SlideShare uma empresa Scribd logo

Análise de Balanços

1 de 15
Baixar para ler offline
ANÁLISE DE BALANÇOS

     Juliano Medeiros
ANÁLISE DE BALANÇOS
 Também chamada de Análise das
  Demonstrações Contábeis ou Análise das
  Demonstrações Financeiras.
 Ramo da contabilidade(técnica), que consiste na
  obtenção, análise e interpretação dos dados
  contidos nas demonstrações contábeis, com a
  finalidade de fornecer aos usuários o
  conhecimento do perfil
  econômico, financeiro, patrimonial e de
  desempenho das entidades.
ANÁLISE DE BALANÇOS


           ANÁLISE
          CONTÁBIL




 OBJETO   OBJETIVO   FINALIDADE
ANÁLISE DE BALANÇOS
 OBJETO > Demonstrações Contábeis;


 OBJETIVO > Obter, analisar e interpretar os
 dados das demonstrações contábeis;

 FINALIDADE > Avaliar o perfil
 financeiro, econômico, patrimonial e de
 desempenho das entidades.
ANÁLISE DE BALANÇOS
 CARACTERÍSTICAS:
 Não é obrigatória;
 Oferece um diagnóstico da situação
  patrimonial, financeira, econômica r de
  desempenho;
 Permite conhecer os pontos fracos e fortes da
  administração;
 Permite otimizar os resultados.
ANÁLISE DE BALANÇOS
 PRINCIPAIS PROCESSOS DE ANÁLISE:


 Análise Vertical ;


 Análise Horizontal;


 Análise por Quocientes.

Recomendados

Analise das demonstrações financeiras
Analise das demonstrações financeirasAnalise das demonstrações financeiras
Analise das demonstrações financeirasbelyalmeida
 
Fluxo de Caixa: teoria e prática
Fluxo de Caixa: teoria e práticaFluxo de Caixa: teoria e prática
Fluxo de Caixa: teoria e práticaElmano Cavalcanti
 
Capital de Giro e Ciclo Financeiro
Capital de Giro e Ciclo FinanceiroCapital de Giro e Ciclo Financeiro
Capital de Giro e Ciclo FinanceiroAndré Faria Gomes
 
Contabilidade basica
Contabilidade basicaContabilidade basica
Contabilidade basicaDayane Dias
 
Aula 4-analise-vertical-e-horizontal
Aula 4-analise-vertical-e-horizontalAula 4-analise-vertical-e-horizontal
Aula 4-analise-vertical-e-horizontalReginaldo Santana
 
Aula Administração do capital de giro - adm caixa 07.05.2012
Aula   Administração do capital de giro - adm caixa 07.05.2012Aula   Administração do capital de giro - adm caixa 07.05.2012
Aula Administração do capital de giro - adm caixa 07.05.2012Rafael Gonçalves
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 1 introdução a adm financeira
Aula 1   introdução a adm financeiraAula 1   introdução a adm financeira
Aula 1 introdução a adm financeirasscutrim
 
Contabilidade e o ambiente empresarial
Contabilidade e o ambiente empresarialContabilidade e o ambiente empresarial
Contabilidade e o ambiente empresarialGui Souza A
 
Administração Financeira
Administração FinanceiraAdministração Financeira
Administração Financeiraelliando dias
 
Demonstrações contábeis e sua análise
Demonstrações contábeis e sua análiseDemonstrações contábeis e sua análise
Demonstrações contábeis e sua análisesmalheiros
 
Conceitos básicos de contabilidade- Professor Danilo Pires
Conceitos básicos de contabilidade- Professor Danilo PiresConceitos básicos de contabilidade- Professor Danilo Pires
Conceitos básicos de contabilidade- Professor Danilo PiresDanilo Pires
 
Do Fluxo de Caixa ao Planejamento Financeiro
Do Fluxo de Caixa ao Planejamento FinanceiroDo Fluxo de Caixa ao Planejamento Financeiro
Do Fluxo de Caixa ao Planejamento FinanceiroGranatum
 
Introdução à Gestão Financeira
Introdução à Gestão FinanceiraIntrodução à Gestão Financeira
Introdução à Gestão FinanceiraEliseu Fortolan
 
