Gestão ambiental aula 1 - facear

367 visualizações

Publicada em

Gestão Ambiental

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
367
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gestão ambiental aula 1 - facear

  1. 1. Gestão Ambiental Professor: Rafael Delgado E-mail: rhdelgadopr@gmail.com
  2. 2. EXEMPLOS DE NOTÍCIAS QUE PODEM DENEGRIR A IMAGEM DE UMA INSTITUIÇÃO
  3. 3. DESAFIO DO NOVO MILÊNIO Fazer com que as forças de mercado protejam e melhorem a qualidade do ambiente, com a ajuda de padrões baseados no desempenho e uso criterioso de instrumentos econômicos, num quadro harmonioso de regulamentação. Ver DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO e as QUESTÕES AMBIENTAIS como um OBJETIVO COMUM e NÃO como um CONFLITO. EQUILÍBRIO
  4. 4.  A transformação e a influência ecológica nos negócios se fazem sentir de maneira crescente e com efeitos econômicos cada vez mais profundos. A PREOCUPAÇÃO AMBIENTAL É UM FATOR DE COMPETITIVIDADE
  5. 5. EXEMPLOS DE EMPRESAS QUE UTILIZAM A GESTÃO AMBIENTAL COMO INSTRUMENTO Deixou de despejar:  270mil toneladas de poluentes na atmosfera;  30mil toneladas de efluentes nos rios. Economizou:  + de US$ 810milhões.
  6. 6. EXEMPLOS DE EMPRESAS QUE UTILIZAM A GESTÃO AMBIENTAL COMO INSTRUMENTO  Implantou um PROGRAMA DE GESTÃO AMBIENTAL e reduziu:  8,6% o consumo de energia;  13,4% o consumo de água;  10% o volume de resíduos gerados.  Economizou:  Em torno de R$ 1milhão
  7. 7. VANTAGENS DE UTILIZAR A GESTÃO AMBIENTAL COMO INSTRUMENTO  Vantagem Competitiva;  Conquista de novos mercados;  Redução de Custos (Pela eliminação de desperdícios – ÁGUA, ENERGIA, RESÍDUOS);  Incremento nos lucros a médio e longo prazos;  Atendimento das legislações;  Maior satisfação do cliente;  Melhoria da imagem da empresa;  Redução de riscos ( multas, ações legais, por descumprimento da legislação, menor passivo ambiental);  Maior facilidade na obtenção de financiamentos.
  8. 8. RISCOS QUANDO NÃO HÁ GESTÃO AMBIENTAL EM UMA ORGANIZAÇÃO  Prejuízo financeiro;  Perda Institucional (Imagem);  Menor permanência no mercado;  Reações negativas dos clientes;  Perda de parceria como fornecedores (as empresas consideram os seus fornecedores como parte integrante de sua cadeia produtiva).
  9. 9.  QUANTO ANTES AS ORGANIZAÇÕES COMEÇAREM A ENXERGAR O MEIO AMBIENTE COMO SEU PRINCIPAL DESAFIO E COMO OPORTUNIDADE COMPETITIVA, MAIOR SERÁ A CHANCE DE QUE PERMANEÇAM NO MERCADO DE TRABALHO.
  10. 10. CARACTERISTICAS IMPORTANTES PARA SE TER UMA GESTÃO AMBIENTAL ADEQUADA
  11. 11. TRABALHO EM EQUIPE E NÃO INDIVIDUAL  A preocupação ambiental não deve se restringir apenas ao pessoal da produção ou ao setor ambiental da empresa, mas a todos os diretores, gerentes, projetistas e operários – EQUIPE MULTIDISCIPLINAR – COOPERAÇÃO DE TODOS OS ENVOLVIDOS;  Reportar-se a múltiplas instituições.
  12. 12. TRANPARÊNCIA E DIVULGAÇÃO DAS INFORMAÇÕES  Demonstração aos clientes, vizinhos e acionistas, etc.  A empresa que tenha um sistema de gestão ambiental bem estruturado tem o interesse de demonstrá-lo aos clientes, vizinhos, etc., para obter vantagens decorrentes de sua atitude e mostra que sua política e objetivos estão sendo atingidos, que as ações preventivas têm prioridade sobre as corretivas, que há uma visão de melhoramento contínuo, enfim, que a empresa toma todas as medidas necessárias para evitar impactos ambientais significativos.
  13. 13. RECURSOS FINANCEIROS  Considerar os valores gastos com a GESTÃO AMBIENTAL como um INVESTIMENTO e não como custo.
  14. 14. TEMPO DEDICADO  Inserir nas atribuições dos funcionários um tempo dedicado para as atividades da Gestão Ambiental – RESPOSABILIDADE∕DELEGAR FUNÇÕES
  15. 15. MUDANÇA DE VALORES  Mudança de valores na cultura empresarial;  Incluir a questões ambientais entre os objetivos estratégicos da organização;  O executivo dos novos tempos precisa estar preparado para o desafio de harmonizar as preocupações relevantes da empresa (Meio Ambiente, Funcionários, Qualidade, Pesquisa e Desenvolvimento, etc) – ESTRATÉGIAS DE NEGÓCIOS INOVADORAS;  Igualar teoria e prática.
  16. 16. RESULTADOS EM LONGO PRAZO
  17. 17. TERMOS IMPORTANTES GESTÃO AMBIENTAL DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RECURSOS NATURAIS IMPACTOS AMBIENTAIS POTENCIAL POLUIDOR AÇÕES PREVENTIVAS AÇÕES CORRETIVAS
  18. 18. GESTÃO AMBIENTAL  É motivada por uma ética ecológica e por uma preocupação com o bem-estar das futuras gerações.  A gestão ambiental não questiona a ideologia do crescimento econômico , que é a principal força motriz das atuais politicas econômicas. A gestão ambiental implica o reconhecimento de que o crescimento econômico ilimitado num planeta finito só pode levar a um desastre. Dessa forma, faz-se uma restrição ao conceito de crescimento, introduzindo-se a sustentabilidade ecológica como critério fundamental de todas as atividades de negócio.  Não é apenas uma atividade filantrópica ou tema para ecologistas e ambientalistas, mas também uma atividade que pode propiciar ganhos financeiros para as empresas.
  19. 19. GESTÃO AMBIENTAL – NOVO POSICIONAMENTO  A gestão ambiental exige gestores empresariais PREPARADOS para as demandas ambientais, que saibam conciliar as questões ambientais com os objetivos de suas organizações empresariais.  Tornar o mundo um lugar mais verde tornou-se uma das prioridades globais dos últimos anos, o que coloca o profissional capacitado e interessado nessa área em uma POSIÇÃO PRIVILEGIADA dentro da carreira industrial.
  20. 20. PESQUISE A DEFINIÇÃO DOS TERMOS ELENCADOS ABAIXO: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RECURSOS NATURAIS IMPACTOS AMBIENTAIS POTENCIAL POLUIDOR AÇÕES PREVENTIVAS AÇÕES CORRETIVAS ATIVIDADE PARA A PRÓXIMA AULA
  21. 21. Texto auxiliar para estudo: LIVRO: Gestão Ambiental e Responsabilidade Social Coporporativa – Estratégias de Negócios focadas na realidade brasileira. AUTOR: Takeshy Tachizawa EDITORA: Atlas PARTE I – CAPITULO 1: Aspectos Econômicos da Gestão Ambiental e da Resposanbilidade Social. Páginas 4 a 13.

×