Successfully reported this slideshow.

Serrano nº200 6 2014

213 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Serrano nº200 6 2014

  1. 1. Nº 200 – ANO III - Alcântaras, 08 de fevereiro de 2013 RAPIDINHAS DEPOIS DE COMENTÁRIO STDS LANÇA NOTA DE ESCLARECIMENTO Na última semana a insatisfação de um grupo de jovens ganhou as páginas de redes sociais e blogs de Alcântaras. A Pastoral da Juventude ( PJ) que haveria criticado um suposto mal comportamento do poder publico ao afirmar que integrantes do Grupo de Jovens Só o Amor Constrói haveriam sido expulsos de uma escola onde sssaf reuniam e zelavam há 11 anos no thNA00000000000000000000000000se de comentários e compartilhamentosSitio Espírito Santo gerou uma onda na 2- Bloco Pinga Nim internet quando foi divulgado que os jovens sofreram intimidação, restrição ao Mim terá versão matoespaço publico e até extermínio. Depois do ocorrido o órgão da administração publica municipal que reformou e passou a administrar o bem publico haveria grossense em 2014; lançado uma nota no final da tarde da última sexta-feira, 07, pronunciando-se sobre o assunto. Coforme o documento publicado no blog da Prefeitura 3Correios de Municipal de Alcântaras e blog da STDS, a Secretaria do Trabalho e Alcântaras não adere a Desenvolvimento Social de Alcântaras informou que nunca foi feita a alocação greve estadual da de cursos profissionalizantes no Colégio João Caetano Freire sem haver categoria; comunicação prévia com o grupo de jovens. Na nota a secretaria disse ainda que por três vezes haveriam sido realizado reuniões com representantes da 4-. Secretaria da PJ do Sitio Espírito Santo e inclusive discutido estratégias de adequação de dias, horários e equipamentos do espaço. Em relação a afirmativa de Paróquia já funciona no intimidação a secretaria classificou como inverídica a informação e negou a novo endereço; expulsão de jovens do local, que estaria sendo utilizado para promover a inclusão social de jovens como tem ocorrido com alguns integrantes do próprio 5 – Pronatec tem novas só o Amor Constrói que também não tiveram acesso restringido ao local, que turmas iniciadas em permanece com as mesmas chaves e que foi utilizado para confraternizações Alcântaras; de final de anos do Grupo de Jovens de da Comunidade local. Por fim a STDS repudiou a citação de extermínio de jovens ressaltando que seu papel é 6 – Curso de Cinema promover, democratizar e fomentar projetos, programas e ações de inclusão Audiovisual é realizado social sem distinção de qualquer grupamento social e que continua aberta ao em Merouca. diálogo. . Redação do Serrano 1- Em Meruoquinha ( Massapê) população reclama da falta de assistência; “TODAS AS INFORMAÇOES AQUI CONTIDAS SÃO DE TOTAL RESPONSABILIDADE DOS AUTORES E/OU FONTES CITADAS” ADRIANO VARIEDADES Alcântaras Gás A gente faz Diferente Nº 200 – ANO III - Alcântaras, 08 de fevereiro de 2013 – Impresso Oficial da ECOS EM ALCÂNTARAS: AÇUDE SERÁ RECUPERADO O Açude Pinga, cujo é o único reservatório de água superficial direcionado ao abastecimento da sede e regiões adjacentes da pequena cidade serrana deverá em breve receber obras de recuperação. Os reparos solicitados desde 2007 pela Coordenadoria Municipal de Defesa Civil de Alcântaras (COMDEC) junto a Companhia de Gestão de Recursos Hídricos do Estado do Ceará (COGERH) sempre foram levantados nos períodos de estiagem, como aconteceu em 2008 . Porém somente ganhou força, quando o açude da cidade chegou ao limite de sua capacidade, revelando a fragilidade do reservatório que durante 20 anos foi sendo assoreado, poluído e não recebeu a devida manutenção Completamente seco, como o chão rachado pela forte incidência do sol, o Açude Pinga virou um deserto para a vida aquática e a principal via de acesso ao sítio Santana, como acontecia antes de sua construção. Considerando estes fatores e a vibilidade técnica de aproveitar o momento para a recuperação do manancial, conselhos de Alcântaras como o CMDS, COMDEMA, COMDEC, Câmara Municipal, Prefeitura e a própria comunidade cobraram das autoridades competentes