História da África

8.460 visualizações

Publicada em

Saiba mais sobre História da África.

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.460
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
137
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

História da África

  1. 1. HISTÓRIA DA ÁFRICA EDENILSON MORAIS
  2. 2. Sobre a periodização da História da África <ul><li>- Uma das formas que podemos utilizar para periodizar a História da África é seguir o modelo didático que contempla os encontros da África com o mundo ocidental. Nesse sentido, uma periodização possível seria a seguinte: 1) História da África Pré-Colonial  ou seja, toda a História da África anterior à implementação do colonialismo, que vai da antiguidade até meados do século XIX, o que significa um período muito dilatado no tempo. Representa a África autônoma, com seus reinos e impérios. </li></ul>
  3. 4. CIVILIZAÇÕES PRÉ-COLONIAIS
  4. 5. A ÁFRICA ANTES DA CONFERÊNCIA DE BERLIM
  5. 6. <ul><li>2) África Colonial  trata-se do curto período, mas de profundo impacto, em que a maior parte do continente africano vivenciou o colonialismo europeu. Situa-se entre a segunda metade do século XIX e meados do século XX. 3) África Contemporânea, ou África pós-colonial  é o período mais recente da História da África e seu nascimento coincide com o fim do colonialismo e o surgimentos dos Estados africanos criados de acordo com o modelo de Estado ocidental. </li></ul>
  6. 7. A Partilha da África <ul><li>* Por volta de 1876 só 10% do território africano estava sob domínio colonial: incluíam a colônia francesa da Argélia, a colônia britânica do Cabo, os resíduos marginais do primeiro Império português e algumas pequenas posses territoriais no litoral da África ocidental, que serviam a Grã-Bretanha e à França, sobretudo como bases políticas e comerciais do comércio legítimo. </li></ul>
  7. 9. <ul><li>* Entre o início do século XIX até a década de 1870 a inserção internacional da África ainda se baseava nos princípios do imperialismo informal de livre comércio, ou seja, sem a conquista efetiva de territórios, como viria a ser logo depois. * A corrida colonialista para a África (em inglês “scramble for Africa”) começou para valer a partir de 1876, com as iniciativas francesas de abandonar a restrição colonial aos pequenos territórios no litoral do Senegal e de penetrar o continente a partir das costas da África Ocidental. </li></ul>
  8. 10. <ul><li>* As iniciativas francesas desencadearam uma série de preocupações entre outras potências européias que também possuíam interesses no continente africano. Assim, Inglaterra, Bélgica, Portugal e Alemanha iniciaram uma fase de expansão territorial que logo levaria a conquista de novos territórios coloniais. </li></ul>
  9. 11. <ul><li>A CONFERÊNCIA DE BERLIM (1884-1885) * A Conferência surgiu como consequência da diversidade de interesses europeus na África. Era preciso evitar que a corrida por territórios coloniais desencadeasse problemas mais sérios entre os próprios Estados colonialistas. * Participantes: todas as potências européias mais os Estados Unidos. * Objetivo principal: manutenção do livre comércio nas regiões da bacia do Congo disputadas pela França, Portugal, Bélgica e Inglaterra. * Na Conferência foram definidas as condições essenciais para a aquisição de territórios. Ou seja, as conquistas só seriam reconhecidas pelos membros participantes se obedecessem a determinados critérios. </li></ul>
  10. 12. <ul><li>** O principal critério para o reconhecimento oficial de um domínio colonial pelas potências européias era a ocupação efetiva do território por uma potência. - Nesse sentido, a presença mais informal, mesmo que baseada no comércio legítimo (como funcionava até então), não era mais considerado um aspecto importante e definidor de influência colonial. ** Inaugurou-se, assim, o tempo do chamado “novo colonialismo”, com a ocupação efetiva do continente africano pelos europeus. </li></ul>
  11. 13. O COLONIALISMO NA ÁFRICA

×