Cena Fulgor
Clique para editar o estilo do subtítulo mestre

Beatrice Leite
e Isadora Bellavinha
28/11/13
Por quê fulgurar?
É uma linha alternativa de educação por
via da arte e conhecimento da natureza,
apontando para uma const...
Destacamos um trecho do texto “Desafinar o
coro”, da autora Ana Cristina César, no qual
retrata exatamente o objetivo do C...
Inspiradas também por Paulo Freire,
compartilhamos da mesma idéia de leveza em
que:

“ A alegria não chega apenas no encon...
Pensar em uma proposta inovadora
requer superar desafios e quebra de
barreiras, por vezes,e é importante
pensar até em um ...
Queremos saber de você!
Como podemos aplicar esse método com
novas práticas de ensino?
Qual é o maior problema da educação...
Queremos saber de você!
Como podemos aplicar esse método com
novas práticas de ensino?
Qual é o maior problema da educação...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cena fulgor (ok)

333 visualizações

Publicada em

Cena Fulgor: arte, natureza e educação!

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
333
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
70
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cena fulgor (ok)

  1. 1. Cena Fulgor Clique para editar o estilo do subtítulo mestre Beatrice Leite e Isadora Bellavinha 28/11/13
  2. 2. Por quê fulgurar? É uma linha alternativa de educação por via da arte e conhecimento da natureza, apontando para uma constituição de pensamento mais reflexiva e menos objetivo-informativa. Como um fulgor, um brilho que ilumina a possibilidade criativa e pensante do aluno. Com o intuito de ir além do simples "dado“. 28/11/13
  3. 3. Destacamos um trecho do texto “Desafinar o coro”, da autora Ana Cristina César, no qual retrata exatamente o objetivo do Cena Fulgor. “Ao invés de retratar, expor, explicar, naturalizar, poderá então subjetivar, metaforizar, silenciar, encenar, ignorar, ironizar ou intervir criticamente...” Literatura não é documento . Rio de Janeiro, MEC/Funarte, 1980. 28/11/13
  4. 4. Inspiradas também por Paulo Freire, compartilhamos da mesma idéia de leveza em que: “ A alegria não chega apenas no encontro do achado, mas faz parte do processo da busca. E ensinar e aprender não pode dar-se fora da procura, fora da boniteza e da alegria.” Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa . São Paulo: Paz e Terra, 2004 (Coleção 28/11/13 leitura).
  5. 5. Pensar em uma proposta inovadora requer superar desafios e quebra de barreiras, por vezes,e é importante pensar até em um inatingível. Acreditamos que a utopia nos faz caminhar em busca da leveza, do amor e do despertar da curiosidade. Podemos citar alguns exemplos que deram muito certo: Escola da Ponte (Portugal), Escola Experimental na Rocinha, Escola Parque (Gávea).... 28/11/13
  6. 6. Queremos saber de você! Como podemos aplicar esse método com novas práticas de ensino? Qual é o maior problema da educação brasileira que precisamos vencer? 28/11/13
  7. 7. Queremos saber de você! Como podemos aplicar esse método com novas práticas de ensino? Qual é o maior problema da educação brasileira que precisamos vencer? 28/11/13

×