Autores: 
Diogo Seffair Riker 
(Grupo de Pesquisa de Entretenimento e Realidade Virutal) 
Francimar Rodrigues Maciel 
(IND...
Sobre o trabalho 
•Qual o papel do designer? 
•Qual a contribuição desse profissional numa equipe de desenvolvimento de jo...
Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual 
Introdução 
•Os jogos eletrônicos (década de 70) ...
Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual 
O Designer 
•“Uma equipe de criação, em geral é c...
Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual 
Antes de um projeto de jogos 
•Ter em mente o pri...
Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual 
Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimen...
Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual 
Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimen...
Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual 
Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimen...
Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos 
•Designer de Personagem (Character Designer) 
–Criação dos P...
Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos 
•Designer de Cenários (Scene Designer) 
–Criação de cenário ...
Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos 
•Designer de Interface (Interface Designer) 
–Avaliar e adap...
Caso de Estudo: Outline Interactive 
•Processo = Pré-Produção (Brainstorms, Briefings, Pesquisas, Reuniões) :: Consenso ge...
Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos 
•Conclusão 
–Verificou-se a necessidade de um maior envolvim...
OBRIGADO 
Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual 
diogo.riker@gmail.com
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O Papel do Profissional de Design em uma Equipe de Criação e Desenvolvimento de Jogos

738 visualizações

Publicada em

Apresentação feita para o SBGames em 2009.
Autores: Diogo Riker e Francimar Maciel

Publicada em: Design
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
738
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Papel do Profissional de Design em uma Equipe de Criação e Desenvolvimento de Jogos

  1. 1. Autores: Diogo Seffair Riker (Grupo de Pesquisa de Entretenimento e Realidade Virutal) Francimar Rodrigues Maciel (INDT – Instituto Nokia de Tecnologia) O papel do profissional de Design em uma equipe de criação e desenvolvimento de jogos Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual
  2. 2. Sobre o trabalho •Qual o papel do designer? •Qual a contribuição desse profissional numa equipe de desenvolvimento de jogos? •Caso de Estudo: Empresa Outline Interactive – Manaus / AM Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual
  3. 3. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual Introdução •Os jogos eletrônicos (década de 70) Tennis for two, space war •Os jogos eletrônicos (década de 80) Atari: iniciou do contágio. •Os jogos eletrônicos (atualmente) PS3, Nintendo Wii, Xbox, Devices Portáteis, PCs: Maior procura de profissionais na área de games: principalmente para área criativa.
  4. 4. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual O Designer •“Uma equipe de criação, em geral é composta por programadores, artistas, músicas, designers, entre outros.” •Designers: Crescente demanda devido ao seu perfil multi-disciplinar.
  5. 5. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual Antes de um projeto de jogos •Ter em mente o principio de Shuytema (2008): “uma equipe deve estar preparada para receber um grau de ludicidade antes de querer transmiti-la para o seu público-alvo”.
  6. 6. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos •Processo Inicial: –Realização de briefings e pesquisas a fim de coletar a maior quantidade de dados possível. –Referencial em livros, internet, documentos e Brainstorming. –Surgimento das primeiras idéias do jogo: estilo do personagem, como serão os cenários, qual o enrendo do jogo, etc. –Consenso geral da equipe de acordo com os dados coletados.
  7. 7. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos •Perfis abordados: –Designer de Jogos (Game Designer) –Designer de Personagem (Character Designer) –Designer de Cenário (Scene Designer) –Designer de Interface (Interface Designer)
  8. 8. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos •Game Designer –Gerenciamento da Equipe –Criar desafios que o jogador irá enfrentar –Definir jogabilidade –Registrar todas as informações definidas (descrições à informações técnicas sobre o projeto) em um documento chamado Game Design Document (GDD :: REFERENCIA PARA TODA A EQUIPE DE DESENVOLVIMENTO). –“(...) o GDD serve como uma obra de referência fundamental para mostrar os diferentes aspectos que o game necessita para funcionar.” (Rouse (2001, tradução nossa). –Deve possuir conhecimento da capacidade das tecnologias que serão utilizadas como Inteligência Artificial (AI)
  9. 9. Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos •Designer de Personagem (Character Designer) –Criação dos Personagens baseado no enredo e estilo do jogo –Contemplar todas as características físicas e psicológicas dos personagens definido na fase inicial do projeto. –Possuir conhecimentos técnicos e culturais (publico-alvo). –Segundo Thompson et al (2007) um dos fatores de maior importância para os profissionais atuantes nesta área é a criação de personagens, pois são considerados diversificados estudos técnicos e culturais: conhecimento de software, técnicas de desenho, anatomia humana, folclore, culinária, costumes, entre outros para proporcionar ao jogador uma identificação com o personagem, aumentando seu interesse e fator lúdico pelo game. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual
  10. 10. Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos •Designer de Cenários (Scene Designer) –Criação de cenário baseado na cultura do publico-alvo e no enredo do jogo. –Detalhes do ambientes devem estar coerentes com o enredo. –Finalidade: Aumentar a imersão do usuário com o jogo. –“o clima do ambiente para mantê-lo visualmente interessante para os jogadores.” (Schuytema, 2008). Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual
  11. 11. Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos •Designer de Interface (Interface Designer) –Avaliar e adaptar as atividades do jogo e demais elementos gráficos de acordo com o processo cognitivos do público-alvo. –Realização de testes e avaliações com o público-alvo para criar algo simples e coerente para o usuário. –Schuytema (2008) que afirma ser importante garantir que essa interface com o usuário seja mais clara e simples possível, onde mais fundamental que isso é garantir a coerência no modo como o jogador interage com o game. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual
  12. 12. Caso de Estudo: Outline Interactive •Processo = Pré-Produção (Brainstorms, Briefings, Pesquisas, Reuniões) :: Consenso geral da equipe. •Game Designer: esta atividade é atribuída a todos os membros da equipe de criação com o objetivo de oportunizar a qualificação de todos os membros de criação na atividade, devido a falta de profissionais qualificados na região. •Character Designer: esta atividade é atribuida a uma parte da equipe que possui especialização nessa área. • Scene Designer: esta atividade é atribuida a todos os profissionais, pois todos possuem conhecimento na área. •Designer de Interfcace: esta atividade é atribuida a uma equipe, onde realizam testes de usabilidades e aplicações de algumas técnicas. •Destaque –Profissionais e alunos tem a oportunidade de trabalhar juntos. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual
  13. 13. Papéis do Designer em uma equipe de desenvolvimento de jogos •Conclusão –Verificou-se a necessidade de um maior envolvimento das empresas de software e games quanto a participação do profissional de Design nas etapas de desenvolvimento de jogos, resultando em grandes melhorias para o processo comunicacional entre o jogo e o jogador. Tais mudanças contribuirão para aumento da user experience e satisfação do usuário. –Destaca-se ainda que para garantir a contínua expertise da equipe de criação faz-se necessário envolver acadêmicos e profissionais das áreas envolvidas no processo. Esta iniciativa aplicada na empresa em análise garante melhorias contínuas, troca de idéias e motivação de grupo durante o processo de desenvolvimento de jogos. Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual
  14. 14. OBRIGADO Diogo Riker :: Grupo de Pesquisa de Entreternimento e Realidade Virtual diogo.riker@gmail.com

×