Musica unirio

888 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
888
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Musica unirio

  1. 1. Seminário de Acompanhamento dosProgramas de Pós-Graduação da Área de Artes/Música PPGM-CLA-Unirio Coord.: Sérgio Barrenechea Brasília, 15 de fevereiro de 2012.
  2. 2.  Área de concentração (mestrado e doutorado): Música Sub-áreas:  Musicologia  Práticas Interpretativas  Composição  Educação Musical
  3. 3.  Linhas de pesquisa:  Linguagem e Estruturação Musical  Ensino e Aprendizagem em Música  Etnografia das Práticas Musicais  Teoria e Prática da Interpretação  Documentação e História da Música
  4. 4. Linguagem e Estruturação MusicalEmenta: Estudo e pesquisa de questões delinguagem, sentido e estilo, processos deanálise e estruturação musical, nasperspectivas teóricas e estéticas.
  5. 5.  A voz na música contemporânea de concerto Aspectos da relação compositor/intérprete nas práticas musicais contemporâneas Pierre Boulez e o pensamento musical da segunda metade do século XX Questões estéticas
  6. 6. Ensino e Aprendizagem em MúsicaEmenta: Estudo e pesquisa de processos formaise não formais de ensino-aprendizagem emmúsica no Brasil, sob enfoque histórico-críticoe de “reflexão em ação”, considerandoaspectos cognitivos, estético-culturais epertinentes à organização de currículos e aotratamento de programas.
  7. 7.  História da Educação Musical no Estado do Rio de Janeiro: o Curso Internacional de Férias Pro Arte de Teresópolis (1950 a 1989) A programação infantil da televisão de Valencia (Espanha) e do RJ (Brasil): análise comparativa das trilhas sonoras Polirritmia e ensino do piano
  8. 8. Etnografia das Práticas MusicaisEmenta: Estudo e pesquisa etnográfica dasrepresentações e práticas musicais; reflexãosobre as múltiplas interações entre o fazermusical e suas condições de produção,transmissão e recepção.
  9. 9.  Estudo etnomusicológico dos cocos e emboladas Matrizes musicais e matrizes culturais da música brasileira popular Multiversos musicais Música Americana, Música Brasileira: o fox-trot de 1930-1945 O moderno gosto das raízes: por uma abordagem etnomusicológica da mediação cultural
  10. 10. Teoria e Prática da InterpretaçãoEmenta: Estudo e pesquisa de questõesrelativas às práticas interpretativas, incluindolevantamento de repertório, técnica deestudo, soluções interpretativas e avaliaçãocrítica.
  11. 11.  Processos de intertextualidade na música brasileira para piano Música brasileira para piano pós 1950 Trechos orquestrais para trompete na música brasileira Estudo comparativo dos manuscritos das versões da Sonata para flauta e piano de Francisco Mignone: uma revisão comentada
  12. 12. Documentação e História da MúsicaEmenta: Estudo e pesquisa das práticas musicais do ponto de vista da História: textos, estilos, processos, produtos e protagonistas. Tratamento de fontes documentais para a música brasileira: identificação, descrição, análise, crítica, edição e disponibilização.
  13. 13.  A música popular gravada - modinhas e lundus Biblioteca digital de música brasileira Catálogo de edições de música sacra brasileira dos séculos XVIII e XIX Música e Ciências Sociais Música popular brasileira: a pop-larização inelutável ou a vingança da Jovem Guarda?
