SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
A “célula urbana”
Estratégia de Urbanização dos Bairros Informais
nas Metrópoles Africanas
Luanda-Angola
FOTOGRAFÍAPAZNÚNEZ
BAIRROS INFORMAIS
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
Assentamentos Humanos de desenvolvimento acelerado e
desordenado, edificados apartir de invasões e ocupações
ilegais de terrenos, desprovidos de quaisquer planos e
normas construtivas, licenças ou cadastros, normalmente
situados nas periferias dos centros urbanos, em espaços
intersticiais, em falésias ou morros, zonas inundáveis,
lixeiras,etc.
Inicialmente uma Utopia efémera para tornar-se numa
Realidade eterna.
BAIRROS INFORMAIS
Exemplos
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
Avenida dos
Combatentes
Lunda – Angola
Quando a dinâmica
da urbanização da
cidade é inferior a
massiva migração de
ocupação anárquica
BAIRROS INFORMAIS
Exemplos
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
Sambizanga
Lunda – Angola
Inexistência de
quaisquer
planeamento e
urbanismo
BAIRROS INFORMAIS
Rio de Janeiro - Brasil
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
BAIRROS INFORMAIS E SUA LOCALIZAÇÃO E EVOLUÇÃO
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
1989 - 100,80 Km²
1998 - 253,27 Km²
2000 - 270,05 Km²
1980 - 19,42 Km²
2010 – 350,00 Km²
Arquivo Arq. Gameiro
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
CRESCIMENTO ACELERADO DE LUANDA
CENTRO FINANCIERO LUANDA
VISTA DE MUSSEQUE
REFERÊNCIAS GERAIS DE LUANDA
PLANO GENERAL DE LUANDA
LUANDA
• 6 MILHÕES DE HABITANTES
(PLANIFICADA PARA 500,000 PESSOAS)
•80% POPULAÇÃO VIVE EM BAIRROS
INFORMAIS
FOTOGRAFÍAPAZNÚÑEZ
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
BAIRRO-CIUDADE LUANDA-ANGOLA
ANÁLISE TERRITORIAL
PARA IDENTIFICAÇÃO DO BAIRRO INFORMAL Á INTERVIR
ESCALA METROPOLITANA ESCALA URBANA
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
O SECTOR DA VENDA INFORMAL
Deverá ser organizado
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
O ELEVADO CUSTO DAS INFRA-ESTRUTURAS
Deverá ser racionalizado e optimizado
50 usd / m2
300.000 usd / Quarteirão de 200m X 200m
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
A QUALIDADE URBANÍSTICA E ARQUITECTÓNICA
Deverá ser repensada
PROJECTO NOVA VIDAPROJECTO NOVA VIDA
50m
VIANAVIANA
PROJECTO MORARPROJECTO MORAR
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
A INFLUÊNCIA DA HERANÇA TRADICIONAL
Na definição do traçado urbano
Aglomerado Tradicional “ O Kimbo” Arquivo Museu de Antropologia de Angola
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
Aglomerado Tradicional Arquivo José Redinha Etnólogo
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
Arquivo José Redinha Etnólogo
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
A MISCIGENAÇÃO
Modelo antropocênctico Bantu
Mileto. Plano geral (Galion)
O “cardus decomanus”
PROJECTO
Análises
Diagnóstico
Desenho do
Projecto
Processo de
Implementação
Reabilitação
Melhoramento integral
e progressivo a partir
do existente
Renovação
Assentamento novo
para a população
que ocupa
actualmente o lugar
Objectivo geral Objectivos
específicos
ORGANIGRAMA DO PROJECTO
OBJETIVOS GERAIS
Estabelecer as bases que permitam a implementação
de metodologias, políticas e normas para a
recuperação dos Bairros Informais e o melhoramento
da qualidade de vida dos seus habitantes, partindo