Slides Introdução à Contabilidade
Slides  Introdução à ContabilidadeSlides  Introdução à Contabilidade
Slides Introdução à ContabilidadeAna Paula Bevilacqua
 
Contabilidade fácil de entender
Contabilidade fácil de entenderContabilidade fácil de entender
Contabilidade fácil de entenderRodolfo Avona
 

Mais procurados (20)

PPA, LDO, LOA
PPA, LDO, LOAPPA, LDO, LOA
PPA, LDO, LOA
 
Aula 1 introdução a adm financeira
Aula 1   introdução a adm financeiraAula 1   introdução a adm financeira
Aula 1 introdução a adm financeira
 
Contabilidade e o ambiente empresarial
Contabilidade e o ambiente empresarialContabilidade e o ambiente empresarial
Contabilidade e o ambiente empresarial
 
Contabilidade conceitos básicos
Contabilidade   conceitos básicosContabilidade   conceitos básicos
Contabilidade conceitos básicos
 
Administração Financeira
Administração FinanceiraAdministração Financeira
Administração Financeira
 
Demonstrações contábeis e sua análise
Demonstrações contábeis e sua análiseDemonstrações contábeis e sua análise
Demonstrações contábeis e sua análise
 
Balanço patrimonial
Balanço patrimonialBalanço patrimonial
Balanço patrimonial
 
Aula 03 dre
Aula 03 dreAula 03 dre
Aula 03 dre
 
Conceitos básicos de contabilidade- Professor Danilo Pires
Conceitos básicos de contabilidade- Professor Danilo PiresConceitos básicos de contabilidade- Professor Danilo Pires
Conceitos básicos de contabilidade- Professor Danilo Pires
 
Do Fluxo de Caixa ao Planejamento Financeiro
Do Fluxo de Caixa ao Planejamento FinanceiroDo Fluxo de Caixa ao Planejamento Financeiro
Do Fluxo de Caixa ao Planejamento Financeiro
 
Introdução à Gestão Financeira
Introdução à Gestão FinanceiraIntrodução à Gestão Financeira
Introdução à Gestão Financeira
 
Aula 05 (4)
Aula 05 (4)Aula 05 (4)
Aula 05 (4)
 
Escritório de Contabilidade - Ànalise de Negócio
Escritório de Contabilidade - Ànalise de NegócioEscritório de Contabilidade - Ànalise de Negócio
Escritório de Contabilidade - Ànalise de Negócio
 
Ciclo econômico, financeiro e operacional
Ciclo econômico, financeiro e operacionalCiclo econômico, financeiro e operacional
Ciclo econômico, financeiro e operacional
 
Slides Introdução à Contabilidade
Slides  Introdução à ContabilidadeSlides  Introdução à Contabilidade
Slides Introdução à Contabilidade
 
Contabilidade fácil de entender
Contabilidade fácil de entenderContabilidade fácil de entender
Contabilidade fácil de entender
 
Contabilidade nocoes basicas
Contabilidade nocoes basicasContabilidade nocoes basicas
Contabilidade nocoes basicas
 
Fluxo de caixa
Fluxo de caixaFluxo de caixa
Fluxo de caixa
 
Fundamentos de contabilidade i
Fundamentos de contabilidade iFundamentos de contabilidade i
Fundamentos de contabilidade i
 
DRE
DREDRE
DRE
 

Destaque

Estrutura das dem contabeis aula 1
Estrutura das dem contabeis   aula 1Estrutura das dem contabeis   aula 1
Estrutura das dem contabeis aula 1joseesade
 
Caderno - Análise Financeira
Caderno - Análise FinanceiraCaderno - Análise Financeira
Caderno - Análise FinanceiraCadernos PPT
 
Balancos analise financeira
Balancos analise financeiraBalancos analise financeira
Balancos analise financeiraadmcontabil
 
Introdução à Análise de Balanços
Introdução à Análise de BalançosIntrodução à Análise de Balanços
Introdução à Análise de BalançosMartinho Doce
 
Analise vertical e horizontal
Analise vertical e horizontalAnalise vertical e horizontal
Analise vertical e horizontaladmcontabil
 
