SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 3
Baixar para ler offline
(El Culturalde ABC)
O discurso educacionaltornou-se pessimista e dramático. Sempre quefalamos sobre a
educaçãofazemo-lo em termos apocalípticos. É verdadeque a educaçãoé difícil, mas
acho que devemos recuperar uma atitudemais otimista, corajosa e ativa. Temos os
meios, conhecimentos e oportunidadespara educarbem, e precisamos apenasda
decisão de o fazer. Ondeé queeste movimento de renovação deve surgir? Certamente,
na sociedade como um todo, mas os dois protagonistas, os dois focos de consciência
social educacional, devem ser as famílias e as escolas. Não separadas, masunidas.
Pais e professores formam a equipa pedagógica básica, e temos de desenvolver uma
pedagogia compartilhadaquepermite quea casa e a escola não sejam espaços
separadosou antagónicos, mascooperativos. Cada dia se fala mais de uma
"aprendizagem complementar" uma aprendizagemcomplementarentre as duas
instituições, mas esta ideia tão básica é muito difícil de pôrem prática. É preciso
superar a preguiça e a desconfiança de ambos os lados. Todos os estudos indicam que
as famílias monoparentaisnão podem educar bem, mas queas escolas por si só
também nãoo podem fazer. Portanto, este artigo tem a intenção de ser, além de uma
exposição de motivos, um apelo à acção dirigida à sociedade.
Começo do princípio, especificando os objetivos da educação. Com ela, o que nós
queremos é que os nossos filhos adquiramos recursos intelectuais, emocionais,
volitivos e morais para conduzir as suas vidas de forma responsável e corretamente,
serem capazes de aproveitar as oportunidadese lidar com os problemas. Em expedita,
o que todos nósqueremos é queestejam na melhor posição para serem felizes e ser
boas pessoas. Isto inclui a possibilidade de um bom trabalhoe talento para manter
relações afetivas satisfatórias, e contribuir para o bem-estar geral. Os objetivos
educacionaissão ambiciosos, mas podem ser resumidos numa fórmula concisa:
educação= instrução + educação do caráter.
Formar o caráter
Educaré, sem dúvida, proporcionarà criança ou adulto, o conhecimento necessário.
Da instrução se encarrega fundamentalmenteo sistema educativo. Mas educar é
também ajudara construir o caráter. O caráter é o conjunto de hábitosque uma
pessoa adquire, quevão expandirou limitar as suas oportunidadesde vida. O bom
caráter é o queaumenta as oportunidadesdedesenvolvimento, autonomia,
criatividade e eficácia de uma pessoa. Ser otimista, corajoso, suportar o esforço,
apreciar as coisas boas, estar disposto a aprendercontinuamente, sendo capazde
realizar projetos para se comunicar, colaborar, manter a confiança, buscara justiça,
são recursos quefazem parte do bom caráter. Nós nãopodemos resolver os problemas
dos nossos filhos, nem sequer sabemos quaispoderão ser. Eles têm de travar as suas
própriasbatalhas. A nossa obrigaçãoé proporcionar-lhes competências gerais; ajudá-
-los a desenvolver forças pessoais. Por exemplo, podemos ter certeza de que, quando
eles se tornam adolescentes vivem num mundoondeas drogas estarão presentes. Nós
não podemos evitá-lo. Tudoo que podemos fazer é educá-los a tomar a decisão mais
inteligente na hora certa. Bem, o desenvolvimento do caráter é a tarefa conjunta da
família e da escola. Assim deve funcionar. O papelda família é crucial. No entanto,
durantea última metade do século passado, o seu papeleducacionalfoi amplamente
criticado. Foi vista como uma instituição autoritária, que anulava a liberdadedos
filhos e prolongava uma injustiça patriarcal. Foi repetida como um dogma de fé a
declaração de Freud: "Façam o que fizerem os pais, fá-lo-ão mal." A situação torna-se
angustiantepara muitospais. Por um lado, eles são responsáveis pelo comportamento
de seus filhos: sempre que há um problema social causadopela juventude, todos
mundocriticam os paispor não cumprirem a sua obrigação. Mas, ao mesmo tempo, a
autoridadede pais é reduzida. O CódigoCivil tirou o poder de "adequadamente
corrigir" os seus filhos. Agora, por exemplo, a "custódia" deixou de ser um direito
sobre as crianças para ser apenasum conjunto de deveres, sem reciprocidade. Ambas
as situações eram, é claro, injustas. Sem dúvida, existem muitos pais que ignoram as
suas obrigações educacionais, há uma profunda crise da instituição familiar, as
relações conjugaistêm enfraquecido...; mas a maioria dos pais estão muito
preocupadose confusos sobre a educação de seus filhos. Se se delega na escola todas
as responsabilidadesnão é tanto por conveniência como por impotência.
Em Espanha,asmães que trabalham têm complexo de culpa crónica. Por essa razão,
há três anos, fundou-sea Universidadede paison-line, a fim de ajudaras famílias em
todo o processo educacionalda criança desde o nascimento até 16 anos de idade. Isto
é para tornar disponível o conhecimento e as práticas educativas mais atuaise
eficazes. O sucesso da iniciativa confirma a minha crença de que a maioria dos pais
quer fazer bem o seu trabalho.
Por que é que eu disse antes que este artigo foi dirigida a toda a sociedade? Primeiro,
porque, como eu gosto de repetir, "para educar uma criança é preciso toda a aldeia."
Em segundolugar, porqueas famílias e as escolas precisam de apoio, proximidade, o
interesse de todos os cidadãos. Ao fim e ao cabo, os nossos padrõesde vida vão
dependerda boa educaçãodos nossos jovens.
Educação= instrução + educaçãodo caráter
EDUCAÇÃO
RECURSOSMORAIS:As crianças devem adquirirdurantea sua formação
intelectual, recursos emocionais, volitivos e morais.
APRENDIZAGEM:Osjovens também precisam de aprendera ser pessoas felizes e
boas e contribuir para o bem-estar geral
FERRAMENTAS:Osmais novos devem ser instruídos para conseguir um bom
emprego
TALENTO:As crianças têm que ter ferramentas para manter relações emocionais
profundase satisfatórias em toda a sua vida
FAMÍLIA
MÁ FAMA: Duranteo último meio século esta instituição foi vista como autoritária
CUSTÓDIA:deixou de ser um direito sobre as crianças para ser um conjunto de
deveres sem reciprocidade
DELEGAÇÃO:Paisdepositam na escola a sua própria responsabilidade, não por
conforto, maspor impotência
MÃES NO ATIVO: as mães que trabalham têm um complexo crónico de culpa por não
responder às necessidades da família
José António Marina

