PESQUISA RIO+20

267 visualizações

Publicada em

Pesquisa realizada pelo DataUniCarioca para medir o engajamento e o conhecimento do cariocas em relação ao evento Rio+20.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
267
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PESQUISA RIO+20

  1. 1. PESQUISA RIO+20
  2. 2. AMOSTRA / PERFIL DOS RESPONDENTES • 467 entrevistados. • Faixa etária acima dos 20 anos de idade. • Ambos os gêneros. • Moradores de diferentes localidades do Rio de Janeiro (zona norte, sul, baixada...). • Nível de formação aleatório (do ensino fundamental incompleto até pós-graduação).
  3. 3. RESUMO GERENCIAL • A pesquisa contou com uma amostra (probabilística) não estratificada em que a maioria dos entrevistados possui minimamente o ensino médio completo, mostrando um bom grau de informação dos entrevistados. • É expressivo o reflexo de que quanto melhor a formação acadêmica, melhor o grau de conhecimento sobre o assunto, sendo alcançado índices de 98%, no caso de entrevistados com superior completo.
  4. 4. • Logo, o bom conhecimento do evento pelos entrevistados (78% afirma conhecer) dá-se pela qualidade da amostra. Incluindo os 66% que afirmam conhecer os assuntos que serão debatidos.• 67% dos entrevistados pertencem as zonas Norte, Oeste e Centro da cidade. Sendo os entrevistados zona Sul, Norte e Oeste os maiores conhecedores do evento, o que reflete uma preocupação natural, visto que nesses bairros estão espaços naturais como praias e reservas como parques, florestas, mangues e outras áreas de preservação ambiental.• O conceito de Desenvolvimento Sustentável, embora bem disseminado, precisa ser melhor conceituado, de forma que campanhas educativas e de conscientização são recomendadas para que além do "ouvi falar" a população possa estar mais
  5. 5. • É notório, pelo apoio de 45 % dos entrevistados, que o Carioca se orgulha da realização do evento em sua cidade e compreende o grau de importância dos temas em debate, mas não há um engajamento, uma maior participação efetiva.• Puxando da memória dos entrevistados, entende-se que esse orgulho vem do fato de que 90% lembra de resoluções da Eco92 que afetaram positivamente suas vidas. Citando o protocolo de Kyoto, a Agenda 21, o tratamento de lixo e a própria conscientização ecológica como mudanças produzidas.• Assim, mais da metade dos entrevistados projeta bons resultados para o evento, acreditando que as decisões da RIO+20 provocarão impactos positivos e relevantes na qualidade de vida da população.
  6. 6. FORMAÇÃO DOS ENTREVISTADOS3% ENS. FUDAMENTAL INCOMPLETO 6% 18% ENS. FUDAMENTAL COMPLETO 9% ENS. MÉDIO INCOMPLETO ENS. MÉDIO COMPLETO 31% 34% ENS. SUPERIOR INCOMPLETO ENS. SUPERIOR COMPLETO E ACIMA
  7. 7. CONHECIMENTO DO EVENTO RIO+20 SEGUNDO A FORMAÇÃO DOS ENTREVISTADOS 98% 91% 84% 72% 57% 53% 47% 43% 16% 9% 28% 2%FUNDAMENTAL FUNDAMENTAL MÉDIO MÉDIO COMPLETO SUPERIOR SUPERIOR INCOMPLETO COMPLETO INCOMPLETO INCOMPLETO COMPLETO E ACIMA CONHECE NÃO CONHECE
  8. 8. FORMAÇÃO X CONHECIMENTO SOBRE A RIO+20 • A maioria dos entrevistados completou o ensino médio (34%), está cursando o nível superior (31%) ou já concluiu a graduação ou pós- graduação (18%). • Quanto mais elevado o grau de formação da amostra, maior é o conhecimento sobre a realização do evento (o que não significa maior comprometimento). • 98% dos entrevistados com graduação ou pós- graduação sabiam da existência do evento (informados pelas próprias IES ou pelos meios de comunicação), enquanto 84% dos entrevistados com ensino fundamental incompleto não sabiam.
  9. 9. PESQUISADOS POR REGIÃO 7% 15% BAIXADA FLUMINENSE CENTRO24% 17% REGIÃO METROPOLITANA ZONA NORTE ZONA OESTE 9% ZONA SUL 28%
  10. 10. CONHECIMENTO DO EVENTO RIO+20 SEGUNDO REGIÕES PESQUISADAS 93% 86% 84% 82% 67% 58% 42% 33% 7% 20% 14% 16% BAIXADA CENTRO REGIÃO ZONA NORTE ZONA OESTE ZONA SUL FLUMINENSE METROPOLITANA CONHECE NÃO CONHECE
  11. 11. MORADIA X CONHECIMENTO SOBRE A RIO+20 • 52% dos entrevistados residem nas regiões norte e oeste. • Moradores da Zona Sul são os que sinalizam ter mais conhecimento sobre o evento. • Na baixada fluminense residem os que sinalizam ter menos conhecimento sobre o evento. • Mais de 50% dos entrevistados no centro do Rio são moradores de outras regiões.
  12. 12. VOCÊ SABE O QUE É A RIO+20?23% SIM NÃO 77%
  13. 13. CONHECIMENTO SOBRE A REALIZAÇÃO DARIO+20 • 77% dos entrevistados indicam saber da realização do evento na cidade e o que ele significa. Entendem tratar-se de uma preocupação com o futuro do planeta. • 23% dos entrevistados, porém, desconhecem o evento e seu significado.
  14. 14. VOCÊ SABE QUE ASSUNTOS SERÃO TRATADOS NA RIO+20? 36% SIM NÃO 64%