Exercicio análise
Exercicio análiseExercicio análise
Exercicio análisevaniasiquei
 
Estrutura da demonstra das demonstracoes financeiras respostas exercicios
Estrutura da demonstra das demonstracoes financeiras   respostas exerciciosEstrutura da demonstra das demonstracoes financeiras   respostas exercicios
Estrutura da demonstra das demonstracoes financeiras respostas exerciciosClaudio Parra
 
Análise Económica - Conceitos e Exercícios Resolvidos
Análise Económica - Conceitos e Exercícios ResolvidosAnálise Económica - Conceitos e Exercícios Resolvidos
Análise Económica - Conceitos e Exercícios ResolvidosLuís Carlos Cardoso
 
Analise das Demonstrações Financeiras
Analise das Demonstrações FinanceirasAnalise das Demonstrações Financeiras
Analise das Demonstrações FinanceirasIsabel Castilho
 

Destaque (9)

Estrutura das dem contabeis aula 1
Estrutura das dem contabeis   aula 1Estrutura das dem contabeis   aula 1
Estrutura das dem contabeis aula 1
 
Caderno - Análise Financeira
Caderno - Análise FinanceiraCaderno - Análise Financeira
Caderno - Análise Financeira
 
Balancos analise financeira
Balancos analise financeiraBalancos analise financeira
Balancos analise financeira
 
Introdução à Análise de Balanços
Introdução à Análise de BalançosIntrodução à Análise de Balanços
Introdução à Análise de Balanços
 
Analise vertical e horizontal
Analise vertical e horizontalAnalise vertical e horizontal
Analise vertical e horizontal
 
Exercicio análise
Exercicio análiseExercicio análise
Exercicio análise
 
Estrutura da demonstra das demonstracoes financeiras respostas exercicios
Estrutura da demonstra das demonstracoes financeiras   respostas exerciciosEstrutura da demonstra das demonstracoes financeiras   respostas exercicios
Estrutura da demonstra das demonstracoes financeiras respostas exercicios
 
Análise Económica - Conceitos e Exercícios Resolvidos
Análise Económica - Conceitos e Exercícios ResolvidosAnálise Económica - Conceitos e Exercícios Resolvidos
Análise Económica - Conceitos e Exercícios Resolvidos
 
Analise das Demonstrações Financeiras
Analise das Demonstrações FinanceirasAnalise das Demonstrações Financeiras
Analise das Demonstrações Financeiras
 

Semelhante a Análise de Balanços

Ccnccap10 analise demonstracoes financeiras
Ccnccap10 analise demonstracoes financeirasCcnccap10 analise demonstracoes financeiras
Ccnccap10 analise demonstracoes financeirascapitulocontabil
 
Gp contabilidade unidade iv
Gp contabilidade  unidade ivGp contabilidade  unidade iv
Gp contabilidade unidade ivClaudia Patricia
 
Analise De DemonstraçõEs Financeiras
Analise De DemonstraçõEs FinanceirasAnalise De DemonstraçõEs Financeiras
Analise De DemonstraçõEs Financeirasadmfape
 
Eng. economica análise de custo, volume, lucro e formação de preço
Eng. economica   análise de custo, volume, lucro e formação de preçoEng. economica   análise de custo, volume, lucro e formação de preço
Eng. economica análise de custo, volume, lucro e formação de preçoPaulo Ricardo Matos
 
Analisededemonstraesfinanceiras 100209192341-phpapp02
Analisededemonstraesfinanceiras 100209192341-phpapp02Analisededemonstraesfinanceiras 100209192341-phpapp02
Analisededemonstraesfinanceiras 100209192341-phpapp02Josélia Mendes
 
Prova exa.. (1)
Prova exa.. (1)Prova exa.. (1)
Prova exa.. (1)BSuelly
 
5° modulo de contabilidade
5° modulo de contabilidade5° modulo de contabilidade
5° modulo de contabilidadeJeferson Souza
 
Apostila i analise de balancos
Apostila i   analise de balancosApostila i   analise de balancos
Apostila i analise de balancoszeramento contabil
 