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

TCC - RELAÇÃO FAMÍLIA E ESCOLA
TCC - RELAÇÃO FAMÍLIA E ESCOLATCC - RELAÇÃO FAMÍLIA E ESCOLA
TCC - RELAÇÃO FAMÍLIA E ESCOLAJJOAOPAULO7
 
O papel da família na educação dos filhos
O papel da família na educação dos filhosO papel da família na educação dos filhos
O papel da família na educação dos filhosMarta Lemos
 
PARENTALIDADE Positiva - um guia para proteção de noss@s filh@s
PARENTALIDADE Positiva - um guia para proteção de noss@s filh@sPARENTALIDADE Positiva - um guia para proteção de noss@s filh@s
PARENTALIDADE Positiva - um guia para proteção de noss@s filh@sProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Apostila palestra para os pais
Apostila palestra para os pais  Apostila palestra para os pais
Apostila palestra para os pais Lucia Verissimo
 
A importancia-da-familia-na-educacao-dos-filhos
A importancia-da-familia-na-educacao-dos-filhosA importancia-da-familia-na-educacao-dos-filhos
A importancia-da-familia-na-educacao-dos-filhosMichelle Rios
 
Disciplina - parceria da família com a escola
Disciplina - parceria da família com a escolaDisciplina - parceria da família com a escola
Disciplina - parceria da família com a escolaPBH
 