das suas condições de Habitabilidade Básica, na
cidade de Luanda
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
HABITABILIDADE BASICA
CONJUNTO DE ESTRUTURAS FÍSICAS ELEMENTARES:
1. Vivenda evolutiva
2. Infraestructuras mínimas (agua, saneamento, lixo e energia)
3. Acesso á equipamentos públicos (saúde, educação, recreação, etc)
4. Espaços públicos
VISTA GENERAL DE VÍA
FOTOGRAFÍAPAZNÚNEZ
PLANO PROPUESTA
•MELHORAMENTO DAS VIAS
PERIMETRAIS E CENTRAIS
•DAR CONTINUIDADE AS VIAS
INTERNAS
•VALORIZAÇÃO DA ÁREA ADJECENTE
A ESTAÇÃO DE COMBOIOS
•ORGANIZAÇÃO DO COMERCIO
INFORMAL
•CRIAÇÃO DE EQUIPAMENTOS NA
ZONA DE TRANSIÇÃO ENTRE O
FORMAL E O INFORMAL
•IMPLANTAÇÃO DE UMA CÉLULA
URBANA B-2, COMO MODELO
EVOLUTIVO BUSCANDO A
INTEGRAÇÃO Á CIDADE FORMAL
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
OBJECTIVOS ESPECÍFICOS
BARRIO-CIUDAD LUANDA-ANGOLA
ÁREA em
Hectares
% Hab./Hect. Viv./Hec.
TOTAL
Vivendas
TOTAL
Pop
Tipo
Vivendas
ZONAURBANA U-1 318 100 657 73 23.214 208.926 unifamiliar
MODELO CÉLULADO BAIRRO B-2 6,91 2 657 73 511 4533 unifamiliar
Área media / Vivenda 45.3 (número de habitantes x vivenda - 10)
Familias / Vivenda 1.3 (número de individuos x familia - 7)
PLANO DE REFERENCIA B-2
PLANO DE REFERENCIA U-1
CÉLULA URBANA
ANÁLISE DAS ÁREAS E DENSIDADES
Línha crítica da HaB
• 7m2 / pessoa (construidos)
• 5 - 20 litros de água / pessoa, etc.
Área media / vivienda: 45m2
7 – 9 pessoas / familia
A HABITABILIDADE PRECARIA HaP
• CAOS
• ALTA DENSIDADE
• RISCOS DE DOENÇAS
DESENHODEUMACRINÇADE12ANOS
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
PROPOSTA A-
REABILITAÇÃO. Melhoramento integral e progressivo sobre o existente
CÉLULA URBANA B-2
REDE DE PATIOS URBANOSORGANIZAÇÃO SOCIAL
AGLOMERADO VERNÁCULO
TECIDOS
1.- REDE VIARIA
2.- PEDONAL
3.- PATIOS URBANOS
ORGANIZAÇÃO COMERCIO INFORMAL
A COMUNIDAD
REDE VIARIA / PEDONAL
EQUIPAMENTO E SERVIÇOS
O PÚBLICO
RAIOS DE ACÇÃO
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
ESTUDO DAS HIERARQUIAS
DAS VIAS
PROPOSTA B-
RENOVAÇÃO. Urbanização nova
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
RUELAS E ESPAÇOS LIVRES INFORMAIS
ESTRATEGIAS DE URBANIZAÇÃO
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
A SOLUÇÃO (CÉLULA URBANA)
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
A VIVENDA
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
BLOCO HABITACIONAL DE BAIXO CUSTO EM BANDA
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
SISTEMA CONSTRUTIVO EM PAINÉIS LEVES PRÉ-FABRICADOS
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA
SISTEMA CONSTRUTIVO EM PAINÉIS LEVES PRÉ-FABRICADOS
BARRIO-CIUDAD LUANDA-ANGOLA
PROCESSOS DE IMPLEMENTAÇÃO
1. POLITICAS DO GOVERNO
• AUMENTAR O ACESSO A ÁGUA POTÁVEL
• AUMENTAR O ACESSO AO SANEAMENTO
•ACESSO A VIVENDA SOCIAL PARA AS FAMILIAS MAIS
POBRES
2. ACÇÕES DA ADMIN. LOCAL
• INQUÉRITOS / INVESTIGAÇÃO
• ESTATÍSTICAS
• DIÁLOGO COM AS COMUNIDADES
• PARTICIPAÇÃO DAS COMUNIDADES
3. E 4. ELABORAÇÃO DE ESTRATÉGIAS
• CÉLULA URBANA
• ORGANIZÇÃO DO COMERCIO INFORMAL
5. COLABORAÇÃO TÉCNICA
• INFRAESTRUTURAS BASICAS
• GESTÃO DOS SERVIÇOS MUNICIPAIS
BAIRRO-CIDADE LUANDA-ANGOLA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Urbanização em angola; desafios e oportunidades
Urbanização em angola; desafios e oportunidadesUrbanização em angola; desafios e oportunidades
Urbanização em angola; desafios e oportunidades
Planet Earth Institute
 