Contabilidade topicos avançados 9
Contabilidade topicos avançados 9Contabilidade topicos avançados 9
Contabilidade topicos avançados 9J M
 
Aula 3 - Financeira - Formas de Organização Empresarial - Parte 2
Aula 3 - Financeira - Formas de Organização Empresarial - Parte 2Aula 3 - Financeira - Formas de Organização Empresarial - Parte 2
Aula 3 - Financeira - Formas de Organização Empresarial - Parte 2MestredaContabilidade
 
Aula 2 - Financeira Patrimônio - Formas de organização empresarial - Parte 1
Aula 2 - Financeira Patrimônio - Formas de organização  empresarial - Parte 1Aula 2 - Financeira Patrimônio - Formas de organização  empresarial - Parte 1
Aula 2 - Financeira Patrimônio - Formas de organização empresarial - Parte 1MestredaContabilidade
 
Demonstrações financeiras
Demonstrações financeirasDemonstrações financeiras
Demonstrações financeirasCIRINEU COSTA
 
Dicas contabilidade passivo
Dicas contabilidade passivoDicas contabilidade passivo
Dicas contabilidade passivoapostilacontabil
 

Semelhante a Análise de Balanços (20)

Ccnccap10 analise demonstracoes financeiras
Ccnccap10 analise demonstracoes financeirasCcnccap10 analise demonstracoes financeiras
Ccnccap10 analise demonstracoes financeiras
 
Gp contabilidade unidade iv
Gp contabilidade  unidade ivGp contabilidade  unidade iv
Gp contabilidade unidade iv
 
Analise
AnaliseAnalise
Analise
 
Analise De DemonstraçõEs Financeiras
Analise De DemonstraçõEs FinanceirasAnalise De DemonstraçõEs Financeiras
Analise De DemonstraçõEs Financeiras
 
Analise de liquidez
Analise de liquidezAnalise de liquidez
Analise de liquidez
 
Eng. economica análise de custo, volume, lucro e formação de preço
Eng. economica   análise de custo, volume, lucro e formação de preçoEng. economica   análise de custo, volume, lucro e formação de preço
Eng. economica análise de custo, volume, lucro e formação de preço
 
Analise verical
Analise vericalAnalise verical
Analise verical
 
Analisededemonstraesfinanceiras 100209192341-phpapp02
Analisededemonstraesfinanceiras 100209192341-phpapp02Analisededemonstraesfinanceiras 100209192341-phpapp02
Analisededemonstraesfinanceiras 100209192341-phpapp02
 
Prova exa.. (1)
Prova exa.. (1)Prova exa.. (1)
Prova exa.. (1)
 
5° modulo de contabilidade
5° modulo de contabilidade5° modulo de contabilidade
5° modulo de contabilidade
 
Apostila i analise de balancos
Apostila i   analise de balancosApostila i   analise de balancos
Apostila i analise de balancos
 
Função financeira
Função financeiraFunção financeira
Função financeira
 
Contabilidade topicos avançados 9
Contabilidade topicos avançados 9Contabilidade topicos avançados 9
Contabilidade topicos avançados 9
 
Aula 3 - Financeira - Formas de Organização Empresarial - Parte 2
Aula 3 - Financeira - Formas de Organização Empresarial - Parte 2Aula 3 - Financeira - Formas de Organização Empresarial - Parte 2
Aula 3 - Financeira - Formas de Organização Empresarial - Parte 2
 
Aula fiscal 01 apostila
Aula fiscal 01   apostilaAula fiscal 01   apostila
Aula fiscal 01 apostila
 
Indicadores Financeiros
Indicadores FinanceirosIndicadores Financeiros
Indicadores Financeiros
 
AULA 07 - 20NOV2019.ppt
AULA 07 - 20NOV2019.pptAULA 07 - 20NOV2019.ppt
AULA 07 - 20NOV2019.ppt
 
Aula 2 - Financeira Patrimônio - Formas de organização empresarial - Parte 1
Aula 2 - Financeira Patrimônio - Formas de organização  empresarial - Parte 1Aula 2 - Financeira Patrimônio - Formas de organização  empresarial - Parte 1
Aula 2 - Financeira Patrimônio - Formas de organização empresarial - Parte 1
 
