Serrano 205

204 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
204
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
52
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Serrano 205

  1. 1. thNA00000000000000000000000000 sssaf RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL EM ALCANTARAS A pequena empresa que também colabora com a doação de notas fiscais para uma igreja, adotoua reutilizaçãodesacolas plásticas e de caixas de papelão, bem como no último mês implantou a venda de refrigerantes com embalagem retornável. Neste último caso, a prática que está inclusa na chamada logística reversa tem por objetivo evitar o descarte de material pet, bem como desenvolver a conscientização dos consumidores. Segundo um dos proprietários, a venda do produto tem sido constante e muito bem aceita pela clientela que parabenizou a iniciativa do empreendimento, declarou o Sr. Helder. No município além do SuperFrigotil,outras empresascomooArmarinhoMundodasVariedades,FuneráriaAliança, SamanthaModas,MercadinhoConfiança, Farmácia Nossa Senhora de Fátima e Alcântaras Gás também tem assumido a responsabilidade de cuidar do meio ambiente através da responsabilidade socioambiental pactuada com a Entidade Cooperativista Sustentável. Redação do Serrano Nº 205 – ANO III - Alcântaras, 29 de março de 2014 Nº 206 – ANO III - Alcântaras, 29 de março de 2014– Impresso Oficial da ECOS APA: A FICHA AINDA NÃO CAIU Parte integrante da Área de Proteção Ambiental da Serra da Meruoca (APA) desde 2008, o município de Alcântaras convive com uma realidade ambiental que fere os princípios de exploração dos recursos da Unidade de Conservação situada ao noroeste cearense. Com mais de 90% de seu território inserido dentro da área de abrangência da reserva administrada pelo Instituto Chico Mendes de Biodiversidade ( ICMBio), segundo o Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente ( COMDEMA) a ficha parece ainda não ter caído. O cenário de constante degradação decorrente das queimadas, poluição de solos, riachos e do uso predatório de áreas direcionadas a criação de bovinos e caprinos, o território alcantarense tem assumido uma profunda distinção em relação a Sobral, Meruoca,Massapê e Moraújo quando comparado os índices de degradação, assoreamento e devastação de nascentes, topos e encostas de serra. Os casos mais notáveis continuam a ser observados na região dos Sítios Espírito Santo, Macaco, Belém, São Bento e Milagres onde o que tem restado das serras são amontoados de pedras que oferecem risco de deslizamentos. Na região do Sitio Milagres, precisamente as margens da CE 241 as brocas só aumentaram nos últimos, e a região considerada para muitos como em estágio de desertificação continua a ser ameaçada pela prática ilegal de queimadas e criação extensiva de ruminantes. Sem a devida fiscalização de conselhos, equipes do ICMbio, Ibama e Semace a APA da Meruoca parece em Alcântaras há seis anos continuar somente no papel. Fonte:blog da ECOS RAPIDINHAS 1- C.Menezes pretende entregar obra de açude com 30 dias de antecedência; 2- COOPETAN – Lotação máxima de veículos só funciona para o embarque; 3- CRAS e Senac inciam curso de cuidador infantil; 4-.Em Merouca, prova de concurso ocorre neste domingo;; 5 – Veveu Arrauda é cogitado para a sucessão estadual; 6 – UVA: Inscrições para o vestibular seguem até sexta,04 de abril. “TODAS AS INFORMAÇOES AQUI CONTIDAS SÃO DE TOTAL RESPONSABILIDADE DOS AUTORES E/OU FONTES CITADAS” . Apesar de recente no Brasil, algumas praticas definidas na Política Nacional de Resíduos Sólidos ( PNRS) começam a ser observadas em algumas regiões do país.Em Alcântaras, no Ceará, onde praticasderesponsabilidadeambiental tem ganhado destaquenos últimoscincoanos, algumasempresas e estabelecimentos começam a adotar ações e projetos que tem por finalidade preservar o meio ambiente e propagar boas práticas de sustentabilidadeerespeito a natureza.Na cidade um dos empreendimentos referência em apoio e solidariedadeascausasambientaistem sido o Super Frigotil, que desde 2010 vem apoiando as ações e projetos desenvolvidos pela Entidade Cooperativista Sustentável ( ECOS).
  2. 2. huvas uvauuuu Muitos GRITOS, poucas VOZES, insultos, provocações, xingamentos ************************************* ************ FIM DE Nº 205 – ANO III - Alcântaras, 29 de março de 2014 205 – ANO III - Alcântaras, 29 de março de 2014 2014: MAIS UM ANO DE SECA Há menos de 90 dias para o término oficial da quadra chuvosa no Ceará a Fundação Cearense de Metereologia e Recursos Hídricos ( Funceme) divulgou um novo prognóstico sobre as condições de chuvas para o período de abri l- maio – junho.Conforme o novo documento as previsões é que as chuvas continuem irregulares em grande parte do Estado ficando abaixo da média histórica. numa área que se estende da Região Central ao Sul do Estado. Entretanto para a região Noroeste, entre o Litoral Norte a Região da Ibiapaba, os modelos