1[ ]Eficiência Energética em EdificaçõesRoberto LambertsUniversidade Federal de Santa CatarinaLaboratório de Eficiência En...
23A indústria da construção no mundo• A industria da construção é um dos setores mais importantesda economia mundial• Os g...
35Consumo de energia no mundoEvolução do consumo de energia primária por habitante0200040006000800010000120001400019911992...
47Desenvolvimento sustentável• Ecologicamente correto• Socialmente justo• Economicamente viável8Consumo de energia elétric...
59Consumo de energia elétrica no BrasilConsumo de energia elétrica X PIB01020304050607080901987198919911993199519971999200...
611Lei da Eficiência Energética• LEI Nº 10295, DE 17 DE OUTUBRO DE 2001Dispõe sobre a Política Nacional de Conservação e U...
713Uso final de energia elétrica no setor residencialBRASILGeladeira22%Freezer5%Lampadas14%Chuveiro24%Ar Condicionado20%TV...
815Uso final de energia elétrica no setor residencialSULGeladeira16%Freezer7%Lampadas8%Chuveiro25%Ar Condicionado32%TV7%Fe...
917Zoneamento bioclimático brasileiroDe acordo à NBR 15220-318Zona bioclimática 3 - Florianópolis• Estratégia verão:• Vent...
1019Regulamentação para Etiquetagem - Residencial• Envoltória;• Sistema de Condicionamento de Ar;• Sistema de Aquecimento ...
1121Projeto Casa Eficiente - Florianópolis• Vitrine de tecnologias deponta de eficiênciaenergética e confortoambiental vol...
1223Projeto Casa Eficiente - Florianópolis• Estratégias:• Orientação solar: ventos, eaproveitamento da radiaçãosolar.• Fav...
1325Setor comercial26Uso final de energia elétrica no setor comercialEscritóriosIL = 50 %AC = 34 %BancosIL = 52 %AC = 34 %...
1427Uso final de energia elétrica no setor comercial199028Usos finais escritórios3628522616125733 344264677525313861017131...
1529Uso final de energia elétrica no setor comercial ATDistribuição do Consumo por Uso FinalIluminação22%Demais Cargas31%A...
1631Variáveis que influenciam o consumo de energiaArquiteturaIluminaçãoEquipamentosOcupantesInfiltração/Ventilação32Arquit...
1733Sistemas do IluminaçãoDaylight integrationControles:T5 - 28W2.900 lm103,6 lm/W34Cargas Internas: EquipamentosEnergy Sa...
1835Regulamentação para Etiquetagem - ComercialRegulations and Certification• 1. Termonologia• 2. Introdução• 3. Sistemas ...
1937Primavera Green OfficeStrategies38Eficiência Energética em Edificações• Arquitetura BioclimáticaIncorporadoresArquitet...
2039Eficiência Energética e Sustentabilidade• Etiqueta de nível de eficiência energética em edificaçõescomerciais e públic...
2141Temos que mudar......
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Artigo eficiencia energética

500 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
500
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Artigo eficiencia energética

  1. 1. 1[ ]Eficiência Energética em EdificaçõesRoberto LambertsUniversidade Federal de Santa CatarinaLaboratório de Eficiência Energética emEdificaçõeswww.labeee.ufsc.br2Tópicos• A indústria da construção no mundo• Consumo de energia no mundo• Desenvolvimento sustentável?• Consumo de energia no Brasil• O setor residencial• O setor comercial
  2. 2. 23A indústria da construção no mundo• A industria da construção é um dos setores mais importantesda economia mundial• Os gastos em construção representam 10% da economiamundial• Os edifícios são responsáveis por 40% do consumo deenergia mundial, 16 % da água potável e 25 % da madeiradas florestas.• A indústria da construção é responsável por 50% dasemissões de CO24Consumo de energia no mundoEnergia primária050010001500200025001965 1970 1975 1980 1985 1990 1995 2000MtepUSACanadaBrazilGermanySwedenUnited KingdomAustraliaChinaJapanChinaUSAJapanGermanyBrazil24%No Brasil 44.1% da oferta interna de energia provem de fontesrenováveis: hidroelétricas e biomassa
  3. 3. 35Consumo de energia no mundoEvolução do consumo de energia primária por habitante0200040006000800010000120001400019911992199319941995199619971998199920002001200220032004kWh/habEUAAustráliaJapãoAlemanhaInglaterraÁfrica do SulBrasilTailândiaBangladeshChina6Desenvolvimento sustentável???• Exploração dos recursosnaturais• Efeito estufa• Aumento da frequência eintensidade de furacões• O furacão Catarina• Aumento do nível do mar• Deslocamento de populações• Prejuízos econômicosincalculáveis
  4. 4. 47Desenvolvimento sustentável• Ecologicamente correto• Socialmente justo• Economicamente viável8Consumo de energia elétrica - Brasil
  5. 5. 59Consumo de energia elétrica no BrasilConsumo de energia elétrica X PIB01020304050607080901987198919911993199519971999200120032005YearConsumption(TWh)02004006008001000GNP(billionUS$)RESIDENTIAL COMMERCIALPUBLIC GNP10Eficiência energética em edificaçõesÉ mais barato ECONOMIZAR energia do que FORNECÊ-LA.”