Demonstrações financeiras
Demonstrações financeirasDemonstrações financeiras
Demonstrações financeiras
 
Dicas contabilidade passivo
Dicas contabilidade passivoDicas contabilidade passivo
Dicas contabilidade passivo
 

Último

CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxCRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxJean Carlos Nunes Paixão
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...azulassessoriaacadem3
 
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdfkelvindasilvadiasw
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...azulassessoriaacadem3
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...azulassessoriaacadem3
 
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...manoelaarmani
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Jean Carlos Nunes Paixão
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaCentro Jacques Delors
 
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoTrovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoPaula Meyer Piagentini
 
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...excellenceeducaciona
 
Cuidados Essenciais para um Cachorro Feliz e Saudável-e-book-sc.pdf
Cuidados Essenciais para um Cachorro Feliz e Saudável-e-book-sc.pdfCuidados Essenciais para um Cachorro Feliz e Saudável-e-book-sc.pdf
Cuidados Essenciais para um Cachorro Feliz e Saudável-e-book-sc.pdfsuplementocultural1
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...azulassessoriaacadem3
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...excellenceeducaciona
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docxCRUZADINA  E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
CRUZADINA E CAÇA-PALAVRAS SOBRE PATRIMONIO HISTÓRICO.docx
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
 
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
2° ENSINO MÉDIO PLANO ANUAL ARTES 2024.pdf
 
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
Discuta as principais mudanças e desafios enfrentados pelos profissionais de ...
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
 
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
Desafie-se Como Estabelecer Metas de Fitness Realistas e Alcançáveis em Casa ...
 
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docxGABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
 
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptxSlides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
Slides Lição 8, Betel, Família, uma Obra em permanente construção, 1Tr24.pptx
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda únicaFicha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
Ficha de trabalho | EURO - 25 anos do lançamento da moeda única
 
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e QuinhentismoTrovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
Trovadorismo, Humanismo, Classicismo e Quinhentismo
 
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
CASO: Um determinado perito contábil, especialista em pericias trabalhistas e...
 
Cuidados Essenciais para um Cachorro Feliz e Saudável-e-book-sc.pdf
Cuidados Essenciais para um Cachorro Feliz e Saudável-e-book-sc.pdfCuidados Essenciais para um Cachorro Feliz e Saudável-e-book-sc.pdf
Cuidados Essenciais para um Cachorro Feliz e Saudável-e-book-sc.pdf
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
Discorra sobre a classificação da interpretação jurídica quanto à sua origem ...
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 