A família e a escola na formação integral
A família e a escola na formação integralA família e a escola na formação integral
A família e a escola na formação integralDianaricardo28
 
Importância da parceria família/escola no desenvolvimento e aprendizagem das ...
Importância da parceria família/escola no desenvolvimento e aprendizagem das ...Importância da parceria família/escola no desenvolvimento e aprendizagem das ...
Importância da parceria família/escola no desenvolvimento e aprendizagem das ...Elisandra Manfroi
 
Palestra EC46 - Limites em casa e na escola
Palestra   EC46 - Limites em casa e na escolaPalestra   EC46 - Limites em casa e na escola
Palestra EC46 - Limites em casa e na escolaAnaí Peña
 
A Relação escola e familia
 A  Relação  escola e familia  A  Relação  escola e familia
A Relação escola e familia adrianafrancisca
 

Mais procurados (15)

Preleção família e escola
Preleção família e escolaPreleção família e escola
Preleção família e escola
 
TCC - RELAÇÃO FAMÍLIA E ESCOLA
TCC - RELAÇÃO FAMÍLIA E ESCOLATCC - RELAÇÃO FAMÍLIA E ESCOLA
TCC - RELAÇÃO FAMÍLIA E ESCOLA
 
O papel da família na educação dos filhos
O papel da família na educação dos filhosO papel da família na educação dos filhos
O papel da família na educação dos filhos
 
PARENTALIDADE Positiva - um guia para proteção de noss@s filh@s
PARENTALIDADE Positiva - um guia para proteção de noss@s filh@sPARENTALIDADE Positiva - um guia para proteção de noss@s filh@s
PARENTALIDADE Positiva - um guia para proteção de noss@s filh@s
 
Apostila palestra para os pais
Apostila palestra para os pais  Apostila palestra para os pais
Apostila palestra para os pais
 
Slide
Slide Slide
Slide
 
A importancia-da-familia-na-educacao-dos-filhos
A importancia-da-familia-na-educacao-dos-filhosA importancia-da-familia-na-educacao-dos-filhos
A importancia-da-familia-na-educacao-dos-filhos
 
Disciplina - parceria da família com a escola
Disciplina - parceria da família com a escolaDisciplina - parceria da família com a escola
Disciplina - parceria da família com a escola
 
A família e a escola na formação integral
A família e a escola na formação integralA família e a escola na formação integral
A família e a escola na formação integral
 
A ImportâNcia Da FamíLia No âMbito Escolar
A ImportâNcia Da FamíLia No âMbito EscolarA ImportâNcia Da FamíLia No âMbito Escolar
A ImportâNcia Da FamíLia No âMbito Escolar
 
A familia e a escola
A familia e a escolaA familia e a escola
A familia e a escola
 
Importância da parceria família/escola no desenvolvimento e aprendizagem das ...
Importância da parceria família/escola no desenvolvimento e aprendizagem das ...Importância da parceria família/escola no desenvolvimento e aprendizagem das ...
Importância da parceria família/escola no desenvolvimento e aprendizagem das ...
 
A Importância da Família no ambiente escolar
A Importância da Família no ambiente escolarA Importância da Família no ambiente escolar
A Importância da Família no ambiente escolar
 
Palestra EC46 - Limites em casa e na escola
Palestra   EC46 - Limites em casa e na escolaPalestra   EC46 - Limites em casa e na escola
Palestra EC46 - Limites em casa e na escola
 
A Relação escola e familia
 A  Relação  escola e familia  A  Relação  escola e familia
A Relação escola e familia
 

Destaque

Non Sei Cambiato Da Allora
Non Sei Cambiato Da AlloraNon Sei Cambiato Da Allora
Non Sei Cambiato Da Allorasansoucis
 
Historia chorób zębów i przyzębia
Historia chorób zębów i przyzębiaHistoria chorób zębów i przyzębia
Historia chorób zębów i przyzębiaStomatologia Sypień
 
Navidad 2010 (5º b)
Navidad 2010 (5º b)Navidad 2010 (5º b)
Navidad 2010 (5º b)ibgarcia
 