  6. 6. 611Lei da Eficiência Energética• LEI Nº 10295, DE 17 DE OUTUBRO DE 2001Dispõe sobre a Política Nacional de Conservação e Uso Racional deEnergia e dá outras providências.Visa desenvolver a eficiência energética no país.• DECRETO Nº 4.059, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2001Regulamenta a Lei no 10.295.“Fica instituído Comitê Gestor de Indicadores e Níveis de EficiênciaEnergética – CGIEE”“Os níveis mínimos de eficiência energética, deverão ser estabelecidossegundo regulamentação específica.”“O MME deverá constituir um Grupo Técnico que adote procedimentospara avaliação da eficiência energética das edificações e que crieindicadores técnicos referenciais do consumo de energia destasedificações”.12Uso final de energia elétrica no setor residencialChuveiro25% consumo70% saturaçãoGeladeira31% con.Freezer11% con.83% sat.Lâmpadasincandescentes13% consumo93% saturaçãoAr condicionado4% consumo7% saturaçãoTelevisão6% consumo87% saturaçãoSINPHA: 1998IBGE: 2000
  7. 7. 713Uso final de energia elétrica no setor residencialBRASILGeladeira22%Freezer5%Lampadas14%Chuveiro24%Ar Condicionado20%TV9%Som3%Lava Roupa0,4%Ferro3%Microondas0,1%Avaliação do Mercado de Eficiência Energética no Brasil: Pesquisa na Classe Residencial PROCEL-Eletrobras 200714Uso final de energia elétrica no setor residencialNORDESTEGeladeira29%Freezer5%Chuveiro9%Ar Condicionado27%TV11%Lampadas11%Som5%Microondas0,1%Ferro3%Lava Roupa0,3%NORTEGeladeira25%Ar Condicionado40%TV9%Ferro3%Lava Roupa0,5%Microondas0,04%Som3%Chuveiro2%Freezer4%Lampadas14%
  8. 8. 815Uso final de energia elétrica no setor residencialSULGeladeira16%Freezer7%Lampadas8%Chuveiro25%Ar Condicionado32%TV7%Ferro2%Som3%Lava Roupa0,4% Microondas0,1%SUDESTEGeladeira22%Freezer5%Lampadas19%Chuveiro26%Ar Condicionado11%TV10%Som3%Ferro3%Lava Roupa1%Microondas0,2%16Estratégias para redução do consumo de energia elétrica nosetor residencial• Projeto Bioclimático:Iluminação naturalVentilação naturalZoneamento bioclimático brasileiro – NBR 15220-3• Uso de aparelhos e equipamentos energeticamenteeficientes – etiqueta INMETRO (A-E)• Incorporação de energias renováveis: aquecimentosolar
  9. 9. 917Zoneamento bioclimático brasileiroDe acordo à NBR 15220-318Zona bioclimática 3 - Florianópolis• Estratégia verão:• Ventilação cruzada• Sombreamento• Estratégia inverno:• Aquecimento solar da edificação• Inércia térmica• Aberturas para ventilação (A em % da área de piso):• Aberturas Médias• 15% < A < 25%• Sombreamento das aberturas:• Permitir sol apenas durante o inverno• Paredes: U ≤ 3,60 (Parede leve refletora); ϕ ≤ 4,3; FSo ≤ 4,0• Cobertura: U ≤ 2,00 (leve isolada); ϕ ≤ 3,3; FSo ≤ 6,5
  10. 10. 1019Regulamentação para Etiquetagem - Residencial• Envoltória;• Sistema de Condicionamento de Ar;• Sistema de Aquecimento de Água;• Sistema de Iluminação e Equipamentos20Projeto residencial sustentável - BrasilProjeto Casa Eficiente - FlorianópolisELETROSUL
  11. 11. 1121Projeto Casa Eficiente - Florianópolis• Vitrine de tecnologias deponta de eficiênciaenergética e confortoambiental voltadas paraedificações.• Centro de demonstração dopotencial de conforto eeficiência energética deestratégias utilizadas deacordo com o padrão de usoda edificação.• Projeto desenvolvido comsistemas e soluções para amáxima eficiênciaenergética e confortotérmico integrados aoprojeto arquitetônico.Projeto Casa Eficiente - Florianópolis22Projeto Casa Eficiente - Florianópolis• Tecnologias implementadas:Geração de energiafotovoltaica interligada à rede,Estratégias passivas decondicionamento de arAquecimento solar de água.Projeto Casa Eficiente - Florianópolis