Análise de Balanços

  • 1. ANÁLISE DE BALANÇOS Juliano Medeiros
  • 2. ANÁLISE DE BALANÇOS  Também chamada de Análise das Demonstrações Contábeis ou Análise das Demonstrações Financeiras.  Ramo da contabilidade(técnica), que consiste na obtenção, análise e interpretação dos dados contidos nas demonstrações contábeis, com a finalidade de fornecer aos usuários o conhecimento do perfil econômico, financeiro, patrimonial e de desempenho das entidades.
  • 3. ANÁLISE DE BALANÇOS ANÁLISE CONTÁBIL OBJETO OBJETIVO FINALIDADE
  • 4. ANÁLISE DE BALANÇOS  OBJETO > Demonstrações Contábeis;  OBJETIVO > Obter, analisar e interpretar os dados das demonstrações contábeis;  FINALIDADE > Avaliar o perfil financeiro, econômico, patrimonial e de desempenho das entidades.
  • 5. ANÁLISE DE BALANÇOS  CARACTERÍSTICAS:  Não é obrigatória;  Oferece um diagnóstico da situação patrimonial, financeira, econômica r de desempenho;  Permite conhecer os pontos fracos e fortes da administração;  Permite otimizar os resultados.
  • 6. ANÁLISE DE BALANÇOS  PRINCIPAIS PROCESSOS DE ANÁLISE:  Análise Vertical ;  Análise Horizontal;  Análise por Quocientes.
  • 7. ANÁLISE DE BALANÇOS  ANÁLISE VERTICAL:  Visa o estudo das demonstrações contábeis, através do cálculo de coeficientes de participação, os quais são obtidos pela comparação entre itens homogêneos(ativo com ativo, passivo com passivo etc) extraídos das demonstrações contábeis com os totais referentes às mesmas.
  • 8. ANÁLISE DE BALANÇOS ATIVO R$ % Circulante 25.000 12,5 Não Circulante(Realizável a 15.000 7,5 Longo Prazo) Imobilizado 160.000 80 TOTAL 200.000 100 PASSIVO Circulante 70.000 35 Não Circulante 20.000 10 Patrimônio Líquido 110.000 55 TOTAL 200.000 100
  • 9. ANÁLISE DE BALANÇOS  CONCLUSÕES:  Entre os outros coeficientes de participação, o do patrimônio líquido foi obtido dividindo-se o seu valor pelo total do passivo, ou seja, R$ 110.000 ÷ R$ 200.000 = 0,55 = 55%;  Podemos observar que, no ativo, o grupo com maior participação é o imobilizado, correspondendo com 80% do total do ativo.
  • 10. ANÁLISE DE BALANÇOS  ANÁLISE HORIZONTAL: estuda a evolução dos elementos componentes das demonstrações contábeis ao longo dos exercícios sociais, através de números índices, sendo estes obtidos a partir de um exercício base, onde todos os itens componentes das demonstrações nesse exercício são fixados em 1 ou 100%.
  • 11. ANÁLISE DE BALANÇOS  Se o ativo circulante de uma empresa no balanço de 31/12/x0 for R$ 50.000,00; no balanço de 31/12/x1 for R$ 80.000,00; e no balanço de 31/12/x2 for R$ 90.000,00, desconsiderando os efeitos da inflação, e tomando como base o exercício de x0, podemos determinar os índices:  X0 → 50.000,00 ÷ 50.000,00 = 1 ou 100%  X1 → 80.000.,00 ÷ 50.000,00 = 1,6 ou 160%  X2 → 90.000,00 ÷ 50.000,00 = 1,8 ou 180%
  • 12. ANÁLISE HORIZONTAL  CLASSIFICAÇÃO:  ANÁLISE HORIZONTAL DE EVOLUÇÃO NOMINAL:  Nesta não são considerados os efeitos da variação do poder aquisitivo da moeda(inflação).  ANÁLISE HORIZONTAL DE EVOLUÇÃO REAL:  Nesta tais efeitos(inflação) serão levados em consideração.
  • 13. ANÁLISE HORIZONTAL  Exemplo:  2000 → 50.000 50.000 = 100%  2001 → 70.000 50.000 = 140%  2002 → 40.000 50.000 = 80%  2003 → 90.000 50.000 = 180%  O exercício de 2000 foi tomado como exercício base.  Em 2001 houve um crescimento nominal de 40%  Em 2002 ocorreu um decrescimento nominal de 20%  Em 2003 houve um crescimento nominal de 80%
  • 14. ANÁLISE HORIZONTAL  Tomando o exemplo anterior e admitindo-se inflações para os exercícios de 2001 a 2003 foram respectivamente, de 8%, 12%, e 9%, os índices de correção monetária seriam respectivamente, de 1,08, 1,12 e 1,09, teremos:  2000 - 50.000 ÷ 50.000 = 100%  2001 – 70.000 ÷ (50.000 x 1,08) = 70.000 ÷ 54.000 = 1,30 ou 30% → crescimento real  2002 – 40.000 (50.000 x 1,08 x 1,12) = 40.000 60.480 = 0,66 ou 66% → decresc. Real  2003 – 90.000 (50.000 x 1,08 x 1,12 x 1,09) = 90.000 65.923, 20 = 1,36 ou 36 % →crescimento real
  • 15. ANÁLISE POR QUOCIENTES  É aquela que estuda a situação patrimonial, financeira, financeira e patrimonial de uma entidade, por meio do cálculo de quocientes ou índices.  Tais índices serão conhecidos através da comparação simples ou complexa, entre itens, normalmente heterogêneos, de uma mesma demonstração contábil.  Difere, pois, da análise vertical e da análise horizontal, pela fato de que nessas a comparação é entre elementos homogêneos.