Rancangan pengajaran tahunan
Rancangan pengajaran tahunanRancangan pengajaran tahunan
Rancangan pengajaran tahunaninovatifinsan
 
Appellate Order - NYCO Products v. First American Properties
Appellate Order - NYCO Products v. First American PropertiesAppellate Order - NYCO Products v. First American Properties
Appellate Order - NYCO Products v. First American Propertieskliebs
 
Overzicht voor ronde 14
Overzicht voor ronde 14Overzicht voor ronde 14
Overzicht voor ronde 14WimdeRuyter
 
Ruas da lezíria 2.º ano
Ruas da lezíria 2.º anoRuas da lezíria 2.º ano
Ruas da lezíria 2.º anoRuas da Leziria
 
Actividades academicas1
Actividades academicas1Actividades academicas1
Actividades academicas1KAREN3232
 
MARTE giulia tassinari
MARTE giulia tassinariMARTE giulia tassinari
MARTE giulia tassinariclaudiaterzi
 
Presentatie nayp 2
Presentatie nayp 2Presentatie nayp 2
Presentatie nayp 2natalieypma
 
Personal brand seorang prima gratia
Personal brand seorang prima gratiaPersonal brand seorang prima gratia
Personal brand seorang prima gratiaPrima Gratia
 
Ciclo de vida del software y hardware
Ciclo de vida del software y hardwareCiclo de vida del software y hardware
Ciclo de vida del software y hardwareEric Rosas
 
Preparándose para Liderar
Preparándose para LiderarPreparándose para Liderar
Preparándose para LiderarESPAE
 
[My-Me] Presentation
[My-Me] Presentation[My-Me] Presentation
[My-Me] PresentationMax Tells
 

Destaque (20)

Non Sei Cambiato Da Allora
Non Sei Cambiato Da AlloraNon Sei Cambiato Da Allora
Non Sei Cambiato Da Allora
 
Historia chorób zębów i przyzębia
Historia chorób zębów i przyzębiaHistoria chorób zębów i przyzębia
Historia chorób zębów i przyzębia
 
Navidad 2010 (5º b)
Navidad 2010 (5º b)Navidad 2010 (5º b)
Navidad 2010 (5º b)
 
Rancangan pengajaran tahunan
Rancangan pengajaran tahunanRancangan pengajaran tahunan
Rancangan pengajaran tahunan
 
Appellate Order - NYCO Products v. First American Properties
Appellate Order - NYCO Products v. First American PropertiesAppellate Order - NYCO Products v. First American Properties
Appellate Order - NYCO Products v. First American Properties
 
ميزانية المسح
ميزانية المسحميزانية المسح
ميزانية المسح
 
Overzicht voor ronde 14
Overzicht voor ronde 14Overzicht voor ronde 14
Overzicht voor ronde 14
 
Ruas da lezíria 2.º ano
Ruas da lezíria 2.º anoRuas da lezíria 2.º ano
Ruas da lezíria 2.º ano
 
Actividades academicas1
Actividades academicas1Actividades academicas1
Actividades academicas1
 
MARTE giulia tassinari
MARTE giulia tassinariMARTE giulia tassinari
MARTE giulia tassinari
 
Presentatie nayp 2
Presentatie nayp 2Presentatie nayp 2
Presentatie nayp 2
 
Leke
LekeLeke
Leke
 
Pertemuan 6
Pertemuan 6Pertemuan 6
Pertemuan 6
 
Personal brand seorang prima gratia
Personal brand seorang prima gratiaPersonal brand seorang prima gratia
Personal brand seorang prima gratia
 
Ciclo de vida del software y hardware
Ciclo de vida del software y hardwareCiclo de vida del software y hardware
Ciclo de vida del software y hardware
 
Preparándose para Liderar
Preparándose para LiderarPreparándose para Liderar
Preparándose para Liderar
 
Kelas ix bab 3 globalisasi
Kelas ix bab 3 globalisasiKelas ix bab 3 globalisasi
Kelas ix bab 3 globalisasi
 
[My-Me] Presentation
[My-Me] Presentation[My-Me] Presentation
[My-Me] Presentation
 