  14. 14. Doutorado: 71 créditos Mestrado: 30 créditos  Mestrado concluído em Música Disciplinas Obrigatórias: 11 (ou área afim): 30 Disciplinas Optativas: 09  Disciplinas Obrigatórias: 12  Elaboração e Defesa de  Disciplinas Optativas: 09 Dissertação: 10  Elaboração e Defesa de Tese: 18  Para as áreas Práticas  Para as áreas de Práticas Interpretativas e Composição: Interpretativas e Composição:  Elaboração e Defesa de  Elaboração e Defesa de Dissertação: 5 Dissertação: 9  Elaboração e Defesa de  Elaboração e Defesa de Produto Artístico: 5 Produto Artístico: 9
  15. 15. DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DO MESTRADOCINCO DISCIPLINAS (de acordo com a sub-área) CRÉDITOSSeminário Composição I 03Seminário Composição II 03Seminário Música e Educação I 03Seminário Música e Educação II 03Seminário Práticas Interpretativas I 03Seminário Práticas Interpretativas II 03Seminário Musicologia I 03Seminário Musicologia II 03Metodologia da Pesquisa (para todas as sub-áreas) 03Estudo Orientado I (para todas as sub-áreas) 01Estudo Orientado II (para todas as sub-áreas) 01
  16. 16. DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DO DOUTORADOQUATRO DISCIPLINAS (de acordo com a linha de pesquisa) CRÉDITOSSeminários Avançados em Música (para todas as linhas de pesquisa) 03Seminários Avançados em Teoria e Prática na Interpretação 03Seminários Avançados em Documentação e História da Música 03Seminários Avançados em Linguagem e Estruturação Musical 03Seminários Avançados em Etnografia das Práticas Musicais 03Seminários Avançados em Ensino e Aprendizagem em Música 03Ensaio I (para todas as linhas de pesquisa) 03Ensaio II (para todas as linhas de pesquisa) 03
  17. 17. DISCIPLINAS COMUNS AO MESTRADO E DOUTORADO OptativasDISCIPLINA CRÉDITOSMúsica Brasileira: Período Colonial 03Música Brasileira: Império e Primeira República 03Música Brasileira: Urbana e Rural 03Música Brasileira: Século XX 03Análise Musical I 03Análise Musical II 03Análise Etnomusicológica I 03Análise Etnomusicológica II 03Estética I 03Estética II 03Tópicos Especiais I 03Tópicos Especiais II 03Tópicos Especiais III 03Tópicos Especiais IV 03Estágio Docente I (obrigatória para bolsistas da CAPES) 03Estágio Docente II (obrigatória para bolsistas da CAPES) 03
  18. 18.  Formação de pessoal qualificado para o exercício das atividades de pesquisa e de magistério superior Desenvolvimento de pesquisas que gerem novos conhecimentos em música Produção intelectual, bibliográfica e artística
  19. 19.  Organização e realização do I Simpósio Internacional de Pós-Graduação em Música (SIMPOM) Sede, organização e realização do IV Encontro Ibero-americano de pesquisadores de trilhas sonoras, em parceria com diversas universidades (Universidad de Barcelona, Universidad Sur Colombiana, Universidad de Tucuman etc.) Realização do III Festival Internacional de Música Brasil/Alemanha, com a UFRJ e a Universidade de Karlsruhe (tendo o patrocínio do DAAD)
  20. 20.  Manutenção e implementação de novos Grupos de pesquisa cujos projetos integrem pós-graduação e graduação Modernização e reforma de espaços, com ampliação e instalação de salas e laboratórios multiusuários Ampliação do acervo da Biblioteca com a aquisição de títulos de livros em papel (Edital FAPERJ n.º 19/2009) Incremento do Banco de dados do PPGM e de Laboratórios de Ensino e Pesquisa com suporte da Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação da UNIRIO (DETIC)
  21. 21.  Implementação de cadastro e sistema para acompanhamento personalizado Manutenção da página do PPGM com informações sobre editais de seleção, concursos, eventos, congressos, seminários nacionais e internacionais. Incentivo à continuidade dos estudos (do Mestrado ao Doutorado e/ou do Doutorado ao Pós- doutorado) Incentivo à apresentação e publicação de trabalhos em eventos promovidos pelo PPGM e demais instituições
  22. 22.  Salas compartilhadas com o IVL (para aulas, reuniões e defesas, equipada com pianos e audiovisual):  Sala Guerra-Peixe (inclui vídeo-conferência)  Sala Heitor Villa-Lobos  Sala Alberto Nepomuceno Salão Audiovisual, compartilhado com o CLA (para aulas e defesas, com equipamento de vídeo)