Mais procurados (20)

Morfologia Urbana e Desenho da Cidade
Morfologia Urbana e Desenho da CidadeMorfologia Urbana e Desenho da Cidade
Morfologia Urbana e Desenho da Cidade
 
URBANIZAÇÃO
URBANIZAÇÃO URBANIZAÇÃO
URBANIZAÇÃO
 
Programa de Habitação Social em Angola - Ministério do Urbanismo e Habitação ...
Programa de Habitação Social em Angola - Ministério do Urbanismo e Habitação ...Programa de Habitação Social em Angola - Ministério do Urbanismo e Habitação ...
Programa de Habitação Social em Angola - Ministério do Urbanismo e Habitação ...
 
Urbanização mundial e brasileira
Urbanização mundial e brasileiraUrbanização mundial e brasileira
Urbanização mundial e brasileira
 
Problemas urbanos
Problemas urbanosProblemas urbanos
Problemas urbanos
 
"O Espaço Urbano" - Resumo comentado
"O Espaço Urbano" - Resumo comentado"O Espaço Urbano" - Resumo comentado
"O Espaço Urbano" - Resumo comentado
 
O PROCESSO DE URBANIZAÇÃO NO BRASIL
O PROCESSO DE URBANIZAÇÃO NO BRASILO PROCESSO DE URBANIZAÇÃO NO BRASIL
O PROCESSO DE URBANIZAÇÃO NO BRASIL
 
Slides de Geografia do Brasil
Slides de Geografia do BrasilSlides de Geografia do Brasil
Slides de Geografia do Brasil
 
Gentrificação
GentrificaçãoGentrificação
Gentrificação
 
www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização
 www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização
www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização
 
Planejamento Urbano
Planejamento Urbano Planejamento Urbano
Planejamento Urbano
 
Urbanização em angola; desafios e oportunidades
Urbanização em angola; desafios e oportunidadesUrbanização em angola; desafios e oportunidades
Urbanização em angola; desafios e oportunidades
 
UrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento UrbanoUrbanizaçãO e Crescimento Urbano
UrbanizaçãO e Crescimento Urbano
 
Cidades
CidadesCidades
Cidades
 
Movimento moderno da arqutectura em Luanda ate 1975 - Maria Alice Correia, 18...
Movimento moderno da arqutectura em Luanda ate 1975 - Maria Alice Correia, 18...Movimento moderno da arqutectura em Luanda ate 1975 - Maria Alice Correia, 18...
Movimento moderno da arqutectura em Luanda ate 1975 - Maria Alice Correia, 18...
 
Espaço Urbano e Espaço Rural
Espaço Urbano e Espaço  Rural Espaço Urbano e Espaço  Rural
Espaço Urbano e Espaço Rural
 
Cidades do futuro, cidades sustentáveis
Cidades do futuro, cidades sustentáveis Cidades do futuro, cidades sustentáveis
Cidades do futuro, cidades sustentáveis
 
Estatuto da cidade e instrumentos
Estatuto da cidade e instrumentosEstatuto da cidade e instrumentos
Estatuto da cidade e instrumentos
 
Urbanização
UrbanizaçãoUrbanização
Urbanização
 
O EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãO
O EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãOO EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãO
O EspaçO Urbano E O Processo De UrbanizaçãO
 

Semelhante a Ilídio Daio - Estratégia de Urbanização dos Musseques em Luanda, 12 de Abril de 2013