Sage appendix ind
Sage appendix indSage appendix ind
Sage appendix ind
 
T017 6697
T017 6697T017 6697
T017 6697
 

Semelhante a Educação e formação do caráter: o papel da família e da escola

Relação família e escola
Relação família e escolaRelação família e escola
Relação família e escolaadrianafrancisca
 
Relação família e escola
Relação família e escolaRelação família e escola
Relação família e escolaadrianafrancisca
 
Relação família e escola
Relação família e escolaRelação família e escola
Relação família e escolaadrianafrancisca
 
Que alternativas poderiam promover a integração da família na escola?
Que alternativas poderiam promover a integração da família na escola?Que alternativas poderiam promover a integração da família na escola?
Que alternativas poderiam promover a integração da família na escola?Elisandra Manfroi
 
Citacoes sobre familia
Citacoes sobre  familiaCitacoes sobre  familia
Citacoes sobre familiaLohan Viana
 
Coaching e mentoring para educação consciente dos filhos, autoeducação, filho...
Coaching e mentoring para educação consciente dos filhos, autoeducação, filho...Coaching e mentoring para educação consciente dos filhos, autoeducação, filho...
Coaching e mentoring para educação consciente dos filhos, autoeducação, filho...anatgomes
 
A importância da construção de valores na família e na escola
A importância da construção de valores na família e na escolaA importância da construção de valores na família e na escola
A importância da construção de valores na família e na escolaMaria Deuza dos Santos
 
Fundamentos da educação da criança
Fundamentos da educação da criançaFundamentos da educação da criança
Fundamentos da educação da criançacruzacre
 
Fundamentos da educação da criança
Fundamentos da educação da criançaFundamentos da educação da criança
Fundamentos da educação da criançacruzacre
 
Influência da família no ensino aprendizagem 3 2015
Influência da família no ensino aprendizagem 3  2015Influência da família no ensino aprendizagem 3  2015
Influência da família no ensino aprendizagem 3 2015cefaprodematupa
 
PAPEL SOCIAL DA ESCOLA
PAPEL SOCIAL DA ESCOLAPAPEL SOCIAL DA ESCOLA
PAPEL SOCIAL DA ESCOLAluizaperalta2
 
Reflexões sobre a relação família escola
Reflexões sobre a relação família escolaReflexões sobre a relação família escola
Reflexões sobre a relação família escolaSonia Piaya
 
Educação no século XXI - Desafio de Pais e Educadores
Educação no século XXI - Desafio de Pais e EducadoresEducação no século XXI - Desafio de Pais e Educadores
Educação no século XXI - Desafio de Pais e EducadoresLuciana Raspa Marcelo Lopes
 

Semelhante a Educação e formação do caráter: o papel da família e da escola (20)

Slide pra palestra problemas sociais
Slide pra palestra problemas sociaisSlide pra palestra problemas sociais
Slide pra palestra problemas sociais
 
Relação família e escola
Relação família e escolaRelação família e escola
Relação família e escola
 
Relação família e escola
Relação família e escolaRelação família e escola
Relação família e escola
 
Relação família e escola
Relação família e escolaRelação família e escola
Relação família e escola
 
Que alternativas poderiam promover a integração da família na escola?
Que alternativas poderiam promover a integração da família na escola?Que alternativas poderiam promover a integração da família na escola?
Que alternativas poderiam promover a integração da família na escola?
 
Citacoes sobre familia
Citacoes sobre  familiaCitacoes sobre  familia
Citacoes sobre familia
 
Coaching e mentoring para educação consciente dos filhos, autoeducação, filho...
Coaching e mentoring para educação consciente dos filhos, autoeducação, filho...Coaching e mentoring para educação consciente dos filhos, autoeducação, filho...
Coaching e mentoring para educação consciente dos filhos, autoeducação, filho...
 