a revitalização da barragem que agora deve sair do papel. Segundo consta na pagina oficial da Cogerh no último dia 16 de janeiro representantes dos poderes executivo e legislativo de Alcântaras haveriam se reunido com o presidente da Companhia para tratarem do abastecimento da cidade e da recuperação da barragem do açude Pinga. Sobre o abastecimento hídrico do município o prefeito de Alcântaras haveria pedido que fosse desenvolvido um projeto de instalação de uma adutora partindo do açude Jenipapo( em Meruoca) para a ETA de Alcântaras.Dentre outras medidas teria sido apresentado uma estudo geofísico visando a perfuração de poços nas comunidades de Bonfim e Lanchinha a qual já haveriam sido encaminhadas a SOHIDRA. Já sobre a recuperação do Açude Pinga, a Cogerh informou que a intervenção estaria em fase de licitação onde a empresa habilitada seria a C.Menezes Engenharia Limitada ( com sede em Alcântaras) e que o referido processo encontraria-se em fase de finalização para a aprovação junto ao MAPP. Sobre o valor total e o prazo para a recuperação do equipamento o Serrano não obteve informações até o fechamento desta edição. Redação do Serrano
  2. 2. Nº 200 – ANO III - Alcântaras, 08 de fevereiro de 2013 MORRO DA SANTA CRUZ E O DILEMA DO DESENVOLVIMENTO M oradores do Morro da Santa Cruz em Alcântaras pretendem criar uma associação para defender e lutar por melhorias para o local. Na última quinta-feira, alguma famílias daquela comunidade haveriam reunido-se para discutir algumas problemáticas apontadas pelos moradores no que diz respeito a falta de iluminação, falta de saneamento básico, acesso, coleta de lixo dentre outros assuntos, também teriam participado do encontro representantes da Igreja Católica e agentes pastorais. O M orro da Santa Cruz cujo estaria localizado em um área ingrime, passou a existir em meados de 2007 quando a paróquia de Alcântaras realizou doações de terrenos no local e foram erguidas as primeiras casas com ajuda da Prefeitura M unicipal. O local considerado pela Defesa Civil do Estado como área de risco, nos últimos anos recebeu serviços de iluminação e abastecimento de água e foi crescendo desordenadamente, assumindo aos poucos a característica de “vilarejo”. Hoje como mais de 30 famílias estabelecidas no local, moradores cobram do poder publico melhorias para resolução de problemas que não deveriam haver, se existesse na cidade um plano de desenvolvimento urbano definido somados a acompanhamento, orientação e engajamento de Igrejas,Ongs, Institutos, conselhos, siglas partidárias e repartições publicas que atuam no trabalho de defesa social, garantia dos direitos humanos e promoção da qualidade de vida,mas que parecem está cegos a realidade que desafia o meio ambiente, a dignidade humana, o desenvolvimento e a própria vida. Redação do Serrano ADUTORA EMERGENCIAL COMEÇA A SER CONSTRUÍDA EM MERUOCA Depois de muitas discussões a respeito da viabilidade técnica e até mesmo da implantação de outras alternativas que melhorassem a convivência com a seca no maciço residual da M eruoca, o Governo do Estado do Ceará anunciou a autorização para a construção imediata de uma adutora emergencial na pequena cidade serrana Muitos GRITOS, poucas VOZES, insultos, provocações, xingamentos .Conforme informado na página oficial do Governo e da Prefeitura M unicipal de M erouca a ordem de serviço da obra já haveria sido assinada na última quarta-feira, 05, na localidade de Palmeiras, próximo a barragem M eruoca ( Novo açude), o equipamento deverá transportar água do************************************* ************ inicio do açude Jenipapo até a Estação de Tratamento de Água localizada no FIM DE perímetro urbano de M eruoca, beneficiando cerca de 13.693 habitantes. O prazo para a execução das obras será de 30 dias. Ainda na pequena cidade serrana, segundo a assessoria de comunicação da Prefeitura local, os cidadãos de M eruoca estariam até então recebendo água do Açude Quebra, devido a falta de água no Açude Frecheiras, que estaria seco, e por isso a falta de água pela manhã já era visível