Fisiologia vegetal

2.367 visualizações

Publicada em

Slide sobre fisiologia vegetal

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.367
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
121
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fisiologia vegetal

  1. 1. FISIOLOGIA VEGETAL
  2. 2. FISIOLOGIA VEGETAL Em botânica, designa- se fisiologia vegetal ao estudo das funções, ou fisiologia, das plantas.
  3. 3. CONCEITO A fisiologia vegetal estuda os fenômenos vitais que acontecem nas plantas. Estes fenômenos podem referir-se ao metabolismo vegetal; ao desenvolvimento vegetal; ao movimento vegetal ou a reprodução vegetal. Os fenômenos relativos a herança constituem uma parte tão importante da fisiologia que forma uma disciplina independente: a genética.  soma de todos os processos e estruturas que contribuem para a vida de uma planta.  é interdisciplinar e avança rapidamente como ciência.  a relação entre estrutura e função é essencial.  as plantas são organismos dinâmicos.
  4. 4. COMPOSIÇÃO DOS VEGETAIS
  5. 5. MEMBRANA PLASMÁTICA Camada dupla de lipídios na qual os fosfolipídios predominam. Altamente fluida, impermeável a maioria das moléculas polares. Contém muitas proteínas (tanto integrais como periféricas) envolvidas na estruturas e transporte.
  6. 6. VACÚOLOS Exclusivos às plantas e fungos Vesículas internas grandes (>90% do volume da célula) envolta pelo tonoplasto. Funções múltiplas- mantêm a pressão de turgor, forma do citoplasma, armazenamento, regulação do citoplasma.
  7. 7. SISTEMAS DE ENDOMEMBRANAS Organelas ligadas à membrana Retículo endoplasmático (RE) Liso e rugoso (este com ribossomos). Síntese de proteínas e processamento. Dictiossomos (golgi)-processador de glicoproteínas.
  8. 8. MITOCÔNDRIAS Local da respiração celular, metabolismo do carbono; Organela de membrana dupla; Produção de energia sob forma de ATP Semi-autônoma (tem seu DNA próprio)
  9. 9. PLASTÍDIOS Exclusivo às plantas. Família de organelas com membranas duplas derivadas de pró- plastídios. Cloroplastos, leucoplastos, cromoplastos. Semi-autônomos (cloroplastos tem seu próprio DNA)
  10. 10. PAREDE CELULAR parede primária – primariamente celulose e hemicelulose, pectinas – elástica para permitir crescimento. parede secundária – altamente lignificada para resistência.
  11. 11. CÉLULAS E TECIDOS
  12. 12. TIPOS CELULARES Parênquima; Colênquima e esclerênquima.
  13. 13. SISTEMA VASCULAR Sistema de bombeamento Localizado no cilindro central (estelo) da raiz e no tecido vascular de caules e folhas.
  14. 14. XILEMA Consiste de traqueídes ocas e elementos de vasos . Morto na maturidade funcional; transporte de água e sais (seiva bruta).
  15. 15. FLOEMA Vivo na maturidade, mas sem núcleo nas células; envolvido no transporte de seiva elaborada (composta basicamente de glicose).

×