  23. 23.  Sala de Metais (equipada para realização de ensaios e trabalhos relacionados às práticas interpretativas) Estúdios:  Radamés Gnattali  Música Eletroacústica Laboratórios:  Grupo Música Urbana no Brasil  Teoria e Estética em Música  Memória das Artes e da Cultura (LAMAC)  Editoração e Gravação Eletrônica
  24. 24. Total de 22 professores:16 permanentes (entre eles, 1 pós-doutor e 3 bolsistas CNPq) CNPq6 colaboradores (entre eles, 1 com Mestrado)
  25. 25. Nome do docente P, C ou V Titulação Ano Disciplina(s) Disciplina (s) Nível Bolsa PG G CNPq/Bols a FAPCaio Nelson de Senna x Dr. 2007 Estudo Orientado I e II 4 ----Neto Ensaio II Seminário de Composição IICarlos Alberto x Dr. 2000 Estudo Orientado I e II 7 ----Figueiredo Pinto Ensaio I e II Seminário de Musicologia ICarole Gubernikoff x Dr. 1993 Ensaio I e II 4 2 Estudo Orientado I e II Seminários Avançados em Linguagem e Estruturação Musical Seminários Avançados em MúsicaElizabeth Travassos x Dr. 1996 Ensaio I e II 2 1CLins Estudo Orientado I e II Seminários Avançados em Etnografia das Práticas Musicais Música Brasileira Urbana e RuralJosé Nunes x Dr. 1998 Ensaio I 4 ----Fernandes Estudo Orientado I e IILaura Tausz Rónai x Dr. 2003 Estudo Orientado I e II 4 ---- Ensaio I Seminários Avançados em Teoria e Prática na Interpretação
  26. 26. Lúcia Silva x Dr. 2000 Estudo Orientado I e II 8 ----Barrenechea Ensaio I Seminário Avançados em Práticas Interpretativas ILuis Carlos Justi x Dr. 2009 Estudo Orientado I e II 6 ----Luiz Otávio Rendeiro x Dr. 2002 Ensaio I 4 ----Corrêa Braga Estudo Orientado I e II Tópicos Especiais IMárcio da Silva Pereira x Dr. 2008 Estudo Orientado I e II 4 ----Marcos Vieira Lucas x Dr. 1999 Ensaio I 6 ---- Estudo Orientado I e IIMartha Tupinambá de x Pós- 1998 3 1C(***)Ulhôa DoutoradoMirna Rubim de Moura x Dr. 4 ----Mônica de Almeida x Dr. 2004 2 6 ----Duarte
  27. 27. Nailson de x Dr. 1991 Estudo Orientado I e II 6 ----Almeida Simões Ensaio I Seminário Avançados em Práticas Interpretativas INicolas Lehrer de x Dr. 2008 Seminário Avançados em 6 ----Souza Barros Práticas Interpretativas IPaulo José x Dr. 1995 4 ----Moraes PinheiroRicardo x Dr. 2 ----TacuchianSaloméa x Mest. 1982 2 ---- ----GandelmanSérgio Azra x Dr. 2000 6 ----BarrenecheaSilvio Augusto x Dr. 2001 2 ----MerhyVânia Dantas x Dr. 2004 2 ----Leite
  28. 28. 3- CORPO DISCENTE, TESES E DISSERTAÇÕES
  29. 29.  2007 2010 Total de alunos: 88 (64 remanescentes + 24 concluintes )Total de alunos: Relação número de alunos remanescentes / orientadores: 2,78 Defesas: 24 (Mestrado 17, Doutorado 7) = 27,27% do total de109 (81 remanescentes alunos+ 28 concluintes )  2008Relação número de Total de alunos: 87 (72 remanescentes + 15 concluintes) Relação número de alunos remanescentes / orientadores: 3,6alunos Defesas: 15 (Mestrado 11, Doutorado 4 ) = 17,24% do total deremanescentes / alunos  2009orientadores: 3,6 Total de alunos: 96 (74 remanescentes + 22 concluintes )Defesas: 28 Relação número de alunos remanescentes / orientadores: 4,8(Mestrado 22, Doutorado Defesas: 22 (Mestrado 9, Doutorado 13) = 22,91% do total de alunos6)= 25,68% dototal de alunos
  30. 30.  3.1- Número de teses e dissertações defendidas em 2010: 28 2010  percentual em relação ao corpo docente permanente (16 prof.): 25,69% (média de 6,81 orientações por docente permanente e 1,75 25,69 orientandos concluindo)  percentual em relação à dimensão do corpo discente (109 alunos): 25,68% 3.2- Distribuição das orientações das teses e dissertações defendidas no período de avaliação (28) em relação aos docentes do programa (22): 1,2 3.3- Trabalhos publicados ou produção artística associados a cada tese ou dissertação: 49 3.4- Tempo de formação de mestres e doutores :  25 meses [mestres] e 43 meses [doutores]  Titulados: Mestrado: 22 e Doutorado: 6  Titulados Bolsistas: Mestrado: 5 e Doutorado: 0  Percentual de Titulados Bolsistas: Mestrado: 5/22 = 22,72% e Doutorado: 0/6 = 0