Planejamento urbano isaferreira modulo ii
Planejamento urbano isaferreira modulo iiPlanejamento urbano isaferreira modulo ii
Planejamento urbano isaferreira modulo ii
Isa Guerreiro
 
Apresentação TGI I
Apresentação TGI IApresentação TGI I
Apresentação TGI I
JulyAna
 
Sugestão de Projeto Bartira - RIO+20
Sugestão de Projeto Bartira - RIO+20Sugestão de Projeto Bartira - RIO+20
Sugestão de Projeto Bartira - RIO+20
inbrasci
 
Questao Urbana Joselia Alves
Questao Urbana   Joselia AlvesQuestao Urbana   Joselia Alves
Questao Urbana Joselia Alves
Myris Silva
 
Pel etapa 2 seminario dunas_apresentacao_v1
Pel etapa 2 seminario dunas_apresentacao_v1Pel etapa 2 seminario dunas_apresentacao_v1
Pel etapa 2 seminario dunas_apresentacao_v1
plhispelotas
 

Semelhante a Ilídio Daio - Estratégia de Urbanização dos Musseques em Luanda, 12 de Abril de 2013 (20)

Aula 1 - Violêta Kubrusly
Aula 1 - Violêta KubruslyAula 1 - Violêta Kubrusly
Aula 1 - Violêta Kubrusly
 
Projeto 5 - Ipojuca
Projeto 5 - IpojucaProjeto 5 - Ipojuca
Projeto 5 - Ipojuca
 
Planejamento urbano isaferreira modulo ii
Planejamento urbano isaferreira modulo iiPlanejamento urbano isaferreira modulo ii
Planejamento urbano isaferreira modulo ii
 
Penafort-2015-O-modo-de-viver-ribeirinho-na-espacialidade-do-Bai-1.pdf
Penafort-2015-O-modo-de-viver-ribeirinho-na-espacialidade-do-Bai-1.pdfPenafort-2015-O-modo-de-viver-ribeirinho-na-espacialidade-do-Bai-1.pdf
Penafort-2015-O-modo-de-viver-ribeirinho-na-espacialidade-do-Bai-1.pdf
 
Curso Para Administradores Dos Munipios Urbanas 2013: Modulo 1
Curso Para Administradores Dos Munipios Urbanas 2013: Modulo 1 Curso Para Administradores Dos Munipios Urbanas 2013: Modulo 1
Curso Para Administradores Dos Munipios Urbanas 2013: Modulo 1
 
Proposiçoes urbanas e mobilidade - Jorge- 31-julho-2012
Proposiçoes urbanas e mobilidade - Jorge- 31-julho-2012Proposiçoes urbanas e mobilidade - Jorge- 31-julho-2012
Proposiçoes urbanas e mobilidade - Jorge- 31-julho-2012
 
Apresentação TGI I
Apresentação TGI IApresentação TGI I
Apresentação TGI I
 
Cultura
CulturaCultura
Cultura
 
Allan Cain - Monitoria Da Pobreza, 2 Maio 2011
Allan Cain - Monitoria Da Pobreza, 2 Maio 2011Allan Cain - Monitoria Da Pobreza, 2 Maio 2011
Allan Cain - Monitoria Da Pobreza, 2 Maio 2011
 
Sugestão de Projeto Bartira - RIO+20
Sugestão de Projeto Bartira - RIO+20Sugestão de Projeto Bartira - RIO+20
Sugestão de Projeto Bartira - RIO+20
 
APRESENTAÇÃO EM POWER POINT PARA A CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE BELFORD ROXO EM 1...
APRESENTAÇÃO EM POWER POINT PARA A CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE BELFORD ROXO EM 1...APRESENTAÇÃO EM POWER POINT PARA A CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE BELFORD ROXO EM 1...
APRESENTAÇÃO EM POWER POINT PARA A CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE BELFORD ROXO EM 1...
 
Plano Diretor Cicloviário de Canoas/RS: Seminário - apresentação arq. Tiago H...
Plano Diretor Cicloviário de Canoas/RS: Seminário - apresentação arq. Tiago H...Plano Diretor Cicloviário de Canoas/RS: Seminário - apresentação arq. Tiago H...
Plano Diretor Cicloviário de Canoas/RS: Seminário - apresentação arq. Tiago H...
 