A importância da construção de valores na família e na escola
A importância da construção de valores na família e na escolaA importância da construção de valores na família e na escola
A importância da construção de valores na família e na escola
 
A escola
A escolaA escola
A escola
 
Fundamentos da educação da criança
Fundamentos da educação da criançaFundamentos da educação da criança
Fundamentos da educação da criança
 
Fundamentos da educação da criança
Fundamentos da educação da criançaFundamentos da educação da criança
Fundamentos da educação da criança
 
Por uma educação humanizadora
Por uma educação humanizadoraPor uma educação humanizadora
Por uma educação humanizadora
 
Monografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcine
Monografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcineMonografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcine
Monografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcine
 
Influência da família no ensino aprendizagem 3 2015
Influência da família no ensino aprendizagem 3  2015Influência da família no ensino aprendizagem 3  2015
Influência da família no ensino aprendizagem 3 2015
 
Inclusão
InclusãoInclusão
Inclusão
 
Inclusão primeira
Inclusão primeiraInclusão primeira
Inclusão primeira
 
PAPEL SOCIAL DA ESCOLA
PAPEL SOCIAL DA ESCOLAPAPEL SOCIAL DA ESCOLA
PAPEL SOCIAL DA ESCOLA
 
Pedagogia afetiva
Pedagogia afetivaPedagogia afetiva
Pedagogia afetiva
 
Reflexões sobre a relação família escola
Reflexões sobre a relação família escolaReflexões sobre a relação família escola
Reflexões sobre a relação família escola
 
Educação no século XXI - Desafio de Pais e Educadores
Educação no século XXI - Desafio de Pais e EducadoresEducação no século XXI - Desafio de Pais e Educadores
Educação no século XXI - Desafio de Pais e Educadores
 