  31. 31. 4- PRODUÇÃOINTELECTUAL
  32. 32.  4.1- Publicações qualificadas do Programa, de acordo com a classificação QUALIS periódicos  Debates: UNIRIO / Qualis: B3 ( http://200.156.25.90/posmusica/?menu_id=1255007748&pos=dir&site_id=2 ) 4.2- Distribuição de publicações qualificadas (no triênio passado e em 2010).  em relação ao corpo docente permanente do Programa: OBTENDO OS DADOS  em relação ao corpo discente: OBTENDO OS DADOS
  33. 33.  Do corpo docente (inserção em projetos artísticos e culturais):  32º Curso Internacional de Verão do (CEP/Escola de Música de Brasília-SEE/DF)  XII Festival Eleazar de Carvalho (Fortaleza)  Encontro Internacional de Música e Arte Sonora (EIMAS, UFJF - MG)  48º Festival Villa-Lobos (RJ)  I Semana de Educação Musical São João Del-Rei (UFSJ - MG)  Curso Livre de Folclore e Cultura Popular (Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular / IPHAN, RJ)
  34. 34.  Prêmio FUNARTE de Circulação de Música Clássica 2010 Apresentações da Orquestra Barroca da UNIRIO Gravação do CD e DVD “A Floresta do Amazonas” (H. Villa-Lobos) com a Orquestra Petrobrás Sinfônica (Theatro Municipal do Rio de Janeiro) Recital no Festival Internacional & Seminário de las Guitarras Latinas (Paraguai) Participação na montagem do diretor Miguel Falabella de "A gaiola das loucas” (Teatro OI Casa Grande e Teatro Municipal de Paulínea) Gravação e Produção do CD triplo "A Música para Flauta de Francisco Mignone”
  35. 35. 5- INSERÇÃO SOCIAL
  36. 36.  Do programa:  Realização do I SIMPOM Dos docentes:  Coordenação da área de Artes/Música  Conselho Técnico Científico Ensino Superior (CAPES/MEC)  Conselho Superior da FAPERJ  Comissão Artística do XX Congresso da ANPPOM na sub-área Performance  Comissão de pareceristas do XIX Congresso da ABEM  Coordenação de área Artes e Comunicação, da FAPERJ  Pareceristas do CNPq
  37. 37.  Finalização do MINTER UNIRIO/UEM/UEL em julho de 2010 com 9 defesas de dissertação, contribuindo para qualificar profissionais da região (Maringá e Londrina) Continuação do DINTER UNIRIO/UFRN (em parceria com a Escola de Música da Universidade Federal do Rio Grande do Norte) para a formação de 10 doutores em Música Presença de docentes convidados de outras IES para bancas de defesa Orientações em co-tutela internacional Tutoria de discentes oriundos de outros países Estágios e Pós-Doutorado de professores permanentes do PPGM Qualificação (mestrado e dourado) de professores de outras IES Qualificação (mestrado e dourado) de pesquisadores, intérpretes e professores atuantes na área da Música, vindos de outros Estados bem como de outras cidades do Rio de Janeiro
  38. 38.  Página do PPGM (http://www.unirio.br/ppgm/), apresentando informações pertinentes bem como editais, assuntos acadêmicos, notícias em tempo real e resumo das teses e dissertações defendidas Página do I SIMPOM (http://www.unirio.br/simpom/), apresentando a programação e Anais (com os 240 trabalhos participantes) Cadernos do Colóquio alocado no Laboratório de Memória das Artes e da Cultura (LAMAC) Revista Debates alocada na plataforma SEER
  39. 39. 6- AVALIAÇÃO GERAL(triênio 2007-2009 e 2010) 2010
  40. 40.  Realização do Convênio de Doutorado Interinstitucional com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte Participação do corpo docente e discente em eventos nacionais e internacionais Realização do SIMPOM Crescimento da produção bibliográfica e artística do corpo docente e discente Fortalecimento das sub-áreas Composição e Práticas Interpretativas com a sua extensão ao nível do Doutorado e, sobretudo, com a instituição de créditos para as apresentações artísticas de intérpretes e dos compositores Contribuição do programa de bolsas REUNI para a integração entre os discentes do PPGM e o curso de graduação
  41. 41.  Problemas na importação de dados da plataforma Lattes para o programa Coleta Capes Insuficiência de pessoal para o apoio administrativo das necessidades do Programa Dificuldade da Biblioteca Central em implementar o Sistema de Publicação Eletrônica de Teses e Dissertações

×