PROJETO EDUCAÇÃO
EDUCAMISSAMI
“O ideário que marca a nossa
ação educativa
está marcado por três aspetos:
Eucarístico,
Mari...
OBJETIVOS DO PROJETO
•

Desenvolver as diretrizes do Capítulo
Geral de 2006 no que diz respeito à
incorporação dos leigos ...
A NECESSIDADE do PROJETO surgiu da
constatação de que cada um dos nossos centros
estava funcionando de forma diferente, se...
NECESSIDADE DE:
•

Criar uma “estrutura” de organização internacional
que fomente a unidade e oriente nossa missão
educati...
NECESSIDADE DE:
* Aproveitar melhor as forças disponíveis de
Leigos e Religiosas na gestão de nossos
centros,
formando lei...
ESTRUTURA ORGANIZATIVA
INTERNACIONAL: DESAFIOS

Uma estrutura respeitosa com a cultura,
costumes, necessidades e leis de c...
DEFINIÇÃO DO PROJETO
CRIAÇÃO DE “UMA
ESTRUTURA”
= GRUPO DE PESSOAS =
RELIGIOSASequipa de A
Uma só E LEICOS
titularidade
NÍ...
O QUE NOS
UNE…
O CONCEITO “EDUCAR”
“ Educar implica aprender sim,
a conhecer e a fazer,
mas sobretudo aprender a ser,
a co...
“Que dita levar a
Jesus muitos
corações”
Mª Emilia Riquelme

Obrigada…….
“Que dita levar a
Jesus muitos
corações”
Mª Emilia Riquelme

Obrigada…….
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Projeto educação EDUCAMISSAMI- português

174 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
174
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto educação EDUCAMISSAMI- português

  1. 1. PROJETO EDUCAÇÃO EDUCAMISSAMI “O ideário que marca a nossa ação educativa está marcado por três aspetos: Eucarístico, Mariano e Missionário. Jesus entregue e presente na Eucaristia é nosso rasgo específico de evangelização.”  Comissão Coordenadora da ET CC 1
  2. 2. OBJETIVOS DO PROJETO • Desenvolver as diretrizes do Capítulo Geral de 2006 no que diz respeito à incorporação dos leigos à nossa missão Congregacional. • Fomentar que nossos centros continuem sendo de Igreja, chamados a evangelizar fiéis ao Carisma da Congregação. • Fomentar a identidade própria e comum em nossos centros eucarística, missionária e mariana.
  3. 3. A NECESSIDADE do PROJETO surgiu da constatação de que cada um dos nossos centros estava funcionando de forma diferente, sem critérios comuns que deêm unidade à nossa ação educativa. Realizamos um estudo das necessidades e detetamos os siguintes aspetos:
  4. 4. NECESSIDADE DE: • Criar uma “estrutura” de organização internacional que fomente a unidade e oriente nossa missão educativa a nível de Congregação. • Rever e reorganizar nossa missão educativa à luz do Projeto Evangelizador Congregacional. • Delimitar os elementos que definem e caraterizam os nossos centros. Ideário e Projeto Educativo comum a todos eles. • Atualizar nossa vocação educativa e definir o estilo de educador segundo o carisma da Congregação.
  5. 5. NECESSIDADE DE: * Aproveitar melhor as forças disponíveis de Leigos e Religiosas na gestão de nossos centros, formando leigos e religiosas e clarificando funções. Criar projetos de formação contínua para cada colégio. • * Fomentar a identificação carismática de professores e pessoal de administração e serviços; incidir na seleção e formação continínua.
  6. 6. ESTRUTURA ORGANIZATIVA INTERNACIONAL: DESAFIOS Uma estrutura respeitosa com a cultura, costumes, necessidades e leis de cada país, que ajude a que nossa missão educativa tenha critérios e orientações comuns. Que seja um projeto em que os centros educativos de cada país deêm a sua particularidade e caraterísticas para o enriquecimento de todos.
  7. 7. DEFINIÇÃO DO PROJETO CRIAÇÃO DE “UMA ESTRUTURA” = GRUPO DE PESSOAS = RELIGIOSASequipa de A Uma só E LEICOS titularidade NÍVEL 12 membros de diferentes FORMADO porINTERNACIONAL países: Duas pessoas de cada Delegação (religiosa e leigo) Bolivia-Perú (2 pessoas), Brasil- Angola (3 pessoas); Colombia (2 pessoas). EEUU e México (2 pessoas) Três pessoas (religiosas e leigos) da Delegação de Espanha, Portugal e Filipinas. COM UMA MISÃO: Coordenar a ação educativa em cada lugar.
  8. 8. O QUE NOS UNE… O CONCEITO “EDUCAR” “ Educar implica aprender sim, a conhecer e a fazer, mas sobretudo aprender a ser, a conviver e a cuidar”. “ Comporta construir sentidos de vida, saber lidar com a complexa condição humana e definir-se face aos rumos da história.”
  9. 9. “Que dita levar a Jesus muitos corações” Mª Emilia Riquelme Obrigada…….
  10. 10. “Que dita levar a Jesus muitos corações” Mª Emilia Riquelme Obrigada…….

×