Questao Urbana Joselia Alves
Questao Urbana   Joselia AlvesQuestao Urbana   Joselia Alves
Questao Urbana Joselia Alves
 
Pel etapa 2 seminario dunas_apresentacao_v1
Pel etapa 2 seminario dunas_apresentacao_v1Pel etapa 2 seminario dunas_apresentacao_v1
Pel etapa 2 seminario dunas_apresentacao_v1
 
Complexo Poliesportivo e a revitalização da cidade baixa
Complexo Poliesportivo e a revitalização da cidade baixaComplexo Poliesportivo e a revitalização da cidade baixa
Complexo Poliesportivo e a revitalização da cidade baixa
 
SLIDE PROJETO DE HABITAÇAO SOCIAL.pdf
SLIDE PROJETO DE HABITAÇAO SOCIAL.pdfSLIDE PROJETO DE HABITAÇAO SOCIAL.pdf
SLIDE PROJETO DE HABITAÇAO SOCIAL.pdf
 
ESPAÇO PÚBLICO/ REGENERAÇÃO DO RIO SECO
ESPAÇO PÚBLICO/ REGENERAÇÃO DO RIO SECO ESPAÇO PÚBLICO/ REGENERAÇÃO DO RIO SECO
ESPAÇO PÚBLICO/ REGENERAÇÃO DO RIO SECO
 
O programa de rehabilitaçao do centro historico de sao luis e os desafios de ...
O programa de rehabilitaçao do centro historico de sao luis e os desafios de ...O programa de rehabilitaçao do centro historico de sao luis e os desafios de ...
O programa de rehabilitaçao do centro historico de sao luis e os desafios de ...
 
Minicurso - Geoprocessamento/Qgis
Minicurso - Geoprocessamento/QgisMinicurso - Geoprocessamento/Qgis
Minicurso - Geoprocessamento/Qgis
 
Parceria Público Privada na Habitação de Interesse Social: Proposta Aplicada ...
Parceria Público Privada na Habitação de Interesse Social: Proposta Aplicada ...Parceria Público Privada na Habitação de Interesse Social: Proposta Aplicada ...
Parceria Público Privada na Habitação de Interesse Social: Proposta Aplicada ...
 

Mais de Development Workshop Angola

Mais de Development Workshop Angola (20)

Allan Cain - Habitacao para quem - Conferência Casa Própria - draft 2 (1).pdf
Allan Cain - Habitacao para quem - Conferência Casa Própria - draft 2 (1).pdfAllan Cain - Habitacao para quem - Conferência Casa Própria - draft 2 (1).pdf
Allan Cain - Habitacao para quem - Conferência Casa Própria - draft 2 (1).pdf
 
Cleber Correa APRESENTAÇÃO 2.0.pptx
Cleber Correa APRESENTAÇÃO 2.0.pptxCleber Correa APRESENTAÇÃO 2.0.pptx
Cleber Correa APRESENTAÇÃO 2.0.pptx
 
Augusto Fernandes_COMPLEMENTO AO CREDITO AVISO 9.pptx
Augusto Fernandes_COMPLEMENTO AO CREDITO AVISO 9.pptxAugusto Fernandes_COMPLEMENTO AO CREDITO AVISO 9.pptx
Augusto Fernandes_COMPLEMENTO AO CREDITO AVISO 9.pptx
 
Como o Orçamento do Munícipe está a contribuir para a promoção do Desenvolvim...
Como o Orçamento do Munícipe está a contribuir para a promoção do Desenvolvim...Como o Orçamento do Munícipe está a contribuir para a promoção do Desenvolvim...
Como o Orçamento do Munícipe está a contribuir para a promoção do Desenvolvim...
 