Educação e formação do caráter: o papel da família e da escola

  • 1. (El Culturalde ABC) O discurso educacionaltornou-se pessimista e dramático. Sempre quefalamos sobre a educaçãofazemo-lo em termos apocalípticos. É verdadeque a educaçãoé difícil, mas acho que devemos recuperar uma atitudemais otimista, corajosa e ativa. Temos os meios, conhecimentos e oportunidadespara educarbem, e precisamos apenasda decisão de o fazer. Ondeé queeste movimento de renovação deve surgir? Certamente, na sociedade como um todo, mas os dois protagonistas, os dois focos de consciência social educacional, devem ser as famílias e as escolas. Não separadas, masunidas. Pais e professores formam a equipa pedagógica básica, e temos de desenvolver uma pedagogia compartilhadaquepermite quea casa e a escola não sejam espaços separadosou antagónicos, mascooperativos. Cada dia se fala mais de uma "aprendizagem complementar" uma aprendizagemcomplementarentre as duas instituições, mas esta ideia tão básica é muito difícil de pôrem prática. É preciso superar a preguiça e a desconfiança de ambos os lados. Todos os estudos indicam que as famílias monoparentaisnão podem educar bem, mas queas escolas por si só também nãoo podem fazer. Portanto, este artigo tem a intenção de ser, além de uma exposição de motivos, um apelo à acção dirigida à sociedade. Começo do princípio, especificando os objetivos da educação. Com ela, o que nós queremos é que os nossos filhos adquiramos recursos intelectuais, emocionais, volitivos e morais para conduzir as suas vidas de forma responsável e corretamente, serem capazes de aproveitar as oportunidadese lidar com os problemas. Em expedita, o que todos nósqueremos é queestejam na melhor posição para serem felizes e ser boas pessoas. Isto inclui a possibilidade de um bom trabalhoe talento para manter relações afetivas satisfatórias, e contribuir para o bem-estar geral. Os objetivos educacionaissão ambiciosos, mas podem ser resumidos numa fórmula concisa: educação= instrução + educação do caráter. Formar o caráter Educaré, sem dúvida, proporcionarà criança ou adulto, o conhecimento necessário. Da instrução se encarrega fundamentalmenteo sistema educativo. Mas educar é também ajudara construir o caráter. O caráter é o conjunto de hábitosque uma pessoa adquire, quevão expandirou limitar as suas oportunidadesde vida. O bom caráter é o queaumenta as oportunidadesdedesenvolvimento, autonomia, criatividade e eficácia de uma pessoa. Ser otimista, corajoso, suportar o esforço, apreciar as coisas boas, estar disposto a aprendercontinuamente, sendo capazde realizar projetos para se comunicar, colaborar, manter a confiança, buscara justiça, são recursos quefazem parte do bom caráter. Nós nãopodemos resolver os problemas dos nossos filhos, nem sequer sabemos quaispoderão ser. Eles têm de travar as suas própriasbatalhas. A nossa obrigaçãoé proporcionar-lhes competências gerais; ajudá- -los a desenvolver forças pessoais. Por exemplo, podemos ter certeza de que, quando
  • 2. eles se tornam adolescentes vivem num mundoondeas drogas estarão presentes. Nós não podemos evitá-lo. Tudoo que podemos fazer é educá-los a tomar a decisão mais inteligente na hora certa. Bem, o desenvolvimento do caráter é a tarefa conjunta da família e da escola. Assim deve funcionar. O papelda família é crucial. No entanto, durantea última metade do século passado, o seu papeleducacionalfoi amplamente criticado. Foi vista como uma instituição autoritária, que anulava a liberdadedos filhos e prolongava uma injustiça patriarcal. Foi repetida como um dogma de fé a declaração de Freud: "Façam o que fizerem os pais, fá-lo-ão mal." A situação torna-se angustiantepara muitospais. Por um lado, eles são responsáveis pelo comportamento de seus filhos: sempre que há um problema social causadopela juventude, todos mundocriticam os paispor não cumprirem a sua obrigação. Mas, ao mesmo tempo, a autoridadede pais é reduzida. O CódigoCivil tirou o poder de "adequadamente corrigir" os seus filhos. Agora, por exemplo, a "custódia" deixou de ser um direito sobre as crianças para ser apenasum conjunto de deveres, sem reciprocidade. Ambas as situações eram, é claro, injustas. Sem dúvida, existem muitos pais que ignoram as suas obrigações educacionais, há uma profunda crise da instituição familiar, as relações conjugaistêm enfraquecido...; mas a maioria dos pais estão muito preocupadose confusos sobre a educação de seus filhos. Se se delega na escola todas as responsabilidadesnão é tanto por conveniência como por impotência. Em Espanha,asmães que trabalham têm complexo de culpa crónica. Por essa razão, há três anos, fundou-sea Universidadede paison-line, a fim de ajudaras famílias em todo o processo educacionalda criança desde o nascimento até 16 anos de idade. Isto é para tornar disponível o conhecimento e as práticas educativas mais atuaise eficazes. O sucesso da iniciativa confirma a minha crença de que a maioria dos pais quer fazer bem o seu trabalho. Por que é que eu disse antes que este artigo foi dirigida a toda a sociedade? Primeiro, porque, como eu gosto de repetir, "para educar uma criança é preciso toda a aldeia." Em segundolugar, porqueas famílias e as escolas precisam de apoio, proximidade, o interesse de todos os cidadãos. Ao fim e ao cabo, os nossos padrõesde vida vão dependerda boa educaçãodos nossos jovens. Educação= instrução + educaçãodo caráter EDUCAÇÃO RECURSOSMORAIS:As crianças devem adquirirdurantea sua formação intelectual, recursos emocionais, volitivos e morais. APRENDIZAGEM:Osjovens também precisam de aprendera ser pessoas felizes e boas e contribuir para o bem-estar geral
  • 3. FERRAMENTAS:Osmais novos devem ser instruídos para conseguir um bom emprego TALENTO:As crianças têm que ter ferramentas para manter relações emocionais profundase satisfatórias em toda a sua vida FAMÍLIA MÁ FAMA: Duranteo último meio século esta instituição foi vista como autoritária CUSTÓDIA:deixou de ser um direito sobre as crianças para ser um conjunto de deveres sem reciprocidade DELEGAÇÃO:Paisdepositam na escola a sua própria responsabilidade, não por conforto, maspor impotência MÃES NO ATIVO: as mães que trabalham têm um complexo crónico de culpa por não responder às necessidades da família José António Marina