  12. 12. 1223Projeto Casa Eficiente - Florianópolis• Estratégias:• Orientação solar: ventos, eaproveitamento da radiaçãosolar.• Favorecimento da ventilaçãocruzada.• Proteções solares de acordo àfachada.• Redutor de velocidade para ovento sul.• Uso de materiais locais de menorimpacto ambiental.• Utilização de vidros duplos epersianas externas.Projeto Casa Eficiente - Florianópolis24Projeto Casa Eficiente - Florianópolis• Resgate de soluções daarquitetura vernacular:uso dofogão a lenha, aquecendo ointerior da casa no inverno.• Concentração da área molhadano lado oeste.• Tratamento de efluentes comzona de raízes.• Uso de sistema solar paraaquecimento de água.• Accesibilidade para portadoresde necessidades especiais.Projeto Casa Eficiente - Florianópoliswww.eletrosul.gov.br/casaeficiente
  13. 13. 1325Setor comercial26Uso final de energia elétrica no setor comercialEscritóriosIL = 50 %AC = 34 %BancosIL = 52 %AC = 34 %RestauranteIL = 20 %AC = 7 %Shoppings CentersIL = 49 %AC = 34 %Lojas do varejoIL = 76 %AC = 12 %OficinasIL = 56 %AC = 4 %Posto degasolinaIL = 43 %Serviços pessoaisIL = 9 %AC = 3 %MerceariasIL = 25 %AC = 2 %1990Média do setor:IL = 44 %AC = 20 %Eq = 36%Média do setor:IL = 44 %AC = 20 %Eq = 36%
  14. 14. 1427Uso final de energia elétrica no setor comercial199028Usos finais escritórios3628522616125733 344264677525313861017131801020304050607080UsoFinal(%)IluminaçãoAr-condicionadoEquipamentosEdifício 1 Edifício 2 Edifício 3 Edifício 1 Edifício 4 Edifício 1 Edifício 1Florianópolis Salvador Florianópolis Brasília Rio de Janeiro• Iluminação: 12 a 57%• Condicionador de ar: 25 a 75%• Equipamentos: 6 a 38%
  15. 15. 1529Uso final de energia elétrica no setor comercial ATDistribuição do Consumo por Uso FinalIluminação22%Demais Cargas31%ArCondicionado47%Avaliação do Mercado de Eficiência Energética no Brasil: Pesquisa Setor Comercial AT PROCEL-Eletrobras 200730Prédios PúblicosDistribuição do Consumo por Uso FinalIluminação23%Equip.Escritório15%Outras Cargas14%ArCondicionado48%Avaliação do Mercado de Eficiência Energética no Brasil: Pesquisa Prédios Públicos ATPROCEL-Eletrobras 2007
  16. 16. 1631Variáveis que influenciam o consumo de energiaArquiteturaIluminaçãoEquipamentosOcupantesInfiltração/Ventilação32ArquiteturaShading
  17. 17. 1733Sistemas do IluminaçãoDaylight integrationControles:T5 - 28W2.900 lm103,6 lm/W34Cargas Internas: EquipamentosEnergy Saver
  18. 18. 1835Regulamentação para Etiquetagem - ComercialRegulations and Certification• 1. Termonologia• 2. Introdução• 3. Sistemas de Iluminação• 4. Sistemas de Condicionamento de ar• 5. Envoltória• 6. Simulação36Edifício Comercial Sustentavel• EficiênciaEnergética• Uso eficientede água• Escolha demateriais• Qualidade doambienteinternoProject Primavera Green Office – Florianópolis
  19. 19. 1937Primavera Green OfficeStrategies38Eficiência Energética em Edificações• Arquitetura BioclimáticaIncorporadoresArquitetosProjetistas• Equipamentos EficientesINMETRO (Etiqueta OK, falta estabelecer os níveis mínimos)• Usuário EficienteComprando edifícios eficientes e usando de forma eficienteBasta cada um fazer a sua parte
  20. 20. 2039Eficiência Energética e Sustentabilidade• Etiqueta de nível de eficiência energética em edificaçõescomerciais e públicas –Aprovada em 2006Testes em 2007Voluntária em 2008Obrigatória em 2011• Etiqueta de nível de eficiência energética em edificaçõesresidenciaisAprovação em 2007 ?Testes em 2008Voluntária em 2009Obrigatória em 2012• Sustentabilidade de edificaçõesConselho Brasileiro para a Construção Sustentável40Sustentável?
  21. 21. 2141Temos que mudar......

×