Seus caminhos são mais altos

185 visualizações

Publicada em

sobre cura

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
185
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Seus caminhos são mais altos

  1. 1. Steve Hearts Seus Caminhos São mais Altos
  2. 2.  Como acontece com cada aspeto da nossa caminhada com o Senhor, a oração é e sempre será uma experiência de aprendizado. Se há algo que uma vida de oração tem me ensinado é que os caminhos de Deus são verdadeiramente mais altos que os nossos. Geralmente O buscamos em oração achando que temos uma boa ideia do que queremos ou precisamos. Muitas vezes é verdade, e recebemos exatamente o que pedimos. Mas e as outras vezes quando pedimos algo e a resposta é justo o oposto? Quando isso me aconteceu me senti mal por um bom tempo, e isso fez a minha vida de oração despencar. Mas Jesus, em Sua fidelidade, clareou tudo como mais ninguém consegue.
  3. 3.  Tudo começou quando eu tinha 13 anos. Nossa família vivia nos EUA com vários outros obreiros da fé. Um deles, uma querida mulher que chamarei de M., foi diagnosticada com um caso avançado de câncer. Suas chances de sobreviver eram mínimas. Minha família e eu, como também muitos outros, fizemos vigílias de oração desesperada diariamente pela sua cura. Ela foi curada milagrosamente e está viva até hoje.
  4. 4.  Quando minha mãe foi diagnosticada com o mesmo tipo de câncer vários anos depois e não recebeu nenhuma esperança de sobreviver, M. foi uma fonte constante de encorajamento para ela. Ela nos assegurava constantemente que, se fosse o plano de Deus, era simples Ele curar a minha mãe. Suas palavras me davam muita coragem e esperança.
  5. 5.  Um dia, quando estávamos todos reunidos para orarmos pela cura da minha mãe, o Senhor trouxe à lembrança de M. um versículo ao qual ela tinha se agarrado enquanto estava doente, e que foi maravilhosamente cumprido. Era uma declaração de Jesus em João 11:4, quando Ele teve a notícia de que Lázaro estava doente: ―Esta enfermidade não é para a morte, mas para a glória de Deus, para que o Filho de Deus seja glorificado por ela.‖
  6. 6.  Esta promessa me encheu de esperança. Eu me agarrei a ela, até quando minha mãe ficou com um coágulo de sangue no Dia de Ação de Graças e só lhe deram 24 horas de vida. Quando ela estabilizou um pouco e ficou internada, continuei tendo esperanças. Eu me agarrei a essa esperança até o último minuto, quando ela finalmente faleceu dois meses depois.
  7. 7.  Durante o difícil período de luto, consegui permanecer bastante firme exteriormente. Mas por dentro eu estava confuso e perdido, sem uma explicação com relação ao rumo que as coisas tomaram. Não nos foi dito que a doença de mamãe ―não era para a morte?‖. E todas as orações pela sua cura? Foram em vão?
  8. 8.  Passaram-se várias semanas até eu ter coragem de fazer essas perguntas ao Senhor e buscar as Suas respostas. Finalmente resolvi pelo menos tentar e comecei a derramar o meu coração para Jesus. Esperei em silêncio. Não demorou muito e a Sua presença começou a inundar meu quarto e senti Suas palavras falando ao meu coração.
  9. 9.  Ele disse que à minha mãe foi apresentada uma escolha difícil entre permanecer conosco ou estar com o Senhor. Havia lhe sido dito que o último seria o mais benéfico para todos no longo prazo, apesar de parecer a escolha mais difícil no momento. Ela havia se submetido à vontade suprema de Deus e, portanto, estava agora com Ele. Fui ao mesmo tempo assegurado de que nem uma única oração que fizemos por ela deixou de ser ouvida por Jesus.
  10. 10.  Vim a entender como o Senhor é maravilhoso em nos permitir a liberdade de tomar decisões e operarmos segundo o que escolhemos, tal como aconteceu à cidade de Nínive na história de Jonas. Quando Jonas foi enviado para avisar Nínive de sua destruição iminente, ele obedeceu, mas não contou com a possibilidade do povo escolher se arrepender e largar os seus caminhos ímpios. Quando fizeram isso, Deus mudou de ideia e os poupou, o que desagradou a Jonas. Mas naquele dia ele viu um lado de Deus que, aparentemente, não conhecia.
  11. 11.  Também fui lembrado das palavras de Deus em Isaias; 55:8–9: ―Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o Senhor. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.‖
  12. 12.  Apesar de saber sem sombra de dúvidas que as respostas que recebi eram verdadeiras, foi preciso muita renúncia da minha parte para acreditar e aceitar. Para ser sincero, esse processo levou um total de oito anos. Mas quando finalmente aceitei tudo o que aconteceu e aprendi a dar graças a Jesus pelo acontecido, o túmulo perdeu sua vitória e a morte o seu aguilhão. Além disso, Jesus me deu o dom de cura, renovando assim minha fé para orar pelos doentes e confiar nEle quanto às respostas. E Ele continua usando esse dom para a Sua glória.
  13. 13.  A nova atitude que recebi—de gratidão e aceitação de que os caminhos de Deus são mais altos—é claramente expressado em uma canção que ouvi recentemente pela primeira vez. É de Steven Curtis Chapman e se chama ―Higher Ways‖ (―Caminhos Mais Altos‖).  Editor: Você encontrará a letra em inglês na íntegra aqui. E este é um link doYouTube para ouvir a canção.  http://www.youtube.com/watch?v=z0Dg-InE8VQ
  14. 14.  Seus caminhos mais altos me ensinam a confiar em Você. Seus caminhos mais altos não são como os meus. Seus caminhos mais altos são os caminhos do Pai Que abriga Seus filhos em Seu amor.  Um dia vou voar e Talvez então Você me chame a um canto E me mostre o quadro maior. Mas até eu estar com Você, Aqui estarei com um coração sincero E uma alma que descansa em Seus caminhos mais altos.  Tradução Denise Oliveira. Revisão Hebe Rondon Flandoli. @thefamilyinternational

×