O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Teoria da expansão oceânica

185 visualizações

Publicada em

Apresentação em diapositivos sobre a teoria da expansão oceânica

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Teoria da expansão oceânica

  1. 1. A Teoria da expansão oceânica
  2. 2. Índice 1. A teoria da expansão oceânica 2. O relevo no fundo do mar 3. Os fundos oceânicos 4. O relevo dos fundos oceânicos 5. A estrutura interna da Terra
  3. 3. Como nasceu a Teoria da Expansão Oceânica? O contexto socioeconómico da época era marcado pela 2 Guerra Mundial e o desenvolvimento da tecnologia com fins militares acabou por se tornar muito importante para o avanço cientifico.Foram realizadas operações militares no oceano para a deteção de submarinos e para a cartografia do fundo marinho, utilizando equipamento específico, tal como o sonar.
  4. 4. Como é o relevo do fundo do mar ? A superfície do fundo oceânico apresenta um relevo acidentado, onde podemos encontrar as cadeias montanhosas submarinas, as dorsais, percorridas por uma depressão central longitudinal - o rifle - e zonas planas e profundas - as planícies abissais. No limite destas, surgem os taludes continentais, que são encostas que possuem um forte declive. Adjacente ás zonas litorais, encontramos uma zona submersa com inclinação fraca, a plataforma continental.
  5. 5. Os fundos oceânicos As dorsais formam uma rede através de todo o globo, com um comprimento total de 70 000 km e uma largura de 2000 km a 3000 km. A primeira dorsal a ser conhecida pela comunidade científica foi a Dorsal MédioAtlântica. Trata-se de uma linha de elevações que se estende ao longo da zona média do oceano Atlântico.
  6. 6. O relevo dos fundos oceânicos A exploração dos fundos oceânicos revelou muitos dados acerca das suas característiacas. Novos equipamentos, a bordo de navios oceanográficos, permitiram medir o magnetismo existente nas rochas dos fundos oceânicos. Algumas rochas possuem minerais contendo ferro, com capacidade de registar o campo magnético terrestre na altura em que se formaram.O campo magnético terrestre é essencialmente dipolar e tem origem no interior da Terra, sendo evidenciado pela orientacão da agulha magnética da bússola.
  7. 7. A estrutura interna da Terra Considera-se que a Terra é constituída por um conjunto de camadas concêntricas, de propriedades distintas. Tendo em conta a constituição químico-mineralógica da Terra, podemos encontrar, sucessivamente, no nosso planeta três camadas diferentes:crusta, camada superficial, pouco espessa: e núcleo, a região central.

×