atmosféricos haveriam indicado maior probabilidade de chuvas em torno da média histórica, o que pode favorecer uma ocorrência mais frequente de precipitações na região onde Alcântaras encontra-se inserido..Na matéria a Funceme informou ainda que os dados são preocupantes , já que os primeiros meses do ano apresentaram déficit de precipitação no Estado. Conforme o monitoramento deste primeiro trimeste de 2014 em janeiro, onde a média histórica é de 98,7 milímetros, choveu somente 46,7. Em fevereiro onde os índices normais são de 127,1mm foram registrados 92,9mm. E para março onde a média mensal seria de 206,2mm haveiram ocorrido precipitações de apenas 122,9mm nos primeiros 27 dias. Na pequena cidade serrana, os acumulados pluviométricos seguiram a mesma situação do Estado, quando choveu 27mm em janeiro,75,6mm em fevereiro e 117,5mm até o último dia 21 de março. Com condições desfavoráveis de chuvas para a maior parte do Estado, o quadro de estiagem que já se arrasta por dois anos pode continuar a castigar o Ceará, ocasionando um terceiro ano de seca. Redação do Serrano Na bocado Povo NA CONTRAMÃO Nas últimas três ´décadas tem sido visível a mudança de hábitos comportamentais em grande parte da população alcantarense. Na pequena cidade interiorana, onde até o final da década de 90 o principal meio de transporte era a bicicleta, esta quase foi extinta do cotidiano das novas gerações.Com uma frota constituída em sua grande maioria por motocicletas o alcantarense passou a pedalar menor e poluir mais.Na sede urbana a presença de ciclistas é insiginificante e poucos são aqueles que ainda usam o meio de transporte 100% ecológico para deslocar-se ao trabalho,escolas e passeios. Adotando o modelo de vida moderno, enquanto grandes centros urbanos desenvolvem projetos para otimizar ao fluxo do trânsito, como a adoção de ciclofaixas, em Alcântaras o contrário tem acontecido e o que observa é um desenvolvimento que tange na contramão da sustentabilidade, devido a imprudência no trânsito, oriunda da condução irregular de motos por menores, condutores alcoolizados no volante e mortes causadas por colisões ou excesso de velocidade. Por: Francisco Freire ALCÂNTARAS E O MAPA DA VIOLÊNCIA Nas últimas semanas depois de grande veículos de comunicação divulgarem um lista com o nome das cidades mais violentas do mundo, os olhares de voltaram para a realidade de muitas cidades brasileiras, inclusive municípios cearenses.No Ceará onde a capital Fortaleza foi cogitada com a 7ª cidade mais violenta do mundo e a 3º mais violenta do Brasil outras cidades apesar de aparecerem na lista do mapa da violência não tem registro de nenhum caso de homicídio. Neste último caso, a pequena e pacata Alcântaras aparece com índices zerados na tabela onde estão demonstrados os números de homicídios no período de 2009 a 2011. Com relação ao número de óbitos provocados por acidentes de transito apesar de índices insignificantes a pequena cidade contabilizou no mesmo período valores entre 01 a 03 mortes por ano.No interior do Estado onde no mesmo período foram registrados aumento nos índices de violência, cidades vizinhas como Sobral,Coreaú e Mucambo registraram nos últimos meses crescentes ondas de assassinatos. Os dados apresentados estão disponíveis para consulta publica no sitewww.mapadaviolencia.org.br Redação Virtual do Serrano SELEÇÃO: PREFEITURA DIVULGA DIA E DATA DE PROVAS Dentre as regras estabelecidas está o prazo de 3 horas e 30 minutos de duração das provas que serão aplicadas no dia 06 de abril de 2014 da seguinte forma: a) Cargos que exigem escolaridade em nível fundamental: às 08 horas (horário oficial de Brasília/DF). b) Cargos que exigem escolaridade em nível médio e superior: às 14 horas (horário oficial de Brasília/DF). O local de realização das provas será Escola Inocência Alcântara Freire de Ensino Fundamental e os candidato deverão comparecer ao local designado para a realização das provas com antecedência mínima de uma hora do horário fixado para o início destas, munido de caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente, do comprovante de inscrição e do documento de identidade original. O documento ainda evidencia que serão eliminados os candidatos que não obedecerem as regras de utilização de equipamentos eletrônicos, acessórios e recipiente de água previsto no edital. A seleção publica simplificada visa o preenchimento imediato de 53 vagas para provimento interno do quadro funcional da Prefeitura de Alcântaras pelo prazo de dois anos. Redação do Serrano A Prefeitura Municipal de Alcântaras divulgou na última segunda-feira,24, por meio do Diário Oficial dos Municípios o EDITAL Nº20140324-1/2014 tornando publico o dia e locais de provas objetiva da Seleção Publica Simplificada. Segundo consta no documento os candidatos deverão observar os procedimento estabelecidos no edital para a correta participação e realização das provas. Chuvas emAlcântarasem 2014

×