  15. 15. CONHECIMENTO SOBRE OS TEMAS TRATADOSNA RIO+20 • Aproximadamente 2/3 dos entrevistados indicam saber quais assuntos serão debatidos na RIO+20. • Acredita-se, porém, que muitos dos que responderam afirmativamente talvez não saibam indicar um exemplo concreto. Mas, de uma forma geral, o resultado reforça a ideia de que há um conhecimento prévio do cidadão a respeito do evento. • 1/3 dos entrevistados indica não ter nenhum conhecimento sobre o tema e nem interesse em saber.
  16. 16. VOCÊ TEM NOÇÃO DO QUE É DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL? 39% 34% 16% 11% Conheço perfeitamente Escuto muito sobre o Já ouvi falar, mas não me Nunca ouvi falar sobresobre o assunto, e sei do assunto interesso pelo assunto. Desenvolvimento que se trata. ultimamente, porém não Sustentável. tenho conhecimento profundo sobre ele.
  17. 17. CONHECIMENTO SOBRE DESENVOLVIMENTOSUSTENTÁVEL • 34% dos entrevistados alegam possuir conhecimento sobre o que é Desenvolvimento Sustentável. • 39% já ouviram falar sobre o assunto, mas nunca tiveram o desejo de se aprofundar. • 27% não possuem nenhum interesse no tema ou, ainda, nunca ouviram falar sobre Desenvolvimento Sustentável. • Vale notar que 66% da população ainda não tem os olhos voltados para o futuro do planeta; precisa ser sensibilizada. Eis aí um grande desafio para o governo, educadores, formadores de opinião etc.
  18. 18. COMO VOCÊ SE SENTE EM RELAÇÃO À REALIZAÇÃO DE UM EVENTO DESTE PORTE NA CIDADE? 45% 38% 17%Apoio e irei participar do Apoio, porém, não irei Sou indiferente ao evento evento participar do evento
  19. 19. O QUE O CIDADÃO SENTE A RESPEITO DA RIO+20 • Somente 17% dos entrevistados indicam que vão participar, efetivamente, do evento, desde acompanhar as decisões pelo noticiário até participar de caminhadas e, quando possível, de alguma atividade aberta. • 45% dos entrevistados dizem apoiar mas não pretendem se envolver / comprometer. • 38% dos entrevistados são totalmente indiferentes e, ao mesmo tempo, descrentes. Acham perda de tempo e preferem ocupar sua mente e tempo com outras realizações.
  20. 20. ALGUMA MEDIDA EMPREENDIDA, APÓS A RIO 92, MUDOU SUA VIDA? 11% SIM NÃO 89%
  21. 21. O QUE FICOU DA RIO 92 • 89% dos entrevistados não perceberam nenhum tipo de melhoria nas suas vidas desde aquela época. • As mudanças na legislação, a análise da emissão de poluentes pelos automóveis, a fiscalização de áreas protegidas, entre outras, não foram citadas ou lembradas imediatamente pelos respondentes. Ou seja, o tema ainda não é parte do cotidiano do cidadão. • Porém, 11% dos respondentes lembram de algumas medidas. A maioria, no entanto, concentrou seus exemplos no aumento da consciência ecológica, na redução do desmatamento, na redução das queimadas e na reciclagem de resíduos (temas mais presentes nos comentários dos respondentes).
  22. 22. MEDIDAS MAIS LEMBRADAS APÓS A RIO 92 PELOSRESPONDENTES • Menos lixos nas ruas. • Maior consciência ecológica da população, principalmente sobre reciclagem. • A maioria dos países que participou passou a se preocupar mais com a sustentabilidade. • A questão da reciclagem mudou a vida de alguns brasileiros. • Acredito que a sociedade começou a pensar no assunto. • Acredito que houve maior consciência nas escolas sobre sustentabilidade. • Aumentou a preocupação com a separação do lixo. • Para mim, que em 92 estava no ensino médio, foi importante a noção de que o planeta não é infinito. • Agenda 21. • Aprendi sobre ecologia. • As lonas culturais. • As queimadas diminuíram muito.
  23. 23. • Não impactou muito na minha vida, mas, a redução das queimadas melhorou a vida de de muitas pessoas.• Aumento de produtos reciclados.• Conscientização nacional sobre o que é desenvolvimento sustentável.• Cuidado com o meio ambiente (poluição) etc.• Desenvolvimento de tecnologias mais limpas como, por exemplo, carros movidos a eletricidade.• Redução da emissão de gases nocivos na atmosfera.• Maior conscientização do cuidado que devemos ter com o planeta.• Melhoria na estrutura da cidade.• A busca pelo fim do desmatamento.• O maior cuidado com o meio ambiente nas áreas de proteção ambiental.• Protocolo de Kyoto.• ...
  24. 24. VOCÊ ACREDITA QUE A RIO+20 POSSA TRAZER ALGUM BENEFÍCIO PARA VOCÊ E PARA O PLANETA? 19% Sim. Acredito que trará melhorias para todos. Não. Acho que nada 52% mudará depois da RIO+20. Não tenho opinião formada29% sobre isso.
  25. 25. CRENÇA NA RIO+20 • Mais da metade dos entrevistados está otimista e acha que o evento trará melhorias para a população e para o planeta. • A outra metade, porém, é descrente ou não tem opinião formada sobre o assunto. • Esta mesma metade descrente ou sem opinião acha que se trata de um grande show para o mundo. • Alguns dos otimistas acreditam que “estamos no caminho certo” e que o futuro do planeta depende desse tipo de encontro, mas sentem falta do comprometimento e da presença de todos os líderes mundiais.

×