na cidade, devido o reservatório está com pouco volume de água. Para está obra, apesar das especulações sobre um possível bombeamento de água do Açude Jenipapo até Cagece de Alcântaras, nenhuma informação oficial haveria sido divulgada a respeito do assunto até o momento. Redação Virtual do Serrano 200 – ANO III - Alcântaras, 08 de fevereiro de 2013 Na boca do Povo O PASSADO ME CONDENA Há quem diga que quem vive de passado é museu. Até certo ponto esta afirmativa faz todo sentido. Entretanto quando viramos pessoas publicas, formadores de opiniões, defensores do povo e até mesmo pregadores da palavra, devemos levar em consideração que até chegarmos o lugar que estamos muita coisa já aconteceu e muito já foi dito ou feito. È neste sentido que devemos estruturar nosso presente e planejar o futuro, mas sem nunca deixar de dá uma olhadinha para o passado. Afirmar que o que importa é somente o hoje pode ser prejucial para o caminho que pretendemos seguir. È com esta visão que hoje abordo o principio da Contradição, isso é, quando você nega, fere, ignora aquilo que você mesmo defendia, pregava, criticava e não suportava ver. Sabendo disso sempre antes de darmos uma lição de moral, nos colocarmos como exemplo, como donos da verdade, como pessoas seguras, puras e até salvas é bom que olhemos para o nosso passado. Não falo somente da nossa infância, da juventude, mas do minuto atrás, do ontem, daquilo que foi escrito, declarado, defendido... Será que somos tão mutáveis que mudamos dá agua para o vinho da noite para o dia, ou somos hipócritas ao ponto de não reconhecer nossa própria contradição de atos e ideais. Lembre-se, quem bate, pode uma dia ter que dá a cara para bater... Por: Francisco Freire CHOVE MAIS NÃO MOLHA Depois de anos, o sistema de Transporte Alternativo que atua na Serra da Meruoca começa a sofrer pequenas mudanças. Após ser instituído pela COOPETAM o sistema de rodízio dos veículos que transportam passageiros de Alcântaras e Meruoca até a cidade de Sobral , foi determinado na última semana a lotação máxima permitida durante as viagens. A medida visa ordenar o volume máximo de passageiros, e assim também reduzir o tempo de espera no embarque que pode ser denunciado por meio de um canal exclusivo caso haja desrespeito a norma. Entretanto apesar da pequena mudança, as irregularidades ainda continuam a ser registrada como o preço abusivo das passagens, a falta de horários préestabelecidos para viagens, a falta de qualidade dos transportes, e o transporte de mais de 15 passageiros. Apesar da novidade causar uma boa impressão, devido propor que o embaque seja imediato e que haja penalidade para os infratores, a alteração passa a beneficiar em grande parte somente os motoristas que terão publico assegurado durante as viagens e não correm risco de ter faturamento abaixo do esperado. Já para o cliente, as condições de transporte, o mau atendimento e a espera devem infelizmente continuar até que seja obrigatoriamente instituído pelos órgãos competentes a qualificação no serviço de transporte de passageiros na região. Redação do Serrano CHUVAS NO CEARÁ DÃO UMA TRÉGUA Apesar do registro de boas precipitações ainda na pré estação chuvosa em todas as regiões do Ceará as chuvas devem dar uma trégua neste mês de fevereiro, segundo informado pela Fundação Cearense de Metereologia e Recursos Hídricos ( Funceme).Conforme o órgão que monitora a atividade climática no Estado as precipitações só voltarão a ser mais frequentes e intensas na segunda quinzena de fevereiro. Isso porquê o ramo de Convergência Intertropical teria afastado-se do Ceará o que pode ocasionar a redução de grandes chuvas de forma generalizada no Estado. Em Alcântaras, onde o mês de janeiro registrou um acumulado pluviométrico de apenas 27.0 mm, não houve registros de chuvas para a quadra chuvosa de 2014 até o momento e para suprir a demanda de água obras emergenciais continuam a ocorrer no município, que ainda registra focos de desperdício, mas que prepara-se caso o ano possa ser novamente de poucas chuvas Redação Virtual do Serrano

×