Debate à sexta feira- Conflitos entre pais separados.pptx
Debate à sexta feira- Conflitos entre pais separados.pptxDebate à sexta feira- Conflitos entre pais separados.pptx
Debate à sexta feira- Conflitos entre pais separados.pptx
 
230203_DW_Critical_Neighbourhoods_PM.pdf
230203_DW_Critical_Neighbourhoods_PM.pdf230203_DW_Critical_Neighbourhoods_PM.pdf
230203_DW_Critical_Neighbourhoods_PM.pdf
 
20220905 APRESENTAÇÃO EXPOSIÇÃO2.ppt
20220905 APRESENTAÇÃO EXPOSIÇÃO2.ppt20220905 APRESENTAÇÃO EXPOSIÇÃO2.ppt
20220905 APRESENTAÇÃO EXPOSIÇÃO2.ppt
 
30092022 Debate : "O Papel do Assistente Social nas Organizações Não-Governam...
30092022 Debate : "O Papel do Assistente Social nas Organizações Não-Governam...30092022 Debate : "O Papel do Assistente Social nas Organizações Não-Governam...
30092022 Debate : "O Papel do Assistente Social nas Organizações Não-Governam...
 
Financiamento e Projectos de Apoio ao Desenvolvimento Local em Angola_ Desafi...
Financiamento e Projectos de Apoio ao Desenvolvimento Local em Angola_ Desafi...Financiamento e Projectos de Apoio ao Desenvolvimento Local em Angola_ Desafi...
Financiamento e Projectos de Apoio ao Desenvolvimento Local em Angola_ Desafi...
 
20210924 Debate : "A Implementação do Orçamento Participativo em Angola: Avan...
20210924 Debate : "A Implementação do Orçamento Participativo em Angola: Avan...20210924 Debate : "A Implementação do Orçamento Participativo em Angola: Avan...
20210924 Debate : "A Implementação do Orçamento Participativo em Angola: Avan...
 
Debate: "Consulta Pública sobre abordagens para melhoria dos Assentamentos In...
Debate: "Consulta Pública sobre abordagens para melhoria dos Assentamentos In...Debate: "Consulta Pública sobre abordagens para melhoria dos Assentamentos In...
Debate: "Consulta Pública sobre abordagens para melhoria dos Assentamentos In...
 
Processo de revisão da legislação fundiária em angola
Processo de revisão da legislação fundiária em angolaProcesso de revisão da legislação fundiária em angola
Processo de revisão da legislação fundiária em angola
 
Comunicação dos pais para com os filhos
Comunicação dos pais para com os filhosComunicação dos pais para com os filhos
Comunicação dos pais para com os filhos
 
20210621 apresentação lançamento do projecto okavango
20210621 apresentação lançamento do projecto okavango20210621 apresentação lançamento do projecto okavango
20210621 apresentação lançamento do projecto okavango
 
ONUHabitat em Cabo Verde _PráticasPartilha. Jeiza Cabo Verde
ONUHabitat em Cabo Verde _PráticasPartilha. Jeiza Cabo VerdeONUHabitat em Cabo Verde _PráticasPartilha. Jeiza Cabo Verde
ONUHabitat em Cabo Verde _PráticasPartilha. Jeiza Cabo Verde
 
20210509 PPT DW-UN-Habitat João Domingos
20210509 PPT DW-UN-Habitat João Domingos20210509 PPT DW-UN-Habitat João Domingos
20210509 PPT DW-UN-Habitat João Domingos
 
2021 05-11 un-habitat psup angola-workshop. ana cubillo
2021 05-11 un-habitat psup angola-workshop. ana cubillo2021 05-11 un-habitat psup angola-workshop. ana cubillo
2021 05-11 un-habitat psup angola-workshop. ana cubillo
 
2021 05 un-habitat angola. evandro
2021 05 un-habitat angola. evandro2021 05 un-habitat angola. evandro
2021 05 un-habitat angola. evandro
 
Acções Realizadas no âmbito do Projecto- Combate contra o covid-19
Acções Realizadas no âmbito do Projecto- Combate contra o covid-19Acções Realizadas no âmbito do Projecto- Combate contra o covid-19
Acções Realizadas no âmbito do Projecto- Combate contra o covid-19
 
Mg arquitectura de terra no moxico
Mg arquitectura de terra no moxicoMg arquitectura de terra no moxico
Mg arquitectura de terra no moxico
 

Ilídio Daio - Estratégia de Urbanização dos Musseques em Luanda, 12 de Abril de 2013