugar nenhum. Quando o participante for menor de idade o TCLE deve ser assinado pelos pais ou responsáveis legais. Termo de assentimento: quando o participante da pesquisa é menor de idade, além do TCLE que é assinado pelo pai ou responsável, o pesuisador deve explicar a pesquisa para a criança/adolescente e pedir para ela assinar o Termo e Assentimento. O pesquisador sempre tem que deixar bem claro que a pessoa não terá nenhum prejuízo se não quiser participar da pesquisa. Também deve deixar claro que pode sair da pesquisa